Issuu on Google+

CLIPPING 27.06.2013 CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS MATERIAL PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÂMARA R. MIGUEL HACKMEY, 19/27, CENTRO. TELEFONE: (11) 2461-1238.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA METROPOLITANA CAPA

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA METROPOLITANA PÁGINA 2

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA METROPOLITANA PÁGINA 3

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA METROPOLITANA PÁGINA 3

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA METROPOLITANA PÁGINA 3

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA METROPOLITANA PÁGINA 4

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

DIÁRIO DE GUARULHOS PÁGINA 2 OLHO VIVO

27/06/13

Urgência antes do recesso

Da Redação Próximo do recesso parlamentar, a Câmara Municipal terá seis projetos com urgência para votar na última sessão de junho, nesta quinta-feira (27). Sessões extraordinárias já foram marcadas para todos os projetos, mas alguns ainda ficaram na pauta do grande expediente. O prefeito Sebastião Almeida já havia se reunido com os vereadores antes da sessão de terça-feira (25), para pedir a aprovação de todos os projetos. Vantagem Dos 34 vereadores da Câmara, 29 deles podem ser considerados da base governista. Retranca Com apenas cinco vereadores, resta à oposição tentar trava ao máximo a sessão desta quinta.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

DIÁRIO DE GUARULHOS PÁGINA 2 Continuação da Matéria: Olho Vivo

27/06/13

Solitário Dos seis projetos a ser votados com urgência nesta quinta, apenas um é de iniciativa da Câmara. Insatisfação Vereadores se queixavam nesta quarta do fato de não terem sido convidados por Almeida para a reunião de terça sobre os projetos urgentes. Também não receberam informações técnicas para poder votar. Negativo A assessoria de imprensa do Grupo Amil negou qualquer negociação envolvendo o Hospital Carlos Chagas de Guarulhos. Sumido O ex diretor do grupo Carlos Chagas, Eduardo Kamei, não foi encontrado. Dúvidas Manifestantes de Guarulhos questionaram a nota da Prefeitura, segundo a qual Rafael Policarpo Felisbino teria entregue ao secretário João Moraes um documento com reivindicações, no dia 24. No Facebook, Felisbino é um ilustre desconhecido. Escritório No último domingo (23), a vereadora Marisa de Sá (PT) inaugurou mais um escritório político no Bonsucesso. O Retorno Na próxima semana, o ex-prefeito Elói Pietá (PT) estará de volta a Guarulhos, depois de quase dois meses em viagem à Índia. Direto Desembarcará no Brasil e seguirá direto para Brasília.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

DIÁRIO DE GUARULHOS PÁGINA 2 Continuação da Matéria: Olho Vivo

27/06/13

Frase “Não tem nem como analisar”, Guti (PV), vereador, sobre os projetos encaminhados a Câmara em regime de urgência para votação antes do recesso, nesta quinta.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

DIÁRIO DE GUARULHOS PÁGINA 3

27/06/13

Metrô e tarifas devem dominar ato desta sexta No Facebook, 18 mil pessoas dizem ter confirmado presença na Praça Getúlio Vargas

Ato público será o segundo em uma semana

EURICO CRUZ Da Redação No Facebook, até esta quarta-feira (26), cerca de 18 mil pessoas haviam confirmado presença na nova manifestação de protesto no Centro de Guarulhos, nesta sexta (28). A pauta de reivindicações segue incerta. Nos posts, a maioria dos manifestantes parece convergir para uma proposta de corte ainda maior da tarifa de ônibus, de R$ 3 para R$ 2,50. Outra reivindicação é o metrô de Guarulhos. O ato público está marcado para 16h, na Praça Getúlio Vargas.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

DIÁRIO DE GUARULHOS 27/06/13 PÁGINA 3 Continuação da Matéria: Metrô e tarifas devem dominar ato desta sexta Além de aparentemente insatisfeitos com a tarifa municipal, que caiu para R$ 3, muitos manifestantes também não gostaram da redução das tarifas dos ônibus intermunicipais, anunciada pela EMTU para vigorar a partir de 1º de julho. O corte médio nas linhas que servem Guarulhos deve ser de R$ 0,15. Ativistas do Movimento Passe Livre insistirão com a reivindicação da tarifa zero. Para monitorar o ato público desta sexta, o secretário de Segurança de Guarulhos, João Dárcio, disse que 73 câmeras estarão de olho nos manifestante. A Prefeitura e Câmara Municipal terão segurança reforçada. Na última segunda-feira (24), a Prefeitura informou que havia recebido de um dos líderes de um dos movimentos, Rafael Policarpo Felisbino, um documento no qual constariam as principais reivindicações, com destaque para a instalação do metrô e a melhoria do transporte público


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

GUARULHOS HOJE PÁGINA 2

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

GUARULHOS HOJE PÁGINA 04

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

GUARULHOS HOJE PÁGINA 12

27/06/13


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

GUARULHOS WEB

27/06/13

Por que o guarulhense se levantou contra Almeida

Em seus mais de 450 anos de história, Guarulhos nunca assistiu a uma manifestação que reunisse mais de 10 mil pessoas, juntas, nas ruas.

Na última sexta-feira, dia 21, perto de 40 mil guarulhenses se espalharam por diferentes pontos da cidade para protestar. Contra o que? Contra tudo e contra todos, assim como ocorre nos mais diversos municípios do país. Mas o ato em Guarulhos levou para as ruas, conforme pode ser observado nos gritos de guerra e em centenas de faixas e cartazes, a grande indignação do povo em relação ao prefeito Sebastião Almeida (PT). Almeida foi a pessoa mais lembrada tanto no ato que partiu do Centro e parou as rodovias Presidente Dutra e Helio Smidt, fechando o único acesso de São Paulo ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, por mais de quatro horas, como as passeatas que seguiram pela avenida Paulo Faccini até o Bom Clima e outra que partiu do Conjunto Marcos Freire, na região do Pimentas, até a Dutra, próximo ao Trevo de Bonsucesso.

Além das questões nacionais, os manifestantes protestaram contra a tarifa, baixada a R$ 3,00 somente após a pressão popular, contra o IPTU, que aumento até 2.000% em janeiro, contra o péssimo atendimento médico nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), contra as mortes - nunca explicadas - de 14 crianças no Hospital Municipal da Criança (HMC) em 2011, contra os desvios de verbas públicas pela ONG Água e Vida, criada e administrada pela família de Almeida, pela falta de investimentos em educação, pelo alto gasto da Prefeitura com funcionários comissionados, entre outras reivindicações. Ao longo dos primeiros quatro anos de governo, Almeida conseguiu criar dentro do Executivo um grande esquema que cooptou Câmara Municipal, Ministério Público, fornecedores e boa parte da imprensa, com o claro objetivo de não sofrer qualquer tipo de oposição e garantir a reeleição. No entanto, como as ruas mostraram, a população percebeu e está dizendo um não a este estado totalitário.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

GUARULHOS WEB

27/06/13

Continuação da Matéria: Por que o Guarulhense se levantou contra Almeida Alguns pecados de Almeida

CASO ÁGUA E VIDA - Em 2010, o prefeito Sebastião Almeida foi acusado por desviar mais de R$ 40 milhões de verbas do programa federal Saúde da Família, que teriam sido utilizados em campanhas eleitorais do partido. A instituição foi criada pelo próprio Almeida no início dos anos 2000 e era administrada pela primeira dama Lourdes Almeida e pela filha Flávia Almeida. O caso ainda tramita na Controladoria Geral da União (CGU). IPTU - Em janeiro, logo após assumir seu segundo mandato, Almeida enfrentou vários atos de protesto já que os contribuintes receberam os carnês de IPTU, que variaram entre 500% até 2000%, já que o prefeito reajustou de uma só vez a Planta Genérica de Valores, que serve para o cálculo de impostos, que estava congelada desde a primeira administração do ex-prefeito Elói Pietá (PT), devido a trapalhadas cometidas pelo próprio chefe do Executivo e por sua Secretaria de Finanças. Apesar da comoção popular, até hoje, tirando poucas exceções, os impostos não foram revistos e muitos guarulhenses são obrigados a pagar mais de IPTU do que pagariam de aluguel para viver em suas próprias casas. SISTEMA DE TRANSPORTES - Em 2011, Almeida lançou um novo sistema de transportes, sem criar condições para seu funcionamento, gerando o caos e aumento do tempo para o deslocamento entre os bairros e a região central, já que não havia terminais nem mesmo corredores de ônibus. Tanto que a implantação do Bilhete Único, que parecia ser algo positivo, caiu em desgraça e até hoje ainda não foi assimilada pela população. Durante dois anos, as lotações que foram excluídas no novo sistema rodaram por meio de liminares na Justiça, que caíram no último mês de fevereiro. Quando as lotações deixaram de circular, o sistema piorou ainda mais já que as empresas não aumentaram o número de ônibus nas ruas. Enquete realizada pelo portal de notícias G1 mostra que o transporte público é apontado por 31% como o pior problema da cidade. MORTES NO HMC - Em 2011, 14 crianças morreram na UTI Neonatal do Hospital Municipal da Criança em circunstâncias que nunca foram esclarecidas. O hospital chegou a ser fechado pela Vigilância Sanitária Estadual. O secretário municipal de Saúde e vice-prefeito, Carlos Derman, nunca permitiu que o caso fosse esclarecido e fez de tudo para esconder as verdadeiras causas.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

GUARULHOS WEB

27/06/13

Continuação da Matéria: Por que o Guarulhense se levantou contra Almeida COMISSIONADOS - Conforme a Folha do Ponto publicou em maio, a Prefeitura de Guarulhos gasta todo ano perto de R$ 200 milhões para manter cerca de 2.400 funcionários comissionados, que não precisam passar por concurso, em seus quadros. Lotados na Secretaria de Governo, a maioria não precisa assinar ponto nem mesmo justificar sua presença em algum local de trabalho, facilitando a permanência de fantasmas pagos com dinheiro público. Conforme a relação publicada no Diário Oficial por força de uma ação do Ministério Público, é possível perceber que os cargos são destinados a pessoas ligadas aos partidos da base, que trabalharam durante a campanha de reeleição de Almeida, além de ex-vereadores que não conseguiram se reeleger e seus familiares. OBRAS PARADAS - Apesar de anunciar uma série de obras pela cidade, várias delas - que já tiveram verbas liberadas pelo governo federal - encontram-se paradas. Conforme a Folha do Ponto publicou neste mês, mais de R$ 11 milhões liberados pelos Ministérios dos Esportes e da Cultura deixaram de ser usados em reformas de praças esportivas e centros culturais sem qualquer explicação. Há ainda construções de CEUs (Centros de Educação Unificados), grande bandeira eleitoral de Almeida, paradas ou tocadas a passos de tartaruga. MAIS OBRAS PARADAS - Pelo menos 25 obras anunciadas festivamente, que contariam com verbas milionárias do PAC 2, encontram-se paradas em diferentes pontos da cidade. São obras como urbanização de favelas, contrução de piscinões, ligação da Papa João Paulo I com a Dutra, na continuação da avenida Jacu Pêssego, além de Unidades de Pronto Atendimento. Várias delas, inclusive, figuram como promessas de campanha na primeira eleição de Almeida e repetidas durante a reeleição. TERMINAL RODOVIÁRIO - Inaugurado em 2011, o Terminal Rodoviário de Guarulhos nunca teve uma demanda que justificasse os quase R$ 20 milhões de dinheiro público utilizados ali. Para piorar a situação, em março de 2012, o teto do empreendimento caiu depois de uma ventania e demorou mais de um ano para ser reconstruído e reaberto. TRATAMENTO DE ESGOTO - Apesar de alardear ao longo da campanha de reeleição, que construiu três Estações de Tratamento de Esgoto na cidade e que Guarulhos teria já 35% de esgoto tratado, o próprio superintendente do Saae afirmou em audiência pública na Câmara Municipal que esse número só poderia ser alcançado no final deste ano. Almeida também garantiu que terminaria seu mandato com 80% de tratamento de esgoto. No entanto, no final do ano passado, precisou criar uma PPP, uma espécie de privatização do Saae, para buscar na iniciativa privada recursos para conseguir cumprir a promessa.


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA DO PONTO PÁGINA 2

27 DE JUNHO A 3 DE JULHO/2013


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA DO PONTO PÁGINA 5

27 DE JUNHO A 3 DE JULHO/2013


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA DO PONTO PÁGINA 5

27 DE JUNHO A 3 DE JULHO/2013

Continuação da Matéria: Legislativo vai ganhar 34 novos “vereadores”


CÂMARA MUNICIPAL DE GUARULHOS CLIPPING PRODUZIDO PELA DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO, RÁDIO e TV CÃMARA – FONE: 2461-1238

FOLHA DO PONTO PÁGINA 9

27 DE JUNHO A 3 DE JULHO/2013


Clipping 27. 06. 2013