Page 1

Jornal Acadêmico de Comunicação Autônoma Centro Acadêmico de Comunicação Social da UERJ

Ano I - Número 0 - Agosto/2011

FCS vive o Enecom 2011

Arquivo CACOS/UERJ

estudantes da

O

Faculdade

de

Comunicação Social

ito dias de encontro, mais quatro na estrada. O Enecom 2011, Encontro Nacional dos Estudantes de Comunicação Social, foi

da

UERJ

conversam ao lado da mandala, símbolo do

realizado na Universidade Federal dadeiro papel do comunicador na do Pará, em Belém. E o encontro, sociedade. Confira essa experiêno Enecom proporcionou uma re- cia aqui no JACA. flexão sobre a vida e sobre o verPágina 3

Novos calouros Cultura e Lazer: chegam a Exposição na Faculdade de UERJ e peça Comunicação sobre Tim Maia Página 2

Enecom 2011.

Página 4

Em busca do futuro: FCS completa 25 anos Página 4


pagina 2

Editorial Novos calouros na FCS Rayza Becaud

Por Diedro Barros (diedrobarros@gmail.com)

D

epois de muito bater cabeça, finalmente conseguimos publicar a primeira edição de um jornal feito por e para os estudantes de Comunicação da FCS. O JACA, Jornal Acadêmico de Comunicação Autônoma, é mais do que uma necessidade. É uma vontade antiga de membros da gestão do CA, que sempre reclamaram que a Faculdade não produz um jornal impresso. Agradeço ao Rafael Patrício, que depois de uma hora de reunião, teve a sacada brilhante do nome JACA. Ele reflete não só o espírito leve e descontraído da publicação, mas também a ideologia do CACOS, de ser autônomo, independente e sem amarras com organizações externas, partidos políticos e instâncias da UERJ. Fazemos o que queremos pensando na coletividade, e em transformar a FCS em um curso que pense no ser humano, ao invés de ter somente a preocupação com o mercado. Todos estão convidados a parttcipar da construção deste jornal, seja diagramando, propondo matérias, escrevendo, revisando textos ou mandando uma foto ou desenho para ser publicado. É esse o espírito de uma publicação independente, e o ideal do JACA. Que todos os estudantes da FCS se sintam a vontade para intervir na realiade da sua faculdade e da sua profissão. Que o JACA viva por muitos anos, e se torne o portador das vozes do corpo discente da FCS. Afinal, como dizia o poeta, “Sonhar não Custa Nada”!

Primeiro dia de trote: a tradicional tinta, e muita alegria dos calouros 2011.2 por Rayza Becaud rayzabecaud@hotmail.com

D

epois de tanta espera, era chegada a hora. Seis meses sem nada para fazer, a ansiedade parecia não ter fim, mas teve. A “recepção” dos calouros da FCS aconteceu na última segunda, dia oito de agosto, na sala 10.032. Como é de costume em todas as recepções, os pobres calouros foram enganados. Sem desconfiarem de nada, todos se dirigiram à sala de aula para assistirem uma “palestra” sobre o CACOS, porém no final, os veteranos entraram apagando a luz, tocando buzinas, cornetas e jogando espuma de carnaval, uma festa só. Primeiramente, algumas expressões eram de medo, outras de susto e algumas até de felicidade, mas os olhares orgulhosos eram visíveis.

Os veteranos foram chamando os calouros, um a um, para subirem em uma cadeira e se apresentarem, e logo depois começou o tradicional festival de tintas. Agora, um pouco mais a vontade, os calouros dançaram e se divertiram bastante. Em seguida, começou o famoso elefantinho pelos 12 andares da UERJ. Muito animados, os novatos cantavam músicas e prendiam a atenção de todos que circulavam pelos andares. Por fim, no hall do térreo, de joelhos e com as mãos estendidas, todos fizeram um “juramento” prometendo serem fiéis e honrarem a UERJ, pois chegar até aqui não foi fácil. O trote terminou com todos muito felizes e animados com a nova etapa da vida. Esperamos de verdade, que eles aproveitem os 4 anos na FCS, e deem valor a camisa que vestem a partir de agora.


pagina 3

Estudantes da FCS vivem o Enecom Arquivo CACOS/UERJ

Painel realizado no Enecom 2011. Em pauta, uma outra visão sobre Comunicação por Camilla Pontes camillapontes@globo.com e Raphael Bandeira phaelclever@hotmail.com

O

s alunos da FCS (Faculdade de Comunicação Social) partiram do Rio de Janeiro rumo à UFPA (Universidade Federal do Pará) no dia 18 de julho de 2011. Cerca de 15 pessoas foram participar do 32º Encontro Nacional dos Estudantes de Comunicação Social - Enecom 2011. O encontro é organizado e mobilizado pela Executiva Nacional dos Estudantes de Comunicação Social, a Enecos, movimento estudantil de renome que completa 20 anos enquanto mobilizador de jovens e estudantes na luta pelos direitos dos estudantes. O evento durou oito dias (de 22 a 29 de julho) e foi composto por debates, palestras, mesas redondas, movimentos políticos e mostra da cultura local. A delegação do Rio de Janeiro foi composta por alunos de diversas Universidades. Além da UERJ, estiveram presentes alunos da UFF,

UFRJ, PUC e IFRJ. Dentre os participantes cariocas, estavam membros de Diretórios Acadêmicos (DA), Centros Acadêmicos (CA), representantes da Executiva Regional e Nacional da Enecos e também estudantes sem qualquer filiação a algum CA ou DA. O fato da delegação Rio ficar alojada junta ensinou o poder da coletividade, pois todas as atividades eram feitas em conjunto, fosse a hora do café, do almoço, de alguma palestra ou do ato público. A questão da distância de casa também fez com que a delegação se unisse, pois, por mais que muitas pessoas estivessem presentes na UFPA, era sempre bom encontrar um rosto familiar. A estrutura política do Enecom é baseada nas três bandeiras de luta da ENECOS: Democratização da Comunicação, Combate às Opressões e Qualidade de Formação do Comunicador. O tema deste ano “Comunicação e Movimentos Sociais” foi baseado na frase de Rosa Luxemburgo: “Quem não se movimenta não sente as corren-

tes que o prendem”. O intuito é a articulação e a aproximação do diálogo com outros movimentos sociais, dentre eles, o movimento Xingu Vivo e o MST (Movimento dos Sem-Terra), para haver uma nova perspectiva de Comunicação Social. Dentro da programação, houveram os espaços chamados painéis, espaços de diálogo e interação com quatro vertentes principais: sociedade, educação, Comunicação e Amazônia. Assim, foram estabelecidas discussões sobre a alienação generalizada da sociedade em relação aos meios de Comunicação; as opressões recorrentes na sociedade como machismo, homofobia, racismo criminalização da maconha; o ProUni, Reuni, PNE, programas de políticas afirmativas (cotas e bolsas de auxílio estudantil) e seus reflexos para as universidades particulares ou públicas; passe livre estudantil; o ensino da Comunicação Social em universidades brasileiras e o impacto das novas diretrizes; a globalização da Amazônia, reforma agrária e a luta indígena. Ao debater temas sociais tão polêmicos, o Enecom instiga o estudante a uma reflexão para que ele não se molde ao que o mercado de trabalho exige, apenas mais um “comunicólogo produto do mercado”. Também é feita uma crítica sobre o aluno que só enxerga a sua faculdade como meio de usufruir conhecimento, em vez de retribuir o que aprendeu. É possível ao mesmo tempo estudar, desenvolver o pensamento teórico, desenvolver a técnica e por que não, militar. Independente da crença, etnia, linhagem política, somos todos Comunicação Social.


pagina 4

FCS 25 Anos: A homenagem dos alunos UERJ dava seus primeiros passos. Vinte e cinco anos se passaram e agora já está encorpada, decidida e assumiu sua identidade. Não obstante, vemos como ainda é jovem e reluzente, mostrando todo o potencial que possui aos seus alunos, professores e colaboradores. Desde que começou, a FCS não só conquistou seu próprio território, emancipando-se do Instipor Julliana Viegas tuto de Psicologia e Comunicajchviegas@hotmail.com ção Social (IPCS), como passou a oferecer também o curso de ano era 1986 e a Faculdade Jornalismo e ampliou seu espaço, de Comunicação Social da criando laboratórios, salas e semDivulgação

O

Cultura e Lazer V ocê, aluno da FCS, precisa relaxar um pouco a cabeça e curtir um programa mais cultural, o J.A.C.A. indica a você algumas opções bem bacanas. Na Galeria Cândido Portinari, encontra-se em exposição a “Cerâmica karajá – a voz visual das mulheres inã”, organizado pelo Departamento Cultural da UERJ (DECULT). A exposição apresenta o cotidiano das

mulheres inãs, através de bonecas confeccionadas pelas moradoras da aldeia de Santa Izabel do Morro. De segunda a sexta, das 9h ás 20h, e a entrada é franca. Mas as programações não terminam por aí. Se você quer curtir uma boa música e assistir uma grande peça, está em cartaz no Teatro Carlos Gomes, no Centro, o espetáculo “Tim Maia - Vale Tudo,

pre procurando garantir uma boa formação aos comunicadores que aqui são construídos. Neste ano de 2011, nós, como alunos e aqueles que são o propósito da existência desta faculdade, não podemos deixar passar em branco uma data tão especial como esta. Por hoje vivemos, mas amanhã somos história. E, sendo essa a nossa própria história, façamos a melhor possível, sem deixar de agradecer àqueles que possibilitam a edificação desta: Parabéns FCS! Obrigada por tudo e que venham mais outros 25 anos pela frente! por Eduardo de Souza edu.souza@hotmail.com

O Musical”. A obra conta a trajetória de um dos grandes nomes do soul e MPB. Estrelado por Tiago Abravanel, a peça relata os momentos mais marcantes da vida de Tim, passando por sua infância, vida pessoal, carreira musical e sua morte. De quinta a sábado, às 20h, e domingo, às 18h. O ingresso custa R$ 40 as quintas, sextas e domingos, e R$ 50 aos sábados.

J.A.C.A. - Jornal Acadêmico de Comunicação Autônoma - Agosto 2011 Projeto Gráfico: Diedro Barros Equipe de Redação: Camilla Pontes, Eduardo de Souza, Juliana Viegas, Rayza Becaud e Raphael Bandeira Fotografias: Arquivo CACOS e Fotos de Divulgação Revisão e Edição: Diedro Barros CACOS/UERJ - Centro Acadêmico de Comunicação Social da UERJ Rua São Francisco Xavier, 524 - Sala 10.043-F - 10° Andar - CEP: 20.550-900 Blog: www.cacosuerj.blogspot.com - E-Mail: cacosuerj@gmail.com Twitter: twitter.com/cacosuerj Facebook: http://www.facebook.com/profile.php?id=100002195546447

J.A.C.A. - N 0 - Agosto/2011  

Esta é a primeira edição do J.A.C.A., Jornal Acadêmico de Comunicação Autônooma, o Jornal dos estudantes da Faculdade de Comunicação Social...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you