Page 201

XI relação dos oficiais de saúde: na cidade de lisboa (1504-1775)

Nome

Tomás da Costa Moreira

Cargo / Ofício

Data(s)

Registo de atividade

Suporte documental

Médico da Saúde do Porto de Belém

25 junho 1750

Livro 27º de consultas, decretos e avisos de D. João V do Senado Ocidental, f. 281

Médico da Saúde do Porto de Belém

Decreto a favor de Tomás da Costa Moreira, médico serventuário da Saúde do Porto de Belém, concedendo-lhe prorrogação de licença pelo tempo de mais seis meses e determinando-se que, durante o seu impedimento, sirva no cargo o "cirurgião do mesmo Tribunal Francisco Pereira".

23 janeiro 1751

Médico da Saúde do Porto de Belém

21 junho 1752

Carta de provimento da serventia do ofício de médico da Saúde do Porto de Belém, passada a Tomás da Costa Moreira, pelo período de seis meses, em substituição do proprietário, João Machado de Brito, que se encontrava impedido.

Livro de Registo da Chancelaria da Cidade 1751-172, f. 84

Médico da Saúde do Porto de Belém

José Rodrigues Fernandes

Jorge da Mata Gião

11 abril 1753

Médico da Saúde do Porto de Belém

1 fevereiro 1754

Médico da Cidade, da Saúde e Hospital de São Lázaro

21 junho 1748

Médico da Família Real

21 junho 1748

Médico da Cidade, da Saúde e Hospital de São Lázaro

21 junho 1748

Carta de provimento da serventia do ofício de médico da Saúde do Porto de Belém, passada a Tomás da Costa Moreira, pelo período de seis meses, em substituição do proprietário, João Machado de Brito, que se encontrava impedido.

Carta de provimento da serventia do ofício de médico da Saúde do Porto de Belém, passada a Tomás da Costa Moreira, pelo período de seis meses, em substituição do proprietário, João Machado de Brito, que se encontrava impedido. Carta de provimento da serventia do ofício de médico da Saúde do Porto de Belém, passada a Tomás da Costa Moreira, pelo período de seis meses, em substituição do proprietário, João Machado de Brito, que se encontrava impedido.

Carta de provimento da propriedade trienal do ofício de médico da Cidade, da Saúde e Hospital de São Lázaro, passada a Jorge da Mata Gião, médico da família real, por o cargo se encontrar vago, por falecimento do proprietário, José Rodrigues Fernandes.

Carta de provimento da propriedade trienal do ofício de médico da Cidade, da Saúde e Hospital de São Lázaro, passada a Jorge da Mata Gião, médico da família real, por o cargo se encontrar vago, por falecimento do proprietário, José Rodrigues Fernandes. Carta de provimento da propriedade trienal do ofício de médico da Cidade, da Saúde e Hospital de São Lázaro, passada a Jorge da Mata Gião, médico da família real, por o cargo se encontrar vago, por falecimento do proprietário, José Rodrigues Fernandes.

Livro de registo da Chancelaria da Ciddae 1750-1751, f. 56

Livro de registo da Chancelaria da Cidade 1753, f. 75v Livro de registo da Chancelaria da Cidade 1753-1755, f. 54

Livro de registo da Chancelaria da Cidade 1746-1748, f. 19v a 20v

Livro de registo da Chancelaria da Cidade 1746-1748, f. 19v a 20v Livro de registo da Chancelaria da Cidade 1746-1748, f. 19v a 20v

201

Profile for Câmara Municipal de Lisboa

Cadernos do Arquivo Municipal, Série II nº 11  

O Hospital Real de Todos-os-Santos: A Saúde e a Cidade na Época Moderna

Cadernos do Arquivo Municipal, Série II nº 11  

O Hospital Real de Todos-os-Santos: A Saúde e a Cidade na Época Moderna