Page 95

XI Placas foreiras do Hospital Real de Todos-os-Santos no acervo fotográfico da coleção Mac-Bride

Figura 9 Placa Foreira da Rua das Madres, 13, e inscrição alusiva ao culto mariano. Imagem Mário Marzagão.

Parece-nos que estas casas poderiam ter sido igualmente de cariz assistencial, provavelmente ligadas às paróquias onde estariam integradas. Talvez fossem albergarias de apoio aos viajantes que chegavam ou saíam de Lisboa, que só mais tarde foram anexadas ao Hospital Real. Edifício que terá sido uma eventual albergaria com idênticas funções existe ainda, embora devoluto, em Sacavém, na estrada que vai desta última povoação para Unhos31. 31 SILVA, Ana Raquel; SANTOS, Suzana Pombo dos – Villa Romana e Assentamento Proto-Histórico (Unhos, Loures). Al-Madan. Almada: Centro de Arqueologia de Almada. Série II Nº 15 (2007), p. 161. Fica a dúvida se este edifício poderá ser tudo o que resta do Hospital de Gonçalo Vaz, referido por Francisco Silva Correia, que foi incorporado no Hospital Real (op. cit., p. 405); SALGADO, Abílio José; SALGADO, Anastácia Mestrinho, op. cit., p. 443.

95

Profile for Câmara Municipal de Lisboa

Cadernos do Arquivo Municipal, Série II nº 11  

O Hospital Real de Todos-os-Santos: A Saúde e a Cidade na Época Moderna

Cadernos do Arquivo Municipal, Série II nº 11  

O Hospital Real de Todos-os-Santos: A Saúde e a Cidade na Época Moderna