Page 1

Padaria e Pastelaria Telefone 239 985 492

PREÇO 0,75\ | 2ª SÉRIE | ANO 12 | Nº 586 | 25 AGOSTO DE 2011 DIRECTOR LINA VINHAL | www.campeaoprovincias.com | telef. 239 497 750 | fax 239 497 759

30456

À s 5.as e 6.as feiras... música ao vivo! Visite-nos!

Fabrico Próprio

Sindicalismo com Independência

SERVIÇOS DE JARDINAGEM CONSTRUÇÃO E OBRAS PÚBLICAS,, LD LDA LDA. DA. A.

30377

S PA E B OL O S ~

Felicita os B. V. Cantanhede pelo seu aniversário

www.marvijardim.com

Rua de São Tomé, n.º 994 MARVÃO - 3060-290 Covões - Cantanhede - Telef./Fax: 231 950 779 - Telems.: 939 959 629 / 939 950 779 - E-mail: geral@marvijardim.com

Mulher vítima de mensagens soezes foi despedida de um colégio de Coimbra

Saga dos cartões pré-pagos ameaça comprometer sede de Justiça de um casal

Traçado de variante regional à cidade aprovado pela Câmara

30074

((bebidas pagas p g à parte)) Todos os dias Peixe e Carne frescoss Grelhados na Brasa Telef. 233 2333 434 4334 882 882 Rua da Praia da Fonte, 14-17 | FIGUEIRA DA FOZ

de viadutos de maior comprimento em alternativa à de túneis. Este troço do IC3 com 25,60 quilómetros, se avançar, representa o final da ligação de Tomar a Coimbra, através de um Itinerário Complementar que vem de Setúbal. Página 13

Diárias a 6\/6,5\ (c/ sobremesa)

30435

(ligação ao IP3). A futura via inclui um troço entre o nó de Condeixa da auto-estrada (A1) e Almalaguês, o qual já se encontra em obra. O traçado, que recebeu decisão positiva por parte da Câmara Municipal de Coimbra, opta pela solução de construção

Núcleo Sportinguista do Concelho ho da Figueira da Foz 7,50 € tudo o que conseguir comerr

IC3 com portagens se atravessar Coimbra Incluído na subconcessão de construção e exploração do Pinhal Interior, a cargo da Ascendi (empresa do grupo Mota-Engil), o troço do IC3 terá portagens no atravessamento de Coimbra, com cinco nós entre as zonas de Almalaguês e do Botão

Est. Nac. 111 | Tentúgal | Telef.: 239 104 845

30423

A aquisição de cartões pré-pagos e a sua provável utilização em diferentes telemóveis estão a ameaçar comprometer a sede de Justiça de um casal de Coimbra, vítima de mensagens obscenas, “atrozes e de teor inqualificável”, apurou o “Campeão”. A sociedade Vodafone – que reconheceu, há nove meses, a realização de carregamentos em numerário num cartão – acaba de indicar não possuir registo de funcionamento de determinado número, apesar de este ter sido usado, pelo menos, em Julho de 2010. Página 04

Todas as Quintas há leitão

OL

Café-Restaurante OUREIRO Maria Fernanda dos Santos Rua do Barreiro, n.º 44 - 3040-657 Assafarge Telef.: 239 438 888 - COIMBRA

ANTIQUÁRIOS DO OURO

30457

29993

PUBLICIDADE

Silva & Ferreira, Lda Limpeza de Florestas e Resíduos Florestais Compra e Venda de Madeiras Venda de Lenha

PAGO A DINHEIRO OURO | PRATA | JÓIAS | MOEDAS CAUTELAS | PINTURA | RELÓGIOS (PULSO/BOLSO) | AVALIAÇÕES

AQUECIMENTO CENTRAL (Caldeiras JUNKERS)

SIGILO | DOMICÍLIOS MELHOR PREÇO DO MERCADO

ENERGIA SOLAR

A ÚNICA CASA COM AVALIADOR OFICIAL

(Painéis solares JUNKERS)

Rua Vale Nabôa Nº 9 Anaguéis Almalaguês - Coimbra Tel./Fax 239932415 - Tlm. 917645494/5

Paço - 3100-113 ALMAGREIRA - POMBAL Jacinto: 934 549 659 | Nelson: 934 549 661 Arlindo: 934 829 106

30277

Rua da Louça, n.º 77 - Coimbra (frente à loja do Cidadão) - Nº VERDE: 800 916 314 Telef.: 239 835 016 / Telem.: 916 993 927

28631

(CASA DA MOEDA)


SAĂšDE

2

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

Doenças renais

Candidaturas atĂŠ 20 de Setembro

Sociedade Portuguesa de Nefrologia apoia investigação nacional

Dor inspira concurso 

“Que a Dor nĂŁo seja mais imagens, produzidas especique uma recordaçãoâ€? ĂŠ o tema 

   < TrĂŞs projectos de inves- Medicina Molecular da gem para novas mutaçþesâ&#x20AC;?  +   %  - do concurso de fotografia lan- e inspiradas no tema geral da %#$     

#  Faculdade de Medicina de e do â&#x20AC;&#x153;SĂ­ndrome de Alport â&#x20AC;&#x201C; so paĂ­s e reconhecer o valor çado pela GrĂźnenthal, empresa dor. Adicionalmente, deve ser renais, no valor de 45 000 Lisboa e do Serviço de Estudo clĂ­nico e molecular dos trabalhos apresentados, farmacĂŞutica lĂ­der mundial no submetido um teste de impreseuros, vĂŁo contar com o GenĂŠtica da Faculdade de das famĂ­lias portuguesasâ&#x20AC;?. $  7     - tratamento, investigação, desen- sĂŁo do trabalho, num formato apoio da Sociedade Portu- Medicina da Universidade A progressĂŁo da do- ciados mas tambĂŠm os das volvimento e comercialização adequado que nĂŁo exceda a guesa de Nefrologia (SPN). do Porto. ença renal ĂŠ, muitas vezes restantes candidaturasâ&#x20AC;?. de soluçþes de combate Ă dor. medida A3, acompanhado Das 11 candidaturas Os investigadores des- silenciosa, o que leva o Instituição de utilidade Os trabalhos devem ser apresen- por uma descrição detalhada apresentadas, o jĂşri, cons- tas trĂŞs instituiçþes vĂŁo doente a recorrer ao mĂŠ- 9"     - tados atĂŠ ao dia 20 de Setembro. dos materiais e dimensĂľes em tituĂ­do pela totalidade dos dedicar-se ao estudo dos    

  /  tivos, a SPN foi fundada Aberto a artistas portugue-     <  

  membros da ComissĂŁo â&#x20AC;&#x153;Mecanismos da disfunção qualquer possibilidade de em 1978. Tem por missĂŁo ses e espanhĂłis, este concurso caso seja seleccionado. '

 *+  - do sistema dos peptĂ­deos recuperação. Estima-se que prevenir e curar as doenças integra no seu jĂşri o presidente Esta iniciativa surge no dido por Manuel Pestana, natriurĂŠticos na relação da existam em Portugal cerca renais e melhorar a quali- da Associação Portuguesa âmbito da responsabilidade seleccionaram as propostas sĂ­ndrome nefrĂłtica com de 800 000 pessoas a sofrer dade de vida de todas as para o Estudo da Dor, Du- social da empresa farmacĂŞutica, da Unidade de Investigação um sistema dopaminĂŠrgico de doença renal crĂłnica. pessoas afectadas de doen- arte Correia, o presidente da que preconiza o desenvolvie Desenvolvimento de Ne- renal reduzidoâ&#x20AC;?, do â&#x20AC;&#x153;SĂ­nPara Fernando Nolas- ça renal, atravĂŠs do desen- Sociedade Espanhola da Dor, mento de acçþes relacionadas frologia da Faculdade de drome nefrĂłtica na infância co, presidente da SPN, â&#x20AC;&#x153;ĂŠ volvimento da actividade Manuel Alberto Camba, o com a SaĂşde, a segurança e a Medicina da Universidade â&#x20AC;&#x201C; Estudos de associação fundamental continuar a 



     conservador-chefe do Museu protecção do meio ambiente. do Porto, do Instituto de genĂłtipo-fenĂłtipo e tria- apoiar a investigação cientĂ­- nefrologia. Thyssen-Bornemisza, Guiller- De dois em dois anos, a GrĂź    <    - nenthal lança um prĂŠmio de Infarmed arte dedicado a uma disciplina des do mundo da arte.      % artĂ­stica diferente, com o objecâ&#x20AC;&#x153;Que a Dor nĂŁo seja mais do tivo de promover a cultura e, ao A autoridade nacional mento, dispositivo mĂŠdico os cigarros electrĂłnicos LuĂ­s Rebelo, presidente que uma recordaçãoâ&#x20AC;? contem- mesmo tempo, sensibilizar para do medicamento consi- ou produto de consumo como um sistema de ajuda desta organização, alerta pla a atribuição de um primeiro a importância de uma abordadera que os cigarros elec- geral, depende do seu con- ao abandono do tabagis- para o facto de muitos prĂŠmio no valor de 10 000 gem correcta da dor. trĂłnicos podem induzir teĂşdo em nicotina, da sua mo, sublinhando que os destes cigarros estarem euros e a atribuição de trĂŞs Mais informaçþes podem dependĂŞncia e, por isso, indicação de uso e se possui mesmos contĂŞm aditivos disponĂ­veis com diferentes mençþes honrosas. ser obtidas online, no sĂ­tio desaconselha o seu uso.      quĂ­micos que podem ser sabores adocicados, poCada participante deve www.grunenthal.pt ou envianEsta posição foi divulgada, As reservas da autorida- tĂłxicos. dendo atĂŠ funcionar como apresentar um Ăşnico traba- do mensagem electrĂłnica para recentemente, no site do de nacional do medicamenSegundo a OMS, estes um aliciante para crianças    %     o endereço premiodearte.pt@ Infarmed, constando numa to em relação Ă utilização dispositivos, apesar de apre- e jovens se iniciarem no     <  grunenthal.com.     dos cigarros electrĂłnicos sentados como uma solu- tabagismo. atĂŠ ao momento, este orga- sĂŁo ainda maiores quando ção para deixar de fumar, O cigarro electrĂłnico, Fundação Portuguesa de Cardiologia nismo â&#x20AC;&#x153;nĂŁo tem qualquer se alude a uma utilização acabam por â&#x20AC;&#x153;sabotarâ&#x20AC;? as es- inventado na China, em Menos sal na alimentação ajuda a autorização ou registo para terapĂŞutica. Segundo o tratĂŠgias desta organização 2004, ĂŠ um dispositivo este tipo de produtos, nem        na luta contra o tabaco e que tem vindo a obter uma como medicamento, nem devem ser devidamente   "#$ "% procura crescente junto combater doenças cardiovasculares como dispositivo mĂŠdicoâ&#x20AC;?. fundamentados, com dados A legislação para a redu- 

#$   <   â&#x20AC;&#x153;Os cigarros electrĂł- dos fumadores. As empreIndependentemente    

    nicos vendidos atravĂŠs da sas que o comercializam ção de sal deve estender-se Ă damente, com pouco sal, uma da quantidade de nicotina dados tĂŞm que ser submeti- Internet e apresentados defendem que ĂŠ menos generalidade dos alimentos medida que, no seu entender, dispensada, o Infarmed dos Ă s autoridades compe- como solução para deixar nocivo que os cigarros confeccionados. Um decreto- apesar de simples, poderia ter desaconselha a utilização tentes para avaliaçãoâ&#x20AC;?. de fumar sĂŁo prejudiciais Ă  tradicionais e uma forma lei estabelece, desde o ano um forte impacto nos custos do cigarro electrĂłnico, por    =   do Serviço Nacional de SaĂşde. A posição do orga- saĂşde, mantĂŞm a dependĂŞn- de deixar o vĂ­cio. nĂŁo ser possĂ­vel assegurar nismo que tutela o medi- cia e funcionam como um â&#x20AC;&#x153;Graças Ă s medidas de Gerador de aerossĂłis, sal no pĂŁo. Contudo, a Fundaa sua qualidade, segurança, camento em Portugal ĂŠ aliciante para os mais no- com forma idĂŞntica Ă  dos ção Portuguesa de Cardiologia diagnĂłstico e terapĂŞutica ac   

  corroborada pela Organi- vos começarem a fumarâ&#x20AC;?, cigarros normais, o este (FPC) considera que o legisla-  % #$    O Infarmed sustenta zação Mundial de SaĂşde defende a Confederação dispositivo liberta um fumo dor deve ir mais longe e alargar mortes por doenças cardioque o enquadramento deste !    Portuguesa de Prevenção   &    esta medida a outros grupos vasculares em Portugal mas, produto enquanto medica- ano, disse nĂŁo considerar do Tabagismo. alimentares, em prol de uma em contrapartida, o nĂşmero pode conter nicotina. melhor saĂşde cardiovascular de incapacidades ĂŠ cada vez ConsultĂłrios:COIMBRA - Largo da Portagem, 27 - 2.Âş - Telef.: 239 821 403 dos portugueses. maior, o que representa custos FIGUEIRA DA FOZ - Praceta D. Maria Madalena Azevedo PerdigĂŁo, n.Âş 30  =     muito elevados para o Estadoâ&#x20AC;?, Telef.: 233 423 541 | ARGANIL - Rua Dr. Veiga SimĂľes, Telem.: 935 106 927 pĂŁo nĂŁo deve ser superior a alerta a FPC. TĂ BUA Av. da Ribeira, Edf. Ă&#x201C;mega 1, 1.Âş C Telem.: 934 224 930 CLĂ?NICA OFTALMOLĂ&#x201C;GICA, LDA 1,40 gramas de sal por cada Apontadas como a priCOJA - Rua Dr. Albino Figueiredo, Telem.: 935 106 928 Dr. JosĂŠ Emilio Campos Coroa GĂ&#x201C;IS - Rua Comendador Augusto LuĂ­s Rodrigues Telem.: 934 225 140 100 gramas de pĂŁo. Segundo meira causa de morte, doença, Dr.ÂŞ M.ÂŞ Helena Campos Coroa PAMPILHOSA DA SERRA - Rua Rangel Lima Telem.: 935 106 935 os especialistas, tal redução incapacidade e custos de saĂşde nĂŁo coloca em causa o sabor, em Portugal, as doenças carAna Peixoto CLINESTO

 "       diovasculares atingem meio Margarida Silvestre reduzir os valores da tensĂŁo milhĂŁo de portugueses. Por CLĂ?NICA ESTOMATOLĂ&#x201C;GICA, LDA. arterial e, naturalmente, das dia, estas doenças provocam ESTOMATOLOGIA E MEDICINA DENTĂ RIA suas consequĂŞncias, como as a morte a mais de 100 portudoenças cardiovasculares, idas gueses, o que representa cerca DENTISTERIA E ENDODONCIA CIRURGIA ORAL E MAXILO-FACIAL Ginecologia - ObstetrĂ­cia - Infertilidade aos serviços de urgĂŞncia ou de 35 por cento da mortalidade PRĂ&#x201C;TESE REMOVĂ?VEL PERIODONCIA PRĂ&#x201C;TESE FIXA MEDICINA ORAL hospitalizaçþes. total anual, sendo as principais OCLUSĂ&#x192;O ODONTOPEDIATRIA A Fundação defende que a causas os acidentes vasculares IMPLANTOLOGIA ORAL ORTODONCIA prevenção das doenças cardio- cerebrais (AVC ou trombose) e Av. FernĂŁo de MagalhĂŁes, 160 - 2.Âş - COIMBRA vasculares deve assentar num 

        239 852 450 Fax 239 852 459 Centro CirĂşrgico de Coimbra - S. Martinho do Bispo - Coimbra Telem.: 967 723 877 - 912 232 507 - 932 236 005 estilo de vida que inclua uma cardĂ­aco). Telem.: 915 671 292 - Telef.: 239 802 700 - E-mail: clinimer@gmail.com www.clinimer.com

Uso de cigarros electrĂłnicos ĂŠ desaconselhado

PUBLICIDADE

29305

29096

29249

CAMPOS COROA

29198

PUBLICIDADE

HĂ MAIS DE 50 ANOS A SERVI-LO


25 QUINTA-FEIRA

POLĂ?TICA

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

3

www.campeaoprovincias.com

CMC

TensĂŁo esvaziada entre prefeito e vereador, que fez â&#x20AC;&#x153;mea culpaâ&#x20AC;? O vereador JoĂŁo Orvalho (PSD) fez â&#x20AC;&#x153;mea culpaâ&#x20AC;?, ao intervir na Ăşltima reuniĂŁo pĂşblica da Câmara de Coimbra, a respeito de uma entrevista em que rotulou de dĂŠbil a liderança autĂĄrquica. â&#x20AC;&#x153;Como equipa (coligação â&#x20AC;&#x153;Por Coimbraâ&#x20AC;?),

       um projectoâ&#x20AC;?, declarou o edil. Segundo o autarca, hĂĄ expressĂľes e palavras que nem sempre correspondem Ă quilo que se quer dizer. O presidente da Câmara, JoĂŁo Paulo Barbosa de Melo (PSD), mostrou ÂŤcartĂŁo amareloÂť ao vereador e seu correlegionĂĄrio, a 01 de Agosto, ao admitir efectuar â&#x20AC;&#x153;ajustamentos

(â&#x20AC;Ś) para garantirâ&#x20AC;? que a maioria no executivo municipal â&#x20AC;&#x153;nĂŁo se desviarĂĄ do     ? â&#x20AC;&#x153;EstĂŁo todos convi        mas sĂł entrarĂĄ nele quem    &     ?       Barbosa de Melo. A tomada de posição do lĂ­der do MunicĂ­pio conimbricense ocorreu cinco dias depois da publicação de uma entrevista concedida ao DiĂĄrio de Coimbra por JoĂŁo Orvalho, em que este preconizou uma liderança autĂĄrquica â&#x20AC;&#x153;muito mais forteâ&#x20AC;?. â&#x20AC;&#x153;O espĂ­rito de equipa tem de ser reforçadoâ&#x20AC;?, advogou o vereador. Em comunicado divulgado a 01 de Agosto,

Barbosa de Melo declarou ter â&#x20AC;&#x153;muito gosto em trabalhar com os alinhadosâ&#x20AC;? com o projecto por ele liderado e lamentou que â&#x20AC;&#x153;a pouca experiĂŞncia polĂ­tica ou mediĂĄtica de alguns membros da equipa tenha provocado um ou outro erro de comunicaçãoâ&#x20AC;?. â&#x20AC;&#x153;Acredito que o tempo corrigirĂĄ esses erros, reforçando as condiçþes para um trabalho de equipa que fortaleça a lideran# ' "   ça dos conimbricensesâ&#x20AC;?, assinalou o prefeito. No inĂ­cio da sessĂŁo camarĂĄria de 17 de Agosto, o vereador Carlos Cidade (PS) afirmou que â&#x20AC;&#x153;o mĂ­nimoâ&#x20AC;? devido pelos edis social-democratas consistia na pres-

tação de explicaçþes. â&#x20AC;&#x153;A fragilidadeâ&#x20AC;? da liderança camarĂĄria alegada por Orvalho tem a particularidade de ser, agora, 

   bro da maioria, assinalou o edil socialista. Na Ăşltima reuniĂŁo da autarquia, o presidente do MunicĂ­pio prometeu que a sua equipa camarĂĄria irĂĄ â&#x20AC;&#x153;funcionar cada vez melhorâ&#x20AC;?. â&#x20AC;&#x153;Pode o Senhor vereador Carlos Cidade estar descansado (â&#x20AC;Ś), como os prĂłximos dois anos irĂŁo demonstrar Ă saciedadeâ&#x20AC;?, comentou JoĂŁo Paulo Barbosa de Melo, que       7   de VerĂŁoâ&#x20AC;? os arrufos por ele protagonizados e pelo edil JoĂŁo Orvalho.

A 28 de Julho, na sequĂŞncia da divulgação de uma entrevista em que Orvalho se demarcou da liderança camarĂĄria, o prefeito nĂŁo acompanhou o vereador por ocasiĂŁo de uma visita efectuada a centros escolares da cidade. Membros do nĂşcleo duro da ComissĂŁo Concelhia de Coimbra do PSD jantaram, a 02 de Agosto, com o presidente da Câmara local e encorajaramno a dar um ÂŤmurro na mesaÂť no contexto da tensĂŁo por que estava a pautar-se o relacionamento entre JoĂŁo Paulo Barbosa de Melo e JoĂŁo Orvalho, soube o â&#x20AC;&#x153;CampeĂŁoâ&#x20AC;? de fontes partidĂĄrias. O jantar, em que tam-

bĂŠm tomou parte o presidente da ComissĂŁo PolĂ­tica Distrital do PSD/ Coimbra, Marcelo Nuno, ocorreu 24 horas depois de o prefeito ter mostrado ÂŤcartĂŁo amareloÂť ao referido edil. Segundo fontes partidĂĄrias, caso a tensĂŁo permanecesse, Orvalho ariscava-se a ser confrontado com mais do que um ÂŤcartĂŁo amareloÂť. AlĂŠm do lĂ­der concelhio do PSD/Coimbra, Manuel Oliveira, intervieram no jantar o vereador Paulo LeitĂŁo, JoĂŁo Francisco Campos (dirigente partidĂĄrio e adjunto de JoĂŁo Paulo), JĂşlio GaudĂŞncio, LuĂ­s Correia, Filipe Carrito e LuĂ­s da Vinha.

PS pede demissão da Administração

SMTUC vão marcar reunião de Câmara L.S.

A imediata demissĂŁo do Conselho de Administração (CA) dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC) ĂŠ exigida pela ComissĂŁo PolĂ­tica Concelhia do PS, como forma de â&#x20AC;&#x153;salvaguardar a imagemâ&#x20AC;? perante novo caso de desvio de dinheiro por parte de um funcionĂĄrio e de outras situaçþes que promete revelar. Carlos Cidade, presidente do ĂłrgĂŁo dirigente socialista e vereador, assumiu, em conferĂŞncia de Imprensa, na passada segunda-feira, que esta era uma decisĂŁo polĂ­tica e anunciou que, na prĂłxima reuniĂŁo do executivo camarĂĄrio (dia 29 de Agosto), os

autarcas do PS vĂŁo tambĂŠm pedir a demissĂŁo do CA dos SMTUC, por o considerarem â&#x20AC;&#x153;Ăşnico responsĂĄvel pela situação insustentĂĄvel e incapaz de travar actos de corrupçãoâ&#x20AC;?. Instado a reagir Ă s acusaçþes e crĂ­ticas dos socialistas, o Conselho de Administração dos SMTUC informou que â&#x20AC;&#x153;irĂĄ prestar os necessĂĄrios esclarecimentosâ&#x20AC;? na prĂłxima reuniĂŁo da edilidade, por entender â&#x20AC;&#x153;ser este o local adequado Ă  discussĂŁo dos assuntos em causaâ&#x20AC;?. TambĂŠm para a sessĂŁo camarĂĄria de segunda-feira (esta fechada Ă  comunicação social e aos munĂ­cipes), o lĂ­der concelhio do PS anunciou que irĂĄ apresentar â&#x20AC;&#x153;outros casos de corrupção

/

   = sĂŁo pecuniĂĄria directa, mas envolvendo situaçþes de outra Ă­ndole e igualmente gravesâ&#x20AC;?. Este anĂşncio prĂŠvio do vereador e lĂ­der concelhio do PS serve, tambĂŠm, para que o presidente da Câmara de Coimbra, JoĂŁo Paulo Barbosa de Melo, se inteire da situação e nĂŁo diga desconhecer as situaçþes, com Carlos Cidade a considerar â&#x20AC;&#x153;estar-se perante um Conselho de Administração que oculta factos, informaçþes e actos de corrupção Ă entidade que superintende os SMTUCâ&#x20AC;?. Para os dirigentes socialistas, â&#x20AC;&#x153;deve ser salvaguarda, a todo o custo, a boa imagem que atĂŠ hĂĄ algum tempo

Os dirigentes do PS fizeram um prĂŠ-aviso aos social-democratas

atrĂĄs os SMTUC tinham e que tem sido abalada, assim como salvaguardados os "       $  maioria dos trabalhadoresâ&#x20AC;?, apĂłs o conhecimento de uma investigação em torno de um alegado desvio de verbas da venda de bilhetes, estimado em 200 000 euros, a que se junta um caso de apropriação indevida de 600 euros. O facto de apĂłs a revelação desta Ăşltima situação, na passada reuniĂŁo da Câmara, o provĂĄvel autor se ter suicidado, ĂŠ entendida pela ComissĂŁo PolĂ­tica Concelhia do PS como â&#x20AC;&#x153;infelizes coincidĂŞnciasâ&#x20AC;?, que lamentam, sustentando que â&#x20AC;&#x153;o direito Ă vida ĂŠ o valor supremo da nossa sociedadeâ&#x20AC;?. Para a estrutura partidĂĄria socialista, o CA dos SMTUC, que tem como administrador-delegado Manuel de Oliveira, igualmente presidente da ComissĂŁo PolĂ­tica Concelhia do PSD, a demissĂŁo â&#x20AC;&#x153;ĂŠ a Ăşnica forma para reabilitar a imagem daquele importante serviço municipalizadoâ&#x20AC;?. â&#x20AC;&#x153;Ă&#x2030; um Conselho de Administração ausente, que deixou de ter credibilidade, tornando-se uma fonte, ele prĂłprio, de desconfiança e de total desorientação; a comprovĂĄ-lo os vĂĄrios

factores e momentos de instabilidade que tĂŞm decorrido naquele serviço, nos Ăşltimos meses, agravados com estes factos pĂşblicos de corrupçãoâ&#x20AC;?, sublinham os socialistas. Os dirigentes concelhios do PS consideram,

ainda, que â&#x20AC;&#x153;na defesa de uma administração autĂĄrqui 

   

 ? torna-se necessĂĄrio demitir o Conselho de Administração dos SMTUC, para â&#x20AC;&#x153;ser salvaguardada a boa imagemâ&#x20AC;? dos serviços e dos      

PUBLICIDADE

Empregada de Escritório com conhecimentos mínimos de Contabilidade e Organização Administrativa, precisa-se para trabalhar em Coimbra. De preferência que reúna condiçþes de Apoio ao Emprego. Resposta com curriculum para Regivoz, Rua Adriano Lucas 216, ArmazÊm D Eiras - 3020-430 Coimbra. Telem.: 917 243 054


ACTUALIDADE

4

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

O que ontem era verdade hoje nem por isso

Ensino superior pĂşblico

Cartþes prÊ-pagos ameaçam comprometer sede de Justiça

Coimbra Ă mercĂŞ dos cortes   

R.A.

A aquisição de cartĂľes prĂŠ-pagos e a sua provĂĄvel utilização em diferentes telemĂłveis estĂŁo a ameaçar comprometer a sede de Justiça de um casal de Coimbra, protagonista de um histĂłria bizarra divulgada pelo â&#x20AC;&#x153;CampeĂŁoâ&#x20AC;? a 14 de Julho, apurou o nosso Jornal. A sociedade Vodafone â&#x20AC;&#x201C; que reconheceu, hĂĄ nove meses, a realização de carregamentos em numerĂĄrio num cartĂŁo â&#x20AC;&#x201C; acaba de indicar nĂŁo possuir registo de funcionamento de determinado nĂşmero, apesar de este ter sido usado, pelo menos, em Julho de 2010. A alegação de falta de tal registo ĂŠ feita pela empresa numa resposta dada ao MinistĂŠrio PĂşblico (MP), cujo Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Coimbra estĂĄ a

averiguar os contornos de um caso de que o referido casal diz ter sido vĂ­tima. Um inquĂŠrito do foro criminal foi reaberto depois de uma professora ter relacionado com uma empresa de familiares de proprietĂĄrios de um colĂŠgio de Coimbra, do qual ela foi despedida, o telemĂłvel alegadamente usado para envio de mensagens â&#x20AC;&#x153;atrozes e de teor inqua< ? Ao invocar, hĂĄ um mĂŞs, a falta de registo de comunicaçþes atravĂŠs do 91 6631..., a operadora assinalou ser-lhe impossĂ­vel,    < 

 qualquer aparelho que esteja associado a tal cartão. Embora tenha sido utilizado no Verão de 2010, o cartão 91 6631... foi cedido para venda, em Junho do presente ano, a um agente da Vodafone na Figueira da Foz. A informação acabada

de prestar pela operadora sugere que o referido nĂşmero serviu, hĂĄ um ano, atravĂŠs de um aparelho, e estĂĄ, agora, na iminĂŞncia de ser posto a uso mediante outro. Aos autos do inquĂŠrito, por iniciativa da docente, chegaram elementos conflituantes com a informação facultada pela Vodafone. Maria (nome fictĂ­cio) afir mou que o marido obteve, informalmente, junto da operadora, a indicação da pertença de um aparelho de telemĂłvel em que terĂŁo funcionado dois cartĂľes prĂŠ-pagos cujo(a) proprietĂĄrio(a) era desconhecido(a). Segundo a queixosa, enquanto o MP, numa fase inicial, pediu informação acerca do(a) titular de tais cartĂľes â&#x20AC;&#x201C; diligĂŞncia votada ao insucesso por se tratar de prĂŠ-pagos â&#x20AC;&#x201C;, o marido optou por indagar

sobre o(a) proprietĂĄrio(a) do aparelho em que eles funcionaram. O homem de Maria, acompanhado por duas pessoas por ele convidadas a testemunharem a sua diligĂŞncia, confrontou um sĂłcio e gerente de uma empresa hipoteticamente dona do alegado telemĂłvel, empresĂĄrio que ĂŠ cunhado dos proprietĂĄrios do referido colĂŠgio. A avaliar pelo depoimento de Maria, o empresĂĄrio terĂĄ ficado â&#x20AC;&#x153;muito incomodado com a situaçãoâ&#x20AC;? e a mulher do mesmo compareceu â&#x20AC;&#x153;muito nervosaâ&#x20AC;?, negando a suposta propriedade do alegado aparelho. ConstituĂ­da assistente no âmbito do inquĂŠrito em curso, a docente pediu ao DIAP a inquirição como testemunha do cunhado do casal de empresĂĄrios a quem ela imputa a autoria de mensagens soezes.

Mensagens

      Como noticiou o nosso Jornal, em meados de Julho, um casal, cujo elemento feminino ĂŠ uma docente despedida de um colĂŠgio de Coimbra, foi ouvido pelo DIAP, tendo comunicado ao MinistĂŠrio *9" *!    #   <

 autoria de mensagens soezes. Sobre outro casal (constituído por empresários conimbricenses), em particular sobre a mulher, recai a suspeita de tal prática, ao abrigo de um alegado plano de despedimento da referida professora. Um inquérito do foro criminal foi reaberto, pelo MP, à luz da apresentação de novos elementos de prova susceptíveis de invalidar os fundamentos invocados num despacho de arquivamento.    !     <     WX*  ' "        uma magistrada como concluíram que o telemóvel    

<   

%

      &     < ?  



  a determinada empresa. A sociedade alegadamente proprietĂĄria do aparelho ĂŠ gerida por um cunhado do casal ligado ao referido colĂŠgio (trata-se de um gerente casado com

uma irmĂŁ da mulher Ă qual Maria imputa o tenebroso plano). AlĂŠm de acharem que tais mensagens visavam levar a docente a despedir-se, depois de se ter tornado evidente o seu estado de gravidez, as vĂ­timas fazem notar que os telemĂłveis receptores possuem nĂşmeros mencionados nos convites para o respectivo casamento. Embora tenha sido convidado para a referida boda, o casal sob suspeita nĂŁo compareceu. A docente faz notar, ainda, ter sido submetida a â&#x20AC;&#x153;sucessivas avaliaçþesâ&#x20AC;? a partir do momento em que passou a ser visĂ­vel estar grĂĄvida, assinalando ter-se tratado de uma iniciativa da patroa. Acerca do alegado ambiente no colĂŠgio, ela diz nos autos haver funcionĂĄrios a trabalhar â&#x20AC;&#x153;sob tamanha pressĂŁoâ&#x20AC;? a ponto de ser impossĂ­vel manterem diĂĄlogo. As mensagens, de teor obsceno, imputam a Maria a prĂĄtica de adultĂŠrio e foram enviadas a partir de telemĂłvel (91) com cartĂľes prĂŠ-pagos (cujas eventuais recargas foram pagas em numerĂĄrio). O pai e a sogra da docente tambĂŠm foram destinatĂĄrios de tais conteĂşdos.

Os estabelecimentos de ensino superior público de Coimbra vão receber do Governo menos 10,10 milhões de euros, um corte substancial decorrente da necessidade de controlar a despesa pública, atendendo Y #$       O autarca da CDU, Francisco Queirós, lamentou o corte da transferência de verbas durante a reunião pública da Câmara Municipal conimbrincense, realizada na passada semana. A Universidade perde 7,50 milhões de euros, ascendendo a 1,40 milhões o corte sofrido pelos respectivos Serviços de Acção Social (SASUC), e o Instituto Politécnico (IPC) perde 2,60 milhões de euros, referiu o vereador. Segundo o edil, esta redução de verbas é extremamente preocupante e pode trazer consequências imprevisíveis para uma cidade que tem no ensino

superior, nas suas escolas, nos seus estudantes, funcionĂĄrios e professores um dos pilares fundamentais tanto a nĂ­vel econĂłmico, como cultural e social. Sucessivos decrĂŠscimos #

 <    últimos anos podem, na opinião do autarca da CDU, colocar em causa a qualidade do ensino, comprometer projectos de investigação e de formação de docentes e depauperar ainda mais os cofres da acção social, um facto que assume contornos preocupantes, sobretudo, perante o aumento do número de estudantes que recorrem a este apoio. Número revelados recentemente pelo ministÊrio da Educação e da Ciência referem que, este ano, durante a primeira fase do concurso de acesso ao ensino superior, mais de um quarto dos 46 000 candidatos apresentaram pedido de bolsa de estudo.

Coimbra

Redução de pena para assassino de ex-namorada Um rapaz de Coimbra, JoĂŁo Pedro Pereira, que assassinou uma ex-namorada, acaba de ver reduzida a pena de prisĂŁo de 15 anos e meio para 14 ao abrigo de um acĂłrdĂŁo do Tribunal da Relação, soube o â&#x20AC;&#x153;CampeĂŁoâ&#x20AC;?. Acusado, pelo MinistĂŠrio PĂşblico, de homicĂ­dio   %   sido punido, pelo Tribunal de Castelo Branco (primeira instância), pela autoria de dois crimes: homicĂ­dio simples e ofensa Ă integridade       '  JoĂŁo Pedro Pereira, 29 anos de idade, teve como defensor o advogado AntĂłnio Manuel Arnaut.

Os juĂ­zes da Relação assinalam â&#x20AC;&#x153;nĂŁo estar cabalmente explicitado na matĂŠria de facto, tal como jĂĄ nĂŁo estava na acusação, o motivo determinante do acto homicidaâ&#x20AC;?. Os desembargadores, que puseram de parte a hipĂłtese de assassĂ­nio premeditado, concluĂ­ram pela provĂĄvel ocorrĂŞncia de um â&#x20AC;&#x153;desgosto de amorâ&#x20AC;?, que terĂĄ provocadoâ&#x20AC;? uma dinâmica de emoçþes e sentimentos no arguidoâ&#x20AC;?. O crime foi praticado meses depois do termo de um namoro de oito anos,

   '   tabelecera, entretanto, um relacionamento amoroso com outro homem.

ENTREVISTA

INCENTRO

SĂ BADO, Ă&#x20AC;S 11H CONVIDADA: ISABEL CAMPANTE ESCOLA DA NOITE

PatrocĂ­nio:

SNQTB

Realização: Norberto Pires Coimbra IParque

Parceria:

Ouça na Internet em www.radioregionalcentro.com

ABC

PUBLICIDADE


25

QUINTA-FEIRA

SOLUM

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

5

A 22 de Setembro

Compra de ouro prata usada

EstĂĄdio abrangido pelo dia sem carros

927 506 210

NĂłs informamos, vocĂŞ decide NĂ&#x192;O VENDA O SEU OURO SEM NOS CONSULTAR

Visite-nos

COZINHA TRADICIONAL E CASEIRA REGIONAL Ambiente Acolhedor

Delegação de Coimbra Rua Jorge Anjinho, Lj 1- 3030-482 Coimbra Tel.: 239 791 030 | Fax.: 210 032 805 coimbra@zurich.com

Rua do Brasil, 293 - Telef.: 239 711 633 3030-175 COIMBRA

olce ita N

D L

-C

-T

tri m Sol m I D L -C -T or m Coimbra P C -C -T Centro enida A D L P L -A -T

ComĂŠrcio de Artigos para Artes

R

N

L

N

Decorativas e Belas-Artes Aulas e SeminĂĄrios Rua Jorge Anjinho, Lote II, Loja 2 - Coimbra (em frente Ă pastelaria â&#x20AC;&#x153;Moinho Velhoâ&#x20AC;?) 919 497 344 / 239 721 160 | coisasincriveis@sapo.pt

29659

R

29684

Av. ElĂ­sio de Moura, Atrium Solum

29687

ganizacional, Sociologia Coimbra - 239 796 600 - www.gauchao.com do Trabalho, Economia, Contabilidade e Turismo, permitindo â&#x20AC;&#x153;aprofundar as competĂŞncias adquiridas na formação de 1.Âş ciclo, proporcionando-lhes uma formação especializadaâ&#x20AC;?. Segundo a ESEC, o novo mestrado visa, Av. Dr. ElĂ­sio de Moura, 85 Coimbra igualmente, requalificar quadros superiores de orMaterial e Equipamento InformĂĄtico. ganizaçþes e de pequenas Outsourcing e AssistĂŞncia TĂŠcnica e mĂŠdias empresas (PME) da regiĂŁo Centro, proporcionando-lhes formação Desconto em cartĂŁo cliente vĂĄlido em todos os serviços tĂŠcnica actualizada e oportue produtos expostos na loja. nidades para partilha de exApresente este cupĂŁo. periĂŞncias e conhecimentos.

29073

em Celas, terão o trânsito motorizado interditado. Antes, no dia 17, das 14h00 às 20h00, entre o Paço Episcopal/ColÊgio Rainha Santa e o lado nascente da Ponte de Santa Clara, não serå permitida a circulação a veículos motorizados, excepção feita aos transportes públicos, veículos de transporte de pessoas portadoras de deficiência e serviços de emergência. No dia 18, esta mesma årea repetirå a interdição motorizada, mas entre as 09h00 e as 20h00.

29689

Especialidades: Bacalhau na Canoa | Porco Preto

Zurich Insurance plc - Sucursal em Portugal Zurich - Companhia de Seguros Vida, S.A.

ESEC com novo mestrado

Basquetebol

Rua Ega Moniz Lt 12 Loja 5 - Solum (em frente ao Moinho Velho) - Coimbra

29660

15%

29661

Um novo mestrado em Comunicação Organizacional, especialidade em Cida  '  # [  sabilidade Social, vai complementar a oferta formativa de 2.º ciclo da Escola Superior de Educação de Coimbra (ESEC) para o ano lectivo 2011/2012, estabelecimento que se situa na zona da Solum. A ESEC refere que o mestrado pretende responder às solicitaçþes de formação pós-graduada dos licenciados de Comunicação Organizacional, Comunicação Empresarial, Relaçþes Públicas, Gestão de Marketing, Gestão de Empresas, Psicologia Or-

29686

Centro Comercial Girassolum - Rua João de Deus Ramos, Horårio: Seg. a Sex. das 10H30 às 19H n.º 148 Lj.: 307 - 3 .º Andar - 3030-328 Coimbra Såbados com marcação prÊvia

28533

A zona da Solum, em Coimbra, vai este ano tambĂŠm ser abrangida pelo Dia Europeu sem Carros, que se assinalarĂĄ a 22 de Setembro, e pelas comemoraçþes da Semana Europeia da Mobilidade. A Câmara Municipal de Coimbra decidiu aderir Ă Semana Europeia da Mobilidade â&#x20AC;&#x153;Na Cidade Sem o Meu Carro!â&#x20AC;?, de 16 a 22 de Setembro, assim como participar no Dia Europeu Sem Carros, iniciativas coordenadas, a nĂ­vel nacional, pela AgĂŞncia Portuguesa do Ambiente. Ao contrĂĄrio das ediçþes anteriores, em que as vias encerradas ao trânsito se situavam na zona da â&#x20AC;&#x153;Baixaâ&#x20AC;?, a autarquia vai este ano estender a iniciativa a outras ĂĄreas da cidade, nomeadamente Ă  Solum, a Celas e parte da rua do Brasil e avenida de EmĂ­dio Navarro. Assim, no dia 22, entre as 10h00 e as 18h00, a zona envolvente ao EstĂĄdio Cidade de Coimbra, na Solum, e a Avenida Calouste Gulbenkian,

29662

www.campeaoprovincias.com

Pavilhão Muldidesportos recebeu Portugal-Finlândia

29685

restaurante tradicional

qual terminou www.restauranteataberna.com na nona posição. Entretanto, Rua dos Combatentes da Grande Guerra, 86 na passada terça3030-181 Coimbra - Telef.: 239 716 265 feira, a selecção portuemail: geral@restauranteataberna.com guesa de basquetebol foi recebida no salão nobre da Câmara Municipal de Coimbra, na vÊspera do jogo com b r a , a Finlândia e como forma de Luís de reconhecer o apuramen- Providência, to para o Campeonato da vereador do DeEuropa. partamento de DesA recepção à selecção lusa porto, Juventude e Lazer, contou com as presenças de e Mårio Saldanha, presidente João Paulo Barbosa de Melo, da Federação Portuguesa de presidente da Câmara de Coim- Basquetebol.

29670

de apuramento adicional. Portugal voltou a bater os húngaros depois do triunfo, por 71-66, obtido anteriormente em Coimbra, assegurando pelo menos o segundo lugar no grupo - que tambÊm permite o apuramento -, independentemente do resultado do último jogo, em casa com a Finlândia, realizado ontem à noite. Portugal vai disputar o Europeu entre 31 de Agosto e 18 de Setembro, na Lituânia, quatro anos após a segunda e última presença na fase final da competição, em 2007, em Espanha, na

29688

Ontem à noite, pelas 21h40 (jå após o fecho desta edição), o Pavilhão Multidesportos, na Solum, em Coimbra, recebeu o jogo da selecção portuguesa de basquetebol masculino com a congÊnere da Finlândia, partida que decidia em que grupo Portugal vai disputar o Campeonato da Europa jå a partir do dia 31 de Agosto. Recorde-se que a selecção portuguesa de basquetebol masculino qualificou-se para a fase final do Campeonato da Europa de 2011, ao vencer por 66-57 na Hungria, no terceiro jogo da fase


FIGURAS DA SEMANA

6

www.campeaoprovincias.com A S C E N S O R A

S U B I R

IlĂ­dio Vale â&#x20AC;&#x201C; Muitos passaram a madrugada de domingo          "]^_X %  / <

 "           `   % #$   % ? 

          <

 < ] {   $  %  < ] |     " { $       &   / <   #$  $     }  {     X  

#   ?  $  ~  % ? / %     

   %   `  "  <  / <

 

         #$       =    / <

     $  /        / %  ~       #$  Pedro EmanuelÂ&#x20AC;W       " Â $  Â&#x201A; 

/    % '  X Â&#x201E;XÂ&#x2020;<   <

  9 ] ]  

  [ X< X   / %   <     / %  ~        &  *  {     "        & 

" ]  " *     % " / 

   Â&#x2020;' *  /       Nelson Ă&#x2030;voraÂ&#x20AC;X            Â <     

&

' !   %~        #$     

    %       '    X     &]  W %'   !+  Â&#x2021;<  % %  Â&#x2C6;Â&#x2030;Â&#x160;Â&#x2C6;    <            % }]     %        Â&#x201A;

             #|      %       <  $  A

D E S C E R

Domingos PaciĂŞncia Â&#x20AC;*~ %      ]  %   < "%  <<    %  Y ]          "   ^_Â&#x2C6;Â&#x2C6;Â&#x201E;Â&#x2C6;^Â&#x2039; %  /     %   %         < 

 %   {  / %  

     <7

 YÂ&#x152;<

  "   X<            "        <  W  % *~   ~          Â?

Â?W/7 "

]   &            " !      ]   ' / <     

$          / % 

    !W  " #|  W/7  Â&#x2020;   & & < Â&#x2018;  * %!Â&#x2C6;_        $  <            #$  Â&#x2019; & Â&#x201C;  Vale e AzevedoÂ&#x20AC; =] 

  

<    Â&#x152; # % + ~   <     

#$ 

  `  X& <     Â&#x201A;   % 

"     $   = #$ * %      <  }"  Â&#x201D;    %   =] %

   <      

     ~           $  </   %  Y   $      = #$      "   "Â&#x2022;  ~  X     | / &    $   = #$  `  X& <  <    ] <

   '   $   <     

#$  /       < Y &  ?{ * %  =] 

   

9                  W   ' <

Â? <Â&#x201E;{   ["       

   #$  " 

Michelle BrandĂŁo X    ] <  ' " " de dar um impor] tante passo na sua carreira como joga]  "   "  + 7=      $ < / %       W    Â <  Â&#x2122; +  Â? Â&#x20AC;`% ! %  "   "   < ]    {   Â    X]  }]   

   <   #$   <      Â&#x161;

     <     } *

    Â&#x2122;X  / %   $       < < ' " ~    Â&#x2C6;Â&#x2030;   # "       Â&#x152; % X9/  Â&#x152; $ *   Â&#x203A; #<     %           

 

  } +  Â&#x201A;%Â&#x2020; ]

 W 

$      <      <#  <   <  <    ^__Â&#x153;Â&#x201E;^__Â&#x2DC;    Â&#x152; % [ < #$   Â&#x201A;%Â&#x2020;   

  %            "]Â&#x2C6;Â&#x2DC;Â&#x2020;   W   ~  9   

   #|    Y   #|        / <

 /        %          #$ 

{   

  Â&#x2020;   W< $ !

JoĂŁo Costa Â&#x20AC;    +< "  7       |     '    {  }   

 

   &   %] <!Â&#x152; $ '  " <  Â&#x2C6;Â&#x2013;% <        $ 

  Â&#x160;Â&#x2013;   < Â&#x2014;_   !}

%  

#Â&#x152; %    Â&#x201A;      % 

 % ]   $ 

   < 

       $ 

  "        Â&#x2014;Â&#x2DC;_   MĂĄrio Castro â&#x20AC;&#x201C; Depois de um ano em gestĂŁo por   $    < #$     "   X #$  X   ' "  %   

]  

  < 7%$    '    Y W #$   /<    7 X"    

 

  % &   Y  # X Â&#x201E;XÂ&#x2020;X    <W #$        

 "     

#$      <       <%    7  <         #$     "  XX'  

     7     



     MĂĄrio FrotaÂ&#x20AC; 

  X #$ * ] %  W   '     "            {  ] /    {    W

< <

  [ %    Â&#x2020; 

 %   X  Â&#x2018;

   %   #$                %    



  <   

  

  Â&#x2020;           %     #

   $  $     

25

QUINTA-FEIRA

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

    % |   $  /     % 

    9"   <                  =%<   Manuel Fernandes ThomazÂ&#x20AC;Â&#x2020;% 

  /  <    

               <  '   ' "    Â&#x2020;    } &     + < "  Â&#x2C6;Â&#x153;^^   7 [ < #$ Â&#x201A;" ]  ^Â? X%   Â&#x2C6;Â&#x2DC;^_    

%   "

      Â&#x2020;%  Â&#x2020; &{  #$          #|     Â&#x2020;   } & '< '^Â? X%   Filipe Albuquerque Â&#x20AC;   "

<   7= ] ]  

9   '      { ]         <     X  [Â&#x153; Â&#x201A; X"]    & ]     ]

      Â&#x201A; %    

   % % "  <'  #$ 

 <   "  %  <

     '  /       9   <  

_Â&#x2DC; "  MĂĄrio CamĂľesÂ&#x20AC;X] no do curso de GestĂŁo na Â&#x2020;   {      Â&#x152;  '"   ' "   '|  < 

'" `  

'     

         *   ^Â&#x160; X% ]  }]   < &   /             % X ^_   '|              

 %  = ~   Â&#x152; % X  <$  &]  _Â&#x160; Â&#x2C6;Â&#x153;    "    #" ! Beatriz Gomes Â&#x20AC;' Y     '     `      ' %  &Â&#x203A;   '" Â&#x2020;< ' "    &    

 <

 "     Â&#x152; %   Â&#x201A;  ^_Â&#x2C6;^ Jorge Pelicano Â&#x20AC;* {   ? 

]    & Â&#x152; % *   "  

 

     < }  

    %   Â&#x203A; * Â&#x17E;`' < '

   '   ` }]   <         

  " ] #|  ^Â&#x2030;  <  /9     "  &  %~   =       "  9

"  < %#$  " /     = <      7

   7    ?X  

  %    &        "%  }/    ?*     

   <   } 

 



"&   ?

PUBLICIDADE

FUTEBOL

Jogada a jogada, golo a golo, a Briosa joga nesta rĂĄdio...

GIL VICENTE X ACADĂ&#x2030;MICA SĂ BADO, DIA 27, Ă&#x20AC;S 19H30 Relato: LuĂ­s Carlos Melo

ABC

Ouça na Internet em www.radioregionalcentro.com


25

QUINTA-FEIRA

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

FACTOS DA SEMANA

APCC vence desafio â&#x20AC;&#x153;Coimbra Gota a Gotaâ&#x20AC;?

Desenhada por alunos do 1.Âş ciclo da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra, a â&#x20AC;&#x153;Gota da Vidaâ&#x20AC;? venceu o concurso â&#x20AC;&#x153;Coimbra Gota a Gotaâ&#x20AC;?, organizado pelo Museu da Ă gua. A cerimĂłnia de entrega de prĂŠmios vai realizar-se no inĂ­cio do ano lectivo, por ocasiĂŁo do Dia Nacional da Ă gua. A criação vencedora, entre 31 a concurso, obteve 422 votos. As vĂĄrias gotas estiveram expostas no parque de Dr. Manuel Braga, entre os dias 18 de Junho e 31 de Julho, perĂ­odo durante o qual todos os visitantes podiam votar na sua gota de eleição. Durante este perĂ­odo passaram pelo parque da cidade mais de 6 500 pessoas. Organizado pelo Museu da Ă gua de Coimbra e apresentado pelas empresas Ă guas do Mondego e Ă guas de Coimbra, esta iniciativa contou com a participação de 2000 crianças das 31 freguesias do concelho de Coimbra, tendo sido apadrinhada pelos pilotos portugueses Filipe Albuquerque e JosĂŠ Figueiredo, pelos artistas plĂĄsticos da Arte Ă Vista e pelo mĂşsico AndrĂŠ Sardet. Cada uma das gotas foi inspirada na temĂĄtica da ĂĄgua, resĂ­duos, rios, poluição, uso racional da ĂĄgua e processos de tratamento e distribuição de ĂĄgua. Depois deste concurso, as gotas <$   % = #$ 

    <  para as juntas de freguesia, onde serĂŁo utilizadas como bebedouro, promovendo assim a qualidade da ĂĄgua da  

+     %  #$  %  â&#x20AC;&#x153;Planeta Terraâ&#x20AC;?, da EB1 de Vendas de Ceira, seguida pela â&#x20AC;&#x153;Pingolâ&#x20AC;?, da EB1 de Ribeira de Frades. Na quarta

  #$ Â&#x203A; `<? {Â&#x2C6;  AlmalaguĂŞs e a â&#x20AC;&#x153;Plim-Plimâ&#x20AC;?, da EB1 de Brasfemes. MunicĂ­pio de Coimbra estabelece parceria para produção de energia A Sinergiae vai instalar painĂŠis fotovoltaicos em 19 escolas do concelho de Coimbra, com parte da facturação resultante da produção de energia a reverter para o MunicĂ­pio. O contrato entre a empresa e a autarquia foi assinado recentemente e permitirĂĄ Ă Sinergiae receber 84,90 por cento da facturação e o MunicĂ­pio o restante valor. Para este projecto foram seleccionadas as escolas do concelho com melhor exposição solar e onde se encontraram as condiçþes Ăłptimas para a instalação desta tecnologia. Para instalar todos os equipamento, a empresa vai investir cerca de 300 000 euros. â&#x20AC;&#x153;Este projecto insere-se numa estratĂŠgia do MunicĂ­pio em assumir-se como um laboratĂłrio tecnolĂłgico, uma cidade que serve de palco Ă  experimentação de soluçþes tecnolĂłgicas viĂĄveis e com bons resultados previsĂ­veis. AlĂŠm disto, ĂŠ importante sublinhar que esta experimentação se faça preferencialmente com empresas de Coimbra, como ĂŠ o caso da instalação dos painĂŠis fotovoltaicosâ&#x20AC;?, referiu o presidente da Câmara, JoĂŁo Paulo Barbosa de Melo.

7

www.campeaoprovincias.com

Abrunheira rendeu-se Ă Ăłpera! A FilarmĂłnica Instrução e Recreio de Abrunheira (FIRA), no concelho de Montemor-o-Velho, continua a inovar e, no dia 20 de Agosto, proporcionou um espectĂĄculo inesquecĂ­vel no Parque do Dr. AntĂłnio Joaquim SimĂľes, com â&#x20AC;&#x153;Uma Noite na Ă&#x201C;peraâ&#x20AC;? que surpreendeu uma plateia composta por mais de 300 pessoas. â&#x20AC;&#x153;Este ano procurĂĄmos inovar e, por isso, quisemos que o concerto de encerramento do XI de Workshop de Formação e PrĂĄtica Instrumental fosse tambĂŠm uma oportunidade para apresentar outros gĂŠneros musicais, mostrando "<         9  ?/   presidente da FIRA, Carlos Alves. Saudando a iniciativa, a vereadora Alexandra Ferreira destacou â&#x20AC;&#x153;o trabalho de rigor e qualidade que a FIRA tem levado a efeitoâ&#x20AC;?, bem como â&#x20AC;&#x153;a dedicação de todos os jovens mĂşsicos que, ao longo da semana, decidiram ocupar o tempo de fĂŠrias para aprenderem mais e apostarem na sua formaçãoâ&#x20AC;?. Com a direcção de AntĂłnio LuĂ­s Mota, e com a participação do cantor Pedro OsĂłrio Tavares,

    #| 7  Â&#x2020;<   

! ` [    !      %    7 X <7 %         Y]<   7  W %  Torres, no xilofone, na interpretação da obra â&#x20AC;&#x153;Xilo Classicsâ&#x20AC;?, com arranjo de Gerd Bogner. Ao longo do serĂŁo, o muito pĂşblico presente teve a oportunidade de ouvir os cĂŠlebres temas â&#x20AC;&#x153;O Sole Mioâ&#x20AC;?, â&#x20AC;&#x153;Granadaâ&#x20AC;?, â&#x20AC;&#x153;Nessum Dormaâ&#x20AC;?, â&#x20AC;&#x153;Com Te Partiroâ&#x20AC;? e â&#x20AC;&#x153;Funicoli-FunicolĂĄâ&#x20AC;?, e excertos do â&#x20AC;&#x153;Barbeiro de Sevilhaâ&#x20AC;?, de Rossini, e do musical â&#x20AC;&#x153;O Fantasma da Ă&#x201C;peraâ&#x20AC;?.

e cerca de 300 muniçþes, tendo sido detido e estando agora obrigado a apresentar-se periodicamente às autoridades. Ao alegado autor dos disparos, um jovem de 18 anos de idade, foi aplicada a medida de coacção de permanência na habitação, com vigilância electrónica.

colmatar a falta de formação, nĂŁo superior, na ĂĄrea dos cuidados veterinĂĄriosâ&#x20AC;?. A Escola UniversitĂĄria Vasco da Gama ministra o curso de Medicina VeterinĂĄria (ensino superior) com uma taxa de empregabilidade na ordem dos 95,1 por cento.

Associação do Bairro da Rosa fez seis anos A Associação dos Moradores do Bairro da Rosa, em Coimbra, comemorou o seu 6.º aniversårio no passado såbado, dia 20, com um convívio na sede, onde par ticiparam o vereador do pelouro da Habitação, Francisco Queirós, e a presidente da Junta de Freguesia de Eiras, Filomena Santos. Estiveram tambÊm presentes as associaçþes de moradores do Bairro António SÊrgio e do Bairro do Ingote, conjuntamente com cerca de quatro dezenas de elementos da associação aniversariante, moradores no Bairro da Rosa. Esta iniciativa foi possível com o apoio da Fundação Inatel de Coimbra, da Junta de Freguesia de Eiras e de pastelarias das redondezas.

Animação no restaurante da praia da Louçainha 7= ] ]  <  #$   cionada pelo restaurante Louçainha - Sabores de Montanha,  &  Â&#x;< Â&#x201A; #  %  {   no concelho de Penela. Esta festa de VerĂŁo terĂĄ um quarteto de jazz, amanhĂŁ (sexta-feira, dia 26) Ă noite, enquanto que a tarde de sĂĄbado (dia 27) serĂĄ animada por um Dj, havendo tambĂŠm um momento dedicado Ă  literatura infantil, enquanto que Ă  noite o jantar decorrerĂĄ ao som de harpa. No domingo (dia 28) o almoço conta com mĂşsica ao vivo, de vĂĄrios gĂŠneros musicais, com o jantar a incluir fado de Coimbra. Durante estes trĂŞs dias haverĂĄ        ] ]        piscinas naturais da Louçainha, estĂĄ aberto das 10h00 Ă s 23h00 (dias Ăşteis e domingo) e ao sĂĄbado atĂŠ Ă  meia-noite.

Homenagem Ă lavadeira do rio Mondego A Associação Desportiva e Recreativa dos lugares de Casal da Misarela, Misarela, Vale Curso de cuidados veterinĂĄrios de Canas, Barna Vasco da Gama ca e Ribeira, em As inscriçþes para o Curso de Especialização Tec- conjunto com o Tiros de caçadeira em retaliação nolĂłgica â&#x20AC;&#x201C; Cuidados VeterinĂĄrios na Escola UniversitĂĄ- Rancho FolclĂłde denĂşncia ria Vasco da Gama estĂŁo abertas atĂŠ ao dia 31. O curso rico Rosas do Mondego, do Casal da Misarela, da W   

 

       visa formar tĂŠcnicos de cuidados veterinĂĄrios vocacio- freguesia de Torres do Mondego, vĂŁo realizar uma pela Directoria do Centro da PolĂ­cia JudiciĂĄria, pela nados para auxiliar e coadjuvar mĂŠdicos e enfermeiros â&#x20AC;&#x153;Homenagem Ă Lavadeiraâ&#x20AC;?, outrora uma das principais presumĂ­vel autoria de vĂĄrios disparos de caçadeira veterinĂĄrios na administração de cuidados de saĂşde actividades das mulheres destas localidades. SerĂĄ feita para o interior de uma residĂŞncia, na freguesia de e bem-estar animal. O curso destina-se a titulares de uma recriação do ritual da â&#x20AC;&#x153;Barrelaâ&#x20AC;? no rio Mondego, Sanguinheira (Cantanhede). Os factos reportam ao um curso de ensino secundĂĄrio ou que tenham obtido junto Ă  Praia Fluvial, no prĂłximo sĂĄbado, dia 27, com ano passado, tendo sido atigido e ferido o residente aprovação em todas as disciplinas dos 10Âş e 11Âş anos inĂ­cio pelas 17h00. Esta iniciativa integra vĂĄrias activina habitação. â&#x20AC;&#x153;A motivação que levou os suspeitos a e tenham estado inscritos no 12Âş ano de um curso de   &  %    %  " praticar o crime esteve relacionada com o facto de a

        

 ]  7% a dormida em pequenas barracas artesanais montadas vĂ­tima os ter denunciado Ă s autoridades, pela prĂĄtica    #$      <  para o efeito, recriando assim a tradição de guarda da de vĂĄrios furtos, ocorridos naquela zonaâ&#x20AC;?, refere a 3 na ĂĄrea do CET a que se candidata ou de um grau roupa e utensĂ­lios usados na barrela, jĂĄ que o furto PolĂ­cia JudiciĂĄria (PJ), em comunicado. Em diligĂŞncias 

      

   7% destes era frequente. O grupo, trajado a rigor, sairĂĄ de prova complementares, recentemente realizadas, as tambĂŠm podem candidatar-se, assim como a maiores de   X #$   Â&#x2C6; __     autoridades deslocaram-se Ă  residĂŞncia e ao estabeleci- 23 anos cuja experiĂŞncia seja relevante nesta ĂĄrea. LuĂ­s rio, pelo que todos os interessados em participar no mento comercial de um indivĂ­duo de 52 anos de idade, Vilar, presidente da Entidade Instituidora da Escola evento deverĂŁo comparecer na ADR, devidamente presumĂ­vel receptador de vĂĄrias armas de fogo. Para UniversitĂĄria Vasco da Gama, comenta que â&#x20AC;&#x153;a inclusĂŁo trajados e equipados com farnel para partilhar. Esta alĂŠm da caçadeira alegadamente usada nos disparos, a deste Curso de Especialização TecnolĂłgica na oferta actividade conta com o apoio da Junta de Freguesia PJ encontrou na posse do comerciante armas proibidas formativa da Escola UniversitĂĄria Vasco da Gama vem de Torres do Mondego. PUBLICIDADE


COMĂ&#x2030;RCIO E SERVIĂ&#x2021;OS

25

QUINTA-FEIRA

Furos Artesianos Limpeza de Furos Montagem de Bombas AssistĂŞncia TĂŠcnica VEDAGEM GRATUITA

30080

www.campeaoprovincias.com

CASA DAS CHAVES DAVID PINHEIRO, LDA. SISTEMAS DE SEGURANĂ&#x2021;A

Remodelação | Electricidade | Canalização

34.Âş AniversĂĄrio 30346

www.sondagensdomondego.com Estrada Principal - Amieiro 3140-021 Arazede sondagensdomondego@net.novis.pt Telef.: 239 688 205 Telem.: 932 564 301

Ă&#x20AC; 26 anos a melhorar os seus espaços Urbanização do Loreto, Lote 9 - Fracção E COIMBRA - Telem.: 919 717 392

Comerciali amos ma asta gama de artigos destinados seg ran a de habitaes e estabelecimentos. epresentamos ma das melhores marcas de cofres da E ropa:

Churrasqueira PĂ&#x2030;ROLA DOS FRANGOS

RESIDĂ&#x160;NCIAS | URBANIZAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES | JARDINS ESPAĂ&#x2021;OS COMERCIAIS | ZONAS ENVOLVENTES

COMPUTADORES - PORTĂ TEIS IMPRESSORAS - CONSUMĂ?VEIS ASSISTĂ&#x160;NCIA TĂ&#x2030;CNICA

-E -L

A

-E -P

A

-P

A

-

Loja1 - Rua D. Elsa Sotto Mayor Loja2 - Mercado Municipal Loja3 - Rua do ComĂŠrcio Telef.: 239 664 072 Telef. 239 945 314 Telef. 239 945 664 CONDEIXA-A-NOVA ENCERRAMOS Ă&#x20AC; 2.ÂŞ FEIRA Granja do Ulmeiro

ABC

- MOLAS P/ PORTAS: Cisa; Dorma; Jval; Roby. - PORTAS BLINDADAS: Tesa. - PORTAS FORTES: Fichet; Multicofres.

info@coimbraluz.com www.coimbraluz.com Rua da Liberdade, n.Âş 58 R/C AdĂŠmia - Coimbra Telef.: 239 432 436 - Telem.: 914 673 206

ASSISTĂ&#x160;NCIA TĂ&#x2030;CNICA EXPERIĂ&#x160;NCIA PROFISSIONALISMO Empresa Associada:

R. Corpo de Deus, 9 r/c - Telef.: 239 828 260 - Fax: 239 828 099 3000-122 COIMBRA Loja 2 - R. dos CovĂľes, 52 A - S.M. Bispo - Telef.: 239 443 576 Fax: 239 442 540 - 3045-049 COIMBRA Telem.: 917 510 127 - 919 888 758 - 914 782 090 casa.das.chaves@hotmail.com - www.casadaschaves.com

DESCONTO 15% ESTUDANTES Rua dos Combatentes, n.Âş 88 r/c Coimbra - Telef.: 239 084 084

30343

Telef./Fax: 239 531 546 - Rua JoĂŁo Paulo II, 317 - Loja A 3220-205 MIRANDA DO CORVO

ourivesaria Brinca 1895

E C

- FECHADURAS: $WUD&LÂżDO&LVD)LDP Fichet; Ital; Jval; Mult-T-Lock; Mottura; Potent; STS; Sofer; etc

30321

30345

Rua da Boiça, n.º 92 - 3780-051 Ancas - Anadia Telef./Fax: 231 528 960 - Telem.: 937 636 577 www.bairricalcadas.pt | geral@bairricalcadas.pt

Com serviço de: Refeiçþes prontas a levar, para casa ou piquenique

30366

29431

- CADEADOS: Abus; Corbin; Tesa; Viro Guard; Lince; Cisa. - CHAVEIROS: Arfe; Ă&#x201A;ncora. - COFRES: Ă&#x201A;ncora, Arfe; BTV; Cisa; Gunnebo; Gold; Multicofres; Technomax. - COMANDOS P/ AUTOMATISMOS: BFT; Ditec; Master; MHZ; Mutan; Pujol. - BARRAS ANTI-PĂ&#x201A;NICO: Tesa; Feb.

CALĂ&#x2021;ADAS EM GRANITO, VIDRAĂ&#x2021;O, PAVĂ&#x160;S, LAGETAS, ETC.

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

30087

8

Compra/Vende RelĂłgios boas marcas Ouro, JĂłias e Pratas

LIMPEZAS DOMĂ&#x2030;STICAS | ORĂ&#x2021;AMENTOS GRĂ TIS

Rua Visconde da Luz, 91 - 3000-414 Coimbra Telefone: 239 823 509 | Fax: 239 841 899 - Telem.: 917 241 080

Telef.: 239 493 095 | Telem.: 968 983 914 e-mail coimbra@mollymaid.pt | www.mollymaid.pt

TITO BANHO de:

AUTO

Fazemos recolha porta-a-porta gratuitamente! Vendemos todo o tipo de peças usadas

COMPRAMOS, TRANSPORTAMOS E RECOLHEMOS 9HtFXORVXVDGRVVLQLVWUDGRVRXHPÂżPGHYLGD - Todo o tipo de metais ferrosos e nĂŁo ferrosos www.recipremio.com | geral@recipremio.com | 919 464 817 30344

Sede: Zona Industrial de Vidais, Lt1 - Quinta da Mata - 2500-740 Vidais - Caldas da Rainha - Telef./Fax: 262 949 180 - Telem.: 919 464 817 - Peças: 918 594 962 Filial: Zona Industrial de Algoz - Sítio de Vales - Algoz - Concelho de Silves Telef./Fax: 282 574 271 - Telem.: 919 464 817 - Peças: 916 114 056

- epara o de a tom eis Telef./Fax: 239 110 259 - linhamento de direc o Telem.: 965 054 607 Rua das Folhas - 3140-672 EREIRA - Mec nica eral MONTEMOR-O-VELHO - ne s (PDLORÂżFLQD#DXWRFRHOKRFRP Site: www.autocoelho.com

JĂşlio Parreira Lopes

ARMAZENISTA DE VINHOS

MOBILIĂ RIO ESTRUTURAS DE MADEIRA OBRAS DE ARTE LIVROS TĂ&#x160;XTEIS Rua dos Lavradores, 13 - 3090-476 Maiorca )LJXHLUDGD)R]Â&#x2021;7HO)D[ garbi@oninet.pt 30274

Empresa Licenciada para abate de veĂ­culos HPÂżPGHYLGD

DE: ANTĂ&#x201C;NIO ALMEIDA COELHO

REALIZAMOS TRATAMENTOS DE DESINFESTAĂ&#x2021;Ă&#x192;O DE:

30433

OP

Realizamos todos os trabalhos de Construção Civil Assistência TÊcnica a nível de Canalização e Electricidade Isolamentos - Lareiras - Ferragens - Tintas Venda e instalação de salamandras , recuperadores e churrasqueiras Venda de todos os materiais necessårios

Telf.: 239 502 449 - Telem.: 965 850 379 LousĂľes - 3130-532 SOURE

30425

30408

Paga-se atĂŠ 30\ o grama

30426

Compra-se Ouro

30451

NOVOS E EM 2.ÂŞ MĂ&#x192;O

Armazenista, engarrafador Vinhos â&#x20AC;&#x153;MIRANVINHOSâ&#x20AC;? Distribuidor das Raçþes â&#x20AC;&#x153;RAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES NANTAâ&#x20AC;? Nutrimento para cĂŁes/gatos - â&#x20AC;&#x153;ARIONâ&#x20AC;? - â&#x20AC;&#x153;AVENALâ&#x20AC;? - â&#x20AC;&#x153;FRISKIESâ&#x20AC;? Adubos â&#x20AC;&#x153;CUF-ADPâ&#x20AC;? - Sal traçado e fino Representante de Jaulas p/ coelhos, poedeiras e outros animais - Copele/Gomez e Crespo

Telef./Fax: 239 532 143 - Telef.: 239 532 287 Telem.: 966 331 933 / 962 518 452 Rua 25 de Abril, 35 - 3220-185 MIRANDA DO CORVO

111sport@sapo.pt www.111sport.pt Quimbres - Coimbra Telem.: 910 240 856 967 125 501

Seat Leon 2.0 140cv Full Extras


25 QUINTA-FEIRA

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

EMPRESAS & NEGĂ&#x201C;CIOS

9

www.campeaoprovincias.com

Casa das Chaves David Pinheiro celebra 34.Âş aniversĂĄrio

B R E V E S

Catarino construiu El Corte InglĂŠs na Corunha

A Ramos Catarino terminou recentemente a construção de mais uma importante EMPRESA Casa das Chaves David Pinheiro Lda obra na Corunha, Espanha. ABERTURA 1977 Depois da mega-loja da IKEA GERĂ&#x160;NCIA David Pinheiro no Marineda City, que ĂŠ maior MORADAS Rua Corpo de Deus 9 r/c; Rua dos CovĂľes, superfĂ­cie comercial daquele paĂ­s, a empresa do grupo Catarino 52, A, S. Martinho do Bispo foi responsĂĄvel pela execução SITĂ?O ELECTRĂ&#x201C;NICO www.casadaschaves.com do Centro Comercial El Corte CORREIO ELECTRĂ&#x201C;NICO casa.das.chaves@hotmail.com InglĂŠs. Da autoria do arquitecto Pablo MuĂąoz, a obra com uma ĂĄrea total de aproximadamente abertura ĂŠ feita atravĂŠs da BENEDITA OLIVEIRA 130.000 metros quadrados foi digitalização de um cĂłdigo, concretizada no prazo estabeA Casa das Chaves sĂŁo outros dos modelos que lecido (11 meses). A empresa David Pinheiro, uma das estĂŁo a conquistar cada vez terminou tambĂŠm recentemente empresas mais antigas do mais quota de mercado. a construção de uma loja do sector no paĂ­s, celebrou Sempre atento Ă evoLIDL em Daimiel, prĂłximo de Ciudad Real. Trata-se da primeira em Julho passado o 34.Âş lução do mercado, o emloja com nova imagem daquela aniversĂĄrio. A firma de presĂĄrio apostou tambĂŠm cadeia alemĂŁ. De salientar que a cariz familiar presta servi- recentemente numa nova obra foi concretizada em cerca ços especializados na ĂĄrea    #$   de quatro meses, tendo sido das chaves (inclusive as sistemas electrĂłnicos para entregue antes do prazo previsto. equipadas com chip, como viaturas. A Ramos Catarino opera no David Pinheiro (ao centro) acompanhado pelos filhos as dos automĂłveis), fechaParceiro privilegiado de mercado espanhol desde 2007. A duras, sistemas electrĂłnicos     7<   AndrĂŠ e JoĂŁo Pinheiro concretização de mais estes dois e cofres. tituiçþes bancĂĄrias e outras projectos corresponde ao cresciUm dos segmentos que entidades cuja actividade do empresĂĄrio que defende um imperativo que advĂŠm nocturno o curso industrial mento sustentado que a Ramos estĂĄ com maior implemen- pressupĂľe um elevado grau o reconhecimento desta da segurança de pessoas na Escola Avelar Brotero â&#x20AC;&#x201C;, Catarino tem vindo a conquistar tação actualmente, contou    #  % # <      e bens. o empresĂĄrio confessa-se no territĂłrio espanhol, com a David Pinheiro, ĂŠ o das David Pinheiro prima por A Casa das Chaves â&#x20AC;&#x153;A associação estĂĄ a orgulhoso do seu percurso execução de obras para clientes fechaduras biomĂŠtricas que, uma postura de rigor e       7  tentar que para se traba- pessoal e da reputação que prestigiados em diversas ĂĄreas. ao invĂŠs das tradicionais         fundadoras da Associação lhar nesta actividade seja a sua casa alcançou, tendo A Ramos Catarino Espanha foi chaves, recorre Ă  leitura reconhecido pelo mercado. Portuguesa de Empre- obrigatĂłrio apresentar, pelo /      criada com o objectivo de replida impressĂŁo digital. As A formação constante sas de Chaves e Sistemas menos, o registo criminal "      car o ĂŞxito obtido em Portugal com a empresa de engenharia fechaduras digitais, cuja ĂŠ outra das preocupaçþes de Segurança (APECSS), e que haja alguĂŠm que se conjunto com os actuais e construção com o mesmo constituĂ­da hĂĄ cerca de responsabilize por essa sĂłcios, vĂŁo dar seguimento nome, que conta com mais de dois anos com o objectivo contrataçãoâ&#x20AC;?, comenta, la- Ă  empresa. trĂŞs dĂŠcadas de experiĂŞncia e de credenciar os esta- 

     A Casa das Chaves co- um vasto portfĂłlio de obras belecimentos com boas sĂŁo esteja anarquicamente mercializa as marcas mais privadas e pĂşblicas em todo o fiĂĄveis em artigos de se- territĂłrio. A empresa do Grupo prĂĄticas empresariais â&#x20AC;&#x201C; em constituĂ­daâ&#x20AC;?. Coimbra estĂŁo credenciaTrata-se, admite, de gurança, disponibilizando Catarino assume-se igualmente  ~  

  uma ĂĄrea sensĂ­vel, jĂĄ que desde uma simples fecha- como especialista no restauro a Casa das Chaves David quem estiver mal inten- dura atĂŠ Ă mais segura das e reabilitação de edifĂ­cios, onde Pinheiro tem cinco fun- cionado acede facilmente portas blindadas ou cofres. o pormenor e o respeito pelo cionĂĄrios reconhecidos a cĂłpias de chaves de A empresa presta ainda passado sĂŁo aspectos essenciais. Prova disso mesmo ĂŠ o prĂŠmio como tĂŠcnicos especiali- clientes e posteriormente assistĂŞncia tĂŠcnica a cofres que recentemente conquistou zados para o desenvolvi- descobrir as suas mora- e a fechaduras de todos os em Portugal, na categoria Reamodelos. mento da actividade pela das. bilitação (um prestigiado prĂŠmio A Casa das Chaves Da- a nĂ­vel nacional, atribuĂ­do pela APECSS. Com 49 anos de expePara o empresĂĄrio e riĂŞncia â&#x20AC;&#x201C; David Pinheiro vid Pinheiro tem espaços Revista Construir, e para o qual delegado na zona Centro da começou a trabalhar aos abertos ao pĂşblico na â&#x20AC;&#x153;Bai- haviam sido nomeadas algumas APECSS a regulamentação dez anos de idade, por op- xaâ&#x20AC;? de Coimbra e em S. das mais importantes empresas O empresĂĄrio trabalha nesta ĂĄrea de Engenharia e Construção de do sector a nĂ­vel nacional ĂŠ ção, tendo feito em regime Martinho do Bispo. hĂĄ jĂĄ 49 anos Portugal).

Loja de grelhados em TentĂşgal

Dâ&#x20AC;&#x2122;Frango faz passeio de bicicleta Ă Tocha No prĂłximo sĂĄbado, dia 27, realiza-se um passeio de bicicleta Ă  Tocha, tendo TentĂşgal como local de partida e chegada, dado ser esta a localidade onde se situam as duas entidades promotoras da iniciativa, a Dâ&#x20AC;&#x2122;Frango Grelhados e a Casa Justo. A iniciativa inclui o pequeno-almoço, pelas 08h00, sendo a partida de TentĂşgal, pelas 09h00, junto da churrasqueira Dâ&#x20AC;&#x2122;Frango, estando prevista a chegada Ă  Tocha para as 13h00, onde

serå servido o almoço no parque de merendas. O regresso far-se-à pelas 17h00, estando incluído um lancheconvívio, a partir das 18h00. As inscriçþes podem ser feitas no local da partida, ou antecipadamente pelos contactos 919 898 961, ou 917 600 559, sendo o passeio gratuito para crianças atÊ aos 12 anos e ao preço de 12 euros a partir dessa idade, mas inclui toda a alimentação, sem esquecer os reforços, bebidas, apoio

com carros apropriados, e a oferta de um t-shirt e bonĂŠs. Segundo Paulo TomĂŠs, master da Dâ&#x20AC;&#x2122;Frango Grelhados, esta ĂŠ a primeira iniciativa desta loja que foi inaugurada, em Junho, que assim se associa ao passeio iniciado no ano passado pela Casa Justo. Para Outubro estĂĄ a ser preparado um passeio de motos de todoo-terreno. A Dâ&#x20AC;&#x2122;Frango Grelhados, na Estrada Nacional 111 (Coimbra-Figueira da

Foz), em Tentúgal, Ê uma loja piloto de uma marca portuguesa cujo conceito Ê o serviço de take away a baixo custo, onde se preparam grelhados e os respectivos acompanhamentos. O objectivo, com o sucesso que estå a ser alcançado, Ê que a rede se possa estender de Tentúgal, Montemor-o-Velho, para os concelhos limítrofes, como Coimbra, Figueira da Foz e Cantanhede. Os clientes podem es-

colher vĂĄrios tipos de grelhados, desde o frango de churrasco ao entrecosto, passando pelo bacalhau na brasa, alĂŠm de vĂĄrios acompanhamentos, como arroz, migas, saladas. Paralelamente hĂĄ sempre Ă disposição um prato de carne e um prato de peixe, com as refeiçþes a serem vendidas ao peso, o que se traduz em baixo custo para o cliente. A loja Dâ&#x20AC;&#x2122;Frango funciona todos os dias, das 10h00 Ă s 21h00.

ComissĂŁo VitivinĂ­cola do DĂŁo quer maior rigor no uso da marca A ComissĂŁo VitivinĂ­cola Regional (CVR) do DĂŁo celebrou um protocolo com o Instituto Nacional da Propriedade Industrial com o objectivo de garantir uma maior celeridade processual relativamente ao acesso Ă informação sobre pedidos de registo de sinais distintivos do comĂŠrcio que contenham a palavra â&#x20AC;&#x153;DĂŁoâ&#x20AC;?. A CVR passarĂĄ a ter acesso semanal Ă  listagem de pedidos de registo publicados no Boletim da Propriedade Industrial, para efeito de reclamação. â&#x20AC;&#x153;Este ĂŠ mais um passo da CVR no sentido de alertar os agentes econĂłmicos da regiĂŁo para a necessidade de salvaguardarem a imagem das suas marcas e o nome â&#x20AC;&#x2DC;DĂŁoâ&#x20AC;&#x2122;.


CANTANHEDE

10

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEÃO DAS PROVÍNCIAS

Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários foi criada há 109 anos

Missão de serviço ao próximo renovada todos os dias

“Não há dúvidas quanto à nossa missão. Diariamente, temos o dever de proteger pessoas e bens e prestar socorro a doentes, acidentados ou vítimas de catástrofes naturais”, refere Rogério Marques, que lidera os órgãos sociais da instituição desde o dia 17 de Março. O comandante dos Bombeiros Voluntários de Cantanhede, Jorg e Jesus, também ele no exercício de funções há a p e n a s a l g u n s m e s e s, deverá ser acompanhado, em breve, por novos elementos no comando,

Jorge Jesus e Rogério Marques iniciaram funções no início do ano, respectivamente, como comandante e presidente da Direcção

pessoas passam pelos cargos e mas a corporação permanece”, sublinha Jorge Jesus. Desafios constantes

Ao crescimento demográfico verificado no concelho de Cantanhede junta-se a proximidade de eixos rodoviários de grande tráfego (A1, A17, A14 e EN109), que obrigam os bombeiros a estarem atentos e preparados para actuar a qualquer momento.

PUBLICIDADE

SALÃO DE BANQUETES Capacidade para 500 pessoas B. V. Congratula os Cantanhede Aniversário pelo seu 109.º

Junta de Freguesia de Cadima

30371

Rua 1.º de Maio - 3064-909 CANTANHEDE Telef.: 231 429 435

O Executivo da Freguesia felicita os Bombeiros Voluntários de Cantanhede pela passagem do seu 109.º Aniversário

30363

SERVIÇO PRÓPRIO

No caso dos incêndios f lorestais e, este ano, já houve três de considerável dimensão no município, consumindo uma área total de quase

50 hectares – é fundamental uma primeira intervenção rápida e eficaz, explica o comandante. Jorge Jesus enaltece o trabalho que os seus

homens desempenhar a m m a s l e m b r a q u e, até ao momento, apesar do número de incêndios ser idêntico ao de anos anteriores, já há mais área ardida do que em 2010. Para acudir às populações, quando a sirene t o c a , mu i t o s d o s vo luntários deixam o seu trabalho. Várias das empresas do concelho são sensíveis a esta realidade e dispensam os seus funcionários, para que eles possam integrar as forças de socorro, um gesto que os respons á ve i s d a c o r p o r a ç ã o agradecem. A formação, fundamental para que os soldados da paz possam acudir às populações da melhor forma, é contínua e é exigida pelos próprios voluntários. “Apesar da sua disponibilidade e abnegação querem ser profissionais na actuação e no socorro às vítimas. Por isso são eles os primeiros a demonstrar interesse em acções de formação”, explica Jorge Jesus.

Festa de aniversário

Cerimónia reservada e intimista Enquanto uma festa de maior grandiosidade está reservada para a comemoração dos 110 anos, em 2012, no próximo domingo, o aniversário da criação da Associação Humanitária dos bombeiros Voluntários de Cantanhede é assinalado de forma simples e reservada. O comandante Jorge Jesus e o presidente da Direcção, Rogério Marques, partilham a convicção de que a comemoração dos 109 anos é um momento simples mas importante e, por isso, interessa que

seja vivido de uma forma íntima pelos bombeiros e por toda a corporação. Este é, também, uma ocasião para fortalecer os laços de união entre todos os elementos. No domingo, o hastear das bandeiras, no quartel (09h00), dá início a um programa evocativo do aniversário, seguindo-se uma visita ao cemitério de Cantanhede, para honrar os bombeiros já falecidos. Na igreja matriz há uma cerimónia religiosa (11h30) e segue-se um almoço convívio, para os bombeiros e seus familiares.

PUBLICIDADE

Junta de Freguesia da Sanguinheira

O Executivo da Freguesia felicita os Bombeiros Voluntários de Cantanhede pela passagem do seu 109.º Aniversário

Junta de Freguesia de Portunhos

30365

GERALDO BARROS

que estão para iniciar a respectiva formação. Jesus entrou para a fanfarra dos Voluntários a 24 de Julho de 1982, num tempo em que era p o r a í q u e c o m e ç ava quem queria juntar-se aos bombeiros. “A fanfarra era o primeiro teste e só quem mostrasse qualidades poderia aspirar a ser um soldado da paz”, explica. Depois de ter integrado o anterior comando e de uma passagem pelo quadro de reserva, Jorge Jesus regressou a 17 de Abril deste ano, para assumir a função de comandante. Ninguém ignora que houve tempos de relações tensas entre alguns elementos do corpo de bombeiros, o comando e a D i r e c ç ã o. C o n t u do, a escassos dias de a instituição comemorar o 109.º aniversário, os diferendos parecem estar ultrapassados. Rogério Marques admite que não é de um dia para o outro que tudo se resolve, no entanto, lembra que o importante é que as pessoas se sintam bem. “Estamos a falar de voluntariado e as pessoas só são voluntárias porque gostam. Se não se sentem bem, deixam de ter motivos para continuar”, explica. Idêntica opinião é partilhada pelo comandante. “O mais importante é a associação. Ao longo dos anos, várias

30364

Há 109 anos, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Cantanhede (AHBVC) surgiu com o objectivo de criar, desenvolver e manter um corpo de bombeiros voluntários, capaz de prestar apoio aos munícipes do concelho. Em 2011, o mesmo compromisso, patente nos estatutos da centenária colectividade constituída a 24 de Agosto de 1902, é assumido quer pelo presidente da Direcção quer pelo comandante, ambos em funções desde há alguns meses.

O Executivo da Freguesia felicita os Bombeiros Voluntários de Cantanhede pela passagem do seu 109.º Aniversário


25 QUINTA-FEIRA

CANTANHEDE

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

11

www.campeaoprovincias.com

     

!         Para levar a cabo a actividade operacional, o corpo de Bombeiros VoluntĂĄrios de Cantanhede, composto por 92 elementos no activo, conta mais de duas dezenas de veĂ­culos, de diferentes tipologias. A renovação do parque de viaturas ĂŠ uma preocupação de todos, contudo, o comandante Jorge Jesus admite que â&#x20AC;&#x153;o tempo de vida de alguns dos veĂ­culos de combate a incĂŞndio estĂĄ esgotadoâ&#x20AC;?. Atenta a este diagnĂłstico, uma das primeiras acçþes levadas a cabo pela actual Direcção foi a apresentação de uma candidatura a fundos do Quadro de ReferĂŞncia EstratĂŠgico Nacional (QREN), para a aqui #$  <  Â&#x;    combate a incĂŞndios (VFCI). A pretensĂŁo foi aprovada e segue-se agora o lançamento do concurso pĂşblico, que de-

verĂĄ contar com a assessoria da Câmara Municipal de Cantanhede.    <          prevĂŞ um investimento de 130 000 euros, cabendo Ă AHBVC garantir cerca de 30 por cento desta verba. O veĂ­culo, vocacionado para o combate a incĂŞndios Â&#x;   <   #cidade operacional da corporação que, hĂĄ dois anos, recebeu do MunicĂ­pio idĂŞntica viatura. ConstruĂ­do hĂĄ 10 anos, o actual quartel, apesar de adequado em termos de equipamentos, começa a tornar-se pequeno para acolher, condignamente, o parque automĂłvel. Porque jĂĄ hĂĄ viaturas que nĂŁo dispĂľem de aparcamento coberto e outras que estĂŁo estacionadas em ĂĄreas que nĂŁo permitem uma saĂ­da rĂĄpida

Capacidade operacional vai ser reforçada com veículo florestal de combate a incêndios

em caso de emergĂŞncia, estĂĄ para breve a execução de um projecto que visa a ampliação do quartel e do aparcamento coberto. â&#x20AC;&#x153;Este ĂŠ um sinal de que o concelho de Cantanhede tem crescido e de que a sua corporação de bombeiros tambĂŠm evoluiâ&#x20AC;?, sustenta o

comandante. As obras tendentes à criação de uma cozinha e uma årea de apoio à actividade operacional, um investimento que rondou os 20 000 euros, foram concluídas hå poucos meses. Mas hå sempre novos projectos a aguardar ânimo ou #$    

No plano de actividades, destaca-se, por exemplo, a criação de um centro de formação, equipado com campo de treino, circuito de manutenção e outras estruturas que permitam assegurar a realização de simulacros e acçþes de carĂĄcter  <  <    {   investimento, que a Direcção pretende colocar em marcha a curto prazo, contarĂĄ com a colaboração do MunicĂ­pio de Cantanhede, entidade que muito tem apoiado a corporação. Para que a secção da Tocha â&#x20AC;&#x201C; que integra 28 elementos â&#x20AC;&#x201C; possa continuar a prestar o melhor serviços Ă s populaçþes, ĂŠ preciso ampliar as instalaçþes do quartel localizado naquela freguesia e equipar este nĂşcleo com uma viatura mista urbana e de desencarceramento. Mediante a habitual colaboração da Junta de Freguesia

da Tocha e da ComissĂŁo de Compartes, RogĂŠrio Marques acredita que vai ser possĂ­vel concluir estes trabalhos jĂĄ no prĂłximo ano e com custos reduzidos. Apesar da boa vontade e do empenho, tempos de   

#$      a necessidade de estabelecer prioridades de investimento obrigam, por ora, a suspender a construção do Museu do Comandante António Augusto Eva. Trata-se de um espaço museológico que deverå acolher o espólio da corporação, promover a sua divulgação junto da sociedade civil e, não menos importante, prestar uma justa homenagem a um bombeiro que, ao comando dos Voluntårios de Cantanhede, deu o melhor dos exemplos e, por isso, Ê por todos querido.

Despesas sobem e receitas descem

       A situação econĂłmica e     XÂ&#x2018;`' <  mas hĂĄ algumas situaçþes que tĂŞm de ser acompanhadas mais de perto. O aumento do preço dos combustĂ­veis e de outros bens essenciais fez subir o valor da despesa corrente. A transferĂŞncia de verbas do Estado diminuiu e esta receita tende a ser cada vez menor, tal como os proveitos relacionados com o transporte de doentes, devido a uma jĂĄ evidente redução de despesas no Serviço Nacional de SaĂşde. Esta ĂŠ uma nova realidade social e econĂłmica a que a Direcção da centenĂĄria associação estĂĄ atenta. â&#x20AC;&#x153;Verifica-se, no geral, um

aumento dos custos e a diminuição das receitas. Isto obriganos a estarmos mais vigilantes, a sermos rigorosos na gestĂŁo tentando cortar nas despesas e a procurarmos formas de aumentar os proveitosâ&#x20AC;?, refere RogĂŠrio Marques, aludindo a â&#x20AC;&#x153;uma inevitĂĄvel situação de austeridade e de diminuição de custosâ&#x20AC;?. Actualmente, hĂĄ cerca de 5 000 sĂłcios que, ao pagarem as suas quotas (no valor de 10 euros por ano), sĂŁo um garante importante para que os Bombeiros VoluntĂĄrios de Cantanhede possam continuar a desempenhar a sua missĂŁo. Para contrariar a crise, a instituição aposta numa maior abertura Ă sociedade e Ă s em-

presas, estabelecendo parcerias e protocolos de colaboração, promovendo o voluntariado e a angariação de novos sĂłcios, entre outras acçþes. Entre as vĂĄrias iniciativas que estĂŁo a ser desenvolvidas, destaque para o festival gastronĂłmico â&#x20AC;&#x153;Caça Saboresâ&#x20AC;?, que irĂĄ ser realizado a 04 e 05 de Fevereiro de 2012 e que contarĂĄ com peças capturadas pelos caçadores do Clube de Caça de Cantanhede, oferecidas Ă corporação; e para um curso gratuito de formação em noçþes bĂĄsicas de socorrismo, aberto Ă  população, que vai decorrer nos meses de Outubro e Novembro. Adoptando uma postura activa, tendente a atenuar os

efeitos da crise económica, a Direcção da Associação Humanitåria pretende, tambÊm, optimizar os custos de manutenção do parque de viaturas e estå jå a renegociar o preço do combustível com as diferentes petrolíferas que operam em Portugal. Paralelamente, hå a vontade de estabelecer uma colaboração mais regular e profícua com as empresas e outras entidades do concelho, potenciando, acçþes de formação e a realização de simulacros. Um dos bons exemplos das parcerias que podem surgir Ê o protocolo que foi celebrado, este ano, com o Município de Cantanhede e que leva os bombeiros voluntårios a

A ampliação do quartel e da årea de aparcamento coberto Ê uma prioridade

coordenar a actividade dos nadadores salvadores nas praias da Tocha, Olhos de Fervença e Sete Fontes. Esta acção decorre atÊ ao dia 18 de Setembro e inclui, para alÊm da vigilância e socorro, salvaguardando a

segurança dos banhista e uma råpida resposta em situaçþes de emergência, a realização de simulacros, demonstraçþes e sensibilização dos veraneantes para alguns cuidados que devem ter.

O Executivo da Freguesia felicita os Bombeiros Voluntårios de Cantanhede pela passagem do seu 109.º Aniversårio, agradecendo todo o esforço e dedicação em prol da população

COMPRAMOS OURO USADO

Felicita os Bombeiros Voluntårios de Cantanhede pelo seu Aniversårio e pelo serviço prestado à população

30369

CANTANHEDE | MIRA | TOCHA | MEALHADA | MONTEMOR-O-VELHO | SOURE GAFANHA DA NAZARĂ&#x2030; | ESTARREJA | TOMAR | S. JOĂ&#x192;O DA MADEIRA | COIMBRA CONTACTOS: 919 727 399 | 917 644 914 | kquilate@hotmail.com

30374

Junta de Freguesia de Cantanhede

30367

PUBLICIDADE

O Executivo da Freguesia felicita os Bombeiros VoluntĂĄrios de Cantanhede pelo seu 109.Âş AniversĂĄrio


ACTUALIDADE

12

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

Alerta para incompatibilidades com cargo partidĂĄrio

Advogado preconiza mais e melhor Justiça no PS R.A.

JosĂŠ Manuel Ferreira da Silva, advogado em Coimbra, preconiza â&#x20AC;&#x153;requisitos mĂ­nimos de incompatibilidadeâ&#x20AC;? para o exercĂ­cio da função de membro da ComissĂŁo Nacional de Jurisdição (CNJ) do Partido Socialista, soube o â&#x20AC;&#x153;CampeĂŁoâ&#x20AC;?. Anterior presidente da ComissĂŁo Federativa de Jurisdição do PS/Coimbra, o causĂ­dico foi eleito, recentemente, para ter assento na CNJ e vai levar ao prĂłximo Congresso do seu partido, a 09, 10 e 11 de Setembro, uma moção subordinada ao lema â&#x20AC;&#x153;O direito dos militantes Ă Justiça e os valores fundamentais do Estado de Direito democrĂĄticoâ&#x20AC;?. Para aquele militante socialista, sĂŁo â&#x20AC;&#x153;especialmente incompatĂ­veisâ&#x20AC;? com a qualidade de membro da ComissĂŁo Nacional de Jurisdição os cargos de deputado Ă  Assembleia da

RepĂşblica e de governante e de membros da ComissĂŁo Nacional de Protecção de Dados Pessoais Informatizados, da ComissĂŁo Nacional de Acesso aos Documentos Administrativos, da ComissĂŁo para a Fiscalização do Segredo do Estado, da ComissĂŁo Nacional de Objecção de ConsciĂŞncia e da ComissĂŁo Nacional de Eleiçþes (CNE). A proposta de Ferreira da Silva visa, por exemplo, Nuno Godinho de Matos, porta-voz da CNE, membro da CNJ e, nessa qualidade, relator de trĂŞs processos atinentes Ă eleição de MĂĄrio Ruivo para a presidĂŞncia da Federação do PS/Coimbra (contestada pelo seu antecessor, Victor Baptista). Segundo JosĂŠ Manuel, a sistemĂĄtica atribuição a Matos do papel de relator consistiu numa â&#x20AC;&#x153;violação ostensiva do princĂ­pio do juiz naturalâ&#x20AC;?. Associado Ă  polĂŠmica

eleição do líder distrital do PS/Coimbra tem sido, por outro lado, o dirigente partidårio AndrÊ Figueiredo,     %"

   JosĂŠ SĂłcrates no largo do Rato e acaba de ser constituĂ­do arguido, indiciado por eventual trĂĄfico de  Â&#x;~  Y&    uma carta do seu camarada Victor Baptista. Na missiva, datada de Outubro de 2010, Baptista, entĂŁo deputado Ă Assembleia da RepĂşblica, aludiu ao seu afastamento da presidĂŞncia da Federação socialista conimbricense assinalando ter sido protagonizada por Figueiredo â&#x20AC;&#x153;uma tramĂłiaâ&#x20AC;? â&#x20AC;&#x201C; supostamente assente em â&#x20AC;&#x153;contactos e ofertasâ&#x20AC;? para ele escolher â&#x20AC;&#x153;um qualquer lugar de gestor pĂşblico, desde o Metro em Lisboa, Ă  CP, ou Ă  Referâ&#x20AC;? â&#x20AC;&#x201C;, a ponto de poder vir a auferir 15 000 euros mensais. A revista SĂĄbado, que acaba de voltar a dar eco

a suspeitas sobre a qualidade de jurista de AndrÊ Figueiredo, noticiou a intervenção na validação da licenciatura na extinta Universidade Internacional da Figueira da Foz (UIFF) por parte de Maria JosÊ Moura, que dali transitou para funcionåria da CNE. Outrora secretåria-ge 7 % 

  Universidade Internacional, Maria JosĂŠ ingressou na ComissĂŁo Nacional de Eleiçþes numa fase em que Figueiredo lĂĄ trabalhava (tal como Matos). Citado pela revista, o ex-chefe de gabinete de SĂłcrates alegou estar â&#x20AC;&#x153;muito tranquilo sobre a transparĂŞnciaâ&#x20AC;? da sua vida. Ser exemplo

â&#x20AC;&#x153;Tem-se como ideia fundamental que a CNJ [do Partido Socialista] deve constituir, sem limitaçþes, um reduto de generosa independĂŞncia e isençãoâ&#x20AC;?, acentua o advogado de

Coimbra, em cujo ponto de vista o exercĂ­cio de funçþes naquele ĂłrgĂŁo ĂŠ â&#x20AC;&#x153;incompatĂ­vel com o desempenho de qualquer cargo (â&#x20AC;Ś) polĂ­tico susceptĂ­vel de afectar a isenção, imparcialidade e independĂŞnciaâ&#x20AC;?. Para Ferreira da Silva, ĂŠ necessĂĄrio as decisĂľes terem â&#x20AC;&#x153;fundamentos racionais e critĂŠrios de justiça materialâ&#x20AC;? para serem compreendidas pelos militantes partidĂĄrios e, por conseguinte, prestigiarem a CNJ   7%$  ? do PS. â&#x20AC;&#x153;NĂŁo deve a ComissĂŁo Nacional de Jurisdição ser um factor de instabilidade, sobretudo com decisĂľes (ou falta delas) que a desacreditam e chocam a consciĂŞncia etico-jurĂ­dicaâ&#x20AC;?, adverte JosĂŠ Manuel. Neste contexto, Silva faz notar a inexistĂŞncia acerca da eleição de Ruivo de qualquer acĂłrdĂŁo da CNJ capaz de abrir via de recurso para o Tribunal

Constitucional (TC), facto que, do ponto de vista dele,  % #$   denegação de Justiça. O advogado adverte, ainda, ter havido â&#x20AC;&#x153;impedimento da apreciação jurisdicionalizadaâ&#x20AC;? por parte do TC â&#x20AC;&#x153;da regularidade e da validade dos actos do procedimento eleitoralâ&#x20AC;? em que MĂĄrio Ruivo ascendeu Ă liderança do PS/ Coimbra. â&#x20AC;&#x153;A democracia interna no seio dos partidos ĂŠ incompatĂ­vel com a existĂŞncia e protecção de nĂşcleos de ilegalidadeâ&#x20AC;?, acentua o jurista. Ao preconizar o estabelecimento de garantias de acesso ao TC nos casos de recursos interpostos acerca de decisĂľes da CNJ do PS, Silva conclui que os ÂŤjuĂ­zesÂť do partido devem constituir â&#x20AC;&#x153;exemplo moral, de honradez, firmes na luta pela democracia e pelo Estado de Direito democrĂĄticoâ&#x20AC;?.

PUBLICIDADE

Quatro dias de animado convĂ­vio

Milhares comprovam sucesso da concentração de Góis

ABC

D.R.

Hå 18 anos que o Góis Moto Clube leva a cabo uma concentração moto turística que, durante vårios dias, faz das margens do rio Ceira ponto de paragem obrigatório para milhares de entusiastas das duas rodas. Pautado pelo sucesso, fruto da experiência adquirida nas ediçþes anteriores e da vontade de inovar, o evento recebeu, mais uma vez, motociclistas de todo o país, que rumaram a Góis entre os dias 18 e 21 de Agosto. Quinta do Bill, João Pedro Pais, Tara Perdida, Killer Queen, Bang Bang Roses foram alguns dos grupos que passaram pelo palco da concentração de Góis que, cada vez mais, se afirma como uma alternativa aos festivais musicais de Verão. Tal como vem acontecendo em anos anteriores, a organização decidiu garantir uma noite extra de animação musical (dia 18), com entrada gratuita, para que todos pudessem conhecer este grande evento. Música electrónica, demonstraçþes, lojas de especialidade e tasquinhas são

Durante o evento, a vila de Góis transforma-se por completo com a presença dos motociclistas

apenas outros interesses que levam os motociclistas a regressar a GĂłis, todos os anos. Tradicionais â&#x20AC;&#x201C; e obrigatĂłrios para os entusiastas â&#x20AC;&#x201C; sĂŁo tambĂŠm os encontros nacionais de mini Hondas e de Vespas, que voltaram a juntar-se, Ă s centenas, na concentração. Momento alto deste evento, "   & ]  no domingo, com a presença de milhares de motociclistas. Este ano, antes de iniciarem viagem em direcção a casa, os motociclistas tiveram a oportunidade de realizar um teste de ĂĄlcool gratuito. No Ăşltimo dia da concentração, foram efectuadas cerca de 5 000 avaliaçþes, dispo-

nibilizadas pela Central de Cervejas, correspondendo ao alerta da organização para uma condução responsĂĄvel e sem ĂĄlcool. A concentração de GĂłis ĂŠ, tambĂŠm, uma oportunidade de promover as potencialidades turĂ­sticas da  %$ X  Â&#x;<   GĂłis, as piscinas naturais da LousĂŁ, o rio Alva na zona X% Â&#x;<  Janeiro de Baixo, a barragem  Â&#x201A;& Â&#x;vial de Pessegueiro, na Pampilhosa da Serra, sĂŁo alguns dos locais recomendados pela organização e que os motociclistas aproveitam para conhecer.


25 QUINTA-FEIRA

ACTUALIDADE

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

13

www.campeaoprovincias.com

Câmara deu parecer positivo à proposta de traçado

IC3 vai ter portagem ao atravessar Coimbra O traçado do troço do IC3 que irå atravessar o concelho de Coimbra recebeu decisão positiva por parte da Câmara Municipal, tendo sido aprovada a solução de construção de viadutos de maior comprimento em alternativa à de túneis. A futura via, que terå portagem, inclui uma ligação entre o nó de Condeixa da autoestrada (A1) e Almalaguês, a qual jå se encontra em obra.

assim que o ultrapassem. O pagamento desta portagem virtual, para quem nĂŁo tem equipamento electrĂłnico (via verde) deve ser efectuado no & =       9    #$  '}} ou rede PayShop. No concelho de Coimbra 'Â&#x160;  7 &   X%~    Â&#x201A;%  Â&#x201E;'  % ]   7 de Coimbra Norte que farĂĄ a ligação Ă Circular Externa (favorecendo o funcionamento do ItinerĂĄrio Complementar como anel regional sul-nascente Ă  cidade), o nĂł de Basfemes (ligação Ă  variante de Eiras) e,  

   7  %#$  LUĂ?S SANTOS A proposta contempla uma futura alternativa Ă Estrada da Beira,  *Â&#x160;Â&#x201E;'  / atĂŠ Ă  zona da Ponte Velha, LousĂŁ (a tracejado no mapa) O lanço Condeixa-Coimpreparado para a futura conebra do IC3 (que inclui a ligação EN 110, a sul, designado por uma realidade, conforme referiu incluĂ­do na subconcessĂŁo do xĂŁo com uma auto-estrada de do IC2 ao IP3), com 25,6 â&#x20AC;&#x153;NĂł de AlmalaguĂŞsâ&#x20AC;?, que irĂĄ ao nosso jornal o vereador Paulo Pinhal Interior, serĂĄ uma via %#$ ' "]`  quilĂłmetros, estĂĄ incluĂ­do na    % <

  Â&#x201A; $        "  com pagamento de portagem, Associado ao troço do no âmbito da nova regula- IC3, Coimbra irĂĄ ter outros subconcessĂŁo de construção e acessibilidade a esta freguesia e Urbanismo. exploração do Pinhal Interior, do concelho de Coimbra. Esta nova via ĂŠ do agrado mentação sobre as que eram benefĂ­cios, como a introdução a cargo do grupo Mota-Engil Aponta-se igualmente e tambĂŠm tem sido reivindica-      ' }   de mais uma via na Ponte da (Ascendi), representando o   "

   &-      Â&#x201A;  $    & !'  Portela (actualmente tem trĂŞs),   %#$  }  ção do NĂł de Coimbra Sul `+ < *    as novas regras a circulação ĂŠ estando a ser reivindicada a reCoimbra de um ItinerĂĄrio &  Â&#x201A;%  Â&#x201E;'  do Corvo, GĂłis e Arganil apenas gratuita para os auto- abilitação da ponte antiga para Complementar que vem de o que permitirĂĄ uma ligação e pela Comunidade Inter- mobilistas que façam apenas o atravessamento pedonal e SetĂşbal, no âmbito do Plano Ă EN 17 (Estrada da Beira), municipaldo Pinhal Interior um lanço entre portagens,  "  }"  RodoviĂĄrio Nacional.       ^=^ <  Norte. AliĂĄs, em nota divul- estado sujeito ao pagamento prevista a construção de uma O Estudo de Impacte Am- {   7   gada anteontem, os deputados biental estĂĄ disponĂ­vel para con- uma futura variante Ă  Estrada    *W Â&#x201A;  $ sulta pĂşblica atĂŠ amanhĂŁ (26 de da Beira, que aproveitando congratulam-se com a solução Agosto), tendo a Câmara Mu- parte do traçado do CM 1152   #  'Â&#x160;  nicipal de Coimbra, na passada (Estrada do Carvalho) ligarĂĄ Ă  Coimbra, na medida em que semana, apreciado o documen- {+Â&#x2C6;Â&#x2030; &  *  `  permitirĂĄ a execução de uma to e aprovado, por unanimidade, <  YÂ&#x2020; & X  ! alternativa Ă  Estrada da Beira. que a nova proposta de traçado Contudo, a construção desta Via a pagar (designada como solução 2) ĂŠ a ligação nĂŁo pertence Ă  concessiocom cinco nĂłs â&#x20AC;&#x153;mais vantajosaâ&#x20AC;?. nĂĄria Ascendi, mas sim Ă s EstraComo vantagens, a autar- das de Portugal, com a Câmara Como o troço do IC3 quia aponta ter-se conseguido de Coimbra a envidar todos os que atravessarĂĄ Coimbra estĂĄ a construção de um nĂł com a esforços para que tal veja a ser

nova passagem inferior ao Metro Mondego, na EN 110, junto Ă inserção na rotunda da Portela, para eliminar o estrangulamento existente. FarĂĄ tambĂŠm parte das obras complementares ao IC3 a construção de uma nova ponte sobre o rio Ceira, nas proximidades do Cabouco, no sentido de melhorar a acessibilidade a alguns lugares da freguesia de Semide (concelho de Miranda do Corvo). A Ascendi, no âmbito da aceitação deste traçado do 'Â&#x160;  | ]   &  pontĂŁo no Sobral, outro na }     #    `   Açor, reabilitar para passagem pedonal a antiga ponte da Portela, assim como pavimentar as seguintes < ¨Â&#x201A;%#$ '<  Â&#x201E; Estrada do Carvalho; S. Â&#x2020; Â&#x201E;{    'valho; CM 1152 (Estrada do Carvalho) entre Cimo de '  '  Â&#x201A;%  Š da Cheira; rua da Capela; rua  `   ÂŞ Š  ' `  Š  Ă  EB2,3 de Ceira.

PUBLICIDADE

Câmara de Coimbra

Um concurso aberto pela Câmara de Coimbra para fornecimento de refeiçþes às crianças da escolaridade primåria e dos jardinsde-infância foi homologado, na semana passada, com a abstenção dos vereadores do PS e da CDU. O vereador com o pelouro da Educação, João Orvalho, que procurou  &   %

res Carlos Cidade (PS) e Â&#x2020;   ÂŞ 7 'W ! aludiu a uma poupança de cerca de um milhĂŁo de euros. Â&#x152; $ < viado, mas as preocupaçþes começam, praticamente, agoraâ&#x20AC;?, alegou Cidade, em

cujo ponto de vista sĂŁo preocupantes â&#x20AC;&#x153;as generalidadesâ&#x20AC;? proferidas pelo referido edil. ÂŞ 7     como vai a CMC monito&   

tação, frisando que para muitas crianças o almoço tratar-se-ĂĄ da Ăşnica refeição correcta tomada no dia-a-dia. Carlos Cidade, que tam"     gurança alimentar, entende ter sido â&#x20AC;&#x153;posta em causaâ&#x20AC;? a economia local na medida em que vĂĄrias instituiçþes particulares de solidariedade social (IPSSâ&#x20AC;&#x2122;s) deixam de ter a autarquia como cliente e lamentou que o

presidente da Câmara nĂŁo as tenha ouvido. JoĂŁo Paulo Barbosa de Melo indicou que essa  $     < ]  Ă circunstância de haver IPSSâ&#x20AC;&#x2122;s que seriam potenciais opositoras ao procedimento concursal e refutou a hipotĂŠtica ideia de o fornecimento de refeiçþes poder ser a principal actividade de tais organismos. A vencedora do concurso ĂŠ a sociedade anĂłnima Gertal, Companhia Geral de Restaurantes e Alimentação, cuja homologação foi aprovada pelos edis da coligação â&#x20AC;&#x153;Por Coimbraâ&#x20AC;?.

ABC

Concurso para refeiçþes com abstençþes do PS e da CDU


POMBAL

14

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

Bombeiros VoluntĂĄrios foram criados em 14 de Maio de 1912

Quase um sÊculo a servir as populaçþes do concelho Continuar a dotar os bombeiros de equipamento de protecção individual, apostar na formação contínua para prestar um melhor socorro e requalificar o parque automóvel da corporação com a substituição de duas ou três viaturas por uma mais operacional, são prioridades dos Bombeiros Voluntårios de Pombal para os próximos anos.

em pouco tempo. Este episĂłdio ĂŠ recorA histĂłria dos Bombei- dado num texto que serĂĄ ros VoluntĂĄrios de Pombal publicado num livro de(BVP) estĂĄ ligada a um dicado ao centenĂĄrio, que incĂŞndio que deflagrou os VoluntĂĄrios de Pombal na madrugada de 03 de pretendem editar em Maio Setembro de 1911. Nas do prĂłximo ano. A corproximidades da estação poração viria a ser criada de caminho de ferro, o alguns meses depois, em 14 prĂŠdio de Joaquim Ferreira de Maio de 1912. Dâmaso â&#x20AC;&#x201C; entĂŁo vereador â&#x20AC;&#x153;SĂŁo 100 anos de muisubstituto na Câmara de tos trabalhos e de muitas Pombal â&#x20AC;&#x201C;, onde estava ins- canseiras a favor de uma talado o Hotel Pombalense, nobre causa, ou seja, os  

<      bombeiros e o voluntaacabaria reduzido a cinzas riado, com o objectivo de GERALDO BARROS

AMBIENTE FAMILIAR, CONFORTO E QUALIDADE Felicita os Bombeiros Voluntårios de Pombal pelo serviço prestado à população e pelo 1.º Aniversårio do Quartel da 5.ª Companhia - Oeste

30375

PUBLICIDADE

Santiago de LitĂŠm Pombal

VENHA COMPROVAR A EXCELĂ&#x160;NCIA DAS NOSSAS INSTALAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES

defender as populaçþes e os seus bensâ&#x20AC;?, sustenta o PUBLICIDADE

Nemoto Portugal QuĂ­mica Fina, Lda

Parque Industrial Manuel da Mota, Lote 11 3100-354 Pombal | geral@nemoto.pt | www.nemoto.co.jp

30368

Felicita os Bombeiros VoluntĂĄrios de Pombal pelo 1.Âş AniversĂĄrio do novo Quartel da 5.ÂŞ Companhia - Oeste

comandante, JosÊ António Costa. No longo historial da Associação Humanitåria dos Bombeiros Voluntårios de Pombal (AHBVP), que tem como missão assegurar as condiçþes para que o corpo activo possa desempenhar a sua missão com

~      referir que a primeira sede da instituição foi a antiga sacristia do Convento do Cardal. Só em 14 de Maio de 1961, viriam a ser inauguradas as instalaçþes na avenida dos Heróis do Ultramar e, posteriormente, a 18 de Maio de 2003, o actual quartel-sede, localizado na rua do Professor Doutor Carlos Mota Pinto, em Pombal. Para alÊm da inauguração recente, em 12 de Setembro de 2010, do quartel da 5.ª Companhia Oeste, que serve as freguesias da Guia, Ilha e Mata Mourisca, a entrada em funcionamento dos quartÊis das companhias destacadas de

Albergaria dos Doze e do Louriçal, a 25 de Junho de 1989, e a inauguração do destacamento mĂłvel do Carriço, a 03 de Junho de 2007, foram outros momentos significativos da histĂłria dos bombeiros, apontados ao nosso Jornal pelo comandante da corporação. Segundo JosĂŠ AntĂłnio Costa, â&#x20AC;&#x153;todo este universo de meios humanos e materiais sĂł foi possĂ­vel pela clarividĂŞncia dos ÂŤhomens bonsÂť que tĂŞm estado Ă frente da associação e do seu corpo de bombeirosâ&#x20AC;?. NĂŁo fosse este sentido prĂĄtico e diligente, o responsĂĄvel admite que dado o vasto territĂłrio do concelho de Pombal, poderia muito bem haver trĂŞs ou quatro associaçþes detentoras de corpos de bombeiros, como acontece em concelhos vizinhos, alguns atĂŠ de muito menor dimensĂŁo. Para alĂŠm do corpo principal dos BVP, a corporação tem trĂŞs outras

PUBLICIDADE

SaĂşda os Bombeiros VoluntĂĄrios de Pombal pelo 1.Âş AniversĂĄrio do Quartel da 5.ÂŞ Companhia - Oeste

30372

Rua Alexandre Henriques, n.Âş 12 - 3100-682 Santiago de LitĂŠm 3RPEDO7HOHI7HOHP

O actual quartel-sede estĂĄ localizado na rua do Professor Doutor Carlos Mota Pinto, em Pombal

ZZZĂ&#x20AC;RUGDVHUUDSW_Ă&#x20AC;RUGDVHUUD#JPDLOFRP_LQIR#Ă&#x20AC;RUGDVHUUDSW

Felicita os Bombeiros VoluntĂĄrios de Pombal pelo 1.Âş AniversĂĄrio do Quartel da 5.ÂŞ Companhia - Oeste

30373

Localização privilegiada no centro da aldeia Excelente exposição solar - Rodeado de amplos espaços verdes - Quartos duplos e individuais com instalaçþes sanitårias privativas e aquecimento FHQWUDOFDSHODVDODGHHVWDUHVDODGHUHIHLo}HV


25 QUINTA-FEIRA

POMBAL

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

estruturas, respectivamente, o Destacamento MĂłvel do Carriço, a 4.ÂŞ Companhia (Louriçal) e a 5.ÂŞ Companhia Oeste (Guia, Ilha e Mata Mourisca). â&#x20AC;&#x153;O concelho de Pombal, devido Ă sua dimensĂŁo

15

www.campeaoprovincias.com

e aos riscos associados, obriga-nos a estabelecer para cada estrutura operacional uma årea de actuação própria. Tem sido uma preocupação constante e permanente ter o socorro mais próximo da vítima

mas ĂŠ fundamental â&#x20AC;&#x201C; e tem sido a nossa bandeira â&#x20AC;&#x201C; funcionarmos como um todoâ&#x20AC;?, sustenta o comandante. O programa das comemoraçþes do centenĂĄrio foi iniciado a 14 de Maio deste ano, ainda no âmbi-

to das cerimónias do 99.º aniversårio. Uma das acçþes jå desenvolvidas foi a assinatura de um protocolo de geminação entre a Associação Humanitåria dos Bombeiros Voluntårios de Pombal e

cinco congÊneres, constituídas em 1912, respectivamente, a Associação Humanitåria dos Bombeiros Voluntårios de OurÊm, a Associação Humanitåria dos Bombeiros Voluntårios do Dafundo, a Associação

Humanitåria dos Bombeiros Voluntårios do Faial (Açores), a Associação Humanitåria dos Bombeiros Voluntårios de Vila do Conde e a Associação Humanitåria dos Bombeiros Voluntårios de Carnaxide.

Viaturas e equipamentos de outros tempos são um registo valioso da história da corporação

Quartel da 5ÂŞ Companhia Oeste foi inaugurado hĂĄ um ano

População e bombeiros de mĂŁos dadas angariar fundos destinados a suportar a construção do novo quartel. Em 2006, quando tudo começou, o projecto foi bem acolhido mas nem por isso a tarefa se revelou fĂĄcil. JosĂŠ Carrilho recordava ao nosso Jornal que â&#x20AC;&#x153;o desafio foi aceite no princĂ­pio de que uma das missĂľes dos bombeiros ĂŠ estar perto das populaçþes, para que seja possĂ­vel prestar melhor e mais rĂĄpido socorroâ&#x20AC;?. Contudo, o custo da obra, cerca de 400 000 euros, obrigou a muito engenho e total empenho de todos, com o objectivo de angariar fundos para levar o projecto avante. O quartel, inaugurado hĂĄ cerca de um ano, ĂŠ a representação tangĂ­vel do esforço das populaçþes

e da disponibilidade dos    & < o próximo. JosÊ António Costa reconhece que a construção do quartel da 5.ª Companhia Oeste devese, em grande parte, ao



    "&#$  dos presidentes de junta e das populaçþes das freguesias da Guia, Ilha e Mata Mourisca. â&#x20AC;&#x153;Foram eles os grandes obreiros, nĂŁo esquecendo naturalmente todos aqueles que, com ou sem farda, investiram neste projectoâ&#x20AC;?, reconhece. A 5.ÂŞ Companhia Oeste dos Bombeiros Volun  * "&  de um corpo activo que, no total, integra cerca de 200 elementos apoiados por 60 viaturas. Esta estrutura de proximidade, que serve

O quartel veio trazer novas condiçþes aos bombeiros para desempenharem a sua missão

trĂŞs freguesias do concelho, assim como as outras, estĂĄ na linha da frente de &      

particular mas tem na sua retaguarda um efectivo &         9  ~ 

  X   $  ĂŠ a mesma e partilhada por todosâ&#x20AC;?, esclarece o comandante.

PUBLICIDADE

Felicita os B.V. Pombal pelo serviço prestado à população

Gerente: Armindo Rodrigues da Silva Telef.: 236 926 902 - Fax: 236 926 369 - Telem.: 966 003 220 GESTEIRA - 3100-037 ABIĂ&#x161;L - Pombal

PUBLICIDADE

Florista NatĂĄlia Flores

SĂłcio Gerente

Tel. 236 931 556 Tm. 966 829 724 CHĂ&#x192;O DE GAIA 3100-084 ALBERGARIA DOS DOZE

Rolo & Ferreira -

AgĂŞncia FunerĂĄria, Lda.

Felicitam os Bombeiros VoluntĂĄrios de Pombal pelo 1.Âş AniversĂĄrio do Quartel da 5.ÂŞ Companhia - Oeste

Rua dos Bombeiros Voluntårios, nº57 - 3105-165 Louriçal Tlf: +351 236 961 492 / +351 236 961 457

ELECTRICIDADE - CANALIZAĂ&#x2021;Ă&#x192;O - AQUECIMENTOS - PAINEIS SOLARES - AR CONDICIONADO

30370

Funerais em todo o País e Estrangeiro e toda a Documentação Necessåria

Felicita os B.V. Pombal pelo serviço prestado à comunidade

RUA 1.Âş DE MAIO - VĂ&#x2030;RIGO - 3105-297 PELARIGA - Pombal - Telef.: 236 215 087 - Telem.: 917 573 507

30378

Flores e Plantas Naturais Palmas, Coroas e Ramos para Noivas

Jorge Silva Rodrigues 29989

Obras Públicas e Construção Civil, Lda. Movimentação de Terras

30376

Felicita os B.V. Pombal pelo serviço prestado à população OP

O quartel da 5.ÂŞ Companhia Oeste dos Bombeiros VoluntĂĄrios de Pombal foi inaugurado em Setembro de 2011. TrĂŞs anos depois de ter sido iniciada a obra, este equipamento ĂŠ o resultado de um envolvimento muito prĂłximo dos autarcas e das populaçþes das freguesias da Ilha, Guia e Mata Mourisca, permitindo Ă corporação prestar um melhor serviço. HĂĄ cerca de um ano, na vĂŠspera do quartel ser inaugurado, JosĂŠ Manuel BugalhĂŁo Carrilho, responsĂĄvel da AssembleiaGeral da Associação HumanitĂĄria dos Bombeiros VoluntĂĄrios de Pombal, reconhecia que os autarcas â&#x20AC;&#x153;foram os grandes responsĂĄveis por haver um quartelâ&#x20AC;?. A criação de uma secção destacada dos Bombeiros VoluntĂĄrios de Pombal, destinada a servir as freguesias de Ilha, Guia e Mata Mourisca, partiu dos presidentes de junta, que  &   diligĂŞncias necessĂĄrias para


ASSAFARGE

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

DREC suprime docente do 1.Âş ano da EB1 cracia, ainda nĂŁo se tenha disponibilizado a dialogar com a Associação de Pais. â&#x20AC;&#x153;Queremos saber como podemos resolver este problema, mas quando lĂĄ fui disseram-me que tinha de ir a uma secretaria geral para marcar entrevista, o que em pleno sĂŠculo XXI parece-me muita burocra? "  â&#x20AC;&#x153;Estamos descontentes, porque o tratamento nĂŁo ĂŠ equitativo em relação a outras escolas do conce ? 

   a título de exemplo, às escolas congÊneres de Almedina e Cernache que tambÊm têm turmas com menos de dez alunos. AlÊm disso, acrescenta, a legislação prevê que quando hå uma criança 

  <   um número de alunos mais reduzido. A insatisfação Ê tanto maior na medida em que a Câmara Municipal de Coimbra lançou recentemente o projecto de  #$    -

Freguesia ĂŠ a que mais cresce no concelho

tabelecimento de ensino, reivindicado hĂĄ jĂĄ oito anos e cuja execução foi agora atribuĂ­da Ă Junta de Freguesia. â&#x20AC;&#x153;O projecto de requalificação vai remodelar a escola por completo, com grande esforço da Câmara Municipal, e vĂŁo remover uma professora? NĂŁo tem 7%?      que, os pais descontentes,        desta escola. â&#x20AC;&#x153;A Associação de Pais conseguiu para este ano lectivo mais uma funcionĂĄria Â&#x20AC;

  '~    { #$ Â&#x20AC;   cativo no ATL, pelo temos as condiçþes ideais para que a escola funcione com toda a normalidade, mas o facto ĂŠ que corremos o risco de a     ? " Pedro Pestana. A Escola BĂĄsica de Assafarge, freguesia que estĂĄ a registar um crescimento      7  e ATL remodelado recentemente pela Associação de Pais.

A escola tem refeitĂłrio, ATL e vai ser requalificada em breve pela Junta de Freguesia

BENEDITA OLIVEIRA

Assafarge Ê a freguesia do concelho de Coimbra que mais cresceu na última dÊcada, segundo os Censos 2011. O crescimento de residentes e de alojamentos superou os 20 por cento, à semelhança, aliås, do que jå sucedera no recenseamento geral de 2001. A freguesia contrasta   < #$   %ca do concelho que registou uma quebra na ordem dos 5.000 residentes. O crescimento populacional de Assafarge deve-se, nota o presidente da Junta de Freguesia, à proximidade com Coimbra e à facilidade de acessos. Carvalhais de Baixo, Algar e Palheira foram as localidades que registaram maior aumento de população e habitaçþes. Satisfeito com a evolução da freguesia, Alfredo Pereira considera que esta tendência deverå manter-se no futuro atÊ porque, observa, com a generalização do Cartão do Cidadão as     $   % automaticamente no caderno eleitoral da Junta de Assafarge. Face ao aumento populacional, e na medida em que a freguesia estå bem servida de infra-estruturas vocacionadas para a infância, a preocupação do executivo liderado por Alfredo Pereira passa pela construção de um lar de idosos, em '  *   o projecto, a Junta de Freguesia pretende vender um terreno para construção de três loteamentos.

O Executivo da Junta de Freguesia saúda a população de todos os lugares da Freguesia

30434

PUBLICIDADE

Um lar de idosos ĂŠ o projecto que Alfredo Pereira gostaria de ver iniciado atĂŠ ao final do mandato

â&#x20AC;&#x153;JĂĄ escriturĂĄmos o lar de idosos no dia 29 de Dezembro do ano passado e foi procedido ao  < 

  % ?         terreno em causa tem uma årea total de 6.800 metros quadrados. O pedido para a execução do projecto jå foi feito à Câmara, pelo que, confessa esperançado o presidente de Junta, a obra deverå arrancar atÊ ao final do mandato. O lar de idosos deverå ser gerido por uma IPSS, sendo que estå ainda       ída uma nova IPSS ou não. A ausência de uma rede de transportes

& Â&#x20AC; 7 u m a p a rte muito Revendedor bp GĂĄs restrita da freguesia ĂŠ Telef.: 239 438 178 abrangida Fax: 239 810 074 pelos SerTelem.: 916 134 821 lucasefonseca@oninet.pt viços Municipalizados

Lucas & Fonseca, Lda

bp GĂĄs

30416

A Direcção Regional de Educação do Centro (DREC) decidiu retirar a docente do 1.Âş ano da Escola BĂĄsica de Assafarge no ano lectivo que estĂĄ prestes a principiar. Em causa estĂĄ a diminuição do nĂşmero de alunos inscritos naquela  Â&#x2C6;Â&#x2DC;Â&#x2C6;Â&#x2C6;Â&#x20AC;

  os quais se conta uma crian#  ~  As alunos daquele grau de escolaridade deverão ser distribuídos pelas restantes turmas de ensino, solução que desagrada à Associação de Pais da EB1. O presidente da direcção da Associação, Pedro Pestana, contesta a decisão que considera ser injusta a  /   

 / nifestado o seu descontentamento junto do vereador municipal com o pelouro da Educação, JoĂŁo Orvalho. â&#x20AC;&#x153;Estamos muito desiludidos e politicamente achamos que a DREC nĂŁo estĂĄ a agir da melhor 

?  

 *   Pestana, lamentando que a DREC, escudada na buro-

Fabrico PrĂłprio de Bolos

30415

CARVALHAIS DE BAIXO - ASSAFARGE

AntĂłnio Paulo da Cruz Santos

SaĂşda os Carvalhais de Baixo e os restantes lugares CASAMENTOS da Freguesia BAPTIZADOS Rua Anjo de Portugal, 19 - 2495-415 FĂ TIMA Telem.: 916 031 992

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

ANIVERSĂ RIOS RECONCILIAĂ&#x2021;Ă&#x192;O

dos Transportes Urbanos de Coimbra, para grande 

 Â&#x20AC;&  que a Junta de Freguesia tenha ao dispor da população idosa uma carrinha que assegura o transporte atĂŠ ao Centro de SaĂşde de Castelo Viegas. Trata-se de um serviço necessĂĄrio, mas que deverĂĄ ser optimizado no inĂ­cio do ano, conta Alfredo Pereira, adiantando que â&#x20AC;&#x153;muito provavelmente este passarĂĄ a ser facultado        7  < ? O calcanhar de Aquiles da freguesia, refere o autarca, ĂŠ a manutenção das estradas, sendo que a situação mais premente ĂŠ a que liga Fontinhosa Ă Casa Amarela. â&#x20AC;&#x153;A extensĂŁo das nossas estradas ĂŠ incomportĂĄvel para a capacidade       % ? assegura o autarca que se manifesta apreensivo com a eventual fusĂŁo de freguesias no paĂ­s.

PUBLICIDADE

Abel Pinheiro Meneses & Filhos, Lda. Distribuição, Montagem e Instalação de Gås

- Refrigeração - Electricidade - ElectrodomÊsticos - Canalizaçþes - Reparaçþes - Montagens

Estrada Principal, 49 - Palheira - 3040-692 Assafarge - Coimbra Telef.: 239 438 551 - Fax: 239 810 456 - Telem.: 964 022 811

30420

16


25

QUINTA-FEIRA

VALE DAS FLORES

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

17

www.campeaoprovincias.com

Mostra de modelismo no CoimbraShopping

Exposição com motas históricas

30109

O CoimbraShopping conta com um total de 66

lojas e estå localizado no Vale das Flores, zona servida por uma extensa rede de transportes. O centro comercial inclui o hipermercado Continente, uma zona de restaurantes, com praça central, e estacionamento gratuito com capacidade para 1 100 viaturas. 30104

30110

30120

EstĂĄ patente no â&#x20AC;&#x153;Es- promover o que de melhor rector do CoimbraShop- mente, â&#x20AC;&#x153;reforçar a parceria paço Câ&#x20AC;? do CoimbraSho- se faz a nĂ­vel da cultura e do ping, â&#x20AC;&#x153;ĂŠ com grande en- do CoimbraShopping com pping, no Vale das Flores, conhecimento, na cidade. tusiasmoâ&#x20AC;? que o centro a Associação de Modelismo atĂŠ 31 de Agosto, uma Desde a sua inauguração, comercial recebe mais esta do Centro e dinamizar este exposição de modelismo em Maio, o â&#x20AC;&#x153;Espaço Câ&#x20AC;? jĂĄ exposição de modelismo espaço de cultura e conhecom motas que fizeram recebeu uma exposição do no â&#x20AC;&#x153;Espaço Câ&#x20AC;? que vem, cimentoâ&#x20AC;?. histĂłria no mundo do mo- Museu de ConĂ­mbriga e simultaneatociclismo. Esta mostra uma exposição de aeromoAcordo com: ADM - PSP/SAD foi organizada em parceria delismo. com a Associação de MoPara MĂĄrio CLĂ?NICA AFONSO DIAS, LDA. delismo do Centro e tem Madeira, Centro MĂŠdico e DentĂĄrio como objectivo mostrar o d i que de melhor ĂŠ feito nesta Telef./Fax: 239 405 051 - Estrada da Beira, n.Âş 284 - r/c (Rotunda do Alto S. JoĂŁo) - 3030-173 COIMBRA arte que mobiliza tantos entusiastas em Portugal. O â&#x20AC;&#x153;Espaço C â&#x20AC;&#x201C; Coimbra, Cultura e Conhecimentoâ&#x20AC;? foi criado pelo CoimbraShopping Rua Casal dos Vagares - 3030 Coimbra e visa



CONSUMĂ?VEIS



ASSISTĂ&#x160;NCIA TĂ&#x2030;CNICA

Auto Reparadora do CalhabĂŠ, Lda.

Rua Carlos Seixas, 225 - 3030-177 Coimbra Telef. 239 701 100 - Fax: 239 703 265

www.craftypapersco.com crafty.papersandcompany@gmail.com

Apoia tecnicamente este SalĂŁo

30114

30127

30128

FRPHUFLDO#SÂżSW_ZZZSÂżSW

Workshops: - Quilling - Origami - Scrapbooking Encadernação Japonesa - TÊcnica de estampagem com carimbos - TÊcnica de pintura com Copics

Quartzo R Rosa cabeleireiro

Segunda a SĂĄbado 9.00h Ă s 19h30 Domingos 9.00h Ă s 13h00 - Feriados 9.00h Ă s 19h00 DESCONTO A ESTUDANTES CABELEIREIRO | MANICURE | PEDICURE

Rua Paulo Quintela, 171 - 3030 COIMBRA Telef.: 239 715 385 - Telef.: 937 730 083 golden19821@hotmail.com

e c o D

Lavandarias Serviços

Flor

MANUTENĂ&#x2021;Ă&#x192;O E REPARAĂ&#x2021;Ă&#x192;O AUTOMĂ&#x201C;VEL

     Estrada da Beira, 475 Telf. 239 714 414 3030-173 COIMBRA Fax 239 714 414 autorep_calhabe@hotmail.com REALISTA

Fabrico Caseiro de Broa de Milho

info@frutadaepoca.com

R. Paulo Quintela, 163 - 3000 COIMBRA Telef.: 239 401 648 30126

30122

Rua Câmara Pestana - Lote 3, Loja 14 - 3030 Coimbra Telef.: 239 716 372 - Telem.: 913 581 841

Faça a sua ondulação computorizada c/ 10% de Desconto

PASTELARIA - BOUTIQUE DE PĂ&#x192;O

30123

COMPUTADORES

29



Rua Augusto Marques Bom Lote 15 R/C, Loja 1 Coimbra Telef./Fax: 239 711 618

301

IMPRESSORAS

30105



30113

30119

Telef.: 239 493 021 - Fax: 239 493 022

Lavandarias

Entrega ao domicílio Serviço de restauração Serviço de limpeza a seco Packs de roupa ao Kg

Lic.2191AMI Estrada da Beira | 503 R/C B | 3030-173 Coimbra Telef.: 239 704 252 | Fax: 239 780 749 geralmn@gmail.com

927 422 786 - Coimbra - Vale das Flores 966 345 427 - V. N. Poiares - Av. Manuel Carvalho Coelho 962 782 203 - Lousã - Praça ç Så Carneiro

30121 30115

PPSIC - Programação e Sistemas InformĂĄticos, Lda. Rua Câmara Pestana, Lote 3 - Loja 8 â&#x20AC;&#x201C; 3030-163 COIMBRA Telefones: 239080536 / 936574440 â&#x20AC;&#x201C; geral@psic.pt - www.psic.pt

Abertas inscriçþes para classes de teatro

E s t ĂŁ o a b e rtas as inscriçþes para as classes de teatro no â&#x20AC;&#x153;TeatrĂŁoâ&#x20AC;?, que decorrerĂŁo semanalmente nas instalaçþes desta companhia na Oficina Municipal do Teatro, na r ua de Ped r o N u n e s, j u n t o a o Va l e d a s F l o r e s , e m Coimbra. As inscriçþes nas c l a s s e s d e t e a t r o, e m que podem participar a partir dos seis anos de idade, devem ser efectuadas, atĂŠ 23 de Se-

Software administrativo Computadores

tembro, na Oficina Municipal do Teatro, pelo telefone 239 7 1 4 0 3 1 , o t e l e m Ăł ve l 914 617 383, ou por email (g eral@oteatrao. com). As actividades de â&#x20AC;&#x153;O TeatrĂŁoâ&#x20AC;? nĂŁo pararam, em Agosto, tendo, na passada terça-feira, realizado-se mais uma sessĂŁo do ciclo â&#x20AC;&#x153;Leituras Atravessadasâ&#x20AC;?, esta com a presença de

Jorg e Palinhos, o primeiro de uma sĂŠrie de dramaturgos nacionais que durante a temporada 2011-12 vĂŁo colaborar com esta companhia. O mote para a discussĂŁo sobre o mundo de hoje foi a peça â&#x20AC;&#x153;Antes da meianoiteâ&#x20AC;?, obra distinguida em 2007 com o prĂŠmio Manuel Deniz Jacinto. A nova temporada da Oficina Muni-

cipal de Teatro (OMT) abre com mais um espetĂĄculo n ova - i o rq u i n o, â&#x20AC;&#x153; Yo u r Brother. Remember?â&#x20AC;?, feito a par tir de fragm e n t o s d e f i l m e s B, que inicia a dig ressĂŁo em Coimbra, antes da Culturg est (Lisboa) e de um percurso pela Europa. O espectĂĄculo estĂĄ agendado para 03 de Setembro, pelas 21h30, na sala g rande de â&#x20AC;&#x153;O TeatrĂŁoâ&#x20AC;?. No dia a seguir ao e s p e c t ĂĄ c u l o d e a b e r-

tura da temporada, o actor produtor da peça, Zachar y Oberzan, fala do seu trabalho na Tabacaria da OMT. AtĂŠ Dezembro â&#x20AC;&#x153;O TeatrĂŁoâ&#x20AC;? promete uma programação com muit a s a c t i v i d a d e s, a c o lhendo produçþes do ACERT, de Tondela, do Cine-Teatro Constantino Nery, de Matosinhos, e a estreia nacional de uma peça de Alfred de Musset - â&#x20AC;&#x153;Com o amor nĂŁo se brincaâ&#x20AC;? - feita pelos Ar tistas Unidos.


25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

ImobiliĂĄrias

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

Apoio domiciliĂĄrio 24 H

AUTOMĂ&#x201C;VEIS       ! ! ADĂ&#x2030;MIA - COIMBRA Telef.: 239 432 173 - 3020 COIMBRA www.ademiauto.pt

SERVIĂ&#x2021;OS: - Acompanhamento; - Higiene e conforto; - Apoio na alimentação; - Limpezas domĂŠsticas; - Babysitting.

28325

CLASSIFICADOS

18

7 dias por semana 365 dias por ano

No conforto da sua casa

WWW.EUROMERCANTE.COM

D I V E R S O S

Carros motas barcos a i es helic pteros telecomandados pistas de carros e comboios miniat ras de colec o its tintas ferramentas e acess rios

- - T1 na Rua Miguel Torga â&#x20AC;&#x201C; Solum

       www.forma-ideal.com/silvina Tlm. 919 550 527

   "

Desempeno de Chassis e Reparaçþes Gerais em Camiþes, Semi-Reboques e 4x4 Telef.: 233 959 722

# $%%&$%% '!(!!)* ! ! #+!,---./01 # #2!.23!4  0 .,&$$%$56

- T2, Edifício do Centro Comercial Atrium Solum, na Av Dr Elísio de Moura com estacionamento. Acabamentos de Luxo, cozinha italiana completamente equipada, aquecimento central, prÊ-instalação de ar condicionado. Edifício com Parque Infantil. - Terreno para construção sito na Lousã. à rea de Construção 765 m2 Marque a sua visita todos os dias da semana Telef.: 239 854 730 - Telem.: 917 225 640

'7 &6$ 0 7.589$:68%# 

ASSISTĂ&#x160;NCIA TĂ&#x2030;CNICA

28743

- T4 c/ garagem Rua Arlindo Vicente

CONTROLE O SEU PESO

1Âş Emprego /Desempregados Concelho: Coimbra Empresa implantada no Centro, de Comercio e Serviços exclusivos de marcas reconhecidas, estĂĄ actualmente a recrutar 15 pessoas para a ĂĄrea comercial As pessoas deverĂŁo possuir: - Boa Imagem - Idade mĂ­nima 18 anos - Disponibilidade imediata e para Full Time - Capacidade de Comunicação e argumentação - Atitude Positiva e divertida - Ambição e Dinamismo NĂłs Oferecemos Rendimentos crescentes (650 a 850â&#x201A;Ź mĂŠdios) em função do desempenho AdmissĂŁo Imediata Formação continua a cargo da empresa NĂŁo necessita experiĂŞncia Marcação de entrevista : 239716168/ 934855319 candidaturas.dep.rh@gmail.com

O U R O

E

V A L O R E S

28300

- T3 c/ sotĂŁo e garagem, em Sta. Clara

Centro Comercial irasol m 3. - 310 3030-327 Coimbra - Telef.: 239 110 025 Email: entretenimento@e romercante.pt

27737

( * + 2 (!

! + !  !2;! 0<!   +!.

28840

Tel: 965428381|932013490|915391740

ACTUALIDADE PS/Coimbra

â&#x20AC;&#x153;Dia da Concelhiaâ&#x20AC;? instituĂ­do em homenagem a Fausto O quar to aniversĂĄrio do falecimento do e u r o d e p u t a d o Fa u s t o Correia, dentro de mĂŞs e meio, vai ser associado Ă instituição do â&#x20AC;&#x153;Dia da Concelhiaâ&#x20AC;? do PS/ Coimbra, cujo Conselho Consultivo Permanente (CCP) se reunirĂĄ pela p r i m e i r a ve z a 0 8 d e Outubro. Do CCP farĂĄ parte, por exemplo, o Ăşltimo

presidente socialista da Câmara conimbricense, Manuel Machado, que teve em Carlos Cidade, actual líder local do PS, o respectivo chefe de gabinete. AlÊm do outrora edil, terão assento naquele órgão cidadãos independentes e outros antigos autarcas (ex-vereadores e ex-líderes da Assembleia Municipal), antigos líde-

res socialistas de âmbito distrital e antecessores de Cidade no plano partidårio. O referido Conselho destina-se a ser consultado pela Comissão Concelhia do PS/Coimbra e funcionarå atÊ como instância de provedoria, indicou o dirigente par tidårio Carlos JosÊ Martins. Ex-governante e ex-

deputado à Assembleia d a Re p ú b l i c a , a n t i g o líder da AcadÊmica/ OA F e o u t r o r a v i c e presidente da Câmara Municipal de Coimbra, Fausto Correia foi líder distrital do PS e deputado ao Parlamento Europeu (entre 2004 e 2007), tendo falecido, aos 55 anos de idade, em Bruxelas, vítima de doença súbita.

Tempo RĂĄdio do Clube da Comunicação Social de Coimbra ConversĂĄmos no tempo rĂĄdio do CLUBE DA COMUNICAĂ&#x2021;Ă&#x192;O SOCIAL DE COIMBRA com o EngÂş HERMINIO FERRAZ RAMOS sobre expe

         das no seu livro â&#x20AC;&#x153;O FEITIĂ&#x2021;O DAS ILHAS DO CACAUâ&#x20AC;?.


25 QUINTA-FEIRA

OPINIĂ&#x192;O

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

www.campeaoprovincias.com

Portugal e a ajuda externa

Em flagrante delito de vulgaridade intelectual opiniĂŁo, cuja publicação no boletim da Ordem lhe foi solicitada; â&#x20AC;&#x201C; Ofendeu a associaÂą$ÂżUPRXTXHÂł  RSR- ção pĂşblica Ordem dos Âł2 (VWDWXWR GD 2UGHP dos Advogados (E. O. A.) der judicial abafa corrupção DGYRJDGRV DR DÂżUPDU TXH coloca-os numa situação de magistrados (...)â&#x20AC;?; estes Âł  D2UGHPYDLDREROVR central na administração responderam com uma GRV DGYRJDGRV HVWDJLida justiça, como intermedi- pusilanimidade confrange- riosâ&#x20AC;?; iULRV HQWUH RV TXH SHGHP dora, malsĂŁ; â&#x20AC;&#x201C; Reiterou a ofensa â&#x20AC;&#x201C; Falou dos tribunais TXDQGRDÂżUPRXTXHÂł  D justiça e os tribunais, o que implica as normas de con- enquanto feudos de senho- 2UGHPWHPSUiWLFDVXVXUiduta impostas em geral aos res absolutos que sĂŁo os rias (...)â&#x20AC;?; juĂ­zes; estes responderam membros da Ordemâ&#x20AC;?. Âą0DLVGLVVHTXHÂł   Por maioria de razĂŁo ao com uma complacĂŞncia HVWD 2UGHP p PHGLHYDO´ ÂłJDQGKLFD´ EDVWRQiULR tudo isto perante a placiâ&#x20AC;&#x201C; Colocou a respeitabili- GH]LQGLJQDGRVyUJmRVGD Âł3RU RXWUR ODGR D DFção dos tribunais, que sĂŁo dade de alguns inconcretos Ordem e dos advogados; garantes da Justiça e, por magistrados no mesmo â&#x20AC;&#x201C; Evidenciou tiques de isso, com uma missĂŁo fun- SDWDPDU GD GRV ÂłSLGHV´ ÂłPDOWKXVLDQLVPR´SURÂżVVLRdamental num Estado de afirmando que sĂŁo temi- nal, ao estigmatizar os addireito, tem necessidade de dos mas nĂŁo respeitados; YRJDGRVHVWDJLiULRVFRQWUD FRQÂżDQoDGRS~EOLFR7HQGR aqueles responderam com a atribuição da Ordem de em vista o papel chave dos XP LQGLVIDUoiYHO VLOrQFLR reforçar a solidariedade advogados neste campo, SpGHSDYmRSDODFLDQR entre os advogados; â&#x20AC;&#x201C; Negou, reiteradamendeve aguardar-se que eles â&#x20AC;&#x201C; Utilizou, recentemencontribuam para o bom te, com manifesto abuso WH D H[SUHVVmR ÂłPDQDGD´ funcionamento da justiça e, de poder, informação a ao referir-se a advogados GHVWHPRGRSDUDDFRQÂżDQ- advogados; HVWDJLiULRV1mRKiQRWtFLD â&#x20AC;&#x201C; Obrigou a Ordem, a de qualquer participação ça do pĂşblico nestaâ&#x20AC;?. Por maioria de razĂŁo o cause, a gastos extraordi- crime e disciplinar por grosQiULRV FRP UHFXUVR D DG- seira ofensa Ă honra subEDVWRQiULR Rememoremos alguns vogados com consciĂŞncia MHFWLYD GRV GHVWLQDWiULRV esparsos casos, na his- de aluguer, para deduzir R TXH Vy SRU VL LVWR VLP WyULD UHFHQWH GD 2UGHP oposição a intimação para mais do que qualquer raD SURSyVLWR GH YDORUHV H informação; ]mRWpFQLFD pXPDcapitis Âą &HQVXURX ÂłSLGHV- deminutio maxima para o condutas, protagonizados SHOREDVWRQiULR camenteâ&#x20AC;?, dois artigos de exercĂ­cio da Advocacia; ORLANDO MAĂ&#x2021;ARICO

RICARDO FERRAZ*

Portugal enfrenta actualmente uma grave crise, com a maior dívida pública de sempre e com um dos mais elevaGRVGp¿FHVGRV~OWLPRVFHPDQRV3DUDDOpPGLVVRRSDtV QmRFUHVFHPXLWRSHORFRQWUiULRGHFUHVFHQmRSURGX]LQGR ULTXH]DVX¿FLHQWHSDUDWRUQDUDVVXDVFRQWDVVXVWHQWiYHLV 7DPEpPDRQtYHOGRHPSUHJRDWLQJLXHVWHDQRDPDLRU taxa de desemprego desde que existem dados estatísticos R¿FLDOPHQWHGLYXOJDGRV$RQtYHOGDSURGXWLYLGDGHRSDtV continua pouco produtivo, ao mesmo tempo que se encontra mais dependente do exterior no que concerne por exemplo DSURGXWRVSULPiULRVDSHVDUGHWHUH[FHOHQWHVFRQGLo}HV para produzir. ([LVWHPDLQGDPDLVIDFWRUHVHPRXWUDViUHDVFKDYHTXH FRQVLGHURTXHSHQDOL]DPJUDYHPHQWHRQRVVRSDtV3RUWXJDO tem hoje mais criminalidade e menos justiça, professores mais desmotivados e menos exigência na educação, mais rendimento social de inserção e menos pensþes e abonos de família, mais abortos e menos natalidade, e por último, casamentos entre pessoas do mesmo sexo e menos valores IDPLOLDUHV(PVXPDpHVWHQRHVVHQFLDORDFWXDOUHVXPR HFRQyPLFR¿QDQFHLURHVRFLDOSRUWXJXrV $MXQWDUDWRGRHVWHFHQiULR³KRUULELOLV´GHUHIHULUTXHR QRVVRSDtV¿FRXFRPDVXDVREHUDQLDFRORFDGDHPFDXVD ORJRDSyVDHQWUDGDGDGHVLJQDGD7URLND )XQGR0RQHWirio Internacional, Banco Central Europeu e Comunidade Europeia) que nos impôs um plano de resgate, com vista j REWHQomR GR HTXLOtEULR H VXVWHQWDELOLGDGH GDV ¿QDQoDV S~EOLFDVSRUWXJXHVDV(PWURFDIRLFRQFHGLGRXPHPSUpVWLmo a Portugal que ronda os 80 000 milhþes de euros (com MXURV UHSDUWLGRHPYiULDVWUDQFKHVSDUDID]HUIDFHjVVXDV QHFHVVLGDGHV¿QDQFHLUDV Apesar do plano ser doloroso, dado que incorpora meGLGDVGXUDVQmRKDYLDDOWHUQDWLYDFDVRFRQWUiULRRUHIHULGR HPSUpVWLPRQmRKDYLDVLGRYLDELOL]DGRH3RUWXJDOFHUWDPHQWH teria declarado bancarrota (recorde-se as palavras do anterior Ministro das Finanças, em Abril, que apontavam para TXH3RUWXJDOVySRVVXtVVHOLTXLGH]SDUDRVVHXVSDJDPHQWRV DWpDRPrVVHJXLQWH 3HUDQWHHVWHFHQiULRDOJXQVSDUWLGRV responsavelmente negociaram e assinaram o memorando GHHQWHQGLPHQWRFRPD7URLNDSRLVWDOJDUDQWLXTXHRQRVVR país continuasse a honrar os seus compromissos. O memorando específica um conjunto de medidas rigorosas e calendarizadas, com vista a atingir objectivos EHPHVSHFt¿FRVWDLVFRPRDUHGXomRGRGp¿FHRUoDPHQWDO GHSRUFHQWRGR3,%SDUDSRUFHQWRMiHP DEUDQJHQGRDVPDLVGLYHUVDViUHDVGHVGHDVD~GHjMXVWLoD a passar pela educação. Assim, espera-se que o Governo cumpra escrupulosamente o plano, tal como se espera que os partidos da oposição, (incluindo naturalmente quem o assinou), ajam responsavelmente e ajudem o actual executivo a cumprir aquilo que foi acordado com as instituiçþes europeias, pois VyDVVLPRSDtVSRGHUiXPGLDYROWDUDUHFXSHUDUDVREHrania perdida e ter novamente as suas contas equilibradas, criando-se desta forma, simultaneamente, condiçþes de crescimento e de criação de riqueza, que permita aumentar o bem-estar estar generalizado da população (famílias e empresas). Se todos remarmos para o mesmo lado, num futuro SUy[LPRDKHJHPRQLDTXHVHSHUGHXYROWDUiDEULOKDUQR nosso país! (*) Economista

FICHA TĂ&#x2030;CNICA EDIĂ&#x2021;Ă&#x192;O COIMBRA www.campeaoprovincias.com

19

â&#x20AC;&#x201C; Ignorou recomendação do Congresso extraRUGLQiULRV GRV DGYRJDGRV Ăşltimo, assim violando o art.Âş 39, 1) a do E. O. A; â&#x20AC;&#x201C; Tentou , Ă sorrelfa, sem a humildade e cultuUD GHPRFUiWLFD TXH WDQWR apregoou, rever o E. O. A., VHP SUpYLD DXVFXOWDomR H discussĂŁo interna; â&#x20AC;&#x201C; Condenou, sem julgar, os advogados Ă  prisĂŁo da opiniĂŁo pĂşblica, quando afirmou, generalizando, sem o mĂ­nimo escrĂşpulo de elegância moral, que Ki LQGtFLRV GH TXH DOJXQV advogados ou alguns esFULWyULRV VmR HVSHFLDOLVWDV em ajudar certos clientes a praticar determinado tipo de delitos, sobretudo na iUHD HFRQyPLFD 1mR VH ouviu um grito de alma sĂŁ revoltada; â&#x20AC;&#x201C; Manteve um vĂ­nculo WRWpPLFRFRPRDQWHULRUJRverno, instrumentalizando, DWp R EROHWLP GD 2UGHP para um branqueamento espĂşrio. &RP JHQWH ÂłHP IRUPD GH DVVLP´ UHVWDUi DOJXPD esperança para a Justiça? ( SDUD D FRQÂżDQoD GR pĂşblico ? (*) Advogado

VĂĄ sem pressa, faça uma prece! NĂŁo adianta apenas dispor leis para os indivĂ­GXRVeSUHFLVRSUHSDUiORV para a lei. Todos sabem que p SURLELGR EHEHU TXDQGR JOSĂ&#x2030; DE PAIVA NETTO* dirigir e que devem utilizar o cinto de segurança, resCelebramos, recente- forma, uma impossibilidade peitar a velocidade, sinais e mente, o Dia do Motorista. que, de repente, se torna faixas. No entanto, porque Aproveitemos o ensejo para realidadeâ&#x20AC;?. Realmente, a pTXHPXLWRVQmRFXPSUHP UHĂ&#x20AC;HWLUVREUHUHFHQWHUHODWy- maioria dos seres huma- essas normas? Talvez porrio da Organização Mundial nos nĂŁo pensa que um dia TXHQmRYDORUL]HPDSUySULD da SaĂşde (OMS) que apon- ÂłSDVVDUiGHVWDSDUDPHOKRU existĂŞncia. $ FDPSDQKD Âł9i VHP ta para uma triste realidade; ou para piorâ&#x20AC;?, de acordo pressa, faça uma prece!â&#x20AC;?, anualmente, jovens com com o seu comportamento promovida pela LegiĂŁo da menos de 25 anos totalizam na Terra. %RD9RQWDGHYLVDDFRQVO grande equĂ­voco da quase 400 000 mortes por desastres de trânsito. Sem +XPDQLGDGH p YLYHU FRPR ciencialização de motoriscontar milhĂľes deles que se se depois da morte nada tas e pedestres, para que IHUHPJUDYHPHQWHRXÂżFDP houvesse. Conforme nos YHQKDP D DFDWDU R FyGLJR revelam os Mentores Es- GHWUkQVLWRSRUDPRUjSUyincapacitados. Junto-me sempre aos pirituais, um dos maiores pria vida e Ă dos outros. Fica aqui, portanto, um que tĂŞm chamado a aten- GUDPDV QD 3iWULD GD 9HUpouco da nossa contribuição para o cuidado ao dirigir GDGHpDFKHJDGDGHPXOWLomRSDUDRÂżPGDYLROrQFLD nas cidades e nas estradas. dĂľes livres das algemas da Goethe (1749-1832), famo- carne, mas completamente nesse campo, de modo que so vate e escritor alemĂŁo, ignorantes do que seja o DYHORFLGDGHLUUHVSRQViYHO que ainda persiste nas ruas GHÂżQLXÂł$PRUWHpGHFHUWD Mundo InvisĂ­vel. (...)

Telefone 239 497 750 | Fax 239 497 759 | E-mail jornalcp@mail.telepac.pt Editor/Propriedade 5(*,92=(PSUHVDGH&RPXQLFDomR/GD Rua Adriano Lucas, 216 Az. D - Eiras 3020-430 Coimbra | NIPC: 504 753 711 Director-Adjunto5XL$YHODU UHVSRQViYHOH[HFXWLYRSRUHVWDHGLomR  | Gerente da Redacção -RVp )LGDOJR    H[W   _ Redacção Luís Santos (C.P. 722), Rui Avelar (C.P. 613), Benedita Oliveira (C.P. 6622), Geraldo Barros (C.P. 6555) e Luís Carlos Melo (C.P. 2555), Telefone 239 497 750 (ext. 55, 56 e 57), Fax 239 497 759 | Sede/

seja substituĂ­da por actos cada vez mais velozes de socorro Ă s pessoas em situação de pobreza e de respeito a todos. Eis o nosso OHPDÂł(GXFDomRH&XOWXUD Alimentação, Segurança, SaĂşde e Trabalho com Espiritualidade EcumĂŞnicaâ&#x20AC;? WDPEpP QR WUkQVLWR   Para alguns pode parecer sonho, mas tem dado resultados, pois ensina a criatura a reeducar-se. A consciencialização p R SULPHLUR SDVVR SDUD R ÂżP GD ÂłJXHUUD´ QDV HVWUDGDV 3DUD LVVR p PXLWR importante, acima de tudo, TXH D %RD 9RQWDGH HVWHMD presente entre motoristas e pedestres. 9LYDPRVWRGRVQyVHP SD]WDPEpPQRWUkQVLWR (*) Jornalista, radialista, escritor e presiresidente da LegiĂŁo da Boa Vontade â&#x20AC;&#x201C; www.lbv.pt

Redacção: Rua Adriano Lucas, 216 Az. D - Eiras 3020-430 Coimbra Director Comercial Carlos Gaspar Directora de Marketing e Publicidade Adelaide Pinto 239 497 750 (ext. 27), adelaide.pinto@mail.telepac.pt Paginação e Maquetagem Nuno Miguel Peres | ImpressĂŁo),*,QG~VWULDV*UiILFDV6$Rua Adriano Lucas, 3020-265 Coimbra | Distribuição 9$636RFLHGDGHGH7UDQVSRUWHVH'LVWULEXLomR/GD5GD Tascoa, n.Âş 16 - 4.Âş Piso, 2745-003 Queluz, Telef. 214 398 500, Fax 214 302 499 Registo 65,3VRERQÂ&#x17E;,661,&6_DepĂłsito Legal n.Âş 127443/98 Preço de cada nĂşmero 0,75\ Assinatura anual 29,93\ | Tiragem mĂŠdia: 9.000 exemplares

2VSDJDPHQWRVSDUDR&DPSHmRGDV3URYtQFLDVHPFKHTXHGHYHPVHUHPLWLGRVHPQRPHGH³5HJLYR](PSUHVDGH&RPXQLFDomR/GD´7DPEpPSRGHPVHUIHLWRVSRUWUDQVIHUrQFLDEDQFiULDDWUDYpVGR1,%


PASSATEMPOS

20

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

PALAVRAS CRUZADAS â&#x20AC;&#x201C; Problema n.Âş 237

CINCO PALAVRAS RELACIONADAS COM EUROPA

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

PROBLEMA N.Âş 237/A

Tema de hoje â&#x20AC;&#x201C; EUROPA

Utilizando todas as sĂ­labas constantes do quadro, formar cinco palavras relacionadas com Europa. HORIZONTAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Europa. Europa. 2 â&#x20AC;&#x201C; Ode. Ti. Nome de letra grega (pl). 3 â&#x20AC;&#x201C; Voa. Europa. Associação de Seguradores Privados em Portugal (abr). 4 â&#x20AC;&#x201C; Verdadeira. Preguiça. Com. OlĂĄ! 5 â&#x20AC;&#x201C; Aragem. AlĂşmen. Passado. Corifeu. 6 â&#x20AC;&#x201C; Quer. Estrada Nacional (abr). Descobre. Causas. 7 â&#x20AC;&#x201C; RangĂ­fer. Dito de viva voz. 8 â&#x20AC;&#x201C; Anual. Europa. Europa. 9 â&#x20AC;&#x201C; Europa. Felicitais. VERTICAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Europa. Confederação dos Agricultores de Portugal (abr). 2 â&#x20AC;&#x201C; Europa. Casamento. 3 â&#x20AC;&#x201C; Europa. Europa. 4 â&#x20AC;&#x201C; Limitada (abr). Laço. 5 â&#x20AC;&#x201C; Seguia. AmĂŠm. 6 â&#x20AC;&#x201C; Europa. 7 â&#x20AC;&#x201C; Cevado. Bate. 8 â&#x20AC;&#x201C; Milheiro. Europa. 9 â&#x20AC;&#x201C; SĂ­mbolo de prata. MinistĂŠrio da SaĂşde (abr). 10 â&#x20AC;&#x201C; Agre. 11 â&#x20AC;&#x201C; Porte. Europa. 12 â&#x20AC;&#x201C; Mastigue. AgĂŞncia Europeia de Defesa (abr). 13 â&#x20AC;&#x201C; Essa pessoa. Europa. 14 â&#x20AC;&#x201C; Mulheres. Desfruta. 15 â&#x20AC;&#x201C; Europa. Eu.

PRĂ&#x2030;MIOS â&#x20AC;&#x201C; Obra literĂĄria, oferta da PORTO EDI725$3UpPLRVXUSUHVDRIHUWDGHĂ&#x2C6;*8,$HQRÂżQDOGR mĂŞs, mais um prĂŠmio especial â&#x20AC;&#x201C; DiciopĂŠdia 2010, valiosa e Ăştil oferta, edição da PORTO EDITORA MULTIMĂ&#x2030;DIA. PRAZO PARA REMESSA DE SOLUĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES â&#x20AC;&#x201C; AtĂŠ ao dia 15 do prĂłximo mĂŞs. ENVIO DE SOLUĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES â&#x20AC;&#x201C; Ernesto Lopes Nunes, Beco dos Unidos, n.Âş 3, Espadaneira, 3045 â&#x20AC;&#x201C; 162 Coimbra. PREMIADOS Passatempos n.Âş 229: VĂ­tor Manuel Seia Russo, de Peniche, com livro da PORTO EDITORA; Maria Ernestina Ribeiro da Costa Coelho, de Coimbra, com prĂŠmio surpresa, oferta de Ă GUIA.

ENIGMA FIGURADO

Interpretando correctamente todos os símbolos e operaçþes apresentadas, encontrar-se-à uma conhecida expressão popular.

PALAVRAS CRUZADAS â&#x20AC;&#x201C; Problema n.Âş 238

SEIS FERRAMENTAS

HORIZONTAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Cidade de Portugal. Buracos. 2 â&#x20AC;&#x201C; Nome prĂłprio feminino. Desejo ardente. 3 â&#x20AC;&#x201C; PatrĂŁo. Disfarce. Modo. 4 â&#x20AC;&#x201C; Interjeição usada para interromper. Luminoso. Nota musical. 5 â&#x20AC;&#x201C; Rio de Portugal. Transportes AĂŠreos Portugueses (abr). 6 â&#x20AC;&#x201C; Robustez. Limalha. 7 â&#x20AC;&#x201C; Luta de atletas. Unir. 8 â&#x20AC;&#x201C; Nome prĂłprio masculino. Contudo. Somei. 9 â&#x20AC;&#x201C; VancĂŞs. Bordo. 10 â&#x20AC;&#x201C; Argolas. Piras. 11 â&#x20AC;&#x201C; Celebridade. Namoradas. VERTICAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Capital da EslovĂĄquia. 2 â&#x20AC;&#x201C; Fisga. Nome prĂłprio feminino. 3 â&#x20AC;&#x201C; Ligo. PriabĂłnicos. 4 â&#x20AC;&#x201C; SĂ­mbolo de gĂĄlio. Havido. 6XÂż[RGHFDUJRÂą&RVWXUD(VVHVÂą(VWUHOD$UDJHP Âą&DOLQDGD3UHÂż[RGHSULYDomRÂą,QWHUMHLomRGHDOtYLR Tabaco moĂ­do para cheirar. Antiga porcelana do Oriente. 9 â&#x20AC;&#x201C; Nome de letra grega (pl). VocĂĄbulo. 10 â&#x20AC;&#x201C; Ombros. Cintilas. Âą&RQJUHVVRVFXOWXUDLVRXFLHQWtÂżFRV

SOLUĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES Palavras Cruzadas â&#x20AC;&#x201C; Problema n.Âş 229: Horizontais â&#x20AC;&#x201C; 1 â&#x20AC;&#x201C; vapor, gĂĄs, brisa. 2 â&#x20AC;&#x201C; ĂŠter, poses, usar. 3 â&#x20AC;&#x201C; nĂłs, polacos, ola. 4 â&#x20AC;&#x201C; t, amor, peal, g. 5 â&#x20AC;&#x201C; ONR, st, ri, age. 6 â&#x20AC;&#x201C; so, atĂŠ, ova, am. 7 â&#x20AC;&#x201C; tatu, uma, Ovar. 8 â&#x20AC;&#x201C; cĂŠu, raladas, obo. 9 â&#x20AC;&#x201C; amena, ora, ossos. Verticais â&#x20AC;&#x201C; 1 â&#x20AC;&#x201C; ventos, cĂĄ. 2 â&#x20AC;&#x201C; ato, notem. 3 â&#x20AC;&#x201C; pesar,AUE. 4 â&#x20AC;&#x201C; or, m, at, n. 5 â&#x20AC;&#x201C; r, postura. 6 â&#x20AC;&#x201C; porte, a. 7 â&#x20AC;&#x201C; gol, ulo. 8 â&#x20AC;&#x201C; asa, mar. 9 â&#x20AC;&#x201C; sec, ada. 10 â&#x20AC;&#x201C; sopro, a. 11 â&#x20AC;&#x201C; b, seivoso. 12 â&#x20AC;&#x201C; ru, a, av, s. 13 â&#x20AC;&#x201C; isola, aos. 14 â&#x20AC;&#x201C; sal, garbo. 15 â&#x20AC;&#x201C; aragem, os. Problema n.Âş 229/A: Horizontais â&#x20AC;&#x201C; 1 â&#x20AC;&#x201C; atmosfera. 2 â&#x20AC;&#x201C; ali, aei, omo. 3 â&#x20AC;&#x201C; ui, clima, aC. 4 â&#x20AC;&#x201C; rama, s, modo. 5 â&#x20AC;&#x201C; adoça, bicos. 6 â&#x20AC;&#x201C; ara, c, mar. 7 â&#x20AC;&#x201C; g, armadas, c. 8 â&#x20AC;&#x201C; rol, ovo, ora. 9 â&#x20AC;&#x201C; al, trama, ir. 10 â&#x20AC;&#x201C; tolo, r, bafo. 11 â&#x20AC;&#x201C; aroma, saias. Verticais â&#x20AC;&#x201C; 1 â&#x20AC;&#x201C; aura, grata. 2 â&#x20AC;&#x201C; aliada, olor. 3 â&#x20AC;&#x201C; ti, moral, lo. 4 â&#x20AC;&#x201C; m, caçar, tom. 5 â&#x20AC;&#x201C; OAL, a, mor, a. 6 â&#x20AC;&#x201C; seis, cavar. 7 â&#x20AC;&#x201C; fim, b, dom, s. 8 â&#x20AC;&#x201C; e, amima, aba. 9 â&#x20AC;&#x201C; ro, pcaso, ai. 10 â&#x20AC;&#x201C; amador, rifa. 11 â&#x20AC;&#x201C; ocos, caros. Leia o provĂŠrbio: NĂŁo cuspas para o ar que te pode cair na cara. Enigma figurado: Quem vai ao ar perde o lugar.

PROBLEMA N.Âş 238/A

Tema de hoje â&#x20AC;&#x201C; FERRAMENTAS

Utilizando todas as sĂ­labas constantes do quadro, formar o nome de seis ferramentas.

HORIZONTAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Ferramenta. Ferramenta. Ferramenta. 2 â&#x20AC;&#x201C; Passais. Acreditar. Peixe frequente das costas do Algarve. Outra pessoa. 3 â&#x20AC;&#x201C; Cor que ĂŠ semelhante de tonalidade acastanhada. Combatem. 4 â&#x20AC;&#x201C; Pratiquei. SĂ­mbolo de maxvell. Ferramenta. Associação AcadĂŠmica de Coimbra (abr). 5 â&#x20AC;&#x201C; Derivação. Nome prĂłprio feminino. 6 â&#x20AC;&#x201C; EstĂĄs. Rente. Regras de conduta estabelecidas para os utilizadores da internet (sigla). Obrigaçþes do Tesouro (abr). 7 â&#x20AC;&#x201C; Ferramenta. Ferramenta. Ferramenta. 8 â&#x20AC;&#x201C; Tosta. Ferramenta. Julgas. 9 â&#x20AC;&#x201C; Verdadeiro. Nome prĂłprio feminino. VERTICAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Ferramenta. 2 â&#x20AC;&#x201C; Aos. Velocidade. 3 â&#x20AC;&#x201C; Ferramenta. RĂŠis (abr). 4 â&#x20AC;&#x201C; Reconhecimento Ăłptico de caracteres (sigla). $GRUQDUÂą/DYUHP6XÂż[RGHUHIHUHQWHDÂą)HUUDPHQWD SO  Ferramenta. 7 â&#x20AC;&#x201C; Para. Nome prĂłprio masculino. 8 â&#x20AC;&#x201C; Quarenta e nova romanos. 9 â&#x20AC;&#x201C; Antiga porcelana do Oriente. Punhado. Âą)HUUDPHQWD6XÂż[RGHRULJHPÂą)HUUDPHQWD,QWHUMHLomR de cansaço. 12 â&#x20AC;&#x201C; Nome prĂłprio feminino. Declaração escrita de dĂ­vida em que o devedor se obriga ao pagamento em data certa. 13 â&#x20AC;&#x201C; MinistĂŠrio da Administração Interna (abr). Continuar. 14 â&#x20AC;&#x201C; SĂ­mbolo de rĂĄdio. Suavizes. 15 â&#x20AC;&#x201C; Ferramenta (pl).

PRĂ&#x2030;MIOS â&#x20AC;&#x201C; Obra literĂĄria, oferta da PORTO EDITORA; 3UpPLRVXUSUHVDRIHUWDGHĂ&#x2C6;*8,$HQRÂżQDOGRPrVPDLV um prĂŠmio especial â&#x20AC;&#x201C; DiciopĂŠdia 2010, valiosa e Ăştil oferta, edição da PORTO EDITORA MULTIMĂ&#x2030;DIA. PRAZO PARA REMESSA DE SOLUĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES â&#x20AC;&#x201C; AtĂŠ ao dia 15 do prĂłximo mĂŞs. ENVIO DE SOLUĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES â&#x20AC;&#x201C; Ernesto Lopes Nunes, Beco dos Unidos, n.Âş 3, Espadaneira, 3045 â&#x20AC;&#x201C; 162 Coimbra. PREMIADOS Passatempos n.Âş 230: Julieta Soares Martinho, do CacĂŠm, com livro da PORTO EDITORA; Francisco JosĂŠ da Costa Ferreira, de Coimbra, com prĂŠmio surpresa, oferta de Ă GUIA; e MĂĄrio Martins MĂłnica Bernardo, de Lisboa, com DiciopĂŠdia 2010, oferta da PORTO EDITORA.

ENIGMA FIGURADO

Interpretando correctamente todos os símbolos e operaçþes apresentadas, encontrar-se-à uma conhecida expressão popular.

HORIZONTAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Atravessar. Senhora. 2 â&#x20AC;&#x201C; Nota musical. Argola. Acordo. 3 â&#x20AC;&#x201C; GalĂŁo. Regulo. 4 â&#x20AC;&#x201C; Fogacho. Nome de letra (pl). 5 â&#x20AC;&#x201C; Fedor. Charruas. 6 â&#x20AC;&#x201C; O. FĂŠcula. SĂ­mbolo de actĂ­nio. 7 â&#x20AC;&#x201C; Orgia. Ribanceira. 8 â&#x20AC;&#x201C; Receio. Amir. 9 â&#x20AC;&#x201C; Febo. Cântico. 10 â&#x20AC;&#x201C; ResidĂŞncia. (VFDVVD 3DODYUD TXH QR GLDOHFWR SURYHQoDO VLJQLÂżFD VLP 11 â&#x20AC;&#x201C; Gume. Pichelingue. VERTICAIS 1 â&#x20AC;&#x201C; Que ĂŠ prĂłprio de animais. Linguagem oral. 2 â&#x20AC;&#x201C; Grandiosos. Tranquilidade. 3 â&#x20AC;&#x201C; Altar. Bem. 4 â&#x20AC;&#x201C; SĂ­mbolo de rĂĄdio. Nome prĂłprio masculino. 5 â&#x20AC;&#x201C; Ligo. Cidade de Portugal. 6 â&#x20AC;&#x201C; Trabalhador. EstĂŠril. SĂ­mbolo de ĂĄstato. 7 â&#x20AC;&#x201C; Inundado. Peixinho. Âą6LQD3UHÂż[RGHVHSDUDomRÂą-Xt]R$GRURÂą6LQyQLPR (abr). Perito. 11 â&#x20AC;&#x201C; Estima. Sem cabelo.

SOLUĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES Palavras Cruzadas â&#x20AC;&#x201C; Problema n.Âş 230: Horizontais â&#x20AC;&#x201C; desfile, colares. 2 â&#x20AC;&#x201C; erre, atros, gola. 3 â&#x20AC;&#x201C; dĂĄ, rasa, soou, ai. 4 â&#x20AC;&#x201C; a, aro, ulo, a. 5 â&#x20AC;&#x201C; lado, a, a, heis. 6 â&#x20AC;&#x201C; coser, brasa. 7 â&#x20AC;&#x201C; lar, refegai, tri. 8 â&#x20AC;&#x201C; abegoa, f, casear. 9 â&#x20AC;&#x201C; mama, linha, essa. Verticais â&#x20AC;&#x201C; 1 â&#x20AC;&#x201C; dedal, lam. 2 â&#x20AC;&#x201C; era, acaba. 3 â&#x20AC;&#x201C; sr, adorem. 4 â&#x20AC;&#x201C; ferros, ga. 5 â&#x20AC;&#x201C; i, ao, ero. 6 â&#x20AC;&#x201C; las, areai. 7 â&#x20AC;&#x201C; eta, f, i. 8 â&#x20AC;&#x201C; r, EFN. 9 â&#x20AC;&#x201C; cos, g, h. 10 â&#x20AC;&#x201C; oso, abaca. 11 â&#x20AC;&#x201C; l, ou, ria. 12 â&#x20AC;&#x201C; agulha, se. 13 â&#x20AC;&#x201C; ro, oestes. 14 â&#x20AC;&#x201C; ela, iaras. 15 â&#x20AC;&#x201C; saias, ira. Problema n.Âş 230/A: Horizontais â&#x20AC;&#x201C; 1 â&#x20AC;&#x201C; moda, a, cava. 2 â&#x20AC;&#x201C; ir, bolso, ar. 3 â&#x20AC;&#x201C; galos, arola. 4 â&#x20AC;&#x201C; aram, u, alĂŠm. 5 â&#x20AC;&#x201C; r, cautela, e. 6 â&#x20AC;&#x201C; ia, mil, si. 7 â&#x20AC;&#x201C; ar, calar, ta. 8 â&#x20AC;&#x201C; coros, sacar. 9 â&#x20AC;&#x201C; usar, p, raso. 10 â&#x20AC;&#x201C; t, marotos, m. 11 â&#x20AC;&#x201C; avaro, isola. Verticais â&#x20AC;&#x201C; migar, acuta. 2 â&#x20AC;&#x201C; orar, iros, v. 3 â&#x20AC;&#x201C; d, laca, rama. 4 â&#x20AC;&#x201C; aboma, corar. 5 â&#x20AC;&#x201C; os, umas, ro. 6 â&#x20AC;&#x201C; al, Ăştil, pĂł. 7 â&#x20AC;&#x201C; sa, elas, ti. 8 â&#x20AC;&#x201C; coral, raros. 9 â&#x20AC;&#x201C; a, olas, caso. 10 â&#x20AC;&#x201C; vale, itas, l. 11 â&#x20AC;&#x201C; arame, aroma. Cinco palavras relacionadas com costura: Manequim, tesoura, alfinete, vestido, bainha. Enigma figurado: Fio e linha meia costura.


25

QUINTA-FEIRA

SANTA CLARA

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEÃO DAS PROVÍNCIAS

21

www.campeaoprovincias.com

Futevólei teve prova europeia no Fórum Decorreu no passado fim-de-semana no espaço do Fórum Coimbra, em Santa Clara, uma das principais provas mundiais de Futevólei. O “European Challenge Footvolley 2011” contou com a presença de 12 equipas na luta pelo título de campeão da Europa da modalidade e por um ‘prize money’ de 1 800 euros.

Em competição estiveram, entre outras, as selecções da Alemanha, Holanda, França, Espanha, Itália e Inglaterra, para além da selecção portuguesa, e depois de três dias intensos vieram as decisões, com os italianos Paolo Mazzieri e Francesco Montanari a disputar a final com a dupla portuguesa Carlos Batista/Miguel Pinhei-

ro. Num jogo verdadeiramente emocionante, discutido ponto a ponto, foram mais felizes e eficazes os primeiros, que obtiveram a consagração. O jogo pelo derradeiro lugar do pódio, antes da grande final, foi um duelo entre Portugal e Israel, colocando frente a frente Tiag o Melo/ Pedro Salvador e Amir Zohar/Lior Baum. A du-

pla portuguesa, que vem conseguindo ao long o dos últimos meses um bom nível e com resultados positivos, acabou por vencer e garantir a terceira posição. Para a realização do campeonato foram necessários quatro dias de preparação do recinto, o qual levou 190 toneladas de areia transportada por 12 camiões.

CARDIOLOGIA

29731

Massagem Terapêutica e Bioenergética 'UHQDJHP/LQIiWLFD0DQXDO_5HÀH[RORJLD Tratamento de Corpo e Rosto Auriculoterapia | Shiatsu 29863

29854

29858

Urb. Quinta da Várzea - Lt. 15 - Lj. 8 Coimbra (Quinta das Lágrimas) Telem.: 918 385 335 - 965 683 198

Seguros em Sta. Clara é com Tranquilidade

Venha sentir o poder dos Óleos Essenciais

Rua Amorim Girão - Lote 15 - Loja 9 Quinta da Várzea - 3040-390 Coimbra Telef.: 239 810 310 - Fax: 239 810 311 Telem.: 912 342 829

Existem bons momentos na vida... torne-os inesquecíveis.

Urbanização Quinta da Várzea II Lote 15, A1 | Loja 2 | Sta. Clara | 3040-267 Coimbra Telef.: 239 101 897 | Telem.: 938 469 505

Rua Carlos Alberto Pinto Abreu, Loja 11A Sta Clara (Junto ao Portugal dos Pequenitos) Telef.: 239 814 357 / 918 284 481

Reiki | Massagem de Som Drenagem Linfática Depilação com Linha | Consultas Outras terapias de Bem Estar

29746

Rua António Augusto Gonçalves Santa Clara - Coimbra

Aromaterapia (Terapia de cura pelos aromas)

29852

a

29853

CONSULTAS DE CARDIOLOGIA Electrocardiograma Prova de Esforço EXAMES Holter Ecocardiograma Doppler Cardíaco Mapa

Paula Moura Instituto de Belez Recordatório Bar Galeria de Arte Posto Turismo

29740

Gina Alves | Carlos Lopes

Rua António Augusto Gonçalves Urbanização Quinta da Várzea -Lote 25, n.º 93 , Loja 3 3040-241 Coimbra 916 963 689 * 913 568 472 E-mail: era-de-aquario@hotmail.com

BEST WESTERN H

O Há 23 anos a privile TEL D. LUIS - Coimbra giar os nossos clie ntes!

www.civilinsp.pt

Restaurante Panoram

a

qu il os , os pa la da

JÁ ABRIU

re s de se m pr e

Best Western hotel D. Luis Telef.: 239 80 2 120 - Fax: 2 39 445 196 comercial@h oteldluis.pt

Aberto das 10h às 24h 29733

M om en to s tr an

Marujo - Coimbra (Em frente ao Mosteiro de Santa Clara, a 20 metros do Portugal dos Pequenitos)

www.marujo.com.pt

29857

29742

Av. João das Regras, 68/70 - Santa Clara 3040-256 COIMBRA - Telef.: 239 441 135

29672

DOÇARIA CONVENTUAL: Pastéis de Tentúgal, Lorvão e Sta. Clara | Barrigas de Freira Arrufadas de Coimbra | Queijadas de Tentúgal

Estrada da Guarda Inglesa - Santa Clara Telef.: 239 441 249 - Fax: 239 440 962 3040-193 COIMBRA

29865

O seu parceir o à boa mesa Carta de vinhos co m 123 rótulos Menu com 60 suge stões diárias dife rentes

AUTO PNEUS SANTA CLARA, LDA

Cabeleireiro - Instituto de Beleza NOVOS SERVIÇOS 'HSLODomRGH¿QLWLYDOX]SXOVDGD - Acunpunctura - Radiofrequência - Cavitação - Tatuagens - Mesoterapia

SISTEMAS DE CLIMATIZAÇÃO E GÁS

Quinta da Cavada - Cegonheira 3040-585 Antanhol Telef./Fax: 239 985 545 - Telem.: 91 820 70 86 jmgirao@gmail.com 29674

Empresa credenciada - Gás D.G.E. N.º 932 - I.N.E.T.I.: Energia solar

29673

GABINETE DE CONTABILIDADE E AUDITORIA FISCAL

29859

J. M. Girão Consultoria, Lda.

Telef.: 239 810 463 - Fax: 239 810 464 Telem.: 934 568 605 - Brejo - Estrada da Ponte Fracção A - Antanhol - 3040-575 Coimbra Email: santaclaragas@stg.mail.pt

Urb. do Lagar, Lt 4, Lj 1 - Santa Clara 3040-002 Coimbra | Telef.: 239 104 949 Telem.: 964 821 944 | 910 844 325 E-mail: tecniartecabeleireiro@gmail.com


22

ONDE COMER BEM NA REGIĂ&#x192;O CENTRO

25

QUINTA-FEIRA

MĂşsica ao vivo Telef.: 239 842 140

DOCAS - COIMBRA

EM

S

E

C M ES

S B E

CARMINA DE MATOS RESTAURANTE

29839

29892

29900

SE

PEIXE: Ensopado do Mar, Bacalhau Ă Carmina, Lagarada de Polvo, Bacalhau de Broa e Espetada de Lulas c/ Gambas CARNE: Bife Ă  Carmina, Chanfana Ă  moda da casa, Espetada Ă  Carmina, ChurrascĂŁo Especial de Novilho e Cabrito Assado no Forno

Restaurante Com´AvĂł Fazia aposta em qualidade a baixo preço O restaurante/takeaway Com´AvĂł Fazia tem nova gerĂŞncia desde o passado dia 5 de Maio. Com 16 anos de experiĂŞncia no ramo, Elisabete Olaio e o marido, Victor Miguel, apostaram neste projecto que prima por uma excelente relação entre qualidade/preço. Localizado em EspĂ­rito Santo das Touregas, junto Ă escola primĂĄria, o restaurante tem uma vasta ementa ao dispor dos clientes, mas a principal aposta ĂŠ o buffet Ă  hora de almoço. â&#x20AC;&#x153;O conceito de buffet jĂĄ existia com a antiga gerĂŞncia e nĂłs demos continuidade, atĂŠ porque para as pessoas que dispĂľem de pouco tempo para almoçar ĂŠ mais prĂĄtico e rĂĄpidoâ&#x20AC;?, afirma a gerente, Elisabete Olaio, destacando que este serviço tem diariamente uma sopa e um prato de carne e de peixe diferente. O buffet ĂŠ composto ainda por saladas simples e compostas, fruta e sobremesas. Por cerca de 9 euros, os clientes

O restaurante estĂĄ localizado em EspĂ­rito Santo das Touregas

tĂŞm ainda direito a uma bebida e cafĂŠ. â&#x20AC;&#x153;Os pratos de buffet estĂŁo sempre ao dispor das pessoas e elas podem ser vir-se as vezes que quiserem,â&#x20AC;?, comenta, adiantando que o restaurante serve ainda â&#x20AC;&#x153;a la carteâ&#x20AC;? outros pratos. Entre as especialidades mais apreciadas pelos clientes, conta a responsĂĄvel, estĂĄ o arroz de pato e o bacalhau com natas. â&#x20AC;&#x153;Este serviço buffet ĂŠ disponibilizado de segunda a sexta-feira, mas estamos a pensar intro-

    aliado ao Requinte e Bom-Gosto

29899

30102

www.campeaoprovincias.com

TambĂŠm com reservas online em: www.aportuguesa.pt

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

duzi-lo tambĂŠm ao sĂĄbadoâ&#x20AC;?, acrescenta Elisabete Olaio. Ao jantar, os pedidos sĂŁo â&#x20AC;&#x153;a la carteâ&#x20AC;?, sendo que, refere, o restaurante tem menus especiais para grupos â&#x20AC;&#x201C; quando compostos por mais de 20 pessoas tambĂŠm poderĂĄ ser servido buffet. pratos de qualidade a preços convidativos. â&#x20AC;&#x153;Os vizinhos tĂŞm sido um belĂ­ssimo aliado quer do buffet quer do takeaway que funciona com os pratos do diaâ&#x20AC;?, relata, adiantando ter jĂĄ â&#x20AC;&#x153;bastan-

tes clientes fidelizadosâ&#x20AC;?. Entre os clientes habituais contam-se funcionĂĄrios do INEM, Hospital dos CovĂľes e Bluephar ma. â&#x20AC;&#x153;O avanço do Coimbra iParque tambĂŠm ĂŠ uma mais-valia para nĂłsâ&#x20AC;?, diz, adiantando que uma das empresas com que o restaurante tem parceria pertence Ă Ramos Catarino. Atendendo Ă  conjuntura economica-financeira, a gerente faz um balanço positivo dos primeiros meses de actividade, sendo, nota, o desafio agora ĂŠ dinamizar o serviço de catering e os jantares. â&#x20AC;&#x153;Sabemos que com preços baixos tem de se trabalhar mais para se alcançar os objectivos mĂ­nimos, mas com uma gestĂŁo equilibrada e rigorosa temo-lo conseguidoâ&#x20AC;?, observa a responsĂĄvel. Com quatro funcion ĂĄ r i o s, o r e s t a u r a n t e Com´AvĂł Fazia ser ve refeiçþes das 12h00 Ă s 15h00 e das 19h30 Ă s 22h00. O domingo ĂŠ o dia de descanso do pessoal.

Restaurante Luz

e Vida

2.ÂŞ a 6.ÂŞ DiĂĄrias a 6\

Praça 8 de Maio n.Âş 2 â&#x20AC;&#x201C; Coimbra â&#x20AC;&#x201C; Tlf.: 239 823 510 - Fax 239 964 034 Tlm. (gerente) 917 776 418 â&#x20AC;&#x201C; carminadematos@iol.pt www.restaurantecarminadematos.com

Jantares de Grupo por reserva (atĂŠ 50Px.)

Casa secular com condiçþes únicas e salþes particulares para baptizados especiais e inesquecíveis

GerĂŞncia de: Almerinda Santos Correia Quintas

29894

29893

Rua Dr. SimĂŁo da Cunha, n.Âş 55 - 3150-140 Condeixa-a-Nova Telef.: 239 942 263 - 239 941 062 - Telem.: 914 228 487

29898

Com serviço de Refeiçþes para fora | Encerra ao Såbado para descanso do pessoal

Largo do Romal, 16 - 3060-129 Cantanhede Telef: 231 420 010 - Fax. 231 429 183

Fernanda Fraga, Lda.

De: JosĂŠ Nunes de Oliveira Martins

Especialidades em Grelhados Peixe fresco e variedades de carnes 25003

NĂŁo somos melhores, somos diferentes

Casal de Almeida - 3130-423 Vinha da Rainha - Soure Telef.: 239 587 262 - Telem.: 968 034 123 / 968 816 271

Encerra aos SĂĄbados

Almoços Semanais a 8,00\

30054

Soldomondego

Encerra ao Domingo e Almoço de 2.ª

COZINHA PORTUGUESA COM TOQUE AFRICANO

ESPECIALIDADES: Bacalhau, Cabrito, Bifes, Peixe Fresco, Cachupas, Muambas, Calulus

JANTAR EMENTA ECONĂ&#x201C;MICA (sugerida pelo chefe) BAPTIZADOS E ANIVERSĂ RIOS

* Serviço de qualidade (mĂ­nimo de 10 pessoas com pratos iguais para todo o grupo SUJEITO A MARCAĂ&#x2021;Ă&#x192;O)

Telef. 239 010 175 | 964 857 747 | 239 047 169 | 963 042 539 NOVA URBANIZAĂ&#x2021;Ă&#x192;O - QUINTA DA PORTELA

Especialidades da casa: Arroz lĂ­nguas de bacalhau | Polvo Ă Lagareiro Bacalhau Ă  EscritĂłrio | Cabrito assado no forno Cabritinho na brasa | Nacos vitela Ă  Lagareiro

MODERNA COZINHA TRADICIONAL PORTUGUESA 30045

DIĂ RIA 7\ tudo incluĂ­do

MENUS DE GRUPO 2 pratos/pax = 12 \* 1 prato/pax = 10 \*

Rua JoĂŁo Machado, 29 (junto ao Hotel Tivoli) - Coimbra Telef.: 239 829 448

Com novos pratos tĂ­picos Portugueses SERVIĂ&#x2021;O DE TAKE AWAY

Encerrado a partir de 1 de Agosto com reabertura no dia 5 ao jantar

Contactos: 918 819 403 | 965 881 712 | 966 149 282 www.restaurantedonaxepa.com | donaxepa.geral@gmail.com Rua Ant.Âş Pinho Brojo, Lt. 56-A - Qta. da Romeira 3030-784 Coimbra

29971

Telef.: 239 914 819 - Fax: 239 918 233 - Fornos - Coimbra - Portugal


25

QUINTA-FEIRA

VINAGRETAS

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

www.campeaoprovincias.com

â&#x20AC;&#x153;Coimbra 1111â&#x20AC;? em Ăşltimas apresentaçþes Celebração da cidade de Coimbra, a propĂłsito dos 900 anos do seu foral, o espectĂĄculo â&#x20AC;&#x153;Coimbra 1111â&#x20AC;? reĂşne os actores dâ&#x20AC;&#x2122;O TeatrĂŁo e de vĂĄrios grupos de teatro amador numa reconstituição histĂłrica. O pĂşblico ĂŠ convidado a acompanhar as encenaçþes onde sarracenos, mouras encantadas e espĂ­ritos de tempos passados se juntam a actores, taberneiros e soldados, numa aventura pela Coimbra dos nossos dias, ao longo do percurso teatral pela zona medieval da cidade, partindo do Museu da Ă gua e culminando na praça da SĂŠ Velha. Com dramaturgia de Jorge Louraço Figueira, direcção cĂŠnica de Isabel Craveiro e direcção musical de Manuel Rocha, â&#x20AC;&#x153;Coimbra 1111â&#x20AC;? tem as Ăşltimas apresentaçþes agendadas para os dias 27 de Agosto e 10 de Setembro, a partir das 19h30. Participam neste espectĂĄculo os grupos O Celeiro, Teatro Amador de SĂŁo Silvestre, RouxinĂłis do Mondego, Teatro Amador de Ribeira de Frades, Grupo de Teatro de Sobral de Ceira, pais e alunos das classes de teatro dâ&#x20AC;&#x2122;O TeatrĂŁo, Arte Ă Parte e Rebimboâ&#x20AC;&#x2122;Malho. Interessados em assistir a esta encenação, devem fazer reserva atravĂŠs dos contactos 239 714 013, 914 617 383 ou pelo endereço electrĂłnico geral@oteatrao.com. Feira de antiguidades na praça do ComĂŠrcio

Em plena â&#x20AC;&#x153;Baixaâ&#x20AC;? da cidade de Coimbra, a praça do ComĂŠrcio recebe no prĂłximo sĂĄbado, dia 27 de Agosto, uma exposição e feira de velharias. Nesta mostra, que vai decorrer entre as 09h00 e as 19h00, podem encontrar-se antiguidades, peças de cerâmica, joalharia, ourivesaria, latoaria e utensĂ­lios para a casa. Os livros ocupam, tambĂŠm um lugar de destaque, com a presença de vĂĄrios alfarrabistas. A comissĂŁo responsĂĄvel pela organização desta feira ĂŠ composta por representantes do MunicĂ­pio de Coimbra (Departamento de Cultura), â&#x20AC;&#x153;Velhustroâ&#x20AC;?, PSP e Junta de Freguesia de S. Bartolomeu. Em Setembro, esta mostra e feira de velharias realizase no dia 24. Exposição de pintura no CAE da Figueira da Foz Carlos Moço e Parracho sĂŁo os artistas representados na mostra que pode ser visitada na sala PUBLICIDADE

23

de ZÊ Penicheiro, atÊ ao dia 14 de Setembro, no Centro de Artes e Espectåculos (CAE) da Figueira da Foz. De entrada gratuita, esta exposição da a conhecer alguns trabalhos dos dois artistas plåsticos, naturais de Buarcos. Ligado à cultura popular e nela inspirado, Carlos Moço Ê ceramista e expþe os seus trabalhos hå mais de uma dÊcada. Parracho Alves, professor, usa a tÊcnica do pastel para recriar nos seus quadros o ambiente típico do mar e da faina. Expþe regularmente desde 1997, participando em mostras colectivas e individuais. Companhia Marimbondo anima noites de veraneio

AtÊ ao final do mês de Agosto, a Companhia Marimbondo continua a animar a praia da Figueira da Foz. De quinta-feira a domingo, a partir das 21h30, a imaginação dos veraneantes Ê desafiada por personagens insólitas, malabaristas, tocadores de realejo, espectåculos de magia cómica e os espectåculos da banda Miss E@sy. O programa

de animação preparado pela companhia circense, sediada na LousĂŁ, integra vĂĄrios artistas nacionais e internacionais. Nos dias 26 e 27 de Agosto, a banda cĂłmica vai estar presente, tambĂŠm, no festival â&#x20AC;&#x153;Noites Ritualâ&#x20AC;?, que decorrerĂĄ nos jardins do PalĂĄcio de Cristal, no Porto. Inspirada nas matrafonas do carnaval de Torres Vedras, a banda Miss E@sy lançou, em 2008, o seu primeiro ĂĄlbum, intitulado â&#x20AC;&#x153;The Mom of the Yearâ&#x20AC;?. Neste momento estĂĄ a ser preparado o segundo registo   %  Vida polĂ­tica portuguesa em fotografia AtĂŠ ao dia 15 de Setembro, a galeria da Fnac Coimbra tem patente ao pĂşblico uma exposição de fotografias, intitulada â&#x20AC;&#x153;Momentos da Vida PolĂ­tica Portuguesaâ&#x20AC;?. A mostra, realizada com base em reproduçþes dos negativos originais que integram o espĂłlio do fotĂłgrafo AurĂŠlio da Paz dos Reis no Centro PortuguĂŞs de Fotografia, recorda episĂłdios da histĂłria de Portugal e de algumas das figuras dominantes da Primeira Re pĂşblica, designadamente, Afonso Costa, AntĂłnio JosĂŠ de Almeida e Bernardino Machado, entre outras.

V I N A G R E T A S

CĂşmulo da demora â&#x20AC;&#x201C; Um leitor do â&#x20AC;&#x153;CampeĂŁoâ&#x20AC;? acaba de enviar ao director do Departamento de Armas e Explosivos, um superintendente da PSP apelidado de Carrilho Bagina, um documento capaz de constituir um hino ao instituto da demora. Ă&#x2030; ler para crer.... â&#x20AC;&#x153;Reiâ&#x20AC;? da Madeira... igual a si prĂłprio â&#x20AC;&#x201C; Apesar de ter de pedir dinheiro ao Governo da RepĂşblica para honrar os compromissos imediatos assumidos perante empresas e fornecedores, o presidente do Governo Regional continua igual a si mesmo, que ĂŠ como quem diz, dono e senhor da Madeira, onde governa a seu bel prazer e sem dar cavaco a quem quer que seja. Recentemente, Alberto JoĂŁo Jardim recusou-se a falar Ă comunicação social e, dizendo que chamava a polĂ­cia, ameaçou expulsar de uma sacristia a jornalista do DiĂĄrio de NotĂ­cias da Madeira, que estava a cobrir a Festa de Nossa Senhora. Frustrado porque a repĂłrter nĂŁo lhe obedeceu e ainda teve â&#x20AC;&#x201C; imagine-se â&#x20AC;&#x201C; a ousadia de responder a algumas das suas provocaçþes, Jardim acusou-a de ser mal-criada e chamoulhe revolucionĂĄria, ao que a jornalista terĂĄ respondido... â&#x20AC;&#x153;Graças a Deusâ&#x20AC;?.

CARTOON Zaug

Olinda Rio ÂŤde velaÂť em Marrocos


Ă&#x161;LTIMA

24

25

QUINTA-FEIRA

www.campeaoprovincias.com

DE AGOSTO DE 2011 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

Condeixa-a-Nova

Jorge Bento operado aos intestinos O presidente da Câmara Municipal de Condeixaa-Nova, Jorge Bento (PS), foi sujeito a uma intervenção cirĂşrgica aos intestinos e teve alta sexta-feira (19), soube o â&#x20AC;&#x153;CampeĂŁo de fontes autĂĄrquicas. Segundo fontes partidĂĄrias, prĂłximas do pa-

ciente, o edil estĂĄ a reagir bem Ă cirurgia, realizada no Hospital dos CovĂľes (Coimbra). O autarca foi internado para tratamento Ă  vesĂ­cula, mas acabou por ter de ser operado aos intestinos. O edil jĂĄ esteve mais

do que uma vez na autarquia, esta semana, mas ainda não terå decidido se opta pela suspensão do mandato por alguns meses. Caso encare um hiato no desempenho de funçþes, Bento serå substituído pela vereadora

Margarida Guedes (por ele nomeada vice-presidente, em 2009, embora ela seja o terceiro membro da lista do PS e Nuno Moita da Costa o segundo). Os lĂ­deres camarĂĄrios tĂŞm a prer rog ativa de fazer recair em qualquer vereador a escolha para

vice-presidente, mas num cenårio de eventual renúncia de Bento a presidência do Município serå assegurada por Nuno Moita (líder concelhio do PS). Hå vårios anos na liderança da Câmara de Condeixa, Jorge Bento

tambĂŠm preside Ă Comunidade Intermunicipal do Baixo Mondego, constituĂ­da pelos municĂ­pios de Coimbra, Condeixa-a-Nova, Penacova, Soure, Montemor-o-Velho, Figueira da Foz, Cantanhede, Mira, Mealhada (Aveiro) e MortĂĄgua (Viseu).

PUBLICIDADE

CCDRC

Ruas Ê outro nome falado para sucessor de Alfredo Marques Fernando Ruas, líder da Associação Nacional de Municípios Portugueses e da Câmara de Viseu, Ê, agora, o nome de que se fala para suceder a Alfredo Marques na presidência da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC). Catedråtico da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, Marques desempenha o cargo de presidente daquela estrutura desconcentrada da Administração Central desde Setembro de 2005 (tendo sido investido volvido meio ano sobre a tomada de posse do primeiro Governo de JosÊ Sócrates). Igualmente economista, Fernando Ruas, com quem foi impossível falar imediatamente antes do fecho desta edição, preside à Mesa do Congresso do

PSD e ĂŠ um carismĂĄtico autarca do seu partido. Fontes partidĂĄrias auscultadas pelo â&#x20AC;&#x153;CampeĂŁoâ&#x20AC;? admitem tratar-se de uma pessoa vocacionada para liderar a CCDRC, mas outras fazem notar que o per    Â&#x203A; <   poderĂĄ excluir os autarcas. Outro economista, Ă lvaro Amaro, ex-secretĂĄrio de Estado, lĂ­der camarĂĄrio em Gouveia e presidente do Conselho da RegiĂŁo (ĂłrgĂŁo consultivo da CCDRC), ĂŠ outro potencial sucessor de Alfredo Marques, a par de Isabel Damasceno (gestora do Mais Centro - Programa Operacional Regional do Centro, mediante indicação da ANMP, e outrora lĂ­der da Câmara leiriense) e JosĂŠ Ribau Esteves (presidente da Câmara de Ă?lhavo).

Ă&#x201A;ngulo inverso

Ă&#x20AC; beira do precipĂ­cio... recuar! GERALDO BARROS

Sem paninhos quentes ou rodeios, Jacques Delors DÂżUPRXTXHÂłRHXURHD(XURSDHVWmRjEHLUDGRSUHFLStFLR´(PHQWUHYLVWDUHFHQWHDRVMRUQDLVIUDQFHVHVÂł/H6RLU´ HÂł/H7HPSV´RDQWLJRSUHVLGHQWHGD&RPLVVmR(XURSHLD GLVVHTXHpWHPSRGHDEULURVROKRVHTXHD(XURSDWHUi GHID]HUXPDHVFROKDVLPSOHVÂł2XRVHVWDGRVPHPEURV DFHLWDPDFRRSHUDomRHFRQyPLFDUHIRUoDGDTXHVHPSUH GHIHQGLRXWUDQVIHUHPPDLVSRGHUHVSDUDD8QLmR´GLVVH 'HORUV$RVDQRVRKRPHPFXMRQRPHKiGHSHUPDQHFHUSDUDVHPSUHOLJDGRjFULDomRGD8QLmR(XURSHLUDWHYH DFODULYLGrQFLDTXHWHPHVFDSDGRDRVGLULJHQWHVHXURSHXV VREUHWXGRDRVPDLVLQĂ&#x20AC;XHQWHVGHVLJQDGDPHQWH6DUNR]\ )UDQoD H0HUNHO $OHPDQKD GHTXHP-DFTXHV'HORUV GL]WHUHPSDVVDGRDRODGRGDUHDOLGDGHDRVXEVFUHYHUHP SURSRVWDVYDJDVHLQVXÂżFLHQWHVSDUDOLGDUFRPDFULVHÂł7DO FRPRHVWmRQmRVHUYHPSDUDQDGD´UHPDWRX9DOKDQRV DOJXpPTXHSHUDQWHRSUHFLStFLRQmRVHGHL[DHPSXUUDU SDUDDIUHQWHVySRUTXHVLP

jornal586_25_08_2011  

Edição em PDF do semanário Campeão das Províncias n.º 586, de 25/08/2011

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you