Page 101

-

27-

gesladc do Hc\'c;'cnclo Arccbispo dcsla Mclropolly da Bahya, sem mc ouvir por moelo algum lonulI' para Parrochias as duas Cappellas 011 Hcrmidas hu'a cila no lnhambupe dc sima da invocação du Spirilo-Sauclo, oulra dc ossa Senhora (los Campos du Hio Beal. Depois de pcndcr a minha queyxa, tomou o dilo Hevcrenclo Prellado tambem para Parrochia oulra Cappella de Nossa Senhora das Brolas de Gerimoabo, porque poslo havia j.'1 posta em concurço a nova Parrochia que se havia de hiri:~ir IHH[Uelle districlo com <I il1vuca~'ào tle Sam Joam. Comludo. 1I(1 lcmpo tia dil~1 quC' 'xa, se nào fallou na Cappclla de Nossa Scnhora das Brolas, anlcs foy acordo que tomou dcpois o dilo prellaclo peclinrlo aos rclligiosns dc Sam Francisco, quc de mcu consentimenlo assisliam na Missam e na adminislração da dita cappella lha largas!,;cm para Parrochia E assim acr~sccnlo minha queyxa a lomadia desla cappella de nossa Senhora elas 13rolas do (~criml1abo ponlue foy Lomada para parl'Ochia com O 111esmo. proccdimenlo de fallo c por isto assim nesla, como nas mais, héjuslifícatla a minha qncyxa. Porque as dilas Cappcllas foram hereclas pOf meus Pais; c por mcus anlccessores em suas proprias lerras elles ns dolaram e paramenlar:.lIll, e adelju Tiram o Padroado 'pelos mevos porque o dircylo canonico l'Onfl;re a <[Ul'lIl (LI o sollo, edificn, doIa, e paramenla as Igrl'jlls. I 'csle lI11'SIlIO direilo sucedy ell sem conlFovercia, c por is:,o eslava de po .. se por mim e mcus anlecessôres dc adminislrar ~l; dilas Cappellas; c slIas l'abric:ls, aprczenlar, manl r c dispé~dir c<lppellacIL', l'ebwr, e abrir as parlas, e flna[mcnle gozar dos mais pridlcgios, de que gozno os Pall'onos. Destc direyto, e de3:a !)Jsse 1lI~ priva o Revcrcnda Ar 'cbispo tomando me as ditas c~ppellas, e fazendo dellas Parl'o hias sem me ouvir, cujo procectilll<lnto é bem alhey.) (la obrigação, e proliç.1o <lo dilo Prellac[a, c muilo mais alheyo 1Je da disposiçáo dc dircyto qne nà permile, .nem tIO Principe SlI·premo procedcr parle inaudita. l em cessa o dilo Spolio por perlencer a Y. i\Iagesladc o Padroado das Igrejas do ullrnmar como Governador, e perpctuo adminislrador do :\Ieslrado e ca· vallaria da ordem de Chrislo; porque a Y. :\Iageslatle perlencerá o PaclJ'oado ul1Íversal, qnanto a prop ec&,<1o; porem o par,licnlar perlence aos que edi!lc~ri.io nJ s~u proprio 50110, dolaram, e paramcntaram a sua custa as fgrejns nesle Estado, c cx.pecia[mcnlc nesla Capitania da l3ahya, exccplo lias enlIJedraes, e mais Igrcjas c Con\'cnlos edificados por conla da fazendn I aI

Profile for Canoa de Tolda Canoa

Estudo da Divisa Sergipe e Bahia  

Publicado em 1891, sob ordem do enão governador da Bahia José Gonçalves da Silva, o estudo teve como objetivo dar base às colocações da Bahi...

Estudo da Divisa Sergipe e Bahia  

Publicado em 1891, sob ordem do enão governador da Bahia José Gonçalves da Silva, o estudo teve como objetivo dar base às colocações da Bahi...

Advertisement