Page 1

A percepção do estilo de liderança e o comportamento de seus liderados. Thais Carlos Silva1 Marcio Ceo dos Santos2

RESUMO

A liderança é um fator de grande importância no âmbito organizacional, pois tem o papel de gerir e manter um bom relacionamento entre todos dentro da organização. Este artigo buscou identificar de acordo com a percepção dos liderados os estilos de liderança predominantes nas empresas A e B, e como estes estilos influenciam no comportamento dos seus liderados. Utilizou-se o estudo exploratório descritivo, pois, para que se entenda melhor sobre o assunto a ser desenvolvido se faz necessário um contexto bem elaborado com a finalidade de compreensão e interpretação da análise das diferentes amostras. Como instrumento de pesquisa foi utilizado entrevista não estruturada, análise do comportamento e questionários para identificar os estilos de liderança predominantes nas empresas A e B. Identificou-se que os estilos de liderança destas empresas são o autocrático e democrático e que estes dois modelos realmente influenciam no comportamento de seus liderados. Palavras-chave: Liderança, estilos de liderança e comportamento. ABSTRACT Leadership is an extremely important factor in the organizational scope because has the role of managing and maintaining a good relationship between everyone in the organization. This article tried to identify according to the perception of leadership styles led prevailing in companies A and B and how these styles influence the behavior of their subordinates. It was used the descriptive exploratory study, therefore, for understanding better about the subject to be developed it is necessary an elaborated context and for the purpose of understanding and interpretation of the analysis of different samples. As a research tool was used unstructured interview, analyze the behavior and questionnaires to identify leadership styles prevalent in companies A and B. It was identified the leadership styles of these companies were autocratic and democratic and that these two models influence the behavior of their subordinates. Keywords: Leadership, leadership styles and behavior. _________________________________ Graduanda do curso de Administração da Faculdade Independente do Nordeste (FAINOR). Email: thay_carlos@hotmail.com 2 Professor orientador, Faculdade Independente do Nordeste (FAINOR). Email: marcioceo@gmail.com


INTRODUÇÃO A principal missão de um líder em uma organização é agregar valores aos resultados da empresa por meio de uma liderança estabelecida que possibilite maior produtividade e qualidade. O líder tem que ter sempre a preocupação de gerir a relação entre empregados e empregadores, e este é um fator que vem mudando e crescendo muito nos últimos dias. O estilo de liderança que é utilizado pelo administrador poderá de certa maneira, estimular, facilitar e agilizar a consecução e o andamento das atividades organizacionais, pois assim poderá aprimorar seus resultados. São inúmeros os meios e técnicas para se chegar ao sucesso, mas esse processo é uma ampliação da empresa resumida em gestos que pode ser um deslanche para o objetivo final, e um deles é a busca pela qualidade de uma boa liderança. Sendo assim, o bom relacionamento entre todas as áreas da organização, que em equipe procuram conquistar a qualidade com planejamento, controle e execução de suas tarefas, resulta sempre em um bom desempenho, criando assim um ambiente comprometido com todo e qualquer desenvolvimento da empresa. O objetivo principal do estudo é analisar quais os estilos de liderança predominante nas empresas A e B e como esses estilos podem influenciar no comportamento de seus liderados. Os objetivos específicos são: identificar os estilos de liderança predominantes nas empresas A e B; analisar como os líderes podem influenciar seus liderados a ponto de haver mudança no comportamento; verificar que comportamentos são gerados pelos estilos de liderança.

REFERENCIAL TEÓRICO

LIDERANÇA

Aqui é apresentada uma revisão de literatura sobre liderança, apresentando conceitos, teorias e o comportamento dos líderes e liderados. Poderá ser observado também como o papel do líder é fundamental nas organizações e como o aprimoramento dos membros da empresa contribui de maneira positiva para o seu desenvolvimento, estabelecendo assim planejamentos importantes para melhores resultados.


CONCEITO DE LIDERANÇA.

O conceito de liderança vem sendo definido pelas grandes literaturas de maneiras diferentes, mas vem se aprimorando nos últimos tempos, alguns autores impõem um modelo ideal de liderança enquanto outros sugerem, mesmo que haja um aprimoramento, a melhor maneira de liderar. Muitas definições mostram como as teorias da liderança foram aprimoradas no decorrer do tempo. Na abordagem clássica da administração, o principal foco do líder era criar meios para a realização constante dos objetivos organizacionais da empresa como fator fundamental e não se preocupava com a necessidade do indivíduo. A empresa buscava basear seus critérios e planos na execução de tarefas para alcançar os objetivos estabelecidos pela organização sem se preocupar com mais nada (STONER & FREEMAN, 1995). Com o passar do tempo estas definições foram aprimoradas e busca-se se influenciar nos membros da organização. A principal preocupação de um líder deve ser o de construir um bom relacionamento entre líderes e liderados, e assim se manter na busca para alcançar os objetivos estabelecidos pela empresa. De acordo com Pessoa (2005, p. 8), “liderança é um processo no qual o indivíduo influencia outros a se comprometerem com a busca de objetivos comuns”. Lara (2012, p. 12), conclui que “o líder deve inspirar confiança, ser inteligente, perceptivo e decisivo para ter condições de liderar com sucesso”. Desta maneira pode-se dizer que a realização de uma boa execução de determinadas atividades da empresa podem ser definidas pelo líder, e que o papel fundamental deste é o de garantir o desenvolvimento das habilidades que serão realizadas conforme compromisso dos liderados, e de certa forma os lideres podem influenciar com ética e inteligência para contribuir no alcance dos objetivos da organização como um todo. Sendo assim a função principal de um líder é a de coordenar e dirigir as atividades importantes de uma organização, buscando sempre melhorar o comportamento dos membros da empresa, pois, são os funcionários que estimulam a satisfação do cliente e que se preocupa em garantir a melhoria dos produtos e serviços, o líder deve sempre buscar superar suas expectativas no controle da empresa e da equipe de trabalho.


Um bom relacionamento entre líderes e liderados, também contribui muito para que haja um excelente trabalho em equipe o que permite uma maior confiança entre os membros da organização, esta postura viabiliza uma melhor avaliação de todo o procedimento que é determinado pela empresa através de processos internos, o que possibilita ao cliente um produto ou serviço conforme padrões, procedimentos, normas, além de que um bom atendimento conclui todo processo de uma liderança bem sucedida.

TEORIAS DA LIDERANÇA

Os líderes estão cada vez mais preocupados em se manter no mercado de trabalho e dentro do contexto que envolve liderança o estilo do líder é fundamental para o desenvolvimento da organização. Dentre muitos comportamentos de um líder, é de grande importância que ele se mantenha atualizado para possibilitar resultados, contudo ainda têm estilos que, em alguns ambientes de trabalho, são imprescindíveis. Em estudo realizado pode-se destacar várias teorias da liderança. De acordo com Lara (2012) as teorias da liderança podem ser definidas como:  Teorias de traços de personalidade: esta é umas das teorias de liderança mais antigas, ela define que os traços são uma das características ou qualidades distintiva da personalidade, de acordo essas teorias, os traços que o líder possui de personalidade são o que o diferencia dos demais dentro de um determinado ambiente.  Teorias situacionais da liderança: é uma teoria que possui uma gama de possibilidades uma vez que, o líder poderá identificar mudança nas situações para incrementar um modelo de liderança ou identificar o modelo de liderança para se adequar a uma situação.  Teorias sobre estilos de liderança: são teorias que estudam o comportamento dos líderes em relação aos seus liderados. Enquanto a teoria dos traços define por aquilo que o líder é, os estilos se definem por aquilo que o líder faz.  Teorias contingenciais: esta teoria identifica maior número de variáveis que podem ser definidas de acordo o processo de liderança combinando-as com os diferentes estilos de liderança. O objetivo desta teoria é identificar como os diferentes

comportamentos

podem

influenciar

nos

resultados

dos


subordinados. Por isso que muitos autores determinam que o sucesso da liderança depende das situações encontradas no ambiente organizacional.

Dentro do que foi exposto, é possível perceber que o líder possui maneiras distintas de liderar e dentro do contexto organizacional se faz necessário a utilização destas características identificando o melhor ambiente para aplicá-las.

TEORIA DOS ESTILOS DE LIDERANÇA

A teoria dos estilos de liderança se faz presente em diversas organizações, em estudo realizado pode-se destacar três estilos de liderança que podem ser identificados em vários ambientes de trabalho. Quadro 1: os três estilos de liderança: Autocrático, Democrático e Liberal. AUTOCRÁTICO  O comportamento do líder autocrático com relação aos subordinados é critico e preconceituoso.  O líder autocrático é centralizador, definindo sempre os objetivos e métodos de trabalho sem dar nenhuma oportunidade para os subordinados expor suas ideias no processo decisório,  O controle é rígido e quando avalia o desempenho do subordinado torna-se uma análise objetiva.

DEMOCRÁTICO  O líder democrático procura aceitar as decisões que são determinadas pelo grupo mesmo que seja diferente da sua opinião.  Tende a definir suas decisões sempre através de consenso de grupo incentivando a participação de todos, procurando delegar as autoridades e usa do feedback para o crescimento do trabalho em equipe.

LIBERAL  O estilo liberal também é chamado de Laisse-Faire, é um líder que toma poucas decisões, deixando que as maiores partes das decisões sejam determinadas pelos seus subordinados.  O líder liberal procura deixar o grupo de trabalho totalmente a vontade.  Os subordinados gozam liberdade, e possuem ausência de análise controle e avaliação desempenho.

de a de de

 A intenção do líder é buscar atender as vontades e os pontos de vista dos subordinados que possuem grande liberdade para sugerir, decidir e implementar. Fonte: Adaptado de Borges e Baylão (2010).

A necessidade da liderança nas empresas é muito importante e dependendo do estilo de liderança utilizado poderá determinar a realização concreta para obter bons resultados. Com uma liderança participativa e democrática as pessoas passam a seguir o líder. Os líderes devem o mais rápido possível buscar atividades concretas que vão definir as melhores práticas de uma boa liderança e assim


multiplica-las com suas competências para que gerem grandes resultados, uma vez que são fatores determinantes do crescimento organizacional (OLIVEIRA, 2007). O modelo autocrático de gestão é utilizado em muitas empresas, que define que a preocupação dos líderes com os seus subordinados deve ser apenas do pescoço para baixo, e os resultados deste modelo são: perda de criatividade; falta de interesse; apatia e perda da excelência. De certa maneira é autoritário e impõe sua opinião sem se preocupar com o próximo. Este comportamento não é competitivo no mercado globalizado, para ser competitivo é necessário que o líder se preocupe com o seu liderado do pescoço para cima (OLIVEIRA, 2007).

A IMPORTÂNCIA DA LIDERANÇA NAS ORGANIZAÇÕES

O papel do líder é de fundamental importância nas organizações, um líder deve sempre buscar manter o ambiente de trabalho favorável para os membros da organização, para que façam suas atividades de forma adequada e comprometida com os resultados, uma vez que o bom desempenho e valorização dos membros da equipe são fatores determinantes na qualidade das atividades exercidas pela empresa. A participação de todos, constituem o sucesso da organização. Desta maneira pode-se dizer que uma boa liderança deve buscar sempre o envolvimento de todos e assim garantir a busca pelos benefícios da organização (ARAUJO, 2010). O processo de uma boa liderança garante a empresa aumento da produtividade, prioriza a imagem da empresa, reduz custos, estabelece uma maior confiança dos funcionários com o líder e ainda facilita o acesso a novos mercados. E para que estes pontos sejam contemplados é necessário que o líder faça um planejamento para suas ações. A figura do profissional centralizado foi substituída pelos líderes, capazes de interagir com uma série de indivíduos, estimulando-os a obter os melhores resultados, da maneira mais colaborativa possível e ainda priorizando o autodesenvolvimento (LARA, 2012, p. 9).

O líder tem o poder de influenciar as pessoas e de conseguir determinar o crescimento de um trabalho em equipe. O seu papel é imprescindível no âmbito do trabalho, pois, o desenvolvimento da equipe possibilita o processo de crescimento da empresa e nada mais interessante do que, avaliar o ambiente de trabalho criando


estratégias para buscar os melhores resultados e um dos pontos importantes na liderança é o planejamento, uma vez que é o planejamento que determina o ponto inicial de uma mudança. Atualmente

um

bom

planejamento

está

sendo

uma

das

maiores

preocupações das organizações, e o seu foco maior é a garantia da qualidade de produtos ou de serviços. E todos estes resultados são fatores determinados por uma boa aplicação da liderança participativa que se preocupa com o desenvolvimento de pessoas dentro das organizações. Desta maneira: As informações nunca são completas e absolutamente corretas, nem as pessoas são naturalmente boas tomadoras de decisão. Isto significa que o planejamento é inútil? Exatamente ao contrario. Ele é necessário para superar essas tendências humanas. Sistemas de planejamento que sustentem as decisões podem melhorar o gerenciamento de recursos humanos e produzir valiosos resultados. A agregação de valor não exige decisões perfeitas, mas apenas aquelas produtivas (MILKOVICH, e BOUDREAU, 2000 p.131).

O líder deve sempre se preocupar com a qualidade de um planejamento, pois este é de grande relevância para o crescimento da organização. É ele quem determina as estratégias necessárias para o desenvolvimento da empresa. Na sociedade hodierna, qualidade de planejamento garante, não só a satisfação dos funcionários, mas também de todos os públicos da organização (ARAUJO, 2010). Melhoria grande ou pequena nas organizações é muito interessante, pois as mudanças e a inovação fazem parte do planejamento de um bom líder. As ideias que são expostas devem ser testadas, reconhecidas e se possível aplicadas, pois assim será realizada uma melhor análise de mercado e resultado.

Um bom

planejamento deve garantir que o trabalho aconteça em equipe, pois desta maneira, as atividades exercidas pela organização poderão ter grandes resultados e assim garantir o seu crescimento (MILKOVICH e BOUDREAU, 2000).

FATORES QUE INFLUENCIAM NO COMPORTAMENTO DOS LIDERADOS: MOTIVAÇÃO E TREINAMENTO.

É mister que o líder de uma organização deva estar sempre preocupado com o crescimento profissional dos seus funcionários, buscando sempre aprimorar suas habilidades e competências para o bom funcionamento da organização.


Para que o líder atue de maneira eficaz dentro da empresa deve-se ter em mente que o resultado obtido deve ser fator determinante no seu planejamento junto à organização. Deve saber liderar as diferentes opiniões, comportamentos, modos de vida e saber determinar e aproveitar todas as vantagens de acordo às qualidades definidas pelos membros da equipe, pois assim saberá verificar e identificar a importância de cada um no âmbito organizacional. Por meio do desenvolvimento e do treinamento, a pessoa pode assimilar informações, aprender habilidades, desenvolver atitudes e comportamentos diferentes e desenvolver conceitos abstratos. Assim, percebe-se que através do treinamento os resultados serão satisfatórios tanto para os indivíduos como para as organizações (VOLPE, 2009, p. 3).

As grandes habilidades que contribuem para o crescimento da organização estão na aceleração do aprendizado de cada membro da equipe, o líder que se preocupa em manter uma equipe atualizada de informações, experiência e conhecimento garante maior segurança no ambiente de trabalho, o que gera resultado. Consideravelmente a participação do líder na equipe faz-se necessária para o sucesso da organização, uma vez que, este precisa e deve contar com a participação de todos no exercício das atividades que são determinadas. Os membros que compõem uma organização buscam sempre o apoio dos seus lideres, para ter mais segurança nas atividades exercidas dentro do ambiente de trabalho. É de fundamental importância que os líderes se preocupem cada vez mais com o profissional da empresa que contribuirá na garantia do crescimento organizacional e assim se manterão motivados, uma vez que, o sentimento de desmotivação do funcionário poderá refletir negativamente para o resultado da organização. Se este se sente motivado, relevante será para o ambiente de trabalho, e bons resultados numa empresa são garantidos, principalmente, por funcionários que periodicamente são estimulados. Nas Organizações, a Motivação precisa ser encarada como forma de valorizar o funcionário, que deve se sentir parte integrante da empresa e não simplesmente um seguidor de regras. É preciso motivar as pessoas, pois quando motivadas elas trabalham mais alegres e satisfeitas por estarem trabalhando para a empresa, e então a empresa tem um aumento em sua produtividade levando-a a obter um grande sucesso (GOMES E MICHEL 2007, p. 5 e 6).


O processo de desenvolvimento dos funcionários possibilita uma percepção da importância da organização, e se este funcionário se mantiver motivado pelo líder o seu foco principal será o de garantir resultados positivos. Todos estes fatores são essenciais para o trabalho em equipe, pois promove a melhoria nos processos internos da empresa, garante maior produtividade, um relacionamento positivo entre funcionários, fornecedores, garantia de satisfação dos clientes e inevitável crescimento da empresa. E para que estes pontos sejam contemplados o líder tem que ter em mente que sua função caracteriza responsabilidade, compromisso e criatividade, pois o seu estilo de liderar é o que vai garantir o sucesso da empresa.

METODOLOGIA O tipo de estudo utilizado nesta pesquisa é exploratório descritivo. O estudo descritivo permite ao pesquisador uma melhor compreensão sobre vários fatores que podem influenciar em determinados fenômenos. Oliveira (1997. p. 114) discorre que “o estudo descritivo possibilita o desenvolvimento de um nível de análise em que permite identificar as diferentes formas dos fenômenos, sua ordenação e classificação”. Por sua vez a pesquisa exploratória é recomendada para um exame mais profundo sobre um problema a ser estudado que se tenha pouco conhecimento. Este estudo possibilita considerações de vários aspectos de um problema identificado ou de uma situação, mas isso só é possível quando se é realizado um planejamento bem flexível. E dentro do exposto, os dois estudos possibilitam melhor compreensão do assunto a ser abordado identificando o problema e as possíveis soluções (CERVO e BERVIAN, 2002). Os tipos de abordagens utilizadas foram a quantitativa e qualitativa. Há uma diferença entre estes dois métodos, enquanto o método quantitativo usa amostras e informações numéricas em maior quantidade para realização da pesquisa, o método qualitativo usa amostras menores para análise dos dados. Para Oliveira (1997. p. 115) “o método quantitativo, significa quantificar opiniões, dados, nas formas de coleta de informações, assim como o emprego de recursos e técnicas estatísticas, desde o mais simples até o mais complexo”. O método qualitativo não usa dados estatísticos para análise dos problemas. Este método almeja numerar ou medir unidades e categorias homogêneas, buscando entender a relação de causa e efeito do fenômeno e assim chegar a uma conclusão da sua verdade e razão. Procura


facilitar a análise de certas variáveis, classificando os processos experimentais de grupos sociais, compreendendo-os, e permitindo também com uma maior observação a interpretação dos comportamentos e atitudes dos indivíduos (OLIVEIRA, 1997). Como instrumento para esta pesquisa foram utilizadas entrevistas nãoestruturadas,

análise

de

processos

de

trabalho,

análise

comportamental,

questionários, e uma observação sistemática do trabalho desenvolvido, para identificar os estilos de liderança predominante das empresas A e B. A pesquisa foi realizada no período de fevereiro a maio de 2013. Foi utilizado o teste de Mann-Whitney U, que é uma alternativa não paramétrica para amostras grandes e pequenas, que faz uma observação de duas amostras independentes buscando identificar o grau de significância, de acordo as amostras e identificar se há possíveis diferenças entre os dados confrontados, neste caso o grau de significância utilizado foi de 5%. Possibilitando a identificação das variáveis pesquisadas (WEBSTER 2006).

ANÁLISE E DISCURSÃO DOS DADOS

1. ESTILOS DE LIDERANÇA DAS EMPRESAS A E B.

No estudo realizado observou-se que os estilos de liderança predominante nas empresas A foi o estilo Democrático e na empresa B o estilo Autocrático. Após análise dos dados de acordo a percepção dos liderados identificou-se que o líder da empresa A possui as características da liderança democrática, pois o líder busca manter todos os seus liderados informados sobre os objetivos e metas estabelecidas na empresa e conta sempre com a participação de toda equipe na tomada de decisões. Este líder, além de manter uma liderança participativa e democrática garante uma maior confiança dos liderados o que possibilita o compromisso com o mesmo (OLIVEIRA, 2007). Na análise referente à empresa B identificou-se que este possui características da liderança autocrática. Com a concepção dos liderados o líder desta empresa é autoritário e impõe suas opiniões sem se preocupar com a opinião


dos seus membros da empresa, só se preocupa com o funcionário do pescoço para baixo, e isso gera: perda de criatividade, falta de interesse e cria uma certa antipatia com o funcionário (OLIVEIRA, 2007).

2. ANÁLISE DOS DADOS.

Neste estudo foi realizado o teste de Mann-Whitney U, para descrever as diferenças entre as amostras das duas empresas. Na tabela a seguir mostra o valor do Test U de Mann Whitney e o grau de significância, que no caso foi utilizado o nível de significância de 5%. Observou-se com este teste que o estilo de liderança da empresa A é diferente da empresa B conforme análise. Através das questões percebeu-se que o líder da empresa A é totalmente voltado a análise de um ambiente harmonioso e que busca manter seus liderados informados sobre os objetivos e metas da empresa, mantendo a opinião de todos sobre as tomadas de decisões. Enquanto que na análise das questões da empresa B identificou-se que o líder é voltado somente para o resultado e que só transmite ao liderado as informações que ele estabelece como importantes tomando as decisões de maneira isolada sem contar com a participação de todos. A tabela abaixo apresenta conforme a percepção dos liderados, que há diferença nos estilos de liderança de cada empresa. O líder da empresa A possui características de uma liderança democrática, e o líder da empresa B possui características de uma liderança autocrática. Tabela 1: Teste de Mann-Whitney U para variável “liderança” entre as empresas A e B Teste de Questões

MannWhitney Valor U de Mann-Whitney

Sig

Idade

127,500

0,026

Sexo

123,500

0,044

1,000

0,000

0,000

0,000

A administração conversa francamente com os funcionários. A empresa possui programas de incentivo para os associados.


O líder possui um bom relacionamento

0,000

0,000

0,000

0,000

0,000

0,000

136,500

0,006

0,000

0,000

27,000

0,002

0,000

0,000

0,000

0,000

0,000

0,000

0,000

0,000

com o associado. O líder mostra-se interessado em solucionar os problemas e ajudar quando necessário. Seu líder é flexível. Quando você erra seu líder corrige a frente de todos. Você se sente a vontade para apresentar Novas ideias aos seus lideres. Você recebe informações do seu líder em relação ao seu trabalho. Você se sente a vontade para conversar com o seu líder. A autoridade do seu líder é reconhecida pelo grupo. Seu líder estimula a participação de todos na empresa. Há espaço para o associados tomarem Decisões. A liderança informa os objetivos da empresa

57,000

0,0169

para todos. Você participa da definição dos objetivos.

73,000

0,579

0,000

0,000

22,000

0,001

6,500

0,000

6,500

0,000

Você associado é analisado pelas suas habilidades.

10,000

0,000

Os treinamentos aplicados são importantes para

26,000

0,002

O líder consegue o comprometimento de todos da equipe. O líder discuti com vocês sobre as estratégias para atingir as metas. A empresa se preocupa em passar treinamentos adequados para todos os associados. Existem planos estratégicos para atingir as metas estabelecidas.

o desenvolvimento de seu trabalho. Fonte: Pesquisa de campo nas empresas A e B. Vitória da Conquista, 2013.

3. REFLEXOS NOS LIDERADOS:

O líder possui a capacidade de influenciar pessoas ou um grupo de trabalho, de maneira a conquistar a confiança e aceitação de todos criando assim entre lideres e liderados um laço de credibilidade, para que juntos alcancem os objetivos da empresa (BORGES E BAYLÃO 2010).


Esta análise trata da diferença dos estilos de liderança das empresas A e B e relata que o comportamento dos liderados é influenciado por fatores como: a) estilos de liderança, b) motivação, c) clima organizacional, d) desempenho. Após análise do questionário aplicado foi identificado na empresa A o estilo de liderança democrático. E assim ficou claro que o líder solicita a participação de todos na tomada de decisões, pois tem aí uma gama de informações de todo ambiente de trabalho para melhorar suas atividades e consequentemente garantir o sucesso da empresa. Pode-se perceber que os liderados da empresa A são motivados e possuem programas de incentivos para melhor desenvolvimento das suas atividades e desta maneira poderão influenciar positivamente no crescimento da empresa. O estilo de liderança predominante na empresa B foi o autocrático, uma vez que pela pesquisa realizada pode-se observar que os seus liderados são desmotivados e não têm estímulo para realizar suas tarefas no ambiente de trabalho, o líder é autoritário e busca expor suas opiniões de maneira objetiva sem se preocupar com o trabalho em grupo, pois acredita que o funcionário tem que ter um relacionamento profissional voltado somente para execução de tarefas que são estabelecidas pelo líder, sem ter oportunidade de expor suas ideias. O clima entre líderes e liderados é fundamental na empresa, pois ele garante o bom relacionamento entre todos. Na empresa A existe uma harmonia dos membros da empresa e o ambiente garante um melhor desempenho das atividades, já na empresa B pode-se perceber que o ambiente de trabalho sofre pressão e se mantem tenso durante todo o período em que as atividades são desenvolvidas. Percebeu-se também que o líder da empresa A preocupa-se em manter os seus subordinados sempre atualizados, possui programas de incentivo e aplica treinamentos periódicos para melhor desenvolvimento das atividades o que garante ao liderado maior confiança na execução de suas tarefas. Já na empresa B esta preocupação com os liderados não existe, pois a tarefa do líder é limitada a obter resultados sem se preocupar com o crescimento profissional dos seus subordinados. Desta maneira conclui-se que o clima da empresa a depender do estilo de liderança, garante o crescimento da mesma e possibilita melhor execução das atividades, e que o fator motivação influencia no desempenho dos liderados que podem agregar conquistas à empresa. Podemos concluir então, através dos dados apresentados, que o comportamento dos liderados numa empresa pode variar de


acordo com os métodos utilizados pelo líder, dentre estes métodos podemos destacar: a motivação, o modo como se relaciona com os membros da equipe e a preocupação com o seu desenvolvimento profissional.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Saber liderar é fator primordial para o progresso de uma empresa. Toda tomada de decisões deve ser responsável e coerente, mesmo que ocasione em erros, ela permite a análise mais ampla da empresa na busca dos seus objetivos. No decorrer dos anos as teorias da liderança foram se aperfeiçoando e nos tempos atuais buscam uma variedade de oportunidades para moldar e ter ênfase nos ambientes organizacionais. Como identificado existem muitas teorias da liderança e cada ambiente de trabalho se enquadra a uma delas, não existe uma forma correta ou incorreta de liderar. Existe uma forma adequada. Diante disso, o líder que busca se ajustar a realidade do mercado de trabalho é o líder ideal. Um líder bom é aquele que consegue se ambientar e ter boa aceitação em determinado grupo de trabalho. Com análise dos dados pelo método quantitativo e qualitativo utilizado nas empresas pesquisadas, observou-se que as empresas A e B possuem poucos funcionários, mas desta maneira foi possível identificar que as opiniões dos funcionários de cada empresa foram diferentes. Como apresentado anteriormente, na empresa A, conforme todos os seus funcionários, o líder prioriza pelo estilo democrático, enquanto que na empresa B o líder foi identificado com as caraterísticas do estilo autocrático. Esta observação foi resultado da análise quantitativa e qualitativa do teste de Mann-Whitney U. Com o resultado desta pesquisa foi possível comtemplar o objetivo geral e confirma os estilos de liderança das empresas A e B e como estes influenciam no comportamento dos seus liderados. Percebeu-se com este trabalho, que o estilo de liderança da empresa B é o estilo autocrático, e conclui-se que este estilo influencia no comportamento dos membros da empresa, gerando desmotivação e consequentemente a falta de compromisso com o resultado. Já na empresa A observou-se o estilo de liderança democrático,

e

comprovou-se

que

este

comportamento

permite

maiores


desempenhos das atividades e que mantem uma equipe unida com um objetivo em comum. Nesta análise também ficou claro que, a liderança autocrática tem maiores dificuldades em comunicação o que gera conflitos no ambiente de trabalho, e que a liderança democrática permite ao líder ter um bom relacionamento interpessoal, o que possibilita manter a participação de todos na tomada de decisões. Uma boa liderança é de certa maneira observada pelos seus liderados, e se estes são motivados logicamente alcançarão os objetivos estabelecidos. Os estilos de liderança podem ser observados pelos lideres das organizações e podem ser utilizados a depender da necessidade, do momento das realizações das tarefas e das pessoas. Cabe ao líder equilibrar suas práticas e saber quando e como aplicálas. Esta pesquisa teve suas limitações, pois possuiu uma amostra pequena dos dois ambientes de trabalho, uma vez que, o número de membros da empresa A são de 14 funcionários e os membros da empresa B são de 13 funcionários. Só foi possível observar através do questionário aplicado nas empresas A e B os estilos de liderança predominantes, e como estes estilos influenciam no comportamento dos liderados. Sugere-se que nova observação seja contemplada com o objetivo de abranger os conhecimentos sobre o assunto e tentar perceber se estes estilos influenciam nos resultados da empresa.

REFERÊNCIAS

ARAUJO, Luiz Cesar G. de. Organização, sistemas e métodos e as tecnologias de gestão organizacional. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2010. BORGES, Acácio Fonseca & BAYLÃO, André Luís da Silva. Liderança em tempo de mudanças. Disponível em: http://www.mbc.org.br/mbc/uploads/biblioteca/1187383236.2602A.pdf. Acessado em 26-05-2013. CERVO, Amado Luiz & BERVIAN, Pedro Alcino. Metodologia Científica. 5. ed. São Paulo: Prentice Hall, 2002. GOMES, Elaine Dias & MICHEL, Murillo. A motivação de pessoas nas organizações e suas aplicações para obtenção de resultados. Disponível em: http://www.revista.inf.br/adm13/pages/artigos/ADM-edic13-anovii-art05.pdf. Acessado em 18-05-2013.


LARA, Edineia dos Santos. Liderança: A Importância do Líder na Organização. Disponível em: http://tcconline.utp.br/wp-content/uploads/2013/02/LIDERANCA-AIMPORTANCIA-DO-LIDER-NA-ORGANIZACAO.pdf. Acessado em 18-05-2013. MILKOVICH, George T. & JOHN, W. Boudreau. Administração de recursos humanos. Tradução Reynaldo C. Marcondes. São Paulo: Atlas, 2000. OLIVEIRA, Silvio Luiz. Tratado de metodologia cientifica. 2 ed. São Paulo: Pioneira,1997. WEBSTER, Allen L. Estatística aplicada à Administração e Economia. Revisão Técnica Claudia Monteiro Peixoto. São Paulo: McGraw-Hill, 2006. OLIVEIRA, Odair José. O Administrador e a Liderança. Revista MultidisciplinarUNIESP N° 03 JUNHO DE 2007. Disponível em: http://www.uniesp.edu.br/revista/revista3/publi-art2.php?codigo=6. Acessado em 26/05/2013. STONER, James A. F. & FREEMAN, R. Edward. Administração. Rio de Janeiro: Prentice-Hall, 1995, 5ª ed. PESSOA, Eliana. Liderança e gestão intermediária. Publicado em 2005. Disponível em: www.sel.eesc.usp.br/informatica/.../lideranca_e_gestao_intermediaria.doc. Acessado em 20-05-2013. VOLPE, Renata Araújo. A importância do Treinamento para o Desenvolvimento do Trabalho. Disponível em: http://www.psicologia.pt/artigos/textos/TL0136.pdf. Acessado em 19-05-2013.


ANEXO QUESTIONÁRIO APLICADO

1º) Idade? ( )15 a 20 anos

( ) 21 a 30 anos

( )31 a 40 anos

( ) 40 a 50anos

2º) Sexo? ( )Feminino

( )Masculino

3º) A administração conversa francamente com os funcionários? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

4º) A empresa possui programas de incentivo para os associados? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

5º) O líder possui um bom relacionamento com o associado? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

6º) O líder mostra-se interessado em solucionar os problemas e ajudar quando necessário? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

( )Raramente

( )Nunca

7º) Seu líder é flexível? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

8º)Quando você erra seu líder corrige a frente de todos? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

9º) Você se sente a vontade para apresentar novas idéias aos seus lideres? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

10º) Você recebe informações do seu líder em relação ao seu trabalho? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

11º) Você se sente a vontade para conversar com o seu líder? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

( )Raramente

( )Nunca

12º) A autoridade do seu líder é reconhecida pelo grupo? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

13º) Seu líder estimula a participação de todos na empresa? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

( )Raramente

( )Nunca

14º) Há espaço para o associados tomarem decisões? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

15º) A liderança informa os objetivos da empresa para todos? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

( )Raramente

( )Nunca

16º) Você participa da definição dos objetivos? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

17º) O líder consegui o comprometimento de todos da equipe?


( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

18º) O líder discuti com vocês sobre as estratégias para atingir as metas ? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

19º) A empresa se preocupa em passar treinamentos adequados para todos os associados? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

20º) Existem planos estratégicos para atingir as metas estabelecidas? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

( )Raramente

( )Nunca

21º) Você associado é analisado pelas suas habilidades? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

22º) Os treinamentos aplicados são importantes para o desenvolvimento de seu trabalho? ( ) Sempre

( ) Quase sempre

( )Eventualmente

( )Raramente

( )Nunca

23º) Os treinamentos que são aplicados são significativos para você? Justifique? __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________

24º) Na sua opinião qual os melhores meios de obter um bom planejamento no objetivo de melhores resultados. __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________

M01371  

Monografia FAINOR

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you