Issuu on Google+

AS CORES DO SONHO

Texto e ilustrações: Alunos do pré escolar do Centro Escolar de Merelim S. Paio. 1


Era Primavera Uma bela manhã, Inês vai até ao parque andar de baloiço com a amiga Ana Beatriz. Divertem-se a andar de baloiço durante algum tempo mas de repente, o céu começa a ficar cada vez mais escuro e as duas meninas, cheias de pena, decidem voltar para casa.

2


Uma hora mais tarde começa a chover e pelo caminho encontram a Mariana que brinca com a irmã à chuva. Ela adora ficar com a roupa molhada e chapinhar nos charcos de água e lama.

3


Nesse mesmo instante, Rafael diverte-se a andar de escorrega andar de escorrega e a saltar para a piscina. Tinha convidado o amigo Gonรงalo para brincar com ele, mas ele atrasou-se. Serรก que aconteceu alguma coisa? Pensou em telefonar para casa dele quando ouve gritos!

4


Gonçalo está preso na garagem de casa mas consegue voar para a casa do Rafael! - És incrível Gonçalo! – diz o Rafael orgulhoso. Divertem-se imenso a dar saltos na piscina. Mais tarde…

5


Gonçalo e Rafael veem o amigo Vasco, um superherói que salva a mãe em perigo no telhado! Descem a escadas aos tropeções e vão ter com o amigo para lhe darem os parabéns! Ele é tão corajoso!

6


Falavam todos ao mesmo tempo. De repente, ouvem um barulho de um motor e veem passar o Rodrigo que vai a pilotar o aviĂŁo! Ele participa num concurso e ganha a corrida! -Viva!

Viva!

-

Gritam

e

agitam

os

braços

entusiasmados! - Temos de festejar!

7


Decidem ir assistir a um concerto que o amigo JoĂŁo AntĂłnio, uma estrela de rock, vai dar essa noite na magnĂ­fica sala do Teatro Circo, em Braga! Vai ser divertido!

8


Passou uma semana… o dias vão aquecendo cada vez mais, o sol é quentinho… Ah! Está a chegar o dia da mãe e Pedro vai dar presentes à sua mamã! Ela vai ficar tão contente!

9


João Miguel, o primo do Pedro, brinca com o pai‌

10


Enquanto João Pedro brinca às escondidas com o pai, a mãe e o avô! Debaixo do escorrega ninguém o vai descobrir!

11


Ana Luísa viaja até ao Havai com a mãe! Está excitadíssima porque é a primeira vez que anda de avião! Da janela, espreita para fora e esbugalha os olhos de espanto! Lá de cima é tudo tão bonito!

12


Ana Beatriz acena para o avi達o onde viaja a amiga enquanto brinca no jardim com a m達e e grita-lhe que vai ter saudades dela! _ Volta depressa!- grita ela.

13


Carlos e o primo saltam no quintal e também agitam os braços para o avião que vai ficando cada vez mais pequenino, até desaparecer no horizonte.

14


Daniela passeia com a família. Os campos estão verdinhos e cheios de flores. Caminham durante algum tempo e, subitamente, Daniela puxa o braço da mãe e grita alegremente:

15


- Mãe, a Inês está a jogar a bola com a irmã. E chama: - Inês! Inês! Queres vir dar um passeio até ao bosque? - Gostava muito mas não posso deixar a minha irmã aqui sozinha! - Ela pode vir connosco! Inês ligou à mãe e lá foram todos a caminho do bosque.

16


Andaram durante algum tempo. De repente, avistam um castelo e a Daniela chama a atenção da família: Olhem! - É a Rosa, uma princesa que vive num castelo encantado! Rosa, Rosa, sou eu a Daniela!- acena ela. - Olá Daniela. Gostavas de conhecer o castelo? _Oh, adorava! E posso levar as minhas amigas? _ Claro que sim!

17


No jardim daquele Castelo maravilhoso conhecem a Ana Jo達o e a irm達, duas princesinhas que brincam alegremente, rodeadas de flores e borboletas de muitas cores! As duas irm達s Acenam aos visitantes e s達o todos convidados a lanchar no castelo! Daniela e as amigas nem queriam acreditar! Elas nunca tinham entrado num castelo de verdade!

18


Entram

a

falar

ao

mesmo

tempo

e

cheios

de

curiosidade para conhecer aquele castelo maravilhoso. Encontram o André, o pequeno príncipe, com a mãe a brincar com bonecos. O quarto do André era o máximo!

19


Mais tarde, despedem-se das princesas e do AndrÊ e regressam a casa. O dia continuava maravilhoso e pelo caminho veem Dinis que olha deliciado para as flores e borboletas‌

20


Acenam à Bruna que saltita e brinca com muitas bolas coloridas. Ela brinca perto de um pequeno riacho de águas tão limpas que dá para ver os peixinhos a nadar e a aparecerem e desaparecerem por entre as pedras.

21


Atravessam uma ponte e do outro lado, acenam à Iara que também adora brincar no campo cheio de flores e borboletas! A Primavera é uma época mágica e todos os amigos gostam de brincar fora de casa e apreciar a Natureza! Está tudo tão bonito e perfumado!

22


Tânia olha deliciada para as flores, apanha um lindo ramo de margaridas e imagina que casa com o Gonçalo, numa capelinha que fica bem pertinho dali! Já está a imaginá-la toda enfeitada com as mais belas flores campestres!

23


Tiago prefere jogar Ă  bola numa bonita paisagem. Os passarinhos resolvem fazer-lhe companhia e as flores agitam as pĂŠtalas, contentes. Tiago acena e sorri, feliz.

24


O passeio estรก quase a terminar. Abrem os olhos de espanto quando veem a Ana Rita a voar com as borboletas! ร‰ fantรกstico! Elas nem querem acreditar!

Sรณ podem estar a

25


As cores do Sonho