Page 21

| 166ª sessão |

No dia do cientista, pesquisadores recebem homenagem da Câmara de Taubaté O dia do cientista foi motivo de comemoração na sessão dia 14, em que foram homenageados os pesquisadores Edson Trajano Vieira e Julio César Voltolini, “patrimônios científicos de Taubaté”, como definiu a vereadora Pollyana Gama (PPS), oradora da solenidade. Formado em Economia pela Universidade de Taubaté, mestre também em Economia, pela Universidade Mackenzie e doutor em História Econômica pela Universidade de São Paulo, Trajano é professor e pesquisador da Unitau. Após enumerar funções que Trajano desempenha na Unitau e a “extensa lista” de trabalhos científicos realizados por ele, Pollyana citou também a atuação do pesquisador como colunista no jornal O Vale e comentaristas nas TVs Novo Tempo e Rede Aparecida. Ao falar sobre Julio Voltolini, que é formado em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina, mestre em Zoologia pela Universidade de São Paulo e doutor em Biologia Vegetal pela Unesp (Universidade Estadual Paulista), a vereadora também citou funções desempenhadas na Unitau, Unesp e Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). Pollyana acrescentou que o pesquisador foi professor convidado do

21

L. C. Batista

Julio César Voltolini

Edson Trajano

Programa de Doutorado do Instituto Gulbenkian (África – Cabo Verde), além de ter sido editor-chefe da Revista Biociências, é membro eleito da diretoria da Sociedade de Ecologia do Brasil (SEB) e da International Association for Statistical Education, tendo participações em trinta congressos no Brasil e nove no exterior e com 120 trabalhos apresentados em congressos no Brasil e oito no exterior. Ao agradecer a homenagem, Trajano defendeu que o trabalho de pesquisa volte para a sociedade. Considerou o “fundamental papel da Casa, junto com a comunidade científica, de buscar alternativa para o desenvolvimento”. “Não basta produzir conhecimento na academia, é necessário que seja aplicado para que possamos melhorar a qualidade de vida das pessoas.” Julio César elevou a iniciativa da Câmara em celebrar o dia do cientista, num país em que ciência “é coisa rara”. “Não basta que apenas ensinemos ciência para as pessoas, temos que ensinar uma nova postura de vida para brasileiros que estão iniciando a vida acadêmica, para que deem importância aos estudos para melhorar também como cidadãos”, pontuou. Poder do conhecimento Pollyana fez reflexão sobre o poder do conhecimento. “Sempre afirmei

que a construção de um país mais desenvolvido e justo socialmente passa necessariamente pelo investimento na educação e na ciência.” “Nosso atual cenário econômico nos leva a refletir sobre a importância de se enxergar ciência e a educação como prioridades”, avaliou. “O Brasil é um grande exportador de commodities, isto é, matéria-prima bruta, e torna-se inadmissível observar que compramos de volta dos países que investem em ciência os produtos finais, resultados da transformação de nossas riquezas”, afirmou. A vereadora registrou que, ainda que os investimentos nacionais em Ciência e Tecnologia tenham apresentado crescimento, chegando a R$ 85,6 bilhões, segundo dados apresentados pelo Governo Federal referentes a 2013, este investimento representa apenas 1,66% do PIB (Produto Interno Bruto) nacional. Mestre em Desenvolvimento Humano pela Unitau, Pollyana destacou a contribuição da Universidade no fomento de estudos científicos. “Somos capazes, somos potentes, mas precisamos tomar posse do conhecimento e nos tornarmos protagonistas da história que queremos construir para o futuro de nosso país. E o futuro requer conhecimento!”

Câmara Municipal de Taubaté 18.setembro.2015

BL 968  
BL 968  

Boletim Legislativo nº 968