Page 1

Revista Elevador Brasil | 1


2 | Revista Elevador Brasil


EDITORA WORLD PRESS EDITORA WORLD PRESS RUA FORTALEZA, 105 - PALMEIRAS CABO FRIO - RJ - CEP: 28911-200 TELEFAX: XX |22| 2648-9751 REVISTAELEVADORBRASIL@GMAIL.COM EDITORA WORLD PRESS LTDA A REVISTA ELEVADOR BRASIL ESTÁ REGISTRADA SEGUNDO AS NORMAS DA LEI DE IMPRENSA. EDITOR RESPONSÁVEL EDILBERTO ALMEIDA DIRETOR ADMINISTRATIVO PAULO CARDOSO WEBMASTER DIEGO TULIO DESIGN / DIAGRAMAÇÃO DIEGO TULIO REDAÇÃO JULLYANA BRAGANÇA ALICIA DO NASCIMENTO ELIZABETH SIMÕES TATIANA MARTINS COMERCIAL RONALDO SANTOS FOTOGRAFIA WAGNER CARDOSO ANÚNCIOS PARA ANUNCIAR NA REVISTA ELEVADOR BRASIL, BASTA ENTRAR EM CONTATO PELO TELEFONE |22| 2648-9751 OU ENTÃO ENVIAR UM E-MAIL PARA NOSSO ENDEREÇO ELETRÔNICO REVISTAELEVADORBRASIL@GMAIL.COM. ASSINATURAS LIGUE: |22| 2648-9751 OU ENVIE E-MAIL: REVISTAELEVADORBRASIL@ GMAIL.COM PARA TER INFORMAÇÕES DE COMO É POSSÍVEL ASSINAR A REVISTA ELEVADOR BRASIL. COLABORAÇÃO VOCÊ PODE ENVIAR MATERIAL EDITORIAL OU NOTÍCIAS PARA COLABORAR COM A NOSSA REVISTA. AS MATÉRIAS AQUI EDITADAS SÃO DE INTEIRA RESPONSABILIDADE DE SEUS RESPECTIVOS AUTORES. ENVIE O CONTEÚDO PARA O REVISTAELEVADORBRASIL@GMAIL.COM CORRESPONDENTES FRANCISCO THÜRLER VALENTE - SÃO PAULO PAULO DAL MONTE - RIO DE JANEIRO HÉLIO SILVA - SÃO PAULO JOÃO EDUARDO DE A. E CASTRO - BRASÍLIA EDUARDO DIAS GRILLO - SÃO PAULO CLAUDIO H GUISOLI - BELO HORIZONTE

É HORA DE MUDAR!

Corrupção política – Os atos políticos de corrupção são considerados os piores problemas do Brasil. O roubo de dinheiro público e as obras superfaturadas afetam a população, que paga seus impostos, mas não recebe a contrapartida do governo em obras de infraestrutura e melhorias dos serviços públicos. Todos os anos, bilhões de reais são roubados no Brasil em todas as esferas de poder. Educação precária – As escolas públicas do Brasil ainda apresentam um ensino e uma estrutura precárias. Nesse contexto, o país não cumpre seu papel de assegurar educação de qualidade a todos os jovens e crianças. Exclusão social – O Brasil ainda possui muita gente vivendo na marginalidade, sem condições de vida digna. Cerca de 25% da população brasileira não tem acesso à moradia, educação, saúde, emprego e alimentação. Falta de emprego – O salário mínimo muito baixo e a falta de oportunidades dignas de trabalho também representam um sério problema no Brasil. Milhões de brasileiros não têm empregos e não possuem qualificação profissional para assumir as vagas disponíveis. Violência e drogas – Muitas cidades brasileiras são assoladas pela violência e pelas drogas. O tráfico nas grandes cidades, principalmente nas comunidades de São Paulo e Rio de Janeiro, é a principal causa da criminalidade. Além disso, o Brasil ainda registra muitos casos de violência contra a mulher, a criança, violência sexual e contra homossexuais. Os problemas relatados acima são os principais motivos desta nação não alcançar o desenvolvimento. Sendo que a principal delas, é a corrupção, praticada por agentes públicos que se perpetuam no poder. Nós, empresários do setor de

Transporte Vertical, podemos ajudar a mudar esta realidade já nas próximas eleições. Se exigirmos a implantação das dez medidas anti corrupção, o fim do foro privilegiado, o fim das regalias como aposentadoria vitalícia para políticos e governantes, fim das mordomias para políticos e transparência nas contas públicas, daremos o primeiro passo importante para que a educação, saúde e segurança sejam finalmente tratados com seriedade. Não votar em quem trai a nação é fundamental. Pesquisar como votou cada candidato à reeleição em decisões importantes do Congresso e do Senado é passo primordial para começar a fazer o voto valer a pena. Nós podemos sim mudar nosso país para melhor! Nesta edição, você irá conferir uma matéria sobre as expectativas do mercado de transportes verticais para a sétima edição da ExpoElevador e um artigo esclarecedor sobre marketing de conteúdo. Além disso, trouxemos uma nova editoria, chamada “Caso de Sucesso”, que nesta edição aborda toda a a história da SR Elevadores. O Engenheiro Francisco Thürler Valente assina um artigo sobre determinação da geometria da suspensão do carro com o contrapeso ao lado do carro e a Schmersal apresenta o lançamento do Angel, sistema de resgate para elevadores com bateria estática. E tem muito mais conteúdo para você, leitor! Boa leitura! Abraços, Edilberto Almeida.

Revista Elevador Brasil | 3


Sumário ExpoElevador gera expectativas positivas no mercado de transportes verticais

Sicor produz máquinas de tração sob medida para modernizações

08 16 24 28 34

Invista na segurança de seus colaboradores

38

SR Elevadores se destaca no mercado com atitude empreendedora e constante inovação Escritório da Wittur Brasil em São Paulo muda de endereço Bucher Hydraulics – iValve: máximo conforto e segurança na mais alta medida

4 | Revista Elevador Brasil

Schmersal lança Angel, Sistema de Resgate para Elevadores com bateria estática Determinação da geometria da suspensão do carro com o contrapeso ao lado do carro 7LIFT ELEVADORES: Aperfeiçoando o mercado de plataformas Marketing de Conteúdo: Atinja o público certo, potencialize resultados e economize recursos Até quando vamos usar esta placa como limitador de carga?

42 46 52 56 62


TUDO PARA ELEVADORES elevadores

M RO

P

O

à OÇ

MÁQUINAS DE TRAÇÃO

R$ 5.900,00 À PARTIR DE

*VALOR VÁLIDO ENQUANTO DURAR O ESTOQUE

ELEVADORES COMPLETOS COM O SEU LOGO! SEU LOGO BEM AQUI

CABINAS

ACESSÓRIOS

SEU LOGO BEM AQUI

FALE COM NOSSOS CONSULTORES E SOLICITE UM ORÇAMENTO 12 3627-7700

lana.jodas@eccoelevadores.com.br

eccoelevadores.com.br

Revista Elevador Brasil | 5


6 | Revista Elevador Brasil


Revista Elevador Brasil | 7


EVENTOS

ExpoElevador gera expectativas positivas no mercado de transportes verticais

A

maior feira de transportes verticais da América Latina chega à sua sétima edição e tem gerado comentários e expectativas no setor. Marcada para os dias 4 e 5 de setembro deste ano, a ExpoElevador, evento já consagrado internacionalmente, reunirá grandes marcas do segmento, que levarão ao público as últimas novidades e tendências em tecnologia para elevadores e escadas rolantes. Uma novidade para esta edição é a mudança no horário de realização do evento, que agora começa mais cedo, às 10h, permitindo que expositores e visitantes tenham mais tempo para

8 | Revista Elevador Brasil

expandir suas relações comerciais. O diretor comercial da ExpoElevador, Edilberto Almeida, comenta sobre as oportunidades únicas que a feira oferece. “A ExpoElevador já está praticamente preparada para acontecer. No evento, os expositores e visitantes terão grandes oportunidades. Os expositores poderão ampliar sua participação no mercado, melhorar a lucratividade dos seus produtos e até mesmo ter um incremento em seu volume de vendas. Os visitantes, por sua vez, terão a oportunidade de fazer uma pesquisa de mercado e conhecer novos fornecedores, lançamentos, novos produtos e além de tudo isso, ainda poderão

gerar novos negócios. E os visitantes ainda têm uma excelente oportunidade para conhecer novas soluções que lhes ajudem a vencer as crises. Essas soluções podem vir através do conhecimento de novos produtos e de novas estratégias de negócios. Não há lugar melhor para se enfrentar dificuldades e se abrir novos caminhos do que um evento do porte da ExpoElevador. Na ExpoElevador, grandes negócios e grandes ideias acontecem e novas estratégias podem ser desenvolvidas e trabalhadas para que as empresas que participam do evento usufruam de um crescimento permanente e constante”, diz Edilberto.


Este ano, a feira será realizada em novo local, no Pro Magno Centro de Eventos, em São Paulo. O pavilhão está localizado no bairro Casa Verde e possui fácil acesso pelas principais rodovias da cidade, conta com estacionamento de até 1.000 vagas, arquitetura moderna e ainda fica próximo ao aeroporto Internacional de Cumbica (Guarulhos) e do Aeroporto de Congonhas (voos domésticos, ponte aérea – RJ). Cristiano Troise, da Wittur Brasil, comenta suas expectativas para a feira. “Na ExpoElevador 2018 temos a expectativa de reencontrar grandes amigos, levar as novidades e tendências de produtos e serviços para os nossos clientes, neste segmento tão específico, além de fazer networking e gerar negócios. Estas são as propostas de sucesso da edição de 2018 da ExpoElevador. Nesta edição, teremos a oportunidade de mostrar a nossos clientes que a Wittur está ainda mais fortalecida no mercado, graças à implantação de sua nova fábrica desde março de 2016, com grandes oportunidades de novos

Revista Elevador Brasil | 9


possa ser desengatado da máquina, será atuado um dispositivo negóciosdee segurança novos produtos. exelétrico paraNossa impedir será de evento grandioso opectativa movimento daum máquina, o mais tardar, os meiosdos estiverem no quequando tange a qualidade exposiem vias deperfil serem acoplados àEstamátores e ao do público-alvo. quina. mos confiantes que a participação trafacilmente ráSerá bonspossível resultadosverificar e fortalecerá nosso se o carro está dentro de uma zona plano de expansão de vendas. Estamos de destravamento. Essaque verificação ansiosos para esta edição, com cerestará feita, exemplo, por meio teza será umpor sucesso. Esperamos vode marcas cês”, diz. feitas nos cabos de suspensão no cabo doda limitador Para ou Fábio Aranha, Infolev,de a velocidade ou ideal ainda pela observafeira é o local para divulgação e ção direta dademáquina elevador lançamentos produtos,do além de posou por um visor que sibilitar o encontro dosmostre: profissionais do • “É o com sentido dehonra movimento do setor. muita que a Infocarro, lev terá o maior stand da ExpoEleva• 2018, a chegada carro a uma dor um evento do já consagrado nos zona de destravamento de porta, mercados do Brasil e América Latina. • tão aimportante, velocidade carro. De já do serve como re• se o esforço manual requeferência para as empresas fabricantes rido para mover o carro para cima planejarem seu calendário de desencom a sua de carga nominal exceder volvimento produtos e lançamentos 400 N, estarão providos meios elépautadas na ExpoElevador. Sendo uma tricos de líder operação emergência empresa no seu de segmento e volinstalados: tada para a inovação, a Infolev apro• este naevento casa de máquinas, veita como um marcoou para divulgação. Como a vida não é apenas

10| Revista Elevador Brasil

Fonte: Bombeirosousa

• no gabinete da maquinaria, ou • no painel de emergência e ensaios. Sempre que a fonte de alimentação do elevador estiver desligada, o sistema de freada da máquina de acionamento estará atuando para manter o elevador parado. O freio

da máquina é dimensionado para suportar um desbalanceamento de carga considerando uma sobrecarga mínima de 25 % da carga nominal. Nessas condições, então, essa energia potencial armazenada estará sob controle. Numa situação de emergência – digamos, num resgate de passageiros – o freio será


THE WORLD IS A SQUARE

m av a tion for

ilable n

terlift.d w w w.in

Applica

ow

e

interlift 2019 – The World of Elevators 15 - 18 October | Messe Augsburg | Germany

Organiser: AFAG Messen und Ausstellungen GmbH Am Messezentrum 5, 86159 Augsburg I www.interlift.de

Technical sponsor: VFA-Interlift e.V. Süderstraße 282, 20537 Hamburg I www.vfa-interlift.de

Revista Elevador Brasil | 11


trabalho, não podemos deixar de destacar que a feira acaba sendo um ótimo momento para reencontrar os grandes amigos e parceiros do nosso setor”, declara Fábio. A Bucher Hydraulics participa pela terceira vez da ExpoElevador e o gerente geral da empresa, Rinaldo Fernandes, comenta sobre a feira. “Em 2014, a Bucher Hydraulics tinha recém desembarcado no Brasil, então talvez a gente nem deva considerar como participação efetiva. Em 2016, a Bucher trouxe para a ExpoElevador a linha completa de mini centrais para acessibilidade produzidas no Brasil, a unidade iValve importada da Suíça e lançamos a unidade BASIC. Conseguimos mostrar ao mercado toda nossa linha e interesse no mercado brasileiro e da América do Sul. Para a ExpoElevador 2018, estamos confiante e temos uma expectativa de crescimento em nossas vendas para o mercado de unidades hidráulicas para elevadores maior do que 30%. Parte desse crescimento virá do mercado local, que nos últimos três anos sofreu muito com a falta de investimentos. Mas a maior parte do crescimento virá da nossa estratégia de produção local, melhor prazo de entrega, produtos altamente confiáveis e a mais completa linha de produtos e soluções que a Bucher Hydraulics oferece ao mercado”, diz. “A Torin Drive tem as melhores expectativas para a ExpoElevador 2018, estamos confiantes, principalmente porque a economia está relativamente estável e apresentando tendências de melhora. É hora de estarmos preparados e entendermos que preparação é estar alinhado às necessidades de mercado no momento”, diz Carlos Oliveira, da Torin Drive. Ele conta que a empresa irá apresentar na ExpoElevador a sua nova identidade, ainda mais arrojada, atrelando a máquina de tração à soluções completas com prazo de entega imediato. “Reformulamos nossa unidade em Guarulhos e fizemos mudanças estruturais para tornar a nossa operação ainda mais dinâmica. A feira é uma oportunidade para tro-

12| Revista Elevador Brasil


WWW.ELEVADORBRASIL.COM

Revista Elevador Brasil |13 13


ca de ideias para ampliarmos ainda mais as possibilidades. E vamos em frente!”, ressalta Carlos. Para Nilson Lara, diretor de operações da Schmersal Brasil, a feira é um ótimo local para a apresentação de novidades. “Nós da Schmersal estamos muito ansiosos para a ExpoElevador 2018, pois acreditamos que este ano será o ano da retomada das atividades da construção civil e, consequentemente, do mercado de elevadores, que vem sentindo os efeitos da crise imobiliária. A feira, a mais conceituada do setor em toda a América Latina, será uma excelente ocasião para todos os players mostrarem suas novidades. A Schmersal, um dos mais tradicionais fornecedores desse segmento, com mais de 50 anos de atuação no Brasil e há mais de 70 anos na Europa, apresentará seus produtos inovadores. Essa também será uma oportunidade para contatos com visitantes da América Latina, uma vez que, depois do sucesso do lançamento do comando 222S na Interlift na Alemanha, iniciamos a expansão de vendas desse produto nos países do

cone sul e sua aderência a esses mercados tem se mostrado excelente”, declara Nilson. Para Anderson Sartori, engenheiro de vendas da Sicor, as expectativas para a feira certamente são as melhores possíveis. “A ExpoElevador foi nossa porta de entrada no mercado brasileiro, fundamental para apresentação e inserção de nossos produtos no nosso mercado e de alguns países vizinhos. A feira é uma vitrine para a apresentação das constantes novidades da SICOR, uma empresa em constante evolução, fruto de fortes investimentos em pesquisa e desenvolvimento. É o melhor momento para rever amigos, conhecer novos clientes e fazer bons negócios. Assim como aconteceu nas edições anteriores, temos certeza que a feira mais uma vez nos ajudará a alcançar o sucesso desejado”, declara. Osivaldo Ferreira, sócio da Elevcom, comenta a importância da feira para o setor. “A ExpoElevador ajuda a fortalecer o relacionamento com o nosso mercado e melhorar os vínculos pessoais com os clientes distantes”, finaliza.

Sobre a ExpoElevador A ExpoElevador é organizada pela Cardoso Almeida Eventos e patrocinada pela Revista Elevador Brasil. Realizada há 12 anos, a feira se consolidou no mercado latino-americano como o elo entre as conservadoras, instaladoras e modernizadoras de elevadores com os fabricantes de diversos países. Acompanhe-nos nas mídias sociais Facebook: /expoelevador Instagram: @expoelevador

www.bucherhydraulics.com

Hidráulico – moderno como nunca Máximo conforto no percurso sem nenhum esforço para instalação A Bucher Hidráulica tem unidades para elevadores em todos os tamanhos, desde menores para passageiros assim como elevadores para grandes cargas. • Redução do tempo de instalação em até 70 % • Economia de energia de até 30 % • Alto nível de segurança • Primeira classe no percurso • Baixo custo de manutenção

Bucher Hidráulica Ltda. • Rua Berto Círio • 1420 Bairro São Luiz • CEP 92420-030 • Canoas - RS Fone +55 51 3361 3512 • info.br@bucherhydraulics.com

14| Revista Elevador Brasil Elevador Brazil_Aggregatfamilie_Drittel_quer_210x93.indd 1

02.03.2016 14:51:15


16

WWW.ELEVADORBRASIL.COM

Revista Elevador Brasil | 15


CASO DE SUCESSO

SR Elevadores se destaca no mercado com atitude empreendedora e constante inovação

F

undada pelo Engenheiro Sérgio Montipó, no dia 1º de setembro de 1987, em Santa Maria, Rio Grande do Sul, a SR Engenharia Industrial iniciou suas atividades projetando, fabricando e montando estruturas e equipamentos para a Indústria de Beneficiamento de Arroz, onde hoje é líder de mercado na América Latina. No ano de 2000, vislumbrando um mercado crescente da necessidade de acessibilidade, a empresa começou a investir no segmento de elevadores. A SR Elevadores é uma empresa especializada no projeto, fabricação, montagem e assistência técnica de elevadores de passageiros, trabalhando com elevadores para edifícios residenciais e comerciais, residências, maca/leito para hospitais e clínicas e personalizados. “A SR destaca-se principalmente pela capacidade de adequar os seus produtos à necessidade do cliente, seja de um empreendimento a ser iniciado, em andamento ou concluído”, diz Guilherme Montipó, diretor comercial da empresa. A empresa tem como missão oferecer soluções inovadoras em estruturas metálicas, equipamentos industriais e elevadores de passageiros, de forma a proporcionar o melhor custo/

16| Revista Elevador Brasil


benefício do mercado aos seus clientes. “Nossa visão é ser reconhecida como uma empresa de referência pela qualidade dos nossos produtos, serviços e forma como nos relacionamos com nossos clientes, fornecedores, colaboradores e comunidade”, declara Guilherme. Atualmente, estão na direção da empresa o Engenheiro Sérgio Montipó (diretor presidente), o Engenheiro Guilherme Montipó (diretor comercial) e o Engenheiro Felipe Montipó (diretor industrial). “Para nós, sucesso significa trabalharmos constantemente na busca pela excelência na qualidade e no atendimento aos nossos clientes. A satisfação dos nossos clientes com os produtos e serviços da SR é o que nos move”, destaca Guilherme. Sobre os planos e objetivos futuros da empresa, Guilherme Montipó conta que o parque de máquinas está

Revista Elevador Brasil | 17


em constante atualização, possuindo atualmente equipamentos de corte, furação e dobra CNC (controle numérico computadorizado). O setor de engenharia trabalha com softwares de projeto 3D, garantindo a agilidade, qualidade e precisão dos projetos. “Consciência da inovação

18| Revista Elevador Brasil

e atitude empreendedora levaram a empresa a conquistar clientes no Brasil e na América Latina”, finaliza Guilherme. Atualmente, a empresa está empreendendo em uma nova sede, que ficará localizada no Distrito Industrial de Santa Maria, com área total de 50.000 m².


Revista Elevador Brasil | 19


Valores da SR Elevadores

• Ética em todas as relações; • Respeito com todos; • Comprometimento na busca das melhores soluções; • Seriedade em todos os negócios; • Aprender constantemente; • Responsabilidade Social;

Nosso trabalho é transformar desafios em soluções para nossos clientes. Da fabricação à montagem entregamos produtos com qualidade superior, melhor custo/ benefício e também serviços de excelência, acreditando em valores que há 30 anos fazem parte da rotina diária da SR, como seriedade, ética e comprometimento na busca das melhores soluções. Guilherme Montipó Diretor Comercial da SR Elevadores

20| Revista Elevador Brasil


Qualidade, máxima eficiência e versatilidade, unidas a um design compacto e diferenciado, Qualidade, máxima eficiência e versatilidade, fazem das máquinas de tração Sicor referência unidas a um design compacto e diferenciado, no mercado para qualquer tipo de aplicação, fazem máquinas de traçãocargas. Sicor referência desde das home lift até grandes no mercado para qualquer tipo de aplicação, desde home lift até grandes cargas. Maximum versatility, efficiency and compact dimensions in Sicor gearless and gearboxes Maximum versatility, efficiency compact range, suitable for any kind ofand application, dimensions in to Sicor and gearboxes from home lift highgearless load capacity range, suitable for any kind of application, from home lift to high load capacity

UNIDADE BRASIL Rua Brasília, 399 - Bairro Divinéia Rio dos Cedros (SC)BRASIL - Brasil UNIDADE CEP: 89121-000 Rua Brasília, 399 - Bairro Divinéia www.sicordobrasil.com.br Rio dos Cedros (SC) - Brasil Tel. 48 98835 5991 CEP:+55 89121-000 www.sicordobrasil.com.br Tel. +55 48 98835 5991

MATRIZ ITÁLIA MATRIZ ITÁLIA

SICOR SPA - Viale Caproni, 32 - 38068 Rovereto (TN) - Italia info@sicor-spa.it SICOR SPA - Viale Caproni, 32 - 38068 www.sicor-spa.it Rovereto (TN) - Italia Tel. +39 0464484111 info@sicor-spa.it Fax www.sicor-spa.it +39 0464484100 Tel. +39 0464484111 Fax +39 0464484100

Revista Elevador Brasil | 21


Draka Elevadores Serviços e Produtos

Produtos de Alta Performance e Tecnologia Cabos de Manobra Plano

DRAKA D05VE7C4VD3H6-F

São cabos desenvolvidos e produzidos no Brasil de acordo com a EN 50214 com as seguintes caracteristicas:  Com ou sem elementos de sustentação;  Condutores paralelos ou agrupados;  Pares trançados para transmissão de dados projetados para atender impedância CANBUS;  Coaxial (75 Ω );  Pares blindados a fita de alumínio.

Cabos de Manobra Esteira São cabos desenvolvidos e produzidos no Brasil de acordo com a NM 280 e NM 247-3.  8 vias com condutores 1,5mm2  9 vias com condutores de 0,5mm2 ou 0,75mm2  12 vias com condutores de 0,5mm2 ou 0,75mm2  18 vias com condutores de 0,5mm2 ou 0,75mm2

Cabos de Manobra Redondos São cabos desenvolvidos e produzidos na América do Norte com as mesmas caracteristicas dos cabos de manobra planos. São distribuidos para toda a América do Sul através do centro de distribuição dedicado a produtos do segmento de elevadores.

Acessórios de Fixação e Suspenção Linha de acessórios de fixação de cabos planos e redondos.  Dispositivo de suspenção para cabos planos modelos FCSD2 e FCSD3;  Sistema de supensão universal para cabos redondos e Abraçadeiras em Malha de Bronze Estanhado

22| Revista Elevador Brasil


Cabos de Compensação e Kits de Fixação Cabos de compensação:  Whisper-Flex;  QuietLink II. Kits de fixação dos cabos de compensação (desenvolvidos com sistemas de segurança que garante a integridade do sistema); Redutores de frequência.

Cabos Aço e seus Acessórios

a

 Cabos de aço polido formação 8x19S nas dimensões: 5/16", 3/8", 1/2" e 5/8".  Cabo de aço galvanizado núcleo de polipropileno formação 6x19 na dimensão de 1/4".  Tirantes 3/8", 1/2" e 5/8".

Guias e seus Acessórios Guias de 2,5 e 5 metros (com talas) nos modelos: T50/A, T70-1B, T82/B, T89/B e T127-2B  Clips Forjados nos modelos: T1, T2, T3 e T5  Guias de chapa dobrada TK5 com 2,5 ou 5metros  Clips TK para fixação de guias de chapa dobrada 

Serviços    

Corte metro a metro; Conectorização de cabos planos e redondos; Conectorização de cabos estacionários; Montagem de kits.

Eletrônica Avançada  Sensor Sismico EMD  Barreira Eletronica 154 feixes

Visite o nosso site: www.prysmiangroup.com CONTATOS T: +55 15 3238-6900 E:fernanda.chaves@prysmiangroup.com

Prysmian Cabos e Sistemas do Brasil S/A Rua Chicri Maluf, 121 - Alto da Boa Vista CEP:18087-141 Sorocaba - SP Brasil

T: +55 15 3238 - 6910 E: daniela.franco@prysmiangroup.com T: +55 15 3238-6902 E: fabio.ramon@prysmiangroup.com

Revista Elevador Brasil | 23


NEGÓCIOS

Escritório da Wittur Brasil em São Paulo muda de endereço

A

Funcionários no novo escritório do Wittur Brasil

filial brasileira da Wittur Group mudou recentemente sua sede, localizada em São Paulo. Desde o dia 19 de fevereiro de 2018, o departamento de vendas da Wittur Brasil atua em novas instalações no Edifício Capital Corporate Office, no bairro da Chácara Santo António, zona sul da Capital. Localizado em um novo centro de negócios e edifícios corporativos de São Paulo, o bairro recebeu uma infra-estrutura urbana moderna, a área tornou-se um destino muito popular para a instalação de sede das grandes empresas. Inclui infra-estrutura de última geração e oferece várias opções em serviços, hospedagem, gastronomia e compras disponíveis nas imediações. Graças ao seu novo escritório, o Wittur Brasil será capaz de atender melhor seus clientes. O Gerente Comercial do Wittur Brasil, Engenheiro Cristiano Troise, comenta: “O novo escritório oferece um lugar melhor e mais confortável para atender às necessidades do crescente negócio da Wittur no Brasil. Será o complemento perfeito para a nossa nova fábrica de 10.000 m² localizada em Londrina, no estado do Paraná.”

O nosso novo endereço é:

Av. Dr. Chucri Zaidan 1550, Sala nº818 Edificio Capital Corporate Office Chácara Santo António CEP. 04583-110 São Paulo – SP Phone: +55 11 5033 5800 Engenheiro Cristiano Troise

24| Revista Elevador Brasil


Revista Elevador Brasil | 25


Tensor

Fechador de Porta

Ventilador de Teto

Limitador de Velocidade

Roller Gate

Freio de Segurança Instantâneo

Tirantes

Operador de Porta

Polia de Tração

Limite LM 60

Barreira Infravermelha

IPD

26| Revista Elevador Brasil


Revista Elevador Brasil | 27


TECNOLOGIA

Bucher Hydraulics – iValve: máximo conforto e segurança na mais alta medida

P

rezado leitor, hoje vamos abordar os aspectos mais relevantes de segurança e conforto na utilização de sistemas de transporte vertical. É cada vez maior a preocupação com a segurança e o conforto do público que utiliza este tipo de equipamento de transporte. As unidades hidráulicas iValve da Bucher Hydraulics atendem as mais rigorosas normas de segurança internacionais, pois incorporam uma série de dispositivos e sistemas que garantem o maior nível de segurança e conforto para seus usuários. Além da mais alta tecnologia embarcada, a unidade de comando iValve atende a todos os requisitos da norma europeia EN81-2:2010, que entre outros aspectos, trata da questão dos movimentos inadvertidos do elevador e da precisão de parada da cabine. A válvula iValve incorpora num único bloco principal: - Bomba e sistema manual de descida - Válvula de esfera

28| Revista Elevador Brasil

- Sensor de pressão com relés de comutação - Sensor de temperatura - Monitor de velocidade - Válvula UCM/A3 em conformidade com a norma EN 81-2:2010 Esta última é uma válvula de bloqueio redundante, cuja função é impedir que o elevador se movimente enquanto houver uma porta ou um dispositivo de segurança do elevador aberto. Com a incorporação destes periféricos, atingimos um desnível máximo do +/- 3 mm, independente da temperatura do óleo no reservatório e da carga no elevador. Esse valor é muito superior ao valor usual encontrado no mercado que é de +/- 2cm. Para o usuário final, isso significa mais conforto e redução no potencial risco de acidentes no embarque e desembarque dos passageiros. Outro quesito importantíssimo é o sistema de resgate


em caso de falta de energia ou falha no equipamento que é item padrão na unidade iValve da Bucher Hydraulics. O bloco iValve incorpora bomba manual e válvula de descida que tem a função de elevar e/ou descer a cabine até o próximo nível/andar, garantindo assim que se possa abrir a porta do elevador e permitir o resgate dos passageiros. Comparativamente, essa operação em elevadores em sistemas com máquinas de tração, cabo e con-

trapeso é extremamente complexa e exige pessoal especializado para sua execução. No sistema iValve da Bucher Hydraulics, qualquer pessoa sem conhecimento técnico pode executar com a máxima segurança, sendo necessário apenas pequeno treinamento e capacitação no produto iValve. O sistema eletrônico iValve possui ainda sensor de pressão que monitora a carga do elevador. Os parâmetros são programados na cartela

de controle iCon. Havendo excesso de carga, o sistema impede a partida do elevador e ainda se a pressão estiver abaixo do mínimo parametrizado, o sistema impede a partida do equipamento. A iCon incorpora relês que operam em conjunto com o sensor de carga e são travados eletricamente as entradas de segurança no painel elétrico principal do elevador, proporcionando segurança adicional, evitando acionamento de forma inadvertida.

Revista Elevador Brasil | 29


E não menos importante, citamos o sistema de teste da válvula de ruptura, incorporado na iValve. Este teste, obrigatório no mercado europeu, faz parte dos ensaios para a liberação técnica do elevador. O teste consiste em fazer com que o elevador atinja uma velocidade de descida 30% acima da velocidade normal. Essa condição deve provocar o fechamento da válvula de ruptura e como consequência provocar a parada do elevador. Caso o elevador não pare, isto indica que a válvula de ruptura está fora de calibração e deve ser reajustada de forma que o equipamento volte a trabalhar dentro das normas de segurança. O sistema iValve incorpora essa função sem a necessidade de incorporação de outros periféricos.

Inteligente e segura: A iValve combina simplicidade, segurança e inteligência, sendo certificada para corresponder a DIN EN81-2:2010, não necessitando nenhum outro periférico para segurança adicional.

Exemplo de instalação

Se você trabalha com elevadores, contate a Bucher Hidráulica. Com certeza estaremos aptos a ajudá-lo a buscar soluções otimizadas para atender sua necessidade de forma integral e dedicada. Consulte-nos através do e-mail: Info.br@bucherhydraulics.com 30| Revista Elevador Brasil


Por que conformar-se?

MÁQUINAS DE TRAÇÃO

DISTRIBUIDOR OFICIAL E EXCLUSIVO

CAMPEÃS MUNDIAIS MODERNIZAÇÕES & NOVAS INSTALAÇÕES nada menos que o melhor

GEARLESS&GEARBOX TRACTION MACHINES

made in italy

M65

ATÉ: 480 Kg - 60 m/m TRAÇÃO: 1:1

M73

ATÉ: 600 Kg - 75 m/m TRAÇÃO: 1:1

MGX80

MATERIAIS DISPONÍVEIS À PRONTA ENTREGA BRAZTECH - TELS.: 55 13 3385.9869 / 55 13 3385.9870 R.LIBERDADE, 816 - APARECIDA- SANTOS/SP - BRASIL contato@braztechcomponentes.com.br

Revista Elevador Brasil | 31


32| Revista Elevador Brasil


WWW.ELEVADORBRASIL.COM

Revista Elevador Brasil | 37 33


TECNOLOGIA

Sicor produz máquinas de tração sob medida para modernizações

A

Sicor é reconhecida mundialmente por ser uma empresa produtora de máquinas de tração de alta qualidade e confiabilidade. As máquinas são projetadas e construídas na Itália, em um moderno parque fabril, equipado com as mais avançadas tecnologias de produção. A empresa possui uma gama completa de máquinas de tração com engrenagem e sem engrenagem (gearless), tanto para instalações novas como para modernizações e trocas de máquinas. Uma questão crucial no mercado de elevadores

MR12

34| Revista Elevador Brasil

é a modernização, especialmente, a troca da máquina de tração. O uso de uma máquina de tração com características físicas e técnicas compatíveis com a instalada é fator determinante para redução dos custos e sinônimo de praticidade e satisfação. Preocupada com isto, a SICOR produz máquinas sob medida para atender as mais variadas exigências de instalações e modernizações. Trocas de máquinas de tração podem ser programadas e as máquinas produzidas com as características similares às existentes, seja para máquinas de 2 velo-


Revista Elevador Brasil | 35


cidades (AC2) que para VVVF. A análise, feita caso a caso com o auxílio do departamento técnico-comercial da SICOR, inclui parâmetros de potência, corrente nominal, diâmetro da polia de tração, diâmetro dos cabos de tração, percurso da instalação, velocidade, tração de instalação (1:1, 2:1, etc), peso da cabina e arcada, condições gerais da instalação e de uso do elevador. O resultado disto é uma modernização de mínimo impacto para a instalação atual, trazendo segurança, economia (fator determinante na venda da modernização ao condomínio) e jovialidade ao elevador. Além dos novos modelos SH110, SH130 e SH190 de máquinas de tração com engrenagem, a SICOR mantém em produção clássicos como a MR12 e a MR17, campeãs de venda, especialmente para modernizações. São máquinas com design tradicional, silenciosas (grau de ruído inferior a 60dBA VDI) e com alto nível de qualidade.

MR17

MR26

MR35

36| Revista Elevador Brasil


Revista Elevador Brasil | 37


NOVIDADES

Invista na segurança de seus colaboradores

A

importância da segurança no trabalho deve ser valorizada todos os dias pelas empresas e seus colaboradores devido sua relevância e deve ainda ser praticada por todos aqueles que amam seu principal patrimônio: a própria saúde! Cada vez mais, as empresas vêm adotando e implementando as práticas de segurança no trabalho, o que é uma excelente notícia, tendo em vista que os índices de acidentes de trabalho são grandes ainda hoje. Portanto, a Alfa Elevadores disponibiliza no mercado brasileiro, e principalmente para as empresas de manutenção em elevadores, uma nova linha de produtos visando a segurança e a praticidade no manuseio de equipamentos relacionados a elevador: Talhas Elétricas e Manuais de 500Kg a 3.000Kg, com 3mts a 10mts de corrente. É dessa forma que a segurança no trabalho deve ser encarada, como um investimento no material humano de sua empresa. Quando a prevenção ao acidente se torna prioridade, o ambiente fica mais leve, as pessoas se sentem mais motivadas e valorizadas, aumentando sua produtividade, além da segurança, que é fundamental em todos os segmentos.

Entre em contato com nosso setor de vendas e faça uma cotação: Alfa Elevadores, soluções que movem a vida. Alfa Elevadores Ltda. Rua Cesário Ramalho, 800 – Cambuci - Cep: 01521-000 São Paulo – SP www.alfaelevadores.com.br vendas@alfaelevadores.com.br

38| Revista Elevador Brasil


Revista Elevador Brasil | 39


40| Revista Elevador Brasil

valente@mundoelevador.com.br (11) 5055-4142 / (11)5055-9829


ANGEL - ANGEL SISTEMA DE RESGATE- SISTEMA DE RE ANGEL ANGEL SISTEMA RESGATE- SISTEMA DE RE SCHMERSAL SCHMERSAL PARADE ELEVADORES PARA ELEVA SCHMERSAL SCHMERSAL PARA ELEVADORES PARA ELEVA

Mais Mais tecnologia Mais tecnologia tec Mais tec e e e segurança segurança e segura segura para para elevadores. ele para elevadores. ele para Resgate confiável e Resgate confiável e seguro dos passageiros seguro dos passageiros no uso diário do elevador. no uso diário do elevador. •

Permite programação para conduzir os

Permite programação para conduzir os passageiros até o pavimento principal.*

passageiros o pavimento principal.* Nivelamento até preciso.

••

Nivelamento preciso. Potência de até 20HP.

••

Potência até 20HP. Todas as de funções de segurança dos comandos

Todas as funções de segurança dos são mantidas durante a operação decomandos resgate. O COM SISTEM A PAÇ ES ÇO COM SISTEM INS A I TA DE SPA NS E TA DE

DO D CO COMA BASBEASE OMA ND ND NA NA O O DO DO LA LA

OTIM OTIM IZA IZA ÇÃ ÇÃ O O

são mantidas durante a operação de resgate.

CONTECONTE COM A SCHMERSAL COM A SCHMERSAL SEMPRE SEMPRE QUEAPRECISAR QUE PRECISAR CONTECONTE COM SCHMERSAL COM A SCHMERSAL SEMPRE QUE PRECISAR SEMPRE QUE PRECISAR 015 3263-9885 015 • 0153263-9885 3263-9905 • 015 3263-9905 elevadores@schmersal.com.br elevadores@schmersal.com.br 015 3263-9885 015 • 0153263-9885 3263-9905 • 015 3263-9905 elevadores@schmersal.com.br elevadores@schmersal.com.br *Com utilização*Com de banco de baterias utilização adicional. de banco de baterias adicional.

Sistema exclusivo Sistema para comando Schmersal exclusivo com drive PRAXI MF atépara 20HP. comando Schmersal com drive PRAXI MF até *Com utilização*Com de banco de baterias adicional. utilização de banco de baterias adicional.

Sistema exclusivo para comando Schmersal com drive PRAXI MF atépara 20HP. Sistema exclusivo comando Schmersal com drive PRAXI MF até

Revista Elevador Brasil | 41

as_0031_18_anuncio_nobreack_comando222_210x280mm_v4_final.indd as_0031_18_anuncio_nobreack_comando222_210x280mm_v4_final.indd 1 14/03/18 14:20 1


NOVIDADES

Schmersal lança Angel, Sistema de Resgate para Elevadores com bateria estática

C

om as oscilações na rede elétrica e as inesperadas quedas de energia, não é raro que as pessoas fiquem presas no elevador. Dependendo da distância entre o técnico e/ ou a empresa de manutenção em relação ao edifício, o tempo para o resgate pode ser bem alto, causando desconforto aos usuários. Outra situação muito frequente é a presença de elevadores sem casa de máquinas, o que dificulta o resgate de passageiros. Para esse tipo de equipamento é necessário uma solução confiável e, pensando nisso, a Schmersal apresenta o novo Sistema de Resgate para Elevadores Angel. Dedicado aos Comandos BP408 e Confiance 222, a novidade da Schmersal é dotada de bateria estática, por meio de uma Uninterruptible Power Supply (UPS). A bateria estática é hoje a tecnologia mais moderna utilizada nos principais sistemas que necessitam da garantia do funcionamento com confiabilidade. “Após estudos de engenharia e mercado, constatamos a necessidade de um sistema se-

42| Revista Elevador Brasil

guro e confiável. Por esse motivo, a Schmersal desenvolveu um produto com alta tecnologia para atender essa demanda”, explica Rafael de Campos, coordenador de produtos de elevadores da Schmersal. Com a solução da Schmersal, o elevador entra em modo de resgate assim que a energia se desliga e leva seus usuários até o próximo pavimento, garantindo sua saída com segurança. Também é possível programar o Resgate Automático para conduzir os passageiros até o pavimento principal. Um dos diferenciais da novidade é a precisão no nivelamento de andar, proporcionando segurança no desembarque dos usuários. Além disso, a bateria é integrada ao quadro de comando, o que facilita a instalação. Todo o conjunto é instalado na base do comando, por meio de uma solução otimizada que proporciona o melhor aproveitamento do espaço da casa de máquinas. Com potência de até 20 HP, o Angel é indicado para as mais variadas aplicações de elevadores. A solução também é dotada com o parâmetro inte-


ligente do inversor da Schmersal, ou seja, todas as funções de segurança dos comandos BP408 e Confiance 222 são mantidas durante a operação de resgate. Comandos para elevadores - O BP408 atende uma ampla variação de velocidade e pavimentos, sendo ideal para edifícios com alto fluxo

de pessoas. Dotado de agilidade na pré-abertura de portas, a solução da Schmersal conta com sistema de renivelamento que, em conjunto com a pré-abertura, otimiza a entrada e a saída de usuários do elevador. O Confiance 222 dispõe de dispositivos e parâmetros inteligentes que contribuem para a economia de ener-

gia. Esta solução utiliza menos fiação para as ligações do sistema, possibilitando rápida instalação e fácil manutenção. Produto 100% nacional e dotado de muito dos conceitos e exigências dos projetos alemães, o Confiance 222 atende prédios de dois até 48 andares e elevadores com velocidade de 45mpm até 120mpm.

Sobre a Schmersal

Multinacional alemã líder mundial em sistemas de segurança para máquinas industriais, a Schmersal também desenvolve soluções em automação e tecnologia para elevadores. Com mais de 25 mil produtos e presente em 17 países, a empresa tem fábrica na cidade de Boituva, no interior de São Paulo, além de linhas de produção na Alemanha, China e Índia. A companhia conta com a Academia Schmersal, criada para capacitar profissionais ligados à segurança industrial para atender as especificações técnicas exigidas pela Norma Regulamentadora 12. A Schmersal também integra o ranking “Melhores Empresas para se Trabalhar no Brasil”, de acordo com pesquisa realizada pela consultoria Great Place to Work (GPtW). www.schmersal.com.br. Mais informações para a imprensa: Press à Porter Gestão de Imagem / (11) 3813-1344 – ramal 33 Rosa Pellegrino – rosa@pressaporter.com.br Erica Carmo – erica@pressaporter.com.br Gustavo Diamantino – gustavo@pressaporter.com.br

Revista Elevador Brasil | 43


44| Revista Elevador Brasil


Revista Elevador Brasil | 45


ARTIGO TÉCNICO

Determinação da geometria da suspensão do carro com o contrapeso ao lado do carro

Caso 2 – sem a polia secundária Engo Francisco Thürler Valente

Coordenador da Comissão de Estudos de Elevadores da ABNT Coordenador do Grupo de Trabalho Brasileiro - Elevadores do Mercosul Coordenador do Fórum de Interpretação de Normas de Elevadores do Mercosul Diretor do Mundo do Elevador, Consultores Associados Ltda Associado da ABNT

O projetista da instalação elevadora necessita fazer este cálculo antes da montagem do elevador para verificar se os ângulos α e β atendem às exigências da norma. É extremamente trabalhoso fazer este cálculo manualmente porque ele está sujeito a muitos erros pelo caminho. Sugiro que você faça uma planilha de cálculo. Apresentamos neste artigo técnico todas as fórmulas para você construir a sua planilha. No final apresentamos um exemplo para você conferir os seus resultados.

N

Figura 1 - Contrapeso ao lado do carro – Piso da cabina nivelado com o piso do pavimento extremo superior 1 Polia motriz; 2 Polia de suspensão do carro; 3 Polia de suspensão do contrapeso – Figura fora de escala com o exemplo dado

46| Revista Elevador Brasil

esta primeira parte do caso 2 vamos considerar o carro com a cabina nivelada com o pavimento extremo superior. Na figura 1, a representação considera efeito duplo com o contrapeso posicionado ao lado da cabina. Então, a polia de suspensão do contrapeso faz um ângulo de 90 graus com a polia de suspensão do carro. A polia motriz e a polia de suspensão do carro estão no mesmo plano. O enfoque deste trabalho é determinar o ângulo α (ângulo de abraçamento dos cabos na polia motriz), coberto pelo arco AB na Figura 1, e o ângulo β que os cabos se desviam lateralmente da ranhura da polia de suspensão do contrapeso. O ângulo de abraçamento α dos cabos na polia motriz influi na aderência entre cabos e polia. Para que a condição de aderência seja garantida, a norma técnica exige (ver, por exemplo, a NBR NM 207, 9.3.1) que


onde:

T1 = A maior força estática nos ramos dos cabos situados em quaisquer dos lados da polia motriz T2 = A menor força estática nos ramos dos cabos situados em quaisquer dos lados da polia motriz C1 = Coeficiente de velocidade C2 = Coeficiente do tipo de ranhura e = 2,718 (número de Euler) f = Coeficiente de atrito entre cabos e ranhura da polia α = Ângulo de abraçamento dos cabos na polia motriz

Quando o contrapeso é instalado ao lado do carro, normalmente a polia de suspensão do contrapeso permanece em ângulo reto de 90° em relação à polia motriz. Então, isso acarreta um ângulo de desvio β dos cabos em relação ao alinhamento das ranhuras da polia. Para valores grandes de β pode ocorrer atritamento exagerado dos cabos com as laterais das ranhuras da polia produzindo o desgaste das mesmas. Esse ângulo tem que ser pequeno e recomendo que seja no máximo de 4° com o carro estacionado na parada superior. O engº Lubomír Janoský recomenda que o ângulo de desvio seja no máximo de 1,4° na condição com carro apoiado em seus para-choques completamente comprimidos. Estamos representando no círculo maior, de centro em 1, a polia motriz e no círculo menor, à direita, de centro 2, a polia de suspensão do carro e no círculo menor, à esquerda, de centro em 3, a polia de suspensão do contrapeso. A polia motriz está submetida às forças T1 e T2, oriundas da tração nos cabos, respectivamente do lado do carro e do lado do contrapeso. Os cabos de tração estão amarrados nos pontos J e K. Partindo do ponto J eles descem, se assentam por debaixo das ranhuras da polia de suspensão do contrapeso, sobem até a polia motriz (ponto A), se assentam por cima das ranhuras da polia motriz cobrindo um ângulo α (até o ponto B), percorrem em descida o trecho BC até a polia de suspensão do carro (ponto C), se assentam por debaixo das ranhuras da polia de suspensão do carro (trecho CD) e se fixam no ponto K. O sistema de coordenadas x0y, com origem no ponto 0 (coincidente com o ponto P), tem s traçada obre o eixo x uma reta horizontal h2 passando pelo centro 2 da polia de suspensão do carro. Do ponto 1, centro da polia motriz, traçamos uma reta horizontal h1. A reta horizontal hP é um referencial do plano onde estão amarradas as pontas mortas dos cabos (por exemplo, o piso da casa de máquinas). Os raios R1, R2 e R3 das polias de centros 1, 2 e 3 são os

raios nominais, medidos do centro da respectiva polia até o centro dos cabos de tração. Com a cabina nivelada com o pavimento extremo superior, são conhecidas (ou podem ser medidas na obra) as dimensões seguintes: H13

=

H12

=

V13

=

V12

=

H1J

=

V01

=

Distância horizontal entre o centro da polia motriz e o centro da polia de suspensão do contrapeso Distância horizontal entre o centro da polia motriz e o centro da polia de suspensão do carro Distância vertical entre o centro da polia motriz e o centro da polia de suspensão do contrapeso Distância vertical entre o centro da polia motriz e o centro da polia de suspensão do carro Distância horizontal entre o centro da polia motriz e o ponto de amarração dos cabos J Distância vertical entre o centro da polia motriz e a linha de referência JK (amarração dos cabos)

Medidas acima projetadas no plano da polia motriz. Considerando o triângulo retângulo 1P2, a distância entre o centro 1 da polia motriz e o centro 2 da polia de suspensão do carro vale

Lembrando que a soma dos ângulos internos de um triângulo é igual a 180°, vem que (∆=triângulo):

Revista Elevador Brasil | 47


motriz da instalação elevadora da Tabela 1 e calcular o ângulo de desvio lateral na polia de suspensão do contrapeso. Tabela 1

Para a condição em que a cabina está nivelada com o pavimento extremo inferior, usar as mesmas fórmulas, entretanto trocando o valor de V12 por V13 e vice-versa. Para considerar o carro com a cabina nivelada com o pavimento extremo inferior, basta troca entre si os valores de V12 e V13 e refazer os cálculos. Confira os seus resultados com o exemplo de aplicação. Exemplo de aplicação Determinar o ângulo de abraçamento dos cabos na polia

48| Revista Elevador Brasil

Cabina nivelada com o pavimento extremo superior

Cabina nivelada com o pavimento extremo inferior

H1J = 896 mm V01 = 1500 mm H13 = 846 mm H12 = 846 mm V13 = 16850 mm V12 = 6133 mm R1 = 600 mm R2 = 600 mm R3 = 600 mm Resultados α = 161º β = 1,1º

H1J = 896 mm V01 = 1500 mm H13 = 846 mm H12 = 846 mm V13 = 6133 mm V12 = 16850 mm R1 = 600 mm R2 = 600 mm R3 = 600 mm Resultados α = 173º β = 3,7º

O ângulo β<4º, logo cumpre a condição. É preciso verificar se o ângulo α cumpre o requisito de 9.3.1 da NBR NM 207, o que deve ser feito através da fórmula:


Revista Elevador Brasil | 49


50| Revista Elevador Brasil


WWW.ELEVADORBRASIL.COM

45 Revista Elevador Brasil | 51


NEGÓCIOS

7LIFT ELEVADORES:

Aperfeiçoando o mercado de plataformas

D

urante os 30 anos de experiência no mercado de elevadores e equipamentos de acessibilidade, o respeitado CEO da empresa 7Lift Elevadores, Marcelo Braga, identificou o quanto esse ramo tem um nicho de mercado inexplorado. Assim como ele encontrava dificuldades em ofertar um produto com o melhor custo benefício para os clientes, vinculado à garantia de atender às normas dos órgãos reguladores, com a característica de uma manutenção corretiva intuitiva, percebeu que outros empresários desse mesmo segmento partilhavam experiências bem semelhantes e encontravam-se nos mesmos dilemas.

52| Revista Elevador Brasil


Com esse desafio em mente, investiu em pesquisas e projetos há pouco mais de três anos, buscando o desenvolvimento de uma linha de plataformas e equipamentos de acessibilidade que pudesse assegurar, além de diferenciais exclusivos de segurança, o cumprimento de 100% das leis vigentes para acessibilidade. Todo esse tempo de dedicação e trabalho árduo, visando sempre a qualidade de vida do cliente final não foi em vão. Ao lado da Equipe 7LIFT, alguns parceiros comerciais e fornecedores idôneos, foi possível concluir um projeto que superasse as expectativas de toda a nossa organização: além de levar ao consumidor final, estendeu a comercialização à todas as empresas fornecedoras de produtos para acessibilidade, abrindo espaço para a revenda. “Conseguimos alcançar esse objetivo atingindo o melhor custo benefício, possibilitando não só segurança ao cliente final, mas garantias de que as empresas revendedoras do nosso catálogo possam oferecer, nesse nicho de mercado pouco explorado, um equipamento indubitável e diferenciado. Nossas plataformas foram pensadas para que a sua durabilidade seja estendida e a manutenção seja realizada de forma prática, com elementos que facilitam a sua execução”, diz Marcelo Braga, CEO da 7LIFT Elevadores. Para a Empresa 7LIFT ELEVADORES, esse é o segredo do sucesso: agir sempre com persistência, determinação e disciplina em tudo o que se propuser a fazer e será possível que todos colham juntos os bons frutos dessa farta árvore, pois hoje, mais que colaboradores, parceiros e amigos, o mercado comercial precisa de união, cumplicidade e honestidade. Só assim poderemos agregar valor em sociedade, que deseja subir os degraus da evolução humana de mãos dadas, sem rasteiras, sem trapaças, sem corrupção. Juntos somamos equidade. Juntos somos mais fortes.

Imagens: PLATAFORMA PARA PERCURSO ATÉ 2 METROS Projeto próprio desenvolvido por nosso Projetista, o engenheiro Guilherme Moura. Revista Elevador Brasil | 53


SINDICATO DAS EMPRESAS DE FABRICAÇÃO, INSTALAÇÃO, MODERNIZAÇÃO, CONSERVAÇÃO E MANUTENÇÃO DE ELEVADORES DO ESTADO DE SÃO PAULO

SEGURANÇA EM ELEVADORES

1 dia de duração Curso obrigatório para todas as pessoas atuantes no campo, com objetivo de reduzir acidentes durante os trabalhos com elevadores Datas: 10, 11, 16, 17, 18, 23, 24, 30 e 31/01, 22/02, 28/03, 26/04, 24/05, 13/06, 26/07, 23/08, 27/09, 25/10 e 29/11 Horário: 09:00 as 17:00hs Preço: R$ 130,00 por aluno

FORMAÇÃO DE TÉCNICOS DE MANUTENÇÃO

6 dias de duração - 2 Turmas Curso obrigatório para todas as pessoas atuantes no campo com objetivo de formar mão de obra para atuar na área de manutenção de elevadores Datas: Turma 1: 12, 13, 14, 19, 20 e 21/03 - Turma 2: 06, 07, 08, 13, 14 e 15/08 Horário: 09:00 as 17:00hs Preço: Gratuito para colaboradores de empresas Associadas - Não Associados R$ 360,00

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÕES MECÂNICAS EM ELEVADORES

54| Revista Elevador Brasil 1 dia de duração - 2 Turmas


Horário: 09:00 as 17:00hs Preço: Gratuito para colaboradores de empresas Associadas - Não Associados R$ 360,00

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÕES MECÂNICAS EM ELEVADORES 1 dia de duração - 2 Turmas Curso com o objetivo de aumentar a segurança dos elevadores com base nas Normas Vigentes. Datas: Turma 1: 23/05 - Turma 2: 24/10 Horário: 09:00 as 17:00hs Preço: Associados R$ 180,00 - Não Associados R$ 360,00

ELETRICIDADE PRÁTICA EM ELEVADORES

3 dias de duração - 2 Turmas Curso com o objetivo de mostrar todos os processos elétricos e eletrônicos envolvidos nos elevadores, permitindo uma análise mais detalhada dos itens que envolvem danos elétricos, minimizar falhas e colaborar para o diagnóstico de defeitos. Datas: Turma 1: 11, 12 e 13/04 - Turma 2: 12, 13 e 14/09 Horário: 09:00 as 17:00hs Preço: Associados: R$ 180,00 - Não Associados R$ 360,00

DIAGNÓSTICO DE FALHAS EM ELEVADORES - MÉTODOS GERAIS 1 dia de duração - 2 Turmas Curso com o objetivo de apresentar métodos de avaliação que organizam e otimizam os processos utilizados nos diagn—sticos de elevadores, a Þm de evitar chamadas repetitivas, melhorar o aproveitamento da mão de obra e reduzir os custos por edifício. Datas: Turma 1: 12/06 - Turma 2: 26/09 Horário: 09:00 as 17:00hs Preço: Associados: R$ 180,00 - Não Associados R$ 360,00

ATENDIMENTO AO CLIENTE

1 dia de duração - 2 Turmas Curso com objeto de trazer uma reßex‹o para o proÞssional da ‡rea tŽcnica de elevadores, sobre a import‰ncia da proÞss‹o, bem como assuntos relevantes que devem estar em pauta, como ética, postura, relacionamento, segurança, etc. Datas: 18/04/2018 e 19/09/2018, das 8:00hs as 12:00hs Horário: 08:00 as 12:00hs Preço: GRATUITO

PARA MAIORES INFORMAÇÕES, LIGUE: 11•3214•0201 www.seciesp.com.br - seciesp@seciesp.com.br Rua Major Sertório, 349 - 3ºandar – Vila Buarque CEP 01222-001 - São Paulo - SP - Telefone: 3214-0201 - 3214-0352

Revista Elevador Brasil | 55


ARTIGO TÉCNICO

Marketing de Conteúdo Atinja o público certo, potencialize resultados e economize recursos

O

principal objetivo de um profissional de marketing é fazer com que clientes encontrem o seu produto e que seu produto encontre seu cliente. Para isso, o profissional usa diversas técnicas incluindo o envio de e-mails, mala direta, telemarketing, anúncios em Rádio e TV, propagandas impressas, tudo isso com a intenção de atingir potenciais compradores. O problema é que essas técnicas tornaram-se cada vez menos efetivas, a partir do momento que as pessoas começaram a evitar certas interrupções. Tais interrupções resumem-se atualmente às caixas de e-mail que estão repletas de spam, fórmulas milagrosas para emagrecer, vírus, entre diversas outras informações. Ou o Facebook cada vez mais cheio de GIF´s de “Bom Dia”, mensagens motiva-

56| Revista Elevador Brasil

cionais e propagandas. Contratar uma equipe de vendedores internos ou uma equipe de telemarketing era certeza de sucesso há alguns anos atrás. Mas hoje com identificador de chamadas nas casas, empresas e celulares, as pessoas atendem quem elas realmente querem. Os consumidores estão cansados de anúncios interruptivos. Os possíveis clientes procuram informações valiosas, ricas e práticas. Assim, você, sua empresa e os profissionais de marketing precisam se readaptar à estas novas realidades. O ser humano compra de maneira totalmente diferente comparada há alguns anos atrás. E isso irá mudar cada vez mais. O Marketing de Conteúdo é uma estratégia de criação de conteúdo de qualidade, feito para educar, infor-


Revista Elevador Brasil | 57


mar ou entreter um futuro ou atual cliente. É um conteúdo que auxilia em todo o processo de compra e ainda gera mais visibilidade e autoridade para sua marca, tudo isso de forma natural e espontânea. Pode parecer desafiador no início, mas o Marketing de Conteúdo consiste em informar para fazer com que futuramente respeitem a sua marca e a tenha como referência. Hoje, muitos utilizam a internet para comprar e obter informações sobre o que precisam. Muitos consumidores até deixam de ir ao médico, pois conseguem um “diagnóstico completo” colocando seus sintomas no Google. (Por favor, não faça isso!) Estas informações podem ser encontradas em três principais áreas: Buscadores (por ex: Google, Bing), Sites/ Blogs e Redes Sociais. Primeiro, as pessoas procuram informações nos buscadores como o Google. (O Google recebe em média 4 bilhões de pesquisas por dia). Muitos consumidores preferem pesquisar diversas e diversas vezes ao dia ao invés de ouvir um vendedor, assistir aquele comercial de TV ou ter de ir visitar aquela loja em que um dia já foi mal atendido. É muito mais fácil e prazeroso abrir o computador e encontrar as informações das mais variadas através do Google. Os sites e blogs também são locais onde os clientes estão buscando informações. Quase todos os segmentos de consumo que você possa imaginar possuem sites ou blogs especializados. Inclusive, responda essa pergunta: Já existe alguém criando conteúdos no seu segmento? Você pode fazer melhor?

58| Revista Elevador Brasil

A terceira área onde as buscas são realizadas é nas redes sociais, como: Youtube, Facebook, Instagram, Twitter, entre outros. Quem nunca assistiu a um vídeo no Youtube ou pesquisou alguma recomendação de determinado produto nas redes sociais? Isso não é exclusivo somente para os entusiastas da internet ou para os mais jovens que nasceram com um smartphone em mãos. Atualmente, existem mais de 3,5 bilhões de usuários de internet no mundo. E esse número só tende a aumentar. Agora, para que você consiga ter sucesso com seu negócio/empresa, você precisa estar nos resultados dessas buscas que as pessoas estão procurando. E como você consegue estar no momento dessas pesquisas e influenciar as pessoas para que conheçam e possivelmente comprem seus produtos? A única maneira de fazer isso é através do Marketing de Conteúdo. Utilizar uma estratégia de Marketing de Conteúdo pode deixar você muitos passos à frente de seu concorrente e levar seu negócio a outro patamar. E como fazer isso? Primeiramente, você precisa saber quem realmente é seu público. Eu sempre digo que oferecer “shampoo para carecas” não trará resultados. Conhecer bem seu público é fundamental para que você possa oferecer conteúdos e soluções assertivas para ele. Isso é o mínimo que você precisa saber. Esse é o básico que fará com que consiga criar um conteúdo interessante para seu possível cliente. Em relação ao conteúdo, é necessário que seja interessante, útil e de qualidade. Se você só ficar divulgando seu produto, dificilmente


As principais perguntas que você precisa responder são:

• Quem são meus consumidores? • Qual o perfil dos meus consumidores? (sexo, idade, etc.) • Quais as principais necessidades desse consumidor que meu produto pode atender? • Em quais canais esse consumidor está localizado? Site, Blog, Redes Sociais?

irá vender. Agora, se criar um conteúdo atrativo, informativo e que ajude de alguma forma o seu possível cliente, ele verá você ou sua empresa como uma referência no segmento, irá confiar em você e passará a considerá-lo. Recentemente, recebi uma propaganda pelo Whatsapp. Primeiro erro é que este tipo de propaganda foi totalmente invasiva, pois a maioria das pessoas, inclusive eu, utiliza o aplicativo para assuntos pessoais e familiares. Segundo erro é que a propaganda era sobre uma “cinta modeladora”, um produto para modelar o corpo, direcionado à mulheres. Haja visto que além dos usuários deste produto serem mulheres, em nada me interessa tal produto. Ou seja, recebi uma propaganda por onde não gostaria de receber e sobre um produto que eu não tenho interesse. Resultado: bloqueei o contato. Se a empresa criasse um conteúdo do tipo: “Veja por que a cinta modeladora é ideal para grávidas que querem dar um jeito na cinturinha pós-parto”, e claro, acertasse no público alvo (mulheres mães), com certeza a efetividade seria muito maior.

O conteúdo deveria mostrar quais as vantagens e benefícios que o usuário terá se utilizar, mostrar em detalhes o funcionamento, exibir fotos de usuários antes e depois de utilizá-lo, sempre focando na transformação que o consumidor terá após adquiri-lo. Esse tipo de conteúdo de qualidade deve ser publicado no seu website, blog, redes sociais e até mesmo no seu canal do Youtube, pois assim esses canais começam a ganhar relevância diante dos buscadores. Assim, quando um usuário realizar alguma busca relacionado a seu produto, você poderá aparecer nas buscas exibindo este conteúdo bem planejado para possíveis clientes. É um ciclo. É um ativo que você estará criando para sua empresa. Pois o conteúdo sempre estará disponível, 24 horas por dia, independente de onde seu possível cliente esteja buscando. Há uma frase que gosto muito: “A melhor época para plantar uma árvore foi 10 anos atrás!”. A mesma coisa se aplica a conteúdos. Comece a produzir conteúdos agora mesmo! Você pode encontrar mais informações sobre Marketing Digital no meu website, www.darlanevandro.com.br

Darlan Evandro Profissional de Marketing, apaixonado por ferramentas digitais e comportamento do consumidor. Graduado em Marketing e Propaganda e MBA em Gestão de Negócios. Experiência em Marketing On e Off-line atuando no segmento desde 2010. Email:contato@darlanevandro.com.br Site: www.darlanevandro.com.br

Revista Elevador Brasil | 59


2018 2018 EVENTOS AGENDA DE EVENTOS AGENDA DE

FEICON BATIMAT

10 a 13 de Abril Local: São Paulo, Brasil

FEIMEC FEICON BATIMAT

24 a 28 de Abril 10 13 Local: Local: São São Paulo, Paulo, Brasil Brasil

FEIMEC WEE EXPO 2018

24aShanghai, a1128deChina deMaio Abril 8Local:

EXPOSEC WEE EXPO 2018

a1124 Maio 822 aShanghai, dede Maio Local: São Paulo, China Brasil

EXPOSEC ELEVCON

22 a 24Alemanha de Maio Local: Berlim, São Paulo, Brasil

ENERSOLAR+BRASIL ELEVCON

22 a 24 de Maio Local: Paulo, Brasil Local: São Berlim, Alemanha

CONSTRUSUL ENERSOLAR+BRASIL

122aa424 dede Agosto Maio Local: Porto Alegre, RS, São Paulo, Brasil Brasil

CONSTRUSUL EXPOELEVADOR

14Local:eaSão54de deSetembro Agosto Paulo, Brasil

EXPOELEVADOR 60| Revista Elevador Brasil

4Local:eSão5 de Setembro Paulo, Brasil

FEIRA INTERNACIONAL DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

FEIRA INTERNACIONAL DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS

FEIRA INTERNACIONAL DE SEGURANÇA

FEIRA INTERNACIONAL DE SEGURANÇA

Feira Internacional da Construção

Feira Internacional da Construção

www.feicon.com.br/

www.feimec.com.br www.feicon.com.br/

Local: São Paulo, Brasil en.elevator-expo.com www.feimec.com.br

www.exposec.tmp.br en.elevator-expo.com

www.elevcon.com www.exposec.tmp.br

www.enersolarbrasil.com.br www.elevcon.com

www.feiraconstrusul.com.br www.enersolarbrasil.com.br

Local: Porto Alegre, RS, Brasil www.expoelevador.com www.feiraconstrusul.com.br


PLACA MCCAB

PLACA MCCAB

x

Foto Ilustrativa PLACA MCCAB

PLACA MCCAB

x

Foto Ilustrativa

Revista Elevador Brasil | 61


SEGURANÇA

ATÉ QUANDO

VAMOS USAR ESTA PLACA COMO LIMITADOR DE CARGA?

A

Micelect do Brasil vem investindo em publicidade, treinamentos e divulgação dos seus produtos para conscientizar todas as pessoas envolvidas com elevadores dos riscos causados pela falta do pesador de carga, porém com a não obrigatoriedade da norma, acaba que ninguém instala este dispositivo de segurança. Em geral, os gastos com manutenção nos elevadores estão no topo das despesas de um condomínio. A carga na cabine acima do limite permitido acarreta prejuízos ao desempenho do elevador, trocas constantes de peças, aumento do consumo de energia elétrica, etc, além de provocar riscos aos passageiros. A instalação e programação dos pesadores de carga é muito simples e rápida. Ela dispõe de teclado de fácil navegação, sendo perfeito para instalações novas, elevadores usados ou adequações à norma ABNT NBR 15597 Subseção 5.14.5 e a norma de segurança NR-12. A Micelect deseja que os órgãos de classe nos ajudem na obrigatoriedade de um dispositivo que limite a carga para segurança dos passageiros nos elevadores, evitando acidentes que acontecem constantemente.

62| Revista Elevador Brasil


WWW.ELEVADORBRASIL.COM

Revista Elevador Brasil | 67 63


64| Revista Elevador Brasil

Revista 148 site  
Revista 148 site  
Advertisement