Page 1

DIA MUNDIAL DA FILOSOFIA 16 DE NOVEMBRO DE 2017


DIA MUNDIAL DA FILOSOFIA • A UNESCO instituiu a celebração do Dia Mundial da Filosofia na 3ª quinta-feira de novembro de cada ano, subordinado a um mote que é definido anualmente pela UNESCO, este dia traduz o reconhecimento da importância da Filosofia, e do seu ensino, para o desenvolvimento de pessoas mais críticas, mais reflexivas, mais capazes de pensar a solução para os problemas éticos e políticos que preocupam as nações e os indivíduos em todo o mundo.

Fonte: 15-11-2017

http://apfilosofia.org/a-filosofia-no-coracao-da-unesco/, consulta em


DIA MUNDIAL DA FILOSOFIA

SUGESTÕES DE LEITURA EXISTENTES NAS BIBLIOTECAS ESCOLARES DO AGRUPAMENTO


A arte de argumentar O presente livro ensina a avaliar e a redigir ensaios argumentativos permitindo ao leitor não só exprimir e defender bem as suas ideias, mas também impedi-lo de se deixar adormecer pela retórica dos maus argumentos, infelizmente comuns nos mais diversos domínios. A Arte de Argumentar oferece-lhe a possibilidade de exercer com clareza e rigor as suas capacidades críticas. Utilizada em mais de 300 escolas americanas, esta Fonte: obra é fundamental para os estudantes de Filosofia http://www.gradiv do ensino secundário e superior, bem como, de a.pt/?q=C/BOOKSS quaisquer cursos que exijam a redacção de ensaios HOW/414 e a defesa de teses. Será também do interesse de Biblioteca da jornalistas, políticos, advogados e todos os Escola José profissionais que têm de escrever relatórios Falcão conducentes à tomada de decisões.


A filosofia com humor – Pedro G. Calero A filosofia é compatível com o humor? É possível aprender filosofia a rir? Neste hilariante livro, o leitor é convidado a uma deliciosa viagem pela história da filosofia e pelas vidas dos filósofos, em que se deparará com o mau humor da mulher de Sócrates, os sonhos de Maquiavel, as opiniões de Kant sobre o casamento, as desapiedadas observações de Nietzsche, a dedução lógica de Russell (de que ele e o papa são a mesma pessoa) e a agressividade de Wittgenstein de atiçador na mão… Bibliotecas Nota: Plano Nacional de Leitura das Escolas Livro recomendado para o Ensino Secundário como José Falcão sugestão de leitura. e Ferrer Fonte: https://www.wook.pt/livro/a-filosofia-comCorreia humor-pedro-gonzalez-calero/1533262


O mundo de Sofia: uma aventura na Filosofia – Jostein Gaarder

O Mundo de Sofia é um desses inexplicáveis sucessos que têm gerado uma contagiante adesão por parte dos leitores, entre os quais se contam muitos jovens. Mas não só. Tornou-se de imediato um bestseller em muitos países: está traduzido em mais de cinquenta línguas. Esta intrigante aventura filosófica, que põe em cena um professor de filosofia e uma jovem de catorze anos, percorre a história do pensamento ocidental, sem excluir alguns dos seus mitos e lendas e fazendo breves incursões pelas filosofias orientais. O tema central está estreitamente ligado à construção do universo romanesco que se duplica misteriosamente pela intervenção de outros dois personagens, apresentando-se ele próprio como um enigma. As misteriosas interrogações dirigidas a Sofia: «Quem és tu?» e «De onde vem o mundo?» são aqui emblemáticas da atitude de espanto de alguém, como Gaarder, para quem a existência é um coelho branco que o ilusionista tira ludicamente da cartola. Fonte: https://www.wook.pt/livro/o-mundo-de-sofia-jostein-gaarder/46273 Bibliotecas das Escolas José Falcão e Ferrer Correia


O dia em que Sócrates vestiu jeans – Lucy Eyre Um inteligente e divertido romance que nos mostra como a filosofia pode mudar as nossas vidas para melhor. (…) Excêntrico, divertido e original, O Dia em Que

Sócrates Vestiu Jeans é a história de um jovem que escapa da sua vida entediante para um excitante mundo paralelo e desperta para a real

Biblioteca da Escola importância da vida através da aprendizagem dos José Falcão conceitos básicos da filosofia. Fonte: https://www.wook.pt/livro/o-dia-em-quesocrates-vestiu-jeans-lucy-eyre/192997


Perguntas? Perguntas porquê? As crianças fazem perguntas, todo o género de perguntas, e normalmente são perguntas importantes. O que fazer com essas perguntas? É necessário que os pais lhes deem resposta? Convém ensinar a criança a pensar e a julgar por si mesma, para poder adquirir a sua própria autonomia e tornar-se responsável. Nos diversos livros da coleção "Filosofia para Crianças”, de Oscar Brenifier, são apresentadas várias respostas para cada Existem vários pergunta. Algumas delas poderão parecer livros desta coleção evidentes, outras misteriosas, espantosas ou nas Bibliotecas das até desconcertantes, mas todas elas serão Escolas José Falcão objeto de novas questões, porque o e Ferrer Correia e pensamento é um caminho sem fim. do Centro Educativo Fonte: https://www.wook.pt/pesquisa/filosofia+para+cri an%C3%A7as


A coleção Filosofia para Crianças, de Brigitte Labbé e Michel Puech, das edições Terramar (2003), consiste em 8 volumes temáticos destinados a crianças entre os 8/9 anos onde são tratadas as mais diversas

questões num tom humorístico mas Existem vários livros desta coleção nas Bibliotecas da Escola Ferrer Correia, do Centro Educativo e nas Caixas-biblioteca do 1º CEB

suficientemente sério para despertar a reflexão. A vantagem é que a redação do texto permite às crianças uma leitura autónoma dada a simplicidade da abordagem.

Fonte: http://www.paginasdefilosofia.net/filosofia-paracriancas-o-que-sabemos-e-o-que-nao-sabemos-vol-2/


O dia louco do professor Kant – J. P. Mongin

Que podemos conhecer? Que devo fazer? O que me é permitido esperar? Em Königsberg, o severo Professor Kant responde a estas questões e a tantas outras durante um dia tão

louco que até o fez esquecer do seu habitual Biblioteca da passeio… Escola José Falcão Fonte: https://www.wook.pt/livro/o-louco-dia-doprofessor-kant-jean-paul-mongin/9856554


A morte do divino Sócrates - J. P. Mongin Sócrates vai pelas ruas de Atenas, interpelando aqueles que encontra pelo caminho: Conhece-te a ti mesmo! Não te preocupes com as

riquezas, procura a verdade e torna-te filósofo! Isto não é do agrado dos Atenienses. No final de um processo, Sócrates é condenado a

Biblioteca da Escola José Falcão

beber cicuta (veneno). Irá ele fugir? Deverá um filósofo temer a morte?

Fonte: https://www.wook.pt/livro/a-morte-do-divinosocrates-jean-paul-mongin/9856553


O Filósofo e o Lobo - Mark Rowlands

É a história real de uma amizade de doze anos entre

um homem e um lobo. É um ensaio sobre o que nos separa (e aproxima) dos animais, é um tratado sobre a lealdade, o companheirismo e o amor - alicerçado nas ideias de pensadores como Nietzsche ou Albert Camus. Mas é também, acima de tudo, uma narrativa

comovedora, pungente, sobre o que significa ser-se humano - e sobre o que podemos aprender com os

Bibliotecas das Escolas José Falcão e Ferrer Correia

lobos. Fonte: https://www.wook.pt/livro/o-filosofo-e-o-lobomark-rowlands/16807871


O grande labirinto – Fernando Savater

Um romance filosófico para todas as idades.

Algo terrível está a acontecer no Estádio. As pessoas que vão assistir à chamada «Partida do Século» não voltam a sair, apesar de lá estarem fechadas há mais de uma semana. E umas figuras monstruosas ocupam o terreno de jogo… Fisco, Jaiko, Sara e Arno têm de tentar resgatar os seus, aparentemente, enfeitiçados familiares. Para isso (…) terão de viajar para o conseguir (…). Conhecerão Dom Quixote e Biblioteca da Sherlock Holmes, visitarão Praga, Veneza e Paris, Escola José navegarão com Sindbad e discutirão sobre o amor e Falcão a morte com um fantasma num palácio enfeitiçado. Depois voltarão a travar a batalha definitiva com o seu implacável inimigo que se alimenta de almas descuidadas. Fonte: https://www.wook.pt/livro/o-filosofo-e-o-lobo-markrowlands/16807871


Mais Platão, menos Prozac! – Lou Marinoff Marinoff é um dos pioneiros nos Estados Unidos da nova corrente filosófica que propõe retirar a filosofia dos debates académicos e levá-la para o quotidiano de todos os cidadãos. O autor indica o aconselhamento filosófico como alternativa às terapias que, usando palavras dele, não passam de farmacologia neural. O autor reconhece que o aconselhamento psicológico ou a assistência psiquiátrica, quando feitos por profissionais competentes, ajudam as pessoas a encontrar soluções para vários problemas, mas alega ser necessário, na maioria das vezes, aliar o tratamento psiquiátrico ao aconselhamento filosófico. Fonte: https://www.wook.pt/livro/mais-platao-menos-prozac--loumarinoff/47020

Biblioteca da Escola José Falcão


O livro de Manuel e Camila: diálogos sobre ética – Ernest Tugendhat, Ana Maria Vicuna, Celso López Este livro aposta em que filosofia e jovens têm muito a dizer um ao outro. É um convite

ao diálogo sobre o dever, as obrigações, a culpa, a admiração, a indignação, a autonomia, a reciprocidade e também sobre

Bibliotecas das Escolas José Falcão e Ferrer Correia

o sentido da vida. Conceitos que, como outros que frequentam este livro, gravitam

em torno do grande tema da moral.


Ética para um jovem – Fernando Savater

Pensado e escrito para ser lido por adolescentes, Ética para Um Jovem explica,

numa linguagem clara, profunda e ao mesmo tempo divertida, do que trata a ética e de como a podemos aplicar à nossa vida quotidiana para tentarmos viver da melhor maneira possível connosco e com os outros. Bibliotecas das Escolas José Falcão e Ferrer Correia

Um livro indispensável tanto para jovens como para pais e professores. Fonte: https://www.wook.pt/livro/etica-para-um-jovem-fernandosavater/163411


Bibliotecas das Escolas José Falcão e Ferrer Correia

As perguntas da vida - Fernando Savater Para que serve a filosofia? Qual deveria ser o seu papel no ensino? Estamos habituados a que a ciência resolva muitas das nossas dúvidas e problemas, mas algumas perguntas continuam em aberto, porque não admitem nenhuma solução definitiva. Porque é melhor manter em aberto as grandes perguntas do que contentar-se apressadamente com as respostas… Este livro gostaria de ser uma iniciação elementar à reflexão filosófica, tanto para aqueles que vão aproximar-se pela primeira vez do estudo da filosofia como para aqueles que - em qualquer idade - desejam conhecer os fundamentos desta tradição intelectual. Fonte: ttps://www.wook.pt/livro/as-perguntas-da-vida-fernandosavater/9600244


Problemas da Filosofia - James Rachels Não é apenas mais uma introdução à filosofia. James Rachels, um filósofo contemporâneo de primeira linha, guia-nos com a maior das naturalidades na discussão de alguns dos mais antigos, enigmáticos e estimulantes problemas da filosofia. O recurso frequente a exemplos e a contextualização da discussão com informação relevante, tanto da história da filosofia como do mundo contemporâneo, ilustram de forma brilhante a vitalidade, importância e atualidade da filosofia. Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/1270 Biblioteca da Escola José Falcão


O que diria Sócrates? – Alexander George

Biblioteca da Escola José Falcão

Este livro é uma prova admirável de como a filosofia está cada vez mais viva e atual. Nele, o leitor encontrará formuladas e respondidas muitas das questões filosóficas que certamente já se colocou nas situações mais banais e inesperadas da sua vida: interrogações acerca do que é certo ou errado fazer em determinadas situações, acerca da morte, do valor da vida, da natureza da arte, do amor, do sexo, da guerra, da verdade, da tolerância, da linguagem e muitas outras. Fontes: https://www.wook.pt/livro/o-que-diria-socrates-alexander-george/217293 https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/1219


A vida que podemos salvar – Peter Singer O filósofo Peter Singer, considerado pela revista Time uma das cem pessoas mais influentes do mundo, apresenta argumentos éticos, experiências mentais estimulantes, exemplos eloquentes e estudos de casos para demonstrar que a nossa resposta atual à pobreza mundial é não só insuficiente como eticamente indefensável. A Vida que Podemos Salvar é um livro que apela à ação, dando voz à esperança e à compaixão sem descurar a investigação rigorosa e o raciocínio cuidado que transparecem em todas as obras deste autor.

Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/6674 Biblioteca da Escola José Falcão


Elementos básicos de filosofia – Nigel Warburton

Biblioteca da Escola José Falcão

Essencial para o ensino secundário e o superior. A filosofia da religião, a ética, a filosofia política, epistemologia e metafísica, filosofia da ciência, filosofia da mente, filosofia da arte. E para o público em geral que queira pensar criticamente sobre os grandes temas que interessam a todos, como a eutanásia ou a democracia. Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/536


Biblioteca da Escola José Falcão

Que quer dizer tudo isto? – Thomas Nagel Qual o sentido da vida? E a natureza da morte? Existe mundo exterior? Seremos realmente livres? «Escreve-se acerca destes problemas há milhares de anos, mas a matéria-prima filosófica vem diretamente do mundo e da nossa relação com ele, e não de escritos do passado», afirma o autor na introdução. O autor oferece-nos uma esplêndida introdução aos principais problemas, teses e argumentos da filosofia, colocando a ênfase na capacidade de levantar questões, traçar distinções e formular hipóteses, exercendo assim a faculdade crítica da razão, que é, afinal, a própria função da filosofia. Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/413


Crianças em armas – Peter Singer

Biblioteca da Escola José Falcão

P. W. Singer, especialista, internacionalmente reconhecido, em assuntos de guerra do século XXI, escreve sobre como uma nova estratégia de guerra utilizada quer pelos exércitos quer pelos senhores da guerra teve como alvo as crianças, procurando transformá-las em soldados e em terroristas. Fonte: https://www.wook.pt/livro/criancasem-armas-peter-singer/225633


Escritos sobre Uma Vida Ética - Peter Singer Reúne os ensaios mais importantes e bemsucedidos de Peter Singer, filósofo mundialmente conhecido pelas posições controversas que assume e pelos textos polémicos que assina. O livro aborda de uma forma provocadora, talvez Biblioteca mesmo perigosa, os temas mais importantes da atualidade, desafiando o senso comum e as ideias da Escola José Falcão preconcebidas em assuntos como a eutanásia, o aborto, o uso de embriões humanos na investigação científica ou a obrigação moral das pessoas ricas ajudarem as pobres.

Fonte: https://www.wook.pt/livro/escritos-sobre-uma-vidaetica-peter-singer/200750


Como comemos – Peter Singer Porque as nossas escolhas alimentares fazem a diferença. Conveniência, preço e embalagem tornaram-se as forças motrizes da dieta alimentar. Mas qual é o verdadeiro custo das nossas escolhas alimentares diárias? Para responder a esta questão oportuna e importante, os autores Peter Singer, o mais perspicaz eticista, e Jim Mason, um escritor ambientalmente consciente, empreendem uma odisseia dos tempos modernos simultaneamente chocante e reveladora. Biblioteca Começando a sua aventura à mesa de jantar de três da Escola José Falcão famílias típicas, com gostos e hábitos de compras distintos, propõem-se determinar as origens dos alimentos que consumimos. Fonte: https://www.wook.pt/livro/como-comemos-jimmason/210210


Um só mundo: a ética da globalização – Peter Singer

Biblioteca da Escola José Falcão

Conhecido pelo pensamento original e corajoso sobre matérias que vão do tratamento dos animais à manipulação genética, Peter Singer centra agora a sua atenção nas questões éticas relacionadas com a globalização. Nesta obra estimulante, desafia-nos a pensar para além das fronteiras nacionais dos Estados e a considerar o possível significado de uma ética global no mundo atual. Singer coloca questões originais acerca de uma tal ética e fornece respostas esclarecedoras e práticas. O livro trata quatro grandes questões mundiais: as alterações climáticas, o papel da Organização Mundial do Comércio, os direitos humanos e a intervenção com fins humanitários, e a ajuda externa.

Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/907


Vozes do pensamento: uma obra para espíritos críticos – Isabel Rosete

A autora, Maria Isabel Rosete, é professora, investigadora e escritora nos domínios da Filosofia, da Estética, da Poesia e da Literatura. Esta é uma obra para mentes livres e abertas, Biblioteca da Escola José Falcão

pois revela uma visão crítica das entranhas da natureza humana, sem preconceitos.


O Livro dos Grandes Opostos Filosóficos – Oscar Brenifier Um livro para contemplar, um livro para pensar, um livro único… São 12 pares de contrários para refletirmos de

que modo os opostos precisam uns dos outros. Em cada par, uma pergunta para pensar e

Bibliotecas das Escolas José Falcão e Ferrer Correia

responder, seguida de uma breve conclusão. As ilustrações fascinantes dão corpo e vida às ideias. Fonte: https://www.wook.pt/livro/o-livro-dos-grandesopostos-filosoficos-oscar-brenifier/223249


Platão e um Ornitorrinco Entram num Bar... Filosofia com humor – Thomas Cathcart e Daniel Klein

Não precisa de saber muito de filosofia para desfrutar em pleno deste livro. Os autores tiveram o cuidado de não deixar nada de fora e, como tal, através deste divertido livro qualquer leitor compreenderá as grandes ideias da filosofia ocidental e fará uso delas da melhor forma possível: com humor. O livro provoca o riso, mas também deixa o leitor a pensar. É um autêntico curso intensivo em

Biblioteca que se explica a filosofia através de uma série de da Escola José Falcão anedotas e histórias cómicas. Fonte: https://www.wook.pt/livro/platao-e-um-ornitorrincoentram-num-bar--thomas-cathcart/219176


Ética Prática - Peter Singer

Esta obra - clara, informada e muito bem argumentada - enfrenta alguns dos grandes desafios éticos do nosso tempo. Trata-se dos desafios éticos impostos pela fome no mundo, pelo equilíbrio ecológico do planeta, pela exigência de igualdade e pela moderna ciência médica, entre outros. Que

posições poderemos defender com respeito à eutanásia e ao aborto? E relativamente aos refugiados e à ajuda internacional aos países do Terceiro Mundo? E quanto aos animais? Teremos o direito de os fazer sofrer só para satisfazer o nosso prazer? Que desafios nos levanta uma sociedade verdadeiramente igualitária? Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/677

Biblioteca da Escola José Falcão


Introdução à Filosofia Política – Jonathan Wolff Do máximo interesse para todas as pessoas que

procuram compreender melhor os grandes problemas da filosofia política clássica, da antiguidade grega aos nossos dias, esta é uma obra especialmente adequada para estudantes de Filosofia, Direito, Economia, Biblioteca Sociologia, Ciência Política e Relações Internacionais. da Escola José Falcão Contudo, pela sua clareza e apresentação direta e simples, trata-se de um livro que todo o cidadão deve

ler e discutir. Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/908


50 Ideias - Filosofia Que precisa mesmo de saber – Ben Duprés

Biblioteca da Escola José Falcão

Numa série de 50 acessíveis e lúcidos ensaios curtos, Ben Dupré introduz e explica os problemas do conhecimento, consciência, identidade, crenças, justiça, linguagem, sentido e estética, que prenderam a atenção dos pensadores desde a Grécia Antiga até ao tempo presente. Desmistificando e entretendo, 50 Ideias: Filosofia é a introdução perfeita à filosofia ocidental para os não iniciados, da autoria de um escritor com um talento especial para explicar conceitos complexos e desafiadores. Fonte: https://www.wook.pt/livro/50-ideias-filosofia-bendupre/10918194


Sete Cartas a um jovem filósofo “Meu caro amigo: Do que você precisa, acima de tudo, é de se não lembrar do que eu lhe disse; nunca pense por mim, pense sempre por você; fique certo de que mais valem todos os erros que forem cometidos segundo o que pensou e decidiu do que todos os acertos, se eles foram meus, não seus. Se o criador o tivesse querido juntar muito a mim não teríamos talvez dois corpos distintos ou duas cabeças também distintas. Os meus conselhos devem servir para que você se lhes oponha. É possível que depois da oposição venha a pensar o mesmo que eu; mas nessa altura já o pensamento lhe pertence. São meus discípulos, se alguns tenho, os que estão contra mim; porque esses guardaram no fundo da alma a força que verdadeiramente me anima e que mais desejaria transmitirlhes: a de se não conformarem.” Agostinho da Silva Biblioteca da Escola José Falcão


Hospital das Bonecas e Compreendendo o Meu Mundo: Manual do Professor para o Hospital das Bonecas – Ann M. Sharp Eu acho que quase todas as crianças têm uma boneca. Eu tenho. Também têm uma, não têm? Quando a Bolota, a boneca do Janeca, precisou de ir para o hospital, ele ficou muito preocupado. Será que a Bolota ia ser a mesma quando voltasse para casa? Aquilo que o Janeca ainda não sabe é que a viagem da Bolota para o Hospital das Biblioteca da Bonecas vai causar uma mudança Escola Ferrer particularmente especial na relação que eles Correia, Caixastêm um com o outro. O Hospital das biblioteca da EPE Bonecas pode ser utilizado em conjunto com e do 1º CEB o manual.


Quem disse que Ela morreu? O valor da Filosofia com palavras de alunos – Filipe M. Menezes “E, de repente, a comunidade apercebia-se de que a Filosofia tem muito para oferecer: uma disciplina tantas vezes conotado com algo aborrecido passava a ser discutida nos intervalos, na fila para comprar a senha de almoço, no bar, na sala de professores, em casa…” (Apresentação) “É com pequenos passos como os que esta obra revela, discretos mas persistentes, Biblioteca da despretensiosos mas empenhados, singelos Escola José mas eficazes, modestos mas metodologicamente corretos que se faz avançar Falcão e melhorar a qualidade do ensino da Filosofia no Secundário.” (Prefácio)


A última palavra – Thomas Nagel “E, de repente, a comunidade apercebia-se de que a Filosofia tem muito para oferecer: uma disciplina tantas vezes conotado com algo aborrecido passava a ser discutida nos intervalos, na fila para comprar a senha de almoço, no bar, na sala de professores, em casa…” (Apresentação) “É com pequenos passos como os que esta obra revela, discretos mas persistentes, despretensiosos mas empenhados, singelos mas eficazes, modestos mas metodologicamente corretos que se faz avançar e melhorar a qualidade do ensino da Filosofia no Secundário.” (Prefácio) A Última Palavra é uma leitura obrigatória não apenas para estudantes e professores de Filosofia, Sociologia, Direito, Comunicação e Antropologia, mas também para todos aqueles que se preocupam com a perigosa ausência de valores em alguns sectores da cultura contemporânea. Fontes: http://www.gradiva.pt/?q=C/BOOKSSHOW/620 https://www.wook.pt/livro/a-ultima-palavra-thomas-nagel/60544

Biblioteca da Escola José Falcão


Elementos de Filosofia Moral – James Rachels

Está finalmente disponível em português uma das melhores introduções à filosofia moral. Abordando os temas centrais desta disciplina de forma clara e despretensiosa, o autor guia-nos com segurança pelos labirintos fascinantes de problemas, teorias e argumentos relacionados com o modo como devemos viver a vida. Um dos aspectos mais inovadores da obra é a integração de diversos problemas de ética aplicada, como a eutanásia ou os direitos dos animais, para ilustrar os problemas e teorias estudados. O leitor compreenderá assim a pertinência das teorias de Kant, Hobbes, Mill, Hume, Aristóteles, Anscombe e tantos outros dos filósofos estudados. Do máximo interesse para todas as pessoas que procuram compreender melhor os problemas da filosofia moral, trata-se de uma obra especialmente adequada para estudantes do ensino secundário e superior, assim como para professores de Filosofia, Comunicação, Direito, Economia e Sociologia. Esta obra aborda, de forma clara e despretensiosa, mas profunda e iluminante, os principais temas e teorias da filosofia moral. Começando por discutir a própria definição de moralidade (…). Fontes: https://www.wook.pt/livro/elementos-de-filosofia-moral-james-rachels/59923 https://www.wook.pt/livro/elementos-de-filosofia-moral-james-rachels/59923

Biblioteca da Escola José Falcão


O medo do conhecimento - Paul Boghossian

Biblioteca da Escola José Falcão

O Medo do Conhecimento está traduzido para várias línguas, o que se deve, por exemplo, à relevância dos temas tratados, tanto para as ciências da natureza como para as humanidades. O autor expõe, com rigor e imparcialidade, o que considera serem os melhores argumentos a favor das conceções relativista e construtivista da verdade, para depois avaliar criticamente os argumentos das mesmas, cujas implicações sociais, sobretudo na educação, têm sido devastadoras. Trata-se de um livro breve, lúcido e espirituoso que mostra que a filosofia fornece um apoio sólido ao senso comum contra a ideia de que o conhecimento se resume a meras construções sociais contingentes. No entanto, o seu interesse vai além do campo da Filosofia, sendo um livro escrito também a pensar no leitor comum. Esclarece rigorosamente os fundamentos do conhecimento, da sua objetividade e da sua justificação racional, que muitos alegam terem sido seriamente abalados. Fontes: http://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/8004 https://www.wook.pt/livro/o-medo-do-conhecimento-paulboghossian/16374757


Ética com razões – Pedro Galvão

Biblioteca da Escola José Falcão

Será que o aborto é eticamente aceitável? E a eutanásia? Será que os animais têm direitos? Se não tiverem, ainda assim teremos obrigações para com eles? É nestes problemas que o livro se centra. Faz todo o sentido pensálos na mesma ocasião, dado que mantêm conexões significativas entre si. Toda a discussão é empreendida no terreno da ética filosófica, que é o da reflexão rigorosa e desapaixonada sobre o que devemos fazer. Acima de tudo, procura-se chegar a conclusões ponderadas através da apresentação e da avaliação das razões que apoiam as perspectivas éticas em oposição. O livro revela o poder da reflexão filosófica para iluminar questões éticas da maior importância. Questões que são muito discutidas — mas, de um modo geral, mal discutidas.

Fontes: https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/1009/etica-com-razoes https://www.wook.pt/livro/etica-com-razoes-pedrogalvao/16191329


A ética do aborto – Pedro Galvão

Biblioteca da Escola José Falcão

Será que abortar um feto humano é como assassinar um de nós? Este é o problema ético do aborto e é nele que incidem os seis ensaios aqui reunidos. Três dos autores defendem uma posição pró-escolha; os outros três defendem a posição pró-vida. Este livro proporciona assim uma introdução aos aspetos centrais do debate do aborto, dando a conhecer os melhores argumentos que cada uma das partes tem para oferecer. Fonte: https://www.wook.pt/livro/a-etica-do-aborto-pedro-galvao/172585


Biblioteca da Escola José Falcão

Sobre a morte e o morrer – Walter Osswald O presente texto ocupa-se principalmente com o processo de morrer e não tanto com o evento da morte. Assim, depois de uma breve revisão da história das conceções e atitudes perante a morte, ao longo dos séculos, dá-se especial atenção ao atual modo de morrer em Portugal, com a transferência da morte no domicílio para a morte hospitalar. Os cuidados paliativos, a dor, perda e sofrimento, o testamento vital, o suicídio assistido e a eutanásia, a espiritualidade, a fé e as noções da "arte de morrer" e da boa morte são temas abordados numa perspetiva de um olhar e de uma proposta pessoais. Fontes: https://www.wook.pt/livro/sobre-a-morte-e-o-morrer-walterosswald/15057996 https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/549/sobre-a-morte-e-o-morrer


A morte – Maria Filomena Mónica É provável que eu morra nos próximos dez, quinze anos. Tenho filhos e netos, amei e fui amada, escrevi livros, ouvi música e viajei. Poderia dar-me por satisfeita, o que não me faz encarar a morte com placidez. Se amanhã um médico me disser que sofro de uma doença incurável, terei um ataque de coração, o que, convenhamos, resolveria o problema. Mas, se isso não acontecer, quero ter a lei do meu lado. Gostaria que o debate sobre as questões aqui abordadas, o testamento vital, o suicídio assistido e a eutanásia, decorresse num clima sereno. Mas teremos de aceitar a discussão com todos os opositores, mesmo com aqueles que, por serem fanáticos, mais repulsa nos causam. Que ninguém se iluda: a análise destes problemas é urgente. Fontes: https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/143/a-morte https://www.wook.pt/livro/a-morte-maria-filomena-monica/11149207

Biblioteca da Escola José Falcão


Filosofia em Directo – Desidério Murcho Será a filosofia aquela coisa com a qual e sem a qual tudo fica tal e qual? Apresentando a filosofia em estado puro, sem mediações históricas nem académicas, este livro põe o leitor em contacto com o que tem caracterizado a filosofia nos últimos 2500 anos, para que a possa avaliar por si. Ocupando-se de problemas insusceptíveis de resolução científica, a filosofia tem oferecido à humanidade um exemplo notável da insistência em pensar quando a desistência é a atitude habitual. E não se trata apenas de insistir em pensar, mas de querer pensar da maneira mais rigorosa possível. A importância pública de saber pensar rigorosamente quando as soluções não são fáceis deveria ser óbvia, mas não o é. Este livro contribui para que passe a sêlo. Fontes: https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/17/filosofia-em-directo https://www.wook.pt/livro/filosofia-em-directo-desiderio-murcho/10402477

Biblioteca da Escola José Falcão


À procura da Liberdade, uma antologia – Jaime Gama e Gonçalo de Almeida Ribeiro

Biblioteca da Escola José Falcão

Esta antologia reúne um conjunto de pequenos excertos de grandes clássicos do pensamento que integram o património intelectual da liberdade na cultura ocidental. Trata-se de uma composição de autor(es) e não de uma compilação académica. Não se procurou fazer um levantamento exaustivo guiado por coordenadas científicas, nem mesmo basear o trabalho em um esforço prévio de investigação. A seleção dos protagonistas e dos textos reflete as orientações intelectuais, as preferências estéticas e sobretudo as limitações culturais e logísticas dos organizadores. Fontes: https://www.wook.pt/livro/a-procura-da-liberdade-jaime-gama/19337700 https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/965/a-procura-da-liberdade-umaantologia


Liberdade e informação – José Manuel Fernandes A liberdade de expressão e a liberdade de imprensa são valores que, mesmo consagrados formalmente como direitos universais do Homem, continuam a ser objecto de vivas controvérsias. Entre a tradição de não intervenção das autoridades públicas iniciada com a aprovação da Primeira Emenda da Constituição dos Estados Unidos e a defesa da necessidade do olho vigilante de entidades reguladoras, são também duas escolas de pensamento que se confrontam. Num tempo em que as empresas de media tradicionais enfrentam enormes dificuldades e desafios, importa defender o jornalismo profissional e independente, até porque este desempenha um papel central no equilíbrio dos sistemas de pesos e contrapesos e de governo limitado que caracterizam as democracias modernas. Fontes: https://www.wook.pt/livro/liberdade-e-informacao-jose-manuel-fernandes/ 11353963 https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/183/liberdade-e-informacao

Biblioteca da Escola José Falcão


Lógica: Um Curso Introdutório - W. H. Newton Smith Publica-se pela primeira vez em Portugal uma introdução completa à dedução natural, dirigida sobretudo a estudantes e professores da área das Humanidades e de vários ramos da ciência. Lógica: Um Curso Introdutório coloca em evidência a importância da lógica na filosofia, apresentando numerosos exercícios para um Biblioteca maior domínio das técnicas lógicas e da Escola preparando o leitor para o estudo da filosofia da linguagem, da ciência e da matemática. José

Falcão

Fontes: https://www.wook.pt/livro/logica-um-curso-introdutorio-w-hnewton-smith/60500 http://www.gradiva.pt/?q=C/BOOKSSHOW/564


Linguagens da arte: Uma Abordagem a uma Teoria dos Símbolos – Nelson Goodman Esta obra, originalmente publicada em 1976, tornou-se rapidamente um «clássico moderno» da estética filosófica, motivando inclusivamente o desenvolvimento exponencial que a disciplina tem conhecido desde então. Sem abandonar os seus pressupostos a-realistas e nominalistas, Nelson Goodman aborda de forma profunda e estimulante vários problemas centrais da filosofia da arte: o problema da natureza da representação pictórica realista (recusando a teoria da arte como imitação ou mimesis), o problema mais geral da representação artística, o problema da autenticidade na arte e o papel cognitivo das artes. Abordando não apenas a pintura, a literatura e a música, mas também a dança e a arquitetura, Goodman apresenta uma perspetiva polémica das artes, que urge discutir criticamente. Fontes: https://www.wook.pt/livro/linguagens-da-arte-nelson-goodman/180633 http://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/1075

Biblioteca da Escola José Falcão


Dicionário de Filosofia – Simon Blackburn A filosofia é o pensamento humano autoconsciente. Os seus tópicos são a vida, o universo e todas as coisas: pode incluir todas as categorias de pensamento religioso, artístico, científico, matemático e lógico. Este dicionário de filosofia é um registo de alguns dos termos que animam tal reflexão, considerados proveitosos na sua condução. Qualquer contacto com a história da filosofia mostra quão Biblioteca intimamente os seus interesses se fundem com os interesses de áreas que têm outras designações da Escola académicas: literatura, física, psicologia, sociologia e José teologia.

Falcão

Fonte: http://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/416


As tecnologias da inteligência – Pierre Lévy Amanhã, como pensaremos? Quais os valores da cultura informatizada? Os avanços sem precedentes das técnicas de transmissão e processamento de informação provocam alterações nas formas de perceber, pensar e comunicar. Investigação apurada das «tecnologias intelectuais» nascidas do progresso da informação e da inteligência artificial: hipertextos, sistemas periciais, novos interfaces... As fascinantes capacidades destes instrumentos são aqui reveladas, assim como as modificações que trazem ao nosso modo de pensar e conhecer. A primeira parte desta obra é relativa à informática da comunicação, no que tem de mais original em relação aos outros média. Uma interessante panorâmica histórica do modo como as «tecnologias intelectuais» acompanham as normas e estilos de saber vigentes, constituem a segunda parte. A última é dedicada à conceção do programa de ecologia cognitiva, sendo repensada a relação sujeito/objeto e onde o futuro do pensamento é um primeiro aspeto a considerar. Fonte: https://www.ipiageteditora.com/catalogue/as-tecnologias-da-inteligencia_1012/

Biblioteca da Escola José Falcão


A sociedade de consumo – Jean Baudrillard

Biblioteca da Escola José Falcão

A presente obra de Jean Baudrillard constitui uma das principais contribuições para a sociologia contemporânea, e é hoje uma obra consagrada internacionalmente. Nela procede o autor a uma análise profunda e estimulante daquilo que constitui um dos fenómenos mais característicos das sociedades desenvolvidas da segunda metade do século XX, mostrando de que forma as grandes corporações tecnocráticas suscitam desejos irreprimíveis, criando novas hierarquias sociais que substituíram as antigas diferenças de classes. O consumo, na qualidade de novo mito tribal, transformou-se, segundo o autor, na moral do mundo contemporâneo. Fontes: https://www.wook.pt/livro/a-sociedade-de-consumo-jeanbaudrillard/191371 https://www.fnac.pt/A-Sociedade-de-Consumo-Jean-Baudrillard/a248586


O Homem Light: Uma vida sem valores - Enrique Rojas O livro serve como uma denúncia, onde Enrique Rojas expressa as suas preocupações quanto aos rumos seguidos pela sociedade opulenta de bem-estar no Ocidente, na medida em que influencia outros continentes. Segundo o autor, o homem light é um sujeito que tem por bandeira uma teatralidade niilista- hedonismo- consumismopermissividade- relativismo. Todos impregnados de materialismos. Para Enrique, o homem light com os produtos light (tabaco, bebidas e certos alimentos), e, o definiu como um homem materialista, superficial convertido num sujeito trivial. Ele afirma ainda que, nele tudo se torna leve, volátil, banal, permissivo e o caracterizou como um sujeito de pensamento débil, convicções sem firmeza, apatia nos seus compromissos, repleta de neutralidade. Termina dizendo que, o homem light é frio e não crê em quase nada, suas opiniões mudam rapidamente e vive afastado dos valores transcendentes. Fonte: https://unicvlponline.wordpress.com/estudos-franceses-4/estudos-franceses2013/partilha/melodi-m-tavares/o-homem-light-uma-vida-sem-valores/

Biblioteca da Escola José Falcão


Limites da Ciência – Jorge Calado A ciência é infinda, mas limitada. Alguns limites são internos: as regras, leis, princípios, teoremas, etc., que a própria ciência produz. Outros, impostos pelas técnicas e instrumentos de medida, são provisórios. A língua (matemática) e a linguagem científicas também podem ser obstáculos à comunicação. Os verdadeiros limites da ciência são, porém, de natureza ética, política, económica e financeira. Neste ensaio são analisados os quatro CC da ciência: o seu carácter (nomeadamente a serendipidade da descoberta científica), as crises causadas pela censura e pelo mau comportamento científico (erro, plágio, fraude), o papel do capital (financiamento e administração da ciência) e as catástrofes (naturais, como a erupção da Krakatoa, em 1883; ou devidas a falha humana, como Bhopal, Chernobyl e Golfo do México). São também discutidas as ameaças vinda do espaço, os sobressaltos do bioterrorismo e das nanotécnicas e o destino do lixo nuclear. Numa época em que a guerra se trava já no ciberespaço, o leitor é alertado para os perigos latentes da (super)inteligência artificial. Fontes: https://www.wook.pt/livro/limites-da-ciencia-jorge-calado/15951810 https://www.ffms.pt/publicacoes/detalhe/874/limites-da-ciencia

Biblioteca da Escola José Falcão


Ciência – João Caraça

Biblioteca da Escola José Falcão

“Hoje em dia, o exercício do poder, para ser credível e aceitável, precisa de se basear em conhecimentos científicos. Assim, não se visualiza um Estado moderno sem a sua «corte» de conselheiros e administradores de ciência e uma constelação de centros de investigação científica em áreas estratégicas nem a operação de grandes empresas multinacionais e transnacionais sem o concurso de sofisticados processos e infraestruturas de natureza científica e tecnológica. As relações da Ciência com o poder são, pois, constitutivas, instrumentais, temporais, históricos. Não podem ser descontextualizadas, sob pena de obscurecermos o seu entendimento.” Fontes: http://rotasfilosoficas.blogs.sapo.pt/22918.html https://www.wook.pt/livro/ciencia-joao-caraca/109459


Morte Assistida: Temos o direito de escolher a forma como morremos? – Lucília Galha

Biblioteca da Escola José Falcão

(…) Morte Assistida conta ainda com o testemunho de outros portugueses que se confrontam diariamente com a iminência do final da vida. Alguns não têm perspetiva de recuperação, restando-lhes apenas um tratamento paliativo, e todos gostariam que a morte assistida fosse legislada e despenalizada em Portugal. No nosso país, o incitamento ou ajuda ao suicídio é penalizado com pena de prisão até três anos. Portugal também é dos poucos países da Europa que não tem uma associação right-to-die, que defenda os direitos dos doentes e a liberdade de escolha no fim de vida Fonte: https://www.wook.pt/livro/morte-assistida-lucilia-galha/14828323


MALICORNE: Reflexões de Um Observador da Natureza – H. Reeves Será verdade que o conhecimento científico é incompatível com a emoção estética? A ciência perdeu ou ganhou ao trocar o determinismo rigoroso, fatalista e perpétuo, que foi seu timbre até há pouco, pela probabilidade, pelo incerto, pelo imprevisível? Se não fosse a expansão, teria o Universo permanecido para sempre no estado caótico primordial, sem lugar para a diferenciação, a organização, a complexidade, a vida, o homem, o cérebro pensante, a criatividade? Uma borboleta, ao bater as asas no Amazonas, poderá desencadear uma tempestade no Texas? Será o tempo reversível, por nada permitir distinguir o futuro do passado? Para se ser bom cientista tem de se repudiar a religião e vice-versa? Fonte: http://nautilus.fis.uc.pt/softc/Read_c/gradiva/2043.htm

Biblioteca da Escola José Falcão


Pipocas com Telemóvel e outras histórias de falsa ciência - Carlos Fiolhais e David Marçal

Biblioteca da Escola José Falcão

A falsa ciência que circula na Internet, nos media, que se vê no supermercado e até - pasme-se! - na escola; a falsa ciência na saúde e a falsa ciência na própria ciência. Num livro bem-humorado e muito esclarecedor, os autores desmontam alguns «factos» pseudocientíficos que se construíram e alimentam no nosso quotidiano. Como eles próprios afirmam, «se a ciência pode ser divertida, a pseudociência é garantidamente muito divertida». Uma leitura informativa que expõe os logros mais atuais.

Fonte: http://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/7134


DIREITOS HUMANOS DE ONDE VÊM, O QUE SÃO E PARA QUE SERVEM? – Raquel Tavares A obra contém um resumo da evolução histórica dos direitos humanos e da sua definição e principais características, assim como o enunciado dos principais instrumentos existentes para promover e proteger estes direitos, a nível universal e regional. Inclui também um capítulo conteúdo da Declaração Universal dos Direitos do Biblioteca Homem e sobre o quadro jurídico em vigor em matéria de, nomeadamente, direitos civis e políticos, direitos da Escola económicos, sociais e culturais, discriminação racial, discriminação contra as mulheres, direitos da criança, das José pessoas com deficiência e dos migrantes e dos direitos Falcão humanos na administração da justiça.(...) Fonte: https://www.incm.pt/portal/loja_detalhe.jsp?codigo=102347


Janelas para a filosofia – Aires Almeida e Desidério Murcho

Biblioteca da Escola José Falcão

Da filosofia moral e política à filosofia da arte e da religião, da teoria do conhecimento à filosofia da ciência e à lógica, os autores apresentam-nos alguns dos problemas, teorias, argumentos e conceitos que constituem o núcleo da reflexão filosófica e que somos incentivados a analisar e discutir. Leitura indispensável em escolas e universidades, para professores e alunos.

Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/ 7849


Introdução à Filosofia da Ciência – Lisa Bortolotti

«Sem pressupor qualquer conhecimento prévio quer de filosofia quer de ciência, Lisa Bortolotti explica todos os temas centrais com clareza, acrescentando-lhes interessantes pontos de vista pessoais.

Biblioteca da Escola José Falcão

Este livro é a primeira abordagem ideal para quem quer compreender a relação entre a teorização científica e a realidade.»

Fonte: https://www.gradiva.pt/index.php?q=C/BOOKSSHOW/ 7534

Dia fil 2017  
Dia fil 2017  

Sugestões de leitura da biblioteca escolar - Dia Mundial da Filosofia - Agrupamento de Escolas de Miranda do Corvo.

Advertisement