Issuu on Google+

INFORMATIVO Informativo da Regional da CUT no Vale do Aço - Janeiro 2013 - EDIÇÃO ESPECIAL

Muito Obrigado!!!

A

gradecemos os trabalhadores metalúrgicos da Usiminas, Usiminas Mecânica, Sankyu, Convaço, Ebec, Harsco, Cipalan, Usimec - vagões, Lumar e demais trabalhadores em outras empresas que são associados ao SINDIPA, inclusive os aposentados, que acreditaram nas propostas da CHAPA 2. Temos plena consciência que a VITÓRIA foi dos trabalhadores.

A CUT Vale do Aço há muitos anos organiza a luta da maioria da classe trabalhadora na região, e fará parte da nova direção do SINDIPA. Sabemos das dificuldades que iremos enfrentar, afinal, pelegos e patrões tinham a intenção em perpetuar à frente da direção do SINDIPA. Agora sim, sem sombra de dúvidas o Sindicato vai estar nas mãos dos trabalhadores.


Sindicato é do peão, sem pelego e sem patrão!

U

m dos princípios da CUT é que a organização dos trabalhado-

res seja feita, exclusivamente pelos próprios trabalhadores e seus representantes eleitos

democraticamente em um processo eleitoral limpo e honesto, onde o trabalhador tenha a liberdade em expressar a sua vontade na urna, como foi o processo recente das eleições ocorridas no Sindipa, acompanhado pelo Ministério Público do Trabalho. Essa organização passa, principalmente pela sustentação financeira da entidade, que deve ser feita, exclusivamente, pelos traba-

lhadores. Defendemos o respeito entre as instituições, acreditando que sempre existirá o conflito Capital/Trabalho. O que não pode existir é a exploração do Capital sobre a mão-de-obra dos trabalhadores. Trabalhador não é mera peça de reposição, onde o patrão faz a substituição a seu bel prazer. Vamos exigir respeito e valorização para quem produz.

Para confundir os trabalhadores, os pelegos atacaram os Sindicatos Cutistas. Conheça a verdade:

RETORNO DE FÉRIAS O retorno de férias dos metalúrgicos de Timóteo é de 95%, da remuneração de férias (inclui no retorno: os adicionais, as horas extras realizadas, etc) para os trabalhadores admitidos até 1998, para os demais trabalhadores o retorno é de 50% da remuneração de férias.

PERICULOSIDADE Os trabalhadores expostos à atividade periculosa recebem um percentual de 30% sobre sua remuneração, independente do tempo de exposição ao risco. INSALUBRIDADE Está em andamento um novo levantamento na área da

E TEM MAIS...

MALVERSAÇÃO/ROUBO Nenhum diretor do Metasita já foi impedido de participar de uma eleição por ter dilapidado o patrimônio do trabalhador, como foi o caso de 11 diretores do Sindipa.

Aperam, e o Metasita/CUT participa com 4 representantes na Comissão. PROCESSO DE INTERVALO DE REFEIÇÃO Os metalúrgicos da Aperam, receberam em média R$ 30.000,00. Enquanto na Usiminas, o maior valor pago foi R$ 2.800,00

TRANSPARÊNCIA O Acordo Coletivo do Metasita é de domínio público, está no site: www.metasita.org.br; enquanto o do Sindipa fica, e deve ficar somente até julho, guardado a sete chaves.

JORNADA FIXA Não acabamos com a jornada fixa na Aperam. Porém, nunca a reconhecemos no nosso Acordo Coletivo de Trabalho. Isto nos permitiu reivindicar na justiça o fim da jornada fixa, e o pagamento de 2 horas extras por dia trabalhado. Expediente: Rua Diamantina, 259 - Sala 502 - Centro Ipatinga/MG - Cep: 35.160-019 - Fone: 3821-5367 Endereço Eletrônico: cutvaledoaco@hotmail.com Responsável: Diretoria Titagem: 10.000 Jornalista: Kléber Sousa - MTb 14.717/MG

Não jogue este informativo em via pública

Acordo assinado pelo METASITA/CUT é melhor que o assinado pelos pelegos do Sindipa


CUT - Janeiro 2013