Page 5

SESSÃO

Mudança aumenta número de servidores efetivos da Prefeitura A Câmara de Taubaté aprovou em duas votações, no dia 7, o projeto de lei complementar nº 13/2018, de autoria do prefeito, que altera a estrutura administrativa do município. Na prática, o projeto de lei aumenta o número de servidores efetivos em algumas carreiras. O texto, que sofreu duas correções redacionais da Comissão de Justiça, precisa

ser sancionado pelo prefeito para que entre em vigência. Na mensagem enviada ao Legislativo, o prefeito argumenta que o projeto substitui por servidores efetivos alguns cargos que têm sido supridos de forma temporária, convocados para “atender necessidade de excepcional interesse público”. As mudanças ocorrem nos cargos de agente comunitário de saú-

de, que passaram de 100 para 176; assistente de informática, de quatro para sete; cuidador, de 32 para 41; enfermeiro do trabalho, de um para dois; engenheiro, de nove para 12; fiscal de posturas, de 21 para 26; fisioterapeuta, de 25 para 35; médico Crédito do trabalho, de um para dois; orientador social, de 20 para 50; técnico de enfermagem ESF, de 40 para 78; técnico em farmácia, de dez para 15.

Imprensa CMT

Câmara de Taubaté aprova denominação de rua, campo e escola Leonardo Oliveira - Acom Unitau

Milton de Freitas Chagas, reitor entre 1987 e 1991 e 1993 a 1997 Três projetos de denominação de próprios municipais foram aprovados pela Câmara de Taubaté no dia

7. Em primeira votação, o plenário deu aval aos projetos de lei nº 32/2018 e 3/2018, ambos de au-

toria do prefeito, que denominam avenida Reitor Milton de Freitas Chagas a via localizada entre a avenida Charles Schnneider e a rua Edmundo Morewood, no Barranco, e Osmar da Costa Santos o Campo “do Garça”, localizado na avenida Bandeirantes, no Jardim Maria Augusta. Os dois projetos dependem de segunda votação para seguirem à sanção do prefeito. O terceiro projeto apreciado durante a sessão, denomina a escola localizada no Loteamento Jardim Oásis, no Piracangaguá, com o nome da professora Sirley Aparecida Gonzaga Capucho. Como foi aprovado em segunda votação, depende da sanção do prefeito para que entre em vigência.

Câmara Municipal de Taubaté, 11.maio.2018 • Nº 1158

|5

BL 1158  

Boletim Legislativo nº 1158

BL 1158  

Boletim Legislativo nº 1158