Page 1

INFORMATIVO SEMANAL 25/08/17 | Ed. 34 | Ano II

Profissionais em Congresso da Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea Profissionais do IBCC estiveram no XXI Congresso da Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea, evento que reuniu mais de mil congressistas no Rio de Janeiro (RJ), na última semana, e que abordou temas como Transplante Haploidêntico de Células-Tronco, Manejos de novas Drogas em LH, Mobilização de Células Tronco, Cuidados com Acessos Vasculares, entre outros. O IBCC foi representado por diversos profissionais da equipe multiprofissional, o coordenador assistencial do setor de farmácia, Paulo Roberto Villas (palestrante), as farmacêuticas Bruna de Abreu Dias, Camila Masine Pacicco, Samantha Oliveira da Silva, Andressa Maciel Camilo, Jaqueline Soares, farmacêutico Marcio Rogério Lopes, além de Suzana Azevedo Mosquin, coordenadora de enfermagem TCTH (palestrante), as enfermeiras Elizete Lourenço Sampaio, Maria Aparecida Ferreira dos Santos, Lucia de Fátima Delforno e Renata Thoth Pacheco. Foram expostos seis trabalhos pela equipe multiprofissional do IBCC e apresentadas duas aulas com temas relacionados ao TCTH.

Profissionais do setor de Farmácia: Camila Masini, Samanta Oliveira, Jaqueline Soares, Paulo Roberto, Bruna de Abreu e Andressa Maciel

A Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia (SOBRAFO), já há algum tempo, foca separadamente no desenvolvimento técnico científico do farmacêutico que atua em serviços de transplante de células-tronco hematopoiéticas (TCTH), sempre com palestras com temas relacionados às práticas deste profissional.

Profissionais TCTH: Renata Pacheco, Maria Aparecida Ferreira, Márcio Rogério, Suzana Azevedo, Lúcia Delforno e Elizete Sampaio

Coordenadora administrativa destaca importância dos indicadores na gestão A coordenadora administrativa de Hotelaria, Renata Conceição, foi entrevistada pela Revista Infra Outsorcing & Workplace – edição publicada este mês – e destacou a importância dos KPIs e SLAs na gestão hospitalar. Os Indicadores-Chave de Desempenho (KPIs – do inglês Key Performance Indicator) são métricas essenciais para o negócio e seus objetivos, que medem a performance de cada uma das metas traçadas. Os Acordos de Nível de Serviço (SLAs, do inglês Service Level

Agreement), assim como os KPIs, também podem servir de base para medir e avaliar a performance, além de serem guias para tomadas de decisões. Renata Conceição explica que os indicadores existem para que o hospital melhore sempre o seu desempenho e não apenas para medir alguma coisa. “Não é importante termos 70 indicadores, mas estarmos atentos e acompanharmos de perto os que mostram o que é relevante para nossa realidade”, disse.

Renata Conceição

Superintendente: Justino Scatolin | Dir Geral: Domingos Sávio Alves de Faria | Dir Técnico: Dr. João Carlos Sampaio Góes | Dir Administrativa: Joyce Romanelli | Dir Clínica: Dra. Karina Infante | Dir de Negócios e Gestor Médico Estratégico: Dr. Paulo Angelis | Dir de Serv. de Apoio: Stela Bridi | Dir de Serv. Administrativos: Carla Petreca Jornalistas: Lilian Cacau e Roberto Bertozi | Agência: Web Comunicação (lilian.comunicacao@ibcc.org.br) 11 3474 9282 | www.ibcc.org.br

IBCC - 25/08/2017  
Advertisement