Issuu on Google+


BIOGRAFIA de JSANTOS F

ilho mais novo de oito irmãos, nasceu há 58 anos Joaquim Augusto Carvalho Santos na Lomba, Gondomar. Ali viveu até aos 14 anos onde estudou até à 4ª classe e Telescola, pelo fato de não haver meios que possibilitasse estudar fora da localidade onde residia. Tinha como hobby, nas horas vagas, pastar ovelhas, cortar mato e levar cornadas de bois!... E, claro, também jogava à bola. Com essa idade (14 anos), foi para Matosinhos trabalhar num armazém de ferro, estudar na Escola Industrial e Comercial e jogar Futebol no Leixões – que na altura o seu sonho era “ser jogador de futebol”. Ali permaneceu mais um ano, altura em que agarra, com “unhas e dentes”, uma oportunidade para trabalhar como Apontador numa empresa de Construções e Obras Públicas de nome Conduril, onde hoje ainda trabalha como Responsável Técnico e Administrativo do Sector de Equipamentos. Como foi praticante de futebol, continua a gostar da modalidade mas, há muitos anos, a modalidade que mais admira é o automobilismo na maior parte das suas variantes, como a de Rallycross, que pratica na Divisão 1 do Campeonato Nacional. Defeitos: Sabe que os tem, mas não sabe classificá-los! Virtudes: Tem, certamente, algumas mas a que gosta de destacar é ir mais além do inicialmente previsto, recorrendo à resiliência e entrega sem limites.

1994

evolução

bompiso

2001 2008 2009 2011 2011

VILA NOVA DE GAIA INSTALAÇÕES EM ERMESINDE FILIAL EM BAGUIM DO MONTE PARTNERS DA MICHELIN - REDE VIALIDER CERTIFICAÇÃO - CENTRO DE QUALIDADE MICHELIN DISTINÇÃO PELO IAPMEI COMO PME LÍDER

Com este novo projeto, pretendemos brevemente, ser mais do que uma “Casa de Pneus”, alargando a nossa atividade a outras áreas do ramo auto e, com isso, afirmarmo-nos como um Auto Centro Especialista em Mobilidade Automóvel.

Principais Clientes - Conduril - Lipor - Águas Douro e Paiva - M. Cardoso - Calheiros Embalagens - Europac & Recicla Porto - Sociveda - Hidurbe


os nossos

partners

Centro de Qualidade

2011

Ser um Centro de Qualidade Michelin significa que reunimos as seguintes condições: - Os métodos de trabalho utilizados estão adequados aos requisitos técnicos existentes para a comercialização e montagem de pneus. - As instalações apresentam todas as condições necessárias para lhe oferecer um tratamento personalizado, zelando pela sua Segurança e Comodidade. - As máquinas e as ferramentas são as adequadas para a correta manipulação dos produtos que lhe são oferecidos. - Haverá sempre um responsável de atenção ao cliente para qualquer sugestão ou dúvida que possa surgir-lhe. - Total transparência garantida através da utilização da folha de trabalho, onde são definidas as operações a efetuar no seu veículo, com o respetivo orçamento. - A imagem e estado das instalações mantêm-se em condições ótimas de serviço. - Máximo profissionalismo aprovado pelos programas de formação desenvolvidos para tal efeito.

os nossos

VALORES Responsabilidade Social

Compromisso

Procuramos contribuir para o crescimento e segurança da Comunidade aonde estamos inseridos, através da colaboração em ações que compartilhem dos mesmos interesses que nós.

Profissionalismo Qualidade Respeito Responsabilidade Transparência

Exemplos de alguns apoios: - Compra de uma ambulância para os Bombeiros Voluntários Ermesinde - Juventude Desportiva de Águas Santas - União Desportiva e Recreativa da Formiga - Clube de Propaganda de Natação - CPN


OS NOSSOS SERVIÇOS Para que possa encontrar os pneus mais aconselháveis para as suas necessidades, trabalhamos com as principais

marcas de pneus existentes no mercado e disponíveis para veículos Ligeiros, Pesados, Máquinas Industriais e Competição. O nosso objetivo é a sua satisfação total. Para isso, estamos atentos a aspetos como a rapidez de resposta, garantia de qualidade, melhores preços e excelente serviço pós-venda. Oferecemos o chamado serviço “chave-na-mão”, desde o aconselhamento sobre o melhor pneu para a sua viatura, até a uma série de serviços, prestados nas instalações do Grupo Bompiso, que vão desde a montagem dos pneus até à manutenção preventiva. As instalações da Bompiso estão dotadas de equipamento topo de gama, para garantir a montagem e desmontagem de pneus maciços para empilhadores até jante 20, assim como pneus de engenharia.

A segurança em estrada é fortemente condicionada pelos pneus, na medida

Um novo serviço para a sua frota

em que estes são o único ponto de contato entre o veículo e o solo. Os pneus são assim, um elemento de extrema importância, sobretudo nas áreas de negócio que dependem da sua frota. É neste contexto que a Bompiso se posiciona como uma mais-valia para os seus Clientes. O serviço SOS PNEU dirige-se a viaturas pesadas e assegura em toda a Zona do Grande Porto, 24h por dia, 7 dias por semana, a assistência em estrada ou nas instalações dos nossos Clientes, a todo o tipo de problemas causados pelos pneus e jantes.

De forma a responder às necessidades dos nossos Clientes fora da sua área de intervenção direta, a Bompiso pertence a uma rede de prestadores de serviços europeus - Michelin Euro Assist - possibilitando a assistência à frota da sua empresa em mais de 25 países da Europa, 365 dias por ano, honrando o compromisso de o fazer num período máximo de 2 horas.

- O Compromisso 2 horas Um serviço de assistência com o qual reduzirá o tempo de imobilização.

- Tranquilidade A Bompiso estabelece o contato com os coordenadores de assistência móvel e rapidamente fornecemos uma estimativa do prazo de intervenção. O condutor está em contato com um dos coordenadores das assistências, que o informará das distintas etapas da assistência em tempo real. O condutor não tem que pagar nada no momento, a fatura será enviada diretamente para a sua empresa.


Muito retorno, ao nível dos mEdia

Televisão esteve sempre presente No Off-Road, e mais concretamente no Rallycross, 2010 foi um

dos melhores anos, senão o melhor a nível de retorno, mas já em 2011 Joaquim Santos tem sido um dos pilotos com mais “tempo de antena”. Imprensa, rádio, internet e televisão, dedicaram muito do seu espaço às participações de Joaquim Santos, o que demonstra que o piloto foi e continuará a ser, um dos pilotos de quem “se fala”. Quanto à imprensa, há que realçar o destaque dado ao Off-Road, pela imprensa que “trabalha” em exclusivo o desporto automóvel. Jornais como o “Motor” que lhe dedicou todas as semanas duas das suas páginas e o Autosport, antes e depois das provas, levam esta disciplina do desporto automóvel a quase 200 mil leitores. Depois, há que contabilizar ainda um vasto leque de jornais e revistas generalistas, que também destacam o desporto automóvel. Na internet, além dos “sítios” habituais de desporto automóvel generalista, como Sportmotores.com, Supermotores. net, Altasrotações.com, Pregoafundo.com, Motoresmagazine.net, e muitos outros, destaque-se dois meios que se dedicam somente ao Off-Road, o Offroadportugal.org, com vídeos das provas, e o Offroadweb.blogspot.com Quanto às televisões, são vários os programas dedicados ao desporto automóvel, mas com destaque para o Grelha de Partida, na SporTV. Também a Porto Canal, dedicou em horário nobre, o seu tempo a esta modalidade, transmitindo imagens das provas, tão de agrado dos espetadores do desporto automóvel. Mas também a NextTV Desporto, lhe dedicou espaço, aos sábados e domingos, depois das provas. Estima-se que, em 2010, tenham sido transmitidas quase seis horas de Off-Road nas televisões. Claro que em todas elas, Joaquim Santos, foi figura de destaque, sendo que o mesmo sucede já em 2011, garantindo assim o piloto, o destaque merecido aos seus patrocinadores.

Uma Aposta segura A aposta, num piloto como Joaquim Santos, é

sem qualquer dúvida, uma aposta segura. É do conhecimento geral e dos empresários em particular, que a aposta no Desporto Automóvel é considerado um excelente meio, para a divulgação de Empresas e comunicação de Produtos. Atendendo aos tempos disponibilizados pelas televisões em geral, ás imensas páginas de fotos da imprensa escrita, acrescentando ainda a mais valia dos vídeos, no caso da internet, aumenta significativamente a cada ano, o tempo e espaço dedicados a este desporto. Além deste retorno, existe ainda o da publicidade directa, pois são muitos os milhares de espetadores que por essas pistas fora assistem às provas. Destaque-se ainda, que as provas de Rallycross, são das que maior número de espectadores concentra nos circuitos. Lousada, Sever do Vouga, e Montalegre, são e sempre serão provas de grande divulgação por parte dos media. Se a tudo isto juntarmos o fato de os investimentos poderem ser relativamente mais baixos que em outras modalidades, é certamente mais agradável, quer para os patrocinadores, quer para os patrocinados, que podem valorizar o seu retorno.

Uma aposta em Joaquim Santos, seguramente terá retorno para todos quantos a fizerem. Prova disso, é o exclusivo patrocínio por Grupo Martins, Castrol e Grupo Bompiso, na edição deste ano do Circuito da Boavista, nos dias 1, 2 e 3 de Julho, onde irá correr com um Seat Leon, uma vez que o seu Opel Astra, com o qual costuma correr nas provas de Rallycross, não obedece às especificações técnicas necessárias.


Joaquim Santos, uma entrega sem limites Joaquim Santos é um dos pilotos mais assíduos e dos mais conhecidos, do Off-Road nacional. Conta com um excelente palmarés, contabilizando dois títulos de Campeão e muitas vitórias em provas. Contudo, na temporada passada, bem se poderá afirmar que foi o “Rei dos azares”. Quase tudo lhe aconteceu, principalmente em momentos “chave”, em alturas em que a vitória parecia não lhe escapar. Assim aconteceu em Vila Nova de Foz Côa, na prova pontuável para o Campeonato da Europa de Autocross. Liderava a final, quando a caixa de velocidades começou a dar problemas. Depois, em Espanha, no

Entretanto, no Campeonato de Portugal de Rallycross,

mítico Autocross de Arteixo, o azar voltou a bater-lhe à

onde sempre é considerado um favorito à vitória,

porta. Numa prova que teve 150 pilotos a participar e

mais alguns azares aconteceram, sempre em alturas

largos milhares de espetadores a ladear o circuito, desta

cruciais, “roubando-lhe” vitórias, que de outra forma

vez o “azar” chamou-se Amador Vidal. Santos estava na

não lhe teriam escapado. Ficou, assim, o ano de 2010,

frente, já na final, e depois de ter brilhado nas mangas de

marcado por não ter conseguido vencer nenhuma

qualificação, quando o espanhol Vidal lhe deu um forte

prova, ao contrário do que sempre aconteceu. Mas,

toque, levando a que o Astra ficasse parado na pista.

além do Rallycross, e das duas participações em provas de Autocross, Joaquim Santos esteve presente no Motor Show, que se realizou na Exponor e por onde passaram mais de 40 mil espetadores. Aí brilhou, pois conseguiu classificar-se no quarto posto, logo a seguir ao ex-Campeão Mundial de Rallys, Didier Auriol. Além disso, marcou presença na Rampa Expo-Clássicos, disputada na Penha, em Guimarães. Igualmente conseguiu uma boa classificação, numa prova onde o principal interesse era participar. Mesmo com todos os problemas, que aconteceram no Off-Road, foi o piloto mais “falado” pelos media.


Rallycross, Europeus e Arteixo, na época de 2011 Neste ano de 2011, as apostas são idênticas às da temporada anterior. Joaquim Santos irá participar sempre com o título como meta. Depois de ter participado nas duas jornadas pontuáveis para os Europeus de Autocross e Rallycross, realizadas em Vila Nova de Foz Côa e Montalegre, respectivamente, também a prova de Arteixo faz parte do projecto para este ano.

Astra está a ser “reformulado” O Opel Astra de Joaquim Santos é um dos carros mais “chamativos” não só do Off-Road, como de todo o desporto automóvel nacional. Isso ficou mais uma vez provado, quando do MotorShow do Porto, onde o Astra fazia as delícias do muito público presente. O carro foi construído em Inglaterra, pelo conhecido preparador Harry Hochly, mas desde que começou a

Toda a suspensão, está a ser repensada e reformulada. Para que tal aconteça, o Astra já se encontra em Barcelona, nas “mãos” de um famoso preparador. Vai, por isso, ser reformulada toda a carroçaria

competir, apresentou alguns problemas de concepção,

do Opel Astra, no que diz respeito a suspensões,

a nível de suspensões. Houve várias tentativas de os

nomeadamente zonas de ancoragem, triângulos e os

resolver, mas todas se demonstraram infrutíferas.

seus respectivos cursos. É uma solução radical, mas

O carro apresentou melhorias, mas continua a

ficou já provado que será a única maneira de tentar

demonstrar problemas nas zonas de travagem e na

que o carro venha a ser mais competitivo, a curvar. E

inserção em curva. Este ano, depois de tudo ter sido

é aí, que está o “Calcanhar de Aquiles” do bonito Opel

tentado, uma opção já foi tomada.

Astra de Joaquim Santos.


SEDE

FILIAL

M. Rua das Macieiras, 497 4445-502 Ermesinde

M. Rua D. Ant贸nio Castro Meireles, 2296 4435-672 Baguim do Monte

T. 229 759 463 E. geral@bompiso.com

T. 229 735 241 E. bompiso@bompiso.com


www.bompiso.com geral@bompiso.com

Centro de Qualidade

2011

E s p e c i a l i s ta s e m M o b i l i d a d e A u to m 贸 v e l !

SEDE facebook.com/bompisoSA twitter.com/bompiso

Rua das Macieiras, 497 4445-502 Ermesinde

Telefone: 229 759 463 e-mail: geral@bompiso.com

FILIAL Rua D. Ant. Castro Meireles, 2296

4435-672 Baguim do Monte Telefone: 229 735 241 e-mail: bompiso@bompiso.com


Bompiso no Circuito da Boavista