Issuu on Google+

Sumário Dedicatória 6 Agradecimentos 7 A volta do que não foi

8

A centúria

12

A Copa do Mundo 2002

33

Quartas de final 47 Semifinais 48 Finais 48

A derrota do ódio

50

Nosso Senhor Jesus Cristo

64

A profecia

68

Amor não correspondido

72

Amor e ódio

76

As horas más I

80

As horas más II

84

Dia dos pais

88

Minha primeira encarnação

90

O caçador

98

O manto negro

104

O político

105

A divisão de um

109

O passado O presente O futuro

108 113 117


A volta do que não foi Há muito se tem falado Na volta do divino Messias Quando haverá de ser amado Segundo nos diz as profecias Na vida do homem abnegado Passando por triste momento Ele muito tem esperado Tão importante acontecimento Tenta mil coisas fazer Sempre pensando em melhorar Esperando o que vai acontecer No dia que haverá de chegar Embora muito preocupado Com os últimos acontecimentos Ele se sente aprimorado Para passar por tal momento Na sua busca insana Querendo até Deus chegar Não sabe que de si emana O sentimento sublime de amar 8


Quando houver entendimento Para o negativo desprezar O homem terá discernimento Para o positivo cultivar Nas puras obras de caridade Sentimos sempre Sua presença Em testemunho da verdade Dando força para que se vença Em corações de amor habitando Distribuindo carinho e afeto O Messias vem trabalhando Para tornar amigo o desafeto Quando houver compreensão De que todos são iguais Tratarás de irmão para irmão Hipocrisia não haverá jamais No encontro da pura bondade No ser humano no coração Saberemos então a verdade Haverá em todos abnegação 9


O homem não compreende O que no passado aconteceu Ele ainda não entende Que o Messias não morreu Saindo em busca da perfeição Para ao espírito iluminar Esquece que na compreensão Está a mola para o impulsionar Na verdade de nossas mentes Encontramos nossas emoções Desprezamos os pobres carentes Em troca de nossas depravações Usamos de falsa caridade Pensando em vantagem obter Empregando de falsidade Fazendo o irmão sofrer Quando então nos encontrar Com o coração enternecido Saberemos onde procurar O Messias do amor merecido 10


Através de amor e bondade Acabarão a dor e a amargura Utilizando assim a verdade Trazendo de volta nossa ternura Nós vivemos atualmente Nos momentos derradeiros Quando se fará presente O Messias do amor verdadeiro O homem nunca percebeu Que o Messias não morreu Pois desde o dia em que nasceu Em nossos corações permaneceu.

11


978-85-65242-37-0-Poesias antigas-WEB