Page 1

Obras estão em acordo com a VISA

Aimorés (MG) - Obras para reforma e ampliação do Pronto Atendimento do HSJSC entram em fase final Por

meio de um convênio com o governo federal, o Hospital São José e São Camilo iniciou em meados de 2013 uma obra para reforma e ampliação do Pronto Atendimento, que a partir deste ano entra na fase final. Os recursos foram liberados por meio da Caixa Econômica, com aprovação da Gerência de Desenvolvimento Urbano e Rural, Gidur, de Governador Valadares. A obra é de muita expectativa e de grande importância para a comunidade aimoreense, pois irá atender as normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, ANVISA, e tor-

nará o Hospital mais confortável e seguro com uma estrutura moderna, ampla e com novas mobílias. A construtora que executa os serviços no Hospital cumpre o cronograma de trabalho. O São José e São Camilo realizou em 2013 mais de 20 mil atendimentos de urgência e emergência, foram quase 3 mil internações no ano, 320 partos e mais de 790 cirurgias. As melhorias no Pronto Atendimento serão colhidas ainda este ano. “Oferecemos mais de 80% de nossos serviços ao Sistema Único de Saúde, SUS, e essas obras serão

destinadas ao conforto e bem estar de nossos pacientes. Será uma vitória também da população a conclusão desta reforma e ampliação”, afirma Jonatas Batista, diretor administrativo do HSJSC.

Sexta-feira 21-03-14 Ano 06 | Nº 215


Página 2

São Camilo de Salto treina enfermagem sobre Reanimação Cardiorrespiratória em Neonatologia e Pediatria A enfermeira especialista em Neonatologia, Marinei Silva, e as pediatras intensivistas do São Camilo de Salto, Dra. Rosa Petruz e Dra. Rita de Cássia Santoro, ministraram um treinamento para a enfermagem sobre Reanimação Cardiorrespiratória em Neonatologia e Pediatria. Baseado nas recomendações da Sociedade Brasileira de Neonatologia e Pediatria, o treinamento realizado em dois turnos reuniu teoria e muita prática para otimizar a tomada de decisão em casos críticos. O atendimento entre

adultos e crianças requer atenções específicas, em que cada faixa etária demanda cuidados diferentes quando há necessidade de reanimação, caracterizada como uma condição súbita e inesperada de deficiência absoluta de oxigenação. No treinamento, as palestrantes reforçaram as formas de se reconhecer um quadro de insuficiência e falência respiratórias e sinais de choque para determinar as condutas de reanimação, a fim de evitar a Parada Cardiorrespiratória. “Quando propomos treinamentos que podemos

vivenciar a prática em equipe, garantimos um resultado mais positivo e conseguimos capacitar melhor enfermeiros, técnicos e auxiliares em caso de recebermos pacientes nestas condições”, afirma a enfermeira do São Camilo de Salto, Marinei Silva. O objetivo da reanimação é manter o sangue e o oxigênio em circulação pelo corpo para realizar a troca de oxigênio e gás carbônico no cérebro e demais órgãos para que o paciente mantenha o melhor nível neurológico possível e evitar sequelas

e lesões cerebrais. Além das massagens de ressuscitação, no treinamento foram lembradas as frequências das manobras a serem realizadas, avaliações, equipamentos e aparelhos a serem utilizados, além do ambiente nas devidas condições de receber o paciente.

Técnicas demonstrativas

Hospitais Camilianos de Itu e Resplendor promovem 2º Mutirão da Catarata no ano Resplendor (MG) - Em parceria com a Prefeitura de Resplendor, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, o Hospital Nossa Senhora do Carmo promoveu o 2º Mutirão da Catarata a fim de reduzir a fila de espera de pacientes da cidade e região que aguardam pela cirurgia que devolve a qualidade da visão através da remoção do cristalino. As cirurgias chamadas de facoemulsificação, contemplaram 53 pessoas devidamente agendadas pelas prefeituras locais que pertencem à Regional de Saúde. O médico, Dr. Rimack Antônio Rosa, foi o responsável pelos procedimentos realizados no HNSC.

“Até o fim do ano, o Hospital espera realizar mais Mutirões e contemplar os pacientes que necessitam das cirurgias para terem mais qualidade de vida. Os mutirões são formas de participação social gratuita do Hospital, que tem por missão cuidar e atender as pessoas em vulnerabilidade social”, afirma Agnaldo Polito, diretor administrativo.

Até o fim do ano diversos mutirões serão realizados

Itu (SP) - Como parte da política social camiliana de atendimento às pessoas em vulnerabilidade social que aguardam tratamento e a realização de cirurgias de catarata pelo Sistema Único de Saúde, SUS, o Hospital São Camilo de Itu promoveu mais um Mutirão em parceria com a Superintendência Regional de Saúde, no último domingo,09. Das 147 consultas agendadas via Central de Regulação, foram contempladas 96 pessoas, sendo 81 com cirurgias indicadas e outras 15 sem indicação. Este é o segundo Mutirão do ano que atende pacientes de Itu e cidades vizinhas.

“Até o fim do ano esperamos contemplar mais pacientes que aguardam pelo procedimento. O Mutirão é uma iniciativa social que favorece muitas pessoas que apresentam patologias relacionadas à visão e minimiza os riscos das complicações mais severas da catarata”, afirma o diretor administrativo do São Camilo de Itu, Gilson Silveira.

Foram 81 indicações cirúrgicas


Página 3

São Camilo de Fabriciano elege 2ª Gestão da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes O Hospital São Camilo realizou a 2ª eleição da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, CIPA, com um treinamento e posse marcados pela participação intensa de colaboradores envolvidos no planejamento da prevenção de acidentes internos. Por votação direta entre funcionários, foram eleitos os representantes dos empregados e do empregador. A CIPA tem um total de 14 membros com a missão de identificar riscos no processo de trabalho em cada setor com mapeamento e promover ações de sensibilização para que todos atuem de forma a manter o ambiente livre de riscos o máximo possível. No treinamento

com a participação e assessoria do SESMT, foi elaborado o plano de trabalho para ações preventivas e soluções de problemas relacionados à segurança e saúde. Segundo a Técnica em Segurança do Trabalho, Elenice Silva dos Santos, a participação da CIPA no Hospital é de grande importância pela continuidade do serviço de prevenção. “Os treinamentos e a participação dos colaboradores nos sugere sempre melhorias nas condições de trabalho que podemos aplicar em cada setor que necessita de atenção e cuidados diariamente”, afirma. A Comissão e seus parceiros implementam continuamente o controle

HSM, em Nova Venécia, promove Treinamento sobre Etiqueta Empresarial Com a proposta de motivar colaboradores sobre a importância da aparência, formas de comunicação, postura, atitudes e comportamentos adequados ao ambiente de trabalho, foi promovido um treinamento sobre “Etiqueta Empresarial e Boas Maneiras” destinado a profissionais de diferentes setores do HSM. Atitudes e comportamentos pertinentes ao local de trabalho, a importân-

Dinâmicas durante o treinamento

cia do cumprimento, apresentação, linguagem utilizada e contatos também foi reforçada no treinamento ministrado pela palestrante Angelina Rodrigues. “Trabalhar a linguagem apropriada, estabelecer parâmetros para uso de telefones, regras básicas sobre apresentação pessoal, uso de acessórios e cuidados com a aparência são itens fundamentais para uma boa imagem que muitas vezes interfere na confiança e credibilidade da pessoa e da empresa”, afirma a representante da Equipe de Educação Continuada, Andreia Rocha Ferreira.

de situações que venham a trazer riscos para a segurança e saúde dos trabalhadores. O São Camilo de Fabriciano realiza periodicamente as condições de trabalho visando a identificação.

CIPA com total de 14 membros

HLMB, em Campos, treina equipe sobre Equipamentos de Proteção Individual Durante dois dias, colaboradores do Hospital Leonor Mendes de Barros receberam uma capacitação sobre Equipamentos de Proteção Individual, EPIs, ministrado pelo Técnico de Segurança do Trabalho, Everton Ricardo Rodrigues. Com a participação total de mais de 30 colaboradores, o treinamento aconteceu durante dois dias. Além de sensibilizar para a importância do uso dos

Exposição de EPI’s

EPIs em cada setor de trabalho, o treinamento esclareceu dúvidas e apresentou os riscos do uso inadequado ou da ausência de proteção. A eficácia na proteção da integridade física e saúde do colaborador é o principal objetivo do treinamento, segundo Everton. “A CIPA mapeia os riscos existentes em cada setor, segundo suas funções, tipo de trabalho demandado e aponta a necessidade de utilizar os EPIs. É obrigação do empregador fornecê-los e do empregado de utilizá-los sempre.


Página 4

Mariana (MG) - Referência Regional em Nefrologia, Monsenhor Horta lembra Dia Internacional do Rim Em menção ao Dia Internacional do Rim, lembrado em 08 de março, o Hospital Monsenhor Horta, referência regional em Nefrologia, promoveu uma ação de sensibilização com a comunidade que faz uso dos serviços em saúde e orientou sobre a importância de manter bons hábitos de vida e cuidados especiais com os rins. Responsáveis por controlar a quantidade de água e sal do corpo, os rins eliminam toxinas e medicamentos ingeridos,

ajudam a controlar a hipertensão arterial e produzem hormônios que previnem a anemia e outras doenças, como descalcificação óssea. A insuficiência renal tem como fator de risco a hipertensão, diabetes e histórico familiar da doença. Ela pode vir acompanhada de inchaços nas pernas, cólicas e infecções urinárias. Os sinais, muitas vezes não aparecem por um longo período, o que agrava a manifestação da doença que, quando descoberta já po-

de estar em fase irreversível. O HMH é Hospital referência regional. Mantém um Centro de Diálises que atende mais de 79 pacientes fixos. Além de Mariana, pacientes de outras cidades do entorno. Foram realizadas orientações aos pacientes na triagem e distribuídos panfletos informativos. “Caso a pessoa sinta ou apresente um desses sintomas e esteja no fator de risco, é preciso consultar um médico, já que, 10% da população adulta

Sensibilização e orientação

apresenta algum grau de perda da função dos rins no Brasil, segundo a SBN”, afirma a enfermeira Michele Mello.

São Camilo de Formosa promove palestras de humanização O Hospital São Camilo de Formosa promoveu durante esta semana duas importantes palestras direcionadas a todos os

Palestras no auditório do HSC

setores sobre a importância da humanização como forma de atendimento, acolhimento ao paciente e nas relações de

trabalho. As palestras foram ministradas pela farmacêutica do Hospital, Renata Bernardes e pela Técnica de Enfermagem, Neide Vieira dos Santos, que reforçaram as diversas formas de contribuição para o bem estar do paciente e como pequenos gestos já são considerados uma forma de humanizar, como um abraço, uma palavra acolhedora, o respeito, a cooperação. Na oportunidade, foi realizada dinâmica em grupo em que cada participante se colocou no lugar do colega de trabalho, para demonstrar como a

ação e a reação de cada pessoa é diferente quando o tratamento se baseia na humanização e como o julgamento alheio muitas vezes não considera os sentimentos do outro. “Nós lidamos diariamente com reações adversas, em que sentimentos bons e ao mesmo tempo ruins se afloram com frequência e nossos colaboradores devem saber que pequenas atitudes ajudam a minimizar o sofrimento e o sentimento do paciente e familiares”, afirma Renata Aparecida Bernardes.

São Camilo Saúde - 215  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you