Page 14

Comunicação

Pretendemos reforçar ainda mais a nossa presença nas redes sociais e no espaço online, partilhando este desafio com a consolidação da área multimédia, que também tem vindo a crescer de forma integrada, dando origem à produção e divulgação de vídeos promocionais de programas lançados pela Porto Business School.

Entre followers e influenciadores

Mafalda Ferreira responsável pela área de Comunicação e Imagem da Porto Business School

“Na Porto Business School a comunicação tem vindo a tornarse cada vez mais digital, dando seguimento à estratégia de implementação de novas formas de comunicação assentes em new media”. 14

Abril de 2013

Se o site da sua empresa desaparecesse hoje, alguém sentiria a falta dele? No contexto digital e face à descentralização/disseminação de conteúdos a que assistimos, para o cliente/consumidor não importa (apenas) o que o site diz sobre a empresa. Sob ponto de vista do cliente importa também, e talvez aquilo que os outros dizem sobre si/sua empresa tenha mais impacto, do que aquilo que a empresa diz sobre si mesma. Nos últimos 10 anos, a proliferação de blogs, canais de partilha, rede sociais,… foram os catalisadores de uma mudança do perfil do cliente - os utilizadores transformam-se em followers; o database é, agora, fanbase e os consumidores são, agora, os influenciadores. Não houve redução ou perda de importância do owned media (eCRM, website, intranet, rss) mas há, no entanto, um crescente aumento do Paid Media e do Earned Media. E é este o desafio das direções de marketing e das direções de comunicação das empresas atualmente. Descentralizar/disseminar conteúdo, otimizando a presença da sua empresa nos social media. Conscientes desta evolução, na Porto Business School a comunicação tem vindo a tornar-se cada vez mais digital, dando lugar a uma estratégia de implementação de novas formas de comunicação assentes em new media. A Porto Business School está presente desde 2007 no LinkedIn, desde 2008 no Youtube, no Facebook desde 2010 e, mais recentemente, de há um ano a esta parte, na plataforma TheTalentCity, sendo uma das poucas escolas com presença na “cidade do talento”. E pretendemos reforçar ainda mais a nossa presença nas redes sociais e no espaço online, partilhando este desafio com a consolidação da área multimédia, que também tem vindo a crescer de forma integrada, dando origem à produção e divulgação de vídeos promocionais de programas lançados pela escola. Exemplo desta aposta é o vídeo “Reasons to Go to Porto Business School”, que atingiu um elevado grau de viralidade e que, usando a ilustração, retrata o porquê de es-

colher a Escola quando o objetivo é alcançar o sucesso profissional. O mais recente desafio foi o lançamento de uma aplicação para iPad. Conscientes do valor que estas aplicações podem trazer às marcas, contribuindo para o branding e para o aumento da visibilidade dos seus produtos e serviços em mais plataformas de distribuição, desenvolvemos uma aplicação para iPad para a divulgação dos cursos do Portfolio de Formação para Executivos 2013. A aplicação está disponível, gratuitamente, para download na AppStore em https://itunes.apple.com/pt/app/pbs-portfolio/id596857606?mt=8. Através desta aplicação, o utilizador pode agora consultar e conhecer na íntegra todos os 30 Cursos de Curta e Média Duração, que compreendem formações de 16 a 225 horas, e os 11 Seminários de Alta Direção, com a duração de um dia. O balanço não podia ser mais positivo. A adesão das pessoas à página de Facebook foi imediata, o que lhe permite, hoje em dia, ser um complemento de comunicação ao site da Escola e nunca um veículo de sobreposição de informação. O LinkedIn, tem sido também uma ferramenta muito útil não só em termos de divulgação das iniciativas da Escola mas também como canal de (re)encontro dos membros da nossa comunidade, permitindo reforçar a componente de networking, à semelhança do que acontece nas melhores escolas de negócio do mundo. No entanto, é importante destacar que, cada vez mais, se verifica que a proliferação de “redes sociais” torna a gestão da informação muito mais desafiante. Se, em 2007, era relativamente fácil captar a atenção das pessoas e mantê-las envolvidas neste tipo de ferramentas de comunicação, hoje em dia há, de facto, muita informação para gerir, o que constitui um desafio maior na forma como se comunica. Ainda assim, a Porto Business School sempre adotou um estilo de comunicação muito próprio o que, aliado à diversidade de atividades que a Escola oferece, lhe permite atingir, continuamente, níveis elevados de notoriedade e reconhecimento. www.briefing.pt

Briefing 44  
Briefing 44  

Briefing nº 44