Issuu on Google+

Bahia, Olhar Poético

Bahia, Olhar Poético

Bahia, Poetic Look

Bahia, Poetic Look

Santo Antônio Bom Jesus da Lapa

Imagens de Adenor Gondim Pesquisa de Ismael Bernardo Poesias de Márcia Tude

1

2


Bahia, Olhar Poético

Bahia, Olhar Poético

Bahia, Poetic Look

Bahia, Poetic Look

Santo Antônio Bom Jesus da Lapa

Imagens de Adenor Gondim Pesquisa de Ismael Bernardo Poesias de Márcia Tude

1

2


Copyright textos © Márcia Tude Copyright imagens © Adenor Gondim

Produção Editorial Márcia Tude Fotografias Adenor Gondim Pesquisa e Comentários Ismael Bernardo Tradução Sabrina Gledhill Concepção do Projeto Gráfico Equipe Livro.com Designer Gráfico e Ilustração Dania Schinitzman Revisão Vera Rollemberg Comunicação Lume Assessoria CIP - BRASIL - Catalogação na Fonte - Sindicato Nacional dos Editores de Livros, RJ

Impresso no Brasil, Bahia - Printed in Brasil, Bahia

3

4


Copyright textos © Márcia Tude Copyright imagens © Adenor Gondim

Produção Editorial Márcia Tude Fotografias Adenor Gondim Pesquisa e Comentários Ismael Bernardo Tradução Sabrina Gledhill Concepção do Projeto Gráfico Equipe Livro.com Designer Gráfico e Ilustração Dania Schinitzman Revisão Vera Rollemberg Comunicação Lume Assessoria CIP - BRASIL - Catalogação na Fonte - Sindicato Nacional dos Editores de Livros, RJ

Impresso no Brasil, Bahia - Printed in Brasil, Bahia

3

4


Artifacts illustrate the triumph of time. At least there five hundred years.

Há cartas de alforria, mas faltam escravos. Algumas botas de couro; já não há senhores.

There are letters of manumission, but there are no slaves. Some leather boots; there are no gentlemen.

O cocar prevaleceu sobre a cabeça. A luva esquerda, sobre a mão.

The headdress prevailed on the head. The left sleeve, on hand.

The museum

O museu

Artefatos ilustram o triunfo do tempo. Pelo menos há quinhentos anos.

Indio Pataxó da Reserva da Jaqueira, Porto Seguro

In place of eternity, the museum and its items.

No lugar da eternidade, juntamos itens e itens.

A história do Brasil começa em Porto Seguro, na

e lugar de rituais, já que está repleto de energia

Bahia. Considerada monumento nacional, a cidade

ancestral, fundamental para a manutenção da cultura

fica na Costa do Descobrimento, onde há 500 anos

indígena.

chegaram os portugueses, dando início à colonização

Hoje, a Reserva da Jaqueira é um lugar utilizado para a

do país. Monumentos, igrejas e belíssimas praias

revitalização, afirmação e valorização da cultura

fazem do município um dos destinos mais visitados

Pataxó, onde os índios remanescentes desenvolvem

por brasileiros e estrangeiros

diversas atividades, como educação ambiental

Porto Seguro é considerada Patrimônio Histórico

(aliada ao ecoturismo para o desenvolvimento

Nacional desde 1976. E é na cidade que está situada a

sustentável), divulgação da história e de vários outros

Reserva da Jaqueira, um dos lugares habitados pelos

aspectos da cultura Pataxó, como a música, dança,

índios Pataxó no passado. Esse espaço sempre foi

culinária, conhecimento medicinal das plantas,

considerado um lugar sagrado, morada dos espíritos

costumes e tradições.

5

6


Artifacts illustrate the triumph of time. At least there five hundred years.

Há cartas de alforria, mas faltam escravos. Algumas botas de couro; já não há senhores.

There are letters of manumission, but there are no slaves. Some leather boots; there are no gentlemen.

O cocar prevaleceu sobre a cabeça. A luva esquerda, sobre a mão.

The headdress prevailed on the head. The left sleeve, on hand.

The museum

O museu

Artefatos ilustram o triunfo do tempo. Pelo menos há quinhentos anos.

Indio Pataxó da Reserva da Jaqueira, Porto Seguro

In place of eternity, the museum and its items.

No lugar da eternidade, juntamos itens e itens.

A história do Brasil começa em Porto Seguro, na

e lugar de rituais, já que está repleto de energia

Bahia. Considerada monumento nacional, a cidade

ancestral, fundamental para a manutenção da cultura

fica na Costa do Descobrimento, onde há 500 anos

indígena.

chegaram os portugueses, dando início à colonização

Hoje, a Reserva da Jaqueira é um lugar utilizado para a

do país. Monumentos, igrejas e belíssimas praias

revitalização, afirmação e valorização da cultura

fazem do município um dos destinos mais visitados

Pataxó, onde os índios remanescentes desenvolvem

por brasileiros e estrangeiros

diversas atividades, como educação ambiental

Porto Seguro é considerada Patrimônio Histórico

(aliada ao ecoturismo para o desenvolvimento

Nacional desde 1976. E é na cidade que está situada a

sustentável), divulgação da história e de vários outros

Reserva da Jaqueira, um dos lugares habitados pelos

aspectos da cultura Pataxó, como a música, dança,

índios Pataxó no passado. Esse espaço sempre foi

culinária, conhecimento medicinal das plantas,

considerado um lugar sagrado, morada dos espíritos

costumes e tradições.

5

6


A festa do Recôncavo Baiano é uma das mais autênticas manifestações da cultura afro-brasileira. Na primeira quinzena de agosto, a Irmandade a Boa Morte (formada apenas de mulheres descendentes de escravos) percorre as ruas. As mulheres negras, orgulhosas, exibem vestes e jóias, enquanto entoam cânticos para a padroeira.

Figa de Maria da Glória, da Irmandade de Nossa Senhora da Boa Morte

americanos em busca de suas origens. O fato de ser constituída apenas por mulheres negras, numa sociedade patriarcal e marcada por forte contraste racial e étnico, emprestou a esta manifestação afro-católica notável fama, seja pelo que expressa do catolicismo barroco brasileiro, seja por certa tendência para a incorporação aos festejos propriamente religiosos de rituais profanos pontuados de muito samba e comida.

A história da confraria religiosa da Boa Morte se confunde com a maciça importação de escravos da costa da África para o Recôncavo canavieiro da Bahia, em particular para a cidade de Cachoeira, a segunda em importância econômica na Capitania da Bahia durante três séculos.

Há que acrescentar ao gênero e raça dos seus membros a condição de ex-escravos ou descendentes deles, importante característica social sem a qual seria difícil entender tantos aspectos ligados aos compromissos religiosos da confraria, onde se ressalta a enorme habilidade dos antigos escravos para cultuar a religião dos dominantes sem

O Recôncavo Baiano é a região da Bahia onde as tradições africanas foram mais preservadas, e Cachoeira é um paraíso para onde correm negros

Ao remover o pó da caixa de guardados, trazer à luz efêmera cores esmaecidas.

After removing the dust Box stored, bring to light faded memories.

A figa, que por tantas vezes foi proteção. Ou meu colar de contas que brincou o carnaval.

The figa for many protection times. A string of beads, This carnival.

Relembrar e, por fim, ao guardar essas coisas, voltar à poesia, como se a caixa

Finally, to save all things, back to poetry, As if the box had never existed.

nunca houvesse existido. 7

8


A festa do Recôncavo Baiano é uma das mais autênticas manifestações da cultura afro-brasileira. Na primeira quinzena de agosto, a Irmandade a Boa Morte (formada apenas de mulheres descendentes de escravos) percorre as ruas. As mulheres negras, orgulhosas, exibem vestes e jóias, enquanto entoam cânticos para a padroeira.

Figa de Maria da Glória, da Irmandade de Nossa Senhora da Boa Morte

americanos em busca de suas origens. O fato de ser constituída apenas por mulheres negras, numa sociedade patriarcal e marcada por forte contraste racial e étnico, emprestou a esta manifestação afro-católica notável fama, seja pelo que expressa do catolicismo barroco brasileiro, seja por certa tendência para a incorporação aos festejos propriamente religiosos de rituais profanos pontuados de muito samba e comida.

A história da confraria religiosa da Boa Morte se confunde com a maciça importação de escravos da costa da África para o Recôncavo canavieiro da Bahia, em particular para a cidade de Cachoeira, a segunda em importância econômica na Capitania da Bahia durante três séculos.

Há que acrescentar ao gênero e raça dos seus membros a condição de ex-escravos ou descendentes deles, importante característica social sem a qual seria difícil entender tantos aspectos ligados aos compromissos religiosos da confraria, onde se ressalta a enorme habilidade dos antigos escravos para cultuar a religião dos dominantes sem

O Recôncavo Baiano é a região da Bahia onde as tradições africanas foram mais preservadas, e Cachoeira é um paraíso para onde correm negros

Ao remover o pó da caixa de guardados, trazer à luz efêmera cores esmaecidas.

After removing the dust Box stored, bring to light faded memories.

A figa, que por tantas vezes foi proteção. Ou meu colar de contas que brincou o carnaval.

The figa for many protection times. A string of beads, This carnival.

Relembrar e, por fim, ao guardar essas coisas, voltar à poesia, como se a caixa

Finally, to save all things, back to poetry, As if the box had never existed.

nunca houvesse existido. 7

8


Uma silhueta me persegue na escadaria da Igreja Matriz.

Barracas de Festa de Largo, Salvador

A silhouette haunt me on the staircase Mother Church.

Flor na lapela, sob o céu nublado. Alguém tão magro que tenho certa pena,

Flower in his lapel, under cloudy skies. Someone so skinny I have some regret,

mesmo enebriada pelo burburinho frenético das moças à espera do buquê.

even enebriada by the buzz frantic girls waiting for the bouquet.

Quanto à mulher de branco, acredite, sua luta com o vestido continua.

As for the woman white, believe his struggle with the dress continues.

Conforme o historiador Manuel Passos, a maioria das manifestações populares no estado da Bahia tem origem portuguesa. Há registros de que as homenagens tenham iniciado em 1754, quando a imagem do Senhor Crucificado – trazida em 1745 pelo Capitão do Mar e Guerra da Marinha Portuguesa, Teodósio Rodrigues – foi transferida da Igreja da Penha, em Itapagipe, para a sua própria Igreja, na . Colina Sagrada. A lavagem do Bomfim é uma das maiores manisfestações de festas de largo, no entanto, data de mais de um século, iniciada pelos negros africanos e pelas senhoras dos mesários, juntamente com moradores da região, em louvor ao Senhor do Bonfim, à Nossa Senhora da Guia e a São Gonçalo. “A

particularidade da festa do Senhor do Bonfim é a sua ligação evidente com o Candomblé, pela figura de Oxalá. Muitos historiadores destacaram na festa a força da música negra, dos atabaques. A Colina Sagrada tornou-se algo emblemático lá fora”, diz Passos................................................ A mistura de povos, de credos e culturas e o caráter insólito da festa também renderam proibições e conflitos ao longo dos anos. Em 1889, o então arcebispo da Bahia, Dom Luis Antônio dos Santos, vetou a lavagem do interior da Basílica. A intervenção da Guarda Cívica gerou apreensão de vassouras, violas e cavaquinhos e a festa só voltou a ser realizada dez anos depois. Em 1940, novamente a Arquidiocese tentou proibir a lavagem, embora, desta vez, sem

9

10


Uma silhueta me persegue na escadaria da Igreja Matriz.

Barracas de Festa de Largo, Salvador

A silhouette haunt me on the staircase Mother Church.

Flor na lapela, sob o céu nublado. Alguém tão magro que tenho certa pena,

Flower in his lapel, under cloudy skies. Someone so skinny I have some regret,

mesmo enebriada pelo burburinho frenético das moças à espera do buquê.

even enebriada by the buzz frantic girls waiting for the bouquet.

Quanto à mulher de branco, acredite, sua luta com o vestido continua.

As for the woman white, believe his struggle with the dress continues.

Conforme o historiador Manuel Passos, a maioria das manifestações populares no estado da Bahia tem origem portuguesa. Há registros de que as homenagens tenham iniciado em 1754, quando a imagem do Senhor Crucificado – trazida em 1745 pelo Capitão do Mar e Guerra da Marinha Portuguesa, Teodósio Rodrigues – foi transferida da Igreja da Penha, em Itapagipe, para a sua própria Igreja, na . Colina Sagrada. A lavagem do Bomfim é uma das maiores manisfestações de festas de largo, no entanto, data de mais de um século, iniciada pelos negros africanos e pelas senhoras dos mesários, juntamente com moradores da região, em louvor ao Senhor do Bonfim, à Nossa Senhora da Guia e a São Gonçalo. “A

particularidade da festa do Senhor do Bonfim é a sua ligação evidente com o Candomblé, pela figura de Oxalá. Muitos historiadores destacaram na festa a força da música negra, dos atabaques. A Colina Sagrada tornou-se algo emblemático lá fora”, diz Passos................................................ A mistura de povos, de credos e culturas e o caráter insólito da festa também renderam proibições e conflitos ao longo dos anos. Em 1889, o então arcebispo da Bahia, Dom Luis Antônio dos Santos, vetou a lavagem do interior da Basílica. A intervenção da Guarda Cívica gerou apreensão de vassouras, violas e cavaquinhos e a festa só voltou a ser realizada dez anos depois. Em 1940, novamente a Arquidiocese tentou proibir a lavagem, embora, desta vez, sem

9

10


Os infortúnios das longas viagens, como as doenças e os ataques dos navios piratas, levaram os marinheiros a buscar a proteção divina do Bom Jesus dos Navegantes, dando início a uma das mais tradicionais . festas religiosas da Bahia.

A busca

A celebração – cujos preparativos têm início no dia 27 de dezembro, finalizando no primeiro domingo após o dia primeiro de janeiro com uma missa e procissão

terrestre – tem seu ápice no primeiro dia do Ano Novo, quando ocorre a procissão marítima. Toda a encenação, envolvendo personagens e locais sagrados relembram os Dramas Litúrgicos, iniciados na Idade Média. Particularmente na Festa do Bom Jesus dos Navegantes identificamos duas personagens, Jesus e Maria, representadas por três imagens distintas: O Bom Jesus dos Navegantes, Nossa Senhora da Boa Viagem e Nossa Senhora da Conceição da Praia. O culto envolve ainda duas importantes igrejas, a Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia e a Igreja da Boa Viagem, além da Galeota Gratidão do Povo que faz o percurso marítimo transportando o Bom Jesus. s

Ao regressar à paragem natal uma ave, ao vento, abre suas asas

When you want to home staging a bird, wind, spreads its wings

aos antigos climas de nuvens e azul, onde morre o sol e estremece a vida.

by strange weather of clouds and blue where the sun dies and weakens the day. And just look is the heat the old game.

Logo seu olhar encontra o calor da velha partida. 11

12

The house

A origem da procissão marítima do Bom Jesus dos Navegantes, como a de outras festas populares, é imprecisa. Acredita-se que remonta ao século XVIII, época em que o tráfico de escravos negros vindos da África e o comércio marítimo com o oriente eram intensos.

Praia da Boa Viagem Festa do Bom Jesus dos Navegantes - Salvador


Os infortúnios das longas viagens, como as doenças e os ataques dos navios piratas, levaram os marinheiros a buscar a proteção divina do Bom Jesus dos Navegantes, dando início a uma das mais tradicionais . festas religiosas da Bahia.

A busca

A celebração – cujos preparativos têm início no dia 27 de dezembro, finalizando no primeiro domingo após o dia primeiro de janeiro com uma missa e procissão

terrestre – tem seu ápice no primeiro dia do Ano Novo, quando ocorre a procissão marítima. Toda a encenação, envolvendo personagens e locais sagrados relembram os Dramas Litúrgicos, iniciados na Idade Média. Particularmente na Festa do Bom Jesus dos Navegantes identificamos duas personagens, Jesus e Maria, representadas por três imagens distintas: O Bom Jesus dos Navegantes, Nossa Senhora da Boa Viagem e Nossa Senhora da Conceição da Praia. O culto envolve ainda duas importantes igrejas, a Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia e a Igreja da Boa Viagem, além da Galeota Gratidão do Povo que faz o percurso marítimo transportando o Bom Jesus. s

Ao regressar à paragem natal uma ave, ao vento, abre suas asas

When you want to home staging a bird, wind, spreads its wings

aos antigos climas de nuvens e azul, onde morre o sol e estremece a vida.

by strange weather of clouds and blue where the sun dies and weakens the day. And just look is the heat the old game.

Logo seu olhar encontra o calor da velha partida. 11

12

The house

A origem da procissão marítima do Bom Jesus dos Navegantes, como a de outras festas populares, é imprecisa. Acredita-se que remonta ao século XVIII, época em que o tráfico de escravos negros vindos da África e o comércio marítimo com o oriente eram intensos.

Praia da Boa Viagem Festa do Bom Jesus dos Navegantes - Salvador


A cada encontro de águas e de pessoas de antes,

At each meeting of waters and people as before,

a cidade se acalma e eles brincam, distantes.

Palco do Teatro Castro Alves - Bailarinos Augusto Omolú e Aliice Becker

the city quiets down and they play, away. Each different sound, drums and samba,

Cada som diferente, atabaques ou samba,

agitate suddenly the rivers of memory.

agitam, de repente, os rios da lembrança.

On the beach the light goes off. In the sky there are a thousand nuances.

Na praia a luz se apaga. No céu há mil nuances.

They go hand in hand, the fate of lovers.

Eles seguem, de mãos dadas, o destino dos amantes.

Um trabalho que já dura mais de duas décadas firmou

também fazem parte da agenda do Balé.

o Balé Teatro Castro Alves como uma das melhores e

.A preocupação com a formação de platéia é outro

mais importantes companhias de dança

ponto forte do BTCA, que procura manter uma

contemporânea do país. Criado em 1º de abril de 1981

integração permanente com a comunidade local. Sua

como a quinta companhia oficial de dança do Brasil e

projeção internacionalmente começou em 1992,

primeira do Norte/Nordeste, o BTCA alicerça seu

quando a companhia chamou a atenção de

preparo na técnica clássica, sem esquecer a herança

empresários internacionais. Desde então, vem se

cultural e racial de seus membros.

apresentando com regularidade nos Estados Unidos,

Formada por 24 bailarinos (12 homens e 12 mulheres),

América do Sul, Europa e Oriente Médio, participando

a companhia não se restringe aos espetáculos

como convidado em importantes festivais e

voltados para grandes palcos. Apresentações em

conceituados teatros.

praças públicas e espaços culturais alternativos 13

14


A cada encontro de águas e de pessoas de antes,

At each meeting of waters and people as before,

a cidade se acalma e eles brincam, distantes.

Palco do Teatro Castro Alves - Bailarinos Augusto Omolú e Aliice Becker

the city quiets down and they play, away. Each different sound, drums and samba,

Cada som diferente, atabaques ou samba,

agitate suddenly the rivers of memory.

agitam, de repente, os rios da lembrança.

On the beach the light goes off. In the sky there are a thousand nuances.

Na praia a luz se apaga. No céu há mil nuances.

They go hand in hand, the fate of lovers.

Eles seguem, de mãos dadas, o destino dos amantes.

Um trabalho que já dura mais de duas décadas firmou

também fazem parte da agenda do Balé.

o Balé Teatro Castro Alves como uma das melhores e

.A preocupação com a formação de platéia é outro

mais importantes companhias de dança

ponto forte do BTCA, que procura manter uma

contemporânea do país. Criado em 1º de abril de 1981

integração permanente com a comunidade local. Sua

como a quinta companhia oficial de dança do Brasil e

projeção internacionalmente começou em 1992,

primeira do Norte/Nordeste, o BTCA alicerça seu

quando a companhia chamou a atenção de

preparo na técnica clássica, sem esquecer a herança

empresários internacionais. Desde então, vem se

cultural e racial de seus membros.

apresentando com regularidade nos Estados Unidos,

Formada por 24 bailarinos (12 homens e 12 mulheres),

América do Sul, Europa e Oriente Médio, participando

a companhia não se restringe aos espetáculos

como convidado em importantes festivais e

voltados para grandes palcos. Apresentações em

conceituados teatros.

praças públicas e espaços culturais alternativos 13

14


No século XIX Cachoeira teve projeção na história política nacional. Dali ecoaram os primeiros gritos contra a opressão portuguesa, visando a criação de um movimento organizado em prol da independência do Brasil. Foi a Câmara Municipal de Cachoeira que, em 1822 proclamou D. Pedro “Príncipe Regente do Brasil”. A cidade foi capital da Bahia independente durante 16 meses, assim como em 1837, durante a Revolta da . Sabinada. Por toda sua representatividade, nos dias 25 de junho Cachoeira é oficialmente a sede do governo da Bahia. A lei estadual que determina a transferência foi criada em 2007 e em 25 de junho de 2008 o governador e seu secretariado já despacharam da nave principal do . Convento do Carmo. Além da importância histórico-política a cidade também

é palco de uma das principais manifestações do sincretismo religioso do país: a Festa de Nossa Senhora da Boa Morte. O evento ocorre todos os anos no mês de agosto. O calendário da festa inclui missas e procissões representando o falecimento de Nossa Senhora e também apresentações do Samba de Roda. Este último, uma mistura de dança, poesia, música e festa que é ligado ao culto aos orixás, é considerado “Obra Prima do Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade” pela . UNESCO. O ritmo afro-brasileiro nasceu no Recôncavo baiano por volta de 1860. "O samba nasceu lá na Bahia, se hoje ele é branco na poesia, ele é negro demais no coração.", diz a música do poeta Vinícius de Moraes. Ícone de Brasil, o mais famoso ritmo nacional, o Samba (e seus variantes), teve como base o Samba de Roda nascido nos contornos da Baía de Todos os Santos.

Inteiramente nua, nas águas cristalinas,

Fully naked in clear waters,

agito as pulseiras de prata, insolente.

Shake the bracelets silver, insolent.

Tiro um par de brincos, Jogo-os ao mar.

Shot a pair of earrings, Throw them overboard. Diving hair In the temple of Oya.

Mergulho os cabelos no templo de Oyás. Mãe Filhinha de Iemanjá, Cachoeira

15

16


No século XIX Cachoeira teve projeção na história política nacional. Dali ecoaram os primeiros gritos contra a opressão portuguesa, visando a criação de um movimento organizado em prol da independência do Brasil. Foi a Câmara Municipal de Cachoeira que, em 1822 proclamou D. Pedro “Príncipe Regente do Brasil”. A cidade foi capital da Bahia independente durante 16 meses, assim como em 1837, durante a Revolta da . Sabinada. Por toda sua representatividade, nos dias 25 de junho Cachoeira é oficialmente a sede do governo da Bahia. A lei estadual que determina a transferência foi criada em 2007 e em 25 de junho de 2008 o governador e seu secretariado já despacharam da nave principal do . Convento do Carmo. Além da importância histórico-política a cidade também

é palco de uma das principais manifestações do sincretismo religioso do país: a Festa de Nossa Senhora da Boa Morte. O evento ocorre todos os anos no mês de agosto. O calendário da festa inclui missas e procissões representando o falecimento de Nossa Senhora e também apresentações do Samba de Roda. Este último, uma mistura de dança, poesia, música e festa que é ligado ao culto aos orixás, é considerado “Obra Prima do Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade” pela . UNESCO. O ritmo afro-brasileiro nasceu no Recôncavo baiano por volta de 1860. "O samba nasceu lá na Bahia, se hoje ele é branco na poesia, ele é negro demais no coração.", diz a música do poeta Vinícius de Moraes. Ícone de Brasil, o mais famoso ritmo nacional, o Samba (e seus variantes), teve como base o Samba de Roda nascido nos contornos da Baía de Todos os Santos.

Inteiramente nua, nas águas cristalinas,

Fully naked in clear waters,

agito as pulseiras de prata, insolente.

Shake the bracelets silver, insolent.

Tiro um par de brincos, Jogo-os ao mar.

Shot a pair of earrings, Throw them overboard. Diving hair In the temple of Oya.

Mergulho os cabelos no templo de Oyás. Mãe Filhinha de Iemanjá, Cachoeira

15

16


Sobre o caderno reclina-se a moça, relembra a infância e seus jardins perdidos. Manhãs de sol. O escritor preferido distanciando-se das alamedas.

Jorge Amado, Rio Vermelho, Salvador

About the book leans a girl recalls his childhood and lost gardens. Morning sun. The writer preferred distancing themselves from malls.

À porta, dedo em riste, a menina e o medo de se perceber, ligeira se punha a correr entre amendoeiras. A bicicleta deslizava, firme.

At the door, pointing his finger at the girl and the fear of perceiving, slightly he began to run between almond. The bike slid, firm. At home, hands in flower, almonds, branches and always a cake to reveal the table. In the eye of his grandfather's love immortalized,

Em casa, mãos em flor, amêndoas, galhos e um bolo sempre a revelar a mesa. No olhar do avô o amor eternizado,

footwear amid Portuguese stones. The girl confined to her embroidery; hand remakes childhood as undone.

calçado em meio a pedras portuguesas. A moça se restringe ao seu bordado; a mão refaz a infância tão desfeita.

Jorge Amado nasceu a 10 de agosto de 1912, na fazenda Auricídia, no distrito de Ferradas, município de Itabuna, sul do Estado da Bahia. Com um ano de idade, foi para Ilhéus, onde passou a infância. Fez os estudos secundários no Colégio Antônio Vieira e no Ginásio Ipiranga, em Salvador. Neste período, começou a trabalhar em jornais e a participar da vida literária, sendo um dos fundadores da Academia dos Rebeldes. Publicou seu primeiro romance, O país do carnaval, em 1931. Casou-se em 1933, com Matilde Garcia Rosa, com quem teve uma filha, Lila. Nesse ano publicou seu segundo romance, Cacau. Publicou seu primeiro romance, O país do carnaval, em 1931. A obra literária de Jorge Amado conheceu inúmeras adaptações para cinema, teatro e televisão, além de ter sido tema de escolas de samba por todo o Brasil.

Seus livros foram traduzidos em 55 países, em 49 idiomas, existindo também exemplares em braile e em fitas gravadas para cegos. Em 1987, foi inaugurada em Salvador, Bahia, no Largo do Pelourinho, a Fundação Casa de Jorge Amado, que abriga e preserva seu acervo, colocando-o à disposição de pesquisadores. A Fundação objetiva ainda o desenvolvimento das atividades culturais na Bahia. Jorge Amado morreu em Salvador, no dia 6 de agosto de 2001, ao lado da sua fiel companheira, a escritora Zélia Gattai. Foi cremado e suas cinzas foram enterradas no jardim de sua residência, na Rua Alagoinhas, em 10 de agosto, dia em que completaria 89 anos. No poema acima, a poetisa relembra a infância vivida na rua Alagoinhas, onde os seus avós, Dora e Normando, foram vizinhos de Jorge e Zélia por muitos anos. 17

18


Sobre o caderno reclina-se a moça, relembra a infância e seus jardins perdidos. Manhãs de sol. O escritor preferido distanciando-se das alamedas.

Jorge Amado, Rio Vermelho, Salvador

About the book leans a girl recalls his childhood and lost gardens. Morning sun. The writer preferred distancing themselves from malls.

À porta, dedo em riste, a menina e o medo de se perceber, ligeira se punha a correr entre amendoeiras. A bicicleta deslizava, firme.

At the door, pointing his finger at the girl and the fear of perceiving, slightly he began to run between almond. The bike slid, firm. At home, hands in flower, almonds, branches and always a cake to reveal the table. In the eye of his grandfather's love immortalized,

Em casa, mãos em flor, amêndoas, galhos e um bolo sempre a revelar a mesa. No olhar do avô o amor eternizado,

footwear amid Portuguese stones. The girl confined to her embroidery; hand remakes childhood as undone.

calçado em meio a pedras portuguesas. A moça se restringe ao seu bordado; a mão refaz a infância tão desfeita.

Jorge Amado nasceu a 10 de agosto de 1912, na fazenda Auricídia, no distrito de Ferradas, município de Itabuna, sul do Estado da Bahia. Com um ano de idade, foi para Ilhéus, onde passou a infância. Fez os estudos secundários no Colégio Antônio Vieira e no Ginásio Ipiranga, em Salvador. Neste período, começou a trabalhar em jornais e a participar da vida literária, sendo um dos fundadores da Academia dos Rebeldes. Publicou seu primeiro romance, O país do carnaval, em 1931. Casou-se em 1933, com Matilde Garcia Rosa, com quem teve uma filha, Lila. Nesse ano publicou seu segundo romance, Cacau. Publicou seu primeiro romance, O país do carnaval, em 1931. A obra literária de Jorge Amado conheceu inúmeras adaptações para cinema, teatro e televisão, além de ter sido tema de escolas de samba por todo o Brasil.

Seus livros foram traduzidos em 55 países, em 49 idiomas, existindo também exemplares em braile e em fitas gravadas para cegos. Em 1987, foi inaugurada em Salvador, Bahia, no Largo do Pelourinho, a Fundação Casa de Jorge Amado, que abriga e preserva seu acervo, colocando-o à disposição de pesquisadores. A Fundação objetiva ainda o desenvolvimento das atividades culturais na Bahia. Jorge Amado morreu em Salvador, no dia 6 de agosto de 2001, ao lado da sua fiel companheira, a escritora Zélia Gattai. Foi cremado e suas cinzas foram enterradas no jardim de sua residência, na Rua Alagoinhas, em 10 de agosto, dia em que completaria 89 anos. No poema acima, a poetisa relembra a infância vivida na rua Alagoinhas, onde os seus avós, Dora e Normando, foram vizinhos de Jorge e Zélia por muitos anos. 17

18


Os primeiros portugueses que chegaram ao Brasil, mantiveram um contato amistoso com os índios, pois precisavam deles para trabalhar na extração do paubrasil e para defender o litoral dos contrabandistas, principalmente franceses. Mas, com o aumento do número de portugueses, as relações do branco com o índio foram se tornando críticas. Havia muita reação dos índios porque os portugueses roubavam-lhes as terras, atacavam suas mulheres, tiravam-lhes a liberdade e transmitiam-lhes doenças, algumas vezes causando a morte de todos os habitantes de uma aldeia.

Bar Tupinambá, Ribeira, Salvador

Apesar da resistência, milhares de índios foram escravizados no período colonial, que usavam armas de fogo para dominar as populações indígenas. Nessa época, os índios foram forçados a trabalhar na lavoura canavieira e na coleta de cacau nativo, baunilha, guaraná, pimenta, cravo, castanha-do-pará e madeiras, entre outras atividades. Assim, dos aproximadamente 4 milhões de índios que habitavam o Brasil na época da chegada de Cabral,

restam hoje mais ou menos 200 mil, sobrevivendo em condições precárias e sob constante ameaça, principalmente dos garimpeiros. Reduzidos demográfica e sistematicamente, sujeitos a pressões crescentes das frentes de expansão econômica que avançam sobre as terras e os recursos naturais, o futuro dos povos indígenas no Brasil é ainda incerto. Aos 500 anos após o descobrimento, o Brasil ainda desconhece a imensa diversidade de povos indígenas que ainda vivem no País. Estima-se que hoje existam aproximadamente 210 povos, com vários graus de contato, cerca de 170 línguas e dialetos, distribuídos em todo território brasileiro. Alguns povos foram descobertos pela FUNAI e conseguiram reconstituir sua própria sociedade. Os índios que hoje vivem no País não falam apenas o tupiguarani, — tronco lingüístico que abrange 30 nações indígenas —mas, cerca de 170 línguas diferentes.

Sinto que o homem (ao nos avistar) sentiu-se inundado por um rumor verde

I feel that the man in sight felt overwhelmed by a green rumor bird's natural beauty flying over the shoulder gentle beaches although the weight of the cross has disintegrated the most beautiful shame of our indigenous headdress.

pássaro da beleza natural, sobrevoando o ombro manso das praias ainda que o peso da cruz tenha desintegrado a mais bela pena do nosso cocar indígena.

19

20


Os primeiros portugueses que chegaram ao Brasil, mantiveram um contato amistoso com os índios, pois precisavam deles para trabalhar na extração do paubrasil e para defender o litoral dos contrabandistas, principalmente franceses. Mas, com o aumento do número de portugueses, as relações do branco com o índio foram se tornando críticas. Havia muita reação dos índios porque os portugueses roubavam-lhes as terras, atacavam suas mulheres, tiravam-lhes a liberdade e transmitiam-lhes doenças, algumas vezes causando a morte de todos os habitantes de uma aldeia.

Bar Tupinambá, Ribeira, Salvador

Apesar da resistência, milhares de índios foram escravizados no período colonial, que usavam armas de fogo para dominar as populações indígenas. Nessa época, os índios foram forçados a trabalhar na lavoura canavieira e na coleta de cacau nativo, baunilha, guaraná, pimenta, cravo, castanha-do-pará e madeiras, entre outras atividades. Assim, dos aproximadamente 4 milhões de índios que habitavam o Brasil na época da chegada de Cabral,

restam hoje mais ou menos 200 mil, sobrevivendo em condições precárias e sob constante ameaça, principalmente dos garimpeiros. Reduzidos demográfica e sistematicamente, sujeitos a pressões crescentes das frentes de expansão econômica que avançam sobre as terras e os recursos naturais, o futuro dos povos indígenas no Brasil é ainda incerto. Aos 500 anos após o descobrimento, o Brasil ainda desconhece a imensa diversidade de povos indígenas que ainda vivem no País. Estima-se que hoje existam aproximadamente 210 povos, com vários graus de contato, cerca de 170 línguas e dialetos, distribuídos em todo território brasileiro. Alguns povos foram descobertos pela FUNAI e conseguiram reconstituir sua própria sociedade. Os índios que hoje vivem no País não falam apenas o tupiguarani, — tronco lingüístico que abrange 30 nações indígenas —mas, cerca de 170 línguas diferentes.

Sinto que o homem (ao nos avistar) sentiu-se inundado por um rumor verde

I feel that the man in sight felt overwhelmed by a green rumor bird's natural beauty flying over the shoulder gentle beaches although the weight of the cross has disintegrated the most beautiful shame of our indigenous headdress.

pássaro da beleza natural, sobrevoando o ombro manso das praias ainda que o peso da cruz tenha desintegrado a mais bela pena do nosso cocar indígena.

19

20


Mãe Kiriri e seu Curumim - município de Banzaê

Sinto que o mesmo homem ao ver a curvatura virgem dos morros por onde se espraia líquida límpida

I feel that the same man to see the curvature of the virgin hills where spreads net clear marked her name the gray morning

marcou seu nome nas manhãs cinzentas.

Size thrill to reach paradise.

Tamanho frêmito de alcançar o paraíso.

Reunindo características únicas, a Bahia se diferencia no cenário nacional por sua história, seus costumes e sua cultura, o que lhe granjeou notoriedade como um dos Estados que mais contribuem para a formação da história e o desenvolvimento do país.

recebeu da UNESCO o título de “patrimônio da humanidade”. Suas manifestações culturais, representadas pelo folclore, tradições, música, artesanato, culinária, saberes, festas populares, etc. reforçam sua identidade cultural.

Foi aqui que nasceu o Brasil. A riqueza e a diversidade cultural da Bahia têm origem na miscigenação étnica que remonta ao período da colonização brasileira.

O ambiente natural da Bahia é rico em beleza cênica por sua extraordinária biodiversidade. Suas praias são calmas, com água morna e cristalina. Aqui, quem chega desfruta de uma alegria contagiante, hospitalidade, axé, características do peculiar jeito de ser e de viver do povo dessa terra de todos os santos, ao qual se chama de baianidade.

Essa miscigenação de raças e culturas foi responsável por um forte sincretismo que se revela na multiplicidade de religiões, crenças e credos. Daí porque o seu calendário festivo anual é preenchido, quase integralmente, com festas religiosas e profanas. Como se não bastasse, é dona de um acervo histórico/cultural de tamanha beleza e importância que um dos seus principais sítios, o Pelourinho,

A Bahia sempre esteve na vanguarda dos movimentos artísticos do país, seja no campo da música, da arte, da literatura ou da dança, posicionando-se como um dos mais importantes pólos culturais do país.

21

22


Mãe Kiriri e seu Curumim - município de Banzaê

Sinto que o mesmo homem ao ver a curvatura virgem dos morros por onde se espraia líquida límpida

I feel that the same man to see the curvature of the virgin hills where spreads net clear marked her name the gray morning

marcou seu nome nas manhãs cinzentas.

Size thrill to reach paradise.

Tamanho frêmito de alcançar o paraíso.

Reunindo características únicas, a Bahia se diferencia no cenário nacional por sua história, seus costumes e sua cultura, o que lhe granjeou notoriedade como um dos Estados que mais contribuem para a formação da história e o desenvolvimento do país.

recebeu da UNESCO o título de “patrimônio da humanidade”. Suas manifestações culturais, representadas pelo folclore, tradições, música, artesanato, culinária, saberes, festas populares, etc. reforçam sua identidade cultural.

Foi aqui que nasceu o Brasil. A riqueza e a diversidade cultural da Bahia têm origem na miscigenação étnica que remonta ao período da colonização brasileira.

O ambiente natural da Bahia é rico em beleza cênica por sua extraordinária biodiversidade. Suas praias são calmas, com água morna e cristalina. Aqui, quem chega desfruta de uma alegria contagiante, hospitalidade, axé, características do peculiar jeito de ser e de viver do povo dessa terra de todos os santos, ao qual se chama de baianidade.

Essa miscigenação de raças e culturas foi responsável por um forte sincretismo que se revela na multiplicidade de religiões, crenças e credos. Daí porque o seu calendário festivo anual é preenchido, quase integralmente, com festas religiosas e profanas. Como se não bastasse, é dona de um acervo histórico/cultural de tamanha beleza e importância que um dos seus principais sítios, o Pelourinho,

A Bahia sempre esteve na vanguarda dos movimentos artísticos do país, seja no campo da música, da arte, da literatura ou da dança, posicionando-se como um dos mais importantes pólos culturais do país.

21

22


A Menina - Rio Paraguaçu, Cachoeira

Os índios nativos o batizaram de água grande.

baiano empresta inspiração para o samba-de-roda, as

Vaidoso, também respondia por mar grande e grande

orações das damas da Irmandade da Boa Morte e

rio. O Paraguassu é, de fato, extenso, luxuriante

ainda dá gosto nas folhas da mandioca que

desde a sua nascente diamantífera no Morro do Ouro,

engrossam os pratos suculentos de maniçoba.

na Chapada Diamantina, mas, principalmente, quando muda de direção e parte para banhar as

O Rio Paraguassu, que deságua na Baía de Todos os

cidades históricas de Maragogipe, São Félix e

Santos, sempre apresentou excelente navega-

Cachoeira, numa corrida sedutora em direção à Baía

bilidade. Foi daí, que os portugueses fundaram em

de Todos os Santos. Durante a viagem, o rio refresca

1549 a sede do governo colonial no Brasil. Logo, os

as margens de onde se descortina um rico acervo

portugueses descobriram as virtudes do solo

arquitetônico que inclui a casa grande da antiga

massapê e do clima tropical e implantam no

Fazenda São Roque, o Engenho daVitória, o Fortim da

Recôncavo o cultivo de cana-de-açúcar. Em 1559, após

Salamina, a Capela de Nossa Senhora da Penha e as

duas guerras contra os índios de Jaguaripe e do

ruínas do convento, igreja e hospital de São Francisco

Paraguassu, os colonizadores conseguiram expulsar

do Paraguassu.

os indígenas da região (Tapúias e Aimorés). Menos de quatro décadas depois a produção anual de açúcar

Mas não é apenas a natureza e a arquitetura. Em cada

ultrapassava as 120.000 arroubas.

uma das cidades por onde passa, o rio genuinamente

No repouso do ser (e do haver sido) tudo é repleto, embora simples, leve e frágil feito a música do mundo.

Of being at home (and have been) everything is full, though simple, lightweight fragile and made the music world.

Na verdadeira calma dos sentidos uma forma de abraço, embora breve, acende as luzes de um passado mudo

In the true sense of calm a way to embrace, though brief, lights the lights of a past change to reveal what was hidden.

a revelar o que estava encoberto.

23

24

.


A Menina - Rio Paraguaçu, Cachoeira

Os índios nativos o batizaram de água grande.

baiano empresta inspiração para o samba-de-roda, as

Vaidoso, também respondia por mar grande e grande

orações das damas da Irmandade da Boa Morte e

rio. O Paraguassu é, de fato, extenso, luxuriante

ainda dá gosto nas folhas da mandioca que

desde a sua nascente diamantífera no Morro do Ouro,

engrossam os pratos suculentos de maniçoba.

na Chapada Diamantina, mas, principalmente, quando muda de direção e parte para banhar as

O Rio Paraguassu, que deságua na Baía de Todos os

cidades históricas de Maragogipe, São Félix e

Santos, sempre apresentou excelente navega-

Cachoeira, numa corrida sedutora em direção à Baía

bilidade. Foi daí, que os portugueses fundaram em

de Todos os Santos. Durante a viagem, o rio refresca

1549 a sede do governo colonial no Brasil. Logo, os

as margens de onde se descortina um rico acervo

portugueses descobriram as virtudes do solo

arquitetônico que inclui a casa grande da antiga

massapê e do clima tropical e implantam no

Fazenda São Roque, o Engenho daVitória, o Fortim da

Recôncavo o cultivo de cana-de-açúcar. Em 1559, após

Salamina, a Capela de Nossa Senhora da Penha e as

duas guerras contra os índios de Jaguaripe e do

ruínas do convento, igreja e hospital de São Francisco

Paraguassu, os colonizadores conseguiram expulsar

do Paraguassu.

os indígenas da região (Tapúias e Aimorés). Menos de quatro décadas depois a produção anual de açúcar

Mas não é apenas a natureza e a arquitetura. Em cada

ultrapassava as 120.000 arroubas.

uma das cidades por onde passa, o rio genuinamente

No repouso do ser (e do haver sido) tudo é repleto, embora simples, leve e frágil feito a música do mundo.

Of being at home (and have been) everything is full, though simple, lightweight fragile and made the music world.

Na verdadeira calma dos sentidos uma forma de abraço, embora breve, acende as luzes de um passado mudo

In the true sense of calm a way to embrace, though brief, lights the lights of a past change to reveal what was hidden.

a revelar o que estava encoberto.

23

24

.


Os Negros de Jean Genet, Salvador

A capoeira é o processo complexo constituído pela fusão ou caldeamento de fatores de varias origens: 1. Dos africanos herdamos os movimentos rituais fundamentais do candomblé: dos iorubás recebemos o ritmo ijexá e a rima tonal a cada três estrofes enquanto os bantos nos ofereceram o berimbau, o . instrumento fundamental: 2. Os portugueses nos doaram, através a dança popular da chula, o uso do improviso (chula), do . pandeiro e da viola. 3. Os brasileiros forneceram a nomenclatura dos movimentos, os temas dos cantos (fundo cultural literofilosófico popular), o ritual, os métodos de ensino, as modificações fonéticas dos termos usados . nos cantos.

No Brasil a fusão de elementos africanos aos fatores locais (português e indígenas) originou, a partir do ritmo ijexá, uma família de manifestações culturais, cuja raiz comum lhes empresta uma similitude rítmica e coreográfica, que tentamos explicitar nos gráficos . que se seguem. . Parece-nos evidente que a capoeira reúne todos componentes originais, o que lhe outorga uma excepcional riqueza artística, melódica e dinâmica; um enorme potencial evolutivo e finalmente, um gama extenso de aplicações esportivas, coreográficas, terapêuticas, pedagógicas, etc, que abrange desde o simples jogo às franjas das artes marciais e da defesa pessoal.

Ele tem um dragão no braço esquerdo e nas costas exibe rica espada. Me parece de luz seu corpo inteiro e como brilha o seu colar de prata!

He has a dragon on left arm and the back displays a sword. It seems to me light your whole body and how to shine your silver necklace!

Nas rodas do mercado, capoeira e nos grupos de dança, inspiração. Faz pulseiras da palha da palmeira e desse artesanato, profissão.

The wheels of the market, poultry and dance groups, inspiration. Make bracelets of palm straw this profession and craft.

Acretida num ser superior, o que explica sua paz de coração. Diz que Oxossi é seu santo protetor;

Accretive in a higher being, which explains his peace of heart. Oxossi says is his patron saint; his sword back, protection. Loves eternal, Salvador. Of the dreaded words, loneliness.

sua espada nas costas, proteção. Dos amores eternos, Salvador. Das palavras temidas, solidão. 25

26


Os Negros de Jean Genet, Salvador

A capoeira é o processo complexo constituído pela fusão ou caldeamento de fatores de varias origens: 1. Dos africanos herdamos os movimentos rituais fundamentais do candomblé: dos iorubás recebemos o ritmo ijexá e a rima tonal a cada três estrofes enquanto os bantos nos ofereceram o berimbau, o . instrumento fundamental: 2. Os portugueses nos doaram, através a dança popular da chula, o uso do improviso (chula), do . pandeiro e da viola. 3. Os brasileiros forneceram a nomenclatura dos movimentos, os temas dos cantos (fundo cultural literofilosófico popular), o ritual, os métodos de ensino, as modificações fonéticas dos termos usados . nos cantos.

No Brasil a fusão de elementos africanos aos fatores locais (português e indígenas) originou, a partir do ritmo ijexá, uma família de manifestações culturais, cuja raiz comum lhes empresta uma similitude rítmica e coreográfica, que tentamos explicitar nos gráficos . que se seguem. . Parece-nos evidente que a capoeira reúne todos componentes originais, o que lhe outorga uma excepcional riqueza artística, melódica e dinâmica; um enorme potencial evolutivo e finalmente, um gama extenso de aplicações esportivas, coreográficas, terapêuticas, pedagógicas, etc, que abrange desde o simples jogo às franjas das artes marciais e da defesa pessoal.

Ele tem um dragão no braço esquerdo e nas costas exibe rica espada. Me parece de luz seu corpo inteiro e como brilha o seu colar de prata!

He has a dragon on left arm and the back displays a sword. It seems to me light your whole body and how to shine your silver necklace!

Nas rodas do mercado, capoeira e nos grupos de dança, inspiração. Faz pulseiras da palha da palmeira e desse artesanato, profissão.

The wheels of the market, poultry and dance groups, inspiration. Make bracelets of palm straw this profession and craft.

Acretida num ser superior, o que explica sua paz de coração. Diz que Oxossi é seu santo protetor;

Accretive in a higher being, which explains his peace of heart. Oxossi says is his patron saint; his sword back, protection. Loves eternal, Salvador. Of the dreaded words, loneliness.

sua espada nas costas, proteção. Dos amores eternos, Salvador. Das palavras temidas, solidão. 25

26


Certa espécie de begônia, com sorte, pode ser vista

A species of begonia, with luck, can be seen

sob copas de pau-d’arcos na Chapada Diamantina.

under canopies of stick-Darcos in the Chapada Diamantina.

Sua flor só dura um dia. Mal desabrocha e fenece

Its flower only lasts one day. First erupts and dies

à mercê de uma colheita. Feito a lua que clareia

at the mercy of a crop. Done the moon that brightens the night and morning, we are totally unrelated.

a noite e, pela manhã, nos é totalmente alheia.

A Chapada Diamantina é uma região de serras,

praticar esportes e aventuras. A Chapada abriga, em

situada no centro da Bahia, onde nascem quase todos

seus vales e cumes, comunidades esotéricas e

os rios das bacias do Paraguaçu, do Jacuípe e do Rio

alternativas como no Vale do Capão. Os dois pontos

de Contas. Essas correntes de águas brotam nos

mais altos da Bahia estão na Chapada: o Pico do

cumes e deslizam pelo relevo em belos regatos,

Barbado com 2.080 metros (o mais alto do nordeste)

despencam em borbulhantes cachoeiras e formam

e o Pico das Almas com 1.958 metros. Caminhar

transparentes piscinas naturais.

respirando o ar puro e admirando a paisagem é a principal opção dos turistas de todas as partes que

A vegetação é exuberante, composta de espécies da

visitam, a Chapada. Os lugares verdejantes guardam

caatinga semi-árida e da flora serrana, com destaque

sempre uma surpresa com águas cristalinas ou areias

para as bromélias, orquídeas e sempre-vivas. Alguns

coloridas, belos morros, flores e hortaliças que

atrativos naturais causam espanto e êxtase, como a

encantam pela beleza e viço. Em Igatu, a curiosidade

Cachoeira da Fumaça e seus 380 metros de queda

se aguça em meio às ruínas da cidade fantasma,

livre ou o deslumbrante Poço Encantado. Mas são

construída com pedras que formam as paredes de

tantas as atrações que se pode optar entre visitar

pequenas grutas.

grutas, tomar banho de cachoeira, fazer trekking em

.

antigas trilhas de garimpeiros, montar a cavalo ou 27

28


Certa espécie de begônia, com sorte, pode ser vista

A species of begonia, with luck, can be seen

sob copas de pau-d’arcos na Chapada Diamantina.

under canopies of stick-Darcos in the Chapada Diamantina.

Sua flor só dura um dia. Mal desabrocha e fenece

Its flower only lasts one day. First erupts and dies

à mercê de uma colheita. Feito a lua que clareia

at the mercy of a crop. Done the moon that brightens the night and morning, we are totally unrelated.

a noite e, pela manhã, nos é totalmente alheia.

A Chapada Diamantina é uma região de serras,

praticar esportes e aventuras. A Chapada abriga, em

situada no centro da Bahia, onde nascem quase todos

seus vales e cumes, comunidades esotéricas e

os rios das bacias do Paraguaçu, do Jacuípe e do Rio

alternativas como no Vale do Capão. Os dois pontos

de Contas. Essas correntes de águas brotam nos

mais altos da Bahia estão na Chapada: o Pico do

cumes e deslizam pelo relevo em belos regatos,

Barbado com 2.080 metros (o mais alto do nordeste)

despencam em borbulhantes cachoeiras e formam

e o Pico das Almas com 1.958 metros. Caminhar

transparentes piscinas naturais.

respirando o ar puro e admirando a paisagem é a principal opção dos turistas de todas as partes que

A vegetação é exuberante, composta de espécies da

visitam, a Chapada. Os lugares verdejantes guardam

caatinga semi-árida e da flora serrana, com destaque

sempre uma surpresa com águas cristalinas ou areias

para as bromélias, orquídeas e sempre-vivas. Alguns

coloridas, belos morros, flores e hortaliças que

atrativos naturais causam espanto e êxtase, como a

encantam pela beleza e viço. Em Igatu, a curiosidade

Cachoeira da Fumaça e seus 380 metros de queda

se aguça em meio às ruínas da cidade fantasma,

livre ou o deslumbrante Poço Encantado. Mas são

construída com pedras que formam as paredes de

tantas as atrações que se pode optar entre visitar

pequenas grutas.

grutas, tomar banho de cachoeira, fazer trekking em

.

antigas trilhas de garimpeiros, montar a cavalo ou 27

28


A Mata Atlântica é hoje o bioma (isto é, o ambiente) reconhecido internacionalmente como o mais prioritário para conservação da biodiversidade no continente americano. Esse reconhecimento se deve a dois fatores em particular: a alta riqueza biológica aliada a significativos níveis de endemismo da fauna e flora (isto é, há muitas espécies animais e vegetais típicas da região e inexistentes em outros locais), e o alto grau de fragmentação dos remanescentes florestais reduzidos a 8% de sua extensão original (ou seja, da Mata original sobraram apenas fragmentos). . A riqueza biológica da Mata Atlântica é comparável àquela dos biomas florestais mais ricos do mundo,

incluindo a Amazônia. A fauna é composta por no mínimo de 261 espécies de mamíferos, 620 de pássaros, além de 260 anfíbios. Destes, 73 mamíferos, 160 pássaros e 128 anfíbios podem ser considerados endêmicos (típicos da área). Por isso a Mata Atlântica brasileira é um dos ecossistemas brasileiros, mais importantes devido principalmente ao alto endemismo e riqueza de espécies. O sul da Bahia é um centro de endemismo de fauna incluindo anfíbios e répteis, aves e mamíferos, especialmente primatas, com espécies endêmicas, raras e ameaçadas.

Quase nada a fazer Tem o hibisco. Aparar borboletas e insetos entreter.

Almost nothing to do Has the hibiscus. Trim butterflies insects and entertain.

Abrir-se pouco a pouco ao barulho do vento, embelezando o verde intenso das folhagens.

Open up little by little the noise of the wind, beautifying the green heavy foliage. After more than a day overly among perfumes and paths,

Ao fim de mais um dia acabar-se, por entre perfumes e caminhos,

walls in sumptuous or simpler barns.

em muros suntuosos ou mais simples celeiros.

Almost nothing to do has the hibiscus Flower I wanted to be.

Quase nada a fazer tem o hibisco Flor poderíamos ser. 29

30


A Mata Atlântica é hoje o bioma (isto é, o ambiente) reconhecido internacionalmente como o mais prioritário para conservação da biodiversidade no continente americano. Esse reconhecimento se deve a dois fatores em particular: a alta riqueza biológica aliada a significativos níveis de endemismo da fauna e flora (isto é, há muitas espécies animais e vegetais típicas da região e inexistentes em outros locais), e o alto grau de fragmentação dos remanescentes florestais reduzidos a 8% de sua extensão original (ou seja, da Mata original sobraram apenas fragmentos). . A riqueza biológica da Mata Atlântica é comparável àquela dos biomas florestais mais ricos do mundo,

incluindo a Amazônia. A fauna é composta por no mínimo de 261 espécies de mamíferos, 620 de pássaros, além de 260 anfíbios. Destes, 73 mamíferos, 160 pássaros e 128 anfíbios podem ser considerados endêmicos (típicos da área). Por isso a Mata Atlântica brasileira é um dos ecossistemas brasileiros, mais importantes devido principalmente ao alto endemismo e riqueza de espécies. O sul da Bahia é um centro de endemismo de fauna incluindo anfíbios e répteis, aves e mamíferos, especialmente primatas, com espécies endêmicas, raras e ameaçadas.

Quase nada a fazer Tem o hibisco. Aparar borboletas e insetos entreter.

Almost nothing to do Has the hibiscus. Trim butterflies insects and entertain.

Abrir-se pouco a pouco ao barulho do vento, embelezando o verde intenso das folhagens.

Open up little by little the noise of the wind, beautifying the green heavy foliage. After more than a day overly among perfumes and paths,

Ao fim de mais um dia acabar-se, por entre perfumes e caminhos,

walls in sumptuous or simpler barns.

em muros suntuosos ou mais simples celeiros.

Almost nothing to do has the hibiscus Flower I wanted to be.

Quase nada a fazer tem o hibisco Flor poderíamos ser. 29

30


A maior baía do Brasil em extensão territorial 1052 km² e também em diversidade cultural, artesanato, história, arquitetura colonial (igrejas, fortalezas, belos solares coloniais e sedes de fazendas) e ecossistemas ricos em belíssimas paisagens, biodiversidade como manguezais, Mata Atlântica remanescente, coqueirais, bananais e recifes de corais onde estão presentes a foz dos Rios Paraguaçu, Jaguaripe, Subaé e inúmeros riachos que desembocam nas águas do oceano Atlântico. Este cenário é sede de diversos trabalhos ambientais como os das Ongs Instituto Mamíferos Aquáticos e ABCRN e deu origem através do Decreto Estadual 7595 (1999) à Área de proteção Ambiental (APA) da Baía de Todos os Santos. ..............................................................

praias paradisíacas de águas calmas e cristalinas.O arquipélago da Baía de Todos os Santos é formado por 56 ilhas tropicais onde se destacam as ilhas de Itaparica (a maior ilha marítima do Brasil), Madre Deus, Maré, Frades, Medo, Bom Jesus dos Passos, Vacas, Maria Guarda, Cajaíba, Cal, São Gonçalo e Matarandiba sendo o uso de embarcações particulares ou escunas o principal meio de transporte para o acesso a estas ilhas.

Menino de rua e a mariposa

Estas embarcações são disponibilizadas principalmente por agências de turismo receptivo que fazem passeios tendo como pontos de embarques diários o Centro Náutico da Bahia, Bahia Marina ou Terminal de Ilha Madre de Deus com o destino principal às ilhas dos Frades, Ilha de Maré, ilha de Itaparica, bem como o Terminal Marítimo de São Joaquim em Salvador que disponibilizam Ferry Boats e Catamarãs para a travessia até o terminal de Bom Despacho em Itaparica.

Seus principais limites são: o Porto da Barra ao Norte (na cidade de Salvador) e a Ponta do Garcês no extremo sul (município de Jaguaripe) e sua área propicia diversas opções para o lazer como o turismo em suas ilhas e

Na água do rio, no mar sem fim, na montanha, no céu sem raias.

In river water, the endless sea mountain, no streaks in the sky.

No astro sol, na voz do vento, no inseto: a vida canta

In the star sun the voice of the wind, in insect: life sings;

vibra na mudez do mundo.

vibrates in dumbness the world. Run the air, sweet music, soul of all.!

Corre os ares, música doce, alma de tudo! 31

32


A maior baía do Brasil em extensão territorial 1052 km² e também em diversidade cultural, artesanato, história, arquitetura colonial (igrejas, fortalezas, belos solares coloniais e sedes de fazendas) e ecossistemas ricos em belíssimas paisagens, biodiversidade como manguezais, Mata Atlântica remanescente, coqueirais, bananais e recifes de corais onde estão presentes a foz dos Rios Paraguaçu, Jaguaripe, Subaé e inúmeros riachos que desembocam nas águas do oceano Atlântico. Este cenário é sede de diversos trabalhos ambientais como os das Ongs Instituto Mamíferos Aquáticos e ABCRN e deu origem através do Decreto Estadual 7595 (1999) à Área de proteção Ambiental (APA) da Baía de Todos os Santos. ..............................................................

praias paradisíacas de águas calmas e cristalinas.O arquipélago da Baía de Todos os Santos é formado por 56 ilhas tropicais onde se destacam as ilhas de Itaparica (a maior ilha marítima do Brasil), Madre Deus, Maré, Frades, Medo, Bom Jesus dos Passos, Vacas, Maria Guarda, Cajaíba, Cal, São Gonçalo e Matarandiba sendo o uso de embarcações particulares ou escunas o principal meio de transporte para o acesso a estas ilhas.

Menino de rua e a mariposa

Estas embarcações são disponibilizadas principalmente por agências de turismo receptivo que fazem passeios tendo como pontos de embarques diários o Centro Náutico da Bahia, Bahia Marina ou Terminal de Ilha Madre de Deus com o destino principal às ilhas dos Frades, Ilha de Maré, ilha de Itaparica, bem como o Terminal Marítimo de São Joaquim em Salvador que disponibilizam Ferry Boats e Catamarãs para a travessia até o terminal de Bom Despacho em Itaparica.

Seus principais limites são: o Porto da Barra ao Norte (na cidade de Salvador) e a Ponta do Garcês no extremo sul (município de Jaguaripe) e sua área propicia diversas opções para o lazer como o turismo em suas ilhas e

Na água do rio, no mar sem fim, na montanha, no céu sem raias.

In river water, the endless sea mountain, no streaks in the sky.

No astro sol, na voz do vento, no inseto: a vida canta

In the star sun the voice of the wind, in insect: life sings;

vibra na mudez do mundo.

vibrates in dumbness the world. Run the air, sweet music, soul of all.!

Corre os ares, música doce, alma de tudo! 31

32


Fundos da Igreja da Praia do Forte, Mata de São João

Localizada na Linha Verde, estrada que liga a Bahia ao Sergipe, a 70 quilômetros de Salvador, a Praia do Forte tem 14 quilômetros, sendo repleta de belezas naturais de encher os olhos e diversas opções de lazer. A orla possui coqueirais, areias claras, recifes e um mar cristalino, cheio de cardumes coloridos. Ao redor, estão atrações imperdíveis, como o Castelo Garcia D´Ávila, primeira construção portuguesa de arquitetura residencial militar no Brasil, a sede nacional do Projeto Tamar e o Instituto Baleia Jubarte. .

estrutura turística, contando com vários resorts, hotéis e pousadas de alta categoria, além de excelentes restaurantes, tanto de culinária típica . baiana quanto de cozinha internacional.

O centrinho da Vila é fechado ao tráfego de veículos e a rua principal, chamada Alameda do Sol, reúne inúmeras lojinhas, restaurantes, bares e cafés em estilo rústico, mas com muito requinte e sofisticação.

Nos meses de maio a junho, é possível encontrar tartarugas marinhas gigantes nadando e entre dezembro e fevereiro se pode participar do emocionante processo de soltar as tartarugas recémnascidas no mar. De julho a outubro, a Praia do Forte recebe as baleias jubarte que encantam a todos.

Em função da grande visitação de turistas do mundo todo, a Praia do Forte possui uma excelente infra-

A Praia do Forte atrai público de todas as idades, pois oferece a prática de esportes náuticos como surfe, windesurf, pesca oceânica e canoagem, além de mergulho para apreciar peixes coloridos nas piscinas naturais, de águas mornas e transparentes, das praias . do “Lord” e “Papa-Gente”.

Para o banhista o mar cálido significa paraíso.

For the swimmer the warm sea means "paradise."

"Um dia de trabalho" pensa o vendedor.

A day's work to the seller. Luck or chance, for the colony fishermen.

Sorte ou azar para a colônia de pescadores.

Love, for her lover. Wave for the surfer.

Amor, para o amante. Onda, para o surfista.

Only the poet deals with the relativity points of view.

Somente o poeta contempla a relatividade dos pontos de vista. 33

34


Fundos da Igreja da Praia do Forte, Mata de São João

Localizada na Linha Verde, estrada que liga a Bahia ao Sergipe, a 70 quilômetros de Salvador, a Praia do Forte tem 14 quilômetros, sendo repleta de belezas naturais de encher os olhos e diversas opções de lazer. A orla possui coqueirais, areias claras, recifes e um mar cristalino, cheio de cardumes coloridos. Ao redor, estão atrações imperdíveis, como o Castelo Garcia D´Ávila, primeira construção portuguesa de arquitetura residencial militar no Brasil, a sede nacional do Projeto Tamar e o Instituto Baleia Jubarte. .

estrutura turística, contando com vários resorts, hotéis e pousadas de alta categoria, além de excelentes restaurantes, tanto de culinária típica . baiana quanto de cozinha internacional.

O centrinho da Vila é fechado ao tráfego de veículos e a rua principal, chamada Alameda do Sol, reúne inúmeras lojinhas, restaurantes, bares e cafés em estilo rústico, mas com muito requinte e sofisticação.

Nos meses de maio a junho, é possível encontrar tartarugas marinhas gigantes nadando e entre dezembro e fevereiro se pode participar do emocionante processo de soltar as tartarugas recémnascidas no mar. De julho a outubro, a Praia do Forte recebe as baleias jubarte que encantam a todos.

Em função da grande visitação de turistas do mundo todo, a Praia do Forte possui uma excelente infra-

A Praia do Forte atrai público de todas as idades, pois oferece a prática de esportes náuticos como surfe, windesurf, pesca oceânica e canoagem, além de mergulho para apreciar peixes coloridos nas piscinas naturais, de águas mornas e transparentes, das praias . do “Lord” e “Papa-Gente”.

Para o banhista o mar cálido significa paraíso.

For the swimmer the warm sea means "paradise."

"Um dia de trabalho" pensa o vendedor.

A day's work to the seller. Luck or chance, for the colony fishermen.

Sorte ou azar para a colônia de pescadores.

Love, for her lover. Wave for the surfer.

Amor, para o amante. Onda, para o surfista.

Only the poet deals with the relativity points of view.

Somente o poeta contempla a relatividade dos pontos de vista. 33

34


Gruta do Bom Jesus da Lapa

O Morro de Bom Jesus da Lapa tem 90 metros de

seu ponto alto no dia 6 de Agosto, quando é

altura e seis grutas; a mais conhecida é a Gruta do Bom

consagrado o santo padroeiro do município. No final

Jesus, diante da qual fica o lago Esplanada da Gruta. A

da tarde, a moçada se reúne na praça Marechal

cidade de Bom Jesus da Lapa é um dos maiores

Deodoro da Fonseca, no centro.

exemplos de fé cristã no Brasil. O município abriga o Santuário de mesmo nome, lugar de romaria há quase trezentos ano.s

Significado do Nome

.

O período de maior movimentação ocorre entre Julho

O nome da cidade vem da gruta Lapa do Morro, onde

e Setembro. Nessa época, mais de 700 mil pessoas

foi colocada a imagem do Bom Jesus.

visitam a cidade. A primeira romaria - da Terra ou das Missões - começa em Julho, quando os peregrinos da região se dirigem ao santuário. Já a romaria ao Bom Jesus - a maior delas - reúne milhares de pessoas a partir de 20 de Julho. A novena começa no dia 28 e tem

Já perguntei ao relógio quanto tempo viveríamos.

I've asked to watch How long would live. The crowns of ipe vibrated. The sun struck the center,

A copa do ipê vibrou, o sol surpreendeu o Centro,

but nothing disturbed the hour. Even the rays delivered

mas nada perturbou a hora. Sequer os raios livraram

my burning forehead.

a nossa face escaldante.

35

36


Gruta do Bom Jesus da Lapa

O Morro de Bom Jesus da Lapa tem 90 metros de

seu ponto alto no dia 6 de Agosto, quando é

altura e seis grutas; a mais conhecida é a Gruta do Bom

consagrado o santo padroeiro do município. No final

Jesus, diante da qual fica o lago Esplanada da Gruta. A

da tarde, a moçada se reúne na praça Marechal

cidade de Bom Jesus da Lapa é um dos maiores

Deodoro da Fonseca, no centro.

exemplos de fé cristã no Brasil. O município abriga o Santuário de mesmo nome, lugar de romaria há quase trezentos ano.s

Significado do Nome

.

O período de maior movimentação ocorre entre Julho

O nome da cidade vem da gruta Lapa do Morro, onde

e Setembro. Nessa época, mais de 700 mil pessoas

foi colocada a imagem do Bom Jesus.

visitam a cidade. A primeira romaria - da Terra ou das Missões - começa em Julho, quando os peregrinos da região se dirigem ao santuário. Já a romaria ao Bom Jesus - a maior delas - reúne milhares de pessoas a partir de 20 de Julho. A novena começa no dia 28 e tem

Já perguntei ao relógio quanto tempo viveríamos.

I've asked to watch How long would live. The crowns of ipe vibrated. The sun struck the center,

A copa do ipê vibrou, o sol surpreendeu o Centro,

but nothing disturbed the hour. Even the rays delivered

mas nada perturbou a hora. Sequer os raios livraram

my burning forehead.

a nossa face escaldante.

35

36


Emana de qual desejo - flutuando pelo ar -

Which emanates from the desire - Floating through the air -

essas notas amadeiradas que se derramam por toda a Bahia?

Nego Fugido, Vila de Acupe de Santo Amaro

these woody notes pouring forth throughout Bahia? If we listen to the song of fallen trees,

Se ouvirmos a canção das árvores caídas*,

sigh in the windows of our homes.

suspiraremos nas janelas das nossas casas.

* referência à árvore de Obí Kolá, também conhecida como árvore de Kola, originária do oeste da África e trazida para as américas pelos escravos cubanos. O fruto da árvore de Kola, o obí, é bastante utilizado em rituais do candomblé. * Reference to the tree of Obi Kola, also known as kola tree, originating in West Africa and brought to the Americas by slaves in Cuba. The fruit of the tree Kola, the obi is widely used in rituals of Candomblé.

Nego Fugido é uma tradição de Acupe, distrito de Santo

apresentação é comandada pelos sons dos atabaques

Amaro (BA) que relembra anualmente a história dos

Essa tradição surgiu alguns anos depois da libertação

antigos escravos da região. Durante a festa, as ruas

dos escravos, no final do século XIX, com pescadores

dessa cidade, que foi uma das maiores regiões

que viveram ou eram descendentes de pessoas que

escravocratas da Bahia, recebem os participantes com

passaram

rostos pintados com pasta de carvão e a boca bem

encenação do Nego Fugido, os antigos moradores

vermelha de tinta, encenando a história da escravidão

preparavam uma grande feijoada para a comunidade,

até a alforria dos negros.

promovendo assim um espaço de lazer e convivência,

Nas apresentações são retratados personagens como o

além da valoração da cultura e história local, reforçando

capitão do mato, os senhores de engenho e o rei, além

a identidade de Acupe.

dos escravos. Tudo começa com a fuga dos negros em

Essa tradição passou por um período de quase

busca da liberdade. Na sequência, surgem os capitães do

desaparecimento entre as décadas de 70 e 80, sendo

mato, vestidos com seus coletes de couro e saia de

apresentadas em poucas ocasiões. Porém em 1987,

folhas secas de bananeira, caçando os escravos fugidos,

graças a Florisvaldo Lima de Paiva, com a participação de

capturando-os depois de muita luta e levando-os para a

Valdeci Santana dos Santos e Edna Bulcão, que

cadeia. Ao longo do caminho, os presos pedem dinheiro

buscaram oralmente as informações, o Nego Fugido

para o público para comprarem sua alforria. Toda essa

passou a ser reencenado anualmente. 37

pelo período de escravidão. Após a

38


Emana de qual desejo - flutuando pelo ar -

Which emanates from the desire - Floating through the air -

essas notas amadeiradas que se derramam por toda a Bahia?

Nego Fugido, Vila de Acupe de Santo Amaro

these woody notes pouring forth throughout Bahia? If we listen to the song of fallen trees,

Se ouvirmos a canção das árvores caídas*,

sigh in the windows of our homes.

suspiraremos nas janelas das nossas casas.

* referência à árvore de Obí Kolá, também conhecida como árvore de Kola, originária do oeste da África e trazida para as américas pelos escravos cubanos. O fruto da árvore de Kola, o obí, é bastante utilizado em rituais do candomblé. * Reference to the tree of Obi Kola, also known as kola tree, originating in West Africa and brought to the Americas by slaves in Cuba. The fruit of the tree Kola, the obi is widely used in rituals of Candomblé.

Nego Fugido é uma tradição de Acupe, distrito de Santo

apresentação é comandada pelos sons dos atabaques

Amaro (BA) que relembra anualmente a história dos

Essa tradição surgiu alguns anos depois da libertação

antigos escravos da região. Durante a festa, as ruas

dos escravos, no final do século XIX, com pescadores

dessa cidade, que foi uma das maiores regiões

que viveram ou eram descendentes de pessoas que

escravocratas da Bahia, recebem os participantes com

passaram

rostos pintados com pasta de carvão e a boca bem

encenação do Nego Fugido, os antigos moradores

vermelha de tinta, encenando a história da escravidão

preparavam uma grande feijoada para a comunidade,

até a alforria dos negros.

promovendo assim um espaço de lazer e convivência,

Nas apresentações são retratados personagens como o

além da valoração da cultura e história local, reforçando

capitão do mato, os senhores de engenho e o rei, além

a identidade de Acupe.

dos escravos. Tudo começa com a fuga dos negros em

Essa tradição passou por um período de quase

busca da liberdade. Na sequência, surgem os capitães do

desaparecimento entre as décadas de 70 e 80, sendo

mato, vestidos com seus coletes de couro e saia de

apresentadas em poucas ocasiões. Porém em 1987,

folhas secas de bananeira, caçando os escravos fugidos,

graças a Florisvaldo Lima de Paiva, com a participação de

capturando-os depois de muita luta e levando-os para a

Valdeci Santana dos Santos e Edna Bulcão, que

cadeia. Ao longo do caminho, os presos pedem dinheiro

buscaram oralmente as informações, o Nego Fugido

para o público para comprarem sua alforria. Toda essa

passou a ser reencenado anualmente. 37

pelo período de escravidão. Após a

38


Ouvi dizer que da folha de palma se faz um prato muito saboroso.

I heard that palm leaf it makes a very tasty dish.

Nos pequenos pedaços mergulhados em azeite de dendê, encontra-se

In small pieces dipped in palm oil, is the soul of backcountry cookery. Made of the plant that takes the cattle.

a arte da culinária sertaneja. Feita da planta que se dá ao gado.

A história do município de Castro Alves começa no

Estadual de 22 de junho de 1893.

século XVIII, quando a então sesmaria de Aporá foi

A cidade recebeu o nome de Castro Alves em 1900, em

desmembrada em duas, sendo uma delas doada a

homenagem ao Poeta dos Escravos, nascido na então

João Evangelista de Castro Tanajura, que, para

Fazenda Curralinho.

colonizá-la, distribuiu terras com a condição de que os beneficiários iniciassem plantações e construíssem

A palma

moradias e currais. Uma das suas históricas construções, a Fazenda

A palma é uma planta que exige solo de qualidade

Curralinho, erguida pelo capitão Antônio Brandão

para ter bom rendimento, ou seja, árido porém fértil.

Pereira Marinho Falcão, deu origem ao local onde

Solo específico da região do recôncavo.

hoje está situada a sede de Castro Alves. Devido à sua posição como parada obrigatória de

Em média, cada vaca consome aproximadamente 50

tropeiros que viajavam do Recôncavo para a região de

kg de palma por dia, ou seja, 5 kg de matéria seca.

Rio de Contas e para as Minas Gerais, a área acabou conquistando rápido progresso. Por Lei Provincial de 26 de junho de 1880, tendo a denominação de Vila de Curralinho, o município foi criado com território desmembrado de Cachoeira. A sede foi elevada à categoria de cidade através de Lei

39

40


Ouvi dizer que da folha de palma se faz um prato muito saboroso.

I heard that palm leaf it makes a very tasty dish.

Nos pequenos pedaços mergulhados em azeite de dendê, encontra-se

In small pieces dipped in palm oil, is the soul of backcountry cookery. Made of the plant that takes the cattle.

a arte da culinária sertaneja. Feita da planta que se dá ao gado.

A história do município de Castro Alves começa no

Estadual de 22 de junho de 1893.

século XVIII, quando a então sesmaria de Aporá foi

A cidade recebeu o nome de Castro Alves em 1900, em

desmembrada em duas, sendo uma delas doada a

homenagem ao Poeta dos Escravos, nascido na então

João Evangelista de Castro Tanajura, que, para

Fazenda Curralinho.

colonizá-la, distribuiu terras com a condição de que os beneficiários iniciassem plantações e construíssem

A palma

moradias e currais. Uma das suas históricas construções, a Fazenda

A palma é uma planta que exige solo de qualidade

Curralinho, erguida pelo capitão Antônio Brandão

para ter bom rendimento, ou seja, árido porém fértil.

Pereira Marinho Falcão, deu origem ao local onde

Solo específico da região do recôncavo.

hoje está situada a sede de Castro Alves. Devido à sua posição como parada obrigatória de

Em média, cada vaca consome aproximadamente 50

tropeiros que viajavam do Recôncavo para a região de

kg de palma por dia, ou seja, 5 kg de matéria seca.

Rio de Contas e para as Minas Gerais, a área acabou conquistando rápido progresso. Por Lei Provincial de 26 de junho de 1880, tendo a denominação de Vila de Curralinho, o município foi criado com território desmembrado de Cachoeira. A sede foi elevada à categoria de cidade através de Lei

39

40


Olhar Poetico