Issuu on Google+

Da

cão e Edi

03

NOV 2012

al

spe ci

BOLETIM

edição

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

visite a nossa página e fique por dentro das novidades. acesse: www.calvirtual.com.br

nesta edição: CAPA A Babi é louca por você PÁGINA 2 E 3 Ministério Pequeninos PÁGINA 4 Cal em Polos Aniversariantes do mês Novos membros

A Babi é louca por você

Essa história nos ensina:

O jejum que fazemos todos os anos no mês de outubro tem como objetivo principal relembrar o valor do quanto estamos servindo ao Senhor de forma dedicada, e ao mesmo tempo, observar quais são as situações que atacam a nossa devoção.

Qual é o centro do seu empenho? (versículo 3) Eles estavam decididos. Reuniram-se! Convidaram uns aos outros para a tarefa. Sabiam que seria trabalhoso. Temos o mesmo empenho pelo Reino de Deus em nós?

No contexto do evangelho de Mateus 6:24, Jesus deixa claro o ponto principal que traz ruptura em nossa serventia: centralidade. Quem está no centro? O Senhor diz que o homem não conseguirá devotar-se a Ele se o seu coração estiver assenhorado por outras coisas.

Qual é o centro de nossa motivação? (versículo 4) Nossa cidade, nosso nome, nosso projeto, nosso sucesso! Tudo para nós, porque afinal nós merecemos. Onde estão os projetos de Deus em nós? Onde estão as causas superiores? Os envios? As missões?

Estamos centrados em quem? Por quem? Você pode dizer que em sua vida tudo gira em torno de Jesus, em Jesus, por Jesus e para Jesus? Essas respostas declaram nosso Espírito Devocional! Veja na história da humanidade como um desvio de centralidade afetou a devoção a Deus, iludindo os homens, ao ponto de se colocarem no centro dos acontecimentos. Na Torre de Babel o que importava eram as riquezas da terra, estruturas humanas e convenções sociais (Gênesis 11:1-9).

Qual é o centro do nosso aprendizado? (versículo 6) O Senhor desceu, viu e interferiu na loucura do homem, pois sua autossuficiência e vangloria já tinham contaminado seu coração por completo. Será que já aprendemos a lição? Quando o homem está no centro, não há devoção a Deus e os planos falham. Quando Deus está no centro, a devoção é real e os planos são aperfeiçoados. Texto: Apóstolo Dennys E-mail: apostolo.dennys@calvirtual.com.br

1

Por que? O nome do Projeto se deu num trocadilho que estabelecemos em função do nosso objetivo e do nosso sonho. CALsa - como o desejo de ter uma casa pra CAL - A casa da CAL. CALsa - como a certeza de termos uma direção de Deus como a maior das causas - A causa da CAL. Baseados nestes pilares e debaixo de várias conversas com os colaboradores da nossa igreja, lançamos em cinco de maio deste ano o nosso projeto de conquista e avanço na obtenção de um espaço próprio para desfrutarmos de uma comunhão com qualidade e adorarmos ao nosso Senhor. Desejamos que muitos sejam tocados pelo poder do Espírito Santo, trazendo mover de amor na prática da voluntariedade com liberalidade.

Visite nosso site: www.calvirtual.com.br


Ministério Pequeninos: Alegria, comunhão e dedicação Crianças têm eventos e ações direcionadas para cada IDADE

“Eduque a criança no caminho em que deve andar, e até o fim da vida não se desviará dele.” - Prov. 22:6 melhor cada uma delas.”

É isso que o ministério Pequeninos leva como regra. Cada aula, cada evento e ações direcionadas para as crianças são cuidadosamente pensadas para que elas sejam corretamente orientadas na Palavra de Deus.

Com esse foco no ensinar de forma clara, que os eventos e as ações nos Pequeninos são pensadas e realizadas. Assim como no Circal, que acontece há seis anos, e com o Acampadentro, com sua primeira edição em outubro. “Acreditamos que o Circal é um grande instrumento de evangelização infantil, além de ser um tempo de diversão para garotada. O acampadentro surgiu neste ano e veio a partir do novo formato do Circal, que aconteceu ao ar livre, com o grande objetivo de evangelismo, nos privando de certa forma de um momento mais íntimo com os nossos pequeninos, que já conhecemos da igreja. Por isso o acampadentro foi mais que especial, como um momento mais íntimo entre os professores, crianças e Deus”, esclarece Marina.

Mas não é tão fácil transmitir os ensinamentos de Jesus para os pequenos. É preciso usar outra linguagem, usar materiais, jogos, tudo para que seja lúdico e de fácil entendimento. “Todas as aulas visam reflexão sobre várias áreas da vida das crianças, por isso estamos sempre orientando sobre situações na escola, família, sentimentos e atitudes, além de, como pastores de crianças, estamos constantemente orando e jejuando por cada uma delas e suas famílias”, explica a líder do ministério a diaconisa Mariana Silva. É por causa dessa proximidade que o ministério começará a dar um retorno para os pais de como eles se comportam diante de um ensinamento sobre Deus. “O ministério sempre previu um acompanhamento mais próximo à família. Por isso ainda este ano faremos algumas ações específicas de orientação aos pais na educação cristã de seus filhos, com o apoio de pedagoga, fonoaudióloga e pastoras envolvidas no ministério”, esclarece Mariana.

É claro que o acampadentro também teve um tema: “A Casa do Rei”, que foi escolhido para que a criança fosse inserida no projeto da igreja, de forma que ela se sinta importante para a realização de um grande sonho da CAL. “O assunto em foco nessa ação veio ao encontro do projeto da igreja chamado ‘Tudo por uma CALsa’. Sentimos que as crianças deveriam fazer parte deste sonho. Assim como Davi sonhou em construir um templo e seu filho Salomão o fez, nós do ministério ensinamos que devemos sonhar com a Casa do Rei, e mais, que pela força do Senhor podemos alcançar o objetivo de ter uma ‘casa’ para que possamos adorar o Rei dos Reis”, diz Priscila, que abriu as portas da sua casa para receber as mais de 20 crianças que participaram dessa ação.

A presbítera Priscila Ramos, também líder do ministério até o mês de outubro, complementa ressaltando a importância do ensinamento em casa. “Entendemos que não adianta ministrarmos as crianças se em casa não há continuidade. Em breve faremos uma reunião com os pais para compreender 2


NOVOS CAMINHOS

chamados para sermos pastores de crianças e pretendemos cumprir essa convocação com excelência. O ministério passa por uma mudança de liderança e a colaboradora Rebeca Ramos assume juntamente comigo.”

Porém as mudanças são as únicas coisas que temos certeza que acontecerão. Por isso, a partir de novembro, Priscila assume a liderança dos Teens. “O ministério passa por uma mudança e eu estou saindo e assumindo os Teens, outro grande desafio para o qual o Senhor me chamou. Quando isso acontece o ministério em si cresce e também há maturidade para cada um dos envolvidos”, ressalta Priscila.

Mesmo com essa mudança o ministério dos Pequeninos continua a todo o vapor. “Estamos nos preparando para começar a campanha de adoção de uma criança para presentear cada uma no natal. É mais um momento muito especial para os pequenos, que em breve será divulgado nos cultos. E muitas outras coisas virão, além de algumas reformulações e ano que vem teremos muitos momentos de compartilhar com a família o que as crianças vivenciam no ministério”, finaliza Mariana.

Mariana enfatiza dizendo que esse desenvolvimento ministerial já pode ser sentido e observado por todos. “Na última reunião do ministério o Senhor nos marcou com a certeza de que fomos

Alguns frutos do Ministério dos Pequeninos

3


ENTREVISTA

Mariana: Os eventos são de grande importância para os pequeninos, pois além de ser um momento de ouvirmos de uma forma diferente e animada a palavra de Deus é um tempo em que eles percebem que a escolha de seguir Jesus também pode e deve ser divertida, que cantar, dançar e brincar à luz da palavra alegram o coração de Deus. Os sentimentos de alegria, comunhão, amor e entusiasmo que essas ocasião promovem ajudam nossos pequenos a crescerem na certeza de que estar com Jesus é a melhor opção.

Qual a importância desse ministério para a igreja e na sua vida particular? Priscila: Ele é o futuro da igreja, representa a base forte de jovens e famílias que se formarão no caráter de Cristo e farão a diferença. Na minha vida particular? Simplesmente mudou a perspectiva de vida! Hoje tenho outro olhar para tudo e todos.

Há acompanhamento de cada criança? Como isso é realizado?

Mariana: É um ministério de suma importância para o futuro do Reino de Deus, por ensinar e acompanhar o crescimento espiritual das crianças, a fim de trazer integridade, maturidade e estrutura emocional. Estar na liderança deste ministério representa muitas coisas pra mim. Primeiro por estar exercendo aquilo para qual Deus me escolheu e chamou e segundo porque hoje entendo que este chamado é muito maior, já que teve início no ministério infantil quando eu tinha apenas 12 anos. Hoje fiz dele minha missão de vida. Sou professora e minha profissão começou no ministério infantil, por isso entendo que o Senhor me chamou para orar, interceder, levar a palavra e o amor de Cristo para os pequeninos, na igreja, na escola e onde eu estiver, sou uma pastora de crianças!

Priscila: Sim, mas ainda temos muitos planos para um acompanhamento mais efetivo. Entendemos que não adianta ministrarmos as crianças se em casa não há continuidade. Em breve faremos uma reunião com os pais para compreender melhor cada uma. Mariana: Todas as aulas visam reflexão sobre várias áreas da vida das crianças, por isso estamos sempre as orientando sobre situações na escola, família, sentimentos e atitudes, além de, como pastores de crianças, estamos constantemente orando e jejuando por cada uma delas e suas famílias. O ministério sempre previu um acompanhamento mais próximo à família. Por isso ainda este ano faremos algumas ações específicas de orientação aos pais na educação cristã de seus filhos, com o apoio de pedagoga, fonoaudióloga e pastoras envolvidas no ministério.

Como cada um dos eventos do ministério influencia na vida da criança e por consequência na vida familiar? Priscila: Os eventos têm a função de promover comunhão, diversão e alegria verdadeira. Como a criança é uma terra fértil, cada gesto de amor e toda palavra ministrada trarão reflexos no seu comportamento.

Como surgiu a ideia do Circal e do Acampadentro? Como esses eventos foram desenvolvidos? 43


Mariana: O Circal já era um evento fixo desde o primeiro ano de igreja e o mantemos todos os anos, pois acreditamos que é um grande instrumento de evangelização infantil, além de ser um tempo de diversão pra garotada. Acreditamos que o Circal é um grande instrumento de evangelização infantil, além de ser um tempo de diversão para garotada. O acampadentro surgiu neste ano e veio a partir do novo formato do Circal, que nessa edição aconteceu ao ar livre, com o grande objetivo de evangelismo, nos privando de certa forma de um momento mais íntimo com os nossos pequeninos, que já conhecemos da igreja. Por isso o acampadentro foi mais que especial, como um momento mais íntimo entre os professores, crianças e Deus.

palavra do Deus. O nosso grande objetivo foi alcançar crianças e famílias para Jesus, de mostrarmos publicamente que Cristo deve ser o centro dos lares e isto foi atingido. Pela graça e glória do nome de Deus ouvimos comentários de famílias se referindo ao evento como um momento importante de reflexão. Além disso, o Senhor nos presenteou com novos colaboradores, dispostos a doarem seu tempo e se dedicarem ao ministério pequeninos. Quais os próximos passos do Ministério? Há alguma novidade? Priscila: Há muito ainda para crescer. O foco será formar crianças que fazem a diferença envolvendo-as cada vez mais com a palavra de forma simples e objetiva. O ministério passa por uma mudança de liderança, eu estou saindo eassumindo os Teens, outro grande desafio para o qual o Senhor me chamou. Quando isso acontece o ministério em si cresce e também há maturidade para cada um dos envolvidos. Hoje os professores ou tios, como as crianças os chamam, absorveram a Palavra da última reunião do ministério: “Somos pastores de crianças”, não estamos na igreja para entreter as crianças, mas sim para formarmos servos.

Como os temas do Circal são estabelecidos e por quê? Priscila: Por meio de reuniões e muitos debates, sempre com base bíblica e com ênfase no cotidiano. Mariana: Quando chegamos à fase de escolha do tema do Circal procuramos sempre levar em conta o momento que estamos vivendo como ministério, fazendo um link com situações do cotidiano e, claro, com base na Bíblia. São levantados diversos temas e com oração, reuniões e a colaboração de todos envolvidos no ministério chegamos ao tema final.

Mariana: Na última reunião do ministério o Senhor nos marcou com a certeza de que fomos chamados para sermos pastores de crianças e pretendemos cumprir essa convocação com excelência. O ministério passa por uma mudança de liderança e a colaboradora Rebeca Ramos passa a assumir juntamente comigo. Estamos nos preparando para começar a campanha de adoção de uma criança para presentear cada uma no natal. É mais um momento muito especial para os pequenos, que em breve será divulgado nos cultos. E muitas outras coisas virão, além de algumas reformulações e ano que vem teremos muitos momentos de compartilhar com a família o que as crianças vivenciam no ministério. Aguardem!

Por que o tema do Acampadentro foi “A Casa do Rei”? Priscila: O assunto em foco nessa ação veio ao encontro do projeto da igreja chamado ‘Tudo por uma CALsa’. Sentimos que as crianças deveriam fazer parte deste sonho. Assim como Davi sonhou em construir um templo e seu filho Salomão o fez, nós do ministério ensinamos que devemos sonhar com a Casa do Rei, e mais, que pela força do Senhor podemos alcançar o objetivo de ter uma ‘casa’ para que possamos adorar o Rei dos Reis. Mariana: Entendemos que os pequeninos fazem parte do corpo da igreja e que têm muito a contribuir nos novos projetos, já que eles são o futuro da CAL. Por isso consideramos importante a participação deles no projeto “Tudo por uma CALsa” e, de uma forma bem lúdica, contamos a história da construção do templo pelo rei Salomão e de como este sentimento de amor pela obra de Deus em construir foi passado pelo seu pai Davi. Ensinamos as crianças que para participar basta orar para que o Senhor seja o provedor de tudo o que precisaremos.

Uma palavra de incentivo aos pais para que as crianças estejam cada dia mais presente e participativos nos Pequeninos. Priscila: Não subestime seu filho, valorize, ame, brinque e, antes de tudo isso, ensine e seja o referencial para que se possa despertar na criança o desejo de servir a Deus. Pergunte o que ele aprendeu na aula, como foi, se importe e separe um tempo para orar e ler a bíblia com ele. Esses momentos estreitam os laços familiares e espirituais.

Por que o Circal desse ano foi ao ar livre e quais os frutos já colhidos? Priscila: Optamos pelo desafio este ano com o foco no evangelismo. Nosso objetivo foi alcançar outras crianças, trazer alegria e dar o que temos recebido de graça. Foi um momento realmente especial onde crianças e famílias foram alcançadas pelo amor de Cristo. Neste dia também recebemos novos colaboradores para o ministério que voluntariamente se envolveram e se apaixonaram pelos pequeninos.

Mariana: Temos vivido momentos muito difíceis em relação à educação nos dias de hoje. Cada vez torna-se mais comum ouvirmos casos de desrespeito entre pais e filhos e é justamente contra isto que o ministério Pequeninos atua pois queremos ver crianças, futuro jovens e adultos temente a Deus, sendo servos, cumprindo Sua palavra com zelo e amor, porém só a atuação do ministério não se faz suficiente. É preciso que os pais influenciem seus filhos, incentivem, se importem e sejam espelho de Cristão, para que isso reflita no ministério e na vida dos pequeninos.

Mariana: O Circal este ano foi realmente especial, uma marca de Deus noministério. Fazê-lo ao ar livre foi uma opção da liderança e apoiada por todos os envolvidos. Acredito que era exatamente isto que Deus desejou que acontecesse, pois cumprimos nosso chamado de sermos pastores de crianças, evangelistas da 5


cal em polos NORTE 1 - VILA MARIA Pastores: Alexandre e Daniele

GUARULHOS - VILA ROSÁLIA Pastores: José Luis e Débora

Rua Prefeito Milton Improta, 75 Terça-feira - 20 horas

Rua Campinas, 478 - apartamento 31 Quinta-feira - 20 horas

NORTE 2 - LAUZANE Pastores: Ericson e Vanessa

INTERIOR - ITU Apóstolo Dennys Ricardo

Rua Conselheiro Moreira de Barros, 3.644 Quarta-feira - 20 horas

Sexta-feira - 20 horas

agenda cal

aniversariantes do mês

Fique ligado nos próximos eventos da igreja:

04 - Edson Gomes Bonfim 09 - Ericson Galdeano Maia 11 - Andrea Rodrigues Bonfim 15 - Isabella Italiani (Itu) 17 - José Luiz Scorpioni

24 | NOV

Uma noite especial para louvarmos o nosso Senhor

curta

novos membros Mary Leia Chabaribery Ribeiro Marcelo Souza Maria Emília Almeida

louvor retrô 20 horas

nossa página no

A Bárbara veio ao mundo dia 29/10, às 21h26min, medindo 47cm e pesando 3kg

facebook.com/calvirtual

CHARGE COORDENADOR DE CONTEÚDO: Pastor Alexandre Godoy Ramos TEXTOS e revisão: Apóstolo Dennys Ramos Tany Souza Criação e diagramação: fabio Faroni FOTOS: Toninho - JS Fotografia Colaboração: Carol Sabadin Rafael Teles Editora Responsável: Tany Souza MTB 39694 Este boletim é uma publicação mensal, com distribuição interna e divulga informações da Igreja CAL - Comunidade Apostólica Livre. 6


2012 - Boletim de novembro - Edição 3