Page 27

19

Há uma proteção clara e total a este ser vunerável as mazelas do mundo dos adultos, responsabilizando a sociedade e o poder público ao constar no princípio VI: A criança necessita de amor e compreensão, para o desenvolvimento pleno e harmonioso de sua personalidade; sempre que possível, deverá crescer com o amparo e sob a responsabilidade de seus pais, mas, em um ambiente de afeto e segurança moral e material; salvo circunstâncias excepcionais, não se deverá separar a criança de tenra idade de sua mãe. A sociedade e as autoridades públicas terão a obrigação de cuidar especialmente do menor abandonado ou daqueles que careçam de meios adequados de subsistência. Convém que se concedam subsídios governamentais, ou de outra espécie, para a manutenção dos filhos de famílias numerosas.

Declaração Universal dos Direitos das Crianças declara o direito á educação gratuita e ao lazer infantil, A criança tem direito a receber educação escolar, a qual será gratuita e obrigatória, para desenvolve, seu senso de responsabilidade social e moral. A prioridade de a ser socorrido em primeiro lugar, em caso de catástrofes, exploração no trabalho

a ser protegido contra o abandono e a

a crescer dentro de um espírito de solidariedade,

compreenção. A Convenção sobre os Direitos da Criança adotada em Assembleia Geral das Nações Unidas em 20 de novembro de 1989, é considerado o documento de direitos humanos mais aceito na história universal, foi ratificado por 193 países, sendo que

dois países não ratificaram a Convenção: os

Estados Unidos e a Somália. No seu preâmbulo tem a a família, como grupo fundamental da sociedade e ambiente natural para o crescimento e o bemestar de todos os seus membros, e em particular das crianças, deve receber a proteção e assistência necessárias a fim de poder assumir plenamente suas responsabilidades dentro da comunidade, valor o qual se vê descartado por um capitalismo imposto á sociedade. Reconhecer a família como principal base sólida para a formação da criança A Convenção de 1989 faz isso quando atribui valores como felicidade, amor e compreensão, dá a criança o direito de ser criada para uma vida independente na sociedade, ser educada de acordo com os ideais

M01200  
M01200  
Advertisement