Page 1

INFORMATIVO SEMANAL 02/12/16 | Ed. 25 | Ano I

IBCC promove Campanha de Higienização das Mãos e mobiliza colaboradores Com o intuito de reduzir a incidência de infecções hospitalares, o Núcleo de Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) do IBCC – Instituto Brasileiro de Controle do Câncer promoveu nesta semana a Campanha de Higienização das Mãos. O objetivo principal foi conscientizar os colaboradores da importância de lavar as mãos da forma correta, pois, segundo a enfermeira do SCIH, Micaela Mazutti, esta é a forma individual mais simples e eficaz de prevenir a propagação de bactérias que contribuem para o aumento da incidência de infecções relacionadas a assistência da saúde, pois as mãos são as principais vias de transmissão de bactérias durante a assistência prestada aos pacientes. “As bactérias se alojam na pele, e podem ser transferidas de uma superfície a outra por meio de contato direto, pele com pele, ou indireto, através do contato com objetos contaminados”, explicou durante palestra a enfermeira Micaela. A médica do núcleo SCIH, Bruna Steiner, enfatizou que a higienização das mãos é importante para remoção de microrganismos vindos, por exemplo, de sujidade, suor ou células desca-

mativas, que contribuem na transmissão de infecções relacionadas ao contato. “Manter as mãos limpas é obrigação de todas as pessoas, mas profissionais que trabalham com saúde devem estar mais atentos, pois estão em contato direta ou indiretamente com o paciente”, enfatizou a médica do IBCC. Além de palestras explicativas, o Núcleo de Controle de Infecção Hospitalar utilizou o bom humor e a integração para conscientizar os colaboradores. Ao longo da semana as Unidades do hospital se divertiram com a peça de teatro “Limpas e Famosas”, com a participação de uma dupla de atores que apresentou aos colaboradores como lavar as mãos não dói e pode salvar vidas. Quando é primordial lavar as mãos: Ao iniciar o turno de trabalho. Após ir ao banheiro. Antes e depois das refeições. Antes de preparo de alimentos. Antes de preparo e manipulação de medicamentos. Antes da realização do procedimento asséptico. Após o contato com o paciente. Após o contato com áreas próximas ao pacie

Superintendente: Justino Scatolin | Dir.Geral: Domingos Sávio A. de Faria | Ass. de Diretoria: Joyce Romanelli Dir. Clínico: Dr. Marcelo Callil | Dir. Comercial: Dr. Paulo Angelis | Dir. de Serviços de Apoio: Stela Bridi Dir. de Serv. Assistenciais: Débora Montezello | Dir. de Serviços Administrativos: Carla Petreca Jornalistas: Lilian Cacau e Renata Mello | Agência: Web Comunicação (lilian.comunicacao@ibcc.org.br) | 11 3474 9223 www.ibcc.org.br

IBCC - 02/12/2016  
Advertisement