Page 10

balanço positivo

Celso Tesser deixa legado apÓS quatro anos à frente da abav-pr Divulgação

a presidência da ABAV-PR, o evento já era tido como consolidado, contava com uma boa participação de expositores, fornecedores e de público. Mas sentíamos a necessidade de ter algum diferencial, para que o evento não fosse apenas mais um no trade turístico. Chegamos a um ponto de profissionalismo que servimos como molde, pela qualidade e estrutura. Hoje, podemos afirmar que somos um salão robusto e totalmente consolidado no calendário anual de eventos de turismo. Mas, nem por isso vamos parar no tempo. Já estamos pensando em novas formas de potencializar o evento para o próximo ano, deixando essa sugestão para a próxima diretoria. celso tesser, presidente da abav-pr

No próximo dia 22 de julho, a Associação Brasileira das Agências de Viagens do Paraná (ABAV-PR) escolhe seu novo presidente em assembleia a ser realizada na sede da entidade, em Curitiba. O resultado deve ser divulgado no mesmo dia. O novo presidente deve assumir o cargo no dia 29 de julho e vai dirigir a ABAV-PR por dois anos. O atual presidente, Celso Tesser, se despede do cargo depois de quatro anos, deixando como legado a consolidação da entidade, um maior número de associados e a efetivação do Salão de Turismo no calendário anual de eventos do setor no Brasil. À Agente Urgente, o presidente faz um balanço de seu trabalho

frente à entidade, aponta desafios e os gargalos que ainda impedem a expansão do turismo brasileiro.

O senhor foi presidente da ABAV-PR por duas gestões, qual é o balanço que faz da sua atuação frente à entidade? Foram duas gestões bastante positivas. Além das ações exteriores, como cursos, treinamentos, eventos, parcerias, convênios e novos associados, aproveitamos o período da gestão para colocar pendências internas em ordem. São detalhes que fazem uma grande diferença no dia a dia do trabalho da entidade. Outro ponto bastante positivo dessas duas gestões foi o Salão Paranaense de Turismo. Antes de assumir

Mais agentes foram credenciados? A nossa gestão, que começou em 2010, registrou um crescimento no número de associados, em torno de 12%. Essa era uma das nossas metas antes de assumir a presidência da ABAV-PR e, agora, quase no fim do cargo, pode-se afirmar que o dever foi cumprido. Quais considera terem sido os maiores desafios dos últimos dois anos? O que deixa como legado? Desde o início da nossa gestão, nossos desafios eram consolidar e firmar o Salão Paranaense de Turismo como um dos principais eventos do trade e aumentar o número de associados da entidade. As duas metas foram alcançadas. A atual diretoria está bastante satisfeita com o trabalho realizado e com a consolidação

também da nossa entidade, que vem realizando um trabalho sério e comprometido com o turismo do Paraná. E hoje, a ABAV-PR tem cadeira em todas as câmaras temáticas de Curitiba participando ativamente de todas as reuniões. Quais os principais problemas que ainda atravancam o setor de turismo brasileiro? Atualmente, o assunto que mais está em pauta é a Copa do Mundo de 2014. Muitas dúvidas ainda assombram o evento, principalmente na questão de como receber os turistas no país. Os nossos aeroportos ainda necessitam de uma infraestrutura melhor, mais moderna e adequada para acomodar a quantidade de visitantes previstos. A rede hoteleira e as estruturas das cidades que serão sedes também precisam de melhorias. Necessitamos de mais investimentos para poder receber de uma forma adequada os turistas que querem vir ao Brasil e acompanhar os jogos da Copa. Além disso, aqui no Paraná, também temos a preocupação com o nosso aeroporto, que está com capacidade saturada. É preciso investir e ampliar o empreendimento, ainda mais neste momento, no qual a cidade de Curitiba está ganhando destaque e conquistando mais voos, principalmente para destinos internacionais. Até porque a nossa cidade perde muito espaço para outras capitais quando o assunto é o aeroporto como, por exemplo, para a cidade de Porto Alegre (RS).•

Pinhais foca no Turismo de eventos e negócios Divulgação

Soleil, que escolheram este cenário para a realização dos seus eventos. Pinhais investe em turismo e um dos seus pontos fortes é a Linha Turismo – que tem sido um diferencial para as

pessoas que visitam o município. Mais informações: www.pinhais. pr.gov.br/turismo •

Desenvolvimento e turismo de negócios são marcas da bela Pinhais

O município de Pinhais vem participando nos últimos anos como expositor no Salão Paranaense de Turismo da ABAV-PR. A área de eventos e negócios é o grande foco de Pinhais, integrante da Região Metropolitana da Capital. Pinhais oferece excelentes espaços, como o Autódromo Internacional, o Expotrade Convention Center o Kartódromo Raceland Internacio-

10 //informativo agente urgente

nal. São espaços que atraem grande quantidade de turistas e sediam eventos de extrema importância para o calendário nacional. O Expotrade é considerado o maior centro de exposições e convenções da Região Sul do Brasil, com 34.000 m² de área construída. Posicionado estrategicamente, possui uma ótima logística para a realização de diversos eventos. Foi assim com a ONU e com o Cirque Du junho/julho/agosto 2013

Revista Agente Urgente 98  
Advertisement