Page 1

FABRICO E MONTAGEM DE: VIDROS E ESPELHOS - VIDRO DUPLO - LAPIDADOS LAMINADOS TEMPERADOS e APLICAÇÃO - ACRÍLICOS - TERMOCLEAR COM PESSOAL ESPECIALIZADO 31561

Novas Instalações na Zona Industrial de Mira Polo II Telem.: 966 671 799 - Telef.: 231 452 225 - Fax: 231 452 113 - ONA INDUSTRIAL DE MIRA - 3070-337 MIRA - artimira@sapo.pt

31528

31541

Clínica Sorriso Simpático Medicina Dentária Especialidades Médicas Análise Clínicas

:: projectos :: :: direcção de obra :: :: loteamentos :: construção :: :: espaços comerciais ::

Drª. Sílvia Almeida Dr. Tiago Silva (Director Clínico)

Rua da Academia Urbanização Nova Arazede - Lote 2 3060-020 ARAZEDE Telef.: 239 607 264 - Telem.: 916 181 263 Clínica Cadima - 911 593 704

DIRECTOR LINA VINHAL

ESTE CADERNO FAZ PARTE INTEGRANTE DA EDIÇÃO 631 DE 04 JULHO DE 2012 E NÃO PODE SER VENDIDO SEPARADAMENTE

Urbanização Mira Oasis, núcleo A Lote 37 - 3070-731 Praia de Mira Telem.: 919 224 891 Email: arq.luisr@gmail.com

Rua das Escolas, 545 r/c | 3060-711 Tocha - Telef.: 231 441 084 - Telem.: 960 324 722 | manzanar@sapo.pt

31551

Diagnóstico Computorizado | Acupunctura, Mesoterapia Massagens (Relaxamento e Terapêuticas) | Nutricionismo e Estética

Expofacic decorre de 25 de Julho a 5 de Agosto

Cantanhede prepara-se para os 500 mil A Expofacic deste ano tem mais dois dias. Atendendo a esta circunstância e ao nível dos artistas convidados é expectátel que este certame chegue este ano os 500 mil visitantes, atingindo assim números perfeitamente invulgares para a nossa região.

31544

PUBLICIDADE


II

EXPOFACIC 2012

05

QUINTA-FEIRA

w w w . campeao p r o vin cia s.co m

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

Feira decorre de 25 de Julho a 5 de Agosto

Expofacic promete repetir êxito das ediçþes anteriores BENEDITA OLIVEIRA

A escassos 20 dias do arranque da 22.ÂŞ edição da Expofacic – Feira AgrĂ­cola, Comercial e Industrial de Cantanhede, o recinto do Parque Expo-Desportivo de S. Mateus fervilha de actividade. A pesada logĂ­stica daquele que ĂŠ considerado o maior certame da regiĂŁo Centro jĂĄ estĂĄ a ganhar forma, entrando em “velocidade de cruzeiroâ€? nos Ăşltimos 15 dias que antecedem o evento. A expectativa, segundo a organização, ĂŠ que a feira-festa de Cantanhede seja, se nĂŁo a maior e melhor de sempre, um ĂŞxito idĂŞntico Ă s ediçþes precedentes. Isso mesmo frisou o presidente da Câmara Municipal de Cantanhede, durante a conferĂŞncia de apresentação da feira, tendo-se referido Ă  Expofacic,

como “um certame que ĂŠ considerado desde hĂĄ alguns anos como o maior do paĂ­sâ€? e enunciou os factores que mais tĂŞm contribuĂ­do para esse estatuto. “O cartaz de espectĂĄculos, com muitos dos melhores artistas portugueses e tambĂŠm com alguns nomes de referĂŞncia do panorama internacional da mĂşsica, ĂŠ sempre Ă medida das expectativas de pĂşblicos diver      

forte representatividade dos agentes econĂłmicos, entre os quais prestigiadas empresas do territĂłrio nacional, sem esquecer a conhecida atractividade das tasquinhas, que sĂŁo, como se sabe, um factor determinante da imagem de marca que a Expofacic consolidouâ€?. JoĂŁo Moura, que este ano ĂŠ tambĂŠm presidente da comissĂŁo organizadora, destacou ainda “a participação empenha-

manter o orçamento do ano passado, ou seja cerca de 1,3 milhĂľes de euros e esperamos vir a conseguir, mais uma vez um equilĂ­brio entre as receitas e as despesas. E quanto ao apoio da Câmara Municipal, o subsĂ­dio atribuĂ­do ĂŠ o mesmo de hĂĄ muitos anos a esta parte, ou seja, 80.250 eurosâ€?. Segundo o presidente da INOVA-EEM, “foi possĂ­vel organizar as coisas de modo a que mais dois dias nĂŁo representam custos acrescidos e, embora isso se deva Ă circunstância de o feriado municipal de 25 de Julho ocorrer a uma quarta-feira, obrigando Ă  antecipação da inauguração, a verdade ĂŠ que o alargamento do perĂ­odo da feira corresponde ao interesse dos empresĂĄrios, que nos inquĂŠritos que temos realizado se tĂŞm manifestado nesse sentidoâ€?.

A organização tudo fez para manter a atractividade e qualidade do evento apesar de o orçamento ser igual ao do ano passado

dĂ­ssima das forças vivas do concelho, particularmente as juntas de freguesia as associaçþes e as escolas que conferem uma dinâmica muito prĂłpria a este evento que celebra a identidade do Concelho de Cantanhedeâ€?. A terminar, o autarca enalteceu “o espĂ­rito de equipa e a dedicação de todos os elementos da comissĂŁo organizadora que estĂĄ a trabalhar desde hĂĄ vĂĄrios meses. A estrutura exe-

cutiva Ê basicamente a mesma de anos anteriores, tal como ao nível da coordenação dos diversos sectores, mas este ano decidimos criar uma comissão de honra que serå presidida pelo presidente da Assembleia Municipal, Jorge Catarino, e para a qual jå convidei de diversas entidades locais a fazerem-se representar, nomeadamente as juntas de freguesia, a Associação Humanitåria

dos Bombeiros VoluntĂĄrios, a Associação Empresarial de Cantanhede, a ADELO e a GNR, entre outrasâ€?. Sobre o certame o presidente do Conselho de Administração da INOVA-EEM, AntĂłnio PatrocĂ­nio Alves sublinhou que, “apesar de a Expofacic/2012 decorrer de 25 de Julho a 5 de Agosto, o que representa mais dois dias que as ediçþes anteriores, vamos

Qualidade ao melhor preço

31516

PUBLICIDADE

www.couto.pt

31447

31428

31531

31530

www.eurocompras.pt


05

QUINTA-FEIRA

EXPOFACIC 2012

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

III

www.ca m p e a o p r o vin cia s.co m

Certame evidencia dinâmica económica e social de Cantanhede

lho empenhado de muitas pessoas e da participação entusiåstica de inúmeras entidades. Em qualquer anålise retrospectiva sobre o que tem sido a feira desde o início, em 1991, não pode deixar de se assinalar que esse ponto de partida foi determinante para tudo o que veio a seguir, incluindo a dimensão e o prestígio que hoje se lhe reconhece. Como se calcula, em João Carlos Vidaurre cada uma das etapas da Pais de Moura* Expofacic esta foi sempre XPUHÀH[RGDDFWLYLGDGHGRV A Expofacic chega à 22.ª agentes económicos e soedição com um percurso em cioculturais locais, tendência TXHpSRVVtYHOLGHQWL¿FDUYi- que se acentuou decisivarias etapas, todas elas com mente na viragem do sÊculo GLUHLWRD¿JXUDUHPQDKLVWyULD XX. Isto porque o processo de do evento, tanto mais que desenvolvimento do concelho foram o resultado do traba- começou a ter a partir daí

outra expressão e o certame passou a evidenciar ainda melhor a sua dinâmica económica e social, os recursos, as infra-estruturas e os equipamentos colectivos, mobilizando por essa via a atenção de investidores relativamente às vantagens comparativas de Cantanhede no contexto da região e do país. E foi assim que a forte representatividade do tecido empresarial se alargou a prestigiadas empresas de todo o território nacional, que encaram a feira como uma ocasião ímpar para promoverem os seus produtos e serviços. Sendo certo que esta vertente Ê nuclear a todas as outras realizaçþes que normalmente constam do programa, a Expofacic Ê tambÊm

a manifestação colectiva do concelho de Cantanhede que une os munícipes num sentimento comum de orgulho na comunidade a que pertencem e nas suas instituiçþes representativas. Este ano mantÊm-se o essencial do modelo seguido nas ediçþes anteriores, de modo a preservar a identidade que distingue o certame como o mais importante e concorrido a nível nacional, mas contemplando algumas novidades que ajudam a reforçar a sua atractividade junto de diferentes públicos. Por outro lado, Ê notória a aposta na valorização dos factores que mais concorrem para isso, designadamente a qualidade do cartaz de espectåculos, que conjuga mais

uma vez grandes nomes do panorama musical internacional com alguns dos melhores artistas portugueses, sem esquecer as tradicionais tasquinhas e o amplo envolvimento das forças vivas do concelho. A este nível, destaco o papel das juntas de freguesia, das associaçþes e das escolas, cuja intervenção confere à Expofacic o caråcter de grande realização sociocultural, atravÊs de acçþes e iniciativas demonstrativas da actividade regular que desenvolvem. Nesta mensagem, que Ê tambÊm um convite para tudo o que de melhor o programa do evento tem para oferecer, deixo um testemunho de reconhecimento a todas as pessoas envolvidas nesta

organização conjunta do Município de Cantanhede e da Inova-EEM, enaltecendo o excelente trabalho que realizaram. E a terminar, agradeço às empresas dos sectores agrícola, comercial e industrial que mais uma vez nos honram com a sua presença, sublinhando que sem a sua presença o certame não teria a expressão que tem hoje, e manifesto o meu maior apreço pelo entusiasmo com que os agentes socioculturais locais encaram a sua participação neste acontecimento TXH GLJQL¿FD H HQJUDQGHFH o concelho de Cantanhede. * Presidente da Câmara Municipal de Cantanhede e presidente da Comissão Organizadora da 22.ª Expofacic

A Expofacic e a cidade de Cantanhede

Albano Pais de Sousa* Em 16 de Agosto de 1991, na sequĂŞncia duma

proposta da nossa autoria, Cantanhede foi elevada a Cidade. Era o corolårio lógico de um trabalho efectuado ao longo de vårios mandatos na Câmara Municipal. Quando assumimos as funçþes de Presidente da Câmara faltava tudo: acessos, passeios, electricidade, rede de ågua e saneamento, biblioteca, piscinas, pavilhþes gimnodesportivos, inexistindo zonas industriais. Durante os 14 anos em que estivemos ao leme do Executivo municipal todo o Concelho progrediu muito,

atravĂŠs tambĂŠm da gestĂŁo dos primeiros fundos comunitĂĄrios. Foi entĂŁo que nasceu a ideia de mostrar ao PaĂ­s que a elevação de Cantanhede a Cidade era justa e merecida. NĂŁo havia o objectivo de alcançar a grandeza de hoje. Foi escolhido o nome de Expofacic como designação RÂżFLDORTXHUHVXOWRXGHXP jogo de letras em que o ‘F’ sigQLÂżFDYDFeira, o ‘A’ agricultura, ‘C’ comĂŠrcio, ‘T’ indĂşstria e ‘C3’ Cantanhede. Tendo sido realizada a primeira Expofacic em 1991

(de 7 a 15 de Setembro), tambÊm o local escolhido era outro (zona anexa à Escola Secundåria). Por outro lado, jå então o impacto foi grande: mais de 60.000 pessoas concentraram os seus olhares nos expositores das mais diversas actividades. Não foi esquecida a arte de trabalhar a pedra de Ançã, nem os espectåculos para as noites de Verão. Cantanhede estava a dar os primeiros passos para ser uma Cidade de futuro, D¿UPDQGRVHFRPRWDOHYDlorizando os seus cidadãos

e as suas potencialidades. Tínhamos progredido imenso e queríamos mostrar que Cantanhede era uma terra com qualidade de vida e em TXHVHUHJLVWDYDVLJQL¿FDWLYR desenvolvimento. A primeira Expofacic teve como organizadores o Vereador da Cultura Espírito Santo Lopes e depois a adjunta na presidência Maria Edite TavaUHV*DUULGRTXH¿]HUDPXP trabalho notåvel. De 1991 atÊ hoje registouse uma grande evolução no crescimento da Feira, designadamente no número

exagerado de empresas que aqui acorrem vindas de todo o País, e que não permitem que as actividades sedeaGDVQR&RQFHOKRVHD¿UPHP como tal. Graças ao trabalho e mÊrito dos Presidentes da Câmara que me sucederam na Autarquia e à gestão da empresa municipal Inova, hoje a Expofacic Ê uma das melhores Feiras de Portugal, sendo única na região Centro. * Antigo presidente da Câmara de Cantanhede

EXPOFACIC 2012

EstĂĄ na hora de mudar de paradigma

O SÊculo XXI jå vai na segunda dÊcada e a Expofacic que vem do sÊculo passado não cresceu, apenas aumentou de tamanho. É chegada a hora de mudar de paradigma, explorando as enormes potencialidades do evento, colocando-o verdadeiramente ao serviço dos agentes económicos do município de todos os sectores, com particular atenção à agricultura. Vejam-se os escassos

Pais de Sousa, a denominada Expofacic que funcionou nos logradouros da Escola SecundĂĄria e manteve a data de Setembro. Em Janeiro de 1994, quando chegĂĄmos ao poder autĂĄrquico mantivemos o evento sem grandes alteraçþes neste ano e seguinte. Em 1996, respeitando o passado e olhando o futuro redefinimos radicalmente o modelo, o local e a data que ainda hoje perduram. Assim reinstalĂĄmo-la na ĂĄrea da antiga feira anual, denominando-a Parque Expo-Desportivo-AntĂłnio Silva Bronze, nome que veio a ser “retocadoâ€? no mandato seguinte, criĂĄmos as tasquinhas, agregĂĄmos as festas da cidade, abrimo-la Ă participação activa da comunidade atravĂŠs das freguesias, associaçþes, escolas e outros organismos.

Apesar de não caber neste texto o muito que ficou por dizer, Ê fundamental referir o trabalho da vereação que nos acompanhou: Sr. Traguedo, Dr. Navega (pelouro da Expofacic),

EngÂş Maricato, bem como Major Diogo, Dr Gil e Dr Ordens, e ainda o ĂĄrduo labor de tantos anĂłnimos colaboradores. Cantanhede tem tudo o que necessita para ultrapassar

a crise. Para tanto urge cooperar e usar mais a inteligência com coração sem medo da pråtica da solidariedade. * Antigo presidente da Câmara de Cantanhede

PUBLICIDADE

PRESTAĂ‡ĂƒO DE SERVIÇOS MÉDICOS MEDICINA DO TRABALHO HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO Rua do PalĂĄcio da Justiça | Ed. Qta. SĂŁo Mateus A - 3060-208 Cantanhede Telef.: 231 428 758 - Fax: 231 428 759 - Telem.: 968 146 901 info@cmsm.net | www.cmsaomateus.pt

31446

Rui CrisĂłstomo*

resultados, para a economia do concelho, deste espectĂĄculo que gradualmente tem vindo a desvirtuar a ideia original. Da fama honrosa se passa facilmente Ă vaidade desmedida, aquela que levou o “corvo a perder o queijoâ€?. Esta feira-exposição tem as suas raĂ­zes mais remotas nas festas e romarias feitas a S. Mateus no adro e imediaçþes de sua capela, no tempo em que os tornozelos das donzelas descalças tinham de ser defendidos dos olhares dos tamancos dos rapazes que, juntos, ao som de mĂşsicas choradas da concertina, iam, sem o saber, semeando as origens da famosa Expofacic. Mais tarde apareceram as feiras quinzenais, depois, com objectivos semelhantes aos actuais a feira anual de S. 0DWHXVHÂżQDOPHQWHFRPLQterregnos de permeio, surge no ultimo mandato do Dr. Albano


IV

EXPOFACIC 2012

05

QUINTA-FEIRA

w w w . campeao p r o vin cia s.co m

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

Certame teve mais de 410 mil visitantes o ano passado

João Moura preside à comissão organizadora pela primeira vez Este ano, e pela primeira vez, o presidente da Câmara Municipal de Cantanhede, João Moura, preside à comissão organizadora da Expofacic, que vai decorrer de 25 de Julho a 5 de Agosto. Jå a vice-presidência cabe a Pedro Cardoso, vereador da Educação, Cultura e Solidariedade e Ação Social, enquanto                  

vez a cargo da INOVA-EM, sob orientação de António do Patrocínio Alves, presidente do Conselho de Administração. António do Patrocínio Alves será coadjuvado nessa função       lécio Pessoa Oliveira, também

administradores da empresa municipal, e Emanuel Casas de Melo, adjunto do presidente da Câmara Municipal de Cantanhede. Os responsåveis sectoriais são: Nuno Laranjo (gestão financeira), Hugo Oliveira (tasquinhas e feira popular), Francisco Henriques e Cåtia Vieira (setor agrícola, espaços verdes, higiene e limpeza), Carlos Santos e Francisco Varanda (segurança), Carlos Gregório (artesanato e juntas de freguesia), Claúdia Azevedo Gouveia (educação) e Marco Simão e Francisco Varanda (montagem e desmontagem). A grande novidade deste ano Ê a criação de uma Comis-

sĂŁo de Honra constituĂ­da pelo presidente da Assembleia Municipal de Cantanhede, Jorge Catarino, e por “representantes das forças vivas do concelho e personalidades de reconhecido mĂŠrito que serĂŁo especialmente convidadas para o efeitoâ€?. Com grande responsabilidade a seu cargo, a comissĂŁo executiva, que de amador tem muito pouco apesar de todos os seus elementos pertencerem Ă autarquia ou a outras estruturas de Ă­ndole municipal, “coloca de pĂŠâ€? um certame de dimensĂľes considerĂĄveis e que tem projectado o concelho na regiĂŁo e no paĂ­s. Tendo em conta a escala do municĂ­pio (em comparação

com a poderosa capital ou com a capacidade reivindicativa da cidade invicta), este pode ser considerado um feito impressionante não só pelo sucesso que tem granjeado ao longo dos anos junto da população da região (e não só!), como pelo facto de o evento decorrer sem desacatos, o que, diga-se, não Ê coisa de somenos importância. Recorde-se que em 2011,          tanhede se traduziu num número recorde de mais de 410 mil visitantes, indicador que demonstra não só o excelente nível qualitativo da organização        

que tem vindo a ser seguido ĂŠ o mais adequado para promover

Novidade ĂŠ tambĂŠm a ComissĂŁo de Honra que inclui Jorge Catarino, entre outras personalidades

o seu crescimento sustentado. Ultrapassar o número de visitantes registado o ano transacto pode ser um desafio difícil de superar, mas o sucesso do certame não se faz apenas de recordes. O sucesso passa tambÊm pelas transacçþes co-

merciais e contactos angariados pelos expositores e pelo grau de satisfação dos visitantes. É que ano após ano ter motivos de atracção e novidades para continuar a atrair perto meio milhar de visitantes não Ê pêra-doce.

Espanhol sobe ao palco a 31 de Julho

Pablo AlborĂĄn foi o Ăşltimo cantor a ser anunciado Este ano, a comissĂŁo organizadora da Expofacic fez suspense sobre o cantor que iria actuar no dia 31 de Julho, fazendo jus aquele adĂĄgio segundo o qual hĂĄ que       

Com efeito, o último cabeça de cartaz a ser anunciado foi o cantor espanhol Pablo Alborån, que tem deslumbrado plateias um pouco por toda a Europa e que promete atrair um mar de gente à Expofacic no derradeiro dia deste mês. Pablo Alborån Ê considerado um reforço de peso no leque de oferta de um dos factores de maior atractividade do evento, que mais uma vez evidencia a aposta num cartaz de qualidade reconhecida por diferentes tipos de públicos. Natural de Målaga, o cantor e compositor teve uma entrada fulgurante no

panorama musical espanhol com o seu primeiro disco de originais, “Pablo AlborĂĄnâ€?, que mereceu desde logo trĂŞs nomeaçþes para os Grammy Latinos, a que se seguiu, no final do Ăşltimo ano, o celebrado e aclamado “En AcĂşsticoâ€?, que tem o seu tema mais emblemĂĄtico em “PerdonĂĄmeâ€?, um notĂĄvel dueto com a fadista portuguesa Carminho. A seguir Ă quela que ĂŠ uma das maiores atracçþes do certame vai actuar a dupla alemĂŁ Booka Shade, que dĂĄ corpo a um dos projectos mais vanguardistas e importantes no mundo da mĂşsica electrĂłnica da Ăşltima dĂŠcada, com clĂĄssicos como “Body Language“, “Mandarine Girl“ ou “In White Rooms“. A 22.ÂŞ edição da Expofacic conta, como era de esperar, com um cartaz de espectĂĄculos recheado de

grandes nomes da mĂşsica nacional e internacional. David Carreira estreia-se na Expofacic

Uma das estreias deste ano Ê a actuação do jovem "   

novo do famoso cantor Tony Carreira, que promete abrir o certame, no dia 25 de Julho, com muita alegria e ritmo. Nessa mesma noite sobem ainda ao palco principal Diego Miranda – um dos DJ e produtores de mĂşsica mais sonantes da mĂşsica de dança em Portugal – e Ana Free – cantora portuguesa radicada em Inglaterra que no ano passado logrou atingir o sucesso com o tema “In My Placeâ€?. No dia seguinte (26 de Julho), o palco vai ser animado por Pedro Abrunhosa,

O cantor espanhol tem deslumbrado plateias um pouco por toda a Europa

que regressa, mais uma vez, Ă Expofacic. O cantor nortenho, que jĂĄ se apresentou em espectĂĄculo com Caetano

Veloso e tocou com outros mĂşsicos brasileiros como Lenine, ZĂŠlia Duncan, Elba Ramalho, Zeca Baleiro, San-

dra de SĂĄ, Syang e Rio Soul, promete voltar a mobilizar os visitantes para um grande concerto. AlĂŠm de Pedro Abrunhosa, a segunda noite      ação da tambĂŠm nortenha MĂłnica Ferraz. A conhecida vocalista dos Mesa lançou o seu primeiro ĂĄlbum a solo, “Start Stopâ€?, em 2010, no qual interpreta cançþes em InglĂŞs, num registo que oscila entre o rock, a pop e a soul. Embaixadores da mĂşsica portuguesa sĂŁo tambĂŠm os Buraca Som Sistema que vĂŞm novamente animar o certame de Cantanhede na noite de 27 de Julho. Frequentemente apelidados de como fundadores do novo som electrĂłnico Kuduro Progressivo, os Buraco Som Sistema tem tido a aclamação do pĂşblico e da critica, denCONTINUA

ORTOCANTANHEDE

Telef./Fax: 231 422 706 - Telem.: 917 343 168 Rua Dr. Jaime CortesĂŁo, 78 - 3060-178 Cantanhede

Largo Cândido dos Reis n.º6 - Loja 4 - CANTANHEDE Telf./ Fax.: 231 423 910

Frango e LeitĂŁo por en

Telf.: 239 962 104 - Telm.: 917 816 753 Travessa Cural Barreto, n.Âş 2 - Andorinha 3025-330 Lamarosa

COOPERATIVA AGR�COLA DE CANTANHEDE, C.R.L. Quinta da Boavista - 3064-909 CANTANHEDE - Telefs.: serviços comerciais: 231 410 885 serviços administrativos: 231 410 880 - Fax: 231 410 888 - email: cooperativadecantanhede@gmail.com

OP

— ARTIGOS HOSPITALARES E ORTOPÉDICOS —

Bar Ambulante “OcomQuim� enda 31539

COMÉRCIO E APLICAĂ‡ĂƒO DE PAVIMENTOS PAVIMENTOS, TAPEÇARIAS E DIVISĂ“RIAS DECORAĂ‡ĂƒO DE INTERIORES

31506

Manuel Goncalves Rodrigues, Unipessoal, Lda.

31505

PUBLICIDADE


05

QUINTA-FEIRA

EXPOFACIC 2012

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

V

www.ca m p e a o p r o vin cia s.co m CONTINUAĂ‡ĂƒO

tro e fora de portas. Nessa mesma noite estĂĄ ainda prevista a actuação de Mastiksoul, DJ produtor portuguĂŞs com mais actuaçþes e galardĂľes obtidos no estrangeiro. A noite de 28 de Julho tem como Ăşnica estrela Tony Carreira, que ĂŠ garantia de recinto cheio. Jorge Palma ĂŠ o senhor que se segue no cartaz de espectĂĄculos da Expofacic. O cantor de letras como “Encosta-te a mimâ€?, “Deixame rirâ€? ou “DĂĄ-me lumeâ€? actua a 29 de Julho, partilhando o palco com Micaela, que ĂŠ conhecida do grande pĂşblico nĂŁo sĂł em Portugal, como nos paĂ­ses onde estĂŁo radicados muitos portugueses. A 30 de Julho a noite fica por conta de um dos maiores cantores de reggae portuguĂŞs, Richie Campbell. Considerado um verdadeiro entertainer, Richie Campbell tem ganho fama precisamente pelas suas actuaçþes ao vivo. A 1 de Agosto vai voltar a subir ao palco principal da Expofacic a fadista Mariza, que foi considerada pela BBC RĂĄdio 3 como a melhor artista europeia na ĂĄrea da world music. JĂĄ a 2 de Agosto os espectĂĄ-

culos continuam pela “vozâ€? do sobejamente conhecido Paulo Gonzo e Amor Electro, banda da nova geração que tem arrebatado elogios quer do pĂşblico quer da crĂ­tica com o seu ĂĄlbum de estreia “Cai o Carmo e a Trindadeâ€?. Um dos pioneiros do rap em Portugal, Boss AC vai actuar tambĂŠm em Cantanhede no dia 3 de Agosto, partilhando o palco principal com o DJ Pete Tha Zouk, que lançou recentemente um novo single (“I am Back Againâ€?). Mika, outro dos cabeçade-cartaz da edição deste ano, promete levar ao rubro o pĂşblico de Cantanhede a 4 de Agosto, noite em que actua ainda a dupla Tim Royko & Cosmo Klein, que ĂŠ responsĂĄvel pelo hit “Beautiful Lieâ€?. A Expofacic encerra, a 5 de Agosto, ao som dos jĂĄ habituais Xutos & PontapĂŠs, “embaixadoresâ€? da mĂşsica rock portuguesa. Este ano, os bilhetes custam 3,5 euros – subiram 50 cĂŞntimos devido ao aumento do IVA de seis para 13 por cento –, com excepção nos dias 31 de Julho (em que custa oito euros) e 4 de Agosto (em que custa nove euros).

Os presidentes de Junta na primeira pessoa Ançã

Cadima

“Como toda a gente sabe, o modelo desta feira envolve muito as freguesias e acho que ĂŠ aĂ­ que reside o sucesso. A Expofacic para as Juntas de Freguesia, e em particular para a de Ançã, ĂŠ sempre um momento alto, porque permite que a freguesia tenha alguma visibilidade Ricardo Rosa quer atravĂŠs do stand institucional quer atravĂŠs das colectividades da freguesia que tambĂŠm participam na feira. A Expofacic ĂŠ seguramente uma mais-valia para a freguesia, mas tambĂŠm para o concelho, do ponto de vista econĂłmico e cultural.A Expofacic ĂŠ um grande momento de orgulho para a freguesia.â€?

Bolho “A Expofacic ĂŠ o maior certame que temos na regiĂŁo Centro neste gĂŠnero de feira. É a festa do concelho e hĂĄ muitas pessoas da freguesias que inclusive tiram fĂŠrias nesta altura. É uma oportunidade para ver artistas nacionais e internacionais e um espaço de Carlos Cosme convĂ­vio por excelĂŞncia. A Expofacic jĂĄ faz parte da vida das pessoas, toda a gente tem curiosidade em saber quem vem actuar. Em termos sociais representa alguma mais-valia em termos financeiros, porque o que se consegue com os comes e bebes reverte para ajudar as obras sociais. No nosso caso, temos em construção (em parceria com o Centro Social e Caritativo) um centro de dia e todo o dinheiro ĂŠ pouco.â€?

“A Expofacic ĂŠ a melhor forma de promover e projectar o concelho de Cantanhede em todas as ĂĄreas, agrĂ­cola, comercial, industrial e de serviços, e ĂŠ jĂĄ uma referĂŞncia a nĂ­vel nacional. Graças Ă minha DFWLYLGDGHSURÂżVVLRQDOGHVORFRPH a vĂĄrias regiĂľes do paĂ­s e toda a gente conhece ou jĂĄ ouviu falar da Expofacic. Cadima, como todas as RXWUDV IUHJXHVLDV EHQHÂżFLDP GD Expofacic.â€?

JosĂŠ Pessoa

Camarneira “A expofacic ĂŠ hoje uma das melhores feiras do pais e Ăşnica da regiĂŁo centro com esta dimensĂŁo, sustentando o seu crescimento de ano para ano na qualidade que oferece a quem a visita. Este ano nĂŁo serĂĄ excepção, o rigor na organização e o empenho de todos os participantes, Jacqueline Mendes assim como o cartaz de espectĂĄculos, a presença do tecido empresarial local e a presença das associaçþes a que a expofacic nos tem habituado, serĂŁo uma vez mais a chave para superar as expectativas criadas em torno do certame. A presença activa das associaçþes culturais e recreativas do concelho, sĂŁo um factor fundamental para o dinamismo e afluĂŞncia popular ao certame. Neste campo a Freguesia da Camarneira estĂĄ representada anualmente pelas suas associaçþes, permitindo assim uma ampla divulgação do seu trabalho e um retorno econĂłmico fundamental para o seu crescimento.â€? CONTINUA

PUBLICIDADE

Loja: Rua do Brasil, 486/488 - Coimbra Telef.: 239 711 080 - Fax: 239 712 079 ArmazĂŠm: Vila Franca, Pinhal de Marrocos (junto ao PĂłlo II da UC) www.armazenscalhabe.com e-mail: comercial@armazenscalhabe.com

31709

31298

Moura & Baptista, Lda. - ArmazĂŠm J1 - Ponte de Eiras - 3020-325 Coimbra Telef.: 239 431 680 - comercial@megaconta-mb.com

31517

Materiais de Construção

CARLOS ALBERTO CONDE

SALĂƒO DE BANQUETES Capacidade para 500 pessoas

PINTOR CONSTRUĂ‡ĂƒO CIVIL TRATAMENTO DE MADEIRAS LAVAGEM DE TELHADOS

Rua 1.Âş de Maio - Telef.: 231 429 435 3064-909 CANTANHEDE

31408

31571

RUA DA BOA HORA, 15-A - 3830-405 GAFANHA DO CARMO TELEM.: 967 965 096 - E-MAIL: CARLOS-CONDE@SAPO.PT

SERVIÇO PRÓPRIO

Tlm. 968 274 201 | Telef./Fax: 231 469 331 Rua Evaristo Cruz, n.Âş 70 | Qt.ÂŞ Camarneira - 3060-820 Camarneira

31418

serralhariacavadas@sapo.pt


EXPOFACIC 2012

05

QUINTA-FEIRA

w w w . campeao p r o vin cia s.co m

Cantanhede â€œĂ‰ jĂĄ nacional e internacionalmente conhecida a dimensĂŁo extraordinĂĄria e poder organizativo da comissĂŁo executiva da Expofacic. É incontornĂĄvel a sua importância, ao nĂ­vel da divulgação cultural, econĂłmica, industrial... em todos os aspectos. Permite divulgar os nossos produtos, novas etapas comerciais, Maria FĂĄtima NegrĂŁo contribui para a exportação de artigos de diversa qualidade, que tambĂŠm jĂĄ temos bastante. É um local de grande riqueza e extraordinĂĄria importância e acho que estes sĂŁo valores que se devem evidenciar.â€?

CordinhĂŁ

AdĂŠrito Machado

“A Expofacic ĂŠ o maior evento a nĂ­vel nacional a nĂ­vel cultural. É um evento de mais de um milhĂŁo de euros e ainda consegue ter lucro, quando em Portugal acontece normalmente o contrĂĄrio, os grandes investimentos dĂŁo prejuĂ­zo. É um exemplo a seguir a nĂ­vel de administração, sobretudo em tempos de crise. Este evento com esta dignidade ĂŠ

de se tirar o chapÊu à Câmara Municipal e à Inova. Acho que a Expofacic deve ter continuidade, porque tem retorno para o concelho, região e país. É um exemplo da grande visão estratÊgica cultural que estå a ser desenvolvida pelo município.�

Corticeiro de Cima “Acho que ĂŠ extremamente importante que nĂłs, Juntas, possamos ter uma feira onde consigamos ter um espaço para divulgar o que valemos e o que fazemos. Tendo em conta a nova administração administrativa, que jĂĄ foi promulgada pelo Presidente da RepĂşblica, provavelmente esta ĂŠ a Ăşltima vez em Cristina Jesus que as 19 Juntas estarĂŁo presentes. Acho que ĂŠ altura de pensarmos e de UHĂ€HFWLUPRVVREUHDLPSRUWkQFLDTXHDV-XQWDVWrPVHQGRTXH esta lei ĂŠ lamentĂĄvel pela forma como as pessoas estĂŁo a ser obrigadas a decidir sobre esta matĂŠria. Esta lei ĂŠ injusta, porque o orçamento das juntas nĂŁo custa quase nada para o erĂĄrio pĂşblico (representa sĂł 0,1 por cento), mas a verdade ĂŠ que com muito pouco conseguimos fazer muito. Este processo decorreu todo ao contrĂĄrio e pior: foi feito

contra a população do mundo rural, que estå mais afastada dos centros urbanos, como Ê o caso de Corticeiro de Cima.�

CovĂľes “A Expofacic ĂŠ a festa que divulga o concelho a nĂ­vel nacional. É a festa SRUH[FHOrQFLDGRFRQFHOKReDIHVWD do povo, da confraternização, da alegria HGDSD]eXPDIHVWDGHUHIHUrQFLDQR concelho, porque junta o povo de cĂĄ e QmRVyÂąYrPSHVVRDVGDUHJLmRHDWp do paĂ­s. Durante a realização da Expofacic nĂŁo hĂĄ tristeza. É uma festa para todos.â€?

AsdrĂşbal Neto Torres

Febres

Carlos Alves

“A Expofacic ĂŠ o maior certame do paĂ­s, a nĂ­vel econĂłmico, social e cultural que mostra de uma forma muito vincada o dinamismo dos agentes econĂłmicos, das associaçþes, das escolas e das juntas de freguesia do concelho. Os grandes motivos de interesses sĂŁo, sem dĂşvida, a gastronomia servida nas CONTINUA

PUBLICIDADE

www.marvijardim.com

SERVIÇOS DE JARDINAGEM CONSTRUĂ‡ĂƒO E OBRAS PĂšBLICAS, LDA.

31439

CONTINUAĂ‡ĂƒO

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

Rua de SĂŁo TomĂŠ, n.Âş 994 MARVĂƒO - 3060-290 CovĂľes - Cantanhede Telef./Fax: 231 950 779 - Telems.: 939 959 629 / 939 950 779 - E-mail: geral@marvijardim.com

Junta de Freguesia de Ançã

31565

Convida a população em geral a visitar Ançã por altura das festas em honra de S. TomÊ

Garantidamente de Ançã 31569

VI

Quinta de Santo AntĂłnio - 3060-034 ANĂ‡Ăƒ E-mail: jfanca@interacesso.pt - Telef.: 239 961 942 / Fax: 239 961 944


05

QUINTA-FEIRA

EXPOFACIC 2012

DE JULHO DE 2012 CAMPEÃO DAS PROVÍNCIAS

VII

www.ca m p e a o p r o vin cia s.co m bons investimentos, este caso é-o efectivamente.”

CONTINUAÇÃO

tasquinhas e o cartaz de espectáculos com grandes nomes da música nacional e internacional.”

Murtede “Esta feira ao longo dos últimos DQRVWHPVHD¿UPDGRFRPRRJUDQGH certame agrícola, económico e industrial do concelho e da região Centro. E quando assim é são as expectativas são sempre elevadas. Apesar dos tempos difíceis, esperase que o próprio tecido empresarial e industrias continuem na senda do Carlos Fernandes crescimento e ganhem ainda maior projecção. A feira, que tem uma localização central na cidade, tem o condão de envolver as associações e colectividades – na exploração das próprias tasquinhas e não só – e por isso acaba por fazer mexer as instituições do concelho. Ninguém consegue ¿FDULQGLIHUHQWHHHVSHUDVHTXHDIHLUDFRQWLQXHDID]HUSURJUHGLU o próprio município, nas suas diversas vertentes.”

Outil “A Expofacic é uma grande feiraexposição em termos económicos para o concelho de Cantanhede e para a zona Centro do país. É uma fonte de desenvolvimento económico, na medida em que tem uma enorme capacidade de expansão das empresas, mas também em termos culturais, já que permite uma projecção ímpar de todas as colectividades do concelho de Cantanhede. A Expofacic é a grande festa do concelho.”

Carlos Ventura

Marta Carvalho

Paulo Santos

Sanguinheira

Pocariça “Esta é a feira de maior importância da região. É, de facto, um evento com uma dimensão invulgar, que se traduz também numa oportunidade de projecção não só do próprio concelho, como dos agentes locais e regionais, com destaque para as nossas gentes, grupos e costumes.

Ourentã “A Expofacic é o expoente máximo do concelho de Cantanhede. É a mostra por excelência das actividades culturais, económicas e gastronómicas do concelho. Acho que a feira atingiu um patamar de qualidade elevado e que agora há que manter o nível. Sei que estamos em tempos de contenção orçamental, mas acho que é um bom investimento. Embora as festas não se considerem

Portunhos “A Expofacic é uma mais-valia para o concelho de Cantanhede, porque traz muita gente a nível nacional. A feira está-se a expandir nos últimos anos quer em termos de logística quer em termos de espectáculos e que ultrapassa qualquer certame do género a nível nacional.”

António Moleiro

“A Expofacic é uma feira muito importante não só para o concelho, como para a própria Beira Litoral. Penso que será a mais importante da região Centro e uma das maiores a nível nacional do país. É a feira-festa do concelho e realmente mexe com todo o concelho, porque envolve na organização as nossas associações e freguesias. Acho que parte do sucesso passa também por ai.” CONTINUA

Nuno Caldeira

PUBLICIDADE

Este grande palco resulta da conjugação de esforços diversos. Julgo que é com o envolvimento de todos que se consegue ter este grande êxito que a Expofacic tem vindo a alcançar.”

Agora também com loja em Cantanhede. Visite-nos na Expofacic

31570

PUBLICIDADE

SEDE: Rua Principal, n.º 85 - Castanheiro - Apartado 90 - 3081-801 Figueira da Foz Tel. 233 929 377 - Fax: 233 929 896; FILIAL: Rua de Coimbra, n.º 5 - 3080-047 Figueira da Foz - Tel. 233 418 589 Armazém de ferro:Rua Dr. Duarte Silva, n.º 62 - Figueira da Foz E-mail: geral@maquitudo.com | www.maquitudo.com

Conselho Regional do Norte

31673

Balcão único é connosco ! Solicitador Resolve !

31578

31567

Câmara dos Solicitadores


EXPOFACIC 2012

VIII

05

QUINTA-FEIRA

w w w . campeao p r o vin cia s.co m

Sepins

CONTINUAĂ‡ĂƒO

S. Caetano “A Expofacic ĂŠ uma oportunidade de convĂ­vio por excelĂŞncia da população de Cantanhede. A feira, que ĂŠ conhecida pela enorme variedade de oferta cultural, pelo grande cartaz de espectĂĄculos e grande mostra empresarial, ĂŠ tambĂŠm uma autĂŞntica montra do que melhor JosĂŠ Jesus existe em cada freguesia, o que tem ajudado a construir uma imagem do concelho viva e criativa. As tasquinhas sĂŁo uma manifestação de força das associaçþes e do grande altruĂ­smo que existe nas colectividades e julgo mesmo que a dinâmica da Expofacic deve-se em grande parte ao sector das tasquinhas, nas quais estĂŁo associaçþes de todo o concelho. Julgo que este sector ĂŠ a maior mais-valia e que deve orgulhar todos que nele contribuem. A Junta de S. Caetano participa todos os anos com alegria no certame, atĂŠ porque permite um retorno financeiro que nĂŁo ĂŠ descur a r, s o b r e t u d o n o a c t u a l m o m e n t o d e c r i s e . A nĂ­vel institucional, a freguesia tem tambĂŠm a consciĂŞncia que o seu nome e imagem chega a centenas de milhares de pessoas e isso ĂŠ muito importante.â€?

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

Vilamar

“A Expofacic ĂŠ uma feira bastante conceituada e com projecção mesmo a nĂ­vel nacional. Penso que ĂŠ uma honra para qualquer Junta de Freguesia participar num certame com esta dimensĂŁo e qualidade. Mesmo perante uma conjuntura de FULVHDIHLUDFRQWLQXDDUHJLVWDUXPDDĂ€XĂŞncia considerĂĄvel de pessoas – como jĂĄ se viu o ano passado – e continua a crescer.â€?

LuĂ­s Arromba

Tocha “AExpofacic ĂŠ uma excelente forma de divulgação e promoção da freguesia da Tocha, sobretudo junto das outras Juntas de Freguesia e da população de Cantanhede. Este evento ĂŠ extremamente importante para a nossa identidade cultural e sentimento de pertença ao concelho cantanhedense. JĂşlio Oliveira Os espaços das Juntas sĂŁo um exemplo das nossas vivĂŞncias, modos de vida, hĂĄbitos e tradiçþes. Mostramos aquilo que temos e soPRV7RGRVÂżFDPDFRQKHFHURPHOKRUTXHKiHPFDGDIUHJXHVLD Para alĂŠm de que a Expofacic ĂŠ tambĂŠm um excelente montra gastronĂłmica e cultural do concelho.â€?

“A Expofacic ĂŠ uma feira de extrema importância para a identidade cultural da freguesia e do concelho. É uma das maiores, se nĂŁo a maior a nĂ­vel cultural e acho que nĂŁo teria o sucesso que tem se nĂŁo tivesse o envolvimento das colectividades, associaçþes e instituiçþes particulares de solidariedade social. A Câmara Municipal de Cantanhede EgĂ­dio Reis soube captar muito bem o espĂ­rito deste certame, ao envolver na organização as Juntas e associaçþes, que se empenham na criação dos stands e nas tasquinhas, que sĂŁo um pilar fundamental da Expofacic. Esta feira ĂŠ um exemplo no que respeita Ă uniĂŁo e empenho das forças vivas do concelho. Nesta altura do ano, quase todo o concelho estĂĄ envolvido e ligado Ă  Expofacic. A mostra econĂłmica tambĂŠm ĂŠ importante e atrai muitas empresas, que aproveitam esta onde de sucesso para dar visibilidade ao seu trabalho. Os espectĂĄculos, sempre com um naipe de artistas de gabarito nacional e internacional, tambĂŠm sĂŁo sĂł por si um factor de atracção. Este ano, houve um pequeno senĂŁo – o aumento do preço dos bilhetes –, devido ao momento conjuntural complicado que estamos a atravessar. A feira tem sido auto-sustentĂĄvel e ĂŠ assim que tem de continuar a ser, atĂŠ porque o erĂĄrio pĂşblico tem de continuar equilibrado e, por isso, tambĂŠm se compreende esta opção. Mas atendendo Ă  qualidade dos espectĂĄculos continua a ser um preço mais do que razoĂĄvel.â€?

PUBLICIDADE

31450

Zona Industrial do Paraimo - 3780-524 SANGALHOS - Anadia - Telem.: 935 512 316 / 936 512 316 - stirisol@hotmail.com | http://stirisol.pai.pt

31604

Produtos de Impermeabilização Produtos de Isolamento/Drenagem Membranas Betuminosas - Membranas em PVC Revestimento de Pavimentos Resina EPOXY - Agramassas Bicomponentes Revestimentos de Piscinas


05

QUINTA-FEIRA

EXPOFACIC 2012

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂƒO DAS PROVĂ?NCIAS

IX

www.ca m p e a o p r o vin cia s.co m

Mas secundĂĄrio estĂĄ em ascensĂŁo

Concelho dominado pelo sector terciårio A este nível Ê particularmente relevante o significativo crescimento das suas quatro zonas i n d u s t r i a i s, c o n c r e t a mente Cantanhede, Murtede, Febres e Tocha, circunstância que permite distingui-lo como um concelho de referência do país em ter mos de dinâmica industrial. Mas a dinamização económica a que se tem assistido em Cantanhede Ê apenas uma das pedras angulares do plano estratÊgico de desenvolvimento, um documento que tem estado na base das intervençþes de fundo jå operadas ou ainda em curso em aspectos tão diversificadas como o turismo, a requalificação urbana, a criação e beneficiação de espaços verdes e zonas de lazer, bem como o incremento de iniciativas culturais e desportivas, årea onde tambÊm se tem assistido a um significativo crescimento dos equipamentos disponíveis. Produtos endógenos marcam turismo

“Sabores de terra e marâ€? ĂŠ o slog an da marca Cantanhede em ter mos turĂ­sticos, uma imag em que tem crĂŠditos firmados a partir da excelĂŞncia dos seus vinhos e da sua rica tradição gastronĂłmica. Apesar da aposta no desenvolvimento econĂłmico e industrial, o municĂ­pio nĂŁo tem descurado o sector cultural. Antes pelo contrĂĄrio. O executivo liderado por JoĂŁo Moura, a exemplo do que jĂĄ sucedeu com Jorge Catarino, tem-se empenhado no incremento de uma polĂ­tica particular mente activa neste sector, sendo disso a par ticipação entusiĂĄstica de todas as associaçþes do concelho

na Expofacic. As colectividades locais assumem um papel determinante em termos de dinamização cultural, sendo que a autarquia apadrinha e acarinha as mais diversas manifestaçþes culturais. Com uma paisagem urbana marcada por uma certa dispersão, o concelho de Cantanhede mantÊm visíveis componentes características das ancestrais for mas de org anização social relacionadas com actividades ag rícolas de outros tempos. A este nível, perduram ainda exemplos notåveis da popular casa gandaresa, ex libris da arquitectura tradicional portuguesa, ou das moradias solareng as, com janelas manuelinas trilobadas ou de avental recortado, escadas de tradição setecentista e portas

decoradas com brasþes sabiamente esculpidos. Do ponto de vista do património edificado, hå um conjunto significativo de ig rejas e capelas que conservam no interior inúmeras referências dos estilos manuelino, renascentista e maneirista, tambÊm visíveis em alguns elementos das suas fachadas. De referir que Cantanhede possui ainda inúmeros exemplos de estatuåria de grande valor artístico e histórico constituem um precioso testemunho de uma actividade escultórica praticada no concelho desde hå alguns sÊculos, o que não terå sido alheio o facto de a famosa pedra de Ançã possuir características desde sempre muito apreciadas pelos escultores nacionais e internacionais.

A praça Marquês de Marialva Ê um dos pontos centrais da cidade de Cantanhede

Biocant Park Ê exemplo de inovação Se com a atracção de investimento industrial foi possível, numa primeira fase, aumentar a oferta de emprego, o nível de desenvolvimento pretendido pelo município procura ir muito para alÊm disso. O mais recente objectivo foi articular esse investimento com a criação de  #$        %#  

tÊcnicos superiores, desígnio que estå na base da criação do Beira Atlântico Parque – Parque Tecnológico e Cultural de Cantanhede, pólo de dinamização empresarial concebido para albergar empresas de acentuada base tecnológica e manifesta vertente ecológica, a partir das quais se pretende fazer entrar o concelho num ciclo      '      

economia jĂĄ estĂĄ a colocar. O Biocant Park ĂŠ uma referĂŞncia na ĂĄreas da bio   * +          

estrutura tem dado passos importantes no desenvolvimento de investigação relacionada com as actividades tradicionais do concelho, como a silvicultura, o vinho e vinha. Com uma reputação que vai para alÊm das fronteiras nacionais, o Biocant Park tem ainda apostado na valorização da propriedade intelectual. Actualmente, o Biocant Park soma quatro patentes. Tratam-se de patentes em diversas åreas de saúde. Uma Ê na årea da tuberculose, outra Ê uma ferramenta ma  ;         %  

que estão associados a doença, uma outra são genes que <        =  +

uma das causas de cegueira â&#x20AC;&#x201C; e a quarta patente ĂŠ um novo mĂŠtodo de diagnĂłstico metabĂłlico.

Centro de investigação de referência na região, o Biocant Park estå sempre de portas abertas para receber e interagir com outras instituiçþes. Aliås, trabalhar em rede Ê uma das chaves do sucesso do projecto que tem como parceiros privilegiados a Universidade de Coimbra e de >? >    ;      

assumem, no entanto, escala global, porque, tambĂŠm as empresas de biotecnologia tĂŞm de ser pensadas de forma global. Com um impacto na comunidade que superou as ex    @

 *    % 

no concelho. Neste momento, mais de cinquenta por cento das pessoas que trabalham no complexo jå vivem em Cantanhede. E hå vårias razþes. Uma delas decorre do facto de a habitação ser mais barata em Cantanhede do que em Coimbra.

PUBLICIDADE

Orçamentos Gråtis

31562

Visite o nosso site

www.ondazulviagens.com Av. Dr. SĂĄ Carneiro, Lote 2 - 2350-536 TORRES NOVAS Telef.: 249 830 140 - Fax: 249 830 149 - Urb. Quinta S. Mateus - 3060-209 CANTANHEDE Telf.: 231 422 503 - Fax: 231 422 505 - e-mail: info@ondazulviagens.com

AlvarĂĄ n.Âş 62799

Telem.: 967 814 153 Telef.: 231 460 941 - Rua do ComĂŠrcio, 45 - Chorosa - 3060-316 FEBRES E-mail: cardoso-rua@sapo.pt

31545

Localizado no centro de um triângulo geogråfico de notória importância económica, em cujos vÊrtices se situam, alÊm da sede de distrito, as cidades de Aveiro e Figueira da Foz, Cantanhede tem uma årea de cerca de 400 quilómetros quadrados, o que o torna no maior concelho do distrito de Coimbra. O concelho de Cantanhede tem dezanove freguesias, num total de 168 povoaçþes, ligadas por uma rede viåria interna com estradas de qualidade, evidenciando ainda uma excelente acessibilidade rodoviåria garantida por uma sÊrie vias råpidas, das quais se destacam os nós da auto-estrada A1 (LisboaPorto) e do itinerårioprincipal IP3 (ViseuFigueira da Foz), bem como a estrada nacional EN 109 (Aveiro-Figueira da Foz), que atravessa toda a zona Oeste do concelho. A sua população activa, segunda a edilidade, distribuiu-se pelo sector terciårio (38 por cento), primårio (36 por cento) e secundårio (26 por cento). Pa r a a l Ê m d o s r e cursos florestais e dos elevados índices de produção de batata e leite, Cantanhede tem na vitivinicultura a sua actividade com maior expressão, fruto do reconhecimento que os seus vinhos alcançaram como verdadeiro ex-libris da Região Demarcada da Bairrada. Mercê de uma estratÊgia de fixação de empresas, com destaque para as da indústria produtiva, o concelho tem prog ressivamente registado uma expansão económica que estå a per mitir ultrapassar os históricos constrangimentos decorrentes da sua tradicional dependência dos sectores agrícola e comercial. Esse processo, assente num plano estratÊgico de desenvolvimento sustentado, que inclui mecanismos de s a l va g u a r d a d a q u a l i dade ambiental, estå jå consubstanciado numa profunda transfiguração do tecido produtivo.


EXPOFACIC 2012

X

05

QUINTA-FEIRA

w w w . campeao p r o vin cia s.co m

DE JULHO DE 2012 CAMPEÃO DAS PROVÍNCIAS

Da área agrícola

Animais selvagens e aves exóticas aumentam atractividade A área agrícola, um dos sectores mais emblemáticos e mais visitados d a E x p o f a c i c – Fe i r a Ag rícola, Comercial e Industrial de Cantanhede, conta este ano com várias novidades. Para além da exposição de animais ligados à fauna e exploração agrícola e outras espécies domesticadas, a feira-festa de Cantanhede vai ter uma mostra de animais selvagens, como seja zebras, antílopes, lamas, entre outros. Os animais selvagens ocupam uma área de cerca de 150 metros quadrados. Novidade é também a mostra de aves exóticas, como araras, papagaios, catatuas, faisões e aves aquáticas. Coloridas, com plumas, por vezes, vistosas e, não raras vezes, bastante estridentes, as aves exóticas vão, por certo, despertar a curiosidade e fazer a delícia de todos os miúdos e graúdos que por lá passarem. O espaço das aves exóticas vai ocupar uma área de cerca de 100 metros quadrados. De referir que em Portugal nidificam regularmente sete espécies de aves que não são originárias do nosso país, como seja os bicos-delacre (ave originária de África que, muita vez, se faz notar pelo seu peculiar chamamento), tecelão-de-cabeça-preta

As aves exóticas vão, por certo, fazer a delícia de miúdos e graúdos

(ave amarela com a cabeça preta capta facilmente a atenção dos visitantes), mainá-de-crista (esta ave de origem asiática estabeleceu-se no nosso país na década de 1990 e é mais uma espécie a juntar à lista de aves exóticas que nidificam em liberdade em Portugal), bispo-de-coroa-amarela (esta espécie tem uma plumagem muito garrida), periquito-de-colar (da família dos papagaios, esta ave é fácil de identificar pela silhueta,

onde se destaca a cauda comprida,e pelas estridentes vocalizações que efectua quando em voo e em alimentação), o bengali-ver melho (esta pequena ave exótica é particular mente vistosa quando os machos envergam a plumagem d e Ve r ã o ) e b i c o - d e chumbo de cabeça preta (ligeiramente maior que o bico-de-lacre, esta ave identifica-se principalmente pela plumagem castanha, que contrasta com a cabeça preta, por

ter um bico triangular e prateado). A área ag rícola vai acolher ainda uma exposição de meios de transporte utilizados pela população do município para se deslocar à feira quinzenal de Cantanhede, desde o início do século passado até aos dias de hoje. “São três exposições que acredito que irão trazer mais valor ao certame”, referiu o presidente do Conselho de Administração da Inova-EM, An-

tónio Patrocínio Alves, durante a apresentação da feira. Outras das atracções da área agrícola é o picadeiro que vai também promover diariamente actividades no certame de Cantanhede. Dinamizado pela Inova – EM, o picadeiro será palco de diversas demonstrações equest r e s, p r o m ov i d a s p o r instituições reputadas, mas, como é habitual, os visitantes também poderão experimentar andar

a cavalo – o “baptismo a cavalo” é de acesso gratuito e não tem restrição de idades. Sempre com bastante público, o espaço ag rícola é um ref lexo do concelho de Cantanhede que mantém a aposta no sector primário, apesar de procurar diversificar o tecido económico. Pa r a a l é m d o s r e cursos florestais e dos elevados índices de produção de batata e leite, Cantanhede tem na vitivinicultura a sua actividade com maior expressão, fruto do reconhecimento que os seus vinhos alcançaram como verdadeiro ex-libris da Região Demarcada da Bairrada. As áreas de cultura da vinha estão situadas sobretudo nas grandes manchas dos calcários, que abrang em as freguesias de Cantanhede, Cadima e Outil na zona sudoeste do concelho e as freguesias de Sepins, Bolho e Murtede na zona NE do concelho. A importância da vitivinicultura é ainda maior na medida em que o concelho se encontra inserido numa região com denominação controlada – a da Bairrada. Assente sobretudo na pequena exploração, a actividade agrícola do concelho é ainda uma importante fonte de rendimento para muitas famílias.

PUBLICIDADE

www.jamoveis.com

Carlos Manuel Pereira de Almeida

Produzido e embalado: Jorge Vieira

Telef.: 231 469 874 - Telem.: 93 420 03 30 Rua Vasco da Gama, 82 - LONTRO - 3060-824 CAMARNEIRA

31409

Gradeamentos - Serralharia Civil | Estruturas Metálicas 31521

ARNEIRO SÃO JOÃO - MAIORCA - FIGUEIRA DA FOZ - Telems.: 965 772 838 / 914 580 430

Z.I. Vila Verde, Lt. 6, Oliveira do Bairro | orcamentos@jamoveis.com

31597

31495

Visite-nos durante a Expofacic


05

EXPOFACIC 2012

DE JULHO DE 2012 CAMPEĂ&#x192;O DAS PROVĂ?NCIAS

QUINTA-FEIRA

XI

www.ca m p e a o p r o vin cia s.co m

Semana Internacional de Folclore

Tribuna dos expositores

Folk anima Cantanhede

â&#x20AC;&#x153;A Expofacic ĂŠ sempre o acontecimento do ano para nĂłs, porque envolve um leque variadĂ­ssimo de empresas. Estamos nesta feira desde a primeira edição e acho que ĂŠ importante para nos  

 

  

  Acho isso bastante importante nos dias de hoje.â&#x20AC;?

Dora Dias, Directora Comercial da Febauto â&#x20AC;&#x153;A E x pofacic ĂŠ o certame de eleição do concelho de Cantanhede e todos nĂłs empresĂĄrios e nĂŁo empresĂĄrios temos orgulho nesta feira. Em boa hora ela renasceu, porque agora ĂŠ uma das maiores feiras a nĂ­vel nacional. A participação nesta feira ĂŠ altamente positiva e fazemos sempre questĂŁo de lĂĄ estar. A Orima estĂĄ agora vocacionada para o mercado internacional â&#x20AC;&#x201C; no dia 12 vamos   

     Moçambique e depois Marrocos â&#x20AC;&#x201C;, mas nĂŁo deixamos de estar presentes na feira por questĂľes de bairrismo e para dar apoio a esta iniciativaâ&#x20AC;?.

MĂĄrio Miranda de Almeida, ResponsĂĄvel da Orima

â&#x20AC;&#x153;A Expofacic ĂŠ, com toda a certeza, a maior feira do distrito de Coimbra. Ă&#x2030; um certame importantĂ­ssimo para nĂłs, porque sobretudo pelos contactos que se fazem. NĂłs fomos pioneiros da feira e fazemos questĂŁo de marcar presença todos os anos. Ă&#x2030; realmente uma feira muito boa. Para mim ĂŠ a melhor ao nĂ­vel do distrito. Apesar de estarmos numa altura de crise, a AutomĂłveis do Mondego continua a investir â&#x20AC;&#x201C; ĂŠ disso exemplo os concessionĂĄrios Peugeot da Guarda e Castelo Branco â&#x20AC;&#x201C; porque acho que ĂŠ importante. O fruto de tudo ĂŠ o trabalho, sendo que a pessoa mais importante para nĂłs ĂŠ o cliente. NĂłs temos de estar sempre direccionados para ele.â&#x20AC;?

Jorge Figueiredo, Administrador da AutomĂłveis do Mondego

Outro certame emblemĂĄtico de Cantanhede, o Folk Cantanhede â&#x20AC;&#x201C; Semana Internacional de Folclore vai animar a cidade de 7 a 14 de Julho. A sĂŠtima edição da Semana Internacional de Folclore, que vai decorrer em todo o concelho de Cantanhede sob a ĂŠgide do CIOFF (Conselho Internacional das Organizaçþes de Festivais de Folclore), conta com a participação de seis grupos internacionais, oriundos de França, ArmĂŠnia, BĂłsnia e Herzegovina, Espanha â&#x20AC;&#x201C; PaĂ­s Basco, LetĂłnia e Estados Unidos. A nĂ­vel nacional, o certame conta com a participação do Cancioneiro de Cantanhede (organizador do Folk), Grupo TĂ­pico de > # Q Y ;

Danças e Cantares da NazarÊ e Grupo Regional de Moreira da Maia. Dada a conjuntura financeira, o presidente do Cancioneiro e da comissão executiva do Folk, Paulo Marques, reconheceu, na apresentação do certame,

que â&#x20AC;&#x153;sĂł com a nossa força, muito voluntariado e apoio de todos se consegue realizar um festival com esta dimensĂŁoâ&#x20AC;?. O certame arranca Ă s 17h00 de sĂĄbado com um desfile internacional, que vai ligar o largo de S. Mateus ao centro da cidade, sendo    [   

abertura decorre meia hora depois na praça Marquês de Marialva. Pelas 21h30 abre a Folk Art - Feira Internacional de Artesanato. Para as 22h15 estå prevista a gala internacional de abertura do festival de folclore. Jå no domingo realizase, às 15h00, a habitual cerimónia ecumÊnica na Igreja Matriz. A partir das 17h00, actuam os grupos folclóricos da Sanguinheira e do País Basco. Segue-se às 18h00 e 22h00 as galas de folclore na freguesia de Ançã, Febres e Tocha. Na segunda-feira, dia 9,        

de dança do mundo, na praça MarquĂŞs de Marialva, Ă s 15h00. Ă&#x20AC; noite, as galas sĂŁo

nas freguesias de Cantanhede, Sepins, Pocariça e Vilamar. Na terça-feira, dia 10, as galas são nas freguesias de Cantanhede, Ourentã e Outil. Na quinta-feira, dia 12, as galas vão animar Lemede, Cordinhã, S. Caetano, Cadima, Bolho e Camarneira. Na sexta-feira, dia 13, Ê vez de o folk animar, durante a tarde, a Quinta da Fonte Quente (Tocha) e o Freixial e, à noite, as localidades de Varziela, Corticeiro de Cima, Pena, Enxofães e Covþes. Jå no såbado, dia 14, realiza-se o tradicional almoço convívio com todos      ';   

da tarde, a cerimónia de plantação da à rvore Folk Cantanhede 2012, nas futuras instalaçþes da Academia de Cultura Tradicional da Gândara Bairrada. O evento     ]" 

Naçþesâ&#x20AC;?, Ă s 22h15, que vai ligar o largo Arcebispo J. CrisĂłstomo e a praça MarquĂŞs de Marialva, e com a gala internacional, Ă s 22h15, tambĂŠm na praça central da cidade.

PUBLICIDADE

VALMAR

Visite-nos na feira!

â&#x20AC;&#x201D; MĂłveis de Cozinha e Carpintarias â&#x20AC;&#x201D;

Telef. 234 781 683 - Rua do Desporto - Ponte de Vagos

â&#x20AC;&#x201C; DivisĂłrias â&#x20AC;&#x201C; Tectos falsos â&#x20AC;&#x201C; Barramentos â&#x20AC;&#x201C; Isolamentos â&#x20AC;&#x201C; Molduras â&#x20AC;&#x201C; Aproveitamento de sĂłtĂŁos â&#x20AC;&#x201C; Sistema TĂŠrmico â&#x20AC;&#x201C; Pinturas Telef. 231 443 099 | Telef./Fax: 231 446 130 | Tlm. 964 042 010 / 963 108 664 Rua Principal, n.Âş 86 | CatarinĂľes | 3060 Tocha

CAIXILHARIA DE ALUMĂ?NIOS De: AntĂłnio Joaquim Silva de Jesus

31449

Qualidade a preço justo

31420

RENOVAĂ&#x2021;Ă&#x2022;ES CHAVE NA MĂ&#x192;O 31416

â&#x20AC;&#x201C; Cozinhas â&#x20AC;&#x201C; Carpintarias â&#x20AC;&#x201C; Bibliotecas e outros â&#x20AC;&#x201C; Madeiras para telheiros e pĂŠrgolas

AlumĂ­nios Anodizados e Termolacados

RESGUARDOS PARA BANHOS

Agradeço a todos os meus devedores que liquidem a sua dívida!

E.N. 1 - Ic2 - Apt.15 - S S. JoĂŁo de Azenha | 3781-908 SANGALHOS | PORTUGAL Telef.: 234 741 590 | 234 746 100 | Fax: 234 742 295 | Email: geral@bilharescastros.pt | www.bilharescastros.com

31435

31510

Telef.: 231 469 356 - Fax: 231 460 518 - Telem.: 967 025 019 Rua da Liberdade, 12 - CHOROSA - 3060-316 FEBRES | alufebres@gmail.com


EXPOFACIC 2012 w w w . campeao p r o vin cia s.co m

05

QUINTA-FEIRA

DE JULHO DE 2012 CAMPEÃO DAS PROVÍNCIAS

30945

XII

cadernoexpofacic2012  

Caderno dedicado à Expofacic 2012, publicado com a edição do Campeão das Províncias de 04/07/2012