Issuu on Google+

Caiçara caicarajau.com.br

nº 184 | Janeiro::Fevereiro/2013

A festa das crianças nas matinês Copa COC/Uniceb

Aconchego e Viola

César Rizzo

A divisão e uniformes das equipes de futebol veterano

As fotos do Aconchego para Casais e da Noite da Viola

A vida do “caiçarense” Med como professor nos EUA


Caiçara caicarajau.com.br

Palavra do Presidente nº 183 | Novembro::Dezembro/2012

À Família Caiçarense.

A

migo associado. Estamos encerrando nosso mandato com muito orgulho por ter representado o Caiçara Clube de Jaú como Diretor Presidente. Assumimos essa responsabilidade em meio a muitas adversidades, encontradas principalmente por parte de alguns membros do Conselho Deliberativo. Porém, procuramos trabalhar arduamente para entregar um clube ainda mais bonito, mais agradável, fazer melhorias indispensáveis, valorizando o patrimônio e conseqüentemente a todos os associados. Alcançamos nosso objetivo. Quando assumimos esta diretoria nosso clube estava desacreditado. Naquela época alguns sócios entregavam seus títulos gratuitamente ou os vendiam por valores simbólicos, enquanto que os demais clubes da cidade eram cada vez mais valorizados, enquanto que as comparações ainda eram inevitáveis. Hoje, no final de nosso mandato, temos a honra e orgulho de ver que a procura por títulos do Caiçara é enorme e conseqüentemente seu valor superior aos demais clubes da cidade. Fizemos mais de 60 melhorias por todo clube desde sua jardinagem; construção de quiosque; construção de um novo parquinho iluminado junto aos quiosques; substituição da tenda defronte ao bar do campo 4 por telha-

do translúcido e impermeável, substituição das BIKES da academia que estavam sucateadas; melhorias na academia provisória com fechamento lateral e implantação de sistema de refrigeração; fizemos melhorias significativas no complexo do tênis; pavimentação da avenida da hidro, o que tornou o lugar muito freqüentado por pais e filhos para diversão diária; construção da nova cancha de bocha; pagamos o novo reservatório de água no valor de R$ 62 mil, adquirido na gestão anterior; investimos na nova academia mais de R$ 364 mil, contratamos arquiteto de renome da cidade para realizar todos os projetos da nova academia, os quais não existiam; pensamos em melhorar desde uma simples troca de torneira que molhava a todos os associados que buscavam água até uma pista de skate para fornecer condições para nossos jovens praticar esse esporte; fizemos eventos para todas as idades; inovamos no baile do Havaí com distribuição de tenda por todo complexo aquático; inovamos na famosa chopada com distribuição de mesas e cadeiras nos campos 1,2,3, proporcionando, assim, melhores acomodações aos associados, não deixando as pessoas aglomeradas em um só local, sem o devido conforto como acontecia anteriormente; fizemos na festa de abertura e encerramento dos campeonatos de veteranos campeonatos paralelos de diversas modalidades, sendo certo que, desta forma,


associados de todas as idades puderam participar da festa que hoje é uma das melhores de toda região. Fizemos também muitas atividades em setores que não são acompanhados pelo associado no dia-a-dia, mas que refletem diretamente na organização do clube, principalmente inibindo a entrada indiscriminada de não-sócios, o que vinha acontecendo com freqüência antes de assumirmos; proibimos a emissão de algumas autorizações e carteirinhas para pessoas que ainda não tinham o direito de ser dependentes, concedida em diretorias anteriores; proibimos a emissão de autorização e carteirinhas para não associados entrarem no clube para pegar água, também concedidas em diretorias anteriores; sendo certo que essas medidas nos trouxeram muitos dissabores com algumas pessoas, mas fizemos pensando no associado, preservando o direito de igualdade de todos e cumprimento a risca do Estatuto do clube. Quanto à Nova Academia desejamos deixar bem claro que não entregamos mais etapas, pois fomos impedidos. Enviamos inúmeros ofícios para o Conselho Deliberativo para apresentação dos projetos de execução das obras, uma vez que ao assumirmos não os encontramos na secretaria do clube, mas infelizmente as respostas foram sempre as mesmas, que o responsável iria nos apresentar em breve. Isto se passou por mais de um ano até que fomos obrigados a tomarmos a atitude de destituir o responsável anterior e contratar um novo engenheiro para que as etapas já iniciadas pudessem ser completadas até a execução da concretagem da laje que já estava colocada há vários meses. Mas infelizmente toda essa questão da falta de projetos atrasou a obra, que poderia estar na fase final de acabamento, caso não tivessem ocorridos tais transtornos. Contudo, isso é passado. Agora já temos um projeto todo pronto, o qual suas etapas serão realizadas sem precisar ser paralisadas novamente. A fim de prestar contas segue a você associado, que nos deu seu voto de confiança, a relação das das obras de maior relevância, melhorias e eventos que foram realizados por nossa diretoria: - Reforma da antiga portaria; - Reforma sala de yoga; - Reforma do bar do campo “4” churrasqueira e cozinha (hoje bar do galo); - Reforma do bar do campo “1”, hoje bar Sensação; - Colocação do forro em PVC na hidro;

- Reforma dos vestiários da hidro; - Reformas dos quiosques e trocas de todas as geladeiras e colocação de TV por assinatura; - Reforma do piso da sauna, troca da geladeira, bebedouro, novas cadeiras e TV; - Novo bebedouro para ginásio; - Novo bebedouro para academia; - Construção de abrigo e bebedouro para C.T; - Construção de abrigo para as crianças na entrada do clube; - Troca das grades de ferro por redes de segurança laterais na quadra do ginásio; - Cobertura para entrada de pedestres; - Instalação e troca das lonas para quadras de tênis; - Instalação de bancos com coberturas para quadra de tênis; - Troca das redes das quadras de tênis; - Reforma do paredão do tênis; - Fechamentos laterais da academia; - Compra e instalação de climatizadores para academia; - Compra de 20 “bikes indoor” para academia em substituição das antigas que estavam sucateadas; - Reforma total do chafariz do viveiro de pássaros; - Reforma total do chafariz aquário com nova bomba e colocação peixes ornamentais; - Fechamento com alambrado do campo “4”; - Fechamento com alambrado, troca dos postes e reforma do campo “3”; - Troca dos postes e iluminação do campo “1”; - Instalação do alambrado no C.T.; - Reformas dos parquinhos infantis com colocação de novos brinquedos, areia e iluminação; - Substituição da tenda defronte ao bar do campo “4” por telhado translúcido e impermeável; - Piso completo da antiga avenida da hidro, colocação de telas, quadra de basquete e um novo espaço de lazer; - Construção de um novo estacionamento na antiga avenida da hidro; - Fizemos com nossos profissionais os palcos de shows, palcos de premiação, passarela de 34 metros, biombos de entrada do salão social, adquirimos novas barracas para bailes do Havaí e chopada, novos tampões redondos para as mesas do salão social, sem necessitar de locações de tais equipamentos, o que onerava o clube anualmente.


- Compramos duas tendas 5x5 que eram alugadas anteriormente; - Reformamos totalmente a Kombi que estava abandonada como ferro velho; - Compramos uma pick-up Ford Courier; - Compramos novos computadores; - Trocamos todas as torneiras dos bebedouros por torneiras mais higiênicas e seguras; - Reforma e colocação de bomba no poço C.T; - Compramos 60 mesas e 250 cadeiras para quiosques, sauna e piscina; - Compramos novos televisores, fogões, geladeiras, ventiladores e ar condicionado; - Reformamos toda jardinagem do clube, colocamos novas plantas, palmeiras e gramados; - Construção da sala de massagem; - Construção da pista de bicicross; - Construção da nova cancha de bocha; - Construção do novo quiosque do C.T; - Construção dos sanitários e reforma dos vestiários do C.T.; - Construção da pista de Skate; - Compra e instalação das catracas eletrônicas na portaria, piscina e academia; - Reforma dos guarda-sóis da piscina; - Contratação de salva vida especializado para a piscina; - Reformulação dos bares do clube; Foram trinta e sete eventos realizados, seis chopadas, duas “Tarde da Mulher”, duas festas juninas, dois carna-vais, uma tarde beneficente, duas missas das mães, cinco noites da viola, seis jantares dançantes, oito aconche-gos para casais, dois bailes do Havaí e um stand up com os artistas “Rosa e Rosinha”, além das bandas contra-tadas nos bares do clube semanalmente. Realizamos campeonatos de futebol de campo, futebol de salão, vôlei, tênis, truco, tranca, bocha e apresenta-ções de balé, contando ainda com nossos associados nos representando em campeonatos estaduais de capoeira, judô etc.. Pagamos mais de R$ 60 mil em indenizações advindas de gestões anteriores. Pagamos o reservatório de 200 mil litros de água, instalamos e colocamos bombas no valor de R$ 68.054,68. Na nova academia que muitos oportunistas julgam estar parada, já investimos em nossa administração mais de R$ 364 mil até a presente data 07/03/13. Esclarecemos que o investimento não foi maior em função da falu

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

ta de projetos – conforme acima explanado hoje solucionado por esta diretoria. O que apresentamos não se trata de promessa, mas sim de prestação de contas. Pegamos um clube sadio financeiramente, mas com associados desmotivados e não frequentando sua instalações ou curtindo os eventos e promoções realizadas, que, consequentemente, acabavam vendendo seus títulos. Isso para nós diretores era uma questão de honra mudar e através de muita luta e sacrifício, conseguimos nosso objetivo, entregaremos o clube para a próxima gestão com um caixa ainda melhor. Porém, mais importante é a valorização que sentimos em todos os setores com presença maciça nos bailes, na academia, nas festas realizadas, nos quiosques, no dia-a-dia do clube, enfim, em todo clube. Conseguimos realizar todas essas obras, melhorias e eventos graças a ajuda e empenho incomensurável de nossos diretores, colaboradores, engenheiros e funcionários que se dedicaram muito para conseguirmos alcançar nossos objetivos. Agradeço muito a todos vocês. O caiçara é uma verdadeira cidade que precisa sempre de pessoas capacitadas para administrar, trabalhar e cuidar do clube, pois, assim, seu patrimônio, você e sua família serão cada vez mais valorizados. Nas eleições do próximo dia 23 março é muito importante sua presença. Mostre seu amor pelo Caiçara Clube, analise bem seu candidato e procure se informar a respeito de cada um deles, conselheiros e diretores, pois tudo isso é muito importante para o futuro do nosso clube. Vote consciente. Despeço-me aqui com a sensação de dever cumprido. Fará-me muita falta essa responsabilidade que não mais vai me pertencer. Administrei o Caiçara Clube de Jaú com muito amor e dedicação e espero ter correspondido suas expectativas. Mesmo não sendo mais diretor estarei sempre à disposição para ajudar e lutar por nosso clube e por nossa família caiçarense. Muitíssimo obrigado a todos, em especial a minha esposa e filho que souberam me apoiar e dar forças nas horas que mais precisei. Um grande abraço a todos e até uma próxima oportunidade se Deus assim nos permitir! Fiquem todos com Deus! Melquisedec Eugenio Brazissa Presidente do Caiçara Clube de Jaú 5


34

Carnaval 2013

Nos dias 10 e 12 de fevereiro, o Caiçara Clube de Jaú realizou a sua segunda matinê do carnaval 2013. Veja as fotos da folia das crianças.

Índice

E AINDA

DE OLHO NO CLUBE

8

GIRO ESPORTIVO

17

Relembrar é viver

Med nos EUA

10

Equipes do futebol

Valorizando o associado

20

APLAUSO

36

Noite da Viola

38

Aconchego para casais

32

5k do Caiçara

33

Nova pista de skate Expediente Diagramação e Projeto Gráfico: Estúdio Duka. Eduardo Frabetti (14 9735-5899) estudio.duka@gmail.com CTP, Impressão e Acabamento: Real Gráfica Editora Exemplares: 4 mil – Bimestral Diretoria Valorizando o Associado (2011-2013) Presidente Melquisedec Eugênio Brazissa Vice-Presidente Edson Gomes de Lima

1º Secretário Evandro Luiz Cazeiro 2º Secretário Marcos Adriano Simon 1º Tesoureiro Mauricio Tamura Aranha 2º Tesoureiro Laércio Pereira Carneiro Diretor Social Neurivaldo Antonio Sangaletti Diretor de Esportes Leandro Aroni Sormani Diretor de Patrimônio Mauricio José Vieira Diretor de Comunicação Paulo Sérgio Macacari Diretor da Infância e Juventude Daniel Chiarato

Fale com a gente Site: www.caicarajau.com.br E-mail: caicara.clube@uol.com.br facebook.com/caicara.jau Telefone: 14 3601 2511 Anúncios: 14 9735 5899 Rua Dona Francisca Prado Sampaio, 427 Jaú / SP | CEP 17204-220 Órgão Oficial do Caiçara Clube de Jaú, criado pela Resolução nº 07 de 19/01/1987


u

Revista do Caiรงara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

7


Relembrar é viver

Matinê carnaval 1986

Se você tem uma foto antiga no Caiçara, envie para nós. Entre em contato através do email estudio.duka@gmail.com

Dimas Spilari e Liminha (in memorian) Bar do Bocha 1978

Piscina enfeitada para comemoração do Jubileu de Prata 1986


Coral de Natal 1992

Reunião do Conselho Deliberativo 1979 à partir da esq: Dr. Carlito, Dr. Flávio de Mello, Celso Pacheco, Dr. Rodolpho Magnani, Prof. Ismar, ,Dr. Alfeu, Dirceu Rosela, Dr. Gildo Renda, Dr. Valdemar Nicolau e Rozeto Grizo

Evento de reforma da piscina 1990 à partir da esq: Dr. Reginato, Romero, Sartori, Ivo Moreto, Serginho Di Chiachio, José Eleutério, Dr. Pasula e João Caveira

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

9


de olho no clube

Compromisso

Nova Bocha

Forro na hidroginĂĄstica

Ao longo dos Ăşltimos dois anos, vĂĄrias foram as melhorias promovidas no clube. Acompanhe algumas.


Sala de Massagem

Reforma da entrada antiga; Novos postes de iluminação nos campos; Piso, bebedouro, geladeira e TV na sauna; Cobertura para automóveis do clube; Aquisição de caminhonete Ford Courier; Reforma do veículo Kombi; Pista de Skate;

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

Reforma e reativação do poço artesiano do CT; Aparelhos de Ar-Condicionado para as salas da Diretoria, Conselho e Departamento pessoal; Palcos para shows e entrega de troféus; Novas tendas e passarela no Salão Social

11


Sala de Yoga

Bebedouro e rede protetora no ginรกsio

Chafariz dos pรกssaros


Bar do Galo - churrasqueira, cobertura e reforma toral do interior

Paredão do tênis

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

13


Lonas e toldos nas quadras de tênis

Novos brinquedos no parquinho

Reforma e TV no bar da piscina

Área de lazer, prática esportiva e chafariz dos peixes


Reforma dos quiosques, compra de novas geladeiras e novas mesas e cadeiras

Boulevard no Bar Sensação

Bebedouro, climatizador, fechamento lateral da academia e divisórias de madeira

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

15


Alambrado em volta do campo “3”

Pista de Bicicross

Alambrado, quiosque, bebedouro, vestiários, sanitários e bicicletário no CT

Cobertura da entrada de pedestres


César Rizzo, o Med

Depoimento para a Revista do Caiçara

Início Trabalhei 7 anos no Caiçara, entre 1994 e 2000 como professor de escolhinhas esportivas. Em 2001, iniciei meu trabalho no XV de Jaú. Fui convidado pelo então diretor de esportes do XV, Neto Pavan, e assumi o time infantil. Já em 2002, comecei a treinar a equipe Sub-15 e Sub-17. A primeira conquista marcante foi com o time Sub-17 no Campeonato Estadual feito pela Secretaria de Educação de São Paulo. Fomos campeões invictos, superando equipes favoritas como Mi-

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

17


rassol, Palmeiras e Ferroviária. O Leandro Castan, ex-jogador do Corinthians, fazia parte desse elenco, antes de se transferir para o Atlético Mineiro. Profissional Já em 2003, fui promovido ao elenco profissional, primeiramente como auxiliar técnico. 5 rodadas depois assumi, interinamente, o cargo de técnico e conseguimos uma sequência de 5 partidas invictas no campeonato, perdendo a invencibilidade para o Noroeste de Bauru com um gol no último minuto de jogo. Segui na temporada como técnico e acredito que minha dedicação e trabalho foram muito importantes para salvar o XV do rebaixamento, e em certo momento, almejar uma vaga para a fase final, que infelizmente não veio. Meus 3 anos com o XV de Jaú foram de grande valia. Acredito que realizei um bom trabalho nas Categorias de Base e ao mesmo tempo adquiri experiência por trabalhar no elenco profissional. O XV de Jau foi muito importante para mim e sei que vou voltar a trabalhar no Galo da Comarca um dia!

EUA Paralelamente ao XV, comecei a ministrar, em 2001, clínicas de futebol (Soccer Camps) nos EUA. Entre 2001 e 2012 trabalhei para a Eurotech Soccer durante os verões norte americanos (normalmente de junho a agosto). Eu viajei para os Estados da Florida, Carolina do Sul, Carolina do Norte, Tenesse, Alabama, Virgínia, Pensilvânia, Virgínia Ocidental, Geórgia, Iowa, Illinois, Wisconsin, Texas, Lousiana e Mississipi. O convívio com técnicos da Europa, a oportunidade de aprender outro idioma e estabelecer uma rede de contatos muito forte dentro do futebol dos EUA foram os principais pontos de todos estes anos de dedicação. A ida definitiva para os Estados Unidos ocorreu em 2007 quando trabalhava na região de Rio Claro e recebi uma proposta do Old Dominion Soccer Club de Virginia Beach (Virginia/EUA). A proposta veio em 2007 e no início de 2008 eu assinei um contrato de 3 anos. Em 2011, o time me ofereceu outro contrato de 3 anos, válido até o começo de 2014.


planejamento de treinamentos, organização das viagens, participação em torneios e competições e análise de todos os treinadores e jogadores do clube. Nosso clube tem 24 times (masculino e feminino) que vão do Sub10 ao Sub19. Eu sou responsável por todos esses times, apesar de cada um possuir um treinador e um auxiliar. Além de coordenar todos eles, também sou técnico de uma das equipes.

Atividade Meu cargo aqui nos Estados Unidos é de diretor técnico, ou como dizem aqui, “Director of Coaching”. Eu sou responsável por todo o programa de futebol do clube,

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

Projetos Entre os vários projetos que participo aqui posso destacar que desde 2010 sou o técnico das equipes masculina e feminina da Bishop Sullivan Catholic High School. No ano passado, o time masculino chegou a final pela primeira vez, se tornando vice campeão. A maior glória, porém, ocorreu com o time feminino, que se sagrou campeão invicto pela primeira vez na história da escola. As conquistas me renderam uma placa como “Técnico do Ano”. Sou muito grato a tudo o que consegui aqui, contudo, a minha maior conquista foi dar a minha família a oportunidade de aprender um novo idioma, conhecer uma cultura diferente e dar ao meu filho, Lucas, a oportunidade se formar aqui nos EUA.

19


giro esportivo

Copa COC/Uniceb de futebol veteranos A bola vai rolar a partir das 14 horas do dia 16 de março, data do Torneio Início dos Campeonatos de Futebol (Veteranos e Categorias de Base) do Caiçara Clube de Jaú. Como já é de costume na disputa, as equipes de cada categoria/faixa jogarão entre si num sistema eliminatório, sendo

que em caso de empate os classificados serão definidos na disputa de pênaltis. Neste ano, o campeonato de veteranos está dividido em quatro faixas, totalizando 38 equipes. Na base são quatro categorias separadas de acordo com a faixa etária: fraldinha, mirim, infantil e juvenil.

38

equipes disputarão o torneio esse ano, além das equipes das categorias de base.

Outras atrações

Campeões da faixa A em 2012

400 mais de 400 atletas estão incritos na competição em 2013

O Torneio Início dos Campeonatos de Futebol contará ainda com barracas de churrasquinho, macarronada, cachorro-quente, batata, churros, crepe e doces. Além disso, as crianças poderão divertir-se nos brinquedos infláveis (tobogã, cama elástica, piscina de bolinhas e pebolim humano) e deliciar-se com algodão doce, que será distribuído gratuitamente. Mas isso não é tudo, pois às 17 horas haverá música ao vivo em dois ambientes do clube. No Sensação Caiçara - Restaurante e lanchonete, a atração será o grupo Barulhinho Bom, enquanto que no Bar do Gallo a animação ficará por conta da banda Samba ou Travessuras.


LUCIANO COLTINHO

Faixa A

JOAO PAULO GARCIA

IO ANTON S O L R CA GARCIA

DIEGO FERREIRAA Z DE SOU

JOSE VITOR E GABRIEL O D R TOC A U ED IZATTO TREMEN R IO N R. JU

RODRIGO RAVAGNOLLI

MILTON SABIO

LUIS O RICARD LLI E IN T N A S

JOSE F. F. MARCOS LI L I BARBIER ROVAGNO

NANDO VENDRAMINI

W. FREDDY S IN T R MA

DANIEL MAZON

R BRUNO RME CAIO GUILHE ZIAN WAGNE O G O A T P O A R I L R LY ROBE MUSS PALEO MORA LUIS IO N A TON S O L R CA

ALEX IR P ULITO

MURILO VALERIO

DO LEONARLI L PO

u

CESAR I AR MACAC

RAFAEL E D TRINDAANI S S A V A C

FELIPE O QUEVED

RAFAEL O N DELAMA

JOSE L. JR. HEVERTON EVERTON IN MURGO TEIXEIRA STEFAN

GABRIEL PETRECA

SAULO RUBBO

O LEANDR A IR E R R FE ZA DE SOU

FaixaA

E CELSO I GUILHERM GUSTAVO N N O T O T L A IZ CAR CHACO

MARCOM. AURELIO RO DADALT

DAILTONO QUEVED

Revista do Caiテァara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

ARTUR TAVARES

LUCAS BUCK

RME LEONARDO GUILHE E I FELIP COLETT R I T E R A L R R E F PE

IO MAURICR MATA

FABIO TI LEANDRO LET CARLOS N SA GA

LUIZ CARLOSTO ET FURLAN PEDRO O D FERNANO RIBEIR MILTON FALCテグ

21


JOSE RODOLFO CAMPOS

O MARCEL I H C R MA

ULO JEAN PA SILVA E A T COS

ANDRE MARCOS I LUIZ MARCH OMETTO

O RODRIG LANZA

S MATHEU N O N A Z

OTAVIO REOLON

Faixa A

ARDO CESAR FELIPE O LEONRTINS IG O R T R D E O B R RO MA E HE DA SILVA COSTA ERRAUC F SILVA O DE LEANDRUE DANIEL O FELIPE IS MARCELO T H A IQ N IL R N F A E N S HE GRISO MADAL A FASCIN

O MARCELA L O R A M

DAVI LANZA TIAGO ANZINI TA E MOSQU

GUIDO LANZA

ANDRE KLEBER NI EZA IS U L MARCH MONTE

PANIFICADORA PAN CHIC

SERGIO GRANA

CLEBER A VERBEN

VIVIANE FRANCE

www.vivianefrance.com.br

L O D RICHAR LUCIANO JOAO GABRIE GUSTAVNI Z E IO E PER SOAV MOG GARCIA O DRIGO RODRIGRARI RO CISCO R FRAN UJO LIMA FE DE ARA

S MARCO IO R E ROG ITA MESQU

S IZ A. GABRIELI MATHEUNI RAPHAEL O PEDRO LU IN L C R L Q. ARO FERRU DE ME LEAND

S MARCOCI C U R R FE

RAFAEL O CARLOS T O T R PRESSUT ALBE R J O SURIAN

NASSIF LEO JOAO PEDRO OT TO R O R A D M E E P PR SSUT IO IS DYON

ON ANDERS IS A MOR

RAFAEL CAPRA

FaixaA

G. ON LUIS RAFAEL N ALCEU R. A JEFFERS R UE N E H A B E M IN L J N C HE RIQ O LIDU SCHU E N M TO SURIA

GO VICTOR FERNANDO VICTOR HU IA A A C GAR SALIB VERBEN


JUNINHO FELIPE

Faixa A

R WAGNEO CAETANS BARRO

R WAGNEES D U BERM

O NIVALDEZ H SANC JR.

ANDRE TEIXEIRA

LUIZ UE N E H RIQS A R PAR

FaixaB

. FABIO HI PAULO RRI RILDO S MIMI A SC E C Z O A E T T C N E A E A Z M M FR NCE ZOR

FABIO MARCIOO Ç O C N A FR LOUREN

NANDO VENDRA

O FLAVIO RICIO NO CRISTIA AES MAU NHA FERNAND A A H O R L R A A R SANTAN A G MAG GO DU PEN

LUIZ H. TOLEDO

ALMIR BARBAN

S MARCOSE E V PADO

MIMI TO G RE INA FABIO FABIO HO L A VERMEL BERN

NEIMER CAMPANHÃ

J. R. S LAYTON SERGIOS RUBENHO LINALDO C A A BRAZISS LEIVA RUIZ FIL DA SILV ISCO . F. LUIS FRANCNHA JOSE H LOTTI S O L E R CA OA LIDU PASCH FREITAS

O R LUCIANRO WAGNE LI SERGIO ANDERSON L A E O I N G SA PEREZ PAVA MOLIN

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

23


DU FRABETTI

Faixa A

PAULO ROGERIO PAVAN O MARCELTI T FRABE

RICARDO ASCENCIO

ALEX W. DUCAS

U RENATOCI DIRCE O U IC L T AN BORTO

CARLOSO EDUARD MOTA

RAFAEL TRAVAIN

GABRIEL A ALMEID O D PRA

JOSE CARLOS BENTO

NO O ADRIAN O LUCIAALVES Ã Ç D L GO BRAN

RAFAEL MILANO

O O UMBERTHIO MARCEL I IN C B C M O TRO BATT

CO VEL ERSON BERTO FRANCISÃO ANDSANTOS LOOTTO RO CELINO R D R IZ PE MA RU BRAN

DENIS LOFRANO

RO DO VO FERNANIRO GUSTAT EMILIANO ALEXSAND SO RET NAME F. GENERO MONTE NIO NDO IM JOAQU NI FERNA OLAIA ANTOLOS R O IA A T L C SAN ZUG O JR VAROLL

N LO JOTE EMERSO A PAU OLA C LA S E S S A N M FO MASSO

IO CARLOS MAURIC PAGINI SPINA

MUTAIO

FaixaB

N DO AS ARMAN TO EDNILSO WAGNER O. LUC MO L A . N E F E A ANS MOL DE LIM OLIVEIR

D LUCAS P EDSON PEREIRA

R WAGNEA FERREIR

O LUCIANS E NUN ( BIDU )

SANDRO PEREZ

O GILBERTTOS N A DOS S

S A. MARCO SIO PAULOO MARCO INI DALPIN CHRISTIAN AMBRO

O RENALDDA A IR E PER SILVA


LESSANDRO SILVA

Faixa A

S MATHEU IA C R GA LOPES

RME GUILHE RO IO SAGG

DRO ALESSANSSI GRA

KINHO DRE ALEXAN VA IL S P. DA

FaixaB

JOSE A. O RENATO H SIMテグ CARVAL

ME ON MARCOS ANDRE GUILHER ZA ANDERSE I R A TIET MACAC GRANA ORTIGO

SERGIO GRANA

O L DO MANOEE EDUAR RDI RODRIGNI T A O B N N M A BO AV LO O S MARCO MEDINH I ROSS

EI VALDIN O SALCED

O MARCELO T T O L BE

JOAO PAULO URBANO

KLEBER SE TO TREMEN FABIO LOPES

IO ANTONANI C D. ROS

MARCIO R. MESQUITA

Y WOLNE IN A. PICC

ANDRE SPATT

DANIEL IN LEANDR

O . DE MARCELO OSMAR R A OLIVEIR SALVIAT

SON MARCIOTA ADENIL IERI S N JOSE CO GUAR

O RODRIG ZI EVERALDO ROBSON N E C LOPES VIN F. RODA

u

Revista do Caiテァara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

O MARCEL RETT

25


RICARDO PONCHIROLLI

S MARCOO T ROBER N CANCIA

FLAVIO LO CLAUDINEI WENZELR BU E N GUES F F SO SCATAM DOMIN

GUILHERME ZUGLIANI

O DRE DANIEL O EDUARDARI ALEXANELLI NELSON Ã R S C A A A S N L FA MAC DUE GABARR

TICO PAULINHOI VICARI MACACAR

ABEL FERREIRA

ZE LUIZ VIRGILIO

HO CARIOCA ZINHO I NANDIN I IE B L BAR R MOREL ALEMÃOI ANTONIO A CERBAS A. LIDUINH

BIGO

DEJAIR BALA

ROGERIO SA DE SOU

O HERALDO S N ALO O DALLAN

. JOSE PAULO H IA R S MA PARRA MORATO JULIO FASSINA

ADALTO AVANTE

. PAULO RILDO EG HERMEN

S ELIAS S PAULO AIRTON MARCO I A E S I E H U IN C M IG R N A R A L M ROD CRISTIA

GERA BUENO

WAGNER BERMUDES

FaixaC

Faixa A

IO JOSE MIZAKI ANTON S IO O E L R IU A IT C ANTON N M S E A L DEVE GUSM

PETO PEREZ

LOS SANDROO CARETO R. S ROSS PARAFU

PARAIBA GUTÃO REINALDO I S E N ROSSAC

BETINHO PEREZ

LAERCIOO CARNEIR

EDSON MORA

Dr. IO U A M RIC DILÃO


VAL I O M RELL

MARCO NASSIF

BUCHU

KIKO I MARCIO IOL LEME ANTON KRIPP MIRAO S TOLDO

FELICIO SEDMAK

LAU VENCESTOS DE MA

LUIS GOES

DA JUAREZ E M CHAR

NA GUARA

ITO A P RELLI

O MARCÃ I C IS CR ALVAROI BONIN

FaixaC

JOAO BERGAMASCO

Faixa A

GIBA CPFL

GILSON RIZATTO

CELSO O MERCAD

ES O RINALDSI ALCID S E E P LO LUCH R WAGNE BRASIL O MARCEL O D A R P . AL

ROSSI

VALMIR FABRICIO

PAULO TI TADEU GERSON T E E S E N A N L A R GERRA FU ROSS

IZ JOSE LUO T T E M O

S ZINHO JUNIOR A MARCOSEL E N E GUALÃO H L C RON MADA

VICENTEINI PARDAL GILBERTO GERALDO I EZ IATO GALAZZIN MARQU POLON

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

27


FERNANDO PAES

NETO PASTOR

O HELINH A G IE BACH

TOMAZ O SERRAN

MARIO SPIRITO

TIÃO CORREA

ES EUCLID O T IA SALV

JOCY

PUPO

GUALÃO

JOAO AUIB

SILAS LIMA

LUIS DALVO RENATO FASCINA REVAL

ZE LUIZ O IR MONTE

S PAULO CARLINHO S E A PEREIR MORAL

MIRO CRIADO

TOZE IZATTO

WANDO PEREIRA

MARCEL CONTE

O ROBERT O Ã FALC

ANO DR. ROM

R WAGNEO IC M D´A

O MARCEL PERES

O NARIZA PAULO JULIAN

JORGE BASSO

MILKA

INHO LAERTH IRO MAZIE

O JOAQUIM ANJINH DA SILVA

NILSON SABIO

O GAUCH

PAIQUE

EDSON TREVISAN

TAL I MISSASS

NETO GROSSI

Faixa A

MARCELO MENDONÇA

FaixaC

SILVIO ROCHA

S CAMPO O D PRA

DAL LIN MICHEL

JOAO CAREZIA

PAULO RABELO

EDSON A VERBEN

JOEL E CORTEZ

RI S MARCOIN CELSO AO BONAT LEANDR


SOMBRA

Faixa A

CHICO A JOSE E T QUATIQU DONIZE PUVI

JACOB

O HELINH IO V L A S

VO LANZA

CARLOS NALIO

THEO

FELIX

VALTER O HA TREMIN O PEDRINHRI A E L A P

FaixaD

O O OSVALDSSO NIVALD O O G N PEN PADRE

LOS PEDRO JOSE CAR ALVES PALACIO

DU ANGELO MUSSI MASSOLA

TI CLAUDIOG CARLOS SANGALET IN RUBBO SCHER

GRILLO

S DACIO MI GALEGOJOSE CARLO JOSE A L N O S GOE BRAGIO ZANGIR

ARANHA

PELE L A ONSO JORGE PEREIRA TROIJO

u

Revista do Caiรงara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

CAIO CURY

ADEMIR CAPRA

IO DAMAS L A AMAR

PITCHA

N ADILSO ZA O IG T R O

DEBA

SO PARAFU

FINI CARLAO TOLEDO

29


FaixaD

BUCK

LAJARA

ULO N ADILSO O PA MICO D A ’ A E D PENT SOAVE

FILLOL

CARLOS O SURIAN SERRA

GON DR. DER

DIRCEU TEIXEIRA

JR BARROS

O O VANILD ALFREDINH

EDSON JAGUAR

GEL

A OLIVEIR

ARI LUIZ VIC COELHO

PAULO LAURINDO ARNALDO NUNES MAGESTO MAZIERO

BILI TITO N CHACO

VIDEIRA

PAULO A Z ORTIGO

JOAO VO SANZO

GERA DIRCEU ETO O D E O M SCH PEN

TIM

O OLAIA NIVALDDEZ SANT HERNAN

HELIO MESSIAS

ZE NALIO

I FRABETT

GIL PADUA O IC M D’A

JUSTO

VLADE LI EL SANTIN

DORY MARINHO GODOY AILON

ETA ADEMAR JULIO MOSCH SA DE SOU FORTE

JUAREZ O GAÚCH

DINHO I SIMION

JOAO PATARO

O I NIVACIRINI NATAINI CABRIOL L M MER VENDRA

DO OSWALINA PELEGR

AIRTON A G BACHIE

GETULIOO GALDIN


PALOMO

LA O O PEDRO CHICÃ O PADU ERTINH B UA M A MOT QUATIG BERGA INHO ZE MAIA SSIANO DINHO BIGOD CA O FREIRE TOLED

LUIZ CAPRA

INHA PARANA EDSON PAULINHO MENIN EZ EGONHA C MARTIN

JOAO PLAINE

VALTER LOPES

ES MORAL

CARLOS DIZ

JAILTON PEREIRA

MIRO JULIAN

A KALUNG TONHO O MORETT

DO DELEGADO RENAN OSVALDO REDON S SILVA FERNANDE

FaixaD

JOAO ATALIBA CIDADE FM


giro esportivo

VI Corrida de Pedestres

O Caiçara Clube de Jaú realizou a sua VI Corrida de Pedestres - Super 5 km. Ao todo, 90 participantes acordaram cedo para percorrer os 5 km do percurso pelas ruas internas do clube. Aberta para sócios e visitantes, a organização do evento dividiu os corredores em quatro categorias: sócio-masculino; sócio-feminino; visitante-masculino e visitante-feminino. Ao final da prova, os três primeiros colocados de cada categoria foram premiados com troféus. Confira abaixo a classificação geral nas quatro categorias:

90

participantes percorreram os 5km da prova

SÓCIO MASCULINO 1º ALESSANDER BATIVA 2º JOAO CARLOS THOMAZ 3º MARCOS VINICIUS BACHIEGA

SÓCIO FEMININO 1º CIBELE APARECIDA SANTOS T. DA SILVA 2º AURI CERQUEIRA ZAFRA 3º FERNANDA MARQUES

VISITANTE MASCULINO 1º JULIO CESAR DE OLIVEIRA 2º ANDRE RODRIGUES GARCIA 3º ANTONIO RICARDO HESPANHOL

VISITANTE FEMININO 1º KATIA CRISTINA VIRGULINO 2º PAMELA TAIS RODRIGUES 3º MARILIA GABRIELA MASSETO


Pista de Skate O associado caiçarense pode celebrar mais uma obra finalizada com a inauguração da pista de skate do clube. Para comemorar, houve a distribuição de algodão doce, pipoca, refrigerante e sorvete. Sobre uso da pista, será obrigatória a utilização de equipamentos de segurança, tais como: capacete, joelheira e cotoveleira. Outros cuidados visando preservar a segurança dos praticantes do esporte estarão dispostos no regulamento que está sendo elaborado pela diretoria.

u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

33


aplauso

Carnaval 2013

fotos Ana Sanchez

Nos dias 10 e 12 de fevereiro, o Caiçara Clube de Jaú realizou a sua segunda matinê do carnaval 2013. Ao som de Arley e sua Orquestra, os foliões caiçarenses se divertiram com direito a muito confete e serpentina. As crianças, como sempre, foram nota 10 nos quesitos fantasia e animação. Veja as fotos.


u

Revista do Caiรงara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

35


aplauso

Confira as fotos da Noite da Viola realizada no Caiçara Clube de Jaú, em 1º de março. Destaque para a apresentação das duplas Alan & Alladin e Geovany Reis & Fabrício.

fotos Ana Sanchez

Noite da Viola


u

Revista do Caiรงara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

37


aplauso

Aconchego para casais

fotos Ana Sanchez

A Banda Talismã foi a atração musical da noite do “Aconchego para casais” realizada em 23 de fevereiro no Caiçara Clube de Jaú. Veja algumas fotos do evento.


u

Revista do Caiรงara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

39


Palavra do Conselho

E

stamos em fim de mandato, tentamos fazer o melhor em todos os momentos, nem sempre obtivemos sucesso, algumas vezes por nossa falha, em outras por interferência ou por dificuldades ocultas na execução de obra, como foi o caso da Academia, mas mesmo assim não desistimos, e acredito que junto à Diretoria e os Conselheiros conscientes que só pensam no Clube, e não em facção política, conseguimos aprovar (ou reprovar) vários projetos apresentados. Durante 4 anos trabalhamos coligindo, compilando normas e leis de mais de 15 Estatutos Sociais de Agremiações e Clubes do porte do nosso Caiçara, que já haviam modernizado sua linha de Conduta, não obstante tivemos inúmeras reuniões com o Diretor-Jurídico do Sindicato dos Clubes do Estado de São Paulo, Dr. Valter Piccino, jauense emérito, considerado umas das maiores, senão a maior autoridade sobre Normas, Leis e Procedimentos Clubísticos do País. Sempre colocamos no site do Clube o Projeto Estatuto, solicitando colaborações, sugestões e opiniões sobre o mesmo, para nossa incrível surpresa, somente 3 (três) associados se manifestaram nesse delongado período. E mais incrédulo ainda ficamos quando vimos interesseiros se manifestando através de redes sociais e até mesmo no dia da Assembléia fazendo piquete na porta do Salão Social como verdadeiros Lulas em porta de fabricas para que o associado votasse NÃO

ao Novo Estatuto, alegando que permitiria cobrar taxa de utilização, e isso prejudicaria o sócio sobremaneira. Ora senhores, para gerar receitas, não precisa de Estatuto, é só a Diretoria pedir e o Conselho aprovar, haja vista a taxa de utilização de massagens na sauna. Na verdade o que pegava era por exemplo, auditoria em final de mandato, isso incomoda quem não procede conforme rege o Estatuto, ou faz manipulações contábeis ou outras obscuridades. Outro exemplo, depois de graduado em Curso Superior e tendo mais de 28 anos, pagar-se-ia taxa de manutenção cheia. Hoje tem uma grande gama de associados graduados e bem remunerados que pagam 20% da taxa de manutenção. Outro exemplo, sede de poder, porque a eleição seria somente em novembro para sincronizar o mandato com o ano civil e fiscal. Citaria inclusive este pensamento do livro “O Ensaio sobre a Cegueira” de Saramago: - Penso que estamos cegos, Cegos que vêem, Cegos que vendo, não vêem; Se podes olhar, vê; Se podes ver, repara. Somos a memória que temos, E a responsabilidade que assumimos; Sem memória não existimos, Sem responsabilidades talvez não mereça-


mos existir.

È mais fácil agir do que pensar.

Em 52 anos de Caiçara Clube tivemos a honra de ser o primeiro representante, convidado a fazer parte das Comissões do Sindi-Clube.

Requer anos para se conseguir confiabilidade e respeito, e um segundo para destruí-los.

E a nossa luta não para, não medimos esforços para trazer a Banda de renome internacional Edinho Santa Cruz, que devido a nossa amizade pessoal com os irmãos Edinho, Tatá e Benê, reduziram o seu Cachê Artístico para 30% do seu padrão usual, vindo assim abrilhantar o Baile de Aniversário de Nosso Clube. O segredo do êxito na vida do homem, consiste em estar disposto a aproveitar a ocasião que se lhe depare. Para se obter êxito, e sermos vitoriosos, não temos que fazer coisas extraordinárias, mas sim fazer as coisas ordinárias, extraordinariamente bem. Nosso caráter é o resultado da nossa conduta. CONSELHO DELIBERATIVO Presidente: Luiz Antonio Pelegrina Minharro Vice-Presidente: João Augusto Lamesa 1º secretario: Tadeu Aparecido Rossanese 2º secretario: Danny Kamada Assessor Jurídico: Carlos Alberto S. de Arruda Falcão MEMBROS Adilson José Jacob Antonio Carlos Felix Artur César Ustulin Danilo Sérgio Grillo João Carlos Di Chiachio João Sergio Pelegrina Minharro Joaquim Fernando Zugliani José Carlos Martins u

Revista do Caiçara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

E do mais, agradecemos a todos que nos apoiaram, em especial aos Conselheiros e ao nosso Assessor Jurídico, nas batalhas que travamos em várias ocasiões e que com a graça do Bom e Justo Deus sempre venceu a verdade e a transparência. Se alguém se sentiu ofendido que nos perdoem, porque só elucidamos e transcrevemos fatos verdadeiros ocorridos. Queremos agradecer aos associados que nos depositaram sua confiança, e temos a mais absoluta convicção que exercemos nosso cargo com lisura, transparência e independência. Nossas Cordiais Saudações. Luiz Antonio Pelegrina Minharro Presidente do Conselho Deliberativo Marcio Evandro Pátaro Marco Antonio Martines Fernandes Mateus Garcia Lopes Moacir Conte Nelson Luiz Bonilha Nivaldo Celso Pengo Tereza Ap. Soggia Merchan Ferraz Vital Nascimento CONSELHO FISCAL Presidente: David Antonio Thebaldi Secretário: Geraldo José Di Giácomo Membro: João Valter Albano Suplentes: Osvaldo Pelegrina Paulo Henrique Nadaleto Geraldo Zanola Junior ORAÇÃO DA SERENIDADE -Concedei-me Senhor a Serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar, -Coragem para mudar aquelas que posso, -E sabedoria para distinguir uma das outras. 41


balancetes


u

Revista do Caiรงara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

43


u

Revista do Caiรงara :: Janeiro | Fevereiro 2013 t

45



Revista do Caicara 184