Page 147

-

73-

rIa justiça, a refugiarem-se nas mallas de Gerli e Ilabaianinhaj qucm lh'as deo?! Gerli, EXI11. Sr., não tem maltas, he collocada em terreno agreste do Sertão com a exlensão tão somente de huma legua quadrada; Ilabalaniul1a, da mesma forma, a excepção <.lo terreno que hé extenço. Nole-se de passagem que a existirem coitos de scelerados a lanto tempo desde que se fez d'isso parlicipação a V. Ex. toleralos athé agora, fora bastante prejudicial; tudo é falso, Exm. Sr. ! Da vonlade de lomarem as maltas e usurparem o Termo é que nasce o empenho de inlroduzir Força armada (que já se acha estacionada em Ilabáianinha) n'esle Municipio. E será ücilo, EXUl. Sr., será couforme ao Direito acossar, perseguir, desalojar de suas habilações lanta genle como a grupos de criminosos não O sendo? exceplo se hé crime o firme proposito de não entregar por forsa o terreno quc occupão; será isto porque aUi existem varias familias de raça Aborígene que queirão fazer renllscer os horriveis lempos da Conquisla Amel'icana, que foi quadro de horror e calamidade que em nada se avaliava o sangue humano? Não póde ser lal. 5s Indios alli existenles são de communhão Brazileira, Cllrist~i.os, mansos, paci ficos e lemenles á Ley, vi vem da cullura, e dentre elles muitos que crião ovêlhas, gado vaccul11 posto em pequeno ponto, e alhé cavaUarj estão nas circumstancias de serem prolegidos pela Ley e não expulsos d'a· lluellas terras em que forão os primeiros povoadores. Se o Juiz de Direito d'esta Comarca represenlou a V. Ex. sobre faclos acconlecidos no logar da Feira 'do Espirito-Sanlo foi com verdade, porquanlo alli na o casião das Feiras coslum'lva aparecer individuos qLle embriagan<.lo-5e, fomenlavão e I~lZião desordens, bem como ferimentos pancadas e alhé algum assassino, porem com a providencia dada por V. Ex., tuelo desapareceo; c isto era na Feira, logar nllúlo distanle das referidas matlas onue só respira a paz enfeilada com a innocencia d'aquelles ruslicos camponezes. Sendo a queslão, como hé, melindrosa, involvendo perela de lerreno do Municipio e podendo trazer consequencias funcslissimas dada algLuua coolumacia ou imprudencia da parle d aquellas Authoridades (salvo sempre a boa fé d'aquclle Exm. Presidenlel não devia esla Camara hesilar em enderessar a V. Ex. esla repl"es nlação a beneficio núo só cle boa parle dos seos Munícipes, como lambem da Provincin, e llas rüos de V. Ex. põc o socego du MUllicipio; serIa de que seus Direilos s 'lIlpre cn· conlrarão ~egllro apoio llas Leys, e na Cunslilui~'ão do l~slado.

Profile for Canoa de Tolda Canoa

Estudo da Divisa Sergipe e Bahia  

Publicado em 1891, sob ordem do enão governador da Bahia José Gonçalves da Silva, o estudo teve como objetivo dar base às colocações da Bahi...

Estudo da Divisa Sergipe e Bahia  

Publicado em 1891, sob ordem do enão governador da Bahia José Gonçalves da Silva, o estudo teve como objetivo dar base às colocações da Bahi...

Advertisement