Page 1

Taubaté (SP) - HR realiza 1ª captação de coração para transplante

Junção de esforços das equipes do HR, Unicamp e PM

A rotina do Hospital Regional do Vale do Paraíba foi modificada nesta quarta-feira, 08, com a realizaç~o da primeira captaç~o de coraç~o para transplante. O ato só foi possível com a junç~o de esforços das equipes do HR e Unicamp, com respaldo do helicóptero Águia, da Polícia Militar. A doadora foi uma mulher de 40 anos, que teve diagnóstico comprovado de Morte Encef|lica (ME). No ato da notificaç~o, a OPO/Campinas – Organizaç~o de Procura de Órg~os – foi acionada para a localizaç~o de potencial receptor, localizando um paciente ainda na regi~o de Campinas. A partir daí, deu-se início a uma corrida pela vida, com a manutenç~o dos órg~os da paciente até a chegada da equipe médica, o que aconteceu na tarde desta quarta-feira, ou seja, 24h depois da constataç~o da ME. O procedimento durou cerca de 4 horas, com a captaç~o de fígado, rins, córnea e coraç~o. Com o ato, pelo menos 6 pacientes poder~o ser beneficiados com a doaç~o. “É um momento muito

difícil para a família que est| doando devido ao falecimento de um ente querido. Por outro lado, é um momento único, a partir daí conseguirem tirar forças para a autorizaç~o cientes de que outras vidas poder~o ser salvas”, comenta o Diretor Técnico e Coord. Intra-Hospitalar de Doaç~o de Órg~os do HR. A constataç~o de morte encef|lica é um processo que leva cerca de 24h, até para que n~o haja falhas em nenhum dos procedimentos realizados. O paciente (potencial doador) passa por uma bateria de exames para diagnosticar a morte encef|lica. É importante ressaltar que a família do paciente é informada sobre todos os passos dados pelas equipes médica e de enfermagem. A captaç~o de órg~os é um procedimento cirúrgico e o Hospital Regional conta com uma estrutura própria para abrigar estes e outros procedimentos de alta complexidade. Ao todo s~o 12 salas com equipamentos modernos para trazer resolutividade { populaç~o. Milena Rodrigues


P|gina 2 Rondonópolis (MT) - Hospital Regional recebe Moção de Congratulação pelos serviços oferecidos no Dia Mundial da Saúde

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso manifestou uma Moç~o de Congratulaç~o ao Hospital Regional de Rondonópolis em decorrência dos relevantes serviços prestados { populaç~o no Dia Mundial da Saúde, lembrado em 7 de abril. De autoria do deputado Emanuel Pinheiro, o reconhecimento público foi realizado em nome da coordenadora da Pastoral da Saúde, Carleni Sousa, uma das respons|veis pela organizaç~o. O evento reuniu diversos volunt|rios e colaboradores do HRR que disponibilizaram testes de glicemia capilar, aferiç~o de press~o arterial, informações sobre

saúde e alimentaç~o feitas pela enfermagem e por nutricionistas que frisaram a import}ncia do controle do peso, combate ao tabagismo e obesidade. Mais de 90 pessoas receberam algum tipo de atendimento gratuito no Dia Mundial da Saúde, realizado nas dependências do Hospital. Este foi o segundo evento consecutivo promovido pelo Regional em menç~o a esta data. “Toda a equipe de Pastoral da Saúde e os envolvidos no evento est~o orgulhosos e emocionados com esse reconhecimento. Mostra como é importante prestar serviços ao nosso próximo pensando

no bem estar e na sua saúde. A valorizaç~o do trabalho volunt|rio é sempre bem vinda”, afirma Carleni Sousa.

Mais de 90 pessoas receberam atendimento em projeto

Itu (SP) - São Camilo de Itu ministra palestra sobre Educação Financeira para colaboradores em comemoração ao Dia do Trabalho Em comemoraç~o ao Dia do Trabalhador, lembrado em 1º de o tema “Educaç~o Financeira” ministrada pela MBA em Negómaio, o Hospital S~o Camilo de Itu promoveu uma palestra com cios Banc|rios, M|rcia Regina Prina, e também administradora de empresas com experiência profissional de mais de doze anos com Treinamento e Desenvolvimento de Bancos. Assuntos como o que fazer com o orçamento, ações e iniciativas para economizar, dicas sobre controle dos gastos e outros foram abordados pela palestrante. “A educaç~o financeira consiste em apresentar clarezas ao cidad~o sobre a sua renda, controle de despesas, eliminaç~o de gastos excessivos em relaç~o ao sal|rio e a definiç~o de prioridades de consumo. É um trabalho de educaç~o do início ao fim”, afirma a especialista. Opções de investimentos de renda a curto, médio e longo prazo também foram apresentados na palestra. “O Dia do Trabalhador é também um dia de aprendizado e no S~o Camilo de Itu foi assim para todos aqueles que tiveram interesse sobre a educaç~o financeira, ou seja, a distribuiç~o de gastos de forma consciMuitas novidades foram apresentadas na palestra ente sobre tudo aquilo que recebemos a partir de nosso trabasobre o bom uso do dinheiro lho di|rio”, finaliza o diretor administrativo, Klebson Carvalho.

Mariana (MG) - Monsenhor Horta e Hemominas captam 142 bolsas de sangue em Campanha No último s|bado, 04, aconteceu mais uma Campanha de Captaç~o de Doadores de Sangue promovida pelo Hospital Monsenhor Horta e Hemominas. Durante todo o dia, das 07h {s 17h, na Policlínica Municipal de Mariana uma equipe respons|vel pela coleta recebeu um total de 160 doadores para serem triados e em seguida encaminhados para doaç~o. No total foram captadas 142 bolsas de sangue, número considerado positivo

pela equipe organizadora da Campanha, que ir| abastecer o Hemocentro, respons|vel por destinar bolsas de sangue a diversos Hospitais. “Nosso objetivo é sempre o de buscar a parceria com a comunidade e com entidades em prol da sociedade e a doaç~o de sangue é uma aç~o volunt|ria em que as pessoas, cada dia mais, tem se sensibilizado em participar e doar a quem precisa”, afirma a enfermeira Stela Bernardes.

160 pessoas se candidataram à doação


P|gina 3

Cel. Fabriciano (MG) - Hospital São Camilo recebe comitiva de oito vereadores fabricianenses Uma comitiva formada por oito parlamentares da C}mara Municipal de Coronel Fabriciano esteve em visita técnica ao Hospital S~o Camilo para acompanhar o andamento das obras que contemplam a terceira parte, sendo a ampliaç~o nos leitos de internaç~o do Hospital S~o Camilo, que resultar| em novos 72 leitos. O Presidente do Legislativo, Marcos da Luz, afirma que a visita se trata de uma sequência ao trabalho de fiscalizaç~o e monitoramento das obras. “Queremos que cada vez mais o HSC possa garantir uma saúde melhor para os cidad~os fabricianenses. Continuaremos acompanhando esse processo. A expectativa é de que as obras evoluam no segundo semestre para, possivelmente, participarmos da inauguraç~o no início do próximo ano”, ressaltou.

Mensalmente mais de 3.000 atendimentos s~o realizados no S~o Camilo. Desde sua reabertura, ano passado, foram implantados v|rios projetos, como a Pastoral da Saúde, Programa Diversidade, Comissões Internas, Treinamentos e Protocolo de Manchester. “Vejo como positivo esse acompanhamento de todas as ativi-

Acompanhamento de perto das obras

dades do HSC por parte dos vereadores. Por meio do seu trabalho, a S~o Camilo tem a oportunidade de mostrar novamente sua credibilidade, sem nos esquecermos das parcerias firmadas com a AMVA e a Secretaria de Estado de Saúde, através da Gerência Regional de Saúde”, destacou a diretora do HSC, Érica Dias. O vereador Zé Carlos, que preside a Comiss~o de Saúde da C}mara considerou a visita proveitosa. “Pudemos verificar que h|, de fato, um avanço nas melhorias do HSC. Saio desse encontro bastante esperançoso. O Legislativo fabricianense cumpre, mais uma vez, o seu papel de órg~o fiscalizador. Parabenizo a direç~o do HSC pelas instalações e reafirmo o nosso compromisso de continuar fiscalizando o andamento das obras”, frisou.

Nova Venécia (ES) - Hospital São Marcos realiza Dia da Hipertensão e atende comunidade com serviços No último dia 26, Dia Nacional de Comba- de uma equipe de acadêmicos de enferte { Hipertens~o Arterial, o Hospital S~o magem da Faculdade UNIVEN. Na oportuMarcos promoveu uma Campanha aberta nidade, as pessoas que apresentavam { comunidade com o tem “Eu sou 12 por 8”. O objetivo é sensibilizar a população sobre a import}ncia de monitorar a press~o e realizar atitudes preventivas e n~o se enquadrar na estatística da doença crônica, que hoje acomete mais de 30 milhões de brasileiros. Foram oferecidos serviços de aferiç~o de press~o arterial numa tenda montada nas Dezenas de pessoas contempladas dependências do Hospital, com o apoio

alteraç~o na press~o recebiam as devidas orientações. A nutricionista do Hospital, Roberta Colombi, gerenciou os serviços, junto da gerente de enfermagem, Íngridi Gineli Tonetto. “É muito importante que as pessoas de grupo de risco da hipertens~o tenham conhecimento sobre a doença crônica. Cuidados essenciais como evitar uso de bebida alcoólica, n~o fumar, evitar sal e praticar exercícios físicos s~o fundamentais”, afirma a gerente de enfermagem Ingridi.

Caxambu (MG) - Hospital São Camilo treina equipe sobre Higienização e Manutenção de Equipamentos Integrantes da Comiss~o de Controle e Infecç~o Hospitalar, CCIH, do Hospital S~o Camilo de Caxambu promoveram um treinamento destinado a colaboradores de todos os setores da enfermagem sobre as principais formas de prevenç~o da infecç~o hospitalar, segundo higienizaç~o e manutenç~o de equipamentos. A transmiss~o de bactérias e de infecções ocorre n~o somente de pessoa a pessoa no contato direto, mas por meio de equipamentos, instrumentos e objetos, por isso, a import}ncia de se higienizar corre-

tamente todo o ambiente de internaç~o e maquin|rio, segundo normas da Vigil}ncia Sanit|ria. “As taxas de infecç~o devem sempre estar abaixo do recomendado pelo Ministério da Saúde e, para mantermos essa estatística, é preciso capacitaç~o constante da equipe de pessoal. Foi muito produtivo o treinamento”, afirma uma das palestrantes a enfermeira Cristina Maciel. Além da enfermeira, proferiram a palestra as integrantes da CCIH, Magali Dias e Greyce de Barros.

Dinâmicas e capacitação


P|gina 4

Timóteo (MG) - Plano de Qualidade de Vida do HMVB aponta maioria dos colaboradores como praticantes de atividades físicas Em um levantamento do perfil epidemiológico dos colaboradores do Hospital e Maternidade Vital Brazil, realizado pelo Departamento de Medicina e Segurança do Trabalho, em parceria com o Recursos Humanos, foi constatado em 2013 que 47% dos colaboradores são praticantes de atividade física. Os dados fazem parte do Plano de Qualidade de Vida, implantado com o objetivo de incentivar os funcion|rios a melhorarem os h|bitos di|rios com ações saud|veis. Dentro das avaliações do Plano, também foram levantados os percentuais de cola-

boradores com alguma doença crônica e, tísticas s~o apresentadas a todos e analisegundo a pesquisa, apenas 2% dos cola- sadas as principais ações para mudança boradores s~o diabéticos, 8% Hipertensos de h|bitos”, afirma. e 39% sedent|rios. Segundo a assistente de Recursos Humanos, Juliana Silva, a partir dos resultados s~o realizadas an|lises junto dos colaboradores para melhoria dos índices. “O objetivo desse programa é estimular o desenvolvimento do colaborador nas questões relacionadas { promoç~o da saúde e { prevenç~o de doenças, por meio do incremento do atendimento 47% são praticantes de atividades físicas prestado no Plano de Qualidade. As esta-

Salto (SP) - Hospital São Camilo sinaliza superlotação no Pronto Atendimento A diretoria do Hospital S~o Camilo de Salto registrou um aumento significativo na demanda do Pronto Socorro no último mês. As estatísticas preocupam a gest~o do Hospital, j| que o setor tem operado acima de sua capacidade em mais de 20%. Em janeiro foram 11.894 atendimentos, em fevereiro, 11.004, porém, é o menor mês do ano e com apenas 18 dias úteis, considerados mais movimentados. Em março, o número foi para 11.935 atendimentos e em abril um pulo para 13.412. Segundo levantamentos, mais de 85% desses pacientes atendidos n~o se enquadram em casos urgentes, apenas 13% dos atendimentos tem sido a pacientes graves, ou seja, que corre algum risco, perfil que cabe ao atendimento hospitalar. Marcos Paiva, diretor administrativo, j| notificou o município quanto ao quadro para alertar sobre a realidade de superlotaç~o vivenciada no Hospital em busca de soluções. “A grande quantidade de pessoas na espera pelo atendimento sobrecarrega toda a

Em abril foram mais de 13 mil atendimentos

equipe e infraestrutura do Hospital, preparado para atender até 11.500 pessoas por mês no P.S., segundo pactuação. O desgaste tem acarretado em reclamações de pacientes e pedidos de saída de alguns médicos que n~o suportam a elevada quantidade de atendimentos di|rios”, afirma. Ainda de acordo com o diretor, a consciência sobre gravidade ainda é o principal desafio do Hospital e da maioria dos prontos socorros do país. O atendimento é realizado com base no Protocolo de Manchester, que define a prioridade de atendimento por grau de risco e cor. A cor vermelha é para atendimento imediato (emergência), laranja muito urgente com atendimento previsto para até 15 minutos, amarelo urgente e tempo m|ximo de 60 minutos, verde pouco urgente e tempo para atendimento de até 120 minutos e azul n~o urgente com atendimento em até 240 minutos. “Caso que n~o requer atendimento emergencial deve buscar o Posto de Saúde para o Hospital n~o sobrecarregar. As urgências e emergências se caracterizam por traumas, choques, perfurações por arma branca, arma de fogo, desmaios, hemorragias, falta de ar e outros. Os casos mais simples como febre, dores e mal estar devem ser investigados e solucionados na rede b|sica, pois havendo a necessidade de internaç~o ser| feito o devido encaminhamento”, finaliza a gerente assistencial, Cintia Rocha.


P|gina 5

Formosa (GO) - Hospital São Camilo inaugura serviços de Ressonância Magnética Junto do novo serviço de Tomografia, Ressonância garante resolutividade completa no HSC O Hospital S~o Camilo de Formosa inaugura um serviço inédito na cidade com a nova Resson}ncia Magnética, j| disponível para usu|rios que necessitarem. A Infinita Diagnóstico por Imagem, clínica instalada no S~o Camilo e atende aos pacientes, anunciou o início dos serviços ontem, 09. Exames como Resson}ncia do cr}nio, joelho, coluna lombar, cervical e dorsal, Resson}ncia do pé, de Quadril, m~os, punho, pescoço, ouvidos, seio da face, ombros, cotovelo, coxa e pernas podem ser investigadas pelo equipamento, que dispõe de 1 tesla e 4 canais da mar a Siemens. Os exames funcionam de segunda { sexta

das 8h {s 11h e das 14h {s 17h30 e aos s|bados das 8h {s 11h, em que s~o realizados de 30 em 30 minutos. “A Infinita Diagnóstico por Imagem e o Hospital S~o Camilo agora contam com atendimento completo no que diz respeito ao Serviço Auxiliar de Diagnóstico e Tratamento por Imagem, j| que antes eram realizados apenas os exames de tomografia, com equipamento novo adquirido no mês passado”, afirma a diretora administrativa, V}nia Fernandes. Colaboradores passaram por períodos intensos de treinamento e o Hospital se adequou { todas as exigências para completa instalaç~o do equipamento que con-

Diagnósticos mais seguros e ágeis

ta com a transmiss~o de dados 100% digital. Os diagnósticos s~o mais seguros e a agilidade e qualidade dos exames s~o superiores que a convencional.

Itabirito (MG) - HSVP reforça práticas de Hemoterapia

Segurança dos procedimentos com base em protocolos

Essa semana a equipe de enfermagem do Hospital S~o Vicente de Paulo passou por uma capacitaç~o para reforçar as pr|ticas referentes { Hemoterapia, caracterizada pelo emprego terapêutico do sangue que pode ser transfundido com seus componentes (hemocomponentes). Questões relacionadas à segurança dos procedimentos foram lembradas junto dos protocolos internos. De acordo com a coordenadora de enfermagem, N|dia Fiorilo, a discuss~o é importante para garantir mais qualidade e segurança no processo de transfus~o dos hemocomponentes, j| que a hemoterapia passa por contínuas transformações na qualidade e no número de atendimentos em nosso país. “As pr|ticas de hemoterapia s~o modernas e multiprofissionais no ambiente hospitalar. Elas exigem elevado nível de conhecimento, treinamento e experiência de quem executa os procedimentos e de todos os que est~o envolvidos nesse processo”, afirma N|dia.

Sao Camilo Saude - 173  

Sao Camilo Saude - 173

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you