Page 1

Outubro 2015 Edição 19

Arts Travel Fashion Health Food Business JUST EVERYTHING THAT REALLY MATTERS

Gabriel THE MAN BEHIND THE SUIT

OUT 2015 EDIÇÃO 19 R$ 20.00 US$ 6.99


O designer de moda americano, Zac Posen, conversou com a Lifestyle durante a semana de moda de NY. A entrevista você confere no nosso site. No site, confira os bastidores da capa com Gabriel Macht

L I F E ST Y L E M AG A Z I N E

VEJA O MUNDO PELOS OLHOS DA LIFESTYLE, SUA REFERÊNCIA ONLINE PARA O UNIVERSO COOL

Sob o comando de Sam Buffa, conhecido por treinar os melhores talentos do ramo, a Fellow Barber ressuscitou a demanda pelo serviço de barbearias em NY e fez com que mais profissionais se especializassem em fazer a barba de modo tradicional, com lâminas.

No começo do mês e no auge da NYFW, a ECG - Evol Content Group, que publica a Lifestyle Mag e também produz títulos customizados, apresentou o primeiro jornal de bordo do Uber no mundo. Na capa, ninguém melhor que Olivia Palermo Aproveitamos a semana de moda em Milão para curtir a capital italiana. No site, nosso primeiro artigo do “A Day in...” com dicas para curtir um sábado prazeroso na cidade.

@ L I F E ST Y L E M AG / L I F E ST Y L E M AG B R / L I F E ST Y L E M AG B R / L I F E ST Y L E M AG

14

Outubro 2015


summary/contents

149

148 14. ONLINE 22. EXPEDIENTE 25. COLABORADORES 27. EDITORIAL

Fashion 39. DAVID BELLEMERE 46. JEANNE SIGNOLES 50. ANYA HINDMARCH 52. DOVER STREET MARKET

Travel 68. CERESIO 7 78. CASTEL PARIS 80. COPENHAGUE 89. MARLTON & MARGAUX

16

Outubro 2015

Interview 92. GABRIEL MACHT

Business 106. AIRBNB 108. CIPRIANI 110. ANA RAIA

Mixer 114. FINOLHU VILLAS 118. NAKED HEART 120. ELISA SEDNAOUI 121. ARISTOTLE ONASSIS


summary/contents

115

126 Design

Food

124. NICOLE COHEN 125. VINCENZO DECOTIIS 126. AUTOBAN 128. HUDSON FURNITURE

148. GOOD LIFE EATERY 150. MAST BROTHERS 152. GORDON RAMSAY 153. ESPECIAL TRUFAS

Art 133. JESS GLYNNE 134. JOJO ANAVIM 137. SLIM AARONS

Outubro 2015 Edição 19

Health 141. ANCIENT BATHS 142. ALEXANDER VREELAND 144. BOXING PLUS

Gabriel OUT 2015 EDIÇÃO 19 R$ 20.00 US$ 6.99

18

Outubro 2015


Cover

ON THE COVER

UM HOMEM DISCRETO QUE MANTÉM SUA VIDA PESSOAL LONGE DAS CÂMERAS, GABRIEL MACHT CONVERSA CONOSCO EM EXCLUSIVA SOBRE SUAS INSPIRAÇÕES E SEU TRABALHO, ALÉM DE POSAR PARA UM EDITORIAL SOB AS LENTES DE JUSTIN COIT, STYLING DE LIZETTE PENA E BEAUTY POR DUSTY STARK.

20

Outubro 2015


PUBLISHER & EDITORIAL DIRECTOR CLAUDIA RIBEIRO

PROJETO GRÁFICO

INSIDERS ALEXANDRA LORAS, ANA RAIA, ANDERSON SANTIAGO, ANDRÉIA MENEGUETE, ANNA BARROSO, CARLOS SAVIANI, JOÃO BRAGA, JOÃO FREIRE, LISA SILVERMAN, LUANA FIENNES, MARIANA AMARAL, MARIANA MENEGHEL, NATALIE GEE, RONALDO ALBANESE

MARCOS SAVIANI

DESIGNER NATÁLIA DURÃES

CONTEÚDO CAMILA KHERLAKIAN

EXECUÇÃO BEATRIZ SACRAMENTO PRISCILA SCHUMANN

CONTEÚDO ONLINE HANNAH CHEQUER-QUEIROZ

ASSISTENTES

EDIÇÃO PATI AMOROSO

BEATRIZ CAVALIERI MARIANA COSTA

REVISÃO

TRATAMENTO DIGITAL

ROMEO COSTA

FUJOCKA

CAPA

PRÉ-IMPRESSÃO IMPRESSÃO E ACABAMENTO

JUSTIN COIT LIZETTE PENA DUSTY STARK

MAISTYPE TEL. + 55 11 3879-5591

PUBLICADA POR

WWW.ECG.BR.COM

FOUNDERS CLAUDIA RIBEIRO E MARCOS SAVIANI

SAO PAULO AV. MAGALHÃES DE CASTRO, 4800 PARK TOWER 14TH SÃO PAULO 05502-001 PHONE +55 11 3750-2830

NEW YORK 110 EAST 25TH STREET MANHATTAN NEW YORK NY 10010 PHONE +1 917 683-2345

REVISTA LIFESTYLE MAGAZINE É UMA PUBLICAÇÃO BIMESTRAL DA ECG - EVOL CONTENT GROUP LLC

A REVISTA LIFESTYLE MAGAZINE NÃO SE RESPONSABILIZA PELOS CONCEITOS EMITIDOS NOS ARTIGOS ASSINADOS. É VEDADA A REPRODUÇÃO PARCIAL OU TOTAL DE QUALQUER CONTEÚDO SEM AUTORIZAÇÃO EXPRESSA. AS PESSOAS QUE NÃO CONSTAM NO EXPEDIENTE NÃO TÊM AUTORIZAÇÃO PARA FALAR EM NOME DA REVISTA LIFESTYLE MAGAZINE.

22

Outubro 2015


Our Insiders

3.

4.

6.

11.

7. 12.

8.

10.

1.

9.

2.

1.

5.

6.

11.

7.

MARIANA MENEGHEL Idealizadora da marca MAMEG, a empresária e estilista sabe receber como ninguém

8.

9.

12.

JUSTIN COIT Justin Coit é um fotógrafo de moda e celebridades sediado em Los Angeles

Outubro 2015

JOÃO BRAGA Mestre em história da ciência pela PUC-SP e especialista em história da moda pela Esmod de Paris, João é curador, palestrante e autor.

CARLOS SAVIANI Vice presidente da WWF-U, lidera os esforços da organização para promover produção e consumo sustentável.

LUANA FIENNES Empresária do ramo do fitness, é formada em Ciências Empresariais na Espanha com Masters em Gerenciamento de empresas em Bath, Inglaterra.

Anna usa o espaço de seu blog para fazer sua leitura sobre a moda atual.

MARIANA AMARAL Com MBA em construção de marcas de Luxo, Mariana Amaral está à frente da maior agência de comunicação do Brasil especializada em design, arquitetura e décor.

ANNA BARROSO

NATALIE GEE Ao perceber que nenhuma empresa de cosméticos trabalhava sob o lema “beauty-on-the-go”,
 resolveu atender as necessidades de homens e mulheres com a abertura da Gee Beauty.

JOÃO FREIRE Referência em consultoria de imagem e estilo, João tem como marca registrada a sofisticação aliada à simplicidade

ALEXANDRA LORAS Consulesa da França em São Paulo, dedica seu tempo promovendo a inclusão social.

4.

10.

LISA SILVERMAN Fundadora da These Fine Walls, uma curadoria com galeria de arte contemporânea de fotógrafos do mundo todo.

3.

13.

COLIN HUGHES O jovem fotógrafo de moda está sediado na Big Apple, mas segue influências europeias devido à sua cidadania francesa.

2.

5.

13.

ANA RAIA À frente da Raia Coaching, a empresária investe
seu tempo ajudando pessoas
na conquista de autoconfiança
e potencial.

25


Editorial

A cidade concreta de sonhos abstratos nunca esperou a primavera para florescer: Nova York tem suas estações à la carte, e aqui cada um tem o verão – ou o inverno – que lhe cabe, sempre ao ponto. Nós da ECG, que sentimos na pele todas as etapas, tivemos a sorte e a competência de ver e fazer o sol brilhar forte no Norte que traçamos para a empresa. Agora colhemos, em pleno outono americano, os frutos (e as flores!) dos nossos esforços e persistência: assinamos o primeiro jornal do Uber no mundo e vemos aumentar nossa presença e relevância no universo online, que transborda conteúdo, mas carece – ou carecia, no caso – de uma curadoria que respeitasse a curiosidade do leitor internacional. Não sem dor, abrimos mão de raízes fixas para semear um pouco do que somos e acreditamos no mundo, sobretudo nesse campo fértil nova yorkino, e não poderíamos ter acertado mais em uma decisão, porque é justamente essa liberdade que nos permite garimpar com exclusividade algumas das histórias e pessoas mais incríveis que recheiam as páginas da Lifestyle, o nosso portal e todas as outras revistas que produzimos. Nesta edição tivemos a chance de semear um bocado da nossa curiosidade em Los Angeles, que nos retribuiu com um encontro pra lá de especial com o sempre educado Gabriel Macht, que estampa a nossa capa. O astro da série Suits vai na contramão de Hollywood e se mostra bastante reservado – mas desabrochou um pouco de seus segredos e sua rotina durante a nossa conversa, cujo resultado você confere na página 92. Mais uma vez, leitor, espero que o conteúdo a seguir faça brotar em você essa vontade contagiante de querer experimentar o lado mais doce da vida. Uma ótima leitura, FOTO COLIN HUGHES, MAKE TORU SAKANISHI , HAIR TAKUYA YAMAGUCHI

New York, New York

Earth laughs in flowers

CLAUDIA RIBEIRO PUBLISHER/DIRETORA EDITORIAL

@CLAURIBEIRO

Outubro 2015


I ’ M A L L YO U R S ! ANY WAY YOU WANT ME

Outubro 2015 Edição 19

Outubro 2015 Edição 19

Gabriel Gabriel

P O R T U G U E S E A N D E N G L I S H V E R S I O N S AVA I L A B L E F O R D O W N L O A D O N T H E A P P L E N E W S S TA N D A N D G O O G L E P L AY


Style Fashion Moments

Outubro 2015

37


Fashion

N E W S

N

E

W

S

Fashion

POR ANNA BARROSO

Strike a pose Talvez você não saiba exatamente quem ele é, mas já deve ter se impressionado com suas fotos em algum momento ao se deparar com uma campanha de moda pelas ruas. O francês David Bellemere é um dos expoentes máximos no universo da fotografia contemporânea e o queridinho entre as editoras de moda e fashionistas mais badaladas. O motivo? Sabe explorar de um jeito único a beleza feminina na sua essência, envolvendo sempre, entre um clique e outro, uma dose de sensualidade, graciosidade e delicadeza, tudo com equilíbrio e sofisticação. “Eu mostro as mulheres como eu gostaria de vê-las. Ser impressionado pela beleza é aprender a amar sem explicar. O erotismo pode ter diferentes níveis de leitura, e isso me fascina”. Nos shootings de Bellemere brincar com os efeitos da luz natural é o que determina o seu trabalho. As imagens feitas ao longo de sua carreira ganharam proporções maiores e estão prestes a virar um livro. “Atualmente, estou trabalhando na produção desse material e a maior dificuldade está justamente em escolher quais fotos vão compor as páginas do livro”.

BY THE BOOK Com colaborações de Sofia Coppola e Pedro Almodóvar, el señor Blahník, um dos ícones mais influentes da moda contemporânea, acaba de lançar um livro documentando 250 inspirações de seu design singular e escultural pela Rizzoli.

V E R AWA N G . C O M

AO MESMO TEMPO QUE AS NOIVAS TEM SEU DIA DE PRINCESA, A NOITE PROMETE SER MUITO MAIS, DIGAMOS, TÓRRIDA. PARA A PRÓXIMA TEMPORADA, A MELHOR AMIGA DAS NOIVAS VERA WANG, TROUXE ÀS PASSARELAS VESTIDOS SIMPLESMENTE PERFUMADOS POR UM AROMA SEXY. TRABALHANDO A RENDA, SEDA E CETIM, O FOCO ESTÁ NA MOLDURA DO CORPO DA NOIVA, UH LA LA. . 38

Outubro 2015

O livro nos dá acesso às influências por trás da sua visão artística, de musas como Maria Antonieta na arte, filmes e literatura.

FOTOS MICHAEL ROBERTS, DIVULGAÇÃO

Sexy Wang

M A N O LO B L A H N I K . CO M

“SOU UMA PESSOA SEDUZIDA POR FOTOGRAFIAS QUE TRABALHAM DIFERENTES NUANCES.” T H O M A S T R E U H A F T. C O M

39

Outubro 2015


Fashion

F

E

A T

U

R

E

F

E

A T

U

R

E

Fashion POR JOÃO BRAGA

The Glimmer in Every Look ENQUANTO AS CASAS JOALHEIRAS QUEREM MANTERSE NO MERCADO ATUALIZANDO-SE AO TEMPOS; NOVOS DESIGNERS SURGEM COM IDEIAS SURPREENDENTES PARA DESENHAREM ESTES NOVOS TEMPOS Falar sobre jóias é, na maioria das vezes, falar sobre algo que nos oferece experiências estéticas provocando-nos ao mesmo tempo encantamento, surpresas e satisfações. O ser humano nasceu desprovido de enfeites naturais e, portanto, sentiu necessidade de se adornar. Com isso, ao enfeitar-se, manteve relações e diálogos com a natureza, com seu semelhante e com o sobrenatural. Os ornamentos são verdadeiras narrativas históricas e, em sendo jóias, tornam-se duplamente preciosos. Carregam consigo uma história e, consequentemente, uma memória, pois narra um tempo, uma cultura, um povo, uma técnica, um gosto, uma família e, até mesmo, uma única pessoa, seja ela o designer e/ou o usuário. Sendo assim, acaba tendo um valor simbólico. Por retratar o ar de um tempo, adquire também valor estético favorecendo emoções e satisfazendo desejos. Por usar materiais preciosos e ser um objeto estimado ganha valor material. E, no somatório destas três formas de valorização ganha também, por extensão, valor histórico, contando-nos um pouco da memória e da alma dos homens e da humanidade. Uma jóia normalmente atrai nossa atenção e costuma nos sensibilizar. Aspectos que envolvem conhecimento histórico, reconhecimento de padrões estéticos, beleza e domínio técnico são

indispensáveis na sua elaboração, que são únicas e delicadas. Cada vez mais presentes e marcantes nos fazeres artísticos, as jóias contemporâneas reinventam-se em imaginação, inovação, criatividade, materiais e formas. De uma maneira geral, os quatro focos aqui apresentados têm pontos em comum que convergem tanto para os aspectos de tradição (história pessoal ou de família) quanto para as inovações (valores contemporâneos sem perder as autorreferências): Jean Thierry Besins e Sabine Ghanem como designers autônomos; e Lucrezia Bucellati e Christian Hemmerle como designers de suas respectivas casas joalheiras de família Enquanto as casas joalheiras precisam e querem manter-se no mercado atualizando-se ao longo do tempo, novos designers surgem com ideias surpreendentes, sofisticadas, vivazes e diferentes para desenharem estes mesmos novos tempos. Todos buscam, além da criatividade, a valorização do trabalho manual e autoral, a qualidade excepcional na execução das peças e o uso de metais preciosos e pedras em riquíssimas variações de formas e cores proporcionando-nos (leitores ou clientes) uma verdadeira experiência estética por intermédio de inovações, criatividade e harmonia, sejam tendenciosas ao barroquismo ou ao minimalismo. Deleitemo-nos então.

Outubro 2015

41


Fashion

F

E

A T

U

R

E

F

E

A T

U

R

E

Fashion

HEMMERLE Segundo o próprio Christian Hemmerle, “a joalheria é onde minha paixão e meu coração estão”. Christian é da 4ª geração da família que trabalha no setor. Suas jóias nos proporcionam grande prazer visual, pois são inovadoras em conceito e formas. Sua coleção inspirada na fauna a na flora desencadeou uma série de “legumes” em metal e pedras preciosas de tamanha criatividade que encanta a todos não só pela sutileza e graciosidade estéticas como também pelo preciosismo do domínio técnico. Exuberância e delicadeza juntam-se em formas e cores para valorizar o que a natureza nos deu em estado bruto. HEMMERLE.COM

BULLIONY Jovem e completamente ligado às atitudes contemporâneas, Jean Thierry, além de esportista, atua como designer de joias. Sua Bulliony (barra de ouro como pingente que pode ser personalizado por cada usuário) ganhou identidade e prestígio, inclusive passando a ser o nome da sua própria empresa.

LUCREZIA BUCCELLATI Trata-se de um dos trabalhos mais preciosos, primorosos e delicados no setor da alta joalheria. Fundada em 1929 a milanesa Buccellati adorna membros da realeza espanhola e o Papa.

42

Depois do sucesso inconfundível de Mario Bucellati (1891-1965), Lucrezia não se bastou em herdar o sobrenome e talento da família. Aprofundou-se no estudo de gemas, artes e moda, e hoje representa a quarta geração. “Usamos ferramentas de traços específicos para a lapidação de nossas peças que fazem a luz refletir de uma forma espetacular dando ao metal um inimitável efeito suave como a seda. Nossos artesãos, se apoiam em almofadas de areia para não transferirem o peso de seu corpo e especificamente as mãos ao meticuloso trabalho. “ Casada com o famoso colecionador de arte David Wildesntein , ela conta em entrevista exclusiva à LM sobre uma de suas coleções favoritas: “A Timeless Blue que foi inspirada em artistas como Monet, Bonnard, Homer, Larionov e Redon” B U C C E L L AT I . C O M

Outubro 2015

FOTOS DIVULGAÇÃO

B U L L I O N Y. C O M

Originais, criativas, inusitadas e surpreendentes são adjetivações muito apropriadas para as jóias do designer Christian Hemmerle.Outubro 2015

43


Fashion POR JOÃO FREIRE

N

E

W

S

N E W S

Fashion

O IMPERADOR DO CASHMERE, BRUNELLO CUCINELLI LANÇA UMA LINHA MODERNA PORÉM CLÁSSICA E ELEGANTE DE UM DOS ITENS MAIS IMPORTANTES DE QUALQUER CLOSET.

Nos tempos de Júlio César, roupas eram consideradas bens (principalmente as que tinham pérolas bordadas). E desde aquela época as peças feitas de cashmere, carregam uma história fascinante. Documentos relatam que aristocratas romanos já usavam estolas provenientes da Caxemira e da Índia, e que xales eram mais caros que os cavalos usados nas carruagens. Um bom cashmere tem características inatas. São provenientes das cabras Hircus, criadas entre as regiões do Afeganistão, India, China e Mongólia. A extração é pontual, sempre no mesmo mês, pois os pelos crescem até os dias que são mais curtos e simplesmente param de crescer quando os dias se tornam mais longos, no mês de Maio. Da garganta até o abdômen é retirado uma pequenina porção que varia de 200 a 250gr. Na superfície, que podemos ver e tocar, encontramos a lã grossa (que não é aproveitada), finalmente abaixo dela, podemos sentir a chamada “undercoat” a lã virgem e extremamente macia que nos proporciona o mais puro cashmere. B R U N E L LO C U C I N E L L I . CO M

44

Outubro 2015

FOTOS DIVULGAÇÃO

A Must in Every Walk-in

Outubro 2015

45


Fashion

N

E

W

S

UNIFORME BÁSICO Jeanne Signoles era uma estudante de economia, mas após casar-se com Alex Signoles, herdeiro da Goyard, mudou sua direção profissional, começando a atuar como designer da marca da família em Carcassonne, local onde as trunks centenárias são produzidas. Dez anos se passaram e sentindo a necessidade de peças funcionais e minimalistas, ela decidiu criar sua própria label. A L/Uniform, que vem em uma belíssima primeira coleção de maletas, mochilas e bolsas, inspirados em mulheres e necessidades reais. Um dos modelos por exemplo, foi inspirado em sua mãe que adora ir ao mercado, outra em amigas que gostam de sair bem arrumadas mas devem carregar os brinquedos dos filhos a tira colo. Sucesso garantido na vida de qualquer mulher moderna, a LM te adianta o mapa da mina: a Sra. Signole já tem seu espaço super exclusivo no sétimo andar da badalada e trendy Dover Street Market em New York, escolha a sua.

FOTOS DIVULGAÇÃO

LUNIFORM.COM

46

Outubro 2015


N

E

W

S FOTOS DIVULGAÇÃO

Fashion

Heels are Not Allowed

C E C I L I A B R I N G H E L I C O N TA À L M , S UA B E M S U C E D I DA J O R N A DA AO C O N S T R U I R U M A DA S L I N H A S M A I S L U X U O S A S D E S A PAT O S D O M U N D O C B M A D E I N I TA LY. C O M

Como surgiu a ideia de criar seus produtos? Quando criança, eu observava minha mãe usando calçados baixos e elegantes do tipo oxfords e mocassins. Seguindo esse estilo, criei uma linha de calçados elegantes, mas sem salto. A escassez desse tipo de simplicidade chique hoje em dia é o que me motivou a lançar minha marca. Em parceria com o meu irmão mais velho, Lorenzo, lançamos primeiro um simples sapato modelo slip-on, uma reminiscência do mocassim. Como a sua herança italiana influencia a sua visão criativa? Ter crescido na Itália e estar constantemente cercada por tanta história, certamente influenciou o meu trabalho. Também o fato de ter passado os verões em Positano me trouxe ideias simples e despretensiosas em relação à elegância. Além disso, ter crescido em Milão, uma cidade de negócios elegante e rápida, me inspirou a produzir sapatos que fossem ótimos para momentos de lazer e de trabalho. Qual é o segredo do seu sucesso? Você atingiu o seu maior sonho? A determinação é certamente a primeira coisa a se ter em mente. Acredito que o sucesso não é algo que tem escala mas algo que você tem que buscar continuamente em um nível pessoal. Outra coisa essencial é amar o que você faz. Para mim, o segredo é tentar abordar as coisas com a quantidade certa de coragem e loucura, e equilibrá-las com a quantidade certa de muito trabalho e experiência. Contudo, ainda tenho o sonho de conhecer o homem com quem eu queira criar uma família. Pretendentes, e-mails à Lifestyle por favor. 48

Outubro 2015


Fashion

P

R

O

F

I

L

E

P

NA FOTO ELA PARECE BEM SÉRIA, MAS A BRITÂNICA ANYA HINDMARCH REVOLUCIONA A MODA COM O AR “LETS HAVE FUN” EM SUAS CRIAÇÕES

FOTOS DIVULGAÇÃO

A N YA H I N D M A R C H . C O M

50

Outubro 2015

Desde a realização da sua primeira bolsa confeccionada, Anya Hindmarch se aproximou de cada projeto com criatividade e humor, que hoje tornaram-se sinônimos da marca. Os últimos 25 anos foram de total destaque para seus produtos, que incluem um repertório na Semana de Moda de Londres e pop-ups em algumas das mais renomadas lojas do mundo todo, incluindo a Selfridges em Londres e a Collete em Paris. A designer acabou cativando os olhos do público mais fashionista e influente entre o mundo da moda, como as modelos e it-girl Alexa Chung e Kate Moss. Artesanato, material impecável e personalização se unem para dar vida ao sucesso global de Anya Hindmarch. Essa sua forma de trabalhar é a melhor maneira de reconectar o artesão com o cliente, e como a própria Anya diz, “o produto deve ter o seu nome, não o meu”. Hoje com mais de 40 lojas espalhadas pelo mundo, ela consegue manter a singularidade e apelo de uma marca de nicho, atendendo à todas as necessidades de seus clientes. Desde 1987, Anya vem construindo seu nome e encontrando seu próprio espaço entre

R

O

F

I

L

E

Fashion

STICKING IT TO FASHION os nomes da moda. A originalidade de seu trabalho e os detalhes impecáveis em cada traço que sai do papel para as lojas, faz da marca uma das maiores demandas no mercado. A escolha é totalmente sua! É só escolher e aplicar. Além dos milhares de stickers, você ainda pode fazer a personalização gravando mensagens com sua própria caligrafia. Ou seja, praticamente customizado para cada cliente. O que começou com sacos e sacolas – para satisfazer todos os papeis que a mulher desempenha - hoje apresenta artigos de couro feitos a mão com todo detalhamento e cuidado para tornar cada peça única e alcançar todos os mais variados gostos. Os stickers viraram sua marca registrada e o carisma de cada um deles permitem ao cliente explorar a imaginação e contar sua própria história. Além de fazerem sucesso na terra, as criações da designer alcançaram as nuvens, ganhado versões especiais para necessaires oferecidas na primeira classe da British Airways, feitas em couro e acompanhadas de commodities de beleza à altura, um item-desejo disputado a cada voo. Outubro 2015

51


Fashion

B

DOVER STREET MARKET

A C

K

S

T A G

E

TALK OF THE TOWN ENTRE OS FASHIONISTAS, O DOVER STREET MARKET COMPLETA 10 ANOS DE HISTÓRIA E É A MELHOR OPÇÃO PARA QUEM VALORIZA DESIGN E CRIATIVIDADE QUANDO O ASSUNTO É MODA

FOTOS DIVULGAÇÃO

Com a proposta de seduzir o cliente por meio de um ambiente exótico e cheio de espaços a serem explorados, o Dover Street Market é o destino dos fashionistas que querem mais que uma peça de roupa. Criado em 2004 pela japonesa Rei Kawakubo, que também é o nome por trás da Comme Des Garçon, e pelo executivo Adrian Joffe, o espaço que antes ocupava o agitado bairro de Mayfair, agora leva centenas de pessoas para o antigo prédio da Burberry no Haymarket, no sul de Londres. Um mix de caos e estética, o hotspot impressiona os visitantes a cada passo por reunir em um só lugar, além das criações de Comme Des Garçon, diferentes marcas e estilistas. E não se assuste se por lá você se deparar com Karl Lagerfeld, Marc Jacobs e Nicolas Ghesquiere, grandes admiradores dessa nova forma de vender moda. A ideia foi tão bem-aceita, que a casa ganhou filiais em Tóquio, Beijing e Nova Iorque.

D O V E R S T R E E T M A R K E T. C O M

52

Outubro 2015


Fashion

O

P

I

N

I

O

N

POR JOÃO BRAGA

History’s Male Femininity

C O M R O U PA G E N S E C O M P O R TA M E N T O S N O V O S D E AC O R D O C O M O S E S P Í R I TO S DA É P O C A E , SENDO ASSIM, OS HOMENS MARCAM PRESENÇA NA H I S T Ó R I A DA M O DA

Nascido desprovido de enfeites naturais e percebendo que os machos de outras espécies eram bem mais vistosos do que suas respectivas fêmeas, o homem resolveu se enfeitar. Enfeitou-se mais e até mesmo primeiro do que as mulheres e isto nunca foi considerado demérito sexual para eles. Usou brincos, cabelos longos e/ou perucas, maquiagem, salto alto, laçarotes, rendas, meias de seda bordadas entre inúmeros outros ornamentos que, sem dúvida alguma, eram atributos de prestígio social e respeito entre os seus pares. Foi somente com o processo da Revolução Industrial, no século XIX, que o homem deixa de se enfeitar pra usar um tipo de roupa que corresponde ao novo ar dos tempos, ou seja, a roupa de trabalho. Passa então a ter uma aparência mais austera, prática e formal para as novas exigências dos novos tempos. É praticamente neste mesmo tempo de formatação da roupa de trabalho para o homem, que vai também surgir um novo comportamento para alguns que correspondem aos novos burgueses da sociedade industrializada. Tudo começa na Inglaterra com George Bryan Brummell que vai fundamentar o conceito do dandismo. Antes de ser ou ter qualquer aparência visual de moda trata-se primeiramente de um comportamento, uma maneira de ser e agir baseada em posturas refinadas, sofisticadas, elegantes e até mesmo de indiferença com aqueles menos envolvidos, chegando inclusive a um certo grau de decadentismo pela arrogância e esnobismo comportamentais. Ser dândi no século XIX é ser ou ter algo mais comparado aos outros e mesmo sendo postura comportamental, a moda não vai escapar de ser minuciosamente pensada e usada por aqueles que agora se vestem de preto, ou qualquer outra cor sóbria e escura, além de barba, bigode, cartola, bengala, gravata e outros complementos exigidos pelos homens elegantes do século oitocentista. Não é gratuito que a alfaiataria inglesa se empoe para o mundo e, Londres, passa a definir modos e moda para os homens; enquanto Paris os determina para as mulheres. Os enfeites foram-se e a sobriedade impera entre os homens sobrando-lhes adornar a esposa e as filhas. A essência desta atitude acaba perdurando ao longo das épocas e de tempos em tempos volta de cara nova sem perder os atributos que a caracteriza como tal. Os dândis vão gerando filhos que, de

maneira atualizada, a cada momento, definem moda e comportamento para os homens que ganham novos nomes para contemporanizar o ar dos tempos. Nos anos 1920 tornam-se os “almofadinhas” com suas calças Oxford ou até mesmo seus knickerbockers, colete e meias xadrezadas. Já nos anos 1950 é a vez dos “janotas” que bem vestidos de calça/paletó/colete/gravata e certinhos no comportamento são os bem vistos de então. Com a moda unissex da segunda metade dos anos 1960, os homens recomeçam a se enfeitar de maneira discreta, porém marcante que, inclusive, vai gerar a moda hippie, que nada tem a ver com o foco deste escrito. Em contrapartida, a moda dos jovens urbanos profissionais – os “yuppies” – dos anos 1980, resgatam a sofisticação para os homens de então e, por conseguinte, bons ternos e/ou costumes em abotoamento jaquetão e muita ombreira marcam os novos dândis urbanos com suas “barbas de 4 dias”. Na sequência, a década de 1990 nos traz além do “mauricinho” – o super certinho que tudo combina – o “metrossexual”, ou seja, um novo homem das metrópoles urbanas, elegantes e sensuais que trabalham o corpo na academia de ginástica, o depilam, tatuam suas peles e voltam a ser vaidosos. Já no XXI, os novos dândis são os “lumbersexuais” e os “yuccies”. Os primeiros sensualizam e dão uma cara fashion ao visual dos lenhadores da América Anglo Saxônica, não abrindo mão das densas barbas e das camisas em xadrez; e os segundos são os jovens urbanos criativos, que “inventam moda” e fazem escola ao criar uma nova harmonia baseada em resignificações de códigos visuais gerando visuais inovadores, ousados e resgatando para os homens aquilo que lhes era de origem. Barbas trabalhadas, corpos tatuados, coques inusitados ou cortes de cabelo com certa assimetria sem esquecer do gel, calças justas, camisas cintadas e, nos pés, botas, tênis em cores cítricas e/ou sapatos com novos designs configuram o novo homem ousado e vaidoso sem perder a masculinidade; sem falar nos “coxinhas”, que não abrem mão de se arrumarem elegantemente e grifados. Desta forma a família dândi sempre deixa herdeiros que percorrem novos tempos, com novas roupagens e novos comportamentos de acordo com os novos espíritos das épocas e, sendo assim, os homens marcam presença na História da Moda.

54

Outubro 2015


Fashion

Fashion

Cine en Italiano INSPIRADO EM CENAS DE HOLLYWOOD, SALVATORE FERRAGAMO TRAZ UMA CAMPANHA DIGNA DO CINEMA AMERICANO. COM UMA IDEIA READY-TO-WEAR, A MARCA TRAZ A SOBRIEDADE FRIA DE TONS ESCUROS, RENDA E CACHECÓIS QUE ILUSTRARÃO O PRÓXIMO INVERNO.

Outubro 2015

57


Fashion

58

Fashion

Outubro 2015


Fashion

60

Fashion

Outubro 2015

Outubro 2015

61


Fashion

62

Fashion

Outubro 2015 63


Fashion

64

Fashion

Outubro 2015

Outubro 2015

65


World Travel Experience

Outubro 2015

67


Travel

N E W S

MILAN IN A MARTINI GLASS Instalado no topo do prédio onde hoje funciona a Dsquared2, está um dos restaurantes mais badalados da Italia, o Ceresio 7. Somente por lá que encontraremos fashionistas e jetsetters quebrando o cotidiano no ambiente elegantíssimo sobre a cidade de Milão.

Na decoração, o minimalismo e o uso de materiais rústicos como bronze e mármore dão sofisticação ao local, que ainda ostenta mobílias e objetos de inspiração vintage. O terraço é o espaço mais disputado do bar – com uma bela vista da cidade da moda. O requinte se estende ao menu, comandado pelo autêntico chef Elio Sironi, no qual encontraremos pratos de acento italiano preparados no forno à lenha e na grelha de carvão. Sironi preza pela simplicidade, mas não deixa de incluir toques contemporâneos aos peixes e às carnes, que dividem as atenções com as famosas massas. 68

Outubro 2015

FOTOS DIVULGAÇÃO

C E R E S I O 7. C O M


Travel

F

E

A T

U

R

E

F

ideia foi manter cada suíte com alto nível de exclusividade e elegância para que o cliente se sinta, de fato, como um membro da nobreza italiana de séculos atrás. Alguns exemplos dos esforços para ser fiel ao passado podem ser vistos na suíte Sansovino Stanza, que possui painéis de madeira, frisos pintados, teto esculpido e uma lareira assinada pelo arquiteto Jacopo d’Antomio Sansovino, um dos mais famosos da região no século 16. Já a principal suíte do Aman, chamada de Alcova Tiepolo (sim, aquela em que o casal Clooney passou a Lua de Mel), ostenta pinturas chinesas, além de um belo teto assinado por Giovanni Battista Tiepolo, famoso pintor que decorava ambientes no século 18 (o artista também foi o responsável pelas pinturas dos tetos das salas de jantar do palácio). Silencioso, o quarto conta com persianas espessas e janelas duplas onde o sono profundo é garantido. A mobília dos quartos,

Sink Stylishly inVenice

E

A T

U

R

E

Travel

no entanto, é mais contemporânea e mistura o charme de garimpos antigos com itens mais modernos, de olho no conforto dos hóspedes. Vale destacar que as suítes superiores têm uma vista bastante peculiar para o canal da cidade, onde é possível contemplar as ruas alagadas repletas de barquinhos, as cúpulas e torres de igrejas antiquíssimas e as construções tão típicas de Veneza. Os banheiros foram construídos em áreas enormes propositalmente, com espaçosas banheiras rústicas. As áreas comuns seguem a linha ostentativa - que marca todo o projeto assinado pelo renomado escritório Denniston – se perder lá dentro descobrindo cada detalhe da decoração faz parte da experiência. Quem procura por momentos de relax pode curtir um spa e uma academia, localizados quase que secretamente no terceiro andar. A biblioteca do hotel é estonteante, cercada de paredes de couro, e as três salas de jantar

AMAN.COM

E M U M A LO C A L I Z AÇ ÃO M A I S Q U E P R I V I L E G I A DA U M D O S H OT E I S M A I S LU X U O S O S D O M U N D O , O A M A N C A N A L G R A N D E É R E P L E TO D E R E G I S T R O S H I S T Ó R I C O S E A R T E I TA L I A N A

Construído no século 16 pelo arquiteto Gian Giacomo dé Grigi a pedido da família Bergamo, o Palazzo Papadopoli fica às margens do Grand Canal de Veneza, no distrito de San Paolo. Nessa localização mais que privilegiada, deu lugar ao que é hoje um dos hotéis mais exclusivos do mundo, o Aman Venice, repleto de registros históricos e arte italiana, inaugurado em 2013. Reduto badalado frequentado por famosos, jett-setters e pela high society mundial, o hotel foi escolhido por George Clooney e Amal Alamuddin para celebrar sua festa de casamento. Ao chegar, o hóspede inicia sua experiência em grande estilo. Por 70

meio de gôndolas, a entrada do hotel é feita

por uma porta d’acqua (a recepção tem suas portas de frente e ao encontro do Canal). Jardins bem cuidados dão as boas vindas aos hóspedes, que costumam se encantar com o hall, cercado por candelabros, tetos ornamentados, lustres estonteantes (como os de murano do século 18), estátuas e pinturas de estilos renascentista e rococó. Há quem diga que entrar no Aman é como adentrar em um quadro de época - não duvide disso. A sensação de così é levada à risca. Não há sinalização de toilettes, chaves magnéticas ou algo que lhe dê a impressão que você está em um hotel. São apenas 24 quartos, pois a Outubro 2015

Outubro 2015

71


F

E

A T

U

R

E

F

FOTOS DIVULGAÇÃO

Travel

72

Outubro 2015

não ficam atrás: com pé-direito altíssimo, exalam riqueza com seus afrescos da escola de Tiepolo e pinturas de família. Nessas últimas, o cardápio pode variar de acordo com diferentes exigências de paladar: destacam-se, porém, clássicos da cozinha italiana supervisionados pelo famoso chef italiano Davide Oldani. O hotel é um dos poucos em Veneza que possui dois jardins privativos, um deles de frente para o canal, que convida a um brinde na companhia de um Aperol Spritz ou um Prosseco. É possível também saborear por lá um jantar com atrações da culinária japonesa feitas com técnicas da cozinha francesa. O terraço, localizado no topo do palácio, destaca-se por proporcionar uma das mais belas vistas da cidade. Há ainda uma pequena boutique com uma seleção especial de artigos de vidro veneziano de puro charme.

E

A T

U

R

E

Travel

A MOBÍLIA DOS QUARTOS, É MAIS CONTEMPORÂNEA E MISTURA O CHARME DE GARIMPOS ANTIGOS COM ITENS MAIS MODERNOS, DE OLHO SEMPRE NO CONFORTO DOS HÓSPEDES

Outubro 2015

73


Travel

L M

E D I T

MORIMOTO

CATCH

M O R I M O T O N YC . C O M

C AT C H R E S TA U R A N T S . C O M

FOTOS DIVULGAÇÃO

Suntuoso, o restaurante japonês comandado pelo chef Masaharu Morimoto, nascido em Hiroshima e famoso por estrelar o programa de TV “Iron Chef”, dispõe de um cardápio tão ousado quanto a decoração futurista do ambiente. Ele faz questão de misturar ingredientes e técnicas de cocção ocidentais à cozinha tradicional nipônica. O tartare de atum, com seis molhos que incluem até guacamole, é um dos hits entre os pratos.

Situado no coração do Meatpacking, em Manhattan, o modernoso restô tem três andares, ambiente informal e um menu baseado em frutos do mar. Escolha uma das mesas do rooftop, local perfeito para um jantar mais badalado e deguste o refrescante carpaccio de barriga de salmão e os bolinhos de arroz com atum e wasabi.

NEW YORK, NEW YORK C A P I TA L M U N D I A L D A G A S T R O N O M I A , N O VA YO R K T E M

R E S TA U R A N T E S R E Q U I N TA D O S PA R A T O D O S O S G O S T O S ;

BODEGA NEGRA

CO N F I R A A LG U N S D O S M E L H O R E S H OT S P OT S

O restaurante, filial da casa homônima de Londres, resgata o clima festivo mexicano por meio de uma decoração rústica que remetem ao país. O menu oferece petiscos e pratos para compartilhar, como tacos, ceviches e tortilhas feitas por lá mesmo. B O D E G A N E G R A N YC . C O M

SANTINA

Focado em cozinha italiana costeira, o hotspot comandado pelo chef Mario Carbone se inspira em regiões como Liguria, Toscana e Veneza a fim de compor um menu “fresh” cheio de ingredientes simples, porém selecionados. Uma caixa de vidro modelada embaixo do High Line oferece crepes de farinha de grão de bico, muitos peixes e legumes. S A N T I N A N YC . C O M

74

Outubro 2015


P

R

O

F

I

L

E

P

R

O

F

I

L

E

Travel

Love, St Barth

AS REFERÊNCIAS SÃO ÓTIMAS DESDE A SUA ABERTURA HÁ MAIS DE 50 ANOS, GRETA GARBO INCLUSIVE, PASSOU POR AQUI E D E N R O C K H OT E L . CO M

FOTOS DIVULGAÇÃO

Travel

Concebido pelo famoso aviador e entusiasta Rémy de Haenen, o Eden Rock foi o primeiro hotel a ser construído na ilha de St Barth, em cima de um platô rochoso, cercado por praias de areia branca e mar azul-turquesa. O hotspot onde muitos gostavam de se privar do mundo exterior, tornou-se bolthole preferido dos amigos hollywoodianos de Rémy, como Greta Garbo, Howard Hughes e famílias tradicionalíssimas como os Rothschild e Rockefeller, que mais tarde viriam a comprar propriedades também na ilha. Em 1995 a família inglesa Matthews, comprou o hotel e desde então é gerenciada pelo bom gosto e profissionalismo da Oetker Collection, uma das empresas mais prestigiadas em hotelaria de luxo. Com apenas 34 suítes, o serviço promete ser ainda mais exclusivo. De fato, basta passar uma noite para ter certeza de um tratamento singular. “Todos os nossos funcionários foram orientados a fazer os hóspedes se sentirem em casa, completamente à vontade. Levamos isso muito a sério”, garante Fabrice Moizan, gerente do ER. Cada quarto uma

possui decoração exclusiva, assinada pela conceituada designer de interiores Jane Matthews, que criou uma atmosfera aconchegante e sofisticada, usufruindo de várias tonalidades de madeira onde predominam tons claros em móveis, pisos e revestimentos. A Rockshop, boutique básica do hotel, conta com peças exclusivas de marcas como Juliette Dunn, Melissa Odabash, Peter Pilotto, Mary Katranzou e Bamford. Para os que estão em busca de algo mais radical, o hotel oferece um incrível número de esportes aquáticos, vela, mergulho, pesca – além do aluguel de jet ski. Ao contrário do isolamento da maioria dos hotéis da ilha, o Eden fica próximo a tudo que acontece, dos barzinhos charmosos, restaurantes, e os mais badalados Nikki Beach e Le Ti. Porém não é preciso ir longe para comer e beber bem. A gastronomia praticada no hotel também é destaque. Sob a espátula do estrelado chef Jean-Georges Vongerichten, há menus inesquecíveis no jantar do On The Rocks ou para um almoço despretensioso no Sand Bar.

Outubro 2015

77


Travel

I C O N I C

P L A C E S

O nome por trás deste clube mítico de Paris é Jean Castel, que desde a década de 1960 foi um dos pioneiros a investir em um espaço de luxo exclusivo onde apenas sócios têm entrada garantida. Sem placa na porta, a fachada vermelha da casa esconde o requinte e a sofisticação que regem as áreas internas. Há um restaurante e um bar no térreo, mas é no porão que a animada pista de dança pega fogo: jetsetters dos mais altos estratos sociais curtem a balada como pessoas “presque communs”. C A S T E L PA R I S . C O M

O CLUBE CASTEL, QUE RECEBIA CELEBRIDADES HISTÓRICAS COMO SALVADOR DALÍ E JACKIE KENNEDY, ESTÁ DE VOLTA A PARIS COM A MESMA POMPA DE ANTIGAMENTE. SOMENTE SÓCIOS ULTRAVIPS PODEM SE DIVERTIR NO DANCE FLOOR MAIS EXCLUSIVO DA HIGH SOCIETY. 78

Outubro 2015

FOTOS DIVULGAÇÃO

You on the List?


D

E

S

T

I

N

A T

I

O

N

D FOTOS TIM SPREADBURY

Travel

E

S

T

I

N

A T

I

O

N

Travel

STATENS MUSEUM A CASA ABRIGA A AMPLA COLEÇÃO DE OBRAS DE MATISSE O maior museu da Dinamarca é um dos passeios obrigatórios para quem gosta de arte, o prédio moderno abrange cerca de 700 anos de arte dinamarquesa e mundial. Além de ostentar a coleção de arte contemporânea mais ampla do país, encontra-se bastante arte nórdica e clássicos europeus, como Da Vinci, Rembrandt e Modigliani, entre outros. SMK.DK

HOTEL D’ANGLATERE VINTAGE JÁ EM SUA ARQUITETURA, O HOTEL APOSTA EM CONFORTO E LUXO.

80

Outubro 2015

NO PLACE LIKE COPENHAGEN

B U LGA R I H OT E L S . CO M

DA N G L E T E R R E . CO M

KADEAU PREPARE-SE PARA DESCOBRIR SABORES POR MEIO DE VEGETAIS ORGÂNICOS E RAÍZES SELVAGENS.

REPLETA DE CASTELOS E PALÁCIOS, COPENHAGUE É CHARMOSA, COSMOPOLITA E OFERECE EXPERIÊNCIAS GASTRONÔMICAS ÚNICAS

Com uma estrela Michelin, o restaurante utiliza ingredientes extraídos ilha de Bornholm, no Mar Báltico, a inspiração da cozinha. De acordo com o local, “o objetivo é retratar os maravilhosos sabores e aromas dessa amada ilha em um ambiente contemporâneo.”

A M A S S R E S TA U R A N T. C O M FOTOS DIVULGAÇÃO

Situada no norte da Europa, a capital da Dinamarca é a porta de entrada para a fria Escandinávia e tem como seu maior charme o fato de conseguir manter seu passado vivo sem deixar de se abrir à modernidade. Se no centro predominam os castelos que celebram a monarquia e remetem a contos de fada, no resto da cidade o mix de prédios e lojas ultramodernas com casarões e construções clássicas deixa claro que a capital dinamarquesa não parou no tempo. A cidade se tornou um pólo gastronômico após um “boom“ de novos restaurantes que valorizam acima de tudo a comida local escandinava. Lá, passeios de barco, visitas a museus e aos encantadores bairros são tão importantes quanto ir aos melhores restaurantes do mundo. Um dos exemplos mais recentes dessa ótima safra é o Amass, casa liderada pelo antigo chef do Noma, Matthew Orlando. O local, hoje um dos mais badalados de Copenhague, propõe cozinha contemporânea com utilização de ingredientes provenientes de produtores locais e de um jardim de 500m2 situado em frente da sala de jantar – tudo fresquíssimo da horta à mesa. A seguir, selecionamos outros lugares que merecem um visita.

Um palácio neoclássico preservado do século 17 no coração de Copenhagen foi reformado para abrigar o que é hoje o D’Angleterre, um dos melhores hotéis da Dinamarca. Os quartos e suítes espaçosos recebem seus hóspedes com móveis e antiguidades garimpados do mundo inteiro. O foco do palácio é no bem-estar: além de oferecer um spa completo com tratamentos estéticos, há um charmoso champanhe-bar com mais de 200 opções de espumantes.

K A D E AU . D K

Outubro 2015

81


Travel

F E A T U R E

F

E

A T

U

R

E

Travel

YOU HAVE ARRIVED!

UTILIZANDO À RISCA O CONCEITO “OLD MEETS NEW”, O CONSERVATORIUM É UM HOTEL CINCO ESTRELAS QUE MESCLA A HISTÓRIA DE AMSTERDÃ COM MODERNIDADE E PROPORCIONA UMA EXPERIÊNCIA DE CONFORTO COMPLETA AOS SEUS HÓSPEDES POR MEIO DE QUARTOS DUPLEX, SPA DE GRIFE INTERNACIONAL E RESTAURANTES IMPECÁVEIS. AINDA POR CIMA, ESTÁ LOCALIZADO NO EFERVESCENTE PÓLO ARTÍSTICO DA CHARMOSÍSSIMA CAPITAL HOLANDESA.

A história do imponente e clássico edifício onde está instalado o Conservatorium data de longe, mais precisamente do fim do século 19, quando foi construído para abrigar escritórios. Foi também sede de um conservatório musical, motivo que inspirou o projeto e o nome de um dos hotéis mais sofisticados da cidade de Amsterdã atualmente. Localizado no centro da capital holandesa, próximo aos destinos culturais mais procurados por amantes de arte e design como os principais museus Rijksmuseum, Stedelijk, e Museu Van Gogh, o hotel tem projeto assinado pelo renomado arquiteto e italiano Piero Lissoni, que, como ninguém, soube aproveitar os traços tradicionais da construção agregando toques personalizados contemporâneos. Logo no átrio central, rodeado por bares, restaurantes e uma brasserie, chama a atenção o projeto de lighting design, que prioriza a luz natural e transforma o ambiente num espaço agradável que leva o admirador ao mundo das cores esquecendo o mundo dos hóspedes. Abusando de tons de cinza tanto nas áreas comuns quanto nas suítes, Lissoni tentou buscar um resultado final misturando o chique com o simples. Usou muitos materiais de vidro e metal acertando em cheio a originalidade e a elegância. Por fim, linhas austeras 82

Outubro 2015

e tecidos discretos por todos os lados confirmam sua dedicação aos detalhes. Mais da metade dos 129 quartos espalhados pelos oito andares do prédio foram configurados em esquema duplex, com janelas grandes e vigas propositalmente expostas, aproveitando o pé-direito alto da antiga estrutura. A maior suíte conta com espaços divididos em 170 m² de área privativa e, assim como todos os outros quartos, tem design minimalista e mobiliário descolado fornecido pela grife suíça Vitra que não se repete entre as suítes. Luxuoso e único. Entre as áreas comuns, destaca-se o clima tranquilo do spa administrado pela rede internacional Akasha , chamado de Holistic Wellbeing Centre. De acordo com o hotel, o local foi concebido “para incentivar os visitantes a alcançarem maior equilíbrio, atenção e harmonia interior por meio de uma abordagem holística a fim de manter a vida mais saudável”. Quem quer ficar num clima zen pode aproveitar os quatro espaços que compõem o spa, como o lounge que oferece refeições orgânicas, a área principal onde é possível fazer tratamentos terapêuticos, a academia de ginástica ou no local dedicado a aulas como pilates, ioga, tai chi chuan e meditação. Na mesma região fica a piscina do Conservatorium, que é um verdadeiro oásis de tranquilidade inserido Outubro 2015

83


F E A T U R E

no contexto moderno do projeto de Lissoni. Vale destacar que a gastronomia foi elevada a um nível de grande importância neste hotel. Se a intenção é fazer um lanche rápido ou uma refeição despretensiosa, o destino certo é a brasserie, cujos bolos e tortas enchem os olhos de qualquer desavisado que passa por lá. Um jantar mais elaborado pode ser muito bem aproveitado no Taiko, considerado um dos restôs mais finos de Amsterdã. O menu da casa oferece um mix de pratos clássicos da gastronomia asiática com releitura atual e apresentação impecável – alguns exemplos são sushis, sashimis, dim sums e shabu shabu. Se a noite de repente pedir uma comemoração refinada, um brinde no Tunes é uma sugestão à altura. Clássicos da coquetelaria internacional preparados com maestria figuram ao lado de receitas autorais assinadas por mixologistas. 84

F

E

A T

U

R

E

Travel

ALÉM DE UMA BRASSERIE, HÁ O BADALADO RESTAURANTE ASIÁTICO TAIKO E O BAR DE COQUETÉIS TUNES, TODOS SOB O COMANDO DO EXPERIENTE CHEF HOLANDÊS SCHILO VAN COEVORDEN C O N S E R VAT O R I U M H O T E L . C O M

FOTOS DIVULGAÇÃO

Travel

Outubro 2015

Outubro 2015

85


Travel

L M

E D I T

EM UMA CIDADE COMO LONDRES, É POSSÍVEL TER EXPERIÊNCIAS GASTRONÔMICAS BEM VARIADAS, COMO IR A UM BAR E RESTAURANTE APRECIANDO O SKYLINE LONDRINO

LONDON HOT SPOTS

DUCK & WAFFLE No 40º andar do Heron Tower, o 24h propõe menus à cada hora. As janelas de vidro garantem uma vista estonteante da cidade e o pé-direito baixo garante um clima mais intimista e sofisticado.

FOTOS DIVULGAÇÃO

WHITE LYAN Com proposta ousada, no bar não se usa gelo, coqueteleiras, nem frutas cítricas. O barman Ryan Chetiyawardana, um pesquisador nato de mixologia, coloca mais de 500 criações à disposição dos clientes.

TRISHNA

CITY SOCIAL

A variedade do menu foi coroada com uma estrela Michelin. Degustação fechada, menu vegetariano e pratos à la carte são servidas num salão chique sem firulas, focados em frutos do mar incorporados à cozinha costeira do sudoeste da Índia.

Comandado pelo descolado chef Jason Atherton, o City Social coleciona outros atributos tão atraentes quanto sua vista irresistível, entre eles sua ampla carta de champanhe.

SAIBA MAIS DE CADA UM DOS HOTSPOTS LISTADOS ACIMA: DUCK & WAFFLE - DUCKANDWAFFLE.COM | WHITE LYAN - WHITELYAN.COM TRISHNA - TRISHNALONDON.COM | DUCK & WAFFLE - CITYSOCIALLONDON.COM

86

Outubro 2015


N E W S

N

Desenhado pelo diretor criativo Tomas Maier, a suíte do Park Hyatt, em Chicago, possui design minimalista com móveis da coleção home e a elegância característica da Bottega, destacados em todos os quartos assinados. A rede hoteleira também dispõe de dormitórios da marca na Itália, uma unidade de Florença – em frente ao rio Arno – e no St. Regis Grand Hotel de Roma

E

W

S

Travel

FOTOS ANNIE SCHLECHTER

Travel

M A R LT O N H O T E L . C O M

B O T T E G AV E N E TA , C O M

BACK TO THE 20S

Sleep Within Fashion 88

O antigo edifício que abriga o Marlton Hotel, datado de 1900, já foi reduto boêmio que acolhia artistas e escritores norteamericanos famosos, como Jack Kerouac e Valerie Solanas.

FOTOS DIVULGAÇÃO

ALEM DE BOLSAS, BOTTEGA VENETTA AGORA DECORA BELÍSSIMOS QUARTOS DE HOTEIS POR TODA A EUROPA, COM O SUA INCONFUNDÍVEL TRAMA DE MATELASSÊ

M A R G A U X N YC . C O M

Hoje, depois de reformas que deixaram o hotel ainda mais elegante, o clássico francês e o moderno nova iorquino se misturam na decoração desde as áreas comuns até os quartos, famosos por serem compactos, porém aconchegantes. Escondido na parte de trás do Marlton ainda se encontra o famoso café-restaurante Margaux, um point charmoso e muito agradável. O menu despretensioso, que muda diariamente, destaca pratos com influência mediterrânea, sempre com ingredientes orgânicos muito bem selecionados. Outubro 2015

89


Cover Interview Exclusive

Outubro 2015

91


Interview Interview

GABRIEL MACHT THE MAN BEHIND THE SUIT FOTOS JUSTIN COIT DIREÇÃO CLAUDIA RIBEIRO

EM LOS ANGELES, CONVERSAMOS COM O ATOR QUE DÁ VIDA AO PERSONAGEM HARVEY SPECTER, DO SERIADO SUITS, E DESCOBRIMOS QUE LONGE DOS TRIBUNAIS VIVE UM HOMEM DISCRETO, QUE TROCA O TERNO PELA CALÇA JEANS

CAMISETA ALLSAINTS, CALÇA HUGO BOSS, SAPATO DOLCE & GABBANA, ACERVO PESSOAL: RELÓGIO BREITLING

Outubro 2015

93


Interview Interview

No que depende do público, Gabriel Macht é culpado em um caso que nem mesmo seu personagem Harvey Specter, do seriado Suits, seria capaz de reverter. As “acusações” vieram de todas as partes do mundo: o ator americano está tirando o sono e o fôlego de quem acompanha sua trajetória pessoal e profissional, marcada por personagens densos e complexos, que protagonizam diálogos memoráveis. Réu confesso do talento que corre em seu DNA, Gabriel dispensou o terno, a gravata e a defesa para nos encontrar em Los Angeles, onde tivemos a chance de conversar sem julgamentos. Filho do também ator Stephen Macht e da curadora Suzanne Pulier, o galã estreou na vida no Bronx, subúrbio de Nova York, mas passou boa parte de sua infância na Cidade dos Anjos, para onde se mudou com sua família, aos 5 anos. Apesar das boas memórias na Califórnia, Gabriel é fã declarado de Nova York, uma das cidades mais extraordinárias do mundo, em sua opinião – e o fato de Suits ser ambientada na Big Apple, mas filmada no Canadá, mexe um bocado com o intérprete de Harvey Specter. “Toronto tem sido incrível conosco. Recebemos todo o apoio da cidade e dos fãs, mas eu acho que Nova York nos daria um brilho a mais. Partindo dessa premissa, vamos lembrar que um dos personagens principais do programa é o dinheiro e a Big Apple está cheia dele. Acho que poderíamos explorar melhor essa caraterística usando a arquitetura dos prédios do Upper East Side, na Madison Ave, onde os grandes escritórios de advocacia estão. Parte da Wall Street também cumpriria essa missão. Acho Nova York um lugar muito fotogênico, de todos os ângulos. Em Toronto encontramos algumas ruas que nos lembram bastante Manhattan, mas basta uma rápida olhada em volta para

94

encontrar algo tipicamente canadense que nos leva de volta à realidade. E é curioso, porque muitas pessoas de outros países me falam de sua vontade de conhecer Nova York por causa do seriado, então, para eles, não faz muita diferença onde rodamos as cenas. Ou vai ver nós é que descobrimos como fazer Toronto parecer a selva de pedra americana”, conta. As gravações em terras estrangeiras são um desafio, mas não impedem que o ator veja sua família com frequência – o que é praticamente uma exigência do bonitão. “Equilibrar o trabalho e a família é sempre algo bastante delicado, mas eu tenho um compromisso inadiável com os que amo e tenho muito orgulho disso. Quando não estou trabalhando, eu viajo todos os finais de semana para ficar perto da minha esposa e filhos. Na minha lista de prioridade, a família está sempre em primeiro lugar”, explica, sem abrir sequer uma exceção: mesmo quando assumiu a função de diretor, Gabriel fazia questão de voar para casa e matar as saudades – “meus filhos são pequenos e eu não me perdoaria por deixar de vê-los crescer. Então, mesmo exausto, eu estava disposto a encarar a viagem para ficar perto deles. Foi um sacrifício e tanto aceitar essa oportunidade de dirigir um episódio da série”, completa o marido de Jacinda Barret, que pode ser vista na pele da personagem Diana Rayburn, no seriado Bloodline. Apesar do excesso de trabalho, o americano não nega que curtiu muito a experiência, já que pode se envolver com os designers na pré-produção e se relacionar com os colegas de set de uma maneira diferente, algo que jamais seria possível de vivenciar apenas como ator. Por essas e outras, o galã se diz ansioso pela próxima oportunidade de dirigir um filme ou seriado – mas nada que o faça querer abondar os trabalhos nas frentes

Outubro 2015

SWEATER GSTAR, ACERVO PESSOAL: RELÓGIO BREITLING


Interview Interview

“Meu pai, que também é ator, sempre me aconselhou a acreditar em mim. Isso e o amor incondicional que eu recebo dele e da minha mãe me acompanham há tempos, e tenho certeza de que fizeram toda a diferença para uma carreira bem-sucedida”

BLUSA ZARA, CALÇA E SAPATO DOLCE & GABBANA, ACERVO PESSOAL: RELÓGIO BREITLING

96

Outubro 2015


Interview

SWEATER GSTAR

das câmeras, que, aliás, estão garantidos por mais uma temporada, já que Suits teve seu contrato renovado. Gabriel comemorou a novidade nas redes sociais e afirma que, mesmo depois de tanto tempo interpretando Harvey, ainda são pessoas completamente diferentes: “o Harvey adora o poder dos ternos, com suas grandes lapelas e gola alta. Ele faz do terno uma armadura, enquanto eu sou mais adepto do jeans com camiseta. Pra ser sincero, se pudesse escolher, passaria o dia vestindo shorts à beira da praia ou da piscina”. Mas nem só de diferenças vivem criador e criatura, que crescem juntos a cada episódio. “Estou bastante satisfeito com o roteiro da quinta temporada, há que Harvey tem a chance de encarar seus próprios demônios para se conhecer melhor, e conhecer o que lhe falta. Com isso, aprendi que a vulnerabilidade tem muito a nos acrescentar – mais do que uma sequência de vitórias. Se permitir fraquejar abre caminho para mudanças necessárias, que vão fatalmente deixá-lo mais forte. Tentei dar ao Harvey traços meus desde o começo, e o que os roteiristas fizeram com maestria foi ‘descascá-lo’ aos poucos, tirando uma camada por vez, para revelar um homem cheio de traumas e medos. Acho que isso é o que o torna tão humano, porque, no final das contas e por trás das máscaras, somos todos assim, e passamos a vida tentando nos (re)construir”, opina. O notável poder de argumentação de Gabriel lhe é bastante natural e, muito provavelmente, teria lhe garantido uma carreira promissora na área de direito – algo que certamente agradarias seus pais. “Acho que meus pais ficariam felizes se eu ou um de meus irmãos tivéssemos nos tornado advogados ou médicos, mas eles nunca deixaram de me apoiar nas minhas escolhas, até porque eu sempre fui o filho

favorito”, e completa, “quando eles souberam da minha vontade de trilhar os rumos da dramaturgia, apenas me encorajaram a entrar em uma boa universidade e dominar as técnicas de atuação. Segui esse conselho e me formei em artes cênicas na Carnegie Mellon School of Drama, depois ganhei os palcos de Nova York e aceitei papéis em filmes independentes e participei de alguns trabalhos para a televisão – e então voltei para Los Angeles”. Engana-se, porém, que pensa ser fácil encontrar o ator pelas ruas da cidade, porque ele não frequenta os lugares da moda e também não é um explorador ávido das metrópoles que mais frequenta – NY, LA e Miami. “Não tenho lugares ‘favorito’, porque essa coisa de predileção não é boa. Foi o queridinho dos meus pais e acho que isso afetou meus irmãos, socialmente. De qualquer forma, guardo em segredo os restaurantes, parques e galerias que costumo visitar, porque prefiro passar despercebido, mas, se tivesse que dar algumas dicas de atrações, seriam essas: o Griffith Park, em Los Angeles, o Sheeps Meadow, no Central Park, e em Miami não tem jeito, porque lá eu gosto mesmo é do meu jardim”, brinca. Assim como não gosta de reveler suas atividades favoritas, Gabriel prefere nem falar muito sobre si. “Nunca admirei pessoas que investem muito tempo falando só delas, contando os lugares que visitaram e as coisas que fizeram. Eu sou adepto da troca, porque uma boa conversa é uma via de mão dupla”, argumenta. Justamente por caminhar na direção oposta ao egoísmo o e narcisismo, Jacinda Barret é a pessoa mais admirada pelo marido Gabriel: “a Jacinda transita entre o ambiente familiar e profissional com criatividade e delicadeza. Ela se doa de alma para a nossa família e não há

Outubro 2015

99


Interview

CAMISETA HUGO BOSS, CALÇA JEANS AG, SAPATO SAINT LAURENT

100

Outubro 2015

Outubro 2015

101


Interview

nada que eu valorize mais do que a compaixão, que ela tem de sobra”. Coerente com a suas crenças e palavras, o ator é também vegetariano, e revela que, para driblar a fome durante as gravações, ele aposta no poder do suco verde, dos legumes e vegetais e num bom prato de húmus. Outra curiosidade dos bastidores é que, diferente da seriedade de Harvey, Gabriel é bastante brincalhão fora das telas. Quando não está presente para a leitura dos episódios, o bonitão liga para a equipe e se passa por Aaron Korsh, um dos responsáveis pela série. A julgar pela risada do ator, a piada não fica velha. A descontração continua até quando Gabriel encontra um advogado na vida real. “A maioria deles acompanha o seriado pela ótica do entretenimento, que deveria ser a única maneira de analisar o programa. Acho que o que fisga esses profissionais é justamente a dualidade aspiração x realidade. As pessoas se interessam pelos entraves do direito societário e se envolvem emocionalmente com alguns dos casos retratados na série, mas acho que o grande foco de atenção é o relacionamento (laços e conflitos) entre os personagens. Há quem me pare na rua para dizer que sua missão de vida é ser o Harvey Specter e eu sinceramente não sei se isso é bom ou ruim.” Enquanto ainda não tem um veredicto formado acerca deste assunto, nós já batermos o martelo em relação a muitas coisas: vamos continuar assistindo – e torcendo – por Harvey e Gabriel, que, com ou sem gravata, não deixa de ser o grande culpado por primeiro nos fazer viciar em Suits, e depois por nos fazer ainda mais fãs de sua pessoa longe do set. Depois de se abrir um pouco conosco sobre algumas de suas opiniões, o bonitão volta a seu modus operandi e, quando o assunto é sua vida pessoal, não tem jeito, o caso está mesmo encerrado. 102

“Sou mais feliz quando estou em casa, ao lado da minha esposa, e meus filhos não estão mais do que alguns passos de distância”

CAMISETA JOHN VARVATOS, CALÇA HUGO BOSS, SAPATO DOLCE & GABBANA, ACERVO PESSOAL: RELÓGIO BREITLING STYLIST: LIZETTE PENA GROOMING: DUSTY STARK LOCAÇÃO: CONCRETE LOFT PROPERTY MANAGEMENT: IMAGE LOCATIONS

Outubro 2015

Outubro 2015

103


Brand Business View

104

Outubro 2015

Outubro 2015

105


Business

P

R

O

F

I

L

E

P

AIRBED & BREAKFAST

R

O

F

I

L

E

Business

DO “COUCH SURF” À “KING SIZE”: O NOVO JEITO DE SE HOSPEDAR

FOTOS DIVULGAÇÃO

AIRBNB.COM

106

Outubro 2015

A preocupação de qualquer viajante sempre foi onde se hospedar. As opções variavam do dispendioso hotel 5 estrelas ao desconfortável sofá da casa do amigo. O viajante também deixava a sua própria casa desocupada e fechada. Até que em 2008, a startup californiana Airbnb organizou a melhor forma de juntar as peças deste quebra-cabeça criando uma oportunidade bilionária de negócio. A burocracia do processo de locação, que antes dependia das imobiliárias, foi simplificada a ponto de qualquer pessoa poder anunciar e reservar um quarto, casa ou dormitório para se hospedar pelo tempo que desejar. Prática, a proposta, até então inédita, conquistou adeptos no mundo inteiro: para se ter uma ideia, a empresa conta atualmente com mais de 500 mil anúncios em 35 mil cidades de 192 países. Ex-estudantes de design, os amigos Nathan Blecharczyk, Brian Chesky e Joe Gebbia são as mentes por trás da ideia genial. Os três amigos, contavam moedas para pagar o apartamento que dividiam. A única opção que lhes restou, era alugar os ambientes da casa para pessoas que chegavam à cidade e encontravam hotéis lotados. Assim começou a brilhante ideia do Air Bed and Breakfast (Airbnb), abreviatura do colchão de ar na sala, oferecido aos hóspedes desconhecidos, e o café da manhã incluso na reserva. Os hóspedes deixavam a casa sempre satisfeitos,

curiosos para saber se esse tipo de serviço existia em outras cidades. Esta demanda alimentou o apetite do trio, que rapidamente montou um website e permitiu que o Airbnb crescesse e ganhasse adeptos fora da Califórnia e também dos Estados Unidos.
“Achamos que apenas estudantes com pouco dinheiro iriam ser nossos clientes, afinal, quem mais iria dormir em um colchão de ar no meio da sala?” diz Chesky, hoje CEO da empresa. ”Estávamos totalmente enganados. Entre os nossos primeiros clientes havia até um senhor de 45 anos, casado e pai de cinco filhos”. Uma das grandes vantagens do serviço é que ele funciona como uma alternativa à hospedagem tradicional. O usuário, além de não precisar arcar com as formalidades que costumam encontrar em um hotel, pode compartilhar experiências com nativos insiders. Além disso, o aplicativo tem os mais diversos tipos de hospedagens possíveis, como castelos, apartamentos de luxo, barcos e até iglus. Ao final, hóspede e anfitrião fazem avaliações públicas da experiência, facilitando o processo de decisão para os próximos aventureiros. Hoje, o Airbnb é uma das maiores empresas colaborativas que existem, com um valor de mercado estimado em US$ 10 bilhões. Chesky comenta com merecido orgulho, “não posso dizer que mudamos o mundo com o Airbnb, mas com certeza mudamos a forma como as pessoas têm experiências na vida”. Outubro 2015

107


Business

S

T O

R Y

S

T O

R Y

Business

Tradition, Elegance and a Dab of Pepper SERVIR BEM, PARA SERVIR SEMPRE: O LEMA DA TRADICIONAL FAMÍLIA CIPRIANI DESDE 1931 A história de Giuseppe Cipriani começa em 1931, com sua primeira e icônica propriedade, o Harry’s Bar. Em um simplório edifício de pedra na margem de um canal próximo à Piazza San Marco, em Veneza. Giuseppe, conhecido pelo seu entusiasmo e amor pelo trabalho, buscava em seu bar, oferecer o que ele sentia falta na cidade, serviço de qualidade, ser chamado pelo nome e sobrenome, fazendo questão de implementar o conceito de “servir aos outros como se quer ser servido” no treinamento de todos os seus funcionários. A combinação da imaculável decoração e uma equipe sorridentes conquistaram a clientela rapidamente. Clientes disseram-se apaixonados pelo restaurante pois sempre eram tratados como VIPs. Ali, naquele pequeno restaurante desconhecido foram inventados o famoso drinque Bellini (espumante com purê de pêssego) e – sim! – o ilustre carpaccio, que ainda hoje é servido com o molho original: maionese, caldo de carne e mostarda. Legendário, o Harry’s Bar foi declarado em 2001 um marco nacional pelo Ministério Italiano dos Assuntos Culturais. O segredo? Só quem frequenta as casas Cipriani sabe. Mais de 82 anos e quatro gerações depois da abertura do Harry’s Bar, a família Cipriani comanda cerca de 15 estabelecimentos em cidades como 108

Nova York – local do mais famoso dos restaurantes Cipriani – Los Angeles, Miami, Londres, Istanbul, Abu Dhabi e Hong Kong, sem contar as tradicionais casas em Veneza e Porto Cervo. Seu império inclui, além de restaurantes, clubes, hotéis e residências, todos impressos com a mesma marca registrada do famoso Harry’s Bar: hospitalidade e tradição. Além do denominador comum do sucesso em business, a linha Cipriani tem um estilo próprio, um lifestyle único em todas as casas, seja para negócios ou para relaxar, oferecendo sempre o ambiente perfeito para comer molto bene, conversar, ouvir uma boa música, ou dançar a noite toda. Não há possibilidade de sair de um dos ambientes Cipriani sem um sorriso no rosto! No 55th Wall Street, enormes colunas de pedra formam o apoio da fachada e resumem o poder do conceito atemporal dos Cipriani. Por dentro, integração perfeita de estilo de vida e residência, além do altíssimo padrão de serviço 24 horas: mordomos, limpeza, acesso preferencial ao restaurante, entrega de jornal, manobrista, lavanderia à seco, stylists, compras pessoais com serviços de entrega e cuidados com as plantas são apenas alguns dos diversos serviços que envolvem a hospitalidade assinada pelos Cipriani. Outubro 2015

FOTOS DIVULGAÇÃO

CIPRIANI.COM

Outubro 2015

109


Business

O

P

I

N

I

O

N

POR ANA RAIA

IMEDIATISMO E O WORKATION OS IMPERATIVOS DA SOCIEDADE MODERNA Sonhar virou um luxo nos dias de hoje. Vive-se em um mundo que valoriza a eficácia. O principal objetivo é bater metas e alcançar resultados. O ditado popular “Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje” se tornou prérequisito para aqueles que querem ser bem-sucedidos. O imediatismo virou métrica de sucesso e impacta a forma como as pessoas se relacionam no trabalho e na vida pessoal. A rápida modernização dos meios de comunicação com a revolução da informática e o frenético desenvolvimento tecnológico dos últimos anos nos colocou dentro de um redemoinho de informações, chamadas e notificações. Hoje, esperar alguns minutos por uma resposta de mensagem pode parecer falta de respeito para aquele que enviou. Se antes falar ao celular durante um jantar era tido como grande falta de educação, hoje em dia navegar pelos smartphones à mesa se torna mundano, e as pessoas ignoram o fato de que isso representa um distanciamento entre elas no único momento que o mundo capitalista presenteia para se conectar. Nos Estados Unidos, as férias não são remuneradas e muitos empregados optam por não tirá-las a fim de não perderem seu 110

lugar, ou mesmo para evitar o excesso de trabalho na volta. Por mais absurdo que pareça, o mesmo ocorre naquele país com as mães que acabaram de dar à luz. Diferente do que ocorre no Brasil, elas não recebem remuneração durante o período pós-parto pelos dias (poucos, normalmente) não trabalhados, o que faz com que tenham que retornar o mais rápido possível ao trabalho. Como solução para este exigente compromisso do funcionário com a empresa, foi criado o método workation (work = trabalho + vacation = férias), uma espécie de férias onde os trabalhadores saem do ambiente de trabalho, viajam para algum lugar, mas continuam trabalhando. O descanso, reflexão e investimento no autoconhecimento são cada vez mais preteridos em prol da produtividade. Fazendo com que deixemos de lado a saúde, o bem-estar e o tempo com pessoas importantes. Tudo isso é consequência de um sentimento que influencia nossas escolhas, a “gratificação imediata”. Segundo a especialista em educação Rosely Sayão, o imediatismo é algo que nasce conosco. “Nascemos com o comportamento característico de buscar satisfação imediata para vontades e anseios, mesmo que inconscientemente”. Outubro 2015

Ninguém nasce sabendo esperar. Os bebês, quando sentem o desconforto da fome, por exemplo, choram, berram, não importa a hora, local e muito menos se a mãe está disponível para alimentá-los. São as necessidades que chamamos de imperativas. Mas os bebês, ao contrário de nós, ainda são completamente dependentes, o que justifica este instinto. Zygmunt Bauman, um dos sociólogos mais aclamados da atualidade, discursa sobre estes comportamentos e nomeia este momento de modernismo líquido. Ele critica as relações sociais atuais e diz que o mundo hoje é constituído de relações frágeis e fluidas, portanto: “líquido”. “Nós não nos relacionamos, mas nos conectamos, não pela facilidade da conexão, mas pela facilidade da desconexão. Conectamo-nos porque a relação não tem mais a mesma consistência, agora é frágil como uma conexão, e quando não temos qualidade, investimos na quantidade”, comenta Bauman. O ser humano precisa de conexões verdadeiras mas mais ainda de sonhos. É preciso uma inversão de valores, do mundo dos flashes para o mundo da reflexão. Neste caminho, pessoas se tornarão mais felizes com a forma antiga de se conectar.


Tech Mixer Trends

Outubro 2015

113


Mixer

N

E

W

S

N

E

W

S

Mixer

AH, A MULHER DIOR: QUE POSSAMOS CONHECÊ-LAS, QUE POSSAMOS SÊ-LAS. DIOR.COM

CLUBMED.COM.BR

On the Silver Screen

Como se não bastassem a natureza incrível ao redor, as praias maravilhosas, um impecável serviço e a oportunidade de ficar em uma casa privada flutuando no meio do mar azul, o Finolhu Villas, by Club Med, recentemente inaugurado nas ilhas Maldivas, é o primeiro eco resort cinco estrelas do mundo a funcionar 100% com energia solar. Tudo de bom! 114

FOTOS DIVULGAÇÃO

SOLAR POWERED PARADISE

Em uma recente colaboração com o diretor Belga Pierre Debusschere, Dior retrata a beleza de sua mulher cosmopolita em um filme poético sobre a moderna e imprevisível Cosmopolite, apresentando a mais nova coleção de maquiagem feita por Peter Phillips. Phillips, o diretor criativo da casa, trabalha com as formas plurais de feminilidade, utilizando imagens expressivas que inspiraram o cineasta belga, renomado por sua estética singular tanto em filmes quanto na fotografia. Brincando com três looks criados por Philips para a coleção Cosmopolite, Debusschere usa um sistema com três esquemas de iluminação para revelar a modelo, que gira criando efeitos variados. Os looks variam em uma paleta de cinco cores, mas o destaque vai para a sombra prateada e a make azul cintilante. Outubro 2015

A interpretação de Pierre Debusschere nos mergulha numa tempestade sensorial intrigante e luminosa. Utilizando metáforas sofisticadas, o conceito da mulher Cosmopolite da Dior é revelado: emoção, beleza e singularidade.

115


Mixer

M

E

R

C

E

D

E

S

Com motorização V6 BITURBO, o E 400 Avantgarde é fruto de uma nova linguagem de design da Mercedes.

FOTOS DIVULGAÇÃO

M E R C E D E S - B E N Z . CO M . B R

FIRST CLASS IN CLASS E OS TRADICIONAIS SEDÃS CLASSE E DA MARCA ALEMÃ CONTINUAM UM DOS MAIS COBIÇADOS CARROS DE TODOS OS TEMPOS Quem nasce certo permanece bom. A história do Classe E, da Mercedes Benz, com mais de 13 milhões de unidades vendidas no mundo, é um bom exemplo disso. Em 1947, o modelo 170 V saiu da fábrica alemã, no pós guerra, como o primeiro automóvel da marca para transporte de passageiros, inaugurando o que viria a ser a Classe E – até hoje sinônimo de sucesso entre os mais cobiçados modelos de carro. É incrível como os tradicionais sedãs continuam exercendo fascínio entre consumidores exigentes em busca de segurança, desempenho e do que há de mais avançado em tecnologia. Não por menos, cada vez mais, ocupam lugar de destaque entre as referências do segmento premium. O respeito pela linha está diretamente relacionado à qualidade e o rigor que a marca sempre fez questão de imprimir nos mínimos detalhes de seus produtos. A Classe E definitivamente não é exceção. A versão E 250 Turbo Avantgarde, equipada com o motor quatro cilindros turbo com 211cv, além de exibir design elegante e conforto comprovado, tem na estabilidade outra de suas características notáveis. O modelo também possui sistema PRE-SAFE®, capaz de identificar e reconhecer situações críticas e iniciar medidas de prevenção – especialmente em curvas – para maior proteção dos passageiros, o que faz da família Classe E uma das mais seguras da Mercedes-Benz – os carros saem da fábrica com esse equipamento. Os automóveis da linha são ainda reconhecidos por seu baixo 116

Outubro 2015

índice de desvalorização, outra grande vantagem, especialmente quando chega a hora de vender o veículo. Equipamentos exclusivos, altamente sofisticados, são a marca registrada do modelo. Com excelente desempenho, o carro também oferece itens de conforto e segurança, como suspensão DIRECT CONTROL COMFORT, sistema multimídia integrado com entretenimento traseiro, rodas AMG de liga leve com 5 raios duplos e aro 18, entre outros opcionais. Todas as versões do Classe E disponíveis no mercado brasileiro trazem COMAND Online, com conexão com a internet, GPS, Bluetooth, além de Active Parking Assist, com câmera traseira.


P R O F I L E

P

R

O

F

I

L

E

Mixer

Simply love

ANASTASIA ZALOGINA, DIRETORA DA NAKED HEART FOUNDATION ABRE O CORAÇÃO AO FALAR SOBRE SUA DEDICAÇÃO À VIDA DE CRIANÇAS CARENTES.

N A K E D H E A R T. O R G

FOTOS DIVULGAÇÃO

Mixer

Despir-se do mundo das aparências e dos flashes para se dedicar literalmente de coração a quem mais precisa. Essa é uma das razões que fazem a modelo russa Natalia Vodianova, uma mulher exuberante. Com a sua Naked Heart, tem ajudado crianças portadoras de deficiência de seu país, por meio de leilões de arte e eventos em parceria com outras modelos como Karlie Kloss. Natalia entende bem quando o assunto é relacionado as dificuldades culturais de como a sociedade não está preparada para lidar com pessoas que possuem limitações. Recentemente, denunciou uma coffee shop que expulsou sua irmã mais nova Oksana do estabeleciemnto, uma doce garota portadora de paralisia cerebral. Em entrevista exclusiva à LM, Anastasia Zalogina, diretora da Naked Heart, conta como elas tem mudado a vida de crianças russas. Como nasceu a Naked Heart Foundation? Nossa fundadora, Natalia Vodianova se tocou com um evento triste na história da Rússia – o cerco à escola de Beslan, que aconteceu em 2004. Foi então que ela percebeu que precisava fazer algo para tornar este mundo um lugar melhor. Assim começou nossa jornada. Como foi sua experiência professional e sua jornada até aqui? Depois de terminar a universidade me mudei para Moscou pra ganhar experiência em administração e editoração. Odiei. Procurei ajudar pessoas que precisavam de mim e encontrei uma agência de adoção. Naquela época, quando eu entrei na fundação Naked Heart, eu não tinha experiência na organização de caridade, mas eu sabia que era com isso que eu queria trabalhar. Era voluntária como tradutora e em seguida, fui convidada a fazer parte da equipe. Conte-nos sobre as conquistas da

organização e sua experiência favorita. O nosso primeiro evento chamado Play-Park foi o grande destaque. Depois o nosso primeiro Baile do Amor que nos ajudou a ampliar geograficamente nossas atividades lançando um novo programa chamado “Toda criança merece uma família”. E finalmente o sucesso do nosso primeiro fórum para especialistas em desenvolvimento infantil, que foi muito importante. O que você considera o principal motivo do sucesso da NHF? Talvez você ficará surpreso ao ouvir isso, mas acho que bem no início tínhamos tão pouco conhecimento que por isso nos tornamos destemidos. Com o passar do tempo a organização cresceu junto a nossa experiência e conhecimento, mas continuamos gerando ideias, assumindo riscos e seguindo em frente. Você trabalha com a Natalia Vodianova, fundadora da Naked Heart Foundation. Como é ver o sonho dela se tornar realidade e ser parte de algo tão único? Eu fico surpresa em ver como o tempo passa rápido e animada com tudo que ainda está por vir. Estamos sempre seguindo em frente e eu não tenho tempo de olhar para trás, mas me sinto orgulhosa. Qual o futuro da NHF? Quero expandir nossos projetos para todo o país e fazê-los funcionarem com a infraestrutura do estado – em creches, escolas e assistência social. Estou muito ansiosa para o próximo CosMoscow – a única feira internacional de arte contemporânea na Rússia - nela teremos um exclusivo leilão de arte contemporânea chamado Off White, em apoio a fundação. É a segunda vez que o CosMoscow doará todos os lucros do leilão para ajudar o programa “Toda criança merece uma família”. Qual é o seu lema pessoal? “Onde há vontade, há um caminho.” Outubro 2015

119


Mixer

EARTH QUICKLY MELTS

E L I S A S E D N AO U I . O R G

O nome é familiar das passarelas, das capas de revistas, de fotógrafos, de designers, das câmeras. A européia Elisa Sednaoui, nascida na Itália mas criada também entre Luxor, Paris e Cairo, já trabalhou como modelo e atriz para alguns dos maiores nomes do mundo. Fluente em italiano, francês, inglês, espanhol e árabe básico, a bela agora embarca em uma nova jornada com o início de sua fundação homônima, que tem por ideal honrar sua herança e comemorar as nações e comunidades que a inspiraram ao longo dos anos. O trabalho envolve projetos que visam expor os jovens ao aprendizado criativo, a educação através do meio artístico, e o intercâmbio cultural. O projeto piloto tem origem em Luxor, no Egito. A visão é de construir comunidades culturais eco-sustentáveis no coração do oeste de Luxor, onde o pai de Elisa (arquiteto) construiu a casa da família há mais de 30 anos. O foco inicial está em prover atividades extracurriculares, mas a longo prazo almeja-se construir um centro comunitário que ofertará aulas, workshops, treinamentos e eventos culturais. Elisa Sednaoui já visa o próximo passo para a fundação na Itália e também desenvolveu uma linha exclusiva para Yoox chamada “Little-A-Like”. Toda a coleção se encontra disponível no site da marca e 100% das vendas são voltados para a Fundação Elisa Sednaoui. 120

Outubro 2015

O Planeta Terra está no vermelho. O último 13 de Agosto foi o “Earth Overshoot Day,” o dia em que o uso dos recursos naturais excede a capacidade do planeta em reabastecêlos. O planeta se regenera reconstituindo as unidades populacionais de animais e plantas, reabsorvendo o carbono do ar retornando a água limpa aos lagos, rios e aquíferos subterrâneos, utilizando ao máximo tudo que há de oferecer para continuar hospedando a população humana. Infelizmente o processo de crescer um novo membro leva tempo. Desde os primórdios da civilização, o planeta tem reabastecido seus recursos mais rápido do que os seres humanos os consumiam. No entanto, de acordo com o Relatório Planeta Vivo da World Wide Fund for Nature (WWF), desde 1970 cruzamos uma fronteira invisível. A partir de então, a diferença entre a nossa taxa de consumo e taxa de regeneração do planeta se ampliou de uma fenda a um abismo. O primeiro débito ecológico aumentou no final de dezembro. Se não fizermos nada, daqui à 15 anos ele cairá em Junho. 
Para resolver temos que reverter esta tendência e reduzir substancialmente o uso dos recursos naturais. Precisamos diminuir a quantidade de lixo que geramos, e reciclar o máximo possível. A população precisa priorizar a sustentabilidade nas atividades cotidianas, nos trabalhos, no consumo e na cobrança dos governos. Como somos os maiores usuários dos recursos naturais do planeta, somos os principais causadores da emissão de gás causando o efeito estufa e portanto tornando o clima mundial de ponta-cabeça. A WWF, assim como diversas outras organizações, empresas e governos estão lutando pela melhoria mas enquanto não estivermos todos engajados, conscientes e principalmente, agindo, mudando hábitos e práticas, continuaremos roubando recursos naturais que pertencem as futuras gerações de seres vivos. Infelizmente, desta maneira vamos entregar aos nossos netos um planeta completamente inabitável.

P O R C A R LO S S AV I A N I

Mixer

Untimely End

FOTOS DIVULGAÇÃO

N E W S

GOOD GIRL

S T O R Y

Aristofle Onassis foi um poderoso homem de negócios – talvez mais famoso por seus relacionamentos escandalosos com grandes mulheres como a cantora de ópera Maria Callas, Athina Livanos e seu tórrido casamento com Jacky Kennedy. Nascido em Smyrna, no Empério Otomano, em 1906, o grego se mudou para a Argentina em 1923 e se estabeleceu como comerciante de tabaco, Conquistando seu próprio negócio de exportação durante a Segunda Guerra Mundial. Ao fim da guerra, o magnata veio a competir com o Príncipe de Mônaco, pelo controle econômico do país. Em uma série de espertos investimentos subsequentes ao redor do mundo, Onassis tenta criar o Projeto Omega nos anos 60 – com a ambição de impulsionar a economia grega. Porém, o magnata não resiste a morte de seu filho em 1973 e acaba morrendo dois anos depois. Outubro 2015

121


Shape Design Matter

123

Outubro 2015


N

E

W

S

N

O que te fascina na fotografia? É uma busca artística que me permite ser parte do mundo. A fotografia nos torna espectadores e, ao mesmo tempo, parte dela. Qual foi o conselho mais precioso que já recebeu? ‘Finja até conseguir!’. Como surgiu a ideia de combinar fotografia, design e arte? Eu só trabalho com o que me parece natural e interessante. Esta é a razão pela qual eu sempre alterno entre diferentes temas. É difícil encontrar novidade todos os dias mas estou exposta a tanta coisa bacana que faço questão de mostrar pros meus seguidores. Por que você começou a escrever no blog? Em 2008 escrever em blogs era muito inexplorado, não havia blogs de celebridades, ninguém sabia do que se tratava. Eu costumava ter 50 leitores por dia e pensava que era muito. Posso dizer que entrei por curiosidade e um pouco de tédio. O que esperar do futuro? Eu sonho em publicar livros de fotografia e arte. Estou interessada em projetos de móveis e espaços comerciais. Sinto falta de estar mais envolvida no design de interiores.

D E COT I I S . I T

DE OLHO EM VOCÊ

ELA É LINDA. MÃE DE TRÊS FILHOS, FOTÓGRAFA E AUTORA DO BLOG SKETCH42. UFA, A MULTIFACETADA NICOLE COHEN CONSEGUIU PARAR UM POUCO, CONVERSAR COM A LM SOBRE SEUS LINDOS QUADROS E JÁ ADIANTA UMA BOA DICA DE FOTOGRAFIA: “A MELHOR CAMERA É AQUELA QUE ESTÁ COM VOCÊ” 124

Outubro 2015

W

S

Design

Arquiteto e designer de interiores, o italiano Vincenzo de Cotiis faz sucesso nos quatro cantos do planeta. Dono de uma enorme sensibilidade também para as artes plásticas, seus projetos chamam a atenção pelo uso diferenciado de materiais como cobre, ferro, cimento, latão banhado em prata, espelhos envelhecidos, fibra de vidro e muito mais. Sua proposta é “Viver com Arte” no cotidiano por meio de objetos, móveis e espaços que compõem um universo único, contemporâneo. Um bom exemplo é o Hotel Straf, de Milão, onde Vicenzo combina minimalismo com arquitetura clássica italiana. O resultado é surpreendente.

NICOLECOHEN.BIGCARTEL.COM

From Wifi to Wifey

E

“I BREATH ART”

FOTOS DIVULGAÇÃO

Design

POR ANNA BARROSO

Os designers brasileiros Fernando e Humberto Campana são conhecidos pelas peças divertidas que atraem qualquer olho fashion. Por isso, colaboraram com a idolatrada marca, Fendi para criar a Armchair of a Thousand Eyes (a poltrona de mil olhos), lançada na Milan Design Week 2015. Composta por mais de 100 Fendi bag bugs - acessório top da grife usado como enfeites de bolsas - a cadeira se apresenta como um mix colorido de olhos de pelúcia feitos de materiais sofisticados como pele de cabra kidassia, lã da Mongólia e pele de coelho. FENDI.COM

125


Design

P

R

O

F

I

L

E

P

R

O

F

I

L

E

Design

SHAPING SPACE

OS FUNDADORES DA AUTOBAN, MOSTRAM QUE DESENHAR É CRIAR EXPERIÊNCIA COM A UNIÃO DO DESIGN E CONFORTO

FOTOS DIVULGAÇÃO

AU TO B A N 2 12 . CO M

126

Outubro 2015

Como a sociedade começou? Nos conhecemos quando estávamos estudando na Universidade de Belas Artes de Mimar Sinan. Seyhan Özdemir estudava arquitetura e Sefer Çağlar estudava design de interiores. Qual é a identidade da Autoban? A nossa abordagem de design é baseada na criação de espaços que ofereçam experiências inspiradoras. Acreditamos que o design deve fornecer a solidão ou a interação, a pausa ou a estimulação influenciando positivamente as pessoas que ali habitam ou visitam. Qual é a sua meta ao projetar? Quais são seus processos de investigação e criação? Nós nos concentramos em diferentes escalas com a mesma abordagem, filosofia e motivação. Para cada projeto a etapa inicial é a investigação. Esta fase particular inclui: a coleta de dados, compreensão do tema, a procura da forma e dos materiais. A próxima fase é a inspiração. Analisamos os itens físicos, como materiais e formas assim como as ideias conceituais, e definimos a experiência que gostaríamos de oferecer como resultado final. Depois disso, nós trabalhamos de forma semelhante a um diretor de cinema. Primeiro criamos o cenário e em seguida começamos a projetar cada detalhe considerando o seu fator humano. Assim criamos uma história completa da cabeça aos pés com o poder do design. Seja no design interior de uma cafeteria ou no projeto de um grande aeroporto. Está nascendo um novo cenário do design em Istambul e na

Turquia? Certamente tem havido progressos consideráveis no sentido de se desenvolver um novo cenário do design contemporâneo ao longo dos últimos 10 anos. Na Turquia, os designers ainda não são tão afortunados como os designers na Europa por causa da falta de apoio da indústria. Qual foi o primeiro projeto da Autoban e quais dificuldades vocês enfrentaram naquela época? Um café localizado em Ortaköy, um bairro charmoso na margem do estreito de Bósforo. Queríamos criar uma casa de veraneio com uma forte vibração Mediterrânea, mas tivemos dificuldade para encontrarmos os produtos certos. Depois disso é que começamos a projetar nossa própria linha de mobiliário e iluminação. Os recursos modernos te ajudam a dar vida as suas ideias? A tecnologia torna quase tudo possível. Temos agora as impressoras 3D e a tecnologia do mármore fino, mas a nossa grande preocupação em relação ao futuro é que um dia tudo vai ter a mesma aparência. A maioria dos jovens designers depende muito da tecnologia. O design não se resume a tecnologia. Ele tem um propósito. Quais são seus planos para o futuro? Vocês podem nos contar o que esta por vir? Nosso plano a curto prazo é mover nosso estúdio para Bomonti. Nós vamos criar uma base de design dentro de um edifício industrial histórico que abrigará tanto o nosso estúdio como também uma loja de design onde estaremos apresentando nossa própria linha de produtos. Outubro 2015

127


Design

N

E

W

S

N

KNOCK, KNOCK

E

W

S

Design

HUDSONFURNITUREINC.COM

Localizada no coração do elegante e trendy Meatpacking District em Nova York, está a exclusiva loja de móveis de conceito e design Hudson Furniture. Fundada há 10 anos pelo talentoso Barlas Baylar, a marca desenvolve seus produtos através da fusão de formas e materiais chiquérrimos

YOUR LOVE IS KING U S . C H R I S TO F L E . CO M

POR MARIANA MENEGHEL

O rei das flores

P O R L I S A S I LV E R M A N

128

FOTOS DIVULGAÇÃO

A partir de materiais arquitetônicos inovadores e esculpidos à mão, Baylar, influenciado pela art deco, cria obras magníficas e dramáticas como lustres de metal e mesas de laca e madeira. Descobrir este showroom é encontrar um mundo onde os aspectos tradicionais da natureza encontram o mundo moderno com cunho sustentável – peças em madeira petrificada datadas de 300 anos atrás combinadas com ouro reluzente, recebem detalhes em vidro e outros materiais mais modernos. Importante ressaltar que a madeira hospedada no estúdio com mais de 4 mil metros quadrados, pertencem a lotes de reaproveitamento ou arvores que foram caíram naturalmente. As peças são feitas sob encomenda. Outubro 2015

J E F F L E AT H A M . C O M

AMERICANO, JEFF LEATHMAN É FILHO DE ORGULHOSOS JARDINEIROS. DIZ ELE QUE O PRIMEIRO CONTATO E FASCÍNIO COM AS FLORES VEIO DA INFÂNCIA ONDE OBSERVAVA O AMOR DOS PAIS PELAS CORES E PELOS CHEIROS DAS DIVERSAS FLORES DECORANDO O QUINTAL. JEFF NÃO SE DEDICOU A ESTA PAIXÃO DE PRIMEIRA, FOI MORAR EM LOS ANGELES, ONDE ESTUDOU A ARTE DE PAIGE DIXON E FOI TRABALHAR NA FLORICULTURA DO FOUR SEASONS DE BEVERLY HILLS. AGORA, COMO DIRETOR DE DECORAÇÃO FLORAL DO SUPER-HOTEL, TAMBÉM EXPÕE SUAS CRIAÇÕES ARTÍSTICAS NO ELEGANTÍSSIMO HOTEL GEORGE V, DE PARIS. Outubro 2015

Falar em prataria é sinônimo de Christofle, importante maison especializada no metal desde 1836. A novidade para este ano é a parceria com o célebre designer de interiores Martyn Lawrence Bullard, queridinho entre o eixo L.A. e London, que tem em seu currículo um lista invejável de clientes como Tommy Hilfiger, Elton John, Eva Mendes e Ellen Pompeo. Animado, ele comemora a parceria revelando-se fã da marca: “Eu sempre fui fascinado pela prata, desde criança já coleciona colheres do material. Estou empolgado com a oportunidade de projetar uma coleção de coroas para a Christofle. Apresentando um lado glamouroso, mas também moderno. A Silver Kingdom Collection reflete meu amor pelos materiais e pela arte da qual a Christofle é renomada”. As coroas foram inspiradas em peças já feitas há muitos anos atrás especialmente para o rei LouisPhilippe e para Casa de Orleans. Os projetos do designer para a coleção foram influenciados pela forma das joias originais da coroa francesa e a coleção foi criada inteiramente no reverenciado atelier Haute Orfèvrerie da Christofle. A edição numerada e limitada de 20 coroas de prata, customizável com enfeites e pedras é vendida por US$10.000. A coleção também inclui uma coroa banhada a prata com toques de ouro, vendida por US$ 2.500. Ambas estão disponíveis para personalização e são feitas de acordo com a preferência do majestoso cliente.

129


Virtue Art Culture

Outubro 2015

131


N

E

W

S

N

O livro Art Basel Year 45, com edição caprichada do estúdio suíço de design Gavillet & Rust, mapeia o universo da exposição em 2014 (nas versões de Basel, Miami e Hong Kong), por meio de perfis dos participantes e das obras apresentadas naquele ano nas três cidades. O resultado não poderia ser melhor: um panorama up to date da arte contemporânea mundial. ARTBASEL.COM

100 YEARS OF SHINE A elegância do andar de uma pantera, reflete a mulher Cartier, sofisticada e atemporal. No livro que comemora os 100 anos do símbolo criado por Jeanne Toussaint, o leitor se deslumbra e debruça sob as páginas que estão bem de ser um catálogo de jóias, a publicação traz por meio de fotos, ilustrações e croquis, a história do felino – desde os desenhos nas cavernas até a Pantera Cor-de-Rosa do cinema. ASSOULINE.COM

132

E

W

S

45 GOLDEN YEARS

Outubro 2015

Art

POR MARIANA AMARAL

IRONICALLY UNTITLED Nas areias de Miami Beach, de cara com a Ocean Drive, a quarta edição do UNTITLED banha sob o sol em grandes tendas brancas projetadas pelo escritório KR&P de Terence Riley, John Keenen e Pissarro de arquitetura e curadoria, com pegada em sustentabilidade, urbanismo e design. Fundada por Jeff Lawson e Alan Randolph, a UNTITLED lapida artistas emergentes na arte contemporânea, ousando ao estrear galerias de renome internacional e coletivos de arte nonprofit, tornando a visita à feira uma sequência de descobertas.

FOTOS DIVULGAÇÃO

Art

ART-UNTITLED.COM

DROP THE MIC

CANTORA INGLESA JESS GLYNNE ESTÁ FAZENDO GRANDE SUCESSO COM APENAS 25 ANOS DE IDADE COLECIONANDO INÚMEROS FÃS DA MÚSICA POP. DE VOZ FORTE E VIBRANTE, A CANTORA CONQUISTOU AS RÁDIOS DO REINO UNIDO COM O SEU SINGLE, HOLD MY HAND OCUPANDO O PRIMEIRO LUGAR NAS COMPETIÇÕES DE MELHOR MUSICA POR TRÊS SEMANAS! ALÉM DA PERFORMANCE EM CIMA DOS PALCOS, JESS ENCANTA OS JOVENS PELO SEU ESTILO EXCÊNTRICO AO DESFILAR CHEIA DE ESTILO NAS RUAS E NOS PALCOS. J E S S G LY N N E . C O . U K Outubro 2015

133


Art

P

R

O

F

I

L

E

P

FROM SKETCHES

FOTOS DIVULGAÇÃO

TO STARDOM

134

Outubro 2015

Como você se interessou em arte? Com 9 anos de idade, meus pais me matricularam em uma classe de desenhos animados com o lendário animador da Disney, Al Baruch. Ele incitou uma confiança artística que ressoa dentro de mim até hoje. Na mesma época eu descobri o Photoshop e a manipulação das fotos. Demorou algum tempo para que estes dois meios distintos convergissem, mas finalmente aconteceu em 2011, quando me tornei o consultor chefe de design para uma das maiores empresas de hospitalidade nos EUA. Eu supervisionei todos os aspectos do desenvolvimento e identidade da marca. Isso me ajudou a construir minha infraestrutura e meu próprio estilo. Como você desenvolveu a criatividade e originalidade do seu trabalho? Minhas técnicas e meu estilo estão sempre evoluindo mas o núcleo de toda a minha arte é o collage - geralmente vintage. Esse tipo de junção de materiais torna cada peça uma imagem unicamente distinta e dimensional. Como você descreveria o seu estilo artístico? É uma mistura de três coisas: o pop com um toque da natureza lúdica da arte de rua, o desenho artístico e o desenho em quadrinhos e, por fim,

R

O

F

I

L

E

Art

DESDE PEQUENO JOJO ANAVIM PARTICIPAVA DAS AULAS DE ARTE DO LEGENDÁRIO ANIMADOR DA DISNEY AL BARUCH, COMO SE NÃO BASTASSE, COMPLEMENTOU SUAS INFLUÊNCIAS ARTÍSTICAS COM ROBERT RAUNCHENBERG E JASPER JOHNS. EM ENTREVISTA EXCLUSIVA À LM, O JOVEM ARTISTA NOVAIORQUINO FALA SOBRE SUA ARTE a gravura e a colagem. Quem são seus artistas favoritos? Meu artista favorito de todos os tempos é Robert Rauchenberg. Outros que eu também gosto são: Jasper Johns, Roy Lichtenstein, Franz Kline, Jean Michel Basquiat, e obviamente Andy Warhol. Quanto a artistas atuais, eu realmente admiro o trabalho de Retna, Romero Britto e Peter Tunney. Todos nós estamos participando de um projeto de caridade para o New York Yankees. Eles selecionaram 30 artistas para transformar as cadeiras originais do estádio em obras de arte únicas. O projeto é chamado CitySeats e será exibido pela cidade de NY neste outono. Eu sou muito grato por fazer parte desta iniciativa. Contenos sobre a sua parceria com o Sr. Thierry Brainwash? Thierry e eu temos muitos amigos em comum. Um deles me ligou uma noite e perguntou se eu estaria interessado em ajudá-lo com uma exposição de última hora no SoHo. Eu certamente concordei, entrei em um táxi e fiquei lá até as 5 horas da manhã. Foi uma grande experiência e nós nos tornamos amigos desde então. O que inspira você? A cidade de Nova York, onde eu moro - a diversidade, a arquitetura art deco, o estilo

do Lower East Side e East Village, as lojas meticulosamente arrumadas nas avenidas Madison e Fifth e o Central Park. Tudo isso torna Nova York o lugar perfeito para artistas se inspirarem. O que influencia seu trabalho? O tema central em todo o meu trabalho é o contraste entre as classes - especificamente a relação entre a cultura de celebridades e as marcas de consumo. Qual é a obra de arte mais valiosa em sua coleção? Eu criei uma obra de arte de aniversário para a minha mãe - esta não tem preço! Qual foi a primeira obra de arte que você adquiriu para sua coleção particular? Minha primeira peça de arte foi um original Peter Tunney. Eu o conheci através do evento de caridade Art for Life que ambos participamos neste verão e ele me convidou para conhecer seu estúdio TriBeCa. Depois disso, eu também adquiri peças de arte de Faile e Kaws. Qual é o segredo de seu sucesso? Muito trabalho! Eu estou constantemente trabalhando horas extras e tentando novos meios e técnicas. Se eu não estou no estúdio, eu estou conhecendo pessoas novas ou viajando o mundo afora. Quais seus outros talentos? Eu sou muito bom em mimar minhas duas sobrinhas.

PARA CONHECER MAIS SOBRE O TRABALHO DE JOJO ANAVIM ACESSE: WWW.JAVISUAL.COM

Outubro 2015

135


Art

N

E

W

S

N

E

W

S

Art

Focus on Elegance Zazdarovje! 

Slim Aaron (1916-2006) começou sua brilhante carreira fotografando os horrores da Segunda Guerra Mundial, mas só se tornou admirado por seus retratos elegantes da alta sociedade nas décadas de 60 e 70 nos Estados Unidos. Ele, como poucos, sabia seduzir gente rica e famosa através da lente. Clark Gable, Marilyn, Salvador Dali, Lauren Bacal, Humprey Bogart e Truman Capote, em geral fotografados em seus refúgios na Riviera francesa ou na Toscana, povoavam o seu universo ao lado dos ídolos do mundo da moda e da música. Segundo o próprio Aaron, o tema de suas fotos girava sempre em torno de “gente atraente, fazendo coisas atraentes, em locais atraentes”. Não por menos suas imagens coloridas – verdadeiras crônicas da boa vida – constantemente apareciam em edições de revistas da época, hoje suas fotos avaliadas em milhares de dólares são objeto de desejo quando o assunto é décor.

G A R AG E CCC . CO M

A instituição reflete sobre desenvolvimentos atuais na cultura russa e internacional, criando oportunidades para o diálogo público e a produção de novos trabalhos e ideias em Moscou. Um lugar para pessoas, arte e ideias criarem história.

Em Junho, o mundo gelado e belo da Rússia recebeu uma série de exposições, performances, projeções e eventos comemorando a reabertura do Garage Museum of Contemporary Art, no Parque Gorky, em Moscou. O arquiteto Rem Koolhas repaginou um antigo prédio da era soviética para abrigar o museu, que estreou com gosto. Exibições interativas com artistas como a japonesa Yayoi Kusama, o argentino Rirkrit Tiravanija, e o eslovaco Julius Koller fazem parte de uma enorme programação de cinco grandes projetos internacionais. za váše zdoróv’je !

Para alavancar seu programa de arte, o The Surrey tem o prazer em apresentar sua mais nova curadora, historiadora e expert em arte, Natasha Schlesinger – fundadora do premiado ArtMuse. A parceria oferece experiências excepcionais dentro do hotel e promete ser um verdadeiro deleite para os olhos do público. Acima de tudo, Natasha acredita que arte deve ser envolvente e emocionante, por isso, trouxe ao The Surrey um toque a mais de modernidade junto a todo seu conhecimento.

FOTOS DIVULGAÇÃO

THE ART AT THE SURREY

T H E S U R R E Y. C O M

136

Outubro 2015

Outubro 2015

137


Wellness Health Balance

Outubro 2015

139


N

E

W

S

N E W S

SOCIAL JET LAG

165 Years Caring for You KIEHLS.COM

Foi em 1851 que a pequena farmácia do Sr. John Kiehl abriu suas portas no East Village em NY. Funcionando como uma botica de remédios homeopáticos e fitoterápicos. Alguns anos depois seu pupilo, o doutor Irving Morse, compra a marca e passa toda a sua experiência e valores para o seu filho Aaron Morse. A história completa você encontra no site da Lifestyle Mag. 140

Outubro 2015

Viajar para países distantes no exterior tornou-se uma maratona comum ao longo dos últimos 10 anos, colecionando destinos exóticos em nossos passaportes faz parte da nossa jornada na Terra. No entanto nós permanecemos frágeis em relação ao jet lag. Não importa o quão adaptado possamos parecer do outro lado do planeta, o nosso corpo, mente e alma precisam de alguns dias para adaptarem-se ao novo fuso horário. A melhor maneira de lidar com o jet lag é ajustar o relógio para o horário de destino assim que entrar no avião. Assim o aventureiro se adequa a agenda do local de destino. Dependendo do horário do destino, o viajante deveria fechar os olhos ou se segurar para dormir somente no horário apropriado (por volta das 21hrs). Ao chegar, é recomendado manter o stress em controle, portanto relaxar no hotel, fazer uma massagem ou até dar uma caminhada para esticar as pernas seria uma boa ideia, tudo de acordo com o horário do local. Mesmo que traga sofrimento, é melhor esperar para dormir o mais próximo ao horário certo do sono para garantir a rápida cura do jet lag. O uso de medicamentos não é aconselhado, seguindo estes meros passos o sono as 2 da tarde e os olhos de coruja as 2 da manhã não acontecerão. O jet lag faz parte do jogo, seja paciente e responsável pois sempre vem seguido de outro, aquele que você sente quando volta para casa!

POR ALEXANDRA LORAS

Health

FOTOS DIVULGAÇÃO

Health

BATHE LIKE GODS

A N C I E N T B AT H S N Y. C O M

Quem traz de volta esta tradição é o templo de relaxamento do grupo espanhol Aire, que oferece aos clientes 15 anos de experiências de banho com técnicas antigas dos gregos e romanos. Por lá, um único objetivo: conectar corpo e mente em um momento sensorial relaxante. O oásis, que tem unidades em Sevilha, Barcelona, Almería e Nova Iorque, é procurado por locais e turistas ansiosos por instantes de puro deleite e equilíbrio energético. O banho de águas termais, que mistura diferentes tipos de temperaturas com a aromaterapia, é o carro-chefe do spa urbano, com seu procedimento que ativa a circulação do corpo, eliminando o estresse do dia a dia. Ao sair do banho quente, deus e deusa são levados à salinha de massagem relaxante a luz de velas. Tradição, inovação e profissionalismo marcam todos os serviços oferecidos.

BEAUTY SLEEP

P O R N ATA L I E G E E

PM, é a hora de refinar a pele, estimular a reprodução celular, produção de colágeno e hidratá-la. É preciso salvar e rejuvenescer a pele da exposição aos radicais poluentes das ruas e efeitos nocivos do sol. Os principais ingredientes para reparar a pele: Resveratrol - um antioxidante que promove a reparação para uma melhor luminosidade, elasticidade e densidade da pele. Retinol - um ingrediente altamente concentrado para refinar a pele estimulando a regeneração celular reduzindo os sinais de envelhecimento. Ácido Hialurônico - não se engane pela palavra “ácido” – neste caso é um ingrediente de hidratação que mantém a pele macia e saudável.

Outubro 2015

141


Health

P

R

O

F

I

L

E

P R O F I L E

INSPIRADO NA PAIXÃO DA SUA AVÓ POR FRAGRÂNCIAS, ALEXANDER VREELAND CONSTRÓI UMA DAS MARCAS MAIS AGRADÁVEIS DE PERFUME. AQUI ELE PINTA A IMAGEM DA, TÃO ADORADA, DIANA VREELAND.

FOTOS DIVULGAÇÃO

The Past in a Flask

Como é que você começou no mundo do luxo? Você pode nos contar sobre sua jornada? Comecei minha carreira gerenciando o departamento de comunicações na Ralph Lauren, depois me tornei responsável por vendas e marketing na Giorgio Armani e trabalhei lá por 12 anos. Eu tenho uma paixão pelas marcas de luxo e analisei cuidadosamente como criar uma marca americana de alto padrão. Embora o nome de Diana Vreeland continue a ser um fenômeno nas mídias sociais e digitais, nós ainda necessitamos estabelecer o produto no formato tradicional do varejo. As pessoas precisam descobrir nossa coleção e nossas fragrâncias. Por que você escolheu fragrâncias? Como tudo começou? Minha avó vivia em um mundo muito olfativo - ela adorava perfumes, velas perfumadas, potpourri e incenso. Além de acender todos essas essências ao mesmo tempo, ela também aplicava fragrâncias em travesseiros com agulhas hipodérmicas e adicionava perfume nos dutos do ar-condicionado do The Met - onde ela foi consultora especial. Ela simplesmente não podia imaginar uma vida sem aromas e fragrâncias. A marca precisava ter uma personalidade clara. Isso se aplica nas fragrâncias e na moda. Nós começamos este projeto com um estudo olfativo de 35 páginas e o apresentamos a várias casas de perfume antes de escolher a IFF. Queremos manter a personalidade de Diana Vreeland clara em cada fragrância, brincando com sua paixão pelas cores e usando

Health

suas palavras na embalagem. Qual é a essência da empresa? Nós nos esforçamos para fazer uma coleção de fragrâncias que reflita o destemor e a ousadia da minha avó. Nós queremos ter certeza de que tudo que criamos é único e verdadeiro para a nossa marca. Quais são suas paixões além de seu trabalho? Eu me considero uma pessoa ativa, pratico yoga, que é muito importante para mim. Além de usar a minha esteira todos os dias, acabo praticando yoga 3 ou 4 vezes por semana. Minha bicicleta é o meu meio de transporte em Nova Iorque e quando não tem jeito de pedalar eu ando o máximo possível. Eu também amo arquitetura então projetei nosso apartamento na cidade, e a nossa casa de campo. Quais são os seus planos futuros? Como estamos lançando nossa oitava fragrância, eu acho que temos legitimidade em várias outras categorias de beleza. Minha avó era conhecida por sua paixão por perfumes para casa, por suas unhas e lábios vermelhos, e pela franqueza sobre produtos de banho e corpo. Estamos criando produtos em cada uma dessas categorias que acreditamos serem únicos e muito fieis à personalidade de Diana Vreeland. O que você aprendeu com esta jornada e qual é a coisa mais valiosa que você aprendeu com a sua avó? A citação favorita da minha avó era “Há apenas uma vida boa, a vida que você quer ou a vida que você mesmo cria.” Ela me inspirou a criar esta coleção!

D I A N AV R E E L A N D . C O M

142

Outubro 2015

Outubro 2015

143


Health

S TE O N W RS Y

POR LUANA FIENNES

POW SPOT

O HOTSPOT DO FITNESS AGORA É O BOXING E EM DESTAQUE É A ACADEMIA “BOXING PLUS WELLNESS,” EM TAIWAN, QUE SUGERE UM NOVO LIFESTYLE NO RAMO.

FOTOS DIVULGAÇÃO

Boxing mescla treinamento de peso, habilidade e luta, e vem conquistando beldades como Gisele Bündchen e Gigi Hadid. A pratica usa técnicas profissionais esportivas para beneficiar todos os gêneros e idades, derretendo até 900 calorias em uma só sessão. O destaque é a academia em Taiwan, “Boxing Plus Wellness” que sugere um novo lifestyle no ramo. Minuciosos nos detalhes e preocupações com seus clientes, o espaço conta com uma equipe composta por campeões olímpicos em artes marciais, um sistema que purifica o ar, luzes que ressaltam o tom da pele e não agridem os olhos. Para os que amam o ar puro de esportes outdoor, não há com o que se preocupar, a academia disponibiliza um sistema moderníssimo de ventilação que detecta o CO2 presente no ambiente e o troca o automaticamente por ar fresco. B OX I N G P L U S . T W

144

Outubro 2015


Taste Food Drinks

Outubro 2015

147


Food

N

E

W

S

N

E

W

S

Food

QUEM DIZ QUE COMIDA SAUDÁVEL NÃO ESTÁ ASSOCIADA AO PRAZER CERTAMENTE NÃO CONHECE THE GOOD LIFE EATERY, RESTAURANTE QUE ACABOU DE INAUGURAR SUA MAIS NOVA FILIAL EM LONDRES. QUALQUER UM QUE GOSTE DE AMBIENTES DESCOLADOS E COMIDA SABOROSA PRECISA EXPERIMENTAR ESTA PEQUENA JOIA . DEPOIS DO SUCESSO DO PRIMEIRO BAR ABERTO HÁ DOIS ANOS EM CHELSEA PELA DUPLA YASMINE LARIZADEH E SHIRIN KOUROS, QUE CONQUISTOU O PÚBLICO COM CARDÁPIO METICULOSO E SUCOS PRENSADOS A FRIO, A NOVA CASA CHEGA AO BAIRRO DE MARYLEBONE COM PROPOSTA SIMILAR. “OFERECEMOS PRATOS SUBSTANCIAIS QUE PASSAM LONGE DAQUELES SUGERIDOS POR DIETAS ESTRITAMENTE DETOX”, REVELAM AS DONAS. ALÉM DE SANDUÍCHES, TIGELAS DE AÇAÍ E SHAKES ENERGIZANTES, HÁ IRRECUSÁVEIS OPÇÕES QUE NOS LEMBRAM DO TRADICIONAL BRUNCH DOS DOMINGOS COMO OS OVOS BENEDICT FEITOS AO MOLHO HOLLANDAISE DE AÇAFRÃO E IOGURTE.

Restaurante renomado, The Good Life Eatery abre filial em Marylebone apostando na mesma fórmula que o consagrou: cozinha moderna, saudável e, acima de tudo, cheia de sabor. 148

BBR.COM

THE KEY TO DINE FOTOS DIVULGAÇÃO

Someone said diet?

G O O D L I F E E AT E R Y. C O M

A tradicional cave de vinhos, Berry Bros & Rudd, lançou um novo projeto que promove jantares com grandes chefs internacionais em um espaço intimista instalado no subsolo da clássica loja de Londres. Os Cellar Series Dinners são bastante exclusivos – somente 40 convites à cada ocasião são disponibilizados. No primeiro deles, ocorrido em Julho, o local firmou parceria com o restaurante indiano Gymkhana, recentemente estrelado no Guia Michelin, no qual serviram seis pratos, todos harmonizados com vinhos finíssimos. No mês de outubro, quem comanda as panelas no Cellar Series Dinners é a equipe do resto londrino, Medlar, uma das casas mais

famosas de Chelsea, UK. Os encontros ocorrem sob a supervisão do chef Stewart Turner, que acredita na importância de uma harmonização precisa para uma experiência gastronômica completa. “A maioria dos vinhos mais finos que existem só é apreciada de forma completa quando acompanhados por uma boa comida”, diz. De acordo com Geordie Willis, diretor criativo da Berry Bros. & Rudd, a iniciativa é algo inédito na tradicional história da empresa, que tem mais de 300 anos: “O novo espaço da adega é diferente de qualquer coisa que já fizemos e nós estamos realmente animados com os restaurantes que participarão dos eventos ao longo dos próximos anos.” Outubro 2015

149


Food

P

R

O

F

I

L

E

P

R

O

F

I

L

E

Food

Chocolate Makers

PIONEIROS NA ARTE DE CHOCOLATE ARTESANAL, OS IRMÃOS MAST CONQUISTARAM FÃS E HOJE SE DEDICAM A EXPERIMENTOS QUE INCLUEM ATÉ CERVEJA DE CACAU!

150

Junho 2015

FOTOS DIVULGAÇÃO

M A S T B R OT H E R S . CO M

Em 2007 nasceu a The Mast Brothers, uma loja de chocolates artesanais aberta no coração boêmio de Nova York, o bairro de Williamsburg, no Brooklyn. Por trás da empreitada estão os barbudos Rick e Michael Mast (um ex-músico estudante de gastronomia e um ex-produtor de cinema), que juntos decidiram fabricar chocolate de um jeito bastante autoral, participando de todo o processo de produção – desde a seleção dos grãos até o embrulho. Não demorou muito para que suas barras, feitas de um jeito inovador até então nos Estados Unidos, conquistassem o público local de hipsters e chegassem à cozinha de grandes chefs e socialites, dando projeção mundial aos rapazes. Hoje, além de uma flagship e um laboratório experimental, os irmãos abriram uma filial em Londres e são referência quando o assunto é o doce mais popular do mundo. Os irmãos Mast acreditam que o segredo de um bom chocolate começa na escolha dos grãos de cacau. Com isso em mente, a dupla contrariou a regra natural do mercado e, ao invés de buscar a matéria-prima em grandes corporações europeias, foram direto às fontes, comprando grãos de embarcações vindas de países exportadores como República Dominicana, Madagascar e Tanzânia. Depois disso, Rick e Michael mergulharam nos testes até conseguirem fabricar barras sem adição de gorduras, conservantes e acidulantes. Em pouco tempo seus produtos começaram a ser exportados para diversos locais do mundo e

entraram nas cozinhas de renomados chefs, como Daniel Humm e Thomas Keller. A primeira loja abriu as portas em 2007 e, dois anos depois, fundaram a fábrica oficial. As experiências se intensificaram e os ingredientes inusitados, como vinho tinto, flor de sal e pimenta, foram adicionados ao chocolate. Hoje, o portfólio da marca tem 19 tipos de barras, das quais dez são “blends” de diferentes grãos raros. Neste ano, Londres foi a primeira cidade a receber uma loja física fora dos Estados Unidos. A localização foi escolhida porque, segundo os irmãos, os britânicos sempre fizeram parte dos maiores fãs da empresa e da forma como o chocolate é feito. Apesar de a equipe ter crescido (hoje são mais de 50 funcionários), Rick e Michael garantem que o processo de fabricação continua sendo totalmente artesanal. “Há, inclusive, uma lista de espera grande de lojas que querem receber nossos produtos, pois não conseguimos atender a toda a demanda”, conta a dupla felicíssima pelo sucesso merecido. O que eles não deixam de lado são as pesquisas. Uma das primeiras invenções a sair do laboratório de Brooklyn direto para a flagship foi a cerveja não-alcóolica, feita com cacau recém-torrado, cana-de-açúcar e água antes de ser gaseificada com nitrogênio. “A história das bebidas feitas com chocolate ganhou um novo capítulo com esse tipo de cerveja. O futuro dessas experiências terá resultados incrivelmente refrescantes, complexos e deliciosos, pode apostar”, diz Rick. Difícil duvidar. Outubro 2015

151


Food

N

E

W

S

N

Gordon Ramsay acaba de abrir o Bread Street Kitchen em Cingapura, seu terceiro restaurante na Ásia. O local, instalado num espaço de dois andares em frente à Marina Bay, oferece um menu de pratos clássicos britânicos reinventados pelo chef-celebridade, como a Shepherd’s Pie (um escondidinho de carne coberto por purê de batata), a tradicional barriga de porco e o carpaccio de vitela.

Ingrediente apreciado mundialmente há mais de três mil anos, as trufas, pode ser degustado em algumas das mais refinadas casas ao redor do mundo. Conheça três restaurantes luxuosos que oferecem pratos com a iguaria

Food

L E C H A B A N A I S LO N D O N . CO M

FOTOS DIVULGAÇÃO, FRANCESCO TONELLI

FOTOS MARINA BAY SANDS

TA R T U F I A N D F R I E N D S . I T

Outubro 2015

S

THE PRIMORDIAL INGREDIENT

Gordon Ramsay Makeover!

152

W

Bryce Shuman, antigo chef do consagrado Eleven Madison Park, abriu o restaurante Betony há dois anos em Nova York e, desde então, sua casa conquistou diversos prêmios incluindo a tão desejada estrela Michelin. O menu do hotspot é incrivelmente sofisticado, focando na moderna cozinha nativa. Amantes de trufas frescas podem se deliciar com diversos pratos preparados com o ingrediente, a exemplo do pappardelle com aspargos e pimenta negra, um dos hits do chef. Mais inusitado, no entanto, é o milho doce com parmesão, que está na moda na cidade inteira porém aqui leva as deleitáveis trufas.

B E T O N Y - N YC . C O M

G O R D O N R A M S AY R E S TA U R A N T S . C O M

O ESTRELADO CHEF BRITÂNICO GORDON RAMSAY REINVENTA TRADICIONAIS PRATOS BRITÂNICOS EM SEU NOVO RESTAURANTE BREAD STREET KITCHEN, ABERTO AGORA EM CINGAPURA. EM MARINA BAY, O LOCAL INVESTE NA COMIDA CLÁSSICA E NA MODERNA MIXOLOGIA

E

Outro point gastronômico de luxo na Big Apple é o Del Posto, reconhecido como um dos melhores italianos da cidade. Aberto em 2005 no Meatpacking, é tocado por Mario Batali, chef que também é um dos sócios do mercado gourmet Eataly. Não deixe de pedir um vinho da extensa carta com preciosidades engarrafadas na Itália e, para acompanhar, escolha a saladinha de alface incrementada com os cogumelos de entrada. Como principal, prove o bife de carne crua, acompanhado de trufas negras e batatas fritas crocantes. Já no Tartufi & Friends, casa italiana com filiais em Londres, Milão e Roma, as trufas são protagonistas em todos os pratos salgados. Preparese, o aroma já na entrada é simplesmente bárbaro.

Outubro 2015

153


View

“ KNOWLEDGE

IS LEARNING SOMETHING EVERYDAY. WISDOM IS LETTING GO OF SOMETHING EVERY DAY ” P R OV E R B I O C H I N Ê S

154

Outubro 2015


156

Outubro 2015

Gabriel Macht - Published by Claur #19 - follow @byclaur  

Gabriel Macht - Published by Claur #19 - follow @byclaur

Gabriel Macht - Published by Claur #19 - follow @byclaur  

Gabriel Macht - Published by Claur #19 - follow @byclaur