Page 1

Boletim Informativo da Biblioteca Agrupamento de Escolas Álvaro Coutinho, “O Magriço” Penedono Escola Básica Álvaro Coutinho,”O Magriço” – Serviços de Biblioteca Ano XIV– XIV– Nº 53– 53– Mensal – abril 2014 Distribuição Gratuita

25 de abril, dia da liberdade Era um abril de amigo abril de trigo abril de trevo e trégua e vinho e húmus abril de novos ritmos novos rumos.

Assinala-se nesta data a revolução do 25 de abril de 1974, acontecimento muito marcante da História recente do nosso país que colocou fim à ditadura e implantou um regime democrático.

Era um abril comigo abril contigo ainda só ardor e sem ardil abril sem adjetivo abril de abril.

Os militares uniram-se e formaram o MFA (Movimento das Forças Armadas) que lideram o golfe de estado com o apoio da população portuguesa, que veio para as ruas e ofereceu cravos vermelhos aos militares que os puseram nos canos das armas. Por este motivo o 25 de abril ficou conhecido como a Revolução dos Cravos.

Era um abril na praça abril de massas era um abril na rua abril a rodos abril de sol que nasce para todos. Abril de vinho e sonho em nossas taças era um abril de clava abril em ato em mil novecentos e setenta e quatro. Era um abril viril abril tão bravo abril de boca a abrir-se abril palavra esse abril em que abril se libertava.

Era um abril de clava abril de cravo Depois de afastados todos os res- abril de mão na mão e sem fantasmas esse abril em que abril floriu nas armas.

ponsáveis pela ditadura em PortuManuel Alegre, 30 Anos de Poesia gal, o MFA libertou os presos políticos e acabou com a censura sobre a Imprensa. Foi extinta igualmente a polícia politica (PIDE) e os sindicatos livres e os partidos políticos legalizados. Começou um novo período da nossa História, onde temos liberdade. Adaptado de http://www.junior.te.pt/servlets/Bairro?P=Portugal&ID=147

Na BE, sobre o 25 de abril

1


2 de abril, dia internacional do livro infantil O dia internacional do livro infantil é comemorado desde 1967, por iniciativa do IBBY (International Board on Books for Young People), no dia 2 de Abril, data do nascimento de Hans Christian Andersen, autor dinamarquês de algumas das histórias para crianças mais lidas em todo o mundo.

16 de abril Dia Mundial da Voz A 16 de abril comemora-se Dia Mundial da Voz, tendo por objectivo promover a saúde do aparelho vocal e prevenir doenças da laringe. Foi celebrado, pela primeira vez, em 2003, por sugestão de Mário Andrea, professor de Otorrinolaringologia da Faculdade de Medicina de Lisboa, na primeira reunião da Sociedade Europeia de Laringologia (European Society of Laringology), à qual presidiu In Leme [Em linha]. Jorge Francisco Martins de Freitas, 2000-2014. [Consult. 201403-28]. Disponível na www: <URL: http://www.leme.pt/historia/efemerides/0416/>.

23 de Abril, Dia mundial do livro e dos direitos de autor

A Unesco criou a data “Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor” para encorajar as pessoas, especialmente os jovens, a descobrirem os prazeres da leitura, e a ganharem um novo respeito pela contribuição dos autores de livros através dos séculos. Uma tradição catalã ligada aos livros já existia no dia 23 de abril, e parece ter influenciado a escolha da Unesco. Nesta tradição, no dia de São Jorge (23 de abril), é costume dar uma rosa para quem comprar um livro. Trocar flores por livros já se tornou num hábito noutros países. A Unesco escolheu a data em 1995, em Paris, também por ser a http://retalhosdebemfica.blogspot.pt/2013/04/ dia-mundial-do-livro.html

data da morte de três grandes escritores da história: William Shakespeare, Miguel de Cervantes, e Inca Garcilaso de la Vega. Adaptado de http://www.pilbra.com.br/2013/04/23/dia-mundial-do-livro/#sthash.rM6YK93r.dpuf

2


ESCRITOR DO MÊS José Jorge Letria José Jorge Letria nasceu em Cascais, a 8 de junho de 1951. Além de jornalista é também poeta e escritor. Autor de quase duas centenas de títulos publicados, metade dos quais na área literatura infanto-juvenil. O essencial da sua obra poética encontra-se condensado nos dois volumes da antologia "O Fantasma da Obra", publicados respectivamente em 1994 e em 2003, ano em que completou três décadas de actividade literária em livro. O seu livro para crianças "O Homem que Tinha uma Árvore na Cabeça" integrou, em 2002, a lista "Books and Reading for Intercultural Education", da União Europeia. Sobre a sua experiência do 25 de abril publicou vários livros, entre eles "Uma Noite Fez-se Abril". Tem livros traduzidos em várias línguas (castelhano, francês, inglês, italiano, coreano, japonês, russo, búlgaro, romeno, húngaro e checo).A sua obra literária foi distinguida, até à data, com inúmeros prémios. Destacamos o Prémio Maria Rosa Colaço, em 2006, para o texto inédito "A Fala das Coisas" (conto infanto-juvenil), Prémio Nacional de Poesia Nuno Júdice, de 2007, para a colectânea inédita "Sobre Retratos" e Prémio Internacional Unesco atribuído em França. Foi, durante oito anos, vereador da Cultura da Câmara de Cascais. É, desde Janeiro de 2011, presidente da Sociedade Portuguesa de Autores.

Algumas obras: Para Crianças e Jovens: 2009 A Minha Primeira República Henriqueta, a Tartaruga de Darwin Galileu à Luz de uma Estrela O Dia em que o Homem Beijou a Lua A Alfabeto dos Países Era Uma Vez um Rei Conquistador 2010 Machado dos Santos-Herói da Rotunda Para Adultos: 2000 Um Amor Português" 2008 Meu Portugal Brasileiro 2009 O Que Darwin Escreveu a Deus Coração Sem Abrigo 2010 A Última Valsa de Chopin O Vermelho e o Verde"

2013 E Tudo Era Possível Adaptado de wikipedia [Em linha]. [Consult. 2014-03-28]. Disponível na www: <URL:http://pt.wikipedia.org/wiki/Jos%C3%A9_Jorge_Letria>.

3


em abril … →

morreu Salgueiro Maia

A 3 de Abril de 1992, morre, em Santarém, vítima de cancro, o tenente coronel Salgueiro Maia, um dos principais capitães intervenientes na Revolução do 25 de Abril de 1974. Comandou a coluna que saiu de Santarém em direcção a Lisboa, ocupou o Terreiro do Paço e cercou o quartel do Carmo, onde se havia refugiado Marcelo Caetano. Foi membro activo da Assembleia do MFA, durante os governos provisórios, mas não aceitou qualquer cargo político no pós 25 de Abril. In Leme [Em linha]. Jorge Francisco Martins de Freitas, 2000-2014. [Consult. 2014-03-28]. Disponível na www: <URL: http:// www.leme.pt/historia/efemerides/0403/>.

abriu ao público a Casa da Música A 14 de Abril de 2005, abre as portas ao público, com concertos do grupo portuense Clã e do norte-americano Lou Reed, a Casa da Música, obra do arquitecto holandês Rem Koolhaas. A inauguração oficial ocorreria no dia seguinte, com a presença de Jorge Sampaio. In Leme [Em linha]. Jorge Francisco Martins de Freitas, 2000-2014. [Consult. 2014-03-28]. Disponível na www: <URL: http://www.leme.pt/historia/efemerides/0414/>.

Foi enviada para o espaço a sonda Pioneer 11

A 5 de Abril de 1973, é enviada para o espaço, a bordo do veículo de lançamento Atlas/Centauro/ TE364-4, a sonda Pioneer 11, que seguirá os passos da sua irmã mais velha, a Pionner 10. A Pioneer 11 teve a sua maior aproximação a Júpiter no dia 3 de Dezembro de 1973, passando a 130 000 km do topo das nuvens do planeta e obtendo as primeiras imagens com algum detalhe do maior planeta do Sistema Solar. Um ano depois, a 2 de Dezembro de 1974, a Pioneer 11 aproximou-se até apenas 34 000 km. In Leme [Em linha]. Jorge Francisco Martins de Freitas, 2000-2014. [Consult. 2014-03-28]. Disponível na www: <URL: http://www.leme.pt/historia/efemerides/0405/ >

PARA DIVERTIR

4

Abril 2014  
Abril 2014  

Boletim informativo da BE Penedono

Advertisement