Page 11

11

6.2.2 Integração e navegabilidade dos dados

É bastante freqüente a existência de sistemas específicos, não integrados, nas diversas áreas da empresa. O ideal é que, para fins gerenciais, os dados sejam integrados, o que permitirá a navegabilidade das informações. Todos os usuários do sistema de informação contábil receberão a informação na “mesma língua”. Segundo Padoveze (2000, p. 47)

Consideramos um sistema de informação contábil como integrado quando todas as áreas necessárias para o gerenciamento da informação contábil estejam abrangidas por um único sistema de informação contábil. Todos devem utilizar-se de um mesmo e único sistema de informação (...). O que caracteriza um sistema de informação contábil integrado é a “navegabilidade” dos dados.

De acordo com Magalhães e Lunkes (2000, p.26), “um sistema de informações processa dados (input) e transforma-os em relatórios (output). Esses relatórios são informações destinadas a pessoas que tomam decisões (usuários).

6.2.3 Custo da informação

O Sistema de Informação Contábil deve ser analisado na relação custo-benefício para a empresa. Para Padoveze (2000, p. 48) “o SIG deve apresentar uma situação de custo abaixo dos benefícios que proporcionará à empresa”.

O fundamento do custo da informação faz parte dos princípios básicos de contabilidade, e o sistema deve apresentar uma situação de custo baixo dos benefícios que proporcionará à empresa. Magalhães e Lunkes (2000, p.35) afirmam que “aos administradores que buscam a excelência empresarial, uma informação, mesmo que útil, seja útil, só é desejável se conseguida a um custo menor que os benefícios propiciados à empresa”.

M0725  

Dayanna Santos Fontana 1 Palavras-Chaves: Sistemas de Informações. Sistemas de Informações Contábeis. 1 Graduanda do curso de Ciências Contá...

M0725  

Dayanna Santos Fontana 1 Palavras-Chaves: Sistemas de Informações. Sistemas de Informações Contábeis. 1 Graduanda do curso de Ciências Contá...

Advertisement