Page 1

EM DESTAQUE NESTE NÚMERO

Rampa Capital do Móvel foi um SUCESSO de público e de pilotos inscritos [Pág. 4]

Festivais de Verão com PRESENÇA FORTE da Capital do Móvel [Pág.2]

Jornal do Empresário é uma publicação mensal do gabinete de comunicação e imagem da Associação Empresarial de Paços de Ferreira. Sugestões e Críticas podem ser enviadas para:

Parque de Exposições Capital do Móvel Rua da Associação Empresarial, nº 167 - Carvalhosa | Apartado 132 4591-909 PAÇOS DE FERREIRA Tel: 255 862 114/ 6 - Fax: 255 862 115 www.aepf.pt | imprensa@capitaldomovel.pt

NÚMERO 116 / AGOSTO 2010

35ª Feira de mobiliário e decoração Capital do Móvel regressa a 28 de Agosto A maior exposição de mobiliário para o grande público abre as portas no próximo dia 28 de Agosto, com a presença das principais empresas do sector. A 35ª Capital do Móvel, feira de mobiliário e decoração de Paços de Ferreira, é uma mostra de divulgação das últimas tendências do sector para a maioria dos lares portugueses e galegos. Recorde-se que cerca de 30 por cento do total de visitantes que, em cada

Saiba tudo sobre a maior feira de mobiliário e decoração do país em www.capitaldomovel.pt

feira, se deslocam a Paços de Ferreira, são provenientes da vizinha Espanha, há muito conhecedores da excelente relação qualidade-preço dos móveis produzidos e comercializados na região. A feira estará aberta de segunda a quinta, entre as 10h e as 23h, e de sexta a domingo, entre as 10h e as 23h. Poderá obter um bilhete electrónico totalmente gratuito em www.capitaldomovel.pt.


MARÉS VIVA S:

ZONA VIP (TARD

E)

MARÉS VIVAS: HOSPEDEIRAS CAPITAL DO MÓVEL MARÉS VIVAS: ZONA VIP (NOITE)

Capital do Móvel investe no Verão Os festivais e festas de Verão são, do ponto de vista do Marketing, excelentes momentos de promoção das marcas. O público está descontraído, disponível e capaz de absorver novidades e a comunicação proposta pelas marcas. E se estas aliarem à comunicação elementos lúdicos ou inesperados, então o sucesso será, ainda, maior. É por esta razão que a marca Capital do Móvel, através da Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF), marca presença, desde há alguns anos, em alguns dos principais eventos de Verão realizados no Norte de Portugal. 2010 não foi diferente e a marca Capital do Móvel assegurou a presença no festival Marés Vivas, em Vila Nova de Gaia, no Nova Era Beach Party, em Matosinhos, no festival Paredes de Coura e vai estar, ainda, no Energie Azurara Beach Party, em Vila do Conde, no próximo dia 28 de Agosto. O investimento da Capital do Móvel não se resume, assim, às feiras de mobiliário, às mostras em certames nacionais e no estrangeiro, ao patrocínio de camisolas de clubes de futebol ou a provas desportivas. O resultado deste investimento por parte da AEPF vai verificar-se ao longo dos próximos meses, que é uma verdadeira aposta na notoriedade da marca Capital do Móvel junto de um público jovem, exigente e de bom gosto.

NOVA ERA: MAR DE PÚBLICO

NOVA ERA: ZONA VIP

PAREDES DE COURA: MUITAS ATRACÇÕES PARALELAS

NOVA ERA: ZONA VIP SEMPRE A ABARROTAR

PAREDES DE COURA: PALCO PRINCIPAL

PAREDES DE COUR A: ZONA VIP

PAREDES DE COURA: ENTRADA PARA A ZONA VIP


Candidaturas abertas para projecto MOVE destinadas a micro empresas O projecto MOVE PME (Motivar, Optimizar e Valorizar as Empresas) é um projecto de formação-acção, financiado a 100 por cento pelo QREN, direccionado para as empresas tendo como objectivo conduzir e apoiar micro, pequenas e médias empresas para alcançarem padrões de desempenho mais competitivos e serem capazes de ultrapassar dificuldades actuais e futuras. A Associação Empresarial de Paços de Ferreira informa que estão abertas as inscrições para a área de Gestão Empresarial para micro empresas. A formação a ministrar destina-se a gerentes e chefias destas empresas, permitindo aos formandos adquirir competências ao nível de Recursos Humanos, Marketing, Gestão Financeira e Planeamento Estratégico. Os empresários interessados e que reúnam as condições previstas para este projecto (disponíveis em http://aepf.pt/dae-departamentode-apoio-as-empresas/sitemas-de-incentivos/ move-pme.html) deverão entrar em contacto com o Departamento de Apoio às Empresas.

AEPF propõe novo modelo para Moda Local Fashion Event

MOVE: ABRA AS PORTAS AO SUCESSO

Empresas qualificantes podem candidatar-se a selo de reconhecimento As candidaturas à Rede de Empresas Qualificantes (REQ) encontram-se abertas até dia 30 de Setembro de 2010, devendo os interessados preencher um formulário que está disponível no endereço electrónico: www.anq.gov.pt/ seq/. A REQ integra as empresas e outras entidades empregadoras que investem em processos de qualificação dos seus trabalhadores e que enquadrem essa sua intervenção no âmbito do Sistema Nacional de Qualificação. O investimento da qualificação realizado por estas empresas e entidades empregadoras é distinguido através da atribuição de um selo em resultado de um processo de candidatura. O Selo de Empresa Qualificante consiste numa distinção atribuída pelos Ministérios do Trabalho e da Solidariedade Social e da Educação às empresas e outras entidades que desenvolvam actividades associadas à qualificação dos seus trabalhadores através das modalidades inte-

gradas no Sistema Nacional de Qualificações ou que participem, através de outras intervenções, no esforço de qualificação da população portuguesa nos últimos dois anos. Os principais objectivos desta distinção passam pelo reconhecimento das políticas de responsabilidade social e promoção da visibilidade das empresas que invistam na elevação das qualificações dos seus trabalhadores; pela criação de uma imagem de marca que comprove a qualidade das suas intervenções no que concerne à qualificação da população activa, em particular; pelo reconhecimento e disseminação de boas práticas de actuação de entidades empregadoras no domínio da qualificação de trabalhadores; e pela sensibilização das empresas para a necessidade do investimento em formação. As entidades que vierem a ser seleccionadas para efeitos de obtenção do referido selo integrarão a Rede de Empresas Qualificantes.

Formação de formadores à distância Possui conhecimentos excepcionais em determinada área? Acha que possui as características essenciais para ser um bom professor? O Departamento de Formação Então esta oferta é para si: Departamento de Formação Profissional (DFP) da Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF) vai promover mais um curso de Formação Pedagógica de Formadores a Distância, no regime de blearning, já a partir de Setembro. Este curso, a realizar pela empresa Nova Etapa, terá 108

horas de duração, das quais 40 serão em regime presencial, 64 em autoformação e 4 horas síncronas. O curso, que habilita os formandos que concluam a formação com aproveitamento à profissão de formador, tem o custo de 299 euros (mais IVA), podendo o valor ser pago até duas prestações. Pela Emissão do CAP o IEFP cobrará 50 euros, os quais serão pagos directamente pelo formando ao IEFP aquando da recepção do CAP.

A Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF) já apresentou o novo modelo do evento de promoção do comércio tradicional Moda Local Fashion Event, numa sessão que reuniu alguns dos potenciais interessados no Parque de Exposições Capital do Móvel. O projecto, que tem consistido em passagens de modelos – quer ao ar livre, quer no Parque de Exposições – segundo um modelo muito tradicional, pretende agora entrar numa era de maior modernidade, passando a realizar-se nas ruas do comércio tradicional, junto às próprias lojas, as quais estariam abertas e fariam parte do próprio acontecimento. O novo modelo Moda Local Fashion Event vai agora ser proposto por escrito a todos os comerciantes interessados, incluindo os que não participaram na reunião, para que se consigam reunir todos os esforços no sentido de o realizar a 18 de Setembro próximo.


PAULO RAMALHO (EM BAIXO E EM CIMA) NÃO FACILITOU E VENCEU

HÉLDER MOURA E PEDRO PINTO ENTREGAM OS PRINCIPAIS PRÉMIOS

A META E A ZONA VIP INSTALADAS JUNTO À ROTUNDA DE SEROA

1ª Rampa Capital do Móvel saldou-se por um sucesso de público e inscritos Sucesso. É com esta palavra que a organização da 1ª Rampa Capital do Móvel adjectiva a prova que decorreu no final do mês passado. A Associação Empresarial (AEPF) e a Câmara Municipal de Paços de Ferreira, em parceria com o Clube Aventura do Minho (CAMI) e a Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK), realizaram uma subida de montanha que atraiu milhares de espectadores nos dois dias da prova, principalmente no Domingo, os quais assistiram em excelentes condições de segurança à performance dos pilotos. A participação de concorrentes foi, também, um sucesso porque, segundo a organização, os cerca de 80 inscritos ultrapassaram, em muito, as melhores expectativas. Esta adesão prova a necessidade de mais circuitos entrarem no calendário nacional, pois a vontade dos pilotos em experimentarem novos traçados é muito ASPECTO DA ÁREA DE DESCANSO NA ZONA VIP

grande. No sentido de promover o mais possível a prova junto dos potenciais interessados e para estimular essa participação a organização ofereceu as inscrições, incluindo o seguro obrigatório, o que se saldou num rotundo sucesso. A Rampa Capital do Móvel tem, assim, tudo para conseguir o principal objectivo: integrar o Campeonato de Portugal de Montanha já na próxima época desportiva. Recorde-se que a 1ª Rampa Capital do Móvel decorreu na Serra da Agrela, em Paços de Ferreira, num percurso com uma extensão de 4020 metros, que incluiu 24 curvas, um desnível de 180 metros e uma inclinação média de 4,39 por cento. Estiveram envolvidas 99 pessoas na prova, entre fiscais de pista, agentes de segurança, médicos, enfermeiros, bombeiros e equipa de secretariado. A AEPF preparou, junto à meta, uma tenda VIP para associados e convidados, proporcionando

para além de um excelente posto de observação, um convívio entre as principais figuras da sociedade pacense. Em termos desportivos, Paulo Ramalho (na foto em cima, à esquerda), pilotando um Juno SSE CN, actual líder do campeonato nacional da modalidade, foi o grande vencedor da 1ª Rampa Capital do Móvel, seguido por Nuno Reis, em BRC, e João Guimarães, em BRC CN02 (categoria 2). Os melhores classificados da categoria 1 foram Tiago Brandão (Caterham Seven), Alberto Vidal (Renault Megane) e Miguel Babarro (Seat Leon), enquanto na categoria 3, José Teixeira (Morris Mini Cooper), Paulo Torres (Ford Escort MKI) e Rui Ramalho (Morris Mini Cooper) foram os mais rápidos. Catarina Sousa, em Peugeot 206 GTI, venceu entre as mulheres, ficando em 27º lugar da geral.

A VISTA PRIVILEGIADA A PARTIR DA ZONA VIP


Jornal Empresário Agosto  

Informação sobre actividades da Capital do Móvel.

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you