Page 42

Pa r te I I I - Meios O per aci onai s

C C L e o p a r d 2 A 6 – A Manutenção de Tor r e 1Sar SMat Matias Daniel

“Quanto mais complexo um sistema, maiores as probabilidades de avariar”. Esta foi a frase que me ficou gravada numa conversa com um Comandante de Pelotão, e que o Projeto Leopard fez questão de me mostrar. A equipa de Manutenção de Torre do Carro de Combate (CC) Leopard 2A6 foi renovada em 2013, e tem sido a mesma a garantir a operacionalidade de um dos sistemas de armas mais complexos e modernos da Brigada Mecanizada (BrigMec). Uma Questão de Atualização A BrigMec afirma-se como a força decisiva em combate, em grande parte devido ao seu potencial blindado e de fogo. Corria a primeira década deste século, e o CC M60A3TTS era indubitavelmente um dos símbolos desta força, aliado à mobilidade, fogo e poder de choque desse Sistema de Armas. No entanto, a oportunidade de atualização deste sistema de armas surgiu no horizonte, e os CC Leopard 2A6 encontraram nos terrenos de Santa Margarida, a sua nova casa. Comprados em segunda mão à Holanda, chegaram com a promessa de revolucionar a capacidade blindada da Brigada, a par de um longo trabalho de manutenção deste mesmo potencial. Foram chegando, e atualmente contamos com 37 viaturas. A manutenção foi acautelada como uma das áreas mais importantes a intervir, e foi enviada uma equipa à Holanda. Essa equipa frequentou o curso de manutenção do CC Leopard 2A6, englobava técnicos de Casco e Torre, e pessoal da área da eletrónica e soldadura. No âmbito do Armamento e Torre,

Fig. 2 - Leopard 2A6 e M60A3 TTS lado a lado, ambos em manutenção.

o curso durou cerca de 7 meses, onde se abordou a Torre de fio a pavio. “Os instrutores holandeses até nos criaram um manual com eletrónica básica, para aprendermos” relata o SAJ Nuno Cristóvão, que integrou a equipa, e foi o último mecânico de Torre deste grupo a abandonar o projeto. As noções de eletrónica passaram a fazer parte de um processo que até aqui não era fundamental nos nossos carros de combate, mostrando a importância crescente da Mecatrónica para a formação das novas gerações de técnicos ao serviço do Exército. Esta equipa inicial da qual faziam parte 4 sargentos Mecânicos de Torre, trouxe com ela a ferramenta e os conhecimentos para intervencionar a Torre em todos os aspetos de Apoio Direto.

Formação Necessária e Indispensável Entrar no projeto Leopard significava uma coisa: Santa Margarida seria a casa desse militar por 5 anos. Corria o ano de 2013, e há muito se identificava a necessidade de garantir a continuidade do projeto, mediante a formação atempada e adequada, a par de atividades sobrepostas entre a nova equipa e a veterana. A formação saiu, mas não seria nos mesmos moldes da anterior: o estágio de 6 semanas passaria a ser na Brigada, e seria vocacionado para as Manutenções Sistemáticas, em detrimento das Manutenções Corretivas. Era o que as 6 semanas de formação permitiam. O 1SAR André Brandão é o técnico de Torre mais intimamente ligado ao projeto. Desde a sua colocação na BrigMec, tem orientado o seu trabalho quase exclusivamente para o Projeto Leopard, sendo o único da equipa atual que realizou uma sobreposição de tarefas com a equipa anterior. “Os desafios são enormes na manutenção de um carro de combate. Há sempre novo desafio para manter a viatura operacional. O Leopard é um bom carro, e como tal precisa de uma boa manutenção para preservar o seu bom desempenho”. Atualmente em missão pela OIR – Iraque, mostra-se preocupado com as lacunas na formação, que trariam melhores resultados na resolução de avarias. Do conhecimento adquirido pela equipa de 2008, muito não foi transmitido, ou encontra-se irremediavelmente fragmentado. Fornecer, Manter, Reparar

40

Mecanizada Brigada

EM Ó RI A

Fig. 1 - Remoção da Torre do Leopard, a cargo da Rheinmetall Landsysteme no BApSvc, 2015

Uma das frases mais ditas na gíria da manutenção, é que “trabalhamos

1978-2018

FEITOS FARÃO TÃ

OS IGN OD

DE

M

Atoleiros Nº 32  

Revista Militar da Brigada Mecanizada

Atoleiros Nº 32  

Revista Militar da Brigada Mecanizada

Advertisement