Page 1

ANO 01 - EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

Pág. 17

Cruzeiro saii na ffrente te p pelo título mineiro Raposa joga por um empate para ser campeão. Já o Atlético-MG precisa vencer Pág. 7

Tempestades no sul deixam mortos e rastro de destruição nos EUA Pág. 4

Seis anos depois,

Quase 225 mil pessoas ficaram sem luz e milhares de voos foram cancelados

vítimas do atentado

Pág. 18

na Maratona de

Em final emocionante, queniano vence a 123ª Maratona de Boston Estreante Lawrence Cherono superou bicampeão nos últimos metros e venceu por 2 segundos

Boston são lembradas

Fotos: Divulgação

Três civis e dois policiais perderam a vida no ataque, em 2013

Pág. 5

~ de solidariedade Brasileiros criam grupo de motociclistas com açoes United Moto Club conta com mais de 140 membros, que além da estrada, buscam ajudar o próximo


02

Publicidade

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019


03

Publicidade

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019


04

Local

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

LEMBRANÇA

Seis anos depois, Boston relembra atentado na Maratona Ataque deixou três mortos e 264 feridos. Mas cidade se uniu para reerguer-se após tragédia

H

á seis anos, durante a Maratona de Boston, uma das mais importantes do mundo, uma cena chocou o mundo. Duas bombas caseiras feitas com panelas de pressão foram detonadas próximo à linha de chegada. O que era para ser festa — a prova caiu em 15 de abril, o dia do Patriota — tornou-se um episódio de filme de terror, com 264 feridos e três mortos, entre fumaça, confusão e gritaria. Apesar da tragédia, o atentado terrorista uniu os cidadãos em nome da solidariedade e da superação. O movimento #BostonStrong coloriu as ruas com azul e amarelo, e com a ajuda dos outros esportes, manteve a grandeza da major. Partindo da pequena cidade de Hopkinton, os corredores estavam curtindo a experiência única de estar em um seleto time de participantes. Para correr a Maratona de Boston, é necessário ter um índice duro de conquistar: por exemplo, para correr no ano passado, homens com idade entre 35 e 39 anos precisaram ter completado, após setembro de 2016, uma maratona em 3h10min. Já as mulheres, em 3h40min. Neste ano, a Maratona de Boston chegou à sua 123ª edição e segue como uma das seis mais importantes de todo o mundo. O trauma de 2013 jamais será esquecido, mas a vontade de correr essa prova histórica deixa a cidade ainda mais forte e pronta para seguir em frente. BRASILEIROS NA PROVA Em 2013, a brasileira Fabiana Tito estava entre os 30 mil atletas, e um pequeno percalço parece ter salvado sua vida. “Tive de parar para ir ao banheiro durante o percurso e perdi uns 3 ou 4 minutos”, conta Fabiana, que estava a 800 metros da primeira explosão. Apesar da confusão depois do

susto, a corredora seguiu adiante com os demais participantes, já que estavam próximos da linha de chegada. “Mas logo na sequência todos foram impossibilitados de completar a prova”, lembra a atleta, que percebeu a gravidade do acontecimento ao ver o desespero e as lágrimas dos competidores à sua frente. Enquanto isso, a mãe de Fabiana acompanhava o trajeto da filha por meio do aplicativo oficial da prova, atualizado a cada 5 km percorridos. Passado o 40º km, as atualizações pararam de chegar. Fabiana conseguiu tranquilizar a mãe só depois de uma hora, quando chegou à casa de uma amiga que a acompanhava na prova. Yeda Baciglieri também passou pelo desespero familiar: de última hora, sua mãe desistiu de esperá-la na linha de chegada e evitou uma tragédia. Logo após o atentado, a corredora seguiu para Nova York. “Os nova-iorquinos me paravam na rua quando viam minha jaqueta de Boston. Mesmo em San Francisco, no ano seguinte, também fui parada. A blusa era um sinal de que você esteve lá e sobreviveu.” UMA CIDADE E UM PAÍS UNIDOS A #BostonStrong tomou conta dos Estados Unidos: era possível encontrar a hashtag em shows, esportes e em vários outros eventos. Um dos maiores personagens dessa reascensão foi Jeff Bauman, americano que perdeu as duas pernas por conta das bombas e se tornou famoso com a publicação de sua fotografia ao ser socorrido. Bauman ainda foi peça-chave para identificar Tamerlan Tsarnaev, um dos irmãos responsáveis pela instalação das bombas. Ele disse ter olhado nos olhos do terrorista, o que o ajudou a fornecer uma descrição precisa aos policiais, que chegaram aos dois principais suspeitos: Tamerlan e

Jeff Bauman, vítima do atentado, teve a história contada em um filme com Jake Gyllenhaal

Fotos: Divulgação

Explosão ocorreu próximo a linha de chegada seu irmão Dzhokhar. Em confronto com a polícia durante tentativa de fuga, Tamerlan foi morto a tiros; Dzhokhar foi preso e condenado à morte em 2015, mas apelou da decisão e segue sem pena definitiva. Bauman foi homenageado pelas principais equipes esportivas da cidade: em um jogo da Stanley Cup, a série final da Liga Nacional de Hóquei, ele carregou uma bandeira com os dizeres Boston Strong pelo rinque. No Fenway Park, um dos estádios mais lendários do beisebol, fez o primeiro arremesso tradicional pelo Boston Red Sox, um ritual que marca a abertura das partidas principais e que normalmente é realizado por celebridades. Em 2016, utilizando suas próteses, Bauman completou a primeira corrida de sua vida. A história de Bauman, durante e depois da Maratona de Boston, foi transformada no livro Stronger pelo autor Brett Witter, adaptado em 2017 para o cinema, como O que Te Faz Mais Forte, com Jake Gyllenhaal no papel de Bauman. A obra se junta a O Dia do Atentado, filme de 2016 que narra a busca da polícia estadunidense aos terroristas responsáveis pelas explosões. Não foi a primeira nem a última vez que os norte-americanos usaram o esporte como válvula de escape para uma catástrofe. O 11 de Setembro foi sucedido por uma icônica performance da banda U2 no intervalo do Super Bowl. No ano passado, o Furacão Harvey deixou milhares de texanos desabrigados e J.J. Watt, jogador local de futebol americano, foi respon-

sável por arrecadar mais de US$ 37 milhões em auxílio para os necessitados. RECONHECIMENTO ÀS VÍTIMAS A tragédia na maratona deixou cinco vítimas. Na explosão, morreram Krystle Campbell, de 29 anos, Lingzi Lu, de 23 anos, e o pequeno Martin Richard, de apenas oito anos, que assistia a prova com os pais e os irmãos. Além dos três, outras duas pessoas perderam a vida. Dois policiais que buscavam deter os terroristas responsáveis pelo ataque. Quatro dias após o ataque, a polícia federal divulgou fotos dos dois suspeitos - dois irmãos chechenos, Dzhokhar e Tamerlan Tsarnaev, acusados de transportar nas mochilas as bombas até a linha de chegada - e pediu a ajuda do público para encontrá-los.

Os dois então sequestraram um veículo e mais tarde se envolveram em um tiroteio com a polícia, durante o qual Tamerlan Tsarnaev foi morto e seu irmão conseguiu escapar, disse a polícia. O policial do MIT, Sean Collier, de 27 anos, levou diversos tiros quando estava em seu carro durante um confronto com os irmãos. Já o oficial Dennis Simmonds, foi um dos primeiros a chegar na cena do tiroteio, e sofreu uma séria lesão na cabeça em uma explosão causada por bombas caseiras que os irmãos Tsarnaev jogaram na polícia durante o encontro. Ele faleceu um ano depois, devido a um aneurisma decorrente dos ferimentos. Confira os detalhes da Maratona de Boston deste ano na página 18

Policiais Sean Collier e Dennis Simmonds morreram quando tentavam pegar os responsáveis pelo ataque


05

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

EXPEDIENTE

Editorial 740 Main Street Waltham- MA - 02150 Suite 118 Manager Thathyano Desa 1617-804-0101 Desa@brazilianglobe.com Editor Thiago Oliveira REGISTRO: JPSC-0005039 Sales Representative Daiane Rocha 857-261-4579 Designer Gráfico Itaboraí Melo (Madruga)

M

Venha conosco

ais do que oportunidades, a comunidade brasileira encontrou, na América, um novo lar. Principalmente em Boston, região dos Estados Unidos que possui o maior número de brasileiros. Uma comunidade participativa, que anseia por informação. Seja do seu bairro, dos Estados Unidos, do Brasil ou do mundo todo. E essa é a missão do Brazilian Globe. Informar e integrar toda essa comunidade.

Chegamos a nossa nova edição, com um número crescente de leitores e a satisfação de poder oferecer informação de qualidade e com credibilidade. Nesta edição, você irá acompanhar o que é preciso para ficar bem informado, sobre o que acontece na sua cidade, e também no Brasil. Desde os casos envolvendo brasileiros na América, até o trabalho de excelência da Boston Police Department. Todo um pano-

rama da tempestade que castigou o sul dos Estados Unidos, e também os seis anos da tragédia na maratona de Boston. E você também pode conferir as notícias atualizadas em tempo real, através do nosso site, o brazilianglobe.com, e as nossas redes sociais: Facebook, Instagram e YouTube. Thiago Oliveira Editor

PARCERIA

Paixão por duas rodas e por ajudar o próximo Brasileiros criam grupo de motociclistas que além das viagens, se empenham com ações solidárias

A

paixão pela estrada e pelas duas rodas uniu, em apenas seis meses, mais de 140 pessoas no United Moto Club. Quando não estão juntos nas rodovias, estão conversando no grupo do WhatsApp. Entre eles, o mineiro Glaudistoni Silvério. Natural de Timóteo, o proprietário de uma empresa de pintura lidera o grupo juntamente com outros seis brasileiros que o ajudam na administração. Hoje morando em Framingham (Massachusetts), ele revelou que o objetivo do grupo não é apenas andar de moto. Eles usam a popularidade e o alcance dos simpatizantes de motocicletas para fazerem o bem, e por isso, estão sempre envolvidos em ações solidárias, principalmente quando há brasileiros. “Nosso

Fotos: Divulgação

foco é unir brasileiros para ajudar o próximo e juntos fazermos a diferença”, relata. PAIXÃO ANTIGA Há quase 12 anos nos Estados Unidos, Gladistone já gostava de andar sobre duas rodas em sua mobilete, mas não tinha condições de ter uma boa moto. Até que há quatro anos, inspirado em outro clube, começou a andar por hobby. “Sempre admirei muito o Rodolfo, fundador do grupo BR040 Moto Club e isso me motivou”, relata. Hoje os dois fundadores são parceiros não só nos passeios de moto, mas também nas ações sociais. Ambos participaram ativamente da feijoada beneficente em prol do brasileiro Jefferson, que está em tratamento contra

leucemia. O grupo também participou da campanha em prol do menino Lorenzo, de 2 anos, vítima de câncer. “Conseguimos uma boa arrecadação com no almoço beneficente”, conta Gladistone. Nem mesmo no frio, as aceleradas param. Durante o inverno, o grupo mantém uma programação de encontros semanais para não perderem o contato. “Tomamos café juntos todos os domingos. Isso é importante para mantermos o contato”. Com o final do inverno a diretoria do grupo já planeja os passeios, campanhas e atividades que envolvem os homens e mulheres que participam do grupo. “Somos uma família. É muito bom estarmos juntos fazendo o que gostamos e também podermos

Grupo mantém contato mesmo no inverno ajudar ao próximo“, finaliza Glaudistoni. Para entrar em contato e saber outras informações sobre o Uni-

ted Moto Club, entre em contato através do telefone (508) 9332768 ou acesse a página do grupo no Facebook.

Danilo Malandragem tem revisão de fiança negada O youtuber Danilo Portugal Ramscheid, o Malandragem USA, teve mais uma derrota. Na quarta-

-feira (10), o Juiz Lawrence Pierce negou a revisão da fiança do brasileiro, que está preso desde o início

Yassim deve ser indiciado no Tribunal Distrital de Dorchester.

de fevereiro. Inicialmente, o Tribunal Distrital de Woburn determinou a fiança em US$ 10 mil, a qual foi aumentada para US$ 1 milhão pelo Tribunal Superior do Condado de Middlesex. Danilo teria que pagar 10% desse valor, ou seja, US$ 100 mil para ser liberado. Conforme informações do Brazilian Times, caso a fiança fosse paga, ele seria transferido para a custódia do Departamento de Imigração (ICE), segundo a advogada de defesa do brasileiro, Cheryl C. McGillivray. A audiência foi realizada no Tribunal Superior de Middlesex (Massachusetts). Em decorrência disso, ele continuará detido no Centro de Correções do Condado de Plymouth, até a audiência agendada para o dia 9 de maio. Malandragem também terá uma audiência em 11 de julho e uma au-

diência com os jurados em 23 do mesmo mês. O CASO O brasileiro foi preso em 4 de fevereiro por agentes do Departamento de Polícia de Winchester. Ele foi acusado de “posar e exibir uma criança em ato sexual, fotografar uma pessoa nua sem o conhecimento dela e posse de pornografia infantil”. Segundo arquivos no tribunal, a polícia de Winchester encontrou gravações do ato sexual envolvendo Ramscheid e uma adolescente de 17 anos que compareceu à festa na casa dele em meados de janeiro. Ainda segundo o relatório, a jovem disse à polícia que foi sexualmente atacada e que não consentiu em ser filmada. Em março, foi iniciada no website GoFundMe.com a campanha em português “Ajude Danilo Malandragem”, em alusão ao nome usado

por ele no YouTube. A campanha tinha o objetivo de angariar R$ 50 mil (US$ 13.112), que supostamente seriam utilizados para pagar a fiança do réu, conforme a descrição da campanha. Poucas horas depois de a campanha ser postada online, inúmeras pessoas alertaram os administradores do GoFundMe.com e a página foi tirada do ar. Depois de ser autuado, Danilo foi detido pelo ICE por estar em situação migratória irregular nos EUA. Após a conclusão do julgamento criminal, Ramscheid será deportado, adiantou o porta-voz do ICE. Desde a prisão do brasileiro, o dono do imóvel em que ele morava voltou ao local, na High Street, e o encontrou praticamente vazio, segundo o Departamento de Polícia de Winchester. No estilo ostentação, na mesma casa Danilo gravava vídeos e os postava no YouTube, atraindo milhares de seguidores.


06

Local

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

FORÇA DA NATUREZA

Tempestades deixam mortos e causam falta de energia no sul dos EUA

Cerca de 224 mil pessoas ficaram sem luz entre este domingo (14) e segunda, e 2,3 mil voos foram cancelados no país Foto: AP Photo/Jim Lytle

T

empestades atingiram o sul dos Estados Unidos no domingo (14) e deixaram pelo menos oito pessoas mortas e dúzias de feridos. Quatro pessoas morreram no Texas, incluindo duas crianças, segundo a agência de notícias Associated Press e a rede de televisão CNN. Duas morreram na Louisiana (uma delas um adolescente de 13 anos) , uma no Mississippi e uma no Alabama. O Serviço Nacional de Meteorologia emitiu avisos de alerta de tornado para partes dos estados de Maryland, Nova York, Pensilvânia e Virgínia Ocidental. Mais de 134 mil casas e empresas ficaram sem energia no começo desta segunda (15) na Virgínia e na Pensilvânia, de acordo com a Reuters. Quase 90 mil pessoas ficaram sem eletricidade nos estados do Texas, Mississippi, Louisiana, Arkansas, e Geórgia até o meio-dia de domingo, segundo a AP. Os estados da Carolina do Norte, Michigan, Maryland e Nova York também tiveram milhares de registros de falta de luz. Cerca de 2,3 mil voos foram cancelados no país até a noite de domingo (14). Mais de 90% deles estavam nos aeroportos de Chicago, Houston, Charlotte, Pittsburgh, Columbus e na costa leste, diz a Reuters.

Tempestades no sul dos Estados Unidos deixaram pelo menos oito pessoas mortas e várias feridas neste domingo (14

Mortes e danos No leste do Texas, duas crianças morreram em uma estrada quando um pinheiro caiu sobre o carro em que estavam, durante uma tempestade no sábado (13) perto de Pollok, a cerca de 241 km a sudeste de Dallas. Perto dali, na cidade de Alto, pelo menos uma pessoa morreu e cerca de duas dúzias ficaram feridas depois que um suposto tornado atingiu um local histórico, o Caddo Mounds State Historic Site,

diz a AP. As aulas na cidade (de cerca de 1,2 mil pessoas) foram canceladas até que a segurança dos prédios esteja garantida, segundo a agência. Outra pessoa morreu na cidade de Weches, a cerca de 9,7km de Caddo Mounds. No sul do Texas, um tornado destruiu grande parte do lado sul da cidade de Franklin, 200km ao sul de Dallas, derrubando casas móveis e danificando outras residências.

Foto: Divulgção

Kamaria Warren tem 10 anos e dirige a própria empresa

O serviço meteorológico afirmou que as informações preliminares mostraram que um tornado, com ventos de 225,3km/h, atingiu o local, destruindo 55 casas, uma igreja, quatro empresas, um duplex e parte do prédio da autoridade habitacional local. Duas pessoas foram hospitalizadas por ferimentos, enquanto outras foram tratadas no local. Algumas outras tiveram que ser retiradas de casas danificadas.

Na Louisiana, duas mortes foram registradas por conta das enchentes. No Alabama, um possível tornado causou queda de energia e danificou casas móveis na cidade de Troy, cerca de 80km ao sul de Montgomery. As chuvas e tempestades também atingiram o estado do Mississippi na noite de sábado (13). No nordeste do estado, um idoso de 95 anos morreu depois que uma árvore bateu em seu trailer. 19

moradores foram levados para hospitais, dois em estado crítico. Os 21 mil estudantes da universidade estadual tiveram que se amontoar nos porões e corredores quando um tornado se aproximou do campus, em Starkville. No estado de Ohio, no meio-oeste americano, cerca de meia dúzia de casas foram danificadas e pelo menos seis pessoas foram levadas para um hospital com ferimentos relacionados à tempestade.

Menina vira 'mini CEO' ao criar material escolar para estudantes negras, cadeirantes e com vitiligo "Todas as crianças devem perseguir seus sonhos, inclusive se acreditam que a ideia de negócio não funcionará." Esse é o prmeiro conselho de Kamaria Warren, uma menina de 10 anos que dirige (com a supervisão da mãe) uma empresa que fabrica materiais escolares, entre outros produtos, para meninas negras. Kamaria se define como a "mini CEO" da companhia Brown Girls' Stationary e vende cadernos, cartões, mochilas, guarda-chuvas e cortinas de banhos, entre outros itens, com a imagem impressa de meninas negras que ela mesma desenha. Também cria objetos para meninas com vitiligo (doença de pele caracterizada pelo surgimento de manchas brancas) ou em cadeiras de rodas, com o propósito de que se sintam identificadas com os produtos.

CRESCIMENTO A empresa nasceu em 2015 porque Kamaria não se sentia representada pelas marcas que via na TV. "Comecei meu negócio com minha mãe porque queria criar produtos com que outras meninas negras pudessem se relacionar", ela diz. Os preços dos produtos não ultrapassam US$ 40 (R$ 156). Os cadernos custam US$ 6 (R$ 23) em média, os guarda-chuvas US$ 30 (R$ 117) e as mochilas, US$ 37,50 . "Nos últimos três anos, ganhamos mais de US$ 10 mil (R$ 39 mil) e desde o ano passado alcançamos mais de US$ 2,5 mil (R$ 9,75 mil) em vendas", diz Shaunice Sasser, mãe de Kamaria. "Nosso objetivo é duplicar isso no segundo trimestre do ano", ela afirma. Os pedidos não vêm só dos

EUA, mas também de países distintos como Canadá, Alemanha e Austrália, entre outros. "Adoramos enviar encomendas para todas as partes", diz Sasser. A partir de sua casa na cidade de Atlanta, Kamaria se encarrega dos desenhos das meninas representadas em cada um dos produtos, e sua mãe os envia a um ilustrador. As vendas são feitas na internet por meio do site da Brown Girls' Stationary. Para atrair clientes, a empresa faz propaganda em diferentes mídias sociais e eventos. Após o crescimento do negócio, Kamaria foi chamada por várias escolas para falar e inspirar outras crianças sobre a importância do espírito empresarial. "Preste atenção na escola, porque todas as coisas que aprender ali poderão ser usadas em seu negócio", ela disse.


07

Local

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

AMEAÇA

Trump quer enviar imigrantes ilegais para cidades dirigidas por democratas O anúncio de Trump postado no Twitter, apontado como uma represália aos candidatos da oposição, contrariou um comunicado anterior da Casa Branca

O

presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que considera seriamente enviar os imigrantes ilegais detidos às autodeclaradas “cidades-santuário democratas”, dirigidas por membros do partido de oposição que são contrários às duras políticas de imigração do governo federal. O anúncio de Trump postado no Twitter, apontado como uma represália aos democratas, contrariou um comunicado anterior

da Casa Branca que informava que essa ideia tinha sido abandonada. “Devido ao fato de os democratas não estarem dispostos a mudar nossas perigosíssimas leis de imigração (…), estamos considerando seriamente colocar os imigrantes ilegais nas cidades-santuário”, escreveu Trump. “A Esquerda Radical sempre parece ter uma política de fronteiras abertas, braços abertos, então isto deve deixá-los muito felizes!”. O jornal The Washington Post

divulgou que a presidência tentou convencer as autoridades migratórias a liberar os migrantes ilegais nas ruas das “cidades-santuário” democratas, para se vingar dos inimigos políticos do presidente. Citando fontes do Departamento de Segurança Interna e vazamentos de e-mails, o jornal disse na quinta-feira que funcionários da Casa Branca abordaram o plano em novembro, solicitando aos funcionários de várias

agências que membros de uma caravana de imigrantes fossem presos na fronteira e então enviados “para cidades-santuário de pequeno e médio porte”. As “cidades-santuário”, geralmente governadas por democratas, recusaram-se a entregar imigrantes ilegais às autoridades federais para deportação. Durante a campanha para a presidência, Trump insistiu que os Estados Unidos estão sendo invadidos por imigrantes e solici-

"Crueldade desprezível", dizem opositores Os opositores, em sua maioria do Partido Democrata, dizem que o plano de Trump para a construção de novos muros na fronteira com o México e suas críticas quase diárias aos imigrantes beiram o racismo. Um dos centros selecionados foi o distrito eleitoral da presidente da Câmara de Representantes, Nancy Pelosi, cujo gabinete criticou na quinta-feira a medida. “O alcance do cinismo e da crueldade deste governo

não pode ser exagerado”, disse a porta-voz de Pelosi, Ashley Etienne. “Usar os seres humanos, inclusive as crianças pequenas, como peões em seu jogo de guerra para perpetuar o medo e demonizar os imigrantes é desprezível”. A prefeita de San Francisco, London Breed, escreveu no Twitter que a cidade estava “orgulhosa de ser uma cidade-santuário” e que a ideia de Trump era “mais uma na longa lista de táticas

para assustar”. Bill de Blasio, prefeito de Nova York, onde há cerca de 500 mil imigrantes ilegais, declarou que a “crueldade” é uma “constante na política migratória” do presidente republicano, que volta e meia classifica os migrantes como delinquentes que ameaçam a segurança dos Estados Unidos. “Necessitamos de soluções reais que mantenham nossos valores, não de políticas vergonho-

sas que demonizam os imigrantes e que nunca serão realidade”, destacou Eric Garcetti, prefeito de Los Angeles, outra importante “cidade-santuário”, que considerou a proposta “desnecessária e uma perda de tempo”. O número de imigrantes detidos em postos em custódia do ICE se aproximou dos 50 mil nos últimos meses, informou o The Washington Post, um recorde histórico que tem afetado o orçamento da agência.

tantes de asilo, e que isso incide na entrada de criminosos e drogas no país. A Casa Branca disse à agência de imigração e alfândega (ICE) que o plano procurava aliviar a falta de espaços de detenção, mas também enviar uma mensagem aos democratas, disse o jornal. O plano foi rejeitado pela ICE, e um alto funcionário da agência disse que gerou muitas preocupações e que também impôs “riscos de RP (relações públicas)”. Foto: Divulgação

Trump disse que considera seriamente enviar os imigrantes ilegais detidos às autodeclaradas “cidades-santuário democratas”


08

Local

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

TESTES

Maior avião já construído no mundo faz primeiro voo de teste na Califórnia Foto: April Keller/Stratolaunch Systems Corp/AFP Photo

Aeronave tem duas fuselagens, unidas por uma asa de 117 metros, e foi projetado para lançar satélites em órbitas baixas da Terra

O

Stratolaunch, anunciado como o maior avião já construído no mundo, fez no sábado (13) seu primeiro voo de teste na Califórnia, nos Estados Unidos. A aeronave decolou do aeroporto de Mojave e sobrevoou 112 km sobre o deserto, ao norte de Los Angeles, segundo a agência Associated Press. O avião tem duas fuselagens, unidas por uma asa de 117 metros, pesa 227 toneladas e foi projetado para lançar satélites em órbitas baixas da Terra. A principal vantagem competitiva seria a possibilidade de utilizar diferentes aeroportos em vez de locais de lançamento fixos. O projeto é da empresa Stratolaunch Systems, criada em 2011 pelo co-

fundador da Microsoft Paul Allen, morto em outubro do ano passado. O Stratolaunch deixou seu hangar pela primeira vez em maio de 2017 para iniciar os testes de solo, como movimentação na pista até quase atingir a velocidade de decolagem. A companhia adquiriu dois Boeings 747 usados e os remontou em uma unidade capaz de decolar com uma carga de 590 toneladas. O principal diferencial do avião vantagem da vantagem dos sistemas de lançamento aéreo é que eles podem usar aeroportos diferentes e evitar as limitações de locais de lançamento fixos, afetados pelo clima, tráfego aéreo e tráfego marítimo.

O maior avião do mundo tem duas fuselagens, unidas por uma asa de 117 metros

Foto: Divulgação

Fisher-Price anuncia recall de quase 5 milhões de cadeiras de bebê após mortes O grupo americano Mattel anunciou que vai fazer um recall de 4,7 milhões de cadeiras de balanço de bebê da marca Fisher-Price disponíveis no mercado mundial, após as autoridades dos Estados Unidos indicarem que estas provocaram cerca de 30 mortes em uma década. A Fisher-Price "anuncia o recall de todas as unidades do modelo 'Rock'n Play Sleeper' devido aos casos reportados de mortes de crianças enquanto estavam se balançando (...) sem estarem atadas", informou a empresa

Foto: David McNew/Getty Images

em comunicado, acrescentando que estava agindo de acordo com a orientação da Comissão de Segurança de Produtos para o Consumidor dos Estados Unidos. No dia 5 de abril, a comissão emitiu uma advertência sobre o produto, citando a morte de 32 crianças desde 2009, ano do início da comercialização do produto, "após os bebês virarem de cabeça para baixo ou de costas, quando não estavam atados" pelo cinto de segurança da cadeira, destaca a France Presse.

Segundo a Fisher-Price, a comissão pediu aos consumidores para deixarem de usar a cadeira a partir dos 3 meses de vida, ou "assim que os bebês começarem a se movimentar sozinhos". O recall do "Rock'n Play Sleeper" também foi solicitado pela Associação Americana de Pediatria. Em comunicado publicado em seu site, a empresa pede que todos os consumidores que tenham comprado o produto no mundo entrem em contato com a empresa para obter reembolso.

Fisher-Price anuncia recall de quase 5 milhões de cadeiras de balanço do modelo 'Rock'n Play Sleeper

Pedidos de auxíliodesemprego nos EUA caem para menor nível desde 1969 O número de norte-americanas que entraram com pedidos de auxílio-desemprego caiu para a mínima de 49 anos e meio, indicando força sustentada do mercado de trabalho que pode conter as expectativas de uma forte desaceleração no crescimento econômico. Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego caíram em 8 mil, para 196 mil em dados ajustados sazonalmente, na semana

encerrada em 6 de abril, nível mais baixo desde o início de outubro de 1969. Com isso os pedidos chegaram a quatro semanas seguidas de queda. Os dados da semana anterior foram revisados para mostrar mais 2 mil pedidos do que informado anteriormente. Economistas consultados pela Reuters estimavam que os pedidos subiriam para 211 mil na última semana.


09

Local

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

CORRIDA ELEITORAL 2020

P

ete Buttigieg, o jovem prefeito da cidade de South Bend, no estado americano de Indiana, que experimentou uma disparada nas pesquisas de opinião e aumento do interesse da mídia, lançou oficialmente sua pré-candidatura à Presidência dos EUA nas eleições de 2020 pelo Partido Democrata. "É hora de nos afastarmos dos políticos do passado e nos aproximarmos de algo totalmente diferente", disse Buttigieg à multidão reunida para o evento de lançamento de sua pré-candidatura em South Bend. Nenhum outro potencial concorrente à candidatura democrata em 2020 viu tão rápido crescimento no apoio nestes estágios iniciais da campanha do que o abertamente gay e veterano da guerra no Afeganistão Buttigieg, que foi de um obscuro político do Meio-Oeste dos EUA a um dos favoritos na disputa num período de poucas semanas. Ao 37 anos, Buttigieg é o concorrente mais jovem num campo em que se apresentam também o Bernie Sanders, senador por Vermont de 77 anos, e provavelmente em breve o ex-vice-presidente

Joe Biden, de 76 anos, entre outros, num contraste que Buttigieg usa a seu favor. "Reconheço a audácia de fazer isso como um prefeito millennial (apelido dado à geração dos nascidos entre o início dos anos 1980 e início dos 2000) do Meio-Oeste", discursou no evento. Mais que um pouco ousado a buscar o cargo máximo da nação aos 37 anos. Conhecido como “prefeito Pete”, o político se posiciona como a voz da geração millennial, frequentemente falando sobre como vê que os EUA podem ser daqui a algumas décadas. "Tenho essa visão de longo prazo porque preciso", disse. "Venho de uma geração que cresceu com tiroteios nas escolas como regra, a geração que constitui o grosso das tropas nos conflitos pós 11 de Setembro, a geração que vai enfrentar as mudanças climáticas enquanto vivermos". Como primeiro pré-candidato à Presidência abertamente gay, Buttigieg também tem ganho a simpatia de uma base política democrata que cada vez mais valoriza a diversidade e o progressismo. No evento, ele mencionou

várias vezes seu marido, e falou da luta pela legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo. "Nosso casamento só existe graças a um único voto na Suprema Corte dos EUA", lembrou. Como prefeito de South Bend desde 2012, Buttigieg liderou uma reviravolta econômica que trouxe novos investimentos para esta combalida cidade industrial do Noroeste de Indiana, feito que deverá ser um dos eixos de sua campanha à Presidência. O evento de lançamento de sua pré-candidatura, por exemplo, foi realizado em uma grande fábrica que outrora produzia carros da marca Studebaker. Fechada em 1963, a fábrica agora está sendo remodelada para outros usos. Pesquisas eleitorais em Iowa e New Hampshire divulgadas na semana passada mostram Buttigieg em terceiro lugar nesta corrida inicial, embora ainda bem atrás de Biden e Sanders. Buttigieg já levantou US$ 7 milhões em doações de campanha no primeiro trimestre deste ano, suplantando adversários mais estabelecidos como a senadora Elizabeth Warren, de Massachusetts.

Prefeito de cidade industrial do estado de Indiana é mais um que vai disputar indicação pelo Partido Democrata para concorrer contra Trump em 2020

Mas de uma dúzia de políticos democratas anunciaram que vão disputar a chance de concorrer contra o atual presidente, o republicano Donald Trump, nas

eleições gerais de novembro de 2020 general. Os democratas vão começar o processo de seleção de seu candidato em uma série de disputas a partir do início do ano que vem. Ex-consultor da empresa McKinsey e reservista da Marinha dos EUA que serviu no Afeganistão, Buttigieg tem o tipo de histórico capaz de seduzir tanto os moderados quanto a ala mais progressista de seu partido. Mas persiste a questão se o prefeito de uma cidade de 100 mil pessoas em Indiana está pronto para governar uma nação de 330 milhões de habitantes.

Buttigieg já aparece em terceiro lugar nas pesquisas dos democratas

Foto: Divulgação

Em ascensão, Pete Buttigieg lança pré-candidatura à Presidência dos EUA


10

Brasil

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

POLÊMICA

Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão por injúria Comediante recebeu o apoio do presidente Jair Bolsonaro

O

humorista e apresentador brasileiro Danilo Gentili, foi condenado a seis meses e 28 dias de prisão em regime semiaberto, pela 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo, por crime de injúria contra a deputada federal Maria do Rosário (PT). Ele poderá recorrer em liberdade O caso ocorreu em março de 2016, quando Gentili publicou um vídeo de Maria do Rosário. De acordo com a juíza, ele injuriou a deputada “ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro, atribuindo-lhe alcunha ofensiva, bem como expôs, em tom de deboche, a imagem dos servidores públicos federais e a Câmara dos Deputados”. Na gravação, o comediante reagia ao recebimento de uma notificação extrajudicial que pedia a ele que apagasse posts no Twitter considerados ofensivos pela petista. Em resposta, o apre-

Fotos: Divulgação

sentador associou a deputada ao termo “puta”, rasgou o documento em várias partes, esfregou os pedaços dentro da calça e anunciou que os mandaria de volta para a Câmara. Maria do Rosário requereu a condenação dele por injúria, e a juíza federal Maria Isabel do Prado concordou na quarta (10). O apresentador fez um pronunciamento oficial: "Ao público, aos amigos e aos jornalistas, comediantes e artistas que após a minha condenação à prisão manifestaram apoio à liberdade de expressão: muito obrigado! Nunca esquecerei disso. Aos comediantes e artistas que pedem liberdade para político criminoso e chilicam contra uma possível repressão num possível futuro, mas que estão bem quietinhos agora: muito obrigado também por provarem que o meu ponto de vista é verdadeiro".

Em defesa de Gentili

Jair Bolsonaro manifestou apoio a Gentili, que enfrenta Maria do Rosário, desafeto do presidente

Legenda - Danilo foi condenado a seis meses e 28 dias de prisão O presidente Jair Bolsonaro, desafeto de Maria do Rosário, chegou a manifestar apoio ao humorista através do Twitter. “Me solidarizo com o apresentador e comediante Danilo Gentili ao exercer seu direito de livre expressão e sua profissão, da qual, por vezes, eu mesmo sou alvo, mas compreendo que são piadas e faz parte do jogo, algo que infelizmente vale para uns e não para outros.” Em resposta, o apresentador se disse honrado e que nunca havia imaginado ser condenado por protestar contra a censura ou receber apoio presidencial. "Também fico aliviado por entender que esse post significa um regis-

tro do compromisso do governo com a liberdade de expressão", acrescentou Gentili. Além do presidente, outros comediantes saíram em defesa de Gentili. “Acho que o vídeo do Danilo é de péssimo gosto, agressivo, desrespeitoso, infantil, sem graça, equivocado... Mas daí a ele ser preso por mandar uma pessoa enfiar um papel no c*, acho bastante autoritário e arbitrário, perigoso inclusive”, disse o também apresentador e humorista Fábio Porchat. “Acho lamentável essa decisão. É uma pena que a Justiça legisle sobre a honra. Não acredito que ofensa seja crime nem que dê para legislar sobre o que ofende ou fere a honra de alguém ou

não.”, completou Gregório Duvivier, que apresenta o Greg News, da HBO. Já Marcelo Madureira, do Casseta e Planeta, foi além: “Essa questão da injúria é relativa. Você pode dar bom dia para mim e eu interpretar como sendo algo irônico, querendo me sacanear”. Os fãs também saíram em defesa de Gentili. "Esconder dinheiro na cueca não dá cadeia, desviar verba pública não dá cadeia, roubar dinheiro dos aposentados (fundos de pensão) não dá cadeia, acumular 15 processos por corrupção no supremo tribunal Federal não dá cadeia, mas fazer piadinha com petista dá?", questionou um admirador.

MC Mirella é acusada de oferecer R$ 5 mil para menor de idade sair com homem A cantora MC Mirella, que ganhou notoriedade após encabeçar campanha par arrecadar dinheiro para ajudar um homem que apanhou após ter sido flagrado comida em um mercado, se meteu em uma polêmica. A influencer Gabriela Rocha, que tem mais de 80 mil seguidores no Instagram, acusou a funkeira de ter lhe oferecido R$ 5 mil para a moça sair com um homem. A situação foi exposta pela jovem em seus perfis nas redes sociais. "Tinha 16 anos quando isso aconteceu... Tive medo de postar isso antes. Só que o negócio é o seguinte! Tem vários famosos que vendem crianças! Vou postar o resto dessa conversa", escreveu Gabriela Rocha. Além do que escreveu, a influencer também publicou vídeos dizendo que o homem já teria lhe oferecido dinheiro para estar presente em determinados

eventos. O caso estava entre os assuntos mais comentados na internet pelos internautas brasileiros, que deixaram várias críticas em um perfil da MC Mirella, que tem mais de 10 milhões de seguidores. "É a senhorita mesmo que vende menores para os bandidos do Paraguai? Alô Polícia Federal vamos investigar isso aí", questionou um usuário. Gabriela Rocha explicou em detalhes o que aconteceu no suposto caso. "Tudo começa quando um homem veio atrás de uma amiga minha para fazer uma parceria. Ela não quis fazer a parceria, mas ela me indicou", explicou. "Ele me propôs me dar um kit de maquiagem completo para e postar aqui no Instagram e marcar a loja dele, só isso. Aí eu comecei a perceber que na conversa, a gente conversava por WhatsApp. A conversa tava

começando a ficar estranha, porque eu tinha 8 mil seguidores na época. Eu não era tão famosa, eu sei que eu não era famosa, sabe? Ele me oferecia cachês altos. Teve um show do Alok em Santa Terezinha, que é aqui perto, e aí ele falou bem assim: 'Eu vou te dar camarote vip para você vestir as minhas roupas e você vai ganhar mil reais pra ir lá e fazer nada. Só que... fazer nada não, postar stories, só isso", revelou Gabriela Rocha. Ela continuou recebendo mensagens e após alguns meses, MC Mirella teria entrado em contato com a jovem. "Eu sabia pela construção das palavras e pelo valor que estavam me oferecendo que eram eles. Eu não respondi nada porque eu já estava com medo depois que começaram a me oferecer valores altos. Depois de uns meses, vem a Mirella me oferecer aquilo. Eu perguntei: 'Ele já falou

comigo?' Algo assim. Eu já sabia quem era, mas queria uma confirmação. Ela falou: 'Ele me mandou falar com você, porque você já deve ter negado'. Eu sabia que era ele", afirmou. "Eu pensei: 'Para a Mirella ter vindo falar comigo, ela teve recebido algo'. Quanto de dinheiro eles ofereceram para ela, que deve ser 1% que eles ganham. Eu sabia que ele é dono de um shopping no Paraguai. Não vou falar o nome, porque ainda tenho medo. Tenho medo de receber um processo. Estou contando isso, porque eu não gosto desse tipo de coisa. Eu tive cabeça para não aceitar. Mas e se fosse com outra menina? Um iPhone X, 5 mil reais? Qualquer um que tem a cabeça fraca vende o corpo. O pior é que eu tinha 16 anos, agora tenho 17. Está lá nos prints, tudo o que ela falou e o que ela fez. Eu acho que ela foi errada sim.

MC Mirella tem mais de 10 milhões de seguidores em uma rede social Acho que ela recebeu sim para me vender e eu sinto muito por isso. Eu sinto que alguém tentou me vender", completou a influencer. Rogério Alves, empresário de MC Mirella, disse que não conhece a história. “Em uma melhor oportunidade iremos nos posicionar. É uma maldade o que estão fazendo. A Mirella está em tour no Sul e chega na segunda-feira. E aí ela vai se posicionar”, declarou.


11

Brasil

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

www.brazilianglobe.com

TRAGÉDIA Fotos: Divulgação

Táxi em que avó e neta estavam foi soterrado após as tempestades no RJ

O

s pais de Júlia Neves Aché, de seis anos de idade, que morreu no soterramento de um táxi durante a forte chuva que caiu sobre o Rio na última segunda-feira (8), falaram ao Fantástico sobre a tragédia. O desmoronamento de uma encosta sobre um táxi também matou Luciana Xavier Sarmento Neves, avó de Júlia, e o motorista Marcelo Tavares Marcelino. Tatiana Assumpção perdeu a mãe e a filha. Ela, que estava fora do país, chegou a se comunicar com a mãe antes do veículo ser tomado pela lama. “A minha mãe

era pura alegria e felicidade. A minha filha era pura alegria e felicidade. Como eu vou ser diferente delas? Elas me mandaram uma mensagem, falando que estavam entrando no táxi. Quarenta minutos depois eu mandei uma mensagem e a mensagem não chegou. Eu falei: ‘a bateria acabou’”, contou. A cidade está em estágio de crise desde a chuva do dia oito de abril. Dez pessoas morreram. Foi a maior chuva atingir o Rio em 22 anos. Câmeras de segurança do shopping, onde a avó tinha levado a neta para uma festa de um

Mulher que perdeu mãe e filha no temporal do Rio diz que vai seguir exemplo delas: 'Eram pura alegria e felicidade' Avó e neta morreram em táxi soterrado durante a chuva forte no Rio de Janeiro. Pais da menina estavam nos Estados Unidos colega, as registraram embarcando no veículo. “O tempo foi passando e a Júlia não chegou. Duas, três horas depois a gente começou a ficar em alerta”, revelou Tatiana. A morte foi confirmada após buscas no dia seguinte, na terça

(9). O carro de Marcelo foi identificado com a ajuda do GPS. “A minha filha era o meu alicerce, era a base de tudo. Minha paixão, meu amor, minha vida. Só que eu não posso ser injusto. Eu perdi uma filha. Ela perdeu a mãe e perdeu uma filha”, afirmou Phe-

lippe Assumpção, pai de Júlia e marido de Tatiana. Antes da viagem, o casal recebeu um bilhete da menina, dizendo que os amava. “A gente vai cair, vai chorar, mas daqui a pouco a gente vai levantar e vai ficar bem de novo”, concluiu Tatiana.

Eduardo sai em defesa do pai após críticas de prefeito de NY

Filho do presidente replicou publicação em que deputado escreve: 'É a prova que 'o idiota' não habita somente a América Latina'

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara e filho do presidente Jair Bolsonaro, reagiu às declarações do prefeito de Nova York, Bill de Blasio, sobre o pai. Ele associa as críticas ao "globalismo". Na sexta (12), o prefeito pediu que uma homenagem a Bolsonaro no Museu de História Natural do EUA, prevista para 14 de maio, fosse cancelada, e disse que o presidente brasileiro é "um ser humano perigoso". No Twitter, Eduardo replicou

Governo propõe salário mínimo de R$ 1.040 para o próximo ano O governo propôs salário mínimo de R$ 1.040 para 2020, o que representa alta de 4,2% em relação ao atual (R$ 998). O valor consta no projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018, apresentado pelo secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues. Até este ano, o mínimo era corrigido pela inflação do ano anterior medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no país) de dois anos anteriores. Como a lei que definia a fórmu-

la deixará de vigorar em 2020, o governo optou por reajustar o mínimo apenas pela inflação estimada para o INPC. A LDO define os parâmetros e as metas fiscais para a elaboração do Orçamento do ano seguinte. Pela legislação, o governo deve enviar o projeto até 15 de abril de cada ano. Caso o Congresso não consiga aprovar a LDO até o fim do semestre, o projeto passa a trancar a pauta. O valor do salário mínimo pode subir ou cair em relação à proposta original durante a tramitação do Orçamento, caso as expectativas de inflação mudem nos próximos meses.

Aumento representa 4,8% ao salário atual (R$ 998)

uma publicação do também deputado Paulo Eduardo Martins (PSC-PR) em que ele escreve: "É a prova que 'o idiota' não habita somente a América Latina. "O idiota' está por toda parte." Eduardo complementou: "O movimento cultural que ocorre no Brasil ocorre da exata mesma e mesma forma no Chile, Inglaterra, França e, claro, nos EUA. Isso visa a construção de um novo mundo suprimindo as culturas locais. Depois falamos que são GLOBALISTAS e ainda há quem queira fazer chacota conosco."


12

Brasil

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

OPINIÃO

'É incrível como a nossa elite é passiva', diz Luciano Huck nos EUA Em palestra no MIT, apresentador convocou elites a colocar a mão na massa

C

otado antes das eleições de 2018 para uma candidatura à Presidência da República, o apresentador Luciano Huck, da Rede Globo, disparou contra a elite brasileira: "Adora reclamar, mas na hora de botar a mão na massa, todo mundo sai correndo". Em palestra no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, por sua sigla em inglês), em Cambridge (EUA), Huck convocou elites a "colocarem a mão na massa" e não "torcerem o nariz" em discussões sobre o abismo social que divide brasileiros ricos e pobres. "A gente não pode fugir dessa discussão da redução da desigualdade. Muitas vezes você fala e as pessoas fazem cara feia. 'Ah, mas não é assim, não pode usar esse termo'. Claro que pode." O "ex-quase-presidenciável" repetiu diversas vezes que já viajou o Brasil inteiro nos últimos 20 anos - "dois ou três Estados por semana". Nas viagens, ele diz, aprendeu a se "preocupar com a geladeira das pessoas". "Eu super apoio teses liberais para a economia. Mas acho que as teses liberais por si só não vão puxar para a sociedade a dona Marlene, de 46 anos, semi-analfabeta, morando com 6 filhos no sertão do Cariri", afirmou. "Ela vai precisar de rede de

Fotos: Divulgação

proteção social." MINISTRO DA EDUCAÇÃO Um ano depois de causar frisson com uma pré-candidatura ao Planalto que acabou não se confirmando, Huck criticou a polarização do país à plateia de estudantes e autoridades que participa do seminário Brazil Conference, organizado por alunos das universidades de Harvard e do MIT. "A gente tem que derrubar os muros ideológicos, ainda mais num país tão machucado como é o Brasil hoje em dia", disse. "A gente tem que construir novos modelos econômicos que sejam adequados corretos e coerentes com o tempo que a gente está vivendo." "Para mim, seria muito mais confortável ficar protegido nos muros do Projac (complexo de produções da Rede Globo) ou da minha casa", diz. "Mas não é isso que vou fazer e estou fazendo. Quero ser um cidadão cada vez mais ativo." Apesar do discurso totalmente pautado em políticas públicas, o apresentador não comentou abertamente possíveis pretensões de concorrer a cargos eletivos. Ele se limitou a comentar sua atuação nos bastidores, como articulador do grupo Renova, que nas últimas eleições elegeu 17 dos 123 candidatos novatos que

Apresentador diz que elite brasileira reclama, 'mas na hora de botar a mão na massa, todo mundo sai correndo' patrocinou. "Quando a gente abre a caixinha para pensar políticas públicas, é difícil voltar atrás", disse. Em sua principal menção ao governo de Jair Bolsonaro, criticou o ex-ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodriguez, enquanto comentava as próprias visitas a escolas públicas pelo país. "Quando você conversa com pessoas e institutos e fundações, tem tanta gente legal. É só colocar em prática", disse.

Em outra breve referência ao governo, ele criticou a defesa à posse ou porte de armas. "Isso não vai resolver problema nenhum de violência, só vai matar mais gente." CAPITALISMO E FAVELAS Huck contou que costuma passar por pelo menos três favelas no trajeto entre sua casa, no bairro do Joá, no Rio de Janeiro, e o aeroporto. "Pessoalmente, não sei vocês, não tem nenhum país

no mundo que eu admire profundamente ou que entenda como país de excelência que ainda tenha favelas", afirmou. "Tem solução? Claro que tem. Cingapura não tem mais favela." Em meio às críticas à passividade das elites, o apresentador ressaltou que "não tenho nada contra os apartamentos de milhões de dólares, está tudo certo". "Quando falo de redução de desigualdades, eu falo de puxar as pessoas lá de baixo." Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Reforma da Previdência levará 'o ano inteiro', diz economista O economista José Roberto Mendonça de Barros, da MB Associados, afirmou que a reforma da Previdência "levará o ano inteiro" para ser aprovada no Congresso, em declaração dada durante evento das revistas Veja e Exame sobre os 100 dias do governo Jair Bolsonaro. Para Mendonça de Barros, Bolsonaro atua em três direções que "esfriam um pouco" a chance de aprovação da proposta, além da Presidente Bolsonaro está empenhado em aprovar a Reforma da Previdência

sua dificuldade de se adaptar à Presidência da República. A primeira delas diz respeito ao fato de o presidente afirmar recorrentemente que, por ele, não faria reforma nenhuma. A segunda se refere ao fato de o governo ter desistido das mudanças no BPC e na aposentadoria rural antes mesmo de iniciada a negociação com o Congresso. E a terceira foi que o governo propôs uma reestruturação da

carreira militar junto com a reforma para os militares. "Acaba com o discurso de que todos vão dar a sua cota de sacrifício", disse. Para o economista, se a economia fiscal da reforma em 10 anos for reduzida de cerca de R$ 1 trilhão para menos de R$ 500 bilhões, o Brasil não volta a crescer. Se ficar em algo em torno de R$ 800 bilhões, "não é o ideal, mas o País pode crescer 3% em 2020, impulsionado por investimentos".

Equipes de busca ainda procuram por 13 desaparecidos nos escombros

Sobe para 11 o número de mortos em desabamento de prédios no Rio Outro corpo foi retirado nesta segunda-feira dos escombros do desabamento de dois prédios no Rio de Janeiro ocorrido na última sexta. As equipes de busca que estão na comunidade da Muzema, zona Oeste da capital fluminense, não confirmaram se a vítima é uma mulher ou um homem. Com isso sobe para 11 o número de mortos na tragédia e 13 pessoas estão desaparecidas. Dos oito sobreviventes, quatro permanecem internados, sendo três do Hospital Miguel Couto e uma mulher no Lourenço Jorge. Ela está em estado grave. Outras duas pessoas

que foram resgatadas com vida não resistiriam aos ferimentos e morreram no hospital. Pouco antes das 9h houve uma troca de turno nas equipes de busca. O local do desabamento, que é a última rua do condomínio Figueiras do Itanhangá, permanece parcialmente interditado. Um total de 13 prédios foram interditados e os moradores só podem entrar por poucos minutos, para retirar alguns pertences. Segundo moradores, a Defesa Civil os informou que a área ficará interditada enquanto os trabalhos de busca estiveram acontecendo.


13

Mundo

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

MONUMENTO HISTÓRICO

Incêndio atinge a Catedral de Notre-Dame, em Paris Torre desmoronou em meio às chamas; estrutura foi salva após mais de quatro horas de trabalho dos bombeiros. Macron prometeu reconstruir catedral e diz que irá lançar campanha internacional Fotos: Antonio Cruz/Agência Brasil

U

m grande incêndio atingiu a catedral de Notre-Dame, em Paris, na segunda-feira (15), um importante símbolo da cidade. A "flecha", torre mais alta da catedral, desmoronou, mas a estrutura do prédio foi salva, segundo os bombeiros. Um bombeiro ficou gravemente ferido durante o combate ao incêndio, de acordo com a agência Reuters. O fogo foi relatado primeiro por usuários em redes sociais. Não está claro ainda o que o causou, mas pode estar relacionado a uma obra que vinha sendo feita no telhado. A emissora France 2 disse que a polícia está tratando o caso como um acidente. A polícia isolou a área e reti-

rou os turistas que estavam dentro da catedral. O acesso à Île de la Cité foi completamente fechado.

Fotos: Divulgação

Torre da catedral desmoronou devido ao fogo

RECONSTRUÇÃO Em um pronunciamento em frente à catedral, o presidente francês Emmanuel Macron disse que Notre-Dame será reconstruída. Ele também elogiou a coragem extrema e o profissionalismo dos bombeiros. "Nós vamos reconstruir essa catedral, todos juntos. Uma campanha nacional vai ser lançada, e para além das nossas fronteiras. Nós faremos um chamado aos maiores talentos, que serão muitos e virão para reconstruir nossa Notre-Dame” “A Notre-Dame de Paris é nossa história, nossa literatura, nosso imaginário. O lugar onde nós vivemos nossos grandes momentos, nossas epidemias, nossas guerras, nossa libertação”, acrescentou Macron, que disse também que seus pensamentos estão com os católicos e com os parisienses. “Quero dar uma palavra de esperança a nós todos. Essa esperança é o orgulho que devemos ter. Orgulho por todos que evitaram o pior: nossos bombeiros”, afirmou o presidente. ‘TUDO ESTÁ QUEIMANDO’ O porta-voz da Notre-Dame, Andre Finot, diz que a estrutura da "charpente" da catedral, um quadro interno construído parte no século 13 e parte no século 19, queimou completamente, e que “não deve sobrar nada” dessa parte. Segundo ele, o fogo teve início por volta das 18h50. Após mais de quatro horas de trabalhos, o chefe dos bombeiros de Paris, Jean-Claude Gallet, informou que a estrutura da catedral foi finalmente declarada salva. "Podemos considerar que a estrutura da Notre-Dame está a salvo e totalmente preservada", afirmou, segundo a France Presse.

A turista Kassia Rouan, que estava no parque adjacente à catedral no momento do incêndio, afirmou que "quando os bombeiros chegaram, já havia muitas chamas vindo do teto" da catedral. "Nós vimos muita fumaça, pensamos que era por causa das obras que estão fazendo. Cada vez tinha mais e mais [fumaça]. Fomos para a frente e fomos afastados para evitar que fôssemos afetados pela fumaça. Vimos as chamas saindo da catedral. Muito triste ", relatou a turista. A brasileira Mariana Souza, de 33 anos, estava em frente à catedral minutos antes do prédio ser atingido pelo incêndio. "A gente saiu de lá, cinco minutos depois olhamos para trás e o negócio [estava] pegando fogo. Não ouvi nenhum barulho, só vimos muita fumaça mesmo", contou. Outros brasileiros que vivem ou passeiam em Paris relataram ao G1 as cenas da cidade diante do incêndio na Catedral Notre-Dame. A enfermeira Nadia Maria Batista, de 31 anos, de Fortaleza (CE), estuda francês em uma escola a poucos metros da igreja. Ela conta que, por precaução, o pré-

dio foi evacuado poucos momentos depois das primeiras sirenes soarem. “Era uma fumaça muito forte, fumaça preta, tóxica. Quando a gente desceu, a rua estava toda tomada. Estava muito quente, ninguém suportava ficar ali”, relatou Nadia. A enfermeira cearense, há apenas um mês em Paris, chegou a ir em direção à catedral para descer a uma estação do metrô da capital francesa. Quando chegou lá, se deparou com as portas fechadas. “Não dá para sair, tudo parado. Não passa mais trem nem ônibus”, disse, momentos depois do incêndio.

OBRAS Uma grande operação, com 400 bombeiros, foi montada para controlar as chamas, que afetaram sobretudo a torre central da catedral, visitada por milhares de pessoas todos os dias. Segundo o jornalista Nicolas Delesalle, da revista francesa "Paris Match", todas as obras de arte da catedral foram salvas. "O tesouro da catedral está intacto, a coroa de espinhos, os santos sacramentos", escreveu. Ele diz que as informações foram passadas por um padre chamado Frédéric, sacerdote na Notre-Dame há dois anos.

Bombeiros tiveram muito trabalho para apagar as chamas

MENSAGEM BRASILEIRA O presidente Jair Bolsonaro usou sua conta pessoal no Twitter para expressar seu pesar pelo ocorrido, que classificou como "terrível". "Em nome dos brasileiros, manifesto profundo pesar pelo terrível incêndio que assola um dos maiores símbolos da cultura e da espiritualidade cristã e ocidental, a catedral de Notre-Dame, em Paris. Neste momento sombrio, as nossas orações estão com o povo francês", escreveu.


14

Mundo

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

Fotos: Divulgação

CONFLITO INTERNACIONAL

Entenda como e por que Julian Assange, fundador do WikiLeaks, foi preso na embaixada do Equador Saiba quem é o ativista que foi retirado da embaixada em Londres

Assange foi preso no último dia 11, após sete anos asilado no Equador

J

ulian Assange foi preso na manhã da quarta-feira (11) pela polícia de Londres e condenado pela Justiça por não ter se apresentado à corte no passado. Há ainda um pedido de extradição dos Estados Unidos, que ainda será julgado pelos ingleses. Mas quem é Julian Assange? O australiano Julian Assange fundou o WikiLeaks em 2006. Antes disso, na década de 1990, ele já tinha sido condenado por atividades como hacker. Ele se declarou culpado, foi multado em milhares de dólares e escapou da prisão ao se comprometer a não reincidir. Depois desse caso, ele estudou física e matemática na Universidade de Melbourne, e trabalhou com uma acadêmica, Suelette Dreyfus,

que pesquisava a internet e seus efeitos na sociedade. A plataforma que ele criou publica documentos e imagens confidenciais, e ficou conhecida em 2010, quando divulgou um vídeo que exibia soldados norte-americanos executando 18 civis de um helicóptero no Iraque. O WikiLeaks usa sistemas para dificultar a identificação das fontes que enviam materiais. PROCESSO POR ESTUPRO A polícia sueca interrogou Assange em 2010 a respeito de duas acusações, uma de estupro, outra de abuso (ele nega ambas). No mesmo ano, um pedido de prisão internacional foi emitido para que ele fosse investigado. Ele chegou a ser detido em Londres, pagou uma fiança de 240 mil libras e escapou da pri-

são. Assange apelou, na Justiça inglesa, para não ser extraditado para a Suécia, mas perdeu o caso. As autoridades suecas arquivaram o caso em 2017. ASILO NA EMBAIXADA EQUATORIANA Em junho de 2012, com receio da extradição, Assange entrou na embaixada equatoriana em Londres e pediu asilo político -que lhe foi concedido depois de cerca de dois meses. Havia, contra ele, um pedido de prisão por violar as condições da sua fiança. A polícia metropolitana de Londres fez um plantão na porta da embaixada durante três anos. Na quinta-feira, depois de quase sete anos no edifício, ele foi preso pela polícia britânica. O processo por estupro foi arquivado pelas autoridades da Suécia, mas Assange enfrenta outras acusações. A prisão dele na Inglaterra é justificada por faltas a audiências e por ele não ter cum-

prido determinações da Justiça. Nos EUA, ele é investigado pelo vazamento de documentos confidenciais. WIKILEAKS Assange criou o WikiLeaks como um instrumento para que documentos secretos pudessem ser vazados. A plataforma ficou famosa em 2010, com a divulgação de material que mostrava a atuação de tropas dos EUA no Iraque e no Afeganistão, e também a comunicação entre diplomatas. Os vídeos exibiam os assassinatos de civis, entre eles jornalistas, e também abusos cometidos por autoridades dos EUA e outros países. Por conta da divulgação desses arquivos, um soldado do exército dos EUA, Bradley Manning foi condenado à prisão. CENTRO DE ESPIONAGEM O presidente do Equador, Lenín Moreno, acusa o cofundador da WikiLeaks, Julian Assange,

de tentar criar um "centro de espionagem " na embaixada do Equador em Londres. Em entrevista ao jornal britânico The Guardian, Moreno explicou os motivos de expulsão do asilo de Assange. "Não podemos permitir que a nossa casa, a casa que abriu as suas portas, se torne um centro de espionagem. Essa atividade viola as condições de asilo", acrescentou o líder equatoriano na entrevista. Moreno acusa o governo anterior de ter dado condições a Assange para usar a embaixada equatoriana a fim de "interferir em assuntos de outros Estados". No entanto, as acusações a Assange, que levaram à revogação do asilo, geraram controvérsia no Equador. Rafael Correa, ex-presidente do país, considera que esse é "um crime que a humanidade jamais esquecerá" e que Lenín Moreno é "o maior traidor da história equatoriana e latino-americana".

Kim Jong-un dá até o fim do ano para que EUA se tornem mais flexíveis O líder norte-coreano, Kim Jong-un, afirmou que só está interessado em se reunir novamente com o presidente norte-americano, Donald Trump, se o país adotar uma nova atitude. Ele disse que esperará "até o fim deste ano" para os americanos decidirem ser mais flexíveis. "É essencial que os EUA parem

com seu atual método de cálculos e nos abordem com um novo", disse Kim em discurso à Assembleia Popular Suprema. Trump e Kim se reuniram duas vezes, em Hanói (fevereiro) e em Singapura (junho). Apesar da demonstração de boa vontade, os dois líderes fracassaram em entrar em um acordo sobre o fim dos

programas nuclear e de mísseis da Coreia do Norte e a retirada das sanções econômicas sobre o país. Kim concordou em extinguir os programas, mas não existe prazo para que isso aconteça nem critérios claros para verificação. Os Estados Unidos impõem o fim do programa como condição para a retirada de sanções contra o país.

Trump mais tarde emitiu um comunicado no Twitter que ressalta a força de seu relacionamento pessoal com Kim e apontou para o que chamou de "potencial tremendo" da Coreia do Norte de sucesso econômico, assim que a questão do programa de armas de Pyongyang for resolvida. "Uma terceira cúpula seria boa

pois entendemos completamente onde cada um está", disse o presidente dos EUA em algumas publicações no Twitter. "Eu estou ansioso pelo dia, que pode ser em breve, em que as sanções e armas nucleares possam ser removidas, e então assistir à Coreia do Norte se tornar um dos países de maior sucesso no mundo!", afirmou.

Cientistas imprimem coração em 3D a partir de tecido humano Cientistas da Universidade de Tel Aviv, em Jerusalém, apresentaram um coração vivo feito a partir de tecido humano com uma impressora 3D. O estudo, publicado na revista "Advanced Science", abre caminho para a realização de transplantes sem risco de rejeição, já que o órgão é feito com células do próprio paciente. "Já haviam conseguido imprimir em 3D a estrutura de um coração, mas esta é a primeira vez que alguém conseguiu projetar e imprimir um coração inteiro, repleto de células, vasos sanguíneos, ventrículos e câmaras", disse o professor Tal Dvir, que liderou a pesquisa, ressaltando que o coração está completo, vivo e palpitando. "Realizamos uma pequena biópsia de tecido adiposo do paciente, removemos todas as célu-

las e as separamos do colágeno e de outros biomateriais, as reprogramamos para que fossem células-tronco e, então, as diferenciamos para que sejam células cardíacas e células de vasos sanguíneos", detalhou o pesquisador. Posteriormente, os materiais biológicos foram processados para convertê-los em bio-tinta, o que permite imprimir com as células, afirmou. O protótipo de coração apresentado a jornalistas tem cerca de três centímetros, o equivalente ao tamanho do órgão de um coelho ou de uma cereja. No momento, as células podem se contrair, mas o coração completo não bombeia. "Ainda é muito básico", diz Dvir. De acordo com o pesquisador, é preciso desenvolvê-lo mais, para conseguir um órgão

que possa ser transplantado para um ser humano. "O próximo passo é amadurecer essas células e ajudá-las para que se comuniquem entre elas, de forma que se contraiam juntas. É preciso ensinar as células a se comportarem adequadamente", explicou Dvir. "Depois, teremos outro desafio, que é conseguir desenvolver um coração maior, com mais células. Temos que descobrir como criar células suficientes para produzir um coração humano", acrescentou. Futuramente, a equipe liderada por Dvir planeja transplantar os corações em pequenos animais, como coelhos e ratos. "Talvez, em dez anos, haja impressoras de órgãos nos melhores hospitais do mundo, e esses procedimentos sejam conduzidos rotineiramente", disse Dvir.

Coração em miniatura feito em impressora 3D é apresentado por cientistas


15

Coluna www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

Sue O´Brien

VIAGEM AO PARA ÍSO

são cidaVocês que icanos e dãos amer de uma em busca squecível, viagem ine ar para vou mostr pedacinho vocês um , a apenas do paraíso de Massa5 horinhas chusetts. ma ciCancun é u deste do dade no su costa México, na a penínnordeste d catán, no sula de Yu xicano de estado me oo. É um Quintana R destino importante o México e turístico n município a sede do Juárez. A de Benito no Mar cidade fica e é um do Caribe s mais dos ponto o México. orientais d al você Local a qu acotes encontra p incluso em com tudo meçando valores co dólares por 499.99 . por pessoa asseio reEntre um p venturas laxante e a eis, Caninesquecív taca. cun se des elhores Uma das m e tive a viagens qu ade de ir, e oportunid a será recom certez itas vezes petidas mu no futuro


16

Mundo

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

VOVÓ VEREADORA

Aos 100 anos, alemã quer estrear na política Ex-professora de educação física lança candidatura num momento em que a maioria das pessoas prefere descansar. Principal promessa de campanha é reabertura da piscina pública de sua cidade, no sul da Alemanha

Liesel se disse cansada de ser ignorada pelas autoridades locais

L

ogo após Liesel Heise completar 100 anos, num momento em que a maioria das pessoas prefere reduzir suas atividades, a ex-professora de educação física decidiu se candidatar a uma vaga no conse-

lho municipal de sua cidadezinha natal, Kirchheimbolanden, no sudoeste da Alemanha, com quase oito mil habitantes. Nascida logo após a Primeira Guerra Mundial, Heise está canalizando sua paixão para a políti-

ca local – em particular, para sua campanha a favor da reabertura da piscina pública ao ar livre da cidade. Concorrendo à eleição, ela espera ter sua voz finalmente ouvida depois de anos se sentindo

ignorada pelas autoridades locais. Ela costuma citar a maneira como o microfone era tirado de sua mão em reuniões públicas, sempre que mencionava o assunto da piscina. A aposentada lamenta a perda da piscina – fechada em 2011 – afirmando que era um "paraíso para as crianças", que a cidade nunca deveria ter deixado fechar. "Eu cresci lá", diz. "Eu sei, por experiência própria, como ela é importante, tanto para o espírito, quanto para o corpo". "Tenho tantos ex-alunos, e eles sempre têm a mesma queixa. Por que eles estão fechando as piscinas ao ar livre?", questiona. "O mais importante é que as crianças permaneçam saudáveis quando são jovens. Se o corpo não for saudável e funcionar adequadamente, a mente não funciona adequadamente", argumenta. PRÓ-EUROPEIA E AMBIENTALISTA Quanto a seus pontos de vista políticos mais amplos, ela é pró-europeia – acha que o Brexit nunca deveria ocorrer – e saúda os esforços dos jovens na campanha contra a mudanças climáticas. Mas teme que a sociedade esteja emburrecendo. "Basta ligar a televisão. Durante o dia, só tem blá blá blá. As coisas que são realmente interessantes, politicamente interessantes, só passam à noite quando os trabalhadores estão dormindo. Como resultado, eles não são devidamente informados”, avalia a idosa.

Thomas Bock, que lidera a iniciativa Wir für Kibo, espera que a popularidade de Liesel possa ajudar o grupo a ganhar mais um assento, superando os 24 lugares que o grupo já detém no conselho municipal da cidade. "Ela é muito conhecida em Kirchheimbolanden", diz Bock. "Quase todo mundo que tem mais de 40 anos já teve aula com ela na escola. É possível que ela tenha um resultado bem melhor do que qualquer outra pessoa." "Ela ainda é muito envolvida com a escola. Apesar de não ser professora há 40 anos. Ela participa sempre que há algum tipo de evento na escola." NOS PASSOS DO PAI Com sua candidatura, Liesel segue os passos do pai, que era membro do conselho antes da Segunda Guerra Mundial. Ele foi preso por quatro semanas depois de criticar a destruição de sinagogas pelo regime nazista. "A ideia real de se candidatar veio do filho de Liesel", ressalta Bock. "Ele disse: 'Pergunte à minha mãe, ela ficaria feliz em fazer alguma coisa, mas é muito cautelosa.' Então nós perguntamos a ela e ela topou." Liesel é tão popular na cidade que centenas de antigos e atuais alunos foram à casa dela para cantar parabéns em seu centésimo aniversário. "Ela se dá muito bem com as pessoas", acrescenta Bock. "É boa em lidar com as pessoas e geralmente é muito querida. Podemos usar essa popularidade nas eleições, e agora ela será ouvida."

A primeira-ministra britânica frisou que a única alternativa é negociar com a oposição para que o Parlamento aprove um acordo para o brexit e advertiu para "o risco do Reino Unido nunca sair" da União Europeia. "Quanto mais tempo isso levar, maior é o risco do Reino Unido nunca sair. O que significaria deixar que o brexit pelo qual o povo britânico votou escape por entre os dedos", alertou May "Não vou aceitar. É fundamental concretizarmos o que as pessoas decidiram pelo voto e, para isso, temos de conseguir um acordo"

May pediu aos restantes 27 Estados-membros da UE um adiamento da data de saída do Reino Unido do bloco, para 30 de junho, e iniciou as negociações com o Partido Trabalhista para um compromisso que permita que o Parlamento aprove o acordo do brexit, depois de o acordo negociado com Bruxelas ter sido rejeitado três vezes na Câmara dos Comuns. Contudo, os três dias de negociações com os trabalhistas já concluídos não produziram resultados positivos para a solução do impasse. O governo de May está sendo acusado de não

apresentar nenhuma mudança real na proposta. "Não vi nenhuma grande mudança na posição do Governo até agora", afirmou o líder trabalhista, Jeremy Corbyn. No comunicado que divulgou, a primeira-ministra britânica afirma que há "diversas áreas em que os principais partidos estão de acordo", como "acabar com a livre circulação" de pessoas, "sair com um bom acordo" e "proteger os postos de trabalho". "Estas são as bases para chegar a um compromisso com o qual possamos obter uma maioria no Parlamento, a única forma de materializar o brexit", afirma.

Segundo a imprensa britânica, o governo de May está disposto a ceder a algumas exigências dos trabalhistas. A primeira-ministra admite, ainda segundo a imprensa, apresentar legislação para que um eventual novo primeiro-ministro possa reverter essa decisão e opte por um brexit mais duro. As negociações com os trabalhistas acentuaram as críticas a Theresa May dentro do Partido Conservador, ao qual faz parte. Um grupo de dezenas de conservadores divulgou uma carta em que afirma que os seus eleitores não aceitam o rumo

Fotos: Divulgação

Theresa May avisa que o brexit pode nunca acontecer

Primeira-ministra advertiu para o "risco do Reino Unido nunca sair" da União Europeia que o processo de saída tomou e adverte que "o apoio ao partido está em queda livre".

Mãe salva bebês segundos antes de carro pegar fogo na Austrália A australiana Catherine Mayes estava dirigindo por uma via de Camberra, na Austrália, e tinha os filhos Tommy, de 1 ano e 8 meses, e Hunter, 5 meses, como passageiros quando o veí-

culo pegou fogo. Em questão de segundos, a mãe conseguiu retirar os dois bebês do automóvel. A ação de Catherine foi registrada por câmeras de segurança e impressionou.

"Eu estava simplesmente agindo no piloto-automático. Eu precisava tirar meus bebês de lá. Os 'e se...' são assustadores, mas tive sorte, muita sorte de ter conseguido ou teria sido

muito pior", disse a mãe ao telejornal local "9 News". "Eu fico tão feliz por Catherine ter sido... Uma super-heroína, tirá-los de lá tão rápido e.. Ah, ela é incrível", comemorou

o marido dela e pai das crianças. Segundo a reportagem, o fogo teria sido causada por que uma caixa de bateria extra, que superaqueceu e pegou fogo.


BG

esporte 17 www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

CAMPEONATO MINEIRO

CRUZEIRO LARGA NA FRENTE DO GALO E FICA A UM EMPATE DO TÍTULO ESTADUAL

Rei do futebol recebeu a visita de Neymar

Pelé recebe alta do Hospital Albert Einstein após retirar cálculo renal

Grande final será realizada no dia 20, no Independência. Atlético joga por uma vitória simples para ficar com a taça

N

quinhos Gabriel e Léo. Ricardo Oliveira descontou. O segundo e derradeiro encontro entre Raposa e Galo está marcado para às 16h30 do dia 20 de abril, no Independência. Com o resultado, o time alvinegro, que tem a vantagem do empate no agregado, precisa de uma vitória simples para ficar com o título. Os cruzeirenses, por outro lado, jogarão pelo empate para faturar o caneco. Fotos: Divulgação

primeiro capítulo da grande final do Campeonato Mineiro de 2019, quem levou a melhor foi o Cruzeiro. O time comandado por Mano Menezes aproveitou o apoio vindo das arquibancadas e venceu o primeiro dos dois duelos decisivos contra o Atlético-MG. No Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG), o placar final foi de 2 a 1, com gols de Mar-

O ex-jogador Pelé, de 78 anos, recebeu alta na manhã desta segunda-feira (15) e deixou o Hospital Albert Einstein, em São Paulo, uma semana após ser internado. No sábado (13), os médicos retiraram um cálculo renal que incomodava Pelé, que voltou ao Brasil na terça-feira (9) após ficar cinco dias hospitalizados em Paris, na França, por causa de um quadro de infecção urinária, e foi internado no Einstein. Pelé desembarcou no aeroporto internacional de Guarulhos em uma cadeira de rodas. "Infelizmente não vai dar para jogar domingo", brincou Pelé, que agradeceu ao apoio dos fãs. "Mais uma vez, graças a Deus, tudo saiu bem. Estou aqui e viva o nosso Brasil", declarou. Pelé foi internado no dia 3 após participar em um evento promocional em Paris com o jo-

vem francês Kylian Mbappé. O ex-atleta foi tratado por uma infecção urinária grave, "que requisitou assistência médica e cirúrgica de emergência", segundo Pelé. A frágil saúde de Pelé, único jogador a conquistar três Copas do Mundo (1958, 1962 e 1970), tem sido uma fonte de preocupação nos últimos anos. O mundo do futebol chegou a temer pela vida de Pelé em novembro de 2014, quando ele foi internado na unidade de tratamento intensivo após uma infecção urinária que o obrigou a passar por uma hemodiálise. Edson Arantes do Nascimento, conhecido mundialmente como Pelé, foi visto em público nos últimos anos em uma cadeira de rodas ou com um andador. Em 2016 não teve condições físicas de acender a tocha olímpica nos Jogos Olímpicos do Rio.

Fifa bane ex-presidente da CBF de qualquer atividade relacionada ao futebol Zagueiro Léo garantiu a vitória da Raposa no primeiro jogo

Primeiro tempo nervoso, Raposa na frente Como esperado, o confronto começou pegado no Mineirão. Mesmo com o mar azul nas arquibancadas, o Atlético não se intimidou e foi o primeiro a levar perigo ao gol adversário, com Cazares, mas parou em Fábio. A resposta cruzeirense veio aos nove, com Robinho, que, meio desajeitado, finalizou para a defesa de Victor. O tempo foi passando e o duelo passou a ficar marcado pela tensão dentro de campo. O nervosismo dos jogadores era evidente e os cartões amarelos começaram a aparecer. Quando o empate parecia certo antes do intervalo, porém, a Ra-

posa tratou de mudar a história da partida. Já com 43 minutos, Fred serviu Marquinhos Gabriel e o meia limpou para a canhota e, contando com um desvio matador do zagueiro Leonardo Silva, abriu o placar no Mineirão. LÉO FREIA REAÇÃO DO GALO Já na etapa final, o Galo partiu para cima em busca do empate. Na primeira chance, Ricardo Oliveira parou em Fábio, que salvou o Cruzeiro com os pés. Dois minutos depois, porém, o goleiro cruzeirense nada pôde fazer. Chará cruzou na segunda trave, a zaga não conseguiu afas-

tar e Ricardo Oliveira, oportunista, mandou para a rede: 1 a 1. A alegria alvinegra, porém, não durou muito. Com 15 minutos, após cobrança de escanteio pela direita, Léo ficou com a sobra dentro da área e, de carrinho, recolocou a Raposa na frente. Aos 34, o Atlético-MG chegou a ver o sonho do título estadual ir por água abaixo. No entanto, o VAR tratou de anular o gol de Fred, que seria o terceiro do Cruzeiro, assinalando um toque de mão do atacante antes da finalização. Se o gol fosse validado, o Galo teria de vencer por dois gols de diferença na partida de volta.

O ex-presidente da CBF, José María Marin, condenado em agosto de 2018 pela Justiça americana a quatro anos de prisão por corrupção, está "banido de qualquer atividade ligada ao futebol", anunciou a Fifa. Primeiro grande dirigente do mundo do futebol a ser condenado no escândalo "Fifagate", o brasileiro deverá ainda pagar uma multa equivalente a um milhão de francos suíços (mais de 880 mil euros ou mais de R$ 3,8 milhões), informou a Fifa em um comunicado. Marin, de 83 anos, foi preso em maio de 2015 em Zurique, na Suíça, a pedido da justiça americana junto com outros seis altos dirigentes, quando estourou o escândalo da Fifa. Ele foi extraditado para os Estados

Cartola foi condenado a pagar uma multa de R$ 3,8 milhões Unidos no início de novembro daquele ano. O cartola foi ouvido pelo tribunal logo no dia em que desembarcou em Nova York e se declarou inocente de cinco acusações que pesam contra ele, entre elas formação de quadrilha, fraude e lavagem de dinheiro. No dia 16 de dezembro, fez o mesmo para outras sete acusações incluídas na segunda ata do processo.


BG

esporte

18

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

EMOÇÃO

QUENIANO LAWRENCE CHERONO VENCE MARATONA DE BOSTON NOS METROS FINAIS Em prova emocionante, corredor conseguiu ultrapassar o etíope Lelisa Desisa no fim Foto: Divulgação

Cherono venceu com apenas dois segundos de diferença

A

Maratona de Boston, uma das provas mais tradicionais do mundo, foi vencida pelo queniano Lawrence Cherono nesta segunda-feira (15) após uma disputada reta final onde ultrapassou nos últimos metros o etíope Lelisa Desisa. Sob condições adversas, em um dia frio e úmido, Cherono, Desisa e o também queniano Kenneth Kipkemoi se separaram de um amplo grupo faltando poucos quilômetros para o final e disputaram acirradamente o trecho terminal. Mas Desisa, campeão do mundo em 2013 e vencedor em duas edições da corrida de Boston, assumiu a dianteira e parecia se encaminhar rumo à vitória com pouco mais de 200 metros para a glória quando Cherono, de 30 anos, acelerou e o ultrapassou momentos antes de atravessar a linha de chegada com um tempo de 2 horas, 7 minutos e 57 segundos. Desisa terminou em segundo (2:07.59) e Kipkemoi ficou em terceiro (2:08.07). Na prova feminina não houve suspense e foi dominada de ponta a ponta por Worknesh Degefa. A etíope venceu com 2 horas, 23 minutos

e 31 segundos e deixou na segunda colocação a queniana Edna Kiplagat, 42 segundos atrás e a americana Jordan Hasay, com uma diferença de 1 minuto e 49 segundos. MUDANÇAS PARA 2020 Os corredores precisaram ser 4 minutos e 52 segundos mais rápidos do que seus tempos de qualificação de idade e sexo para serem aceitos na Maratona de Boston de 2019. E agora os competidores precisarão ser ainda mais rápidos se quiserem participar da Maratona de Boston 2020. A organização informou que de 30.458 pedidos, 23.074 foram aceitos. “Mais de 80% dos participantes serão atletas que tenham atingido os padrões de classificação”, diz a nota. Esse é o maior número de candidatos que Boston já teve que recusar, e com isso em mente, os padrões de 2020 serão mais difíceis do que nos anos anteriores. A maratona de Boston, que teve sua primeira edição em 1897, é a corrida de rua mais antiga do mundo. Além disso, é uma das seis provas do circuito mundial das maratonas, sempre disputada pelos melhores atletas do esporte.


19

Publicidade

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019


BG

esporte

20

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

FUTEBOL AMERICANO

O

Brasil ganhou mais um nome na NFL. Após Cairo Santos, o país teve confirmada a chegada de Durval Queiroz à elite do futebol americano mundial. O defensive tackle assinou contrato de três anos com o Miami Dolphins pelo valor de US$ 1,755 milhão (R$ 6,7 milhões). Ele é o primeiro jogador do país a conquistar um lugar na NFL sem passar pelo futebol americano universitário dos Estados Unidos. "Duzão", como é conhecido, já assinou contrato e se encantou com as instalações dos Dolphins que ele conheceu em tour com a diretoria e staff. O brasileiro entrou na NFL através do International Pathway Program, que dá oportunidade para que estrangeiros sejam testados na liga americana. Seu contrato é o maior da história desse intercâmbio,

acima dos assinados por outros atletas em 2017 e 2018. O número 69, usado por ele no Brasil, ainda é provisório. Após o Draft, ele irá escolher qual camisa usar. Apesar do contrato assinado e garantido, isso não quer dizer que Durval estará no elenco do Miami Dolphins para a temporada 2019/20. Ele ainda precisa passar pelo training camp, quando serão definidos os 53 jogadores. Destes, 45 ficam ativos durante os jogos. Dos oito que sobram, apenas os quarterbacks podem entrar em campo em caso de contusão dos ativos. "Agora o Duzão também tem um nome no vestiário. Isso é muito especial. O dia é inacreditável. Assinei meu contrato. Vi meu equipamento. Escaneei minha cabeça para fazer o capacete. Queria que todos estivessem aqui para viver o que estou

passando. Conheci o técnico da minha posição. Fiz algumas entrevistas, tirei as fotos. Isso mostra o interesse deles de que tenho capacidade de ajudar o time e estar no grupo esse ano. Se não eles não tinham me oferecido isso. Acham que tenho chance de jogar e ajudar o time. Ninguém tem vaga garantida nos 53. Só depois do camp", contou o jogador. Com 1,94m e 150 kg, Durval chamou atenção dos avaliadores com o desempenho em percorrer jardas e a agilidade em campo. Quando criança, o DT foi praticante de judô e carrega consigo a habilidade e equilíbrio de base do tatame para os gramados do futebol americano. No Brasil, o defensor já foi destaque pela seleção brasileira e fez sua última participação no Galo FA e no Cuiabá Arsenal pelo Campeonato Brasileiro de Futebol Americano.

Durval Queiroz tem contrato garantido, mas não tem a certeza de que estará no elenco para a próxima temporada da NFL L Foto: Divulgação

BRASILEIRO ASSINA COM O MIAMI DOLPHINS POR TRÊS ANOS NO VALOR DE R$ 6,7 MILHÕES

Durval passará pelo training camp para se afirmar no grupo


BG

esporte

21

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

MMA

UFC TEM NOVOS CAMPEÕES INTERINOS O

UFC tem dois novos campeões interinos. Israel Adesanya ganhou o cinturão no peso médio, após superar Kelvin Gastelum. Já nos leves, Dustin Poirier bateu Max Holloway, campeão pena, e que busca mais uma cinta. As lutas ocorreram em Atlanta, pelo UFC 236. E não foram apenas lutas. Foram momentos épicos. Em uma das maiores lutas da história do peso-médio do UFC, o nigeriano Israel Adesanya venceu o americano Kelvin Gastelum por decisão unânime dos juízes (triplo 48-46), se tornando o campeão interino da categoria - o campeão linear é o australiano Robert Whittaker, que em breve deve unificar o título da categoria contra Adesanya. "Eu estava pronto para uma guerra, e foi uma guerra. Eu me preparei muito para isso, e esperei muito tempo para que isso acontecesse. Eu não pensei nos pontos, só pensava em cada round. Estava disposto a morrer aqui. Sabia que ele tinha muita raça, ele é mexicano. Mas eu tenho raça também. Agora sou o campeão. Vamos lá!", disse Adesanya após entregar seu cinturão ao seu treinador e se ajoelhar aos seus pés, em sinal de agradecimento. Na luta principal, sete anos depois da pri-

meira vez em que se mediram forças, Dustin Poirier e Max Holloway voltaram a se enfrentar. Desta vez, mesmo com Max Holloway tendo resistido e equilibrado a luta, o desfecho acabou sendo o mesmo: vitória de Dustin Poirier, agora por decisão unânime dos juízes (triplo 49-46), com direito a levar para casa o cinturão interino dos pesos-leves e a certeza de que enfrentará o campeão linear, o russo Khabib Nurmagomedov, pela unificação do título. Holloway, além de perder a chance de ser o sétimo lutador a conquistar dois cinturões do UFC em categorias diferentes, teve encerrada sua sequência de 13 vitórias consecutivas - a terceira maior da história do UFC. "É incrível. Parece um sonho. Essa vitória foi conquistada golpe a golpe contra um dos melhores lutadores do mundo. No terceiro round, quando ele me acertou alguns golpes muito duros e eu senti que estava machucado, eu pensei: "Dane-se! Vou pra cima dele com tudo!" Agora sou campeão mundial e quero unificar o cinturão contra Khabib. Espere uma guerra, porque é isso que vai ser. Para quem achou que eu era o azarão, eu digo que trabalhei a minha vida inteira para ser o campeão", disse Poirier após a luta.

Foto: Divulgação

Israel Adesanya, nos médios, e Dustin Poirier, nos leves, brilharam no UFC 236

Poirier surpreendeu e conquistou o cinturão dos leves


22

Coluna

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA FEIRA EIRA A 29 29 DE DE ABRIL ABR A BRIL IL DE 2019 201 019 9

Carol Foerste - Brazilian Night Saugus e região! Estamos E aí galerinha de Boston s magníficas noites comovidos e gratos pela ilian Night tocando o az Br o m co ira fe axt se de o Nova Onda e DJs up Gr o m co de go pa r melho nto a vocês. convidados, têm tido ju bilidade e cuidado com É com grande responsa alhamos arduamente o nosso público, que trab l dessa linda produpara manter o alto níve s lindos e felizes, nada ção. Sem esses rostinho la conosco, pois tem disso seria possível! Co r aí!!! muita novidade vindo po


23

Publicidade

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019


24

Publicidade

www.brazilianglobe.com

EDIÇÃO 06 - CIRCULAÇÃO - TERÇA-FEIRA 16, A SEGUNDA-FEIRA 29 DE ABRIL DE 2019

Profile for BrazilianGlobeUSA

BG-006  

Todos sabemos que nossa comunidade tem objetivos ligados a história, amizade e saudade. O Brazilian Globe está na rede, clique e saiba tudo...

BG-006  

Todos sabemos que nossa comunidade tem objetivos ligados a história, amizade e saudade. O Brazilian Globe está na rede, clique e saiba tudo...

Advertisement