Page 197

195 UNIVERSO EM DESENCANTO – 5º O

guerras de todos os feitios, de todos os jeitos, de todas as maneiras, de todas as formas, guerreando a vida inteira, para que pudessem viver; as lutas sempre em cena, dia e noite, lutando ferozmente, enfrentando os maiores obstáculos, os maiores sacrifícios, para manterem a sua sobrevivência, mas essa correspondência sempre se mantinha muda e o sofrimento imperando entre todos e as agonias permanecendo. Afinal, todos chegando ao apogeu do desespero, diziam consigo mesmo: "Não sei mais o que vou fazer para ter paz, alegria e bem-estar!" E todos repetiam. "Não sabemos mais o que vamos fazer para a paz, a alegria e o bem-estar geral. Quanto mais procuramos acertar e concertar, tudo ao contrário se multiplica; o sofrimento sempre presente, não há mais quem possa equilibrar esta humanidade; o desequilíbrio cada vez aumenta mais; os distúrbios, as confusões e as brigas sempre imperando; enfim, tudo de ruim cada vez mais se multiplica! Nessas condições, não sabemos o que fazer para o nosso equilíbrio! Esta vida e este mundo estão envolvidos em grandes mistérios, por isto, muitas são as surpresas em cima de surpresas! O nosso mundo se tornou um enigma indecifrável e nós vivemos neste mundo iguais aos enigmáticos, porque assim somos, vivemos mesmo quais aventureiros, aventurando sempre para acertar. A vida para nós se tornou um sonho porquê a inconsciência permanece reinante. O inconsciente é um animal e o animal não dá conta do seu ser, não dá conta porque ele é assim mesmo. Animais, que somos nós, vivemos aqui nos destruindo uns aos outros, porque nascemos de uma podridão sem saber porque; somos podres em vida e por assim sermos, vamos nos destruindo, sem pressentir e, quando menos esperamos, a vida se acaba para nós!''

Cultura Racional - 5º volume da Obra  

Cultura Racional - Conhecimento de retorno da humanidade ao seu verdadeiro mundo de origem, o Mundo Racional.

Advertisement