Page 32

30 CULTURA RACIONAL – 5º O

O elétrico e magnético trazia todos de canto chorado, as alegrias muito momentâneas, o resto é lutar só, guerrilhar por aí. Para vencer o que? Pois são vencidos pelo sofrimento e pela morte. Certas horas a pessoa se desanimava da vida, por isso, por aquilo, por aquilo outro, por tantas coisas que acontecem na vida da pessoa. Tantas coisas que muitas vezes a pessoa se desanimava a dizer: “Estou desaminado, não agüento mais viver assim, vou dar sumiço". Horas de desespero, de desequilíbrio, de choro, de raiva, sofrendo, de desgosto, de aborrecimento, enfim, um desequilíbrio que faltava pouco enlouquecer, tudo isso, aí no elétrico e magnético. As monstruosidades, as injustiças, enfim, um montão de ruínas feito por esses dois fluidos destruidores do ser humano, causadores de todo o infortúnio do ser humano, o elétrico e magnético. O elétrico é fogo, e todos tinham que ficar pegando fogo assim desse jeito. O magnético é só mal puro, e queimando, ficava o ser humano sem sossego, por mais que procurasse o sossego nunca o encontrava. Não estava sossegado em lugar nenhum, por causa desses dois fluídos, e por isso, não tinha estabilidade. Nunca estava satisfeito, não havia satisfação por causa desses dois fluidos destruidores. Por não conhecer o seu verdadeiro natural e a sua verdadeira origem, estava admitindo que a vida fosse essa mesma, que a natureza fosse assim, que fosse essa assim mesmo, porque desconheciam o seu verdadeiro natural, a sua verdadeira origem. Então, diziam: “A vida é essa mesma”. Porque ninguém nunca se conformou com o sofrimento. Ninguém nunca se conformou com a morte. Na mesma hora que dizia que a vida era essa mesma, não se conformava com ela, de tanto sofrerem, pois o sofrimento sempre provou que a vida não era essa, essa falsa vida, a vida de aparências, a vida de mentiras, de sofrer só, e a pessoa vive com medo, não sabe como vai se

Cultura Racional - 5º volume da Obra  

Cultura Racional - Conhecimento de retorno da humanidade ao seu verdadeiro mundo de origem, o Mundo Racional.

Advertisement