Issuu on Google+

brasil

ROTARIO A revista regional do Rotary no Brasil

DEZEMBRO 2013 ANO 89 nº 1098

tempo de compartilhar

O Rotary ainda mais solidário no último mês do ano www.brasilrotario.com.br


Você vai começar 2014 com a Brasil Rotário em todos os lugares

A

partir de janeiro você poderá optar pela assinatura da nossa edição digital. A revista estará disponível para leitura em computadores, notebooks, smartphones e tablets. É o jeito

mais fácil de levar a Brasil Rotário sempre com você. Com um simples cadastro, o acesso personalizado à edição corrente fica disponível logo no primeiro dia útil do mês.

Saiba mais em bit.ly/edicao_digital


iStockphoto

28

O Natal reforça o ideal de compaixão e solidariedade entre os povos

Sumário 05

Mensagem do presidente Ron D. Burton

28

10

Coluna da diretora do Rotary International Dezembro, tempo de esperança Celia Giay

Capa O nascimento que o mundo não esqueceu Redação

36

12

End Polio Now Um herói das crianças na guerra contra a pólio Denise Vieira

Coluna dos coordenadores regionais da Fundação Rotária O alerta dos surtos José Carlos Carvalho e Celso Alves

37

14

Terceiro Setor Esperança renovada de um mundo melhor Dora Silvia Cunha Bueno

Coluna do chair da Fundação Rotária A família do Rotary DK Lee

16

Homenagem Roberto Petis Fernandes, ex-presidente da Brasil Rotário Ricardo VLM Gondim e equipe

18

Coluna da Associação Brasileira da The Rotary Foundation Aprender o prazer de doar Antonio Hallage

20

Concurso cultural Novos olhares Nuno Virgílio Neto

26

Serviços à Comunidade Um ônibus para levar saúde Redação

Seções 04 06 34 38 40 60 64 67 68 70 71 72

Cartas e recados l Saudades Curtas Cultura Autores rotarianos Clubes e distritos em revista Interact e Rotaract Senhoras em ação Os 50 mais Reconhecimentos da Fundação Rotária Rotarianos que são notícia Aconteceu Relax

Capa: arte de Maria Cristina Andrade com foto de Getty Images

brasil

ROTARIO Sucessora de “Notícias Rotárias” e “Rotary Brasileiro”. Publicação mensal dedicada à divulgação do Ideal de Servir. Revista regional do Rotary International para os rotarianos do Brasil.


Rotary International

One Rotary Center

Conselho Diretor 2013-14 PRESIDENTE Ron Burton

VICE-PRESIDENTE Anne Matthews TESOUREIRO Andy Smallwood

Evanston, Illinois, EUA

www.rotary.org

Curadores da Fundação Rotária 2013-14

DIRETORES Ann-Britt Åsebol Bryn Styles Celia Elena Cruz de Giay Gideon Peiper Holger Knaack Jacques di Constanzo John Boag Larry Lunsford Mary Beth Growney Selene

PRESIDENTE ELEITO Gary Huang

1560 Sherman Avenue

Michael Webb P. T. Prabhakar Sang Koo Yun Seiji Kita Steven Snyder Takeshi Matsumiya SECRETÁRIO-GERAL John Hewko

Noel Ba At Ray Klinginsmith Samuel Owori Stephanie Urchick Stephen Brown

CURADORES Antonio Hallage Ian Riseley Jackson Hsieh Julio Sorjús Kalyan Banerjee Kazuhiko Ozawa Monty Audenart

CHAIR Dong Kurn Lee CHAIR ELEITO John Kenny VICE-CHAIR Michael McGovern

SECRETÁRIO-GERAL John Hewko

Governadores de Distrito no Brasil em 2013-14 DISTRITO 4310 Wilson Takada Jr. RC de Indaiatuba, SP

DISTRITO 4510 Ricardo Bermejo RC de Assis-Norte, SP

DISTRITO 4610 Claudio Moyses RC de São Paulo-Barra Funda, SP

DISTRITO 4700 Rudimar Borghetti RC de Caxias do Sul, RS

DISTRITO 4390 Carlos Lucena RC de Feira-Leste, BA

DISTRITO 4520 Iracema Ferreira RC de Teófilo Otoni-Norte, MG

DISTRITO 4620 Wellington Hoshino RC de Tatuí-Cidade Ternura, SP

DISTRITO 4710 Antônio Santos RC de Londrina-Sudeste, PR

DISTRITO 4410 Robson Vilela RC de São Gabriel da Palha, ES

DISTRITO 4530 Raimundo Pinheiro RC de São Luiz de Montes Belos, GO

DISTRITO 4420 José Joaquim Ferreira RC de São Paulo-Sul, SP

DISTRITO 4540 Antônio Sader RC de Sertãozinho, SP

DISTRITO 4630 Antonio Cardoso RC de Campo Mourão, PR

DISTRITO 4720 João Oliveira RC de Redenção, PA

DISTRITO 4430 Antônio José Costa RC de São Paulo-Alto da Mooca, SP

DISTRITO 4550 Ricardo Becker III RC de Cruz das Almas, BA

DISTRITO 4640 Paulo Camargo RC de Foz do Iguaçu-Ponte, PR

DISTRITO 4730 Luiz Scorsin RC de Curitiba-Oeste, PR

DISTRITO 4440 José Silva RC de Cuiabá-Taiamã, MT

DISTRITO 4560 Virgílio Bandeira RC de Lavras-Sul, MG

DISTRITO 4650 Leopoldo Defaci RC de Itapoá, SC

DISTRITO 4740 Luiz Karloh RC de Herval D’Oeste, SC

DISTRITO 4470 José Corrêa RC de Campo Grande-São Francisco, MS

DISTRITO 4570 Fernando Moreira de Faria RC do Rio de Janeiro-Ipanema, RJ

DISTRITO 4651 César Menezes RC de Criciúma, SC

DISTRITO 4750 Luiz Oscar Spitz RC de Araruama, RJ

DISTRITO 4480 Ricardo Maluf RC de Cafelândia, SP

DISTRITO 4580 Ângela Maria Rezende RC de Congonhas, MG

DISTRITO 4660 Derci Moraes RC de Santo Ângelo-Norte, RS

DISTRITO 4760 William Ramos RC de Pirapora, MG

DISTRITO 4490 Dejarino Santos Filho RC de Maranguape, CE

DISTRITO 4590 Marco Ginciene RC de Cajamar, SP

DISTRITO 4670 Loreni Feistler RC de Canoas-Integração, RS

DISTRITO 4770 Elcimar Oliveira RC de Bom Jesus, GO

DISTRITO 4500 Alexandre Inojosa RC de Petrolina, PE

DISTRITO 4600 Janilson Teixeira RC de Resende-Campos Elíseos, RJ

DISTRITO 4680 Marco Antônio Luz RC de Pelotas-Suleste, RS

DISTRITO 4780 Rubem Beraldo dos Santos RC de Cachoeira do Sul-Princesa do Jacuí, RS

cOOPERATIVA EDITORA BRASIL ROTÁRIO

Revista de Propriedade da Cooperativa Editora Brasil Rotário CNPJ 33.266.784/0001-53  Inscrição Municipal 00.883.425 Av. Rio Branco, 125, 18º andar CEP: 20040-006 – Sede própria Rio de Janeiro – RJ  Tel: (21) 2506-5600 / Fax: (21) 2506-5601

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO 2013-15

Conselho SUPERIOR Mário de Oliveira Antonino (Recife-PE) EDRI 1985-87 Gerson Gonçalves (Londrina-PR) EDRI 1993-95 José Alfredo Pretoni (São Paulo-SP) EDRI 1995-97 Celia Elena Cruz de Giay (Arrecifes-Argentina) DRI 2013-15

Diretoria Executiva Presidente Ricardo Vieira Lima Magalhães Gondim Vice-Presidente de Operações Milton Ferreira Tito Vice-Presidente de Administração Waldenir de Bragança Vice-Presidente de Finanças Wilmar Garcia Barbosa Vice-Presidente de Planejamento e Controle Bemvindo Augusto Dias Vice-Presidente de Marketing José Alves Fortes Vice-Presidente de Relações Institucionais José Luiz Fonseca Vice-Presidente Jurídico Jorge Bragança MEMBROS EFETIVOS

Dulce Grünewald Lopes de Oliveira Eduardo Alvares de Souza Soares Fernando Antonio Quintella Ribeiro Herlon Monteiro Fontes Joper Padrão do Espírito Santo José Ubiracy Silva Vicente Herculano da Silva

MEMBROS SUPLENTES

Alberto de Freitas Brandão Bittencourt Carmelinda Amália Maria Maliska Paulo César Tinoco GERENTE EXECUTIVO

Gilberto Geisselmann ASSESSORES

Abel Mendes Pinheiro Júnior Alice Cavaliere Lorentz Antonio Vilardo Aroldo Mendes de Araujo Eduardo de Barros Pimentel Geraldo da Conceição Sebastião Cony Dantas Taketoshi Higuchi CONSELHO FISCAL

Membros efetivos Orlando Graneiro Ril Moura Sebastião Porto Suplentes Cláudio da Cunha Valle José Moutinho Duarte CONSELHO CONSULTIVO DE GOVERNADORES

Membros natos efetivos Governadores 2013-14 Representante junto ao Conselho de Administração Fernando Moreira de Faria

CONSELHO EDITORIAL CONSULTIVO

Presidente Ricardo Vieira Lima Magalhães Gondim Membros Bemvindo Augusto Dias Fernando Antonio Quintella Ribeiro Fernando Moreira de Faria Jorge Bragança José Alves Fortes José Luiz Fonseca José Ubiracy Silva Mário César de Camargo Milton Ferreira Tito Waldenir de Bragança Wilmar Garcia Barbosa COMISSÃO EDITORIAL EXECUTIVA

Presidente Ricardo Vieira Lima Magalhães Gondim Membros Bemvindo Augusto Dias Gilberto Geisselmann José Alves Fortes Luiz Renato Dantas Coutinho Manoel Magalhães Milton Ferreira Tito Nuno Virgílio Neto Renata Coré

Hipólito Sérgio Ferreira (Belo Horizonte-MG) EDRI 1999-01 Alceu Antimo Vezozzo (Curitiba-PR) EDRI 2001-03 Luiz Coelho de Oliveira (Limeira-SP) EDRI 2003-05

Themístocles A. C. Pinho (Niterói-RJ) EDRI 2007-09 Antonio Hallage (Curitiba-PR) EDRI 2009-11 José Antonio Figueiredo Antiório (Osasco-SP) EDRI 2011-13

Carlos Henrique de Carvalho Fróes (Rio de Janeiro-RJ) EGD 1986-87 e ex-presidente da Cooperativa Editora Brasil Rotário EXPEDIENTE Editor: Ricardo Vieira Lima Magalhães Gondim Jornalista responsável: Luiz Renato D. Coutinho – Jorn. Prof. MtB 25583 RJ Redator-chefe: Nuno Virgílio Neto – Jorn. Prof. MtB 24490 RJ Redação: Alex Mendes, Armando Santos, Luiz Renato D. Coutinho, Manoel Magalhães, Maria Cristina Andrade, Maria Lúcia Ribeiro de Sousa, Nuno Virgílio Neto e Renata Coré Impressão: Log & Print Gráfica e Logística S.A. Digitalização: Alex Mendes, Armando Santos e Maria Cristina Andrade Tiragem desta edição: 59.000 exemplares E-mail da Redação: redacao@brasilrotario.com.br Homepage: www.brasilrotario.com.br Facebook: www.facebook.com/revistabrasilrotario As matérias assinadas são de inteira responsabilidade dos seus autores. A Brasil Rotário, consciente de sua responsabilidade ambiental e social, utiliza papéis com certificado FSC (Forest Stewardship Council) para a impressão desta revista. A Certificação FSC garante que uma matériaprima florestal provenha de um manejo considerado social, ambiental e economicamente adequado.

Um princípio que não pode ter fim. Campanha em prol de mais ele­­­vados padrões de ética. Apoio dos Rotary Clubs do Brasil 2

| DEZEMBRO de 2013


Quantos somos Em todo o mundo Número de clubes: 34.503; Total de rotarianos: 1.202.997 (sendo 220.551 mulheres); Países e regiões onde o Rotary está presente: 219; Número de distritos rotários: 532; Rotaract Clubs: 6.208 (em 192 países, reunindo um total de 142.784 rotaractianos); Interact Clubs: 16.153 (em 159 países, reunindo um total de 371.519 interactianos); Núcleos Rotary de Desenvolvimento Comunitário: 7.789 (em 93 países, reunindo um total de 179.147 voluntários não rotarianos).

No Brasil Número de clubes: 2.381; Total de rotarianos: 56.105 (sendo 12.271 mulheres); Número de distritos rotários: 38; Rotaract Clubs: 497 (reunindo um total de 11.431 rotaractianos); Interact Clubs: 859 (reunindo um total de 19.757 interactianos); Núcleos Rotary de Desenvolvimento Comunitário: 349 (reunindo um total de 8.027 voluntários não rotarianos).

Fonte: Escritório do Rotary International no Brasil (dados de outubro de 2013).

Vamos entrar em contato com a Brasil Rotário? Escreva para nossos e-mails. Para enviar textos e fotos sobre as ações do seu clube, escreva para redacao@brasilrotario.com.br

Para informações sobre pagamentos e boletos bancários, escreva para cobranca@brasilrotario.com.br

Se você quer informações sobre a remessa da revista, alterar o endereço de envio ou atualizar o número de assinantes, escreva para expedicao@brasilrotario.com.br

Brasil Rotário: servindo por meio da comunicação

Leia

Um convite do editor Ricardo VLM Gondim

N

esta edição falamos de solidariedade, lembrando que este mês de dezembro é, independente da crença religiosa que cada um professa, um período em que se acentuam os sentimentos de humanismo e fraternidade. Tempo que é propício à maior união entre os seres humanos, seja por razões religiosas ou simplesmente culturais, dezembro é uma época do ano em que todos, em especial os rotarianos, são instados a dedicar mais carinho e serviços às suas comunidades. Esta é a nossa matéria de capa. Não por mera coincidência, este é também designado como o Mês da Família Rotária. Para falar sobre a importância e a significação deste período, o chair da nossa Fundação Rotária, o companheiro ex-presidente do Rotary International Dong Kurn Lee, dedica a este tema sua coluna deste mês. Falamos também de ações concretas de solidariedade e serviço: mostramos o Rotary Saúde Móvel, um ônibus patrocinado pelo Rotary Club da Bahia, dotado de equipamento e pessoal de assistência médica, que leva atendimento a comunidades carentes da região metropolitana de Salvador e a localidades no interior do estado. O tema saúde nos lembra a monumental campanha de combate à pólio, em que estamos, todos nós rotarianos, engajados, e que está bem próxima – falta só isto! – de alcançar seus objetivos finais. Importantes nomes se têm juntado ao Rotary nesta iniciativa, entre os quais o querido ator e humorista Renato Aragão, o Didi, que veio participar, fazendo o gesto característico daquele que já é considerado o Maior Comercial do Mundo. Nesta edição, damos um destaque especial ao resultado do nosso Concurso Cultural Rotary em Foco, de fotografias sobre assuntos rotários, tais como serviços à comunidade, ações de solidariedade e outros. Assim, trazemos um ensaio fotográfico com as três imagens vencedoras, e também mostramos as outras sete fotos que se destacaram no entender da Comissão Julgadora, ou pela beleza ou pela expressividade. Dessa forma procuramos homenagear os nossos leitores e colaboradores, enaltecendo e divulgando sua veia artística, bem demonstrada nessas obras, bem como sua sensibilidade ao captar expressivos momentos de serviço e, certamente, de solidariedade. Recentemente, perdemos nosso companheiro Roberto Petis Fernandes, rotariano de atuação marcante e ex-presidente da Cooperativa Brasil Rotário, que faleceu aos 93 anos. Petis foi responsável por um período de grande desenvolvimento e de notável modernização da nossa revista. A ele a revista dedica, neste mês, um espaço de homenagem e de saudade. Como dissemos no início, dezembro é o mês caracterizado pelo amor e pela solidariedade. Assim, independente de crença religiosa, desejamos a todos muitas felicidades neste período de festas de congraçamento e de boas expectativas para o novo ano. Boas festas e um feliz 2014 para todos! Estas e muitas outras matérias de interesse estão neste número da nossa revista. Leia! DEZEMBRO de 2013|

3


C artas e recados

A Seu Serviço

Casas da Amizade na capa de outubro

N

ão poderíamos ter recebido homenagem mais bonita no Mês de Combate ao Câncer de Mama. Agradeço em nome de todas as companheiras. – Dayanni Mattos Barbarotti, presidente da Casa da Amizade de Itapeva, SP (distrito 4620), via Facebook Parabéns a todas as senhoras de rotarianos e às rotarianas também. Ainda há clubes que por puro machismo não aceitam mulheres em seus quadros associativos. Não sabem o que estão perdendo. – Marcos Alexandre Rabassi, via Facebook Muito pertinente. Sensacional este enfoque. Parabéns. – Vera Resende, via Facebook Rotary: associação de homens de bem para servir. Casa da Amizade: garantia de que existirá companheirismo, sem o qual nenhuma associação de voluntários se mantém e prospera por muitos e profícuos anos. Parabéns às mulheres da Casa da Amizade. – Ivan Leite, associado ao Rotary Club de Estância, SE (distrito 4390), via Facebook Linda capa, Brasil Rotário. – Marilda Junqueira, via Facebook

Saudades José Luiz Padovani Squarcina, associado ao Rotary Club de Taubaté-União, SP (distrito 4600). nnn

Armando Saturnino Kurle, associado ao Rotary Club de Porto Alegre-Sudeste, RS (distrito 4680).

As correspondências para estas seções devem ser enviadas para o e-mail redacao@brasilrotario. com.br ou para a Avenida Rio Branco, 125/18º andar – Centro – Rio de Janeiro/RJ; CEP: 20040-006. Em razão do seu tamanho ou para facilitar a compreensão, os textos poderão ser editados.

Sobre o uso e a publicação de textos e imagens O leitor que contribui com a Brasil Rotário por meio do envio de conteúdo – tais como fotos, informações, textos e frases, entre outros – aceita e se responsabiliza pela autoria e originalidade do material enviado à revista, bem como pela obtenção da autorização de terceiros que eventualmente seja necessária para os fins desejados, respondendo dessa forma por qualquer reivindicação que venha a ser apresentada à Brasil Rotário, judicial ou extrajudicialmente, em relação aos direitos intelectuais e/ou direitos de imagem, ou ainda por eventuais danos morais e/ou materiais causados à Brasil Rotário, à Cooperativa Editora Brasil Rotário ou a terceiros. Entre os direitos da Brasil Rotário incluem-se, também, os de adaptação, condensação, resumo, redução, compilação e ampliação dos textos e imagens enviados à revista.

4

| DEZEMBRO de 2013

Escritório do Rotary International no Brasil Home page: http://www.rotary.org.br Endereço Rua Tagipuru, 209 – Perdizes São Paulo – SP – Brasil CEP: 01156-000 Tel: (11) 3826-2966 Fax: (11) 3667-6575 Horário: 2ª a 6ª, de 8h às 17h Gerente Celso Fontanelli celso.fontanelli@rotary.org Quadro Social (Assistência aos Governadores de Distrito e aos Clubes) Débora Watanabe debora.watanabe@rotary.org Supervisor da Fundação Rotária Edilson M. Gushiken edilson.gushiken@rotary.org Supervisor Financeiro Carlos A. Afonso carlos.afonso@rotary.org Encomendas de Publicações, Materiais e Programas Audiovisuais Clarita Urey clarita.urey@rotary.org Tel.: (11) 3826-2966 Fax: (11) 3667-6575 Rotary International Secretaria (Sede Mundial) 1560 Sherman Avenue, Evanston, Il 60201 USA Phone: 00-21-1847 866-3000 Fax: 00-21-1847 328-8554 Horário: 8h30 às 16h45 (horário de Washington)


m ENSAGEM DO PRESIDENTE

E Na rede

Leia os pronunciamentos e as notícias do presidente do Rotary International Ron D. Burton acessando o site www.rotary.org/president

m uma bela manhã de inverno, enquanto caminhava por uma rua de Chicago, Paul Harris, o fundador do Rotary, viu um grupo de crianças brincando na neve e deslizando morro abaixo. Naquele momento ele se lembrou de sua própria infância em New England e decidiu que, se um dia tivesse uma casa própria, ela seria no topo daquela colina em Longwood Drive. Em 1912, o sonho de Paul Harris e sua esposa, Jean, tornou-se realidade. Eles compraram uma casa e a apelidaram de Comely Bank, nome da rua em que Jean havia crescido na Escócia. Durante muitos anos, o casal realizou reuniões rotárias em Comely Bank e ofereceu recepções para visitantes ilustres. Paul e Jean enfeitaram a casa com objetos que colecionaram durante suas viagens pelo mundo e plantaram árvores no quintal, que chamavam de Jardim da Amizade. Depois que Paul faleceu, em 1947, Jean vendeu o imóvel e pouco depois voltou para a Escócia. Em 2005, a Fundação Paul e Jean Harris Home comprou a casa para evitar que ela fosse demolida. Esta propriedade histórica foi salva graças aos esforços deste grupo e à ajuda dos Rotary Clubs de Chicago e Naperville, mas agora depende de nós conservá-la para a posteridade, convertendo-a num lugar onde rotarianos possam comemorar o espírito de amizade e solidariedade do Rotary. O Conselho Diretor do Rotary International aprovou um empréstimo de 500 mil dólares para ajudar a Fundação Paul and Jean Harris Home a restaurar este símbolo da história rotária. A meta do projeto é arrecadar 5 milhões de dólares para completar as reformas necessárias e estabelecer um fundo de dotação por meio do qual o imóvel poderá funcionar como museu e local histórico. Minha esposa Jetta e eu estamos comprometidos com esse projeto para conservar a casa, pois acreditamos que esta iniciativa merece nosso apoio. Assim, fizemos uma contribuição à Fundação Rotária para estabelecer um fundo de doações direcionadas que aceite contribuições de todos aqueles que, como nós, querem preservar a história da nossa organização. Se você desejar fazer uma contribuição para este projeto, acesse o site www. rotary.org/daf e clique em How to contribute. Coloque Paul Harris Home Preservation como nome da conta à qual está destinando sua contribuição e o número 474. Todas as contribuições são importantes, independente do valor, e há oportunidades de reconhecimento para doações maiores. Juntos, vamos comemorar o legado de Paul Harris e garantir que sua casa esteja aberta para as futuras gerações de rotarianos.

Ron D. Burton Presidente do Rotary International DEZEMBRO de 2013|

5


C urtas Convenção do Rotary International

Passeios gratuitos em Sydney

L

ocomover-se por Sydney e seus arredores será muito fácil para os participantes da Convenção do Rotary International de 2014, de 1° a 4 de junho. De 29 de maio a 5 de junho, os rotarianos terão o privilégio de utilizar gratuitamente o transporte público dentro de um raio de 250 quilômetros do centro comercial da cidade, como cortesia do governo de Nova Gales do Sul. Essa distância engloba a famosa praia de Bondi, local ideal para nadar, surfar ou relaxar em um café; as Montanhas Azuis, onde a luz do sol se mistura com gotas de óleo de eucalipto e cria uma névoa azulada; e o parque Featherdale Wildlife, onde é possível alimentar cangurus e coalas. O passe facilitará as viagens de ida e volta ao Parque Olímpico de Sydney, local da Convenção, e permitirá chegar ao Jardim Botânico, à Ópera de Sydney e ao edifício Queen Victoria, um local repleto de lojas de luxo. Com ele também será possível pegar o trem para atravessar a Ponte da Baía, considerada a mais alta

ponte de aço em forma de arco do mundo. Os participantes receberão seus passes quando completarem a inscrição para a Convenção. Para mais detalhes, visite o site rotary2014.com.au. Informações sobre o transporte público em Sydney podem ser encontradas em www.131500.com.au ou pelo telefone 131 500, quando você estiver na Austrália. Outra opção é baixar o aplicativo do transporte público de Sydney em seu smartphone.

Inscreva-se para a Convenção do Rotary International de 2014 em Sydney pelo site www.riconvention.org/pt.

Enxovais para mães em Papua-Nova Guiné

M

ais de 30 voluntários dos Rotary Clubs de Prahran, St. Kilda e Warrnambool, na Austrália, se reuniram na Escola Primária de St. Kilda, no Estado de Vitória, localizado no sudoeste da porção continental do país, para montar 120 kits destinados a novas mães que vivem nas montanhas de Papua-Nova Guiné. Os rotarianos se juntaram nessa iniciativa à St. Kilda

6

| DEZEMBRO de 2013

Mums, uma organização australiana sem fins lucrativos de assistência materna, e à Fundação Highlands, que envia auxílio a Papua-Nova Guiné. O transporte dos pacotes, que incluem roupas, cobertores e material de higiene, caberá ao grupo de serviço rotário Donations in Kind, que fica no subúrbio de Footscray, a cinco quilômetros de Melbourne, a capital do Estado de Vitória.


Intercambista relata vivência na África

J

uliano Zimmermann deve permanecer por cerca de um ano no Zimbábue. Compartilhar sua própria cultura enquanto abraça uma nova: tal é a força motriz de quem participa do Intercâmbio de Jovens, um dos programas do Rotary mais conhecidos. E foi pensando nisso que Juliano, oriundo da cidade de Marechal Cândido Rondon, no Paraná, escolheu um país da África para passar um ano. No Zimbábue desde meados de outubro, o jovem criou um blog no qual expõe um pouco de sua experiência. Ali ele relata curiosidades sobre o idioma, a culinária, os cultos religiosos e até aspectos particulares da vivência rotária local. Juliano encontra-se na capital, Harare, cidade de cerca de 3 milhões de habitantes que é também o centro

comercial do país. Como um representante na África do Rotary Club de Marechal Cândido Rondon, PR (distrito 4640), ele está tendo como anfitrião o clube zimbabuano de Hunyani (distrito 9210, que abarca Zâmbia, Zimbábue e parte de Moçambique). O Zimbábue, localizado no sudeste da África, tem 13% do seu território destinado a reservas de animais selvagens. Embora parte relevante da população viva na pobreza extrema, o país, que ainda sofre com a alta incidência de HIV, apresenta grandes reservas de ouro, níquel e prata. Na fronteira com a Zâmbia ficam as famosas cataratas de Vitória (foto). O país também guarda vestígios de reinos antigos, como as construções de pedra do Grande Zimbábue. Para acompanhar a experiência de Juliano, acesse http://africazim.blogspot.com.br

DEZEMBRO de 2013|

7


C urtas

Dos campos às quadras com o Voltaço

E

m 2013, a cidade de Volta Redonda, no Rio, marcou mais um belo ponto na luta contra a poliomielite. Seguindo o exemplo do Volta Redonda Futebol Clube, o Voltaço, tradicional equipe que disputa a série A do Campeonato Carioca, chegou a vez do time masculino de vôlei da cidade estampar em seu uniforme a logomarca da campanha End Polio Now. A equipe foi muito bem no último Campeonato Carioca, ficando em segundo lugar na competição, e agora está brigando na Superliga 2013/2014, transmitida ao vivo pelo SporTV, o que garante mídia espontânea em todo o Brasil para o Rotary e sua principal campanha. Peça indispensável nesse trabalho de imagem pública, fazendo a ponte entre a campanha dos rotarianos e o clube esportivo, o Rotary Club de Volta Redonda vem dando bastante destaque à Fundação Rotária e à iniciativa End Polio Now. O clube é 100% Companheiro Paul Harris e arrecadou mais de 80 mil dólares em doações nos últimos sete anos. Quem também faz diferença é seu associado Rogério Loureiro, presidente do Voltaço.

Guerreiros das quadras entram nessa luta: exemplo para todo o país

Nos jogos da equipe, placas divulgam a campanha nas laterais da quadra E aí na sua cidade? Algum clube esportivo já abraçou essa campanha? Inspire-se no exemplo de Volta Redonda e leve a esperança de um futuro sem pólio para as arquibancadas de todo o Brasil.

Imagem pública sobre rodas

N

os últimos dois anos, um automóvel ficou famoso em muitas cidades do Nordeste por carregar em suas laterais a marca do Rotary. Ao volante, o governador 2012-13 do distrito 4490, Pedro Ivo de Carvalho Viana, que transformou seu próprio carro no grande destaque das visitas oficiais que fez a mais de 70 clubes nos Estados do Ceará, Maranhão e Piauí. No dia 23 de fevereiro, data em que o Rotary completou 108 anos, as ruas de São Luís, capital maranhense, receberam uma caminhada pela paz. À frente do desfile, o carro de Pedro Ivo. “Sentimos

8

| DEZEMBRO de 2013

um carinho muito especial em todos os lugares por onde passamos”, lembra o então governador. “Até aplausos recebemos em nome do Rotary.”


First Class cresce em distrito paulista

N

a Assembleia Internacional deste ano, em San Diego, nos EUA, o então presidente eleito Ron Burton sugeriu ao seu time de governadores distritais que fizesse uma contribuição pessoal à Fundação Rotária, ideia abraçada pela absoluta maioria dos atuais líderes dos 532 distritos rotários do mundo. Todos os 38 governadores brasileiros fizeram doações. Na volta ao Brasil, eles levaram a proposta de Burton, batizada por ele de First Class, às suas próprias regiões. Quatro deles conseguiram que todos os seus presidentes de clubes e governadores assistentes fizessem doações pessoais à Fundação Rotária antes mesmo do início do atual ano rotário, em 1º de julho: Antonio Carlos Cardoso (distrito 4630), Derci da Silva Moraes (4660), Rubem Beraldo dos

Santos (4780) e Ricardo de Maio Bermejo (4510). Mas este último resolveu ir além, conseguindo a autorização do presidente do Rotary International para estender o First Class a todos os mais de 1.600 rotarianos de seu distrito, no interior de São Paulo, e também às Casas da Amizade, Rotaracts, Interacts, Rotakids e associados honorários, homenageando os clubes e doadores individuais, que têm metas diferenciadas de contribuição, com bottons, troféus e certificados. O distrito comprou o desafio de Bermejo e até o início de setembro já havia contabilizado 25 mil reais em doações. “O mais importante de tudo isso é conscientizar todos os nossos companheiros rotarianos, e também os jovens, de que todos podemos fazer doações à Fundação Rotária”, afirmou Ricardo.

Um presente que atravessou os mares

C

om uma população de 166 mil habitantes, a cidade de Iquique, no litoral chileno, recebeu um grande presente de quatro clubes do Canadá: um container carregado com 200 mil dólares em suprimentos médicos e odontológicos, incluindo camas de hospital, cadeiras de rodas, máquinas

de ultrassom e incubadoras. As doações foram obtidas pelos rotarianos junto a instituições de saúde de Vancouver e distribuídas no Chile pelo Rotary Club de Iquique-Cavancha. O Chile ainda se recupera do violento terremoto que devastou o país em 2010, desabrigando aproximadamente 1,5 milhão de pessoas. BR

DEZEMBRO de 2013|

9


Coluna dA diretorA do Rotary International Celia Giay

Dezembro, tempo de esperança Por meio do serviço, vamos ao encontro dos demais, mudando a vida de quem ajudamos e enriquecendo a nossa própria “A generosidade consiste em dar antes que nos seja pedido.”

– Provérbio árabe

O

calendário deixou cair suas páginas, uma a uma, até chegar à última: dezembro, tempo apropriado para reflexão e para celebrações repletas de espiritualidade e significado. Um momento em que nós, seres humanos, ficamos mais sensibilizados – e nossos pensamentos e ações traduzem esse estado emocional. Tempo de pensar no próximo e de fazer com que o 5 de dezembro, proclamado pelas Nações Unidas como Dia Internacional dos Voluntários, nos permita valorizar essa ação, por meio da qual cada um de nós, por vontade própria, tem a possibilidade de investir energia, conhecimento e recursos a serviço de quem mais necessita, sem receber algo em troca.

10

| DEZEMBRO de 2013

Dezembro é uma ocasião para que a nossa ação solidária transcenda e faça quem nos rodeia compreender que a verdadeira generosidade com o futuro consiste em construir o presente. Nós, rotarianos, somos voluntários. Por meio do serviço, vamos ao encontro dos demais, mudando a vida de quem ajudamos e enriquecendo a nossa própria, com trabalho em conjunto e generosa entrega. Uma história Ser voluntário oferece sempre uma oportunidade para agir. Gostaria de compartilhar com vocês uma ação


Ser voluntário oferece sempre uma oportunidade para agir iStockphoto

entre outros. Mais de 120 pessoas dedicaram seu tempo de forma organizada, embalando o alimento em pacotes que levam nutrientes indispensáveis para que milhões de crianças sobrevivam.

muito significativa vivida por mim no último dia 26 de outubro durante uma reunião do Conselho Diretor do Rotary International. Nesse dia, todos nós, diretores e cônjuges, realizamos uma tarefa direcionada à ONG Feed My Starving Children (Alimente Meus Filhos Famintos, em inglês). Junto a outras pessoas, membros de igrejas, grupos comunitários, civis, estudantes e famílias, nos reunimos para trabalhar num centro localizado nos arredores de Chicago, com o propósito de preparar pacotes com alimentos para crianças que sofrem com a fome em países como Afeganistão, Haiti, Peru, Equador e Filipinas,

Maior é aquele que serve Naquele sábado, naquele lugar, um total de 4.950 dólares foram destinados para que preparássemos 22.680 pacotes com alimentos, o suficiente para que 67 crianças comam durante um ano inteiro. Esse foi o trabalho de apenas um dia, mas esses centros – nove, no total – funcionam todas as quartas-feiras, sextas-feiras, sábados e domingos. Nos últimos 10 meses, 48 mil voluntários prepararam um total de 12 milhões de porções de alimentos. Uma experiência inesquecível e um trabalho louvável! Por que apresentei esse exemplo? Porque é preciso divulgar o que tanta gente boa faz para ajudar os mais necessitados. Como disse o papa Francisco ao iniciar seu pontificado, “o verdadeiro poder está no serviço… maior é aquele que serve, que está a serviço dos demais”. “Como Ele, que não veio para ser servido, mas sim para servir.” Inspirados pelas palavras dele e diante da proximidade do Natal, Luis e eu os convidamos a reforçar nosso compromisso de Viver Rotary, Transformar Vidas, trabalhando por um mundo mais justo e digno para todos. Com um forte abraço, enviamos nossos melhores desejos de festas repletas de alegria, paz e felicidade, e abençoadas por Deus. BR

Para fazer comentários e sugestões sobre o tema deste artigo, escreva para celiagiay@virtualred.com.ar DEZEMBRO de 2013|

11


E nd Polio Now

Um herói das crianças na Nova estrela do Maior Comercial do Mundo, Renato Aragão fala sobre seu apoio à principal campanha do Rotary International

12

| DEZEMBRO de 2013


guerra contra a pólio Denise Vieira*

M

ais uma celebridade se une ao trabalho de combate à paralisia infantil realizado desde 1985 pelo Rotary International. Detentor de uma popularidade incrível, o humorista e embaixador do Unicef Renato Aragão anuncia seu suporte à campanha participando do Maior Comercial do Mundo, ação publicitária online do Rotary que já mobilizou mais de 50 mil pessoas de diferentes partes do mundo, incluindo centenas de celebridades, que vão de Bill Gates ao rapper sul-coreano Psy. Assim como Renato Aragão, essas personalidades são muito importantes para divulgar a campanha, seja convidando seus fãs para o Maior Comercial do Mundo ou cedendo sua imagem às peças de promoção. A iniciativa traz famosos e pessoas comuns engajados com o fim desta doença, fazendo o gesto Falta Só Isto como forma de demonstrar que estamos perto de erradicar o vírus. Desde setembro, o Brasil lidera o ranking de países com o maior número de participantes na campanha online.  No início de novembro, os brasileiros já somavam mais de 15 mil fotos inscritas – aproximadamente 5.000 a mais que a Espanha, segunda colocada.

Foto: Sérgio Afonso Amizade antiga Renato Aragão declarou que já tinha ouvido falar do Rotary mesmo antes de participar da campanha. A meu pedido, o humorista foi convidado pelo coordenador da campanha End Polio Now para a Zona Rotária 22B, Meton César de Vasconcelos, governador do distrito 4490 nos períodos 1980-81 e 1996-97. Nascidos no Ceará, Meton e Renato graduaram-se em direito pela mesma universidade, mantendo uma longa amizade desde a década de 60. Na ocasião do convite, o humorista afirmou: “A gente fica de braços estendidos quando se trata de uma criança. A criança tem que ser protegida em todos os aspectos”.  Ele elogiou a dedicação dos rotarianos, principalmente em relação ao tempo destinado ao serviço voluntário. Quanto ao convite para participar do Maior Comercial do Mundo, ele disse que não hesitou. Primeiro porque veio de um amigo querido, e segundo porque ele tenta atender todo pedido de solidariedade. “Ainda mais vindo de uma organização como o Rotary, que reúne figuras humanas sérias”, disse. Quanto à poliomielite, Renato é enfático: esta doença tem que acabar no mundo todo. BR *A autora é jornalista, associada ao Rotary Club de Cachoeiro de Itapemirim, ES (distrito 4410), e coordenadora de Imagem Pública do Rotary no Brasil.

Uma batalha cada vez mais perto do fim

Quando o Rotary começou a combater a poliomielite, em 1985, a doença afetava 350 mil pessoas

todos os anos, a maioria delas crianças, em 125 países. Desde então, os casos foram reduzidos em mais de 99%, e apenas três países continuam endêmicos: Afeganistão, Nigéria e Paquistão. Sem cura, mas de prevenção garantida por vacinação, a paralisia infantil pode reaparecer em qualquer área se houver a reentrada do vírus, inclusive no Brasil, onde a doença foi erradicada no final dos anos 80. Os custos para manter o vírus sob controle também justificam o esforço de erradicação. Mas para muitas pessoas o que motiva mesmo a participação nesta luta é evitar que qualquer criança ainda sofra deste mal, muitas vezes fatal.   Faça agora sua doação O Rotary e seus parceiros estão prestes a erradicar a pólio em todo o mundo, mas precisam da sua ajuda. Suas doações darão apoio a campanhas de vacinação em países onde a doença ainda é endêmica, pois enquanto o vírus representar uma ameaça para uma única criança, todas as outras permanecerão em risco. Faça sua doação agora mesmo. Conheça mais sobre a campanha visitando o site: http://www.endpolio.org/pt DEZEMBRO de 2013|

13


iStockphoto

T erceiro setor

Esperança renovada de um m Junto com as Organizações da Sociedade Civil, o Rotary tem papel decisivo no desenvolvimento do país Dora Silvia Cunha Bueno*

A

o término do 8º Encontro Paulista de Fundações, realizado em 13 de setembro na sede do Centro de Integração Empresa-Escola em São Paulo, com a participação de mais de 300 pessoas, evidenciou-se de modo muito claro o quanto o Terceiro Setor está se tornando cada vez mais imprescindível para o sucesso das políticas públicas. Nos painéis, todos de altíssimo nível, constatou-se o alcance

14

| DEZEMBRO de 2013

dos projetos desenvolvidos por instituições representadas no evento e também a contribuição global do segmento para a inclusão socioeconômica e a melhoria da qualidade de vida no Brasil. O conteúdo das palestras referendou o tema central do evento: o protagonismo da sociedade civil no desenvolvimento. O conceito, aliás, foi sintetizado com extrema felicidade pelo embaixador Rubens Ricupero, que encerrou


O trabalho desse setor tem estreita correlação com a trajetória do Rotary, instituição mundial cujo lema é Servir, com antiga e consistente tradição para o voluntariado e grande contribuição para o trabalho de organizações da sociedade civil tem trabalhado com grande empenho na defesa da causa desse segmento constituído, de fato, por protagonistas da história contemporânea.

undo melhor o 8º Encontro: “Numa democracia representativa como a nossa, o Terceiro Setor é aquele que pode ser o canal para protagonizar as mudanças necessárias, promover o diálogo a partir das ideias e reivindicações apresentadas pela população”. E assim tem sido a saga das Organizações da Sociedade Civil em nosso país, atividade constituída por 290 mil fundações e associações sem fins lucrativos e que cresceu 8,8% entre 2006 e 2010 (dados divulgados em 2012 pelo IBGE). Como uma das principais representantes do Terceiro Setor no Brasil, a Associação Paulista de Fundações (APF), que tem entre suas associadas entidades com um consistente portfólio de serviços prestados à sociedade,

Servir O trabalho desse setor tem estreita correlação com a trajetória do Rotary, instituição mundial cujo lema é Servir, com antiga e consistente tradição para o voluntariado e grande contribuição para o trabalho de organizações da sociedade civil. Há também numerosas entidades em todo o mundo ligadas a ele, com atuação ampla e muito significativa. Um excelente exemplo é a Fundação de Rotarianos de São Paulo, que tem imensa obra na área educacional, mantendo o Colégio Rio Branco, as Faculdades Rio Branco, a Escola para Crianças Surdas Rio Branco e o Centro Profissionalizante Rio Branco. Orgulho-me dessa minha origem rotária e da atuação no Terceiro Setor, no qual a APF, que tenho a honra de presidir, pelo desejo democrático de seus associados, destaca-se como interlocutora das causas e anseios de nossa população. A trajetória de instituições como o Rotary, o incansável e dedicado trabalho das Organizações da Sociedade Civil e o espírito de voluntariado e boa vontade de todos os que militam nessas instituições renovam, a cada dia, nossa esperança de um mundo melhor, mais justo, pacificado e feliz. BR *A autora é associada ao Rotary Club de São Paulo, SP (distrito 4610), e presidente da Associação Paulista de Fundações e da Confederação Brasileira de Fundações. DEZEMBRO de 2013|

15


H omenagem

Roberto Petis Fernandes, ex-presidente da Brasil Rotário (1919-2013) Sérgio Afonso

Ricardo VLM Gondim* e equipe da Brasil Rotário

N

o mês de outubro a figura de Roberto Petis Fernandes mobilizou novamente os líderes rotários do nosso país, além de importantes editores das revistas rotárias. Desta vez, porém, não houve motivo para júbilo, mas para tristeza. A Brasil Rotário recebeu muitas e comovidas mensagens de pêsames, vindas de todos os cantos, pelo falecimento do seu ex-presidente, ocorrido no Rio de Janeiro, em 14 de outubro. Além de registrarmos o falecimento de um rotariano de ação marcante, há muito de emoção e de saudade nas nossas palavras. A equipe da Brasil Rotário, pela convivência profissional de tantos anos, unidos por lutas, dificuldades e vitórias; e eu, por razões pessoais, pela grande amizade que atravessa várias gerações unindo nossas famílias e, em especial, na convivência da vida rotária, pois Roberto foi meu padrinho quando ingressei no Rotary Club do Rio de Janeiro. O rotarismo brasileiro faz justiça ao reconhecer que Roberto Petis reuniu em si a visão e a competência necessárias para liderar a ampla reforma editorial da Brasil

16

| DEZEMBRO de 2013


Rotário posta em curso a partir de 1995, e levada a cabo com a colaboração do publicitário e rotariano Lindoval de Oliveira e do jornalista Waldyr Figueiredo. Petis liderou a nossa revista por 13 anos, de 1994 a 2007, fazendo dela uma das mais conceituadas, respeitadas e elogiadas dentro do universo rotário. Vida rotária que começou em casa O nosso ex-presidente nasceu em Recife em 14 de dezembro de 1919, filho do governador distrital José Manoel (Joe) Fernandes e de Susie Petis Fernandes, uma das fundadoras da Casa da Amizade do Rio de Janeiro, em 1948. Joe foi um dos anfitriões de Paul Harris quando o fundador do Rotary veio ao Brasil em abril de 1936 e o pai de Roberto era justamente o presidente eleito do clube pioneiro do Rio de Janeiro – e foi assim que o próprio adolescente Roberto conheceu Paul Harris. Petis iniciou sua vida rotária no Rotary Club de Copacabana, RJ, em 1951, no qual permaneceu por oito anos. Voltando a radicar-se em sua cidade natal por razões profissionais, ingressou no Rotary Club do Recife em 1959, lá permanecendo até 1962. Mudou-se então para Nova York, também por razões de trabalho. Nos EUA, foi associado honorário ao Rotary Club de Byran-Cos Cob, Connecticut. Retornando ao Rio em 1964, ingressou no Rotary Club do Rio de Janeiro-Botafogo, RJ, tendo sido presidente em 1971-72. Em 1974, associou-se ao Rotary Club do Rio de Janeiro, onde foi presidente em 1985-86. Muito conhecido e estimado no meio

Ele liderou a nossa revista por 13 anos, de 1994 a 2007, fazendo dela uma das mais conceituadas, respeitadas e elogiadas dentro do universo rotário rotário, foi homenageado como associado honorário dos Rotary Clubs do Recife, de Ribeirão Preto, Além Paraíba, Porto Velho-Rio Madeira, Niterói e Araruama. Posteriormente, pertenceu também ao Rotary Club do Rio de Janeiro-Glória e ao Rotary Club da Barra da Tijuca, RJ. Curiosidade: Petis conquistou o recorde distrital em propostas apresentadas e aprovadas para novos associados. O ex-presidente da Brasil Rotário era detentor do título de Companheiro Paul Harris, da medalha do Mérito Jornalístico 2005, concedida pelo jornal A Gazeta, de Além Paraíba, MG, e da Medalha do Mérito Rotário Raimundo Oliveira Filho, concedida pelo Rotary Club de Fortaleza-Alagadiço. Recebeu também a Comenda Arch Klumph, da Fundação Rotária, a Comenda Paulo Viriato Corrêa da Costa, entregue pelo distrito 4600, e a Medalha do Mérito Rotário, outorgada pelo distrito 4490. No seu vasto currículo rotário constavam participações como painelista em duas conferências do Rotary International, em 2001 e 2002, e como orador em diversos Institutos Rotary do Brasil, conferências e as-

sembleias distritais. Representante da Brasil Rotário nos Seminários Internacionais dos Editores do Rotary International em 1994, 1997 e 1999, Petis foi ainda o idealizador e coordenador do Seminário das Revistas Regionais do Rotary International em Línguas Latinas, realizado no Rio de Janeiro em março de 1998, como parte das comemorações dos 75 anos do Rotary no Brasil. Diversos cargos ocupou como voluntário, entre os quais o de diretor secretário-geral do Jockey Club Brasileiro e membro do Conselho Deliberativo da Fundação Darcy Vargas, mais conhecida como Casa do Pequeno Jornaleiro. Engenheiro civil e eletricista formado pela Escola Nacional de Engenharia, nosso ex-presidente exerceu suas atividades no Brasil e no exterior sempre no grupo Esso, inicialmente como engenheiro e posteriormente como executivo nas áreas de Marketing e Relações Públicas. Nestas funções supervisionou o Prêmio Esso de Jornalismo e o Repórter Esso, programa de notícias que marcou época no rádio e na televisão brasileira. Roberto Petis deixou viúva Maria de Lourdes, a estimada Lourdinha, dois filhos, Paulo Sérgio e Ronaldo Petis Fernandes – frutos do casamento com Ruth Rodrigues Fernandes, prematuramente falecida –, e dois netos. Ao querido companheiro Roberto Petis Fernandes dedicamos nossa homenagem e a manifestação da nossa saudade. BR * O autor é presidente e editor da Brasil Rotário e associado ao Rotary Club do Rio de Janeiro, RJ (distrito 4570).

DEZEMBRO de 2013|

17


Coluna dA associação brasileira da the rotary foundation (abtrf) Antonio Hallage*

Aprender o prazer de doar Nossa ABTRF é um instrumento de cidadania e responsabilidade social

E

stamos em época pré-natalina e todos os anos, quando se aproximam as festas de Natal, somos naturalmente conduzidos a uma reflexão sobre a nossa capacidade de doar. Mais do que uma motivação inata, há um sentimento de felicidade nesta ação. São os presentes que entregamos aos nossos familiares e também as doações que fazemos aos que mais necessitam. A mobilização dos rotarianos pode alavancar as doações das empresas, componentes ativos da sociedade. Entendendo a nossa missão, elas se emparceiram conosco por meio da ABTRF – a Fundação Rotária no Brasil –, cumprindo assim sua vocação de empresa cidadã e socialmente responsável. Relato uma experiência pessoal vivida nessa época do ano. Estava em Ponta Grossa, no Paraná, cidade natal de minha esposa, e conversava com meu sogro, já nos seus 90 anos de idade, quando ele me pediu que o acompanhasse numa atividade. Ele, então, lotou uma Kombi com brinquedos e roupas do estoque de suas lojas e nos dirigimos a uma região bem pobre da cidade. Ali ele os distribuiu para crianças que saíam com um enorme sorriso de alegria pelo inesperado regalo recebido. No caminho de volta, quem o tempo todo mostrava um sorriso nos lábios era o Seu Miguel. Eu lhe perguntei, então: “Qual a razão desse sorriso?”. E ele respondeu: “Eu aprendi o prazer de doar”. Ele estava me ofertando uma lição de desprendimento e de obtenção de felicidade de alguém que era rotariano de coração, embora não o fosse formalmente. Nunca esqueci aqueles momentos. Motivação Com este exemplo em mente, concluímos que devemos nos mobilizar e atrair para estarem conosco os empresários que conhecemos e que conseguirmos motivar, despertando neles o prazer de doar. O que oferecemos de volta? A credibilidade de nossa organização, que deve dar a eles a

18

| DEZEMBRO de 2013

certeza da boa aplicação dos recursos. A ubiquidade de nossos clubes, que se espalham por toda a área de atuação do Rotary e garantem a divulgação dessa parceria e a identificação de exemplar motivação. Nossa capacidade


Somos uma organização movida pelas atitudes e pela motivação para fazer o bem. Estando motivados, podemos estimular outros a se juntarem a esta cadeia com elos fortes de realizar projetos sustentáveis que propiciarão a continuidade dos mesmos após o término dos recursos neles aplicados. Inúmeros são os exemplos de projetos realizados por cada clube ou distrito que podem ser úteis para motivar estes empresários-parceiros. Somos uma organização movida pelas atitudes e pela motivação para fazer o bem.

Estando motivados, podemos estimular outros a se juntarem a esta cadeia com elos fortes. Nessa fase de transição em que se encontram organizações e sociedades, os parceiros que impulsionarmos serão cada vez mais importantes no engrandecimento de nossa atuação, tanto pelos recursos humanos e financeiros com os quais se envolverão em nossos projetos como pela motivação para que alguns desses iStockphoto profissionais e empresários se associem ao Rotary. A generosidade do povo brasileiro – e nossos empresários não são uma exceção – se manifesta pela prestação de serviços a um propósito claro, a uma causa. E nós temos as seis áreas de enfoque do Rotary para dar propósito à nossa ação. Ao propiciar-lhes uma forma de consolidar sua ação social, estamos conferindo-lhes a oportunidade que procuram: identidade com a comunidade. Sejamos a ponte que une as necessidades dos mais carentes à vontade de servir e doar de nossos parceiros em perspectiva. Nós nos surpreenderemos com os resultados. Motivem e motivem-se a adquirir o prazer de doar. Um feliz Natal a todos. BR

*O autor é diretor 2009-11 do Rotary International, curador da Fundação Rotária, membro gestor da ABTRF e associado ao Rotary Club de CuritibaLeste, PR (distrito 4730).

ASSOCIAÇÃO BR ASILEIR A DA

THE ROTARY FOUNDATION

Conheça o portal da ABTRF na internet: www.abtrf.org.br DEZEMBRO de 2013|

19


C o n c u r s o c u lt u r a l

Novos olhares

Trabalhos inscritos no concurso de fotografias da Brasil Rotário inspiram maneiras diferentes de se mostrar o dia a dia do Rotary

Q

Nuno Virgílio Neto* uantas são as maneiras de se fotografar o trabalho do Rotary? Esta foi a pergunta que nos motivou a criar o Concurso Cultural Rotary em Foco, lançado na edição de junho, e que até o encerramento das inscrições, em 30 de setembro, recebeu 71 trabalhos produzidos por rotarianos e não rotarianos de todas as partes do país, registrando as atividades de Rotary Clubs, Casas da Amizade, Rotaracts, Interacts e Rotakids. Buscando a interação do Rotary com a comunidade em luz, cor e muita criatividade, os participantes nos ofereceram variados olhares

20

| DEZEMBRO de 2013

sobre o dia a dia da Família Rotária, numa coleção de imagens de dimensão poética e artística que vão além do formato habitualmente enviado à revista pelos leitores. Depois de uma difícil tarefa, justificada pela alta qualidade das imagens inscritas, a Comissão Julgadora formada pelos integrantes de nossa Comissão Editorial Executiva selecionou os trabalhos que ganharam os três primeiros lugares e foram premiados com câmeras fotográficas. Eles são apresentados neste ensaio juntamente com outras sete imagens que chamaram nossa atenção. Parabéns aos vencedores e obrigado a todos que participaram. Esperamos que esses belos olhares sobre o Rotary o inspirem, leitor, assim como nos inspiraram.


O amor de um filho pela mãe é o tema da imagem classificada em primeiro lugar no concurso. “Não tenho muito a dizer em palavras”, escreveu a autora da imagem, Rafaela Legnaghi, de Garuva, SC. “Esse é o senhor Roberto Buttke alimentando pacientemente sua mãe, Sofia, de 83 anos. Roberto morava na cidade vizinha, Joinville, mas há cinco anos veio morar em Garuva com sua esposa para cuidar de sua mãe, adoecida. Sofia foi uma mulher forte e sempre en-

carou a vida sorrindo, mas desde 2005 suas lembranças bonitas bagunçaram-se sem permissão, devido ao Mal de Alzheimer.” Instalada em casa numa cama providenciada pelo Rotary Club de Garuva, Sofia, que veio a falecer algumas semanas após esse retrato, atravessou seus últimos dias sob os cuidados carinhosos da família – registrados em sua intimidade com rara dignidade e beleza por Rafaela, de apenas 18 anos. “Tudo acaba. O amor não acaba”, resume a fotógrafa, que ganhou uma câmera digital Nikon modelo CoolPix P510. DEZEMBRO de 2013|

21


C o n c u r s o c u lt u r a l

A fotografia que ganhou o segundo lugar foi tirada durante a distribuição de kits de higiene bucal, livros infantis e material escolar para crianças moradoras de um bairro da cidade goiana de Pirenópolis. A ação foi realizada com o apoio do Rotary Club de Poços de Caldas, MG, do qual faz parte a autora da imagem, Tânia Mara Matias de Carvalho, que recebeu uma câmera digital Nikon modelo CoolPix S3300. “Este foi um momento mágico”, ela explica. “Doei o kit e me surpreendi ao ver a menina maior abrir a caixinha do creme dental, colocar na escova e falar para a irmãzinha: ‘Vamos deixar seus dentes limpinhos!’”. A principal dica de Tânia para se produzir uma boa foto: “Envolva-se com a cena. A diferença de uma boa fotografia muitas vezes não está no equipamento, e sim em quem está atrás dele”.

A terceira colocada foi enviada por Ian Hunt, associado ao Rotary Club de Sorocaba-Manchester, SP, que ganhou uma câmera digital Nikon modelo CoolPix S2600. “A imagem mostra a fisioterapeuta Camila Esteves trabalhando com a paciente Eluana Batista, de 16 anos, na sala de fisioterapia do Hospital do Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil (GPACI)”, explicou o fotógrafo. “A Eluana perdeu todo movimento do corpo devido a um tumor na coluna. Agora, depois do tratamento no hospital, ela precisa de fisioterapia intensiva para poder se movimentar novamente.” No ano rotário 2012-13, o clube de Ian patrocinou a compra de todo o equipamento, instrumentos e mobiliário da sala de fisioterapia do novo hospital.

22

| DEZEMBRO de 2013


Outros cliques que merecem aplauso

J

osé Mércio Xavier Neto, do Rotary Club de São José do Rio Preto-Palácio das Águas, fotografou o aluno Maurício se divertindo com um dos brinquedos doados pelo clube à brinquedoteca da Escola Municipal do Autista.

O

governador 2003-04 do distrito 4780, José Pedro Bellagamba, flagrou uma fêmea de bugio com seu filhotinho. Eles são alguns dos animais protegidos pelo Projeto de Preservação de Primatas, aprovado pela prefeitura depois de elaborado pelo fotógrafo juntamente com seus companheiros do Rotary Club de São Francisco, RS – que, não à toa, leva o nome do santo protetor dos animais. DEZEMBRO de 2013|

23


U

ma caminhada de mais de nove quilômetros de subidas e descidas na Serra do Cruzeiro, um dos pontos turísticos da cidade mineira de Patrocínio, marcou o primeiro evento de companheirismo do Rotary Club de Patrocínio-Novas Gerações no atual ano rotário e rendeu a uma de suas associadas, Simone Vaz de Oliveira Soria, a bela paisagem eternizada nesta imagem.

T

rabalhando em parceria, os Rotaract Clubs do Recife-Espro, Jaboatão e Recife-Largo da Paz visitaram a creche do Projeto Novo Caminhar, onde estudam cerca de 50 crianças, que ganharam uma manhã de brincadeiras, música, dança e incentivo à ar te, com atividades de pinturas e desenho. Quem também teve a oportunidade de praticar seus dons de artista foi Leandro Arantes Cordeiro dos Santos, integrante do Rotaract Club do Recife-Espro e autor da foto.

P

residente do Rotary Club de Itapetim, PE, Vandivaldo da Costa Piancó nos mandou a imagem de um coração formado por toda a Família Rotária da cidade, com os rotarianos de camisetas pretas, as integrantes da Casa da Amizade de camisetas amarelas, interactianos e rotaractianos de camisetas azuis, e a garotada do Rotary Kids vestindo camisetas brancas.

24

| DEZEMBRO de 2013


A

luna da Orquestra Musical da Creche Professora Cristina Braga, apoiada pelo Rotary Club de Juazeiro, BA. A foto foi feita em agosto durante uma apresentação musical em comemoração ao Dia dos Pais. A festa foi oferecida às famílias dos jovens componentes da orquestra e fotografada por Wilson Oliveira Mattos, presidente do clube baiano.

E

m 2012, o Rotary Club de Rio Claro, SP, inaugurou duas academias ao ar livre na cidade, proporcionando opções de lazer e bem-estar para a população. A imagem de um desses complexos foi feita por Isabela Pereira Carvalho, filha da rotariana Rosana Lucinda Correa Pereira.

Leia mais no site Numa conversa com a Brasil Rotário, os três ganhadores do concurso dão dicas para se conseguir uma boa foto e contam como foi produzir as imagens vencedoras. Confira: www.brasilrotario.com.br

* O autor é jornalista da Brasil Rotário.

BR

DEZEMBRO de 2013|

25


S erviços à Comunidade

O Rotary Saúde Móvel entrou em ação em 22 de agosto

Um ônibus para levar saúde Projeto encabeçado pelo Rotary Club da Bahia oferece atendimentos médicos e odontológicos a comunidades carentes

A

Da Redação

prevenção e o tratamento de doenças, uma das seis áreas de enfoque do Rotary, inspirou o desenvolvimento de um projeto vultoso na Bahia. Em 22 de agosto um ônibus decorado com a identidade visual da organização começou a percorrer a área correspondente ao distrito 4550 – que abrange mais de 50 clubes naquele estado – para levar cuidados médicos e odontológicos gratuitos a comunidades carentes em diversas cidades baianas. Em um primeiro momento, o objetivo é cobrir a região metropolitana, incluindo as comunidades no entorno da rodovia estadual BA-093, que liga a cidade de Simões Filho ao município de Entre Rios e não possui atendimentos de saúde. Intitulado Rotary Saúde Móvel, o projeto é uma iniciativa do Rotary Club da Bahia e custou 140 mil dólares. Para equipar o ônibus, o clube contou com a ajuda de subsídios da Fundação Rotária, que contribuiu com 50% do valor total, e com recursos oferecidos também pelos Rotary Clubs de Dresden-Goldener Reiter, Alemanha (distrito 1880), Sa-

26

| DEZEMBRO de 2013

vannah, EUA (distrito 6920), Botucatu-Cuesta, SP (distrito 4310) e São Paulo-Santana, SP (distrito 4430), além do distrito 4440 e do Fundo Distrital de Utilização Controlada do distrito 4550. Também foram apoiadoras a Construtora Norberto Odebrecht e a OAS. “Já foram visitadas várias comunidades carentes na região metropolitana de Salvador e diversas cidades no interior do Estado da Bahia, como Itapetinga, Jequié, Ilhéus, Jaguaquara e Lauro de Freitas, atendendo a cerca de 700 pessoas nesses locais”, conta Augusto Carvalho, presidente do Rotary Club da Bahia em 2012-13, período em que o projeto foi desenvolvido. Parceria na administração Desde que ficou pronto para rodar pelas cidades baianas, o ônibus está sendo administrado e gerido pela Fundação José Silveira, uma entidade filantrópica de natureza científico-cultural criada efetivamente em 1988, mas cujo trabalho humanístico, social e de saúde data de 1937, com a criação do Instituto Brasileiro para Investigação


O ônibus está equipado para oferecer ações de prevenção, consultas e tratamentos com a ajuda de profissionais voluntários da Tuberculose. A fundação é a responsável por fornecer os profissionais de saúde e a logística necessários para as ações de prevenção, consultas e tratamentos. “O projeto irá contar com a colaboração voluntária de médicos de cada cidade visitada e que, de alguma forma, estão ligados ao ideal do Rotary: ajudar a construir um mundo melhor. Sempre com o lema Dar de Si Antes de Pensar em Si”, informa Carvalho. Além dos médicos, enfermeiros, dentistas e auxiliares também trabalharão voluntariamente nas cidades atendidas pelo ônibus. Todos os Rotary Clubs que integram o distrito 4550 terão a possibilidade de solicitar a presença do ônibus da saúde em comunidades de seus municípios. Cada clube, no entanto, ficará responsável pela divulgação do evento junto às localidades a serem assistidas e por providenciar o apoio logístico necessário à permanência da equipe de atendimento. Com esse mutirão móvel, o Rotary Club da Bahia espera proporcionar mais qualidade de vida àqueles que precisam lutar constantemente para obter acesso à saúde. BR

Todos os Rotary Clubs que integram o distrito 4550 terão a possibilidade de solicitar a presença do ônibus da saúde em comunidades de seus municípios

DEZEMBRO de 2013|

27


C apa

O nascimento que o mundo não esqueceu Em dezembro a solidariedade ganha força graças a ensinamentos simples que revolucionaram o mundo Redação*

O

Menino mais famoso do mundo não nasceu há 2013 anos, mas seis anos antes. É o que conta o historiador australiano Geoffrey Blainey, para quem Jesus teria nascido durante o final de vida de Herodes, o Grande, rei da Judeia, na época um estado romano, e morto em cerca de 4 a.C. Há uma passagem

bastante conhecida que justificaria a conta por trás do seis mencionado acima: segundo os textos sagrados, pouco antes de sua morte, Herodes, descrito como um louco que assassinou os próprios familiares e inúmeros rabinos, teria ordenado a matança de todas as crianças de até dois anos ao tomar conhecimento da profecia sobre a vinda de um rei dos Judeus. Já o escritor e divulgador científico Isaac Asimov, em seu O Livro dos Fatos, informou que Jesus teria nascido de quatro a oito anos antes do marco zero da nossa historiografia. O erro de cálculo, segundo Asimov, incluiria um lapso ocorrido em 534 d.C.: o primeiro monge a utilizar o ano do nascimento de Jesus para dividir a narrativa histórica em antes e depois de Cristo (a.C e d.C), teria esquecido de acrescentar os três anos em que o imperador Augustus (63 a.C-19 d.C) governou com seu nome de batismo, Otávio – Augustus era o líder do Império Romano no período que foi do nascimento à adolescência de Jesus. 28

| DEZEMBRO de 2013


 iStockphoto

DEZEMBRO de 2013|

29


C apa

Para um homem humilde que só se tornou conhecido nos últimos anos de vida, vivendo e pregando em uma região afastada e atrasada do centro do Império Romano, Jesus teve sua história “surpreendentemente registrada”

O Menino também não parece ter nascido em 25 de dezembro. Aliás, os primeiros cristãos não comemoravam o Natal, uma vez que consideravam a ressurreição do Messias simbolicamente mais importante do que o seu nascimento. Então, em 247, os chefes da Igreja em Constantinopla (atual Istambul, Turquia), Antióquia (também na Turquia) e Alexandria (Egito) adotaram o solstício de inverno no hemisfério Norte (momento no ano em que os dias começam a ficar mais longos) para celebrar o nascimento de Jesus. A ideia era sobrepô-lo a uma antiga festa pagã: o aniversário do Sol Invictus. Mesmo porque o próprio imperador Aureliano (214-275) havia instituído o Sol Invictus um deus romano. Mas a data natalina só passou a ser plenamente comemorada na Europa e no Oriente Médio cristãos por volta do ano 440. Assim, as festas de Natal se popularizaram, acompanhadas da lembrança de que era tempo de solidariedade, compaixão e compartilhamento. Afinal, comemorava-se o nascimento de um Homem que havia pregado tais valores. Blainey também lembra que sequer se sabe o local do nascimento do Menino. O primeiro biógrafo d’Ele, Marcos, cujo texto parece ter sido redigido em 70 d.C., não menciona uma cidade para o cenário da manjedoura cristã. Pode ter sido Belém, na Palestina, ou Nazaré, na Galileia (região norte de Israel). Essas imprecisões, no entanto, não refutam a existência de Jesus. Mais uma vez é Blainey quem ensina que para um homem humilde que só se tornou conhecido nos últimos anos de vida, vivendo e pregando em uma região afastada e atrasada do centro do Império Romano, Jesus teve sua história “surpreendentemente registrada”. “todos vós sois um” O historiador judeu com cidadania romana Flávio Josefo (37 – 100 d.C.), que descreveu in loco a destruição de Jerusalém em 70 d.C., fez referência a Jesus duas vezes. O político e historiador Tácito (55-120), o primeiro a escrever sobre os oito imperadores romanos a partir da morte de Augusto, não se esqueceu de relatar as perseguições aos cristãos no reinado de Nero. E explicou que a palavra cristãos derivava de Cristo, a quem Pôncio Pilatos, prefeito da Judeia no período do imperador Tibério, entregara ao suplício. No século 2, o cronista Suetônio (69-141), em A vida dos doze césares, referiu-se à expulsão de Roma dos judeus que pertenciam ao culto a Cristo. A ensaísta e jornalista francesa Christiane Rancé nota em sua biografia Jesus que Ele foi mencionado até no Corão, na qualidade de um profeta que anunciou Maomé.

30

| DEZEMBRO de 2013


Entre os textos cristãos, os primeiros a mencionar Jesus são as epístolas de Paulo, escritas entre 50 e 64. Paulo, cidadão romano obstinado na perseguição aos cristãos, converteu-se e tornou-se o mais influente escritor do cristianismo em sua primeira fase. Em uma de suas cartas, endereçada aos gálatas (povo que habitava o centro da atual Turquia), o romano nos deixou o recado da nova fé: “Já não há judeu nem grego, nem escravo nem livre, nem homem nem mulher, pois todos vós sois um em Jesus Cristo”. Essas palavras, quase 2.000 anos depois, continuam a inspirar as pessoas. E coincidem com a filosofia do Rotary, uma organização que se fundamenta na compreensão entre os povos. Para um verdadeiro rotariano não há barreiras de cor, etnia, cultura e crença capazes de justificar a divisão da humanidade em seres mais ou menos iguais. Mas na época de Paulo as coisas não eram assim. E por isso a mensagem de Jesus era original: pretendia derrubar os muros que separavam as pessoas. Mesmo para um humanista como Sêneca (4 a.C.-65 d.C), a divisão entre livres e escravos se resumia a um caso de felicidade e infelicidade natas. Oitenta anos depois, um médico e filósofo romano, Cláudio Galeno (129-127), ainda gabava-se de ter aprendido com o pai a não fazer drama frente a uma perda material, fosse boi, cavalo ou escravo. Certa vez, vendo um companheiro de viagem dado a acessos de ira acertar a cabeça de um escravo com um punhal e feri-lo gravemente, Galeno riu da destemperança do homem e fez um discurso contra a ira gratuita. A sociedade romana jamais questionou a escravidão, nem fez nada para abrandá-la.

Suas palavras, quase 2.000 anos depois, continuam a inspirar as pessoas. E coincidem com a filosofia do Rotary, uma organização que se fundamenta na compreensão entre os povos

enxergando o sofrimento alheio O Rotary, a mais antiga organização não governamental no mundo, nasceu sobre o solo da solidariedade e do companheirismo. E desde os primórdios da organização, os clubes também passaram a ver o 25 de dezembro como um momento para realizar projetos importantes em prol da comunidade. Essa vocação rotária de ajudar o próximo igualmente coincide com os ensinamentos do Menino. Cristo promoveu a solidariedade e a compaixão universais numa época em que o horror incondicional ao sofrimento alheio de qualquer tipo era um sentimento excêntrico. Por exemplo: nenhum romano, filósofo ou não, chegou a se horrorizar com as lutas de vida ou morte dos gladiadores. O advogado, orador, escritor e político Cícero (106 a.C-43 a.C.) dizia que aproveitava os dias de espetáculo para escrever, comparecendo muito ocasionalmente a eles,

 DEZEMBRO de 2013|

31


C apa quando então os relatava aos seus nobres correspondentes. Sêneca, nos momentos de tristeza, assistia aos combates para se alegrar um pouco. O imperador e filósofo Marco Aurélio (121-180), considerado um homem bom, só comparecia às arenas por dever do cargo, pois considerava que os espetáculos “eram sempre a mesma coisa”. Enquanto isso, um pequeno grupo se comportava diferente. Entre 165 e 180, uma epidemia de varíola, infecção altamente contagiosa que, se não matava, desfigurava suas vítimas, se alastrou pelo Império Romano e os cristãos ganharam respeito e admiração pelo auxílio que prestaram aos doentes. Setenta anos depois, Roma era assaltada por uma epidemia mortal de sarampo, que dizimava milhares de pessoas diariamente. Novamente os cristãos contrastaram pelo voluntarismo. Também se mostravam solidários e respeitosos em relação às mulheres e estrangeiros, algo incomum na Roma Antiga. Além disso, aceitavam e protegiam escravos que a eles recorriam para se unir à irmandade cristã. Talvez o maior milagre de Jesus tenha sido o de, em poucos anos de pregação, com metáforas simples e nenhum recurso material de comunicação, ter conseguido acordar essa sociedade embrutecida no correr das décadas. E continuar sendo lembrado cerca de 2.019 anos após o seu nascimento. “Eu, porém, vos digo: amai vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que maltratam e perseguem. Deste modo sereis os filhos de vosso Pai do céu, pois Ele faz nascer o sol tanto sobre os maus como sobre os bons, e faz chover sobre os justos e sobre os injustos. Se amais somente os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem assim os próprios publicanos? Se saudais apenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário?”, Ele ensinou. Ao lado, uma diminuta amostra de ações de rotarianos, rotaractianos, interactianos e senhoras das Casas da Amizade movidas pela celebração do nascimento desse Menino.

32

| DEZEMBRO de 2013

l Em

2009 os interactianos de Morro Agudo, em São Paulo, fizeram o Natal de 650 crianças mais feliz. Por meio de um projeto, eles presentearam meninos e meninas da cidade com brinquedos. Crianças do Núcleo Assistencial de Crianças Portadoras de Deficiência Mental também foram lembradas.

lO

espírito solidário do Natal também esteve com rotarianos da cidade de Curvelo, em Minas Gerais, no ano de 2009. Eles foram em um bairro da periferia do município para entregar cestas básicas e presentes para as crianças. Uma jovem portadora de necessidades especiais recebeu uma cadeira de rodas motorizada.

l Os

rotarianos de São Miguel Paulista, na cidade de São Paulo, têm como tradição promover uma festa de Natal para 500 crianças assistidas por entidades assistenciais e creches locais. A comemoração inclui lanche, apresentações artísticas, recreação, distribuição de presentes e chegada do Papai Noel.

l No

Natal de 2011, os rotarianos de Alta Floresta, no Mato Grosso, contaram com a ajuda de entidades locais e da comunidade para arrecadar 1.200 cestas básicas e vários brinquedos e roupas para doação.


l No

Rio Grande do Norte, a ação de rotarianos de Natal contou com a parceria do Natal Norte Shopping, em 2011. A terceira edição do projeto Um Sonho de Natal presenteou crianças que escreveram cartas ao Papai Noel com seus sonhos para a comemoração do Natal.

l No

município paulista de Cordeirópolis, as senhoras da Casa da Amizade não deixaram o Natal de 2011 passar em branco. Elas promoveram uma tarde animada na Casa da Esperança com direito a Papai Noel, contadores de histórias e distribuição de presentes.

l Rotarianos

de Pernambuco também demonstraram sua solidariedade no Natal de 2011. Em Santo Agostinho, a Campanha Natalina realizada pelo Rotary Club local arrecadou donativos para entidades como o Grupo de Estudos Espíritas Alvorada Cristã, o Núcleo Espírita Redenção e o Grupo Espírita da Paz. Cerca de 30 crianças e 80 famílias foram ajudadas pelo projeto.

BR

BR

DEZEMBRO de 2013|

33


C ultura

Renata Coré

Ler para não morrer Um filho e uma mãe encontraram em um clube de leitura uma forma de amenizar a luta contra o câncer

“O

que você está lendo?” Foi com essa pergunta que Will Schwalbe deu início a um clube do livro muito particular. Durante 21 anos ele se dedicou ao ramo editorial nos Estados Unidos e, como parte de seu trabalho, desenvolveu a capacidade de falar com entusiasmo de livros que ainda não havia lido. Postura que não conseguiu manter quando ouviu a resposta de sua mãe, Mary Anne, naquele fim de outono em 2007. Para Schwalbe, nos dias de hoje não é mais possível assumir que qualquer pessoa esteja lendo alguma coisa e, por esse motivo, ele considera que a pergunta “O que você está lendo?” tenha se tornado um tanto pitoresca. No entanto, desde sempre ele e sua mãe a faziam um para o outro. Naquele dia de novembro, a corriqueira pergunta surgiu na sala de espera do ambulatório do Memorial Sloan-Kettering, enquanto eles aguardavam para que Mary Anne falasse com a médica e começasse a sessão de quimioterapia, depois de ter coletado sangue. Então com 73 anos de idade, Mary Anne estava em tratamento para combater o desenvolvimento de um câncer avançado que já havia se espalhado do pâncreas para o fígado quando foi descoberto. A doença fora diagnosticada meses depois de ela retornar de uma viagem de ajuda humanitária ao Paquistão e ao Afeganistão. Com a mãe enfrentando situação tão delicada, Schwalbe não teve coragem de fingir para ela já ter lido o livro sobre o qual conversavam. “Há uma diferença entre contar uma mentirinha inocente para um vendedor de livros e mentir para a sua mãe de 73 anos quando você a está acompanhando em tratamentos para refrear o desenvolvimento de um

34

| DEZEMBRO de 2013

câncer”, escreve ele em O clube do livro do fim da vida, publicado pela editora Objetiva. Na mesma semana Schwalbe iniciou a leitura sugerida pela mãe. livros como pontes Crossing to safety  (ainda sem tradução para o português), de Wallace Stegner, foi o primeiro título do clube que uniu Schwalbe e Mary Anne durante o tratamento médico. O romance narra uma amizade de vida inteira entre dois casais. No início da história, um dos protagonistas está morrendo de câncer. Ajudados pela leitura do livro, mãe e filho encontraram um canal para abordar a situação que eles mesmos estavam vivendo. “Livros sempre tinham sido um jeito de minha mãe e eu introduzirmos e explorarmos temas que nos diziam respeito, mas nos deixavam desconfortáveis, e também sempre haviam nos fornecido assunto para conversa quando estávamos estressados ou ansiosos”, conta Schwalbe. Assim foi que, nos meses que se passaram desde o diagnóstico de Mary Anne, ela e o filho começaram a falar cada vez mais sobre livros. Schwalbe percebeu que, durante os dois anos em que semanalmente acompanhou a mãe às sessões de quimioterapia, eles formaram um clube do livro com apenas dois participantes. “Nem sempre líamos os mesmos livros ao mesmo tempo, nem nos encontrávamos durante as refeições, nem em dias específicos, nem um número definido de vezes por mês. Mas éramos forçados a ficar voltando àquela sala de espera, conforme a saúde da minha mãe ia se deteriorando. E falávamos de livros com a mesma frequência com que falávamos de qualquer coisa”, relembra Schwalbe em O clube do livro do fim da vida.


Arquivo pessoal

O clube de leitura com dois integrantes serviu como uma oportunidade para que o autor conhecesse a mãe mais profundamente. As conversas que mantinham, suscitadas pelos livros, transitavam não apenas entre as vidas dos personagens, mas também entre as deles próprios. Por vezes, discutiam uma obra detalhadamente, mas, em outras ocasiões, a conversa evoluía para algo que tinha pouco a ver com o livro ou o autor que inspiraram o início do debate. “Eu queria saber mais sobre a vida da minha mãe e as escolhas que ela fizera, por isso muitas vezes desviava a conversa nesse sentido”, revela o autor. da coalizão morreriam antes do fim do ano –, para nossa família aquilo era algo corriqueiro”, conta Schwalbe. Quando descobriu a doença, Mary Anne estava profundamente envolvida com a criação de uma fundação americana para arrecadar dinheiro tanto para um centro de cultura nacional e biblioteca no Afeganistão – algo de que o país não dispunha e que seria construído na Universidade de Kabul – como para bibliotecas ambulantes para atender aldeias em todo o país. Em O clube do livro do fim da vida, Schwalbe percorre o trabalho voluntário realizado pela mãe em países em guerra e também sua vida e carreira nos anos 1960. Uma forma de manter viva a memória de Mary Anne: “(...) uma das coisas que aprendi com minha mãe é isto: ler não é o oposto de fazer; é o oposto de morrer. Nunca serei Michael Lionstair capaz de ler os livros preferidos da minha mãe sem pensar nela – e quando os passo adiante e os recomendo, saberei que parte daquilo que a formava vai junto com eles; que parte da minha mãe continuará viva nesses leitores, leitores que talvez sejam inspirados a amar como ela amou e fazer sua própria versão do que ela fez no mundo”, escreve o autor. E por falar em amar, o livro é também a declaração do amor de um filho por sua mãe que, mesmo debilitada pela doença, não abriu mão de fazer com que o tempo de vida de que ainda dispunha fosse utilizado de forma útil para auxiliar quem necessitasse dela. BR

UMA MULHER INCOMUM O interesse do filho se justifica. Muitas das escolhas de Mary Anne estavam longe de ser convencionais. Ela era dedicada, por exemplo, à causa dos refugiados, o que a levou aos mais diferentes destinos e situações: Mary Ann esteve na maioria dos países do Sudeste Asiático e da África Ocidental e conheceu todo o Afeganistão. “Enquanto em muitas famílias seria uma grande notícia se um dos membros estivesse prestes a visitar um dos lugares mais perigosos da Terra – um lugar onde minha mãe já tinha sido alvo de tiros (embora sempre dissesse que estavam atirando nos pneus, não nela), enquanto o Talibã ainda controlava boa parte do país, e onde mais de duzentos membros das forças dos Estados Unidos e

DEZEMBRO de 2013|

35


Coluna doS cOORDENADORES REGIONAIS DA FUNDAÇÃO ROTÁRIA José Carlos Carvalho e Celso Alves*

O alerta dos surtos

Precisamos continuar sensibilizando os líderes para a luta contra a pólio

O

ano de 2013 está chegando ao fim. Foi mais um ano de luta pela erradicação da poliomielite no mundo. É hora de refletir e renovar as forças em prol deste nosso objetivo maior. Lideramos este desafio com a Organização Mundial da Saúde, Unicef, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, Fundação Bill e Melinda Gates e governos mundiais, contando com o apoio de muitas outras pessoas e organizações. A poliomielite é uma doença causada por um vírus membro do gênero Enterovirus da família Picornaviridae, conhecido como poliovírus, e subdivide-se em três sorotipos: 1, 2 e 3. É uma moléstia altamente contagiosa, e afeta principalmente crianças abaixo dos cinco anos de idade. O agente é transmitido através de alimentos e água contaminados, e se multiplica no intestino, podendo invadir o sistema nervoso.

AS PRIMEIRAS VITÓRIAS Em 1991, ocorria o último caso de vírus selvagem da pólio nas Américas. Em 1994 o hemisfério Ocidental era declarado livre da paralisia infantil. Em 1995, em apenas uma semana, rotarianos, agentes da saúde e voluntários imunizaram 165 milhões de crianças na China e na Índia. O Rotary lançava o programa Parceiros Polio Plus, permitindo que rotarianos de países livres da doença pudessem dar apoio financeiro a países endêmicos para campanhas de vacinação e outras atividades relacionadas ao combate à doença. Em 1996, o número de nações declaradas livres da pólio aumentou para 150. A incidência da paralisia infantil tornava-se 85% menor do que em 1988. Em 1997, o último caso da doença ocorria na região do Pacífico Ocidental. Em 2000, 550 milhões de crianças – quase um décimo da população mundial – receberam a vacina oral antipólio. A região do Pacífico Ocidental, indo da Austrália até a China, foi declarada livre da pólio. Em 2003, a Fundação Rotária arrecadava 119 milhões de dólares com a ajuda dos rotarianos. A contribuição total do Rotary à erradicação da doença ultrapassava 500 milhões de dólares. Seis países continuavam endêmicos: Afeganistão, Egito, Índia, Níger, Nigéria e Paquistão. Em 2004, na África, Dias Nacionais de Imunização foram realizados simultaneamente em 23 países. Esta vasta operação contribuiu para a vacinação de 80 milhões de

36

| DEZEMBRO de 2013

crianças, o maior esforço coordenado para a erradicação da pólio no continente. Em 2006, o número de países endêmicos caiu para apenas quatro: Afeganistão, Índia, Nigéria e Paquistão. Em 2009 a contribuição do Rotary para a iniciativa de erradicação chegou a cerca de 800 milhões de dólares. Em janeiro, a Fundação Bill e Melinda Gates prometeu investir 355 milhões de dólares, contanto que o Rotary arrecadasse 200 milhões de dólares para a iniciativa. Em 2011, o Rotary lançava a campanha de conscientização pública Falta Só Isto. As contribuições do Rotary à iniciativa ultrapassaram 1 bilhão de dólares. Em 2012, a Índia não registrou casos de paralisia infantil por um ano inteiro e foi retirada da lista de países endêmicos. A doença passou a existir em apenas três países. E o Rotary ultrapassava a meta de arrecadação de 200 milhões de dólares mais de cinco meses antes do planejado. E agora? Ao término do primeiro ano do Plano Estratégico de Erradicação da Pólio 2013-18, como estamos? O plano constitui-se numa estratégia abrangente e de longo prazo, que aborda o que é necessário para entregar um mundo livre da pólio em 2018. O plano foi desenvolvido pela Iniciativa Global de Erradicação da Pólio (Gpei), em consulta com governos, iniciativas globais de saúde, cientistas, doadores e outros interessados em resposta a uma diretiva da Organização Mundial da Saúde . O ano de 2012 foi bom na história da erradicação da poliomielite. A incidência global da poliomielite havia atingido o ponto mais baixo de todos os tempos, com


O plano constitui-se numa estratégia

Coluna do chair da Fundação Rotária

abrangente e de longo prazo para entregar um mundo livre da pólio em 2018 apenas 223 casos – contra 650 no ano anterior, e 350 mil quando o programa Polio Plus começou, em 1988. O progresso em 2013 foi bem menos positivo. Os números deste ano A experiência de mais de 25 anos de história do programa mostra que a interrupção da transmissão da poliomielite exige redução contínua na circulação do vírus da poliomielite e melhorias no desempenho do programa dentro de países endêmicos. Exige ainda ação rápida sobre os surtos existentes e prevenção daqueles que possam vir a aparecer. Há algumas boas notícias referentes a 2013 para celebrarmos, graças ao programa global. Este foi um ano sem pólio no Chade. Também foi um ano sem aparecimento do vírus selvagem da pólio tipo 3 no mundo. Foi igualmente um ano sem pólio no sul do Afeganistão. Mas a Nigéria e o Paquistão continuam a propagar o vírus selvagem tipo 1. O último caso de poliomielite no Brasil ocorreu em 1989, porém existe a necessidade de altas coberturas vacinais, e de forma homogênea, para que se possa evitar a reintrodução do vírus selvagem a partir dos países endêmicos. Em 17 de outubro de 2013, foram notificados 22 casos de paralisia flácida aguda na província de Deir ez-Zor, na Síria, e em 29 de outubro dez casos foram confirmados como poliovírus selvagem do tipo 1 nesse país. Em maio de 2013, a falta de imunidade contra a poliomielite no Nordeste Africano permitiu que o vírus fosse detectado primeiro na Somália, e, logo a seguir, no Quênia e na Etiópia. As campanhas de vacinação foram rapidamente reiniciadas em resposta ao surto. Vamos continuar fazendo a nossa parte angariando fundos, defendendo a causa e sensibilizando líderes para nos apoiar nos avanços e desafios contra a poliomielite. É importante que os distritos doem 20% de seu Fduc não alocado, pois assim receberemos a contra partida do Fundo Mundial, alavancando as contribuições. O assunto precisa continuar em nossa pauta até que o nosso objetivo seja atingido. Os últimos surtos são um alerta de que não podemos retroceder. Vamos à luta!

DK Lee*

A família do Rotary

D

ezembro é o Mês da Família, tempo em que prestamos especial atenção à grande e crescente Família Rotária. O Rotary não é apenas 1,2 milhão de rotarianos em 34.503 clubes. Somos 371.519 interactianos, 142.784 rotaractianos e 179.147 membros de Núcleos Rotary de Desenvolvimento Comunitário. Nossa família inclui cônjuges e filhos de rotarianos. Também engloba as dezenas de organizações sem fins lucrativos da comunidade e organizações não governamentais com as quais o Rotary estabeleceu parcerias. A família do Rotary é milhões de vezes forte – e continua a crescer à medida que continuamos a desenvolver novos laços. Uma coisa que todos nós do Rotary sabemos é que podemos fazer mais quando estamos juntos do que quando sozinhos. Juntos, temos um enorme alcance. Precisamos garantir que o Rotary continue a crescer em todos os ramos de nossa família. Quando trabalhamos com ONGs e outras organizações locais, ganhamos mais conhecimento e nos tornamos mais perspicazes; incrementamos nossos recursos e nossas habilidades e construímos mais pontes de compreensão, amizade e cooperação. Ao fazermos parceria com outros ao redor do mundo, não só conseguimos mais do que nos propusemos a fazer, como também fazemos crescer a Família Rotária. Aprendemos por meio da nossa longa história na luta contra a pólio o quão eficazes essas parcerias podem ser. Nossos muitos parceiros globais tornaram possível a erradicação da pólio, e nos ajudaram a alcançar o bem ao longo do caminho. Essa é uma importante lição sobre a qual devemos nos apoiar nos próximos anos. iStockphoto

BR

*Os autores são coordenadores regionais da Fundação Rotária para as Zonas Rotárias 22A e 23A, e para a Zona 22B, respectivamente. BR

Para fazer comentários e sugestões sobre esta coluna, escreva para mkgcarvalho@uol.com.br e/ou para celsogalves@gmail.com

*O autor é presidente do Conselho de Curadores da Fundação Rotária. DEZEMBRO de 2013|

37


A utores rotarianos O Registro Público das Empresas Mercantis Themístocles Pinho e Álvaro Peixoto Freitas Bastos O novo livro do diretor 2007-09 do Rotary International, Themístocles A. C. Pinho, escrito em parceria com Álvaro Peixoto, tem por objetivo central o exame dos principais aspectos do Registro Público das Empresas Mercantis e de temas correlatos, na atualidade, em face das alterações ocorridas, inclusive legislativas, procurando dar uma visão atual da matéria. Ao longo de suas 330 páginas, a obra também desenvolve alguns pontos fundamentais relativos ao relacionamento societário, em face das regras determinadas pelo Código Civil, que, em certos casos, ainda não vêm sendo aplicadas regularmente. O livro pode ser adquirido diretamente no site da editora: www.freitasbastos.com Delineamentos rotários Benedito Olegário Resende Nogueira de Sá Cabral Editora e Livraria Universitária Associado ao Rotary Club de Taubaté, SP, e governador 1976-77 do distrito 4600, Benedito Olegário Resende Nogueira de Sá lançou este ano a segunda edição, revista e ampliada, de sua coletânea de artigos sobre o Rotary. “Acalento que este livro signifique para o leitor o que significa para mim – o compartilhamento de algo grande e poderoso, que nos toca a todos –, a descoberta, ou redescoberta, do poder pessoal, da confiança, do desprendimento e das infinitas possibilidades que advêm de ser rotariano”, diz o autor na introdução. Toda a renda obtida com a venda da obra será destinada à Fundação Rotária. Academia Feminina Mineira de Letras em festa: 30 anos Lívia Paulini Independente Escritora com várias obras premiadas, Lívia Paulini expõe neste livro suas atividades em prol da cultura mineira na Academia Mineira Feminina de Letras (Afemil) nos anos de sua gestão como presidente da entidade. “O seu desempenho e a sua competência como presidente da Afemil foram demonstrados em várias ocasiões em que atuou, ora como fundadora, ora como organizadora e presidente”, escreve a também acadêmica Helene Maria Paulinyi na apresentação do livro. Lívia é associada ao Rotary Club de Belo Horizonte-Santo Agostinho, MG, e viúva do saudoso governador 1989-90 do distrito 4760, Ernest Paulini. Delícias de forno e fogão Casa da Amizade de Campos Altos Independente Financiado por José Maria de Oliveira, este livro foi produzido com a colaboração das integrantes da Casa da Amizade de Campos Altos, que buscaram as receitas culinárias reunidas junto a familiares e amigos, muitas das quais passadas de geração a geração. Os livros podem ser adquiridos por 20 reais diretamente com a Casa da Amizade (o endereço do blog mantido pelo Rotary Club é: http://rotarycamposaltos.blogspot.com.br/). Os recursos gerados com a venda da obra serão destinados aos projetos mantidos em benefício de entidades assistenciais. Em busca do amanhã Milton Leite Soares Grafnobre Neste lançamento, Milton Leite Soares, um dos fundadores do Rotary Club de Maceió-Leste, AL (distrito 4390), faz uma coletânea de seus escritos, reunidos ao longo de 82 anos de vida. Alguns deles foram publicados na imprensa, outros em boletins do clube ou apresentados em pronunciamentos. Edilma Acioli Bomfim afirma no prefácio: “Sinto que o livro de Milton é uma necessidade íntima, um tipo de reencontro consigo mesmo e, sobretudo, um gesto de coragem de expor em público suas atitudes diante do mundo”.

38

| DEZEMBRO de 2013


Rotary em Ação Paz e prevenção e resolução de conflitos

Saúde materno-infantil

O

Prevenção e tratamento de doenças

Recursos hídricos e saneamento

Educação básica e alfabetização

Desenvolvimento econômico e comunitário

que podemos fazer para transformar o mundo? Os rotarianos acreditam que é preciso Dar de Si Antes de Pensar em Si. Nos cerca de 2.400 Rotary Clubs existentes em todo o Brasil, assim como nos clubes de Rotaract, Interact e nas Casas da Amizade, você encontrará homens e mulheres prestando serviços voluntários para melhorar as condições de vida em nossas comunidades. Nas páginas deste suplemento, nós mostramos um pouco desses projetos, que poderão inspirar você, leitor, a copiá-los em seu clube – ou fazer com que você, que ainda não faz parte da Família Rotária, encontre bons motivos para estar ao nosso lado e associar-se. A título de estímulo, e sem que isso signifique apoio oficial ou financiamento por parte da Fundação Rotária, a revista atribui os símbolos acima a algumas dessas iniciativas. Eles identificam os projetos que desenvolvem as seis áreas de enfoque do Rotary e da Fundação Rotária.

l

Clubes e distritos em revista ................................................... página

e Rotaract .................................................................... página

60

Senhoras em ação ................................................................... página

64

l Interact

l

40

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

39 39


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta

CLUBES E distritos em revista

Rotarianos de Rio do Sul entregam equipamentos médicos para a Associação Renal Vida

Mais de cem mil reais em equipamentos médicos Parceria uniu rotarianos de Santa Catarina e da Itália O dia 2 de outubro foi de comemoração na Associação Unindo forças na Renal Vida. A entidade, que cuida de pacientes quedas ne-Nações Festa cessitam de hemodiálise em toda a região do Alto Vale do Itajaí, SC, recebeu 134.700 reais em equipamentos médicos. Foram três máquinas de diálise, um monitor cardíaco, um eletrocardiógrafo com acessórios, uma balança antropométrica e um carro/maca para transporte de pacientes com suporte para soro e colchonete fixo. A doação foi possibilitada por uma parceria internacional: os Rotary Clubs de Rio do Sul e Rio do Sul-Centenário, SC (distrito 4650), se juntaram ao Rotary Club de Pesaro, Itália (distrito 2090), neste projeto e receberam subsídios também da Fundação Rotária. A entrega dos equipamentos contou com a presença do governador distrital A entidade cuida de pacientes Leopoldo Defaci e de Natascha Constancio, Leontino Ribeiro Neto e que necessitam de hemodiálise em todo o Alto Vale do Itajaí, SC Ercides Pfiffer, médicos da Associação Renal Vida.

40

| DEZEMBRO de 2013

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4310

RC de Americana, SP – Realizou a 3ª Noite do Caldo em 9 de agosto e destinou ao programa Polio Plus parte da renda obtida.

RC de Piracicaba-Povoador, SP – Doou instrumentos musicais para a fanfarra da Escola Estadual Professor Elias de Mello Ayres.

RC de Indaiatuba-Cocaes, SP – Em 21 de setembro, para comemorar o Dia da Árvore, os rotarianos e os associados ao Rotakids de Indaiatuba plantaram 50 mudas de árvores nativas em um manancial da cidade.

RC de Salto-Moutonnée, SP – Em 24 de agosto, por ocasião da segunda etapa da vacinação contra a poliomielite, os rotarianos divulgaram o programa Polio Plus. Eles distribuíram mais de 3.500 fôlderes para a população, publicaram material em jornais e estenderam faixas nas principais ruas da cidade.

RC de Botucatu-Norte, SP – Realizou em 21 de setembro a sua 4ª Noite do Ratão, quando serviu queijos e vinhos. A renda arrecadada com o evento terá como destino o projeto Mão Amiga, para beneficiar um banco de cadeiras de rodas, e a Fundação Rotária.

RC de Conchas, SP – Entregou 449 kits de higiene e saúde – compostos de toalha de banho e sabonete – para a população carente da cidade, em 28 de setembro, na sede da empresa Lagranha Alimentos. O kit foi acompanhado de um folheto com informações sobre higiene pessoal e a importância do uso individual da toalha de banho.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

41


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4390

RC de Batalha-Bacia Leiteira, AL – Mais de cem crianças participaram do 2º Passeio Ciclístico do clube, em 12 de outubro. Houve sorteio de duas bicicletas e também de outros brindes.

RC de Campo Formoso, BA – Em parceria com o Grupo Camargo Corrêa, representado pela empresa InterCement, o clube realiza um projeto que objetiva desenvolver o voluntariado em ações como recuperação de praças, instituições assistenciais e escolas locais. A foto registra uma ação em 25 de agosto, o Dia do Bem-Fazer, quando os rotarianos se juntaram a outros voluntários para pintar e arborizar a praça Frei Lino, no Centro da cidade.

Distrito 4410 RC de ColatinaSão Silvano, ES – Junto com a Casa da Amizade local, entregou cadeiras de rodas e de banho, andadores e pares de muletas para a Sociedade São Vicente de Paulo. Os itens foram arrecadados por meio de um chá beneficente que os rotarianos e as senhoras organizaram e com doações de empresas e colaboradores locais.

RC de Marataízes, ES – Com a renda resultante do 5º Festival de Caldos, em 18 de maio, os rotarianos adquiriram cobertores para a Campanha do Agasalho e no mês de julho os distribuíram em comunidades carentes. Graças ao evento, o clube também aumentou o número de muletas e de cadeiras de rodas e de banho disponíveis no Banco de Cadeiras de Rodas.

Distrito 4420 RC de Praia Grande-Forte Itaipu, SP – Em julho e agosto, o clube doou dez cadeiras de rodas e cinco de banho para o Fundo Social de Praia Grande e também para a Apae local, além de ter cedido mais de dez unidades a moradores do município. Para ações como essas, o clube conta com seu Banco de Cadeiras de Rodas e Cadeiras de Banho, que dispõe de mais de 130 unidades.

42

| DEZEMBRO de 2013

Em 31 de agosto, os Rotary Clubs de Rio Grande da Serra e Ribeirão Pires, SP, participaram do McDia Feliz, campanha que ocorre simultaneamente em todo o país em prol de crianças e adolescentes com câncer. Em outra oportunidade, o Rotary Club de Ribeirão Pires recebeu a estudante tailandesa Chantamas Hemtanon que chegou à cidade para participar do Programa de Intercâmbio de Jovens do Rotary.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4420 RC de Praia Grande-Novo Tempo, SP – De forma a garantir que todos os associados se conheçam bem, o clube instituiu um projeto em que um rotariano fala sobre um dos companheiros de clube para todos os outros.

Distrito 4440 RC de Rondonópolis, MT – Junto com outros apoiadores, o clube trabalhou em uma campanha para cadastrar doadores de medula óssea em 14 de setembro. Outras ações recentes foram a distribuição de cestas básicas na Casa da Esperança e a assinatura de um termo de doação de madeira apreendida.

Distrito 4430 RC de São Paulo-Vila Matilde Centenário, SP – Realizou a Festa da Tainha em 25 de agosto, junto com o Lar Casa dos Inocentes, com o objetivo de arrecadar fundos para a entidade, que abriga cerca de 60 crianças e adolescentes. O evento reuniu 637 pessoas.

Tiago da Luz

RC de Sorriso, MT – Com o apoio da prefeitura, Câmara de Vereadores e Secretaria do Estado de Desenvolvimento do Turismo de Mato Grosso, organizou o 10º Festival de Pesca. O evento ocorreu em 14 e 15 de setembro, reuniu 104 equipes e entregou 40 mil reais em prêmios para os dez melhores times, sendo um carro zero quilômetro, uma moto e um barco para o primeiro, o segundo e o terceiro lugares, respectivamente. Toda a Família Rotária local se envolveu nos preparativos do festival, que ofereceu uma área de camping com infra-estrutura e incluiu a soltura de 150 mil alevinos no rio Teles Pires.

Distrito 4470

RC de Araçatuba-Oeste, SP – Em parceria com o Departamento de Fisiologia da Faculdade de Odontologia de Araçatuba e com os Rotary Clubs de Bilac e Guararapes, realizou em agosto a 19ª Campanha de Prevenção à Hipertensão e a 5ª Semana da Saúde. O evento tem como objetivo alertar a população dos riscos da hipertensão e do diabetes e sempre acontece na parte central da cidade e em locais de grande movimento de pedestres.

Os Rotary Clubs de Dourados, DouradosCaiuás, Dourados-Cinquentenário, Dourados Água-Boa, Dourados-Guaicurus e Dourados-Águia Dourada, MS, organizaram o Rotary pela Saúde na praça central da cidade em 24 de agosto. Mais de 300 pessoas receberam atendimentos como vacinação contra a poliomielite e testes de glicemia, entre outros. O evento contou ainda com cadastramento de doadores de sangue e de medula óssea e uma carreata com a Maria Gotinha para divulgar a campanha End Polio Now. A Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Grande Dourados, os cursos de saúde da Unigran, a Secretaria Municipal de Saúde de Dourados e o Hemosul também foram parceiros na ação.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

43


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4470

RC de Ribas do Rio Pardo, MS – Doou utensílios de cozinha ao Centro Espírita Auta de Souza, que atende mais de 40 famílias semanalmente.

RC de Penápolis-XV de Março, SP – No dia 29 de setembro, o clube realizou a primeira edição do Churrasco Beneficente, com a participação de 350 pessoas. A renda foi destinada a ações de melhoria de entidades filantrópicas e assistenciais do município.

Distrito 4480 RC de Fernando Prestes, SP – Trabalhou entregando assados e bebidas durante a Quermesse do Santuário da Virgem Montesina, que reuniu mais de 2.000 pessoas por dia na cidade de Aparecida do Monte Alto, SP. A renda do evento está sendo empregada na ampliação e na reforma do santuário. Em outra ação, esta realizada no dia 13 de outubro, o clube participou da Volta Ciclística do Dia das Crianças, que mobilizou a cidade com muito lazer e a entrega de troféus, medalhas e prêmios.

RC de Olímpia, SP – Colaborou com o 18o Leilão da Apae doando seis novilhas. Ao todo, o evento arrecadou mais de 150 mil reais, recursos suficientes para cobrir as despesas da entidade por cerca de 10 meses. Em outra ação de serviço, os rotarianos e as integrantes da Casa da Amizade realizaram um almoço no Abrigo São José para comemorar o Dia do Idoso, em outubro (foto).

44

| DEZEMBRO de 2013

RC de Jales, SP – Barraca do clube durante a 26ª Festa do Motorista e Encontro de Caminhoneiros, realizada nos dias 26 e  27 de julho com a participação de milhares de pessoas e a apresentação de duplas sertanejas e bandas. Os rotarianos contaram com a ajuda da Casa da Amizade, do Rotaract e do Interact. Parte da renda do evento será destinada a entidades assistenciais de Jales.

RC de General Salgado, SP – A Santa Casa de Misericórdia Nossa Senhora das Dores recebeu um eletrocardiógrafo digital doado pelo clube. A um custo de 4.330 reais, coberto por recursos do distrito e do clube, o aparelho ajudará a salvar vítimas de doenças cardíacas graves, como infartos e arritmias.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4490

RC de Estreito, MA – Patrocina o Rotary Desafio Universitário, torneio de futebol que promove a confraternização entre os jovens universitários da cidade, que não tem faculdade. A mais próxima fica a 136 quilômetros de distância, e os alunos deslocam-se até lá diariamente, em quatro vans, saindo de Estreito às 17h e retornando à 1h. A sétima edição do campeonato foi realizada no dia 1o de setembro.

RC de FortalezaDunas, CE – Responsável pelo atendimento a mulheres que precisaram retirar uma ou as duas mamas em decorrência do câncer, a Associação Cearense das Mastectomizadas foi beneficiada por um projeto no valor aproximado de 48 mil reais, desenvolvido pelo clube cearense em parceria com o distrito e a Fundação Rotária, além do Rotary Club de Ichalkaranji e do distrito 3170, da Índia. O objetivo é fortalecer o trabalho da instituição, ampliando e modernizando sua fábrica de confecção de roupas íntimas e próteses com a compra de máquinas de costura mais modernas e eficientes. A previsão é de que, em seis meses, a produção seja ampliada de 500 para 1.600 peças por mês.

Distrito 4500

RC de Afogados da Ingazeira, PE – Para comemorar seus 10 anos, o clube organizou um passeio ciclístico que percorreu as principais ruas da cidade em direção à barragem de Brotas, que abastece a região e está secando por conta da forte estiagem que atinge o Nordeste. Em outra atividade para celebrar seu aniversário, o clube realizou seu 1o Ryla, seminário que reuniu mais de 70 jovens em palestras ministradas por rotarianos e convidados (foto).

RC de Arcoverde, PE – Arrecadou e doou vários livros didáticos e paradidáticos à biblioteca da Escola Rotary. Durante a entrega, os rotarianos aproveitaram para fazer um breve levantamento das melhorias que precisam ser providenciadas na instituição.

RC de Araripina, PE – Juntamente com o Rotaract e o Rotakids, o clube aproveitou o desfile de Sete de Setembro na cidade para promover a campanha de erradicação da poliomielite apoiada pelo Rotary.

Com o apoio das Lojas Maçônicas da cidade e do Lions Club, os Rotary Clubs de Caicó e CaicóCentenário, RN (distrito 4500), arrecadaram e doaram 400 pacotes de fraldas geriátricas ao Abrigo Dispensário Professor Pedro Gurgel.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

45


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4500 RC de Lajedo, PE – Presenteou as crianças da Casa Lar Abrigo com 20 kits de perfumaria, higiene pessoal e vestuário.

RC de Itapetim, PE – Em agosto, mais de 30 famílias da Vila Rotary ganharam um café da manhã de presente do clube em homenagem ao Dia dos Pais, com entrega de presentes e a colaboração da Casa da Amizade. Em mais uma comemoração do Dia das Crianças promovida pelos Rotary Clubs de NatalAlecrim e NatalPetrópolis, RN, na Escola Rotary Natal Alecrim, os alunos ganharam uma festa com apresentação musical, palhaços, animadores e contadores de história. Ao final, todos receberam lancheiras e presentes. A Escola Rotary Natal Alecrim foi construída e é mantida pelo clube homônimo desde 1963, inicialmente em parceira com o Governo do Estado e, a partir de 2008, com a prefeitura de Natal, educando 206 crianças na pré-escola, várias delas em horário integral. Os clubes parceiros têm promovido continuamente exames de vista, acompanhamentos odontológico e psicológico junto às crianças, além de outras orientações.      

RC de Surubim-Centro, PE – Em agosto, o clube doou cadeiras de rodas a pessoas que precisavam delas e homenageou pais da comunidade com a entrega de certificados.

46

| DEZEMBRO de 2013

Uma parceria entre os Rotary Clubs de Patos, Patos-Norte e Patos-Sul, PB, secretarias municipais, Superintendência de Administração do Meio Ambiente, Polícia Militar e estudiosos promoveu caminhada pelas margens e leito do rio Espinharas com o objetivo de detectar e documentar as distorções e problemas cruciais que transformaram o curso de água em depósito de detritos, além de invasões imobiliárias, ocupações indevidas e destruição da mata ciliar. A campanha pretende despertar a sociedade para a necessidade de providências a respeito do assunto.

RC de Petrolina-Norte, PE – Em regime de comodato, o clube entregou uma cama hospitalar, quatro cadeiras de rodas, filtros de água, mudas de plantas e enxovais de bebê a comunidades carentes da cidade. Em outra ação recente, desenvolvida em parceria com as Damas do Vale (esposas de maçons), Loja Maçônica Templários do Vale e amigos do clube, os rotarianos doaram uma cadeira de rodas personalizada, fraldas e alimentos especiais, entre outros itens, a uma criança com necessidades especiais.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4500 RC de Carpina, PE – Por meio de um Subsídio Distrital da Fundação Rotária, o clube implantou na cidade de Lagoa do Carro, PE, o projeto Resgatando o Afeto Através da Música. Instalada no Centro de Convivência do Espaço Semeando Vidas, a iniciativa tem o apoio da prefeitura de Lagoa do Carro e alcança 400 crianças e adolescentes com idades entre sete e 17 anos com aulas de música e formação em cidadania.

RC de BauruTerra Branca, SP – Uma parceria entre o clube, a Casa da Amizade e os Supermercados Tauste denominada Lanche Beneficente e realizada na Chácara Santa Felicidade, em Bauru, gerou recursos para obras assistenciais na cidade e a Fundação Rotária. O evento teve a participação de mais de 400 pessoas.

Distrito 4510 Uma campanha dos Rotary Clubs da cidade de Marília, SP, feita em parceria com a prefeitura e a Polícia Militar junto aos alunos da rede pública municipal de ensino promoveu a troca de 4.179 armas de brinquedo e jogos que estimulam a violência por revistas da Editora Abril. A iniciativa partiu do governador do distrito, Ricardo de Maio Bermejo. Os oito clubes rotários marilienses (Marília, Marília-Leste, Marília de Dirceu, Marília-Alto Cafezal, Marília-Quatro de Abril, Marília-Pioneiro, Marília-Tradição e MaríliaCoroados) estiveram reunidos na ação, que envolveu 7.626 alunos. Para estimular o envolvimento da comunidade, as escolas foram premiadas de acordo com seu desempenho da campanha. Os brinquedos e jogos recolhidos foram destruídos por um trator de pavimentação asfáltica numa cerimônia realizada em frente à prefeitura de Marília.

RC de Bastos, SP – Em agosto, o clube deu início ao projeto Mãe Feliz, composto por cinco ciclos de palestras com informações para gestantes e seus cônjuges sobre os cuidados com o bebê antes e depois do parto. As palestras foram proferidas por profissionais da saúde e outras áreas afins.

RC de Rancharia, SP – Para comemorar os 20 anos da Escolinha de Futebol do Rotary, criada e mantida pelo clube, os rotarianos homenagearam os parceiros que os ajudam a desenvolver o projeto, como treinadores, diretores, voluntários e autoridades municipais. Atualmente, a escolinha conta com aproximadamente 160 atletas com idades entre seis e 16 anos.

RC de Pirapozinho, SP – Ao lado do Rotaract, no dia 14 de setembro o clube arrecadou produtos de limpeza e higiene pessoal nos supermercados da cidade, destinando as doações ao Asilo Vicentino e ao Lar Abrigo Minha Casa.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

47


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4510

RC de Cândido Mota, SP – Doou cerca de 25 mil reais à Associação Voluntária do Câncer de Cândido Mota – Bia Franciscatti. A ação é fruto de uma parceria com a Fundação Rotária e o Rotary Club de Quilon West End, Índia (distrito 3211), e proporcionou a aquisição de eletrodomésticos, computadores e periféricos para a instituição.

RC de Marília de Dirceu, SP – Participou da Feira da Bondade da Apae do município, realizando a venda de batatas fritas com a renda totalmente destinada à entidade.

Distrito 4520 RC de Belo Horizonte, MG – Promoveu iniciativa que disponibiliza um trenzinho todas as manhãs de domingo para o lazer das crianças do bairro Santo Antônio, no município. A ação, que conta com a parceria da Associação dos Moradores do bairro Santo Antônio e do Posto Vip/BR, também oferece orientações de respeito ao trânsito e noções de boa convivência entre pedestres e veículos.

RC de IpatingaArchimedes Theodoro, MG – Promoveu o Mutirão da Saúde no bairro Ilha do Rio Doce. A iniciativa contou com a participação voluntária de diversos profissionais da saúde, que realizam exames preventivos. O mutirão também incluiu um bazar beneficente e atrações para as crianças.

48

| DEZEMBRO de 2013

RC de Dionísio, MG – Organizou a terceira edição do Passeio Ciclístico e da Corrida Rústica da Independência, iniciativas que contaram com 170 ciclistas e 62 corredores, respectivamente. As atividades receberam o apoio da prefeitura de Dionísio e também de empresas e comerciantes locais.

RC de São Gonçalo do Rio Abaixo, MG – Homenageou a Associação Bem Viver da Terceira Idade, entidade de apoio e socialização de idosos, pelos serviços prestados à comunidade. Joelce Pereira da Silva, presidente da Abeviti, recebeu do clube um diploma de honra ao mérito.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4530

RC de Taguatinga-Ave Branca, DF – Doou mil fraldas ao Centro de Ensino Especial 01 de Samambaia, DF, entidade com cerca de 400 alunos. RC de BrasíliaPlano Piloto, DF – Em comemoração ao Dia das Crianças, o clube organizou uma festa na creche Centro Social Tia Ilda, entidade que abriga cerca de 90 crianças do município. Na iniciativa, o Rotary Club promoveu brincadeiras, distribuiu lanches e ainda doou leite em pó à instituição.

RC de Trindade, GO – Realizou campanha de doação de sangue em parceria com o Hemocentro de Goiânia. A ação contou com grande participação da comunidade.

RC de Brasília-Norte, DF – Promoveu o Um Dia no Campo, evento em homenagem ao Dia das Crianças. A ação, que beneficiou cerca de 60 crianças de Planaltina, DF, aconteceu na fazenda Sanga Puitã, propriedade de um empresário da região, proporcionando o contato dos jovens com a natureza. Os rotarianos também distribuíram brindes e lanches.

Distrito 4540 RC de Dourado, SP – Apoiou a visita de um grupo de escoteiros da cidade de São Carlos, SP, com o objetivo de incentivar os jovens do município à criação de um grupo local. Os visitantes falaram sobre suas atividades e participaram de uma confraternização. Em outra ocasião, o clube realizou a Festa do Pão, Queijo e Vinho, iniciativa com renda destinada ao Asilo São Vicente de Paula. A iniciativa arrecadou cerca de 10 mil reais.

RC de Tambaú, SP – Adquiriu, em parceria com a Casa da Amizade, 35 novas cadeiras para seu Banco de Cadeiras de Rodas. Em outra ocasião, o clube recebeu o governador do distrito, Antônio José Sader, que participou de uma atividade de plantio de árvores e conversou com rotarianos, interactianos e senhoras da Casa da Amizade.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

49


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4550

Distrito 4540

RC de Santo Antônio da Alegria, SP – Doou um freezer, um fogão industrial e uma panela de pressão ao Lar dos Velhinhos da Sociedade São Vicente de Paulo, no município. Em outra ocasião, o clube entregou também uma fritadeira, um fogão de seis bocas e outros utensílios à entidade. As doações contaram com a parceria da Fundação Rotária.

RC de Vitória da Conquista-Girassol, BA – Promoveu, por meio de uma parceria com a Fundação Rotária e o Rotary Club de Westminster 7:10, EUA (distrito 5450), o ciclo de palestras Educafé, iniciativa de capacitação docente que beneficiou 150 professores da rede pública de ensino do município de Encruzilhada, BA.

Distrito 4560 RC de Ouro Fino, MG – Adquiriu, com recursos provenientes do evento Feijoada Beneficente, dez cadeiras de rodas e dez cadeiras de banho que integrarão o banco de cadeiras do clube.

RC de Três Pontas, MG – Contando com o apoio do Interact, do Rotaract e dos jovens do Encontro de Adolescentes com Cristo, o clube promoveu um arrastão solidário, iniciativa que arrecadou cerca de uma tonelada de materiais de higiene e limpeza para doação a um asilo do município.

50

| DEZEMBRO de 2013

RC de Porto Seguro, BA – Organizou o churrasco Fogo de Chão, iniciativa com renda destinada a entidades do município.

RC de Jaguaquara, BA – Realizou mais uma edição do seu tradicional Campeonato de Biriba, evento que recebeu 14 duplas e premiou os campeões com câmeras fotográficas. A ação ainda contou com uma feijoada beneficente com renda destinada a projetos sociais da região.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4570

Distrito 4580

RC do Rio de Janeiro-Irajá, RJ – Promoveu a Festa do Verde e Amarelo, evento que contou com um show de chorinho e teve renda destinada à Fundação Rotária.

RC de Barbacena, MG – Fornece, em parceria com a Casa da Amizade, suprimento periódico de água de coco à Associação de Apoio às Pessoas Portadoras de Câncer.

Distrito 4590

Distrito 4610

RC Campinas-Norte, SP – Organizou uma visita cultural e pedagógica que levou cerca de mil crianças de Campinas ao Parque Zoológico de São Paulo. As crianças também receberam orientações sobre a geografia do estado durante a viagem e participaram de um grande almoço no próprio zoológico. A visita recebeu Moção de Aplauso da Câmara Municipal de Campinas.

RC de Rio Claro-Cidade Azul, SP – Entregou 29 instrumentos musicais à Orquestra Sinfônica de Rio Claro e à Escola Livre de Música Fábio Marasca. A compra dos instrumentos é fruto de um projeto que contou com a parceria do Rotary Club de Caracas, Venezuela (distrito 4370), do Rotary Club de Napoli, Itália (distrito 2100), e da Fundação Rotária.

RC de Cotia, SP – Doou, em parceria com a Universidade São Judas Tadeu – unidade Butantã, 500 quilos de alimentos não perecíveis à Casa de Recuperação de Dependentes Químicos Novo Amanhecer, entidade do município que abriga cerca de 70 pessoas.

RC de Itapecerica da Serra, SP – Realizou o Fórum de Imagem Pública, evento que recebeu rotarianos de vários clubes da região e também rotaractianos na Câmara Municipal de Itapecerica da Serra. O encontro debateu temas relacionados à divulgação do trabalho do Rotary.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

51


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4610 RC de São PauloAvenida Paulista, SP – Sua presidente, Danielle Leme (na foto, à esquerda), recebeu o título de Amigo do 7º Batalhão da Polícia Militar de São Paulo em nome do clube. O fato ocorreu em 5 de setembro.

RC de Registro, SP – Prestou homenagem ao policial militar Marcos Antônio de Moraes no Dia do Soldado, em 25 de agosto

Distrito 4620

RC de Itapeva, SP – Realizou a 2ª Campanha de Arrecadação de Leite em prol da Associação dos Voluntários de Apoio e Combate ao Câncer de Itapeva, conseguindo 5.200 litros de leite. Outra ação foi a Feijoada Beneficente, visando entidades filantrópicas locais.

RC de Sorocaba, SP – Entregou cheque de 1.400 reais ao Grupo de Apoio Cabana de Luz, entidade assistencial a famílias de uma comunidade do município de Iperó, SP. Na foto, ao centro, o presidente do clube, Silvano Guedes, com representes do Grupo de Apoio.

Distrito 4630

RC de Cruzeiro do Oeste, PR – Adquiriu mais cinco cadeiras de banho, que serão destinadas à comunidade local.

52

| DEZEMBRO de 2013

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4630

RC de Fênix, PR – Esteve à frente da 7ª Rotária, evento esportivo que reuniu 168 pessoas e congregou cinco outros clubes do Paraná: São João do Ivaí, São Pedro do Ivaí, Terra Boa, Ivaiporã e Califórnia.

RC de Floraí, PR – Promoveu a instalação de placas de sinalização em torno da Escola Municipal Elena Maria Pedroni. A iniciativa faz parte do projeto Preserve a Segurança de Nossos Alunos: Área Escolar.

Distrito 4640

RC de Coronel Vivida, PR – Realizou em setembro o 7º Costelão Beneficente do Rotary, graças ao apoio da Associação das Senhoras de Rotarianos e do Rotaract Club locais, de voluntários e empresários da cidade. O valor arrecadado com o evento será destinado ao Banco de Cadeiras de Rodas do clube e à Fundação Rotária.

RC de Marmeleiro, PR – Desenvolve um projeto de incentivo à leitura, o Viajando na Sacola Mágica da Leitura, na Escola Municipal Padre Afonso. Os alunos recebem sacolas com livros infantis e um caderno no qual anotam as histórias preferidas para recontá-las aos colegas.

RC de Guarapuava-Lagoa, PR – Inaugurou o seu marco rotário na avenida Manoel Ribas, próximo ao trevo de entrada da cidade. A inauguração contou com as presenças do governador assistente Claudecir Valotto, governador eleito Celso Fracaro, presidente do clube, Artur Sokolowicz, além de rotarianos, rotaractianos, interactianos e membros da Casa da Amizade da cidade Guarapuava.

RC de Dois VizinhosAmizade, PR – Construiu cisterna na Casa das Irmãs da Imaculada Conceição para captação da água das chuvas (foto). O clube também patrocinou um Intercâmbio de Jovens de longa duração – José Henrique Tomasson esteve em Vassa, na Finlândia, de agosto de 2012 a julho deste ano – e participou do Dia da Cidadania, em 25 de agosto, quando cerca de 15 mil pessoas receberam esclarecimentos e atendimentos na área de saúde, responsabilidade social e educação. Na ocasião houve distribuição de lanches.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

53


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4640 RC de Terra Roxa, PR – Promoveu o 3º Costelão da Independência, realizado na Semana da Pátria, que gerou renda a ser destinada à Fundação Rotária e ao Centro Municipal de Educação Infantil Girassol.

Distrito 4650

RC de Toledo-Integração, PR – Em ação conjunta com o Rotakids de Toledo-Integração plantou 200 mudas de árvores no Bosque do Rotary para celebrar o Dia da Árvore.

Distrito 4651

RC de Hermann Blumenau, SC – Doou uma cadeira de rodas para uma portadora de dificuldades de locomoção. A entrega ocorreu em outubro.

RC de Urussanga, SC – Tem divulgado a campanha End Polio Now, de erradicação global da poliomielite, e promovido os Vales da Uva Goethe, que compreendem os municípios de Urussanga e Pedras Grandes, região famosa pela produção do vinho Goethe.

Distrito 4660

Distrito 4670

RC de Júlio de Castilhos, RS – Promoveu o 10º Jantar das Etnias, que em 5 de outubro reuniu quase 300 pessoas para saborear pratos de diversos países. O evento teve como finalidade a aquisição de unidades para o Banco de Cadeiras de Rodas e Muletas do clube.

54

| DEZEMBRO de 2013

RC de Palmares do Sul, RS – Distribuiu cerca de 500 quilos de roupas, cobertores e colchões para a população da localidade de Granja Vargas, no interior do município. No Dia da Criança, o clube promoveu uma festa para a garotada, com direito a distribuição de lanches.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4670 RC de Porto AlegreLindóia Passo D’Areia, RS – Entregou ao Grupo Hospitalar Conceição de Porto Alegre sete guinchos elétricos para uso em pacientes com dificuldades de mobilidade. A doação, ocorrida em setembro, foi possível graças a um projeto de subsídios da Fundação Rotária envolvendo o clube gaúcho e o Rotary Club de Innsbrook, EUA. No mesmo mês, o clube patrocinou a 30ª Copa Rotary de Vôlei em parceria com o Rotary Club de Porto Alegre-Sarandi.

RC de Canoas-Industrial, RS – Realizou eventos beneficentes, entre eles um jantar, e campanhas de arrecadação junto a empresas locais para a construção de um espaço de cultura e lazer para os alunos da rede municipal de ensino. O espaço em questão foi inaugurado em 23 de outubro.

RC de Tramandaí, RS – Apoiou o McDia Feliz, considerado a maior campanha do país voltada para crianças e adolescentes portadores de câncer.

Representantes dos Rotary Clubs da cidade de Porto Alegre participaram das comemorações do Sete de Setembro desfilando no pelotão da Liga de Defesa Nacional. A iniciativa, além de permitir a integração de dois distritos, o 4670 e o 4680, possibilitou a divulgação da Imagem Pública do Rotary e de suas realizações.

Distrito 4680

RC de Porto Alegre, RS – Divulgou sua campanha de doação de órgãos durante o aniversário de 144 anos do Mercado Público de Porto Alegre, em 4 de outubro. Em 27 de setembro, Dia Nacional de Doação de Órgãos, o clube participou de um flash mob de conscientização para a longa espera dos pacientes por um transplante.

RC de Porto AlegreAzenha, RS – Doou roupas e calçados para os desabrigados pelas chuvas que atingiram o Rio Grande do Sul em outubro. No mesmo mês, o clube realizou almoço por adesão para modernizar a lavanderia de uma entidade filantrópica (foto). Em setembro, foi a vez de uma parceria com o Rotaract Club de Porto Alegre-Bom Fim para a arrecadação e doação de alimentos não perecíveis.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

55


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4700 RC de Caxias do Sul-Ana Rech, RS – A presidente Maria Inês Lazzari entregou cheque no valor correspondente ao lucro obtido com a participação do clube na Semana Farroupilha, evento realizado em setembro, ao presidente da Associação de Amparo à Criança e ao Adolescente com Câncer da Serra Gaúcha – Domus, Rocco Donádio.

RC de Sananduva, RS – Durante a Semana Nacional de Trânsito, realizada de 18 a 25 de setembro, esteve à frente da terceira edição do projeto de educação no trânsito, que teve como objetivo principal desenvolver, por meio da educação, a consciência da responsabilidade de cada um para um trânsito mais humano e seguro, formando cidadãos conscientes e responsáveis.

Distrito 4710

RC de Astorga, PR – Promoveu no dia 15 de setembro, com o apoio de parceiros e voluntários, a 12ª Festa da Leitoa Desossada no Centro de Eventos de Astorga. Aproximadamente 1.400 pessoas prestigiaram o evento que teve a renda destinada à Apae do município.

RC de Arapongas-Amanhecer, PR – No dia 21 de setembro realizou, em parceria com o Colégio Prisma, uma campanha de coleta de lixo eletrônico, recolhendo 12 toneladas de material que foram encaminhados para a ONG E-Lixo, que faz a reciclagem e destinação correta dos objetos.

56

| DEZEMBRO de 2013

RC de Apucarana-Cidade Alta, PR – Realizou a tradicional Feijoada Beneficente com renda destinada para o Banco de Cadeiras de Rodas do clube, a Fundação Rotária e projetos comunitários. Em outro momento, entregou agasalhos e cobertores para a Paróquia Nossa Senhora do Bom Conselho, arrecadados em campanha feita pelos associados.

RC de Assaí, PR – Organizou, no salão paroquial da Igreja Matriz de São José, o Sukiyaki (prato típico japonês) Solidário, em benefício do Instituto Santa Paula Elizabete Cerioli, que mantém duas creches e uma escola no bairro carente de Vila Esperança. Em outra ocasião, distribuiu mudas de árvores para a comunidade, visando a arborização da cidade e a preservação do meio ambiente.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4720 RC de Manaus, AM – No dia 12 de outubro proporcionou à comunidade do Santiago, no município de Iranduba, uma comemoração pela passagem do Dia das Crianças com diversas brincadeiras e distribuição de brinquedos e lanches.

RC de Santarém-Aldeia, PA – Ofereceu um almoço para os idosos do Asilo São Vicente de Paulo em comemoração ao Mês do Ancião (foto). Em outro evento, celebrando o Dia das Crianças, promoveu uma festa na comunidade Eixo Forte com distribuição de lanches e brinquedos, e verificou com os pais se as crianças estavam matriculadas na escola e com as carteiras de vacinação em dia.

RC de Rolim de Moura, RO – Colaborou com a aquisição de uma Kombi para a Casa de Acolhimento da Criança e do Adolescente. O clube também participou, com a Barraca Rotary, e em parceria com a Casa da Amizade, de evento que teve 100% do lucro destinado à manutenção do Centro Educacional de Rolim de Moura.

RC de Vilhena-Portal da Amazônia, RO – Realizou o 10º Carneiro no Buraco com a presença de 250 pessoas, com renda destinada ao Banco de Cadeiras de Rodas e de Banho e Muletas do clube, que atende aos municípios de Vilhena, Colorado e Cerejeiras. Em outro momento, doou cestas básicas, em parceria com a Rede TV, para as famílias que são beneficiadas pelo banco.

Distrito 4730

Ocorreu no dia 17 de agosto, em Curitiba, a segunda edição do Café da Manhã sem Corrupção, promovido pela Comissão de Ética e Cidadania do Distrito 4730. Os painelistas foram o senador Álvaro Dias, o empresário Ney da Nóbrega Ribas e o jornalista Rafael de Lala, que responderam perguntas da plateia formada por rotarianos, maçons, empresários e profissionais de todas as classes.

RC de CuritibaCruzeiro do Sul, PR – Com o resultado da venda de 400 cupons de Big Mac durante o McDia Feliz, o clube doou 4.610 reais para os custos operacionais da UTI Pediátrica do Hospital Erasto Gaertner, representado pela sra. Janice Gastaldon, da Rede Feminina de Combate ao Câncer. Do total vendido, 120 sanduíches foram doados pelas pessoas que compraram, e os associados os destinaram aos alunos, funcionários e voluntários da Escola Municipal Rachel Mader Gonçalves.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

57


C L U B E S E d i s t r i t o s e m r e v i s ta Distrito 4740

Distrito 4760

RC de Chapecó-Oeste, SC – Entregou um cheque de 80 mil reais para Celso Antonio Dal Piva, presidente da Apae da cidade, resultado do projeto Bravíssimo, realizado em parceria com a Oeste Capital Eventos, e que consistiu em seis apresentações musicais de variados estilos musicais durante o ano de 2012. RC de Canoinhas, SC – Promoveu, de 16 a 30 de setembro, em conjunto com a Casa da Amizade, o Rotaract e a Polícia Militar, a Campanha de Prevenção de Acidentes de Trânsito. Foram realizadas palestras em escolas, pedágio com distribuição de camisetas e panfletos educativos, simulação de acidente e exposição de carro batido, finalizando com uma caminhada pela paz no trânsito.

RC de Pádua, RJ – Em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Santo Antônio de Pádua, participou da vacinação contra a pólio distribuindo balas e balões em dois postos da cidade, e convidou o grupo Virose da Alegria para brincar com as crianças. Em outro momento, por ocasião da visita do governador do distrito, Luiz Oscar Spitz, visitou a Creche Escola Djanira Quintal de Oliveira, administrada pela prefeitura em parceria com o clube. O prefeito Josias Quintal de Oliveira e associados ao Rotary Club de Araruama, RJ, também marcaram presença. | DEZEMBRO de 2013

RC de São João da Ponte, MG – Com a parceria da Casa da Amizade e o apoio de comerciantes e profissionais liberais da cidade, promoveu a comemoração do Dia das Crianças nas comunidades de São Miguel e Lagoa de São João, com distribuição de lanches, guloseimas e brinquedos.

Distrito 4770

Distrito 4750

58

RC de Belo HorizonteOeste, MG – Doou tecidos e aviamentos à Casa da Amizade, que os utilizará na confecção de pijamas e roupas de criança para serem levados a creches.

RC de Abadia dos Dourados, MG – No Dia das Crianças proporcionou momentos de alegria e diversão para a garotada, realizando um grande evento na praça da cidade com a distribuição de refrigerante, sanduíche, pipoca e de mais de 1.000 brinquedos.

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.


Distrito 4770 RC de Coromandel, MG – No dia 6 de outubro promoveu, em parceria com a Casa da Amizade, o Festival do Sorvete, que teve a renda destinada à compra de brinquedos para as crianças de uma creche local.

Distrito 4780 RC de Cachoeira do SulArrozais, RS – Promoveu um evento de Dia das Crianças na Escola Municipal Milton da Cruz, distribuindo cachorro-quente, refrigerante e doces. A diretora aproveitou para mostrar as melhorias feitas no colégio com a ajuda do clube, como a reforma da pracinha. Dicas para publicação

RC de UruguaianaCruzeiro do Sul, RS – Realizou em outubro o Sábado Solidário, ação em parceria com o Banco de Alimentos, arrecadando cerca de 400 quilos de mantimentos que foram distribuídos em cestas básicas para a população carente dos bairros Bela Vista e São Cristóvão.

Como ver seu clube no site ou na revista

P

ara que os companheiros de todo o país conheçam as ações realizadas pelo seu clube em prol da comunidade, é importante que as notícias cheguem à Redação contendo as seguintes informações: n o nome completo e o distrito de seu clube; n a data e local em que foram realizadas as ações; n um breve relato sobre o projeto, explicando sua importância e o alcance dele junto à comunidade; n os nomes dos parceiros, no Brasil e no exterior; n e os nomes e sobrenomes de todos os que aparecerem nas fotos com até seis pessoas, relacionados a partir da esquerda, para o caso de eles serem mencionados na legenda feita pela Redação. Mas lembre-se, o foco da notícia será sempre nas ações realizadas e não nas pessoas.

A publicação é gratuita. Basta que o assunto se encaixe em nosso perfil editorial e que o seu clube esteja em dia com a assinatura da revista. Atenção: a Brasil Rotário não publica posses ou outros fatos que possam obter o merecido destaque nos boletins de seu clube. Confirmamos o recebimento de todas as mensagens enviadas à Redação com material destinado à publicação. Portanto, se você não receber essa confirmação é porque seu e-mail não chegou até nós. Reenvie-o ou nos telefone para saber o que está ocorrendo.

FOTOS: as imagens digitais precisam ter uma boa qualidade de impressão. Por isso, selecione a opção alta resolução de sua câmera. Se o envio for feito por e-mail, pedimos que o tamanho dos anexos não supere 2 MB. Não cole suas imagens em documentos de Word: anexe-as ao e-mail como arquivos independentes.

Anote os nossos endereços: Avenida Rio Branco, 125 – 18o andar – Rio de Janeiro, RJ CEP: 20040-006 e-mail: redacao@brasilrotario.com.br O telefone da Redação é (21) 2506-5614.

MUITO IMPORTANTE: informe também um telefone de contato (com o código de DDD) para que possamos falar com você no caso de qualquer dúvida.

Estamos esperando para ver seu clube na revista!

Acesse www.brasilrotario.com.br e leia mais notícias dos clubes.

DEZEMBRO de 2013 |

59


interact e rotaract Áreas de enfoque são alvo de projetos em General Salgado

N

o mês de agosto, a juventude rotária de General Salgado, SP (distrito 4480), desenvolveu ações voltadas a duas áreas de enfoque do Rotary. Na primeira delas, realizada no dia 25, o Interact dedicou-se à preservação dos recursos hídricos por meio de uma caminhada ecológica na qual foram plantadas 70 mudas de árvores nativas (foto). A iniciativa contou com as parcerias do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural e do Sindicato Rural; do programa Escola da Família; do projeto Município Verde, da prefeitura; e da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo. Já o Rotaract promoveu a área de prevenção e tratamento de doenças no dia 31 com a 3a Tenda da Saúde, que ofereceu exames básicos à população na praça da Matriz com o apoio da prefeitura, da Ráo Convênio e da Rádio Cidade.

O Interact Club de Lins, SP (distrito 4480), participou da feira de profissões realizada pelo Instituto Americano de Lins exibindo vídeos, camisetas, troféus e explicando o que é o Interact aos participantes – ação que resultou no ingresso de novos associados no clube. Em outra iniciativa, os interactianos montaram um ponto de venda de doces no Hirata Supermercados (foto), gerando renda para a compra de 120 litros de água sanitária para a ONG Refúgio Pet, que cuida de animais abandonados. Com apenas um ano de história, o Rotaract Club de Ibitinga, SP (distrito 4480), conquistou oito premiações durante a Conferência Distrital de Rotaract Clubs, realizada em julho na cidade de Catanduva. O projeto Foliões da Saudade, destaque da seção Interact e Rotaract na edição de maio deste ano, foi um dos premiados.

60

| DEZEMBRO de 2013

Em sua 1a Manhã de Pratos, no dia 24 de agosto, o Interact Club de Ilha Solteira, SP (distrito 4480), gerou recursos para seus projetos com a venda de doces e salgados.


Rafael de Lucas/Assessoria da Câmara Municipal de Barretos

A Câmara de Vereadores de Barretos, SP, aprovou por unanimidade o projeto que instituiu 13 de março como o Dia do Rotaract na cidade. Na foto, o vereador autor do projeto, Thalles Olivi de Almeida, aparece no centro da foto (de gravata), na companhia de integrantes do Rotaract Club de Barretos (distrito 4480) e de associados ao Rotary Club de Barretos que foram à Câmara acompanhar a votação do projeto de lei.

Alertar a população sobre os problemas causados por jogar lixo no chão: este foi o objetivo do projeto ECOnsciência, desenvolvido pelo Interact Club de São José do Egito, PE (distrito 4500), no pátio da feira livre da cidade no dia 31 de agosto. Na manhã do dia 31 de agosto, o Interact Club de CajazeirasCentro, PB (distrito 4500), realizou a Campanha do Abraço, com o objetivo de distribuir carinho e felicidade às pessoas em meio à correria do cotidiano. A ideologia do projeto é mostrar que as pessoas estão deixando passar as coisas mais simples da vida – e que os benefícios de um abraço podem mudar o dia de alguém. 

Cerca de 100 jovens de diversos clubes do distrito 4490 estiveram presentes à Conferência Distrital de Interact e Rotaract Clubs, realizada na cidade de São Luís, no Maranhão, juntamente com a Conferência Distrital.

Em 11 de agosto, Dia do Advogado, o Interact Club de Poço de José de Moura, PB (distrito 4500), homenageou Francisco Reginaldo do Nascimento, único advogado da cidade. Ele ganhou um certificado de reconhecimento profissional.

Organizada pelo Rotaract Club de Mamanguape-Litoral Norte, PB (distrito 4500), com o apoio do Rotary Club de MamanguapeCentenário, a 1a Feijoada Beneficente arrecadou alimentos posteriormente doados a uma comunidade carente da cidade. O evento foi animado pela voz e pelo violão do cantor Júlio Cezar. DEZEMBRO de 2013|

61


I nteract e rotaract No dia 10 de agosto, o Rotaract Club de Jardinópolis, SP (distrito 4540), promoveu a 10a edição da Festa Anos Dourados, na Boate Baruk, com renda destinada aos projetos do clube. Em reconhecimento ao apoio que presta às ações do Rotaract e à sua participação em todas as edições do evento, o DJ Dema Medrado foi homenageado com um disco de ouro.

Na abertura da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, no dia 21 de agosto, o Interact Club de Arcos, MG (distrito 4560), juntou-se à Apae da cidade no desfile que seguiu até a praça da Matriz com cartazes, faixas, fanfarra, grupo de dança e apresentações artísticas. No dia 23, os interactianos uniram-se ao Rotary Club de Arcos na organização de um passeio com as crianças da Apae.

Com o apoio e a participação de pais, mães e avós, a turma do Interact Club de Tupanciretã, RS (distrito 4660), distribuiu e plantou mudas de árvores nativas no bairro Pedreira 1. A ação foi realizada em agosto para celebrar três datas comemoradas naquele mês: o Dia dos Pais, o Dia da Solidariedade e o Dia Mundial de Proteção às Florestas.

62

| DEZEMBRO de 2013

Na segunda edição do projeto Noites Mais Felizes, os integrantes do Rotaract Club de Salvador-Aratu, BA (distrito 4550), foram às ruas da capital baiana na noite de 17 de agosto para distribuir aproximadamente 200 pratos de mingau e 300 pães aos moradores de rua.

A Família Rotária do distrito 4600 aumentou no dia 23 de agosto com a fundação do Rotaract Club de Taubaté, SP. A entrega da bandeira ao novo clube foi feita na Casa da Amizade durante as comemorações dos 70 anos do Rotary Club de Taubaté.

Os 10 anos de história do Rotaract Club de Taquara, RS (distrito 4670), foram comemorados no dia 27 de julho numa cerimônia realizada na Câmara de Vereadores com a presença de fundadores, rotarianos e pessoas que ajudaram a consolidar o clube.


Duas ações marcaram os dois primeiros meses deste ano rotário no Rotaract Club de São Leopoldo-Integração, RS (distrito 4670). Na primeira delas, em agosto, o clube distribuiu 40 mudas de árvore durante a São Leopoldo Fest. No mês seguinte, os rotaractianos participaram do Curto Minha Praça, projeto de revitalização de uma praça de brinquedos no centro da cidade – e aproveitaram a oportunidade para fazer uma campanha que irá beneficiar com brinquedos uma creche local.

Em sua reunião do dia 18 de agosto, o Rotaract Club de Novo Hamburgo, RS (distrito 4670), recebeu os associados aos quatro Rotary Clubs da cidade e integrantes da Casa da Amizade. Ao lado dos 15 rotaractianos, eles assistiram à palestra Projetando: da ideia à execução, apresentada pelo rotariano Ivan Terra, do Rotary Club de Taquara, RS.

O distrito 4700 deu as boas-vindas ao 22 jovens que compõem o Rotaract Club de Constantina, RS, fundado no dia 24 de agosto em cerimônia que contou com a participação do próximo governador do distrito, Gert Zimmermann. Alimentando Esperanças: este foi o lema que animou os jovens do Rotaract Club de Paracatu, MG (distrito 4760), em sua tarefa de recolher doações de alimentos não perecíveis para instituições de caridade e moradores de dois bairros da cidade. O trabalho foi feito nos supermercados e com o esforço de cada rotaractiano em conseguir cestas básicas individualmente. Destaque para o Hipermercado Coopervap, que doou 10 cestas básicas à campanha.

A biblioteca do Colégio Estadual Fernando Magalhães ganhou 500 obras de literatura doadas pelos integrantes do Interact Club de Niterói, RJ (distrito 4750), em parceria com o Rotary Club de Niterói.

BR

Numa ação do Rotaract Club de Santiago-Terra dos Poetas, RS (distrito 4780), realizada em 31 de agosto, foram distribuídos panfletos e sacolas ecológicas à população que mora nas proximidades da nascente de um rio da cidade. Para finalizar a atividade, foram plantadas mudas de árvore nativas e afixada uma placa indicando que o local é protegido por lei. DEZEMBRO de 2013|

63


senhoras em ação Em 9 de setembro, a Casa da Amizade de Botucatu-Norte, SP (distrito 4310), doou à Botucan – entidade beneficente que fabrica próteses de mama – parte da renda arrecadada em seu primeiro bazar do ano rotário 2013-14.

A Associação das Famílias dos Rotarianos de Piracicaba, SP (distrito 4310), recebeu brinquedos novos e usados que os alunos do colégio COC Piracicaba arrecadaram para a Feira dos Brinquedos, realizada pela Família Rotária do município em 9 e 10 de outubro. A renda levantada com o evento foi destinada aos trabalhos sociais que a associação desenvolve.

A Casa da Amizade de Cachoeiro-Oeste, ES (distrito 4410), doou 25 jogos de lençóis ao Lar Adelson Rebello Moreira, instituição administrada pela Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro de Itapemirim onde vivem 57 idosos, sendo 20 deles acamados. As senhoras entregaram as roupas de cama por ocasião da visita do governador distrital Robson Vilela e de sua esposa, Joseli, e da Coordenadora Distrital das Casas da Amizade Joanice Bissoli.

Desde 1995 a Associação dos Cônjuges dos Rotarianos do Recife – Casa da Amizade, PE (distrito 4500), oferece em sua sede social um curso de formação em cabeleireiro para jovens e adultos. São oito turmas anuais.

As senhoras da Casa da Amizade de AssisNorte, SP (distrito 4510), e as associadas ao Rotary Club de Assis-Fraternal colaboraram com a realização da Semana de Aleitamento Materno, ocorrida de 1º a 9 de agosto nas dependências do Banco de Leite Materno do Hospital Regional de Assis.

As integrantes da Casa da Amizade de Orlândia, SP (distrito 4540), desenvolvem o projeto Belas Artes há cinco anos no Lar Frederico Ozanam, onde vivem idosos. A oficina de terapia ocupacional é autossuficiente, sendo custeada com a venda das peças produzidas, que anualmente são oferecidas na Feira da Bondade.

64

| DEZEMBRO de 2013


A Casa da Amizade de Passos, MG (distrito 4540), comemorou o 42º aniversário de fundação da Apae local com uma festa para os 750 alunos da instituição. As senhoras providenciaram bolo, refrigerante e cachorroquente e a animação ficou por conta da dança e das apresentações de um mágico e de um palhaço.

Durante a Semana da Árvore, a Casa da Amizade de Divinópolis-Oeste, MG (distrito 4560), doou 150 mudas de árvores para os presentes no evento.

A foto registra a entrega de fraldas geriátricas pela coordenadora das Casas da Amizade do distrito 4560, Adriane Coutinho Barbosa Bandeira, à assistente social das Obras Assistenciais São Paulo, Daniela Mesquita dos Santos. Também na foto o governador distrital Virgílio Bandeira e o presidente do Rotary Club de Divinópolis-Oeste, Willian Tadeu Alves Parreiras.

Junto com o Rotary Club local, a Associação de Senhoras de Rotarianos de Lavras, MG (distrito 4560), entregou dezenas de pares de tênis para os alunos do projeto Arremesso para um Novo Horizonte, mantido pelo professor Ricardo Carvalho Pacheco em uma comunidade.

O aniversário de dez anos de fundação da Associação de Senhoras de Rotarianos de Ouro Fino, MG (distrito 4560), foi comemorado em 12 de julho com uma missa em ação de graças.

No dia 4 de setembro, a Casa da Amizade de Amparo, SP (distrito 4590), ofereceu a oficina Alimentos Funcionais nas dependências de sua cozinha-escola. A aula foi ministrada pelo chef, consultor e rotariano Pedro Henrique Tavares Ramos e faz parte do projeto Nutrição e Saúde, que visa conscientizar a população da importância da alimentação saudável. DEZEMBRO de 2013|

65


S enhoras em ação Em 25 de setembro, a Casa da Amizade de Santarém, PA (distrito 4720), preparou e serviu almoço para os vovôs e vovós do Asilo São Vicente de Paulo, mantido pelas Obras Sociais da Diocese de Santarém. Há dez anos a Casa da Amizade participa da programação do Mês do Ancião na entidade.

Em parceria com os cinco Rotary Clubs locais, a Associação das Senhoras de Rotarianos de Campo Mourão, PR (distrito 4630), realizou um passeio ciclístico em 22 de setembro para arrecadar fundos para o trabalho de erradicação da poliomielite. Mais de 600 ciclistas participaram do evento e a inscrição custou cinco reais, valor equivalente a duas doses da vacina. Graças aos patrocinadores, nove bicicletas e um aparelho televisor de 32 polegadas foram sorteados.

A Associação das Senhoras de Rotarianos de Chapecó, SC (distrito 4740), doou roupas, calçados e brinquedos para 300 crianças menores de cinco anos de idade do Centro Infantil Municipal Criança Feliz.

A Casa da Amizade de Paranaguá, PR (distrito 4730), ofereceu em 24 de setembro mais uma oficina de culinária, desta vez ensinando a preparar barreado. Outra ação recente das senhoras foi o 5º Desfile Primavera Verão, que teve a renda destinada à aquisição de enxovais para bebês carentes, como parte do projeto Kit Maternidade.

A Casa da Amizade Roselaine Matevi de Herval d’Oeste, SC (distrito 4740), preparou em 27 de julho a sua tradicional buchada. As senhoras venderam mais de 450 quilos da iguaria.

66

| DEZEMBRO de 2013

Com o propósito de obter recursos para as ações e projetos que desenvolve, a Casa da Amizade de Campos Altos, MG (distrito 4760), lançou em 29 de junho a terceira edição do livro Delícias de forno e fogão. A publicação reúne receitas – muitas delas passadas de geração a geração – de familiares e amigos das senhoras. O lançamento foi animado por música ao vivo e acompanhado de um bufê de chá, café e chocolate quente com guloseimas como sequilhos, pães, bolos e geleias. BR


O s 50 mais

Bartolomeu Barros e Antonio Azevedo Santos foram homenageados pelo clube ao qual pertencem há 53 anos: o Rotary Club de Santana do Ipanema, AL (distrito 4390). Além de solenidade festiva, eles foram distinguidos com a Comenda Floriano Silva e Silvania Silva. Arnaldo Ruy Pastore pertence ao Rotary Club de Taquaritinga, SP (distrito 4540), há 50 anos. Presidente 1967-68, detentor do título de Companheiro Paul Harris e representante do governador distrital em diversas ocasiões, Arnaldo, aos 84 anos, encontra-se em plena atividade rotária. Gabriel de Siqueira Lopes comemorou 50 anos de vida rotária. Ele é governador 1990-91 do distrito 4560 e associado ao Rotary Club de Lavras, MG, do qual foi presidente por duas ocasiões. Benedito Olegário Resende Nogueira de Sá, governador 1976-77 do distrito 4600, fez 51 anos de vida rotária. Ele é associado ao Rotary Club de Taubaté, SP, e foi distinguido pelo clube com um cristal de Major Donor da Fundação Rotária.

Carlos Henrique Pires Ataíde ingressou no Rotary Club de Parnaíba, PI (distrito 4490), em 25 de maio de 1962. Tendo sido presidente em 2002-03, teve sua gestão marcada pela criação de três novas unidades rotárias em três estados (Piauí, Ceará e Maranhão) e pelo fomento ao programa de Intercâmbio de Jovens. Carlos é filho de Cândido Athayde, ex-governador distrital e fundador do clube de Parnaíba em 1938. Rojor Abrão, governador 1986-87 do distrito 4540 e associado ao Rotary Club de Batatais, SP, também completou o Jubileu de Ouro como rotariano. Ele se encontra no clube desde 13 de setembro de 1963. Sua vivência rotária continua inspirando o distrito. Cláudio Manoel Simões é associado fundador do Rotary Club de Itabirito, MG (distrito 4580), do qual foi presidente em 1967-68. Cláudio, que tem título de Companheiro Paul Harris, comemorou o cinquentenário de atividades no Rotary em 25 de junho juntamente com o clube. Águedo Andrade Cardoso, atualmente associado ao Rotary Club de Porto Alegre-Partenon, RS (distrito 4680), tornouse rotariano há mais de 51 anos: em 13 de abril de 1962, quando fundou o Rotary Club de Santa Vitória do Palmar, RS. Posteriormente ele fundou mais quatro clubes e se associou a outros três do Rio Grande do Sul: Montenegro (distrito 4670), Porto Alegre-Sudeste (distrito 4680) e Rosário do Sul (distrito 4780).

Se você tem 50 anos de Rotary ou mais, envie para a Brasil Rotário uma foto em que apareça sozinho:  E-mail: redacao@brasilrotario.com.br  Endereço postal: Avenida Rio Branco, 125 – 18o andar – Centro – Rio de Janeiro – CEP: 20040-006

DEZEMBRO de 2013|

67


R econhecimentos da fundação rotária O que significam Contribuinte Especial

Paul Harris Society

Sociedade Arch C. Klumph

Qualquer pessoa que contribui com 100 dólares é automaticamente reconhecida como Contribuinte Especial.

Pessoas que assumem o compromisso de contribuir anualmente com 1.000 dólares recebem distintivo especial e certificado do distrito. Este reconhecimento é válido para contribuições múltiplas.

Doadores que contribuem com 250.000 dólares ou mais qualificam-se para a Sociedade Arch C. Klumph. Eles são convidados para cerimônia de admissão na sede mundial do Rotary International, em Evanston, EUA, e podem escolher ter suas fotos colocadas na Galeria Arch C. Klumph e no terminal interativo. Esses doadores também recebem distintivo, certificado e convites para eventos especiais.

Companheiro Paul Harris Uma pessoa, rotariana ou não, que contribui com o valor de 1.000 dólares rotários à Fundação Rotária, ou em cujo nome é feita tal contribuição, recebe como reconhecimento o título de Companheiro Paul Harris (l), que consiste de certificado e distintivo – com a opção de medalha, ao custo de 15 dólares rotários.

Contribuições múltiplas O Companheiro Paul Harris que faz contribuições múltiplas de 1.000 dólares rotários à Fundação Rotária, ou em cujo nome elas são feitas, recebe distintivo com safiras (l), rubis (l) ou Major Donors (l) – Doador Extraordinário, com contribuição pessoal de 10.000 a 249.999 dólares –, de acordo com o valor do aporte acumulado.

Benfeitor Uma pessoa se torna Benfeitor da Fundação Rotária ao incluir um dispositivo em seu testamento em benefício do Fundo de Dotação, para o qual efetua uma contribuição de 1.000 dólares ou mais. O doador recebe um distintivo especial e diploma.

Sociedade de Doadores Testamentários Refere-se a pessoas individualmente ou casais que façam promessas de doação de 1.000 dólares ou mais em testamentos ou seguros de vida. Estes doadores recebem peça de cristal e distintivo.

Os fundos As doações formam diversos fundos. São eles: Fundo Anual de Programas, Fundo Polio Plus e Fundo de Dotação. Se as doações forem de empresas, serão encaminhadas à Associação Brasileira da The Rotary Foundation (ABTRF). As contribuições servem para Projetos de Subsídio Distrital ou Global, que financiam programas humanitários, educacionais e culturais.

Novos agraciados

Distrito 4420

RC de Santos-Ponta da Praia, SP l l

Gérson Conde Wagner Conde

RC de Santos-Vila Belmiro, SP l

Cid Penha, com a terceira safira

RC de São Caetano do Sul, SP Jorge Ishi l Nilson Siviero l

Distrito 4470

RC de Ponta Porã-Pedro Juan Caballero Fronteira Brasil-Paraguai, MS Alexiani K. W. Zeviani l Alexsandro W. Zeviani l Aluizio Zeviani, com uma safira l Anselmo Winter, com quatro safiras l Arnaldo Davalos l Carlos Alberto Freire, com três rubis l Irene Terencio l

68

| DEZEMBRO de 2013

João Saad, com três safiras José Carlos Balestieri, com duas safiras l Lourdes do Amaral l Luis Novaes, com duas safiras l Nivalcir de Almeida l Ricardo Santiago l Silvana Galeano l Teodoro Villa Alta, com duas safiras l l

Distrito 4490

RC de Floriano-Médio Parnaíba, PI l

Lisane Paiva Atem

Distrito 4510

RC de Duartina, SP Dermeval Antônio Gregório, ex-governador distrital, com o cristal de Major Donor l Herli Meister, ex-presidente, com uma safira l Leila Mudeh Carvalho, ex-presidente, com uma safira l Maria Fátima Menechelli, presidente l Tommaso Francesco Frontera, ex-presidente l


RC de Garça, SP André Luiz Gavioli Rodrigues, com uma safira Luiz Carlos de Souza l Márcia Cristina Praxedes l Zenaide Caldamone Cabreira, com uma safira

l

José Salles Neto Nélio Izzi, com três safiras

l

l

l

Distrito 4620

RC de Sorocaba Manchester, SP l

RC de Primavera, SP

José Carlos Miguel, com o cristal Major Donor nível 2

l

RC de Sorocaba-Novos Tempos, SP

l

l

Ademar de Souza Alexandre Sarante de Oliveira l Edirso da Silva l Emerson Queiroz Santos l Nelly Caldas Costa de Sá l Oswaldo de Almeida Vilella

Distrito 4560

RC de Três Pontas, MG l

André Mesquita Assunção, presidente

Distrito 4570

RC de Barra da Tijuca, RJ Cláudio Elias, com a quarta safira Edson Costa Pinto da Cruz l Gilberto dos Santos Guido l Heloisa C. de Campos Moreira Amaral l Juedir Viana Teixeira, com a segunda safira l Lenilton Gomes dos Santos, com a primeira safira l Maria Aparecida da Cunha Correia l Newton Mosaner de Almeida l Paulo César Alves Gonçalves, com a primeira safira l Walter Francisco Laranjeira, com a segunda safira l l

Distrito 4610

RC de Cotia-Caucaia do Alto, SP Cláudio José de Souza Edevaldo Squacialupi da Silva, com uma safira l José Fernando Gomes Cardim l José Raymundo Guerra

Fátima Aparecida de Oliveira Miguel, com o cristal Major Donor nível 2

Distrito 4630

RC de Maringá-Aeroporto, PR l l

Carlos Eduardo Buchweitz, com o primeiro rubi Urbano Buchweitz, com o segundo rubi

Distrito 4640 RC de Palmas, PR l

Luiz Carlos Lorenzet, ex-presidente

Distrito 4670 RC de Canela, RS l

Joel de Lima Pereira

Distrito 4740

RC de Chapecó-Norte, SC l l

Antonio Raimundo de Marchi Dorcelino José Triches, com uma safira

Distrito 4760

RC de Bocaiúva, MG l l

Haroldo Dalmo Dias, com uma safira Rosângela Marilda Sales

l l

RC de Bocaiúva-Leste, MG l l

Paulo Henrique Durães Siqueira Rosa Lúcia Chamon de Oliveira, com uma safira

Se você foi agraciado recentemente com algum desses títulos, informe-nos pelo e-mail redacao@brasilrotario.com.br DEZEMBRO de 2013|

69


R otarianos que são notícia

N

esta seção abrimos espaço para os rotarianos que foram eleitos ou nomeados para cargos de governo, da administração direta ou indireta, ou que ainda receberam homenagens ou assumiram função em organizações da sociedade civil nas esferas federal (1o, 2o e 3o escalões), estadual (1o e 2o escalões) e municipal (1o escalão).

Ana Célia Pereira Damasceno de Macedo, Erlinda Maria Bittencourt, Mercilene Barbosa Torres e Valquíria Araújo Fernandes de Oliveira, pertencentes ao Rotary Club de Caxias, MA (distrito 4490), receberam a comenda Antônio Gonçalves Dias pelos relevantes serviços prestados à comunidade. n

n O desembargador Arthur Almada Lima Filho, também associado ao Rotary Club de Caxias, MA (distrito 4490), foi agraciado com a medalha de Honra ao Mérito pelo Tribunal de Justiça do Maranhão. O rotariano foi escolhido por unanimidade por se destacar na defesa da justiça, da ética e dos direitos do cidadão. n Meton César de Vasconcelos, governador 1980-81 e 1996-97 do distrito 4490 e associado ao Rotary Club de Fortaleza-Alagadiço, CE, foi agraciado com a Comenda do Mérito Naval, promoção ao grau de comendador, pelos relevantes serviços realizados à Marinha do Brasil e à Sociedade dos Amigos da Marinha do Brasil. A homenagem ocorreu na sede do 3º Distrito Naval, em Natal, RN, em 11 de junho, durante cerimônia pelos 148 anos da Batalha do Riachuelo.

O médico Geraldo Viana, associado fundador do Rotary Club do Recife-Apipucos, PE (distrito 4500), recebeu a medalha do Mérito Cirúrgico durante o 30º Congresso Brasileiro de Cirurgia, evento organizado em agosto, no Rio de Janeiro, pelo Colégio Brasileiro de Cirurgiões.

n

n Helene Maria Paulinyi, presidente do Rotary Club de Belo Horizonte, MG (distrito 4520), recebeu o título de vice-consulesa da Hungria das mãos do embaixador húngaro no Brasil Csaba Szíjjártó. O ato, ocorrido em 6 de outubro, teve como finalidade premiar os méritos de Helene no ensino da língua húngara para 800 jovens bolsistas do projeto Ciência Sem Fronteiras. n José Luiz Scaglioni Filho, governador 2010-11 do distrito 4520 e associado ao Rotary Club de ItabiraCauê, MG, foi eleito Médico Mineiro em Destaque pela Associação Médica de Minas Gerais.

Carlos Henrique de Carvalho Fróes, ex-presidente e ex-editor da Brasil Rotário e associado ao Rotary Club do Rio de Janeiro, RJ (distrito 4570), recebeu a medalha Gama Cerqueira da Associação Brasileira da Propriedade Intelectual (ABPI) em reconhecimento à sua eficiente atuação como desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro em defesa da propriedade intelectual. O fato ocorreu em 18 de agosto, quando a ABPI completou 50 anos e Carlos Fróes foi lembrado em homenagem como um dos fundadores da associação. Também em agosto, Fróes, que é ex-governador do distrito 4570, recebeu o título de Cidadão do Estado do Rio de Janeiro, conferido pela Assembleia Legislativa do

n

70

| dezembro de 2013

Rio de Janeiro, e o Prêmio Rotário Rios Fraternos 2013, conferido pelo Rotary Club de Buenos Aires, Argentina. Guilherme Levy, Haroldo Bezerra da Cunha e Mauro Ribeiro Viegas, governador 1980-81 do distrito 4570, todos associados ao Rotary Club do Rio de Janeiro, foram três dos nove nonagenários notáveis distinguidos pela Associação Comercial do Rio de Janeiro. O evento, que reconheceu o talento, patriotismo e a dedicação ao Brasil desses rotarianos, ocorreu no dia 9 de setembro.

n

Luiz Felizardo Barroso, também associado ao Rotary Club do Rio de Janeiro, RJ (distrito 4570), tomou posse como membro titular da Academia Fluminense de Letras (AFL), cadeira nº 4, patronímica do jornalista e senador Alcindo Guanabara (1865-1918). A cerimônia ocorreu no auditório da AFL, em Niterói, RJ, em 5 de novembro.

n

n Adílio Valadão, associado ao Rotary Club de São João de Meriti, RJ (distrito 4570), foi indicado presidente da Comissão de Trânsito da 19ª Subseção da OAB/RJ. Também tornaram-se membros da mesma comissão os seguintes rotarianos: Emílio Nunes do Amaral Semblano e Jander Pereira da Costa, ambos do mesmo clube, e Hilário Gonçalves de Oliveira, do Rotary Club de Belford Roxo, RJ (distrito 4570).

Laurência Lavy Guimarães de Azevedo, do Rotary Club de Visconde do Rio Branco, MG (distrito 4580), foi agraciada com o título de Cidadã Honorária pela Câmara Municipal de Guiricema, MG, em reconhecimento aos serviços prestados à comunidade.

n

José Claudiney Rocco, governador 2009-10 do distrito 4630 e associado ao Rotary Club de CianorteFurquim de Castro, PR, recebeu o título de Homem Destaque do Paraná 2013. A distinção foi conferida pela Assembleia Legislativa do Paraná.

n

Ronaldo César Sciena, associado ao Rotary Club de Astorga, PR (distrito 4710), participou da 5ª Conferência Estadual das Cidades, realizada de 13 a 15 de agosto em Foz do Iguaçu, PR. Na oportunidade Reinaldo foi eleito representante dos empresários de Astorga para a 5ª Conferência Nacional das Cidades, de 20 a 24 de novembro, em Brasília. n

n Carlos Mário de Moraes, do Rotary Club de Belo Horizonte-Oeste, MG (distrito 4760), tomou posse como presidente do Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos no Estado de Minas Gerais para o triênio 2013-16. n Lívia Paulini, ex-presidente do Rotary Club de Belo Horizonte-Santo Agostinho, MG (distrito 4760), recebeu o prêmio literário Paulo Rónai da União Brasileira dos Escritores pelo conjunto da obra.


A conteceu em 1973 O início da nostalgia pelos anos 50 Luiz Renato D. Coutinho

A

H Alguns sucessos musicais daquele ano: Me and mrs. Jones (Billy Paul); The guitar man (grupo Bread); Orgulho de um sambista (Jair Rodrigues), Retalhos de cetim (Benito de Paula); Skyline Pigeon (Elton John) e O homem de Nazareth (Antonio Marcos). Na linha do ufanismo militar do “ninguém segura este país” houve: Viva o Mobral, com Carequinha, e Oh, meu Brasil, como eu te amo, com Fredson.

merican graffiti: loucuras de verão, passado em uma cidade do interior dos EUA em 1962, é lançado em 1º de agosto nos EUA e se torna um sucesso de público imediato. A obra, escrita e dirigida por George Lucas, desperta o interesse do público jovem pelos anos 50 e 60, e ainda continua influenciando muitos filmes e minisséries que abordam aquela época. É considerada a película mais lucrativa do cinema: rodado em 29 dias ao custo de 775 mil dólares, rendeu 55,1 milhões de dólares.

H A jornalista Ana Maria Bahiana lembra que naqueles anos pouco A Família Dó-Ré-Mi, seriado que passava na TV Globo do início dos anos 70 importava se um show musical era de pequeno, médio ou grande porte, nacional ou internacional: a polícia sempre costumava aparecer. H Para quem pode pagar, os carros passam a ter a H Nos EUA, ocorre o primeiro campeonato oficial de opção do toca-fitas, estereofônico ainda por cima, asas-delta. Também em 1973 é criada a primeira fábrica acoplado ao rádio. de asas-delta, a Willis Wing.

E a Brasil Rotário trazia em dezembro daquele ano...

F

ernando Antonio Xavier Brandão, do Rotary Club de Ipatinga, MG, estava preocupado com a formação do jovem operário. “Nos últimos dez anos a economia brasileira experimentou o grande surto de industrialização, a partir do qual se ampliou o mercado de trabalho profissional com a abertura de novas frentes tecnológicas e a multiplicação da mão-de-obra especializada em

todos os níveis”. Para ele, os rotarianos empregadores deveriam ter o compromisso de treiná-los: “Que oportunidade está ao alcance do empregador com esses jovens cheios de esperança – uma oportunidade que poderá ser aproveitada energicamente, mas que muitas vezes é ignorada.” l Em Regras para o bem viver, uma colaboração do Rotary Club do Rio de Ja-

neiro-Botafogo, algumas dicas curiosas: “Domine a língua. Diga sempre menos do que pensa. Cultive uma voz baixa e suave. O modo de falar impressiona mais do que o que se fala.” Outra: “Seja alegre. Conserve para cima os cantos da boca. Esconda suas dores, desapontamentos e inquietações sob um sorriso. Ria das histórias boas e aprenda a contá-las.” BR

DEZEMBRO de 2013|

71


ReLAX Rodrigo

A fera O sujeito entra numa loja onde há um cartaz: CUIDADO COM O CACHORRO! – Mas espera aí! – ele exclama. – É este cachorrinho minúsculo? – Este mesmo – responde o caixa. – Mas ele não parece perigoso... Por que o aviso? – Porque antes todo mundo pisava nele! Colaboração enviada por Redirval Begotti, associado ao Rotary Club de Jacareí, SP (distrito 4600). O bobo da corte Num reino muito antigo, havia um jovem que exercia a função de bobo da corte. Certo dia, ele cometeu uma gafe que ofendeu profundamente o rei, e por isso foi condenado à morte. Antes da execução, o monarca chamou-o à sua presença e disse: – Em virtude das boas anedotas que você me contou durante anos, vou permitir que escolha como prefere morrer. – Ó, meu bom rei... – suspirou o bobo da corte. – Se é assim, gostaria de morrer de velhice. Colaboração enviada por Hertz Uderman, governador 1995-96 do distrito 4570 e associado ao Rotary Club do Rio de Janeiro-Méier, RJ.

“Entre aspas” “Não sou um santo. A menos que vejam um santo como um pecador que continua a tentar.” – Nelson Mandela, ganhador do Prêmio Nobel da Paz e ex-presidente sulafricano (1918-) “Somos limitados por tudo o que não sentimos.” – Natalie Barney, escritora norte-americana (1876-1972). “Os hábitos são a vitória do tempo sobre a vontade.” –Michel de Montaigne, filósofo e escritor francês (1533-1592).

72

| DEZEMBRO de 2013


www.brasilrotario.com.br A sua Brasil Rotário na internet

Nas redes – A campanha da Brasil Rotário de divulgação do Dia Mundial de Combate à Pólio foi compartilhada por mais de 370 pessoas no Facebook. Com o trabalho da revista nas redes sociais tentamos mostrar ao público em geral a força do Rotary no Brasil. Siga a Brasil Rotário e faça parte dessa corrente!

Novidades A sua revista não acaba aqui. Ela continua com nosso conteúdo online. Confira a galeria de imagens que preparamos do Concurso Cultural Rotary em Foco e um bate-papo sobre fotografia com os vencedores. http://bit.ly/galeria_concurso

l

/brasilrotario

/revistabrasilrotario

/brasilrotario

A seção Clubes em ação é o espaço que noticia os projetos da Família Rotária brasileira no site da Brasil Rotário. Já organizamos um banco com mais de 380 projetos. Registre uma ação de seu clube ou Casa da Amizade e envie para o e-mail redacao@brasilrotario.com.br. O seu trabalho ganhará espaço em nosso site e nas redes sociais. l

ACESSE O SITE DA BRASIL ROTÁRIO EM SEU SMARTPHONE OU TABLET Baixe um leitor de QR code em seu aparelho, fotografe o código e tenha acesso instantâneo ao nosso website

brasil

ROTARIO

Servindo por meio da comunicação



Brasil Rotário - Dezembro de 2013