Issuu on Google+

VisusTv distribui soluções multimídias com meta de vender 10 mil/ mês até a Copa

SÃO PAULO - BRASIL / JUNHO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 4 / PÁGINA 1

Rede de fast food espera ultrapassar a marca de 1bi com vendas através de iPhones Samsung anuncia que comercializará netbooks e notebooks no Brasil PUBLICAÇÃO DIRIGIDA AO MERCADO DE INFORMÁTICA / SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / www.latinmediapublishing.com

Belkin planeja estratégias para 2010 com novo fôlego e foco em conquistar o mercado Acreditando no potencial da economia brasileira, a empresa aposta no bom desempenho do país para retomar suas atividades com mais empenho do que nunca. Veja entrevista completa com Allan Robson, Gerente Nacional de Vendas da Belkin no Brasil.

fabricantes e distribuidores de informática se programam para um ano de muito sucesso

Com a economia brasileira em boa fase, mercado prevê uma retomada de vendas com bastante força. As expectativas para o desempenho em 2010 são positivas, distribuidores e fabricantes estão otimistas e acreditam que será um ano de superação.

Natal 2009 deve ter um dos melhores resultados dos últimos 10 anos Mercado está otimista com as vendas que ocorrem nas festas de final de ano e, espera-se um aumento de 7% em comparação ao ano anterior. Distribuidores apostam em linhas jovens para atrair mais revendas.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 2

SUMÁRIO

p4 VisusTV pretende vender 10 mil sintonizadores de TV Digital por mês até a Copa do Mundo

p 11 Multifuncional compacta da Epson chega focada no mercado corporativo

Staff p 16 Fabricantes e Distribuidores de informática comentam as expectativas para 2010 p 18 Natal 2009 deve ser um dos melhores dos últimos 10 anos

p 12 Apostando no Brasil Grupo Fabinject fecha parceria com a marca Tenda

Departamento de Arte Carla Carpossi carla@latinmediapublishing.com Jornalista Responsável Fernanda S. Beziaco Mtb 55756/SP fernanda@latinmediapublishing.com

Jean Garnier Jean.p.garnier@gmail.com Maurício Mudrik mudrik@superfast.com.br Departamento Comercial Brasil > VMA ASSESSORIA vendas@latinmediapublishing.com (+55 11) 7885-5237

p 13 Qnap leva qualidade de cinema para a televisão de casa p8 Officer Distribuidora faz oferta de compra para a BP Solutions

p 19 Samsung anuncia comercialização de notebooks e netbooks para o Brasil p 20 Denatran apresenta sistema Siniav para monitorar informações de veículos

p9 AMD e Intel terminam disputa e chegam a um acordo sobre licenciamento de patentes

EUA > Verónica Torres Falco sales@latinmediapublishing.com Coordenação Geral Verónica Torres Falco

não se responsabiliza por quaisquer opiniões aqui expressas, quer como artigo, notícia ou informe publicitário. Impressão DUOGRAF Gráfica e Editora Ltda. São Paulo, Brasil vendas@duograf.com.br (+55 11) 3933-9100 Revisão Ortográfica

p 14 Em nova fase Belkin planeja estratégias no Brasil para 2010

Wilson Barbosa, novo contratado da empresa, acredita no bom desempenho do mercado em 2010.

Diretora Editorial Natalia P. Meyer natalia@latinmediapublishing.com

Colaboradores Jaqueline Cabral jaqueline@latinmediapublishing.com

p6 Diretor da Prolink do Brasil comenta estratégias para 2010

p 10 Wacom tem novo gerente nacional de vendas

Diretor Geral Luis A. Martorano luis@latinmediapublishing.com

p 15 Pedidos pelo iPhone abre o apetite de grandes redes de fast food

p 21 CA patrocina pesquisa global que revela um alto investimento com segurança em Tecnologia da Informação

project@wordsandwords.com (+55 11) 4191-2894 Distribuidores & Mercado e uma co-produção de:

Latinmedia Publishing, Inc. 8424 NW 56th Street Suite MVD 039906 Miami, FL 33166, USA F (+1 305) 260 6436

p 22 All Nations faz Road Show em Vitória e espera receber 200 revendedores

VMA Comercial VMAAssessoria Assessoria Comercial em Ltda. em Informática Informática Ltda. Alameda Grajaú 584, Suíte 168 São Paulo, SP 06454-050, Brasil F (+55 11) 7892 7447


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 3


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 4

VisusTV pretende vender 10 mil sintonizadores de TV Digital por mês até a Copa do Mundo Com uma meta ousada para 2010, empresa nova no mercado brasileiro dá seus primeiros passos em busca do sucesso.

Por Fernanda Beziaco

nos principais varejistas do Brasil. Segundo

ingressou na Pinnacle Systems, onde permane-

desafio. Associando-se a uma das empresas

cana de soluções multimídias, começaram no

Jaime, um dos principais atrativos da empresa

ceu por nove anos. Nesta empresa desenvol-

mais forte do mercado asiático na área de

ano de 2009, sob o comando de Jaime Paez,

é o USB TV Hybrid, que serve como analógico

veu trabalhos na área de marketing, criação de

TV, formando a partir desse relacionamento a

fundador da empresa. Com o objetivo de dis-

e digital.

demanda, aplicações e desenvolvimentos de

empresa e a marca VisusTv.

As operações da VisusTV, fabricante ameri-

VAR’s para América Latina, chegando a atingir

tribuir os produtos pelo mercado brasileiro e Sobre a experiência do executivo, Paez ini-

35% das vendas das Américas. E, neste ano,

parceiro distribuidor da marca. A empresa

ciou suas atividades de trabalho na Tech Data,

após sair da Pinnacle, Paez assume este novo

investiu cerca de R$1 mi e sua meta é vender

nos Estados Unidos, em 1981. Nesta época se

10 mil unidades de sintonizadores de TV Digi-

formou pela University of Tampa, em Relações

tal por mês, até a Copa do Mundo de 2010.

Internacionais. Ao chegar ao Brasil, perma-

O VisusTV Xtreme, que é um sintonizador, per-

neceu por cerca de seis anos na indústria de

mite ao usuário a captação de TV Digital em

papelaria, onde fez parte da equipe que lan-

alta definição no computador, capta todos os

çou o Papel Report da Suzano do Brasil.

América latina e, conta com a Superkit, como

Para saber mais sobre a VisusTV, visite: www.visustv.com.br. VisusTvExtremeUSB

tipos de canais, seja aberto, analógico, cabo Em 1990, Jaime aceita uma oferta de tra-

ou antena, além de rádio FM.

balho de uma das maiores distribuidoras de Em 2010, a empresa espera lançar cerca de

informática da época, Merisel, que acabou se

cinco novos produtos e planeja estar presente

transformando na CHS em 96. No ano 2000,

Características do produto

Jaime Paez, Fundador da Visus TV

• Assista TV digital e analógica em seu PC; • Inclui controle remoto e antena telescópica; • Recepção ultra-sensível para TV digital e analógica; • Áudio digital para TV digital e analógica; • Recepção de rádio FM; • Transforma seu PC em um gravador digital com timeshifting: pause TV ao vivo e retrocede; • Capture vídeo direto do seu set-up box ou filmadora através do cabo adaptador de áudio/vídeo incluso; • Grave seus programas favoritos direto no disco rígido.

equivalente para recepção de HDTV); • RAM: 512MB para Windows Vista (1GB recomendados);256MB para Windows (512MB recomendados); • Porta USB 2.0 disponível; • Placas de áudio e vídeo com suporte para DirectX9® ou superior; • 1GB de espaço livre em disco (recomenda-se 20GB para gravação de TV); • Unidade de CD-ROM ou DVD-ROM.

Disponível para: • Windows Vista™ ou Windows 7, ambos com 32 e 64 bit; • Intel® Pentium® 4 de 2.2GHz, Pentium M 1.3GHz ou AMD® Athlon® 64 (necessário um Pentium 4 2.8GHz, Pentium M 1.7GHz ou AMD Athlon 64

Entradas: • Antena TV/FM (conector-F/Coaxial); • S-Vídeo, vídeo composto (RCA), áudio estéreo (1/8”).

Padrões de Sintonia de TV Digital: • SBTVD / ISDB-T (FullSeg, HDTV com resolução de até 1080i e SDTV); • Analógica: PAL, PAL-M, SECAM, NTSC (cabo, aéreo).

Formato de Gravação: • MPEG-2.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 5


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 6

Diretor da Prolink do Brasil comenta estratégias para 2010 Por Fernanda Beziaco

Com mais de 18 anos de experiência com os produtos PixelView, a Prolink do Brasil se prepara para conquistar mais clientes no primeiro trimestre do próximo ano. está sob direção de Alex Luiz Pereira, que já

qualidade e com responsabilidade ambiental.

da marca PixelView, fabricados pela Prolink

participa da empresa desde 1997. Para 2010,

Segundo Alex, este é o viés que já existe nos

Microsystems Corp. Esses produtos são placas

a empresa já prepara suas estratégias. “Man-

mercados Europeu e Norte Americano.

VGA 3D, captura de vídeo, placas de sintonia

ter o diferencial de nossos produtos, o índice

de TV, MP3 Player, entre outros produtos. Com

muito baixo de RMA, a nossa certificação

mais de 18 anos de atuação, a Prolink de-

RoHS, a alta qualidade e produtos desenvolvi-

bre preço, qualidade e marcas. “Quando um

senvolve hardware VGA e é pioneia em placa

dos para atender as especificações do usuário

produto possui preço muito abaixo da média

combo VGA.

brasileiro, com suporte e RMA local. Desta

de mercado, é sinal evidente de que algo

forma, o Canal terá interesse em trabalhar

está errado, algo foi sacrificado para se obter

com nossa marca, além das diversas ações de

o custo baixo, e normalmente sacrifica-se a

e nos Estados Unidos, permite que o suporte

marketing e incentivo a vendas que estamos

qualidade, pois muitos ainda acreditam que o

técnico e a distribuição no Brasil sejam mais

planejando para 2010, ano de Copa do Mun-

Brasil é um mercado onde produtos de baixa

eficientes.

do”, informa Alex.

qualidade podem ser vendidos. Mas, a história

A Prolink do Brasil comercializa produtos

O Acesso direto com o fabricante em Taiwan

Atualmente, a empresa tem dois parceiros

Além disso, o executivo comenta a tendên-

Para concluir, Pereira fez uma análise so-

já provou que somente marcas com qualidade

que vão conquistar respeito e permanecerão

permanecem, enquanto as outras surgem e

no mercado”, finaliza Alex Luiz.

para a distribuição, EverBiz e Superkit. O es-

cia do mercado brasileiro, que deve seguir o

desaparecem. As empresas que oferecerem

critório comercial está situado em São Paulo,

conceito de escolha do consumidor, que está

produtos de alta qualidade e que se preocu-

porém a distribuição é feita em todo país e

preocupado em adquirir produtos de boa

pam com o meio ambiente, serão as empresas

Alex Luiz Pereira, Diretor da Prolink do Brasil

Para saber mais sobre a Prolink do Brasil e PixelView, visite: www.pixelview.com.br.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 7


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 8

Officer Distribuidora faz oferta de compra para a BP Solutions Companhia prossegue com as ações de aquisição de novas empresas como forma de ampliar sua atuação no mercado interno. significará um incremento na sua base de

diretor executivo da empresa, "a BP Solutions

nologia da Informação (hardware, software e

clientes que passaria de 20.000 revendas ca-

continuará mantendo sua especialização no

networking), assinou documento vinculante

dastradas e 10.000 ativas para 35.000 cadas-

segmento de automação e o respeito às políti-

bilateral para aquisição da totalidade das quo-

tros e 14.000 revendas ativas.

cas de canais, que sempre foram o alicerce da

A Officer, distribuidora de produtos de Tec-

empresa desde a sua fundação". O nome da

tas da BP Solutions, empresa 100% brasileira de distribuição de produtos para automação

"Sempre olhamos novas oportunidades

empresa será mantido, bem como sua forma

de negócios com atuação em todo o territó-

de negócios que podem nos proporcionar

de atuação. "Manteremos ainda nossos cola-

rio nacional. Esta aquisição será de grande

resultados expressivos, tanto de atuação

boradores, parceiros e fornecedores, sempre

relevância para os planos futuros da Officer,

quanto de expansão. Para isso, a aquisição da

dando continuidade a nossa estratégia de

que passa a atuar na criação de novas oportu-

BP Solutions é de suma importância", afirma

mercado", conclui o executivo.

nidades de negócios para seus revendedores,

Fábio Gaia, presidente da Officer Distribuidora.

fortalecendo sua posição de liderança no Brasil e buscando a consolidação deste mercado.

Após a conclusão da aquisição, a BPsolutions funcionará como subsidiária da Officer e conti-

Por meio dessa aquisição, a empresa pre-

nuará operando de forma independente.

tende expandir sua linha de produtos, começando a atuar no segmento de automação de

Os principais gestores também permanece-

negócios com mais de 3.000 itens no portfó-

rão, preservando sua autonomia no controle

lio. Além disso, a aquisição da BP Solutions

das operações. Conforme explica Julio Vidotti,

" S empre ol h amos novas oportunidades de negócios que podem nos proporcionar res u lt ados e x pressivos , tanto de atuação quanto de expansão. Para isso, a aquisição da BP Solutions é de suma importância"


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 9

AMD e Intel terminam disputa e chegam a um acordo sobre licenciamento de patentes Depois de passarem um longo tempo disputando as duas empresas encerram a briga e retiram as acusações. A AMD, Advanced Micro Devices, e a Intel

Segundo dados divulgados pela IDC, o

Corporation, anunciaram no último mês de

mercado de processadores está em fase de

novembro um acordo global acabando com

crescimento.

as disputas judiciais entre as empresas. No terceiro trimestre cresceu 23% em Ambas brigavam por licenciamento de pa-

comparação ao trimestre anterior. A venda de

tentes e, em declaração, as duas companhias

processador móvel cresceu 35,7% e as vendas

informaram que apesar de a relação ter sido

de processadores para computadores de mesa

conturbada no passado, este acordo permitirá

cresceu 11,4%.

a concentração em inovação e desenvolvimento de produtos.

Atualmente a Intel detém a liderança do segmento, com uma fatia de 81,1% do mercado,

O licenciamento no novo acordo será de

em seguida aparece a AMD, com 18,7%. No

cinco anos, onde a Intel e a AMD terão diretos

quarto trimestre a IDC estima um crescimento

de patentes. E, a Intel pagará uma quantia de

de 1,5% em relação a 2008, atingindo cerca de

USD 1250 milhões para AMD, além de tra-

300 milhões em vendas de processadores.

balhar seguindo algumas práticas comerciais. Do outro lado, a AMD deve ignorar os litígios pendentes.

Para saber mais sobre a AMD e Intel, visite: www.amd.com.br ou www.intel.com.

Por Fernanda Beziaco


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 10

Wacom tem novo gerente nacional de vendas Por Fernanda Beziaco

Wilson Barbosa, novo contratado da empresa, acredita no bom desempenho do mercado em 2010. Wacom são rapidamente transformados em

que estiverem antenadas com esta mudança

Agora, com a chegada de Barbosa, as estraté-

objetos de desejo, com seus monitores LCD in-

terão resultados financeiros acima do espera-

gias de vendas devem ser intensificadas, para

terativos com canetas digitais, onde o usuário

do”, conclui Wilson.

garantir mais e melhores resultados no mercado brasileiro.

consegue executar suas atividades com mais agilidade e destreza.

O acordo de distribuição com a Tallard foi fechado no último mês de outubro, e a par-

Wilson Barbosa, Gerente Nacional de

ceria com a Cadritech foi firmada em 2005.

Vendas Wacom Brasil, recém contratado da empresa, acredita no potencial do mercado e comenta a estratégia que a companhia utilizará para se inserir no mercado. “Através dos Wilson Barbosa, Gerente Nacional de Vendas da Wacom

nossos dois distribuidores no Brasil, Tallard e Cadritech, a Wacom buscará penetração no varejo com sua linha de Tablets Bamboo, dire-

A Wacom, empresa japonesa fundada em

cionada ao público doméstico. Já para os seg-

1983, é fabricante de mesas digitalizadoras

mentos corporativo, educacional e governo,

e acessórios. Atualmente, é líder de mercado

atuaremos fortemente apoiando nossos VAR´s,

neste segmento e está presente no Brasil com

provendo capacitação técnica e apoio comer-

sua linha de produtos. Os distribuidores da

cial e logístico”, explica Barbosa.

Wacom no país são Tallard e Cadritech, que são empresas conceituadas no mercado de

Além disso, Barbosa estima que os varejos

informática e que, além de distribuir Wacom,

atentos as novas tecnologias, que estão che-

distribuem grandes marcas como IBM, Avaya e

gando ao mercado, tenham mais chances de

Apple, entre outros.

prosperar nos negócios a partir do próximo ano. “Após o lançamento do Windows 7,

A empresa trabalha com três linhas de pro-

uma quantidade grande de novos acessórios

dutos no mundo, Tablets Bamboo, para usuá-

de informática invadirá o mercado com novas

rios domésticos, Tablets Intuos4, para usuários

tecnologias que mudarão a forma do usuário

profissionais e, a linha Cintiq. Os produtos

interagir com seu computador, e as revendas

Tablet Bamboo Craft

Para saber mais sobre a Wacom e seus produtos, visite: www.wacom.com.br.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 11

Multifuncional compacta da Epson chega focada no mercado corporativo

O mercado corporativo descobriu nas multi-

Funcionalidades

funcionais uma solução bastante atrativa. Em

nesse suprimento, uma vez que a troca se dá

possibilidade de produzir até 99 cópias sem

apenas uma cor por vez. Com resolução de até

conexão com um computador.

um mesmo equipamento é possível encontrar

Além do fato de reunir diversas funciona-

5760 X 1440 dpi e área máxima de impressão

impressora, scanner, fax e copiadora colorida

lidades em tamanho compacto, a multifun-

de 21,6 X 111 cm, a impressora possui capaci-

por um preço menor que os quatro individual-

cional também se destaca pela reunião de

dade de até 100 folhas ou dez envelopes.

mente e economizando espaço físico.

avançadas tecnologias em cada um dos quatro equipamentos que ela integra. Dentre as

O fax, por sua vez, possui memória de até 180 páginas e velocidade de transmissão de até 33,6 Kbps. Com memória rápida de até 60

O scanner da TX300F possui resolução ópti-

nomes e telefones, o fax possui entrada para

vantagens da TX300F, merece atenção o Ali-

ca de 1200 X 2400 dpi e área máxima de es-

tribuição de produtos de informática, incluiu

mentador Automático de Documentos (ADF),

caneamento de 21,6 X 29,7 cm. Acompanham

em seu portfólio de produtos a nova Stylus

que permite escanear até 30 páginas soltas de

o produto os softwares ABBYY® FineReader®

Office TX300F, da Epson.

forma seqüencial e automática, eliminando o

OCR, que permite a digitalização e edição de

Características técnicas

trabalho de alimentação de novas folhas. Além

texto, Easy Photo Print para impressão de foto

disso, a multifuncional possui visor em LCD

e Web-to-page de ajuste para impressão de

jato de tinta, scanner colorido de mesa, fax

com dois segmentos de textos, que permite a

páginas da web.

e copiadora colorida, é indicado tanto para

visualização mais completa das informações.

Multifuncional Stylus Office TX300F Fabricante: Epson Dimensões: 46 x 41,1 x 25,5 cm Peso: 7,2Kg Compatibilidade: Windows 2000, XP, XP Professional ou Vista para PCs e OS X 10.3.9, 10.4.11, 10.5.x para Macs Onde encontrar: www.snd.com.br

De olho nessa fatia do mercado, a SND dis-

“O equipamento, que reúne impressora

No caso da copiadora colorida, a multi-

empresas quanto residências que utilizem pelo menos dois dos equipamentos”, destaca Agui-

A impressora da multifuncional trabalha em

funcional trabalha na velocidade de até 31

naldo Martins, gerente de produtos da Epson

quatro cores (CMYK) e possui entrada para

cpm para preto e nove cpm para impressão

na SND.

cartuchos individuais, o que permite economia

a cores. Além disso, o equipamento tem a

A4, Carta e Ofício.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 12

Apostando no Brasil Grupo Fabinject fecha parceria com a marca Tenda Empresa com 20 anos de experiência no mercado brasileiro chega em 2010 com novidades. “Seguiremos investindo em nossa linha

» ISO 14001:2004 atestando a responsabilida-

A Fabinject possui a divisão de Tecnologia, Pixel

em 1988, hoje conta com cinco unidades

de ambiental no desenvolvimento das ativida-

TI, que espera atender os mais altos padrões de

de acessórios para TV/LCD Móbile, jogos e

industriais no Vale do Paraíba e uma em

des do grupo.

qualidade na fabricação de produtos “made in

acessórios para PS2 e PS3, Wii, Xbox, Layer 3.

Brazil” para o mercado de canais brasileiro.

Esperamos industrializar também, a partir do

O Grupo Fabinject, surgiu em São Paulo,

Minas Gerais, sendo mais de 800 funcionários diretos.

segundo semestre, mini-ITX, fontes de alimen-

» RoHs ECO (Restriction of Certain Hazardous Substances): É uma diretiva restritiva européia

Atualmente, o Diretor de Canais da Fabinject

tação, toten de auto-atendimento, softwares

que coíbe que certas substâncias perigosas

é o executivo Istal Rubio, que assumiu a po-

e hardwares customizados. Com este acer-

zada na cidade se Santa Rita do Sapucaí – MG,

sejam usadas em processos de fabricação de

sição ainda no ano de 2009, para atuar nas

tamento no mercado de canais, esperamos

conta com linhas de produção, montagem

produtos.

divisões de produtos de TI da empresa. Segun-

incentivar a industrialização no Brasil e tornar

do Istal, “o canal nunca teve a oportunidade

realidade projetos de nossos parceiros, através de nossa divisão OEM”, finaliza Istal.

Sua Divisão de Tecnologia, a Pixel TI , locali-

SMD de última geração, equipamentos para pré-forma, laboratórios de teste, inspeção e

» ISO TS 16949 A ISO TS 16949 é uma espe-

de contar com um parceiro com a capacidade

qualidade, além de um corpo técnico formado

cificação técnica voltada para as organizações

industrial do Grupo Fabinject e Pixel TI, acre-

por profissionais altamente qualificados e com

de produção (produtos e serviços) para a ca-

ditamos que temos capacidade de brindar as

experiência superior a 20 anos.

deia automotiva de componentes e de peças

soluções tecnológicas mais avançadas gerando

citadas acima, visite: www.fabinject.com.br,

de reposição, baseada na Norma ISO 9001 e

empregos e principalmente os produtos “made

www.tenda.ind.br ou www.pixelti.com.br.

com requisitos complementares.

in Brazil”. Istal Rubio comentou a nova parceria

Sendo um grupo que possui certificações

com a marca Tenda. “Iniciamos uma parceria

internacionalmente reconhecidas, entre algumas certificações, podemos citar:

Com 20 anos de tradição no mercado bra-

exclusiva com a marca Tenda, com quem com-

sileiro, a empresa fabrica produtos OEM para

partilhamos um projeto de industrialização dos

» ISO 9001:2000 Sistema de Gestão da Qua-

importantes players do mercado nacional e

produtos no Brasil. Sendo assim, levaremos ao

lidade, onde a organização demonstra sua

internacional.

canal de distribuição, produtos de networking de altíssima qualidade, de uma marca reconhe-

capacidade para fornecer produtos que atendam aos requisitos do cliente e aos requisitos

Em 2010, inaugura um novo prédio, com

cida internacionalmente e fabricada no Brasil”.

regulamentares aplicáveis, e objetiva aumentar

mais de 60 mil metros quadrados, sendo 30

Sobre as estratégias do próximo ano, Rubio

a satisfação do cliente.

mil de área construída.

explica os investimentos da empresa.

Grupo conta com cinco unidades industriais

Para saber mais sobre as empresas

Divisão de Tecnologia, Pixel TI, localizada em Minas Gerais

Mais de 800 funcionários fazem parte da equipe na empresa

Fachada do Grupo Fabinject – Empresa atua há 20 anos no Brasil

Istal Rubio, Diretor de Canais do Grupo Fabinject


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 13

Qnap leva qualidade de cinema para a televisão de casa Com uma mistura de HD com media player, o NMP -1000 armazena até 2TB e permite a exibição de conteúdo audiovisual com a mesma qualidade das exibidas nas grandes telas. Cada dia mais é desejo do consumidor de

com player digital, permite armazenamento,

de pouco espaço e busca de muitas funcio-

tecnologias adquirir equipamentos compactos

gerenciamento de informações e reprodução

nalidades, o esse aparelho é uma solução

e com mais de uma funcionalidade.

de arquivos multimídia (como áudio, vídeo

bastante interessante. Além da facilidade de

e imagens) num computador ou até mesmo

armazenar e gerenciar os arquivos, ele permite

em um aparelho de televisão, uma vez que

reprodução de áudio e vídeo com excelente

foram gradativamente substituídos por CD

suporta resolução de até 1080p Full HD, que

qualidade, bastante semelhante à qualidade

e DVD players. Com a difusão da internet

proporciona excelente experiência com cores

obtida nas melhores salas de cinema”.

e do conteúdo disponível, um novo nicho

vivas, mais detalhes e sem pixalizações ou

surgiu: o de tocadores de arquivos digitais

imperfeições.

Os tocadores de música e videocassetes

multifuncionais. Em termos práticos, é possível ligar o NMPPara esse mercado, a Controle Net, empresa

1000 a uma televisão e através de uma rede

especializada em soluções de rede e de arma-

local, acessar os arquivos de qualquer compu-

zenamento, acaba de trazer ao Brasil o NMP-

tador que faça parte da rede e assistir direta-

1000 (Network Multimedia Player), desenvolvi-

mente na TV.

do pela Qnap. O gerente de marketing da Controle Net, O equipamento, que pode ser descrito como a união de servidor de armazenamento

Julio Esteves, destaca a importância de um equipamento como o NMP-1000. “Em tempos

Onde encontrar: HTTP://loja.controle.net

Características técnicas Network Multimedia Player – 1000 (NMP – 1000) Fabricante: Qnap Capacidade: 2TB Interfaces: USB 2.0 , eSATA Interface A/V: HDMI 1.3 Dimensões: 20,4 x 17,6 x 6,2 cm Peso: 0,7Kg Sistema Operacional Compatível: Windows, Macintosh, Unix e Linux


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 14

Em nova fase Belkin planeja estratégias no Brasil para 2010 Por Fernanda Beziaco

Allan Robson, Gerente Nacional de Vendas da Belkin Brasil, explica a recuperação da Belkin no mercado, quais alternativas encontraram para resgatar a empresa e comenta os planos para o próximo ano. A Belkin International Inc., fundada em

alguns meses para recompor o quadro de

1983, é uma das empresas líderes em tecnolo-

distribuidores, estamos enfrentando algumas

gia para soluções de conectividade. Com uma

dificuldades de reentrada, mas de forma geral o

linha de produtos variados, a Belkin produz

mercado está reagindo positivamente. Estamos

acessórios para iPhones, iPods, acessórios para

confiantes na aceitação pela qualidade dos

notebooks, como mochilas e luvas, mouses,

produtos Belkin, que é nossa marca registrada,

hubs, adaptadores, entre outros. Atualmente,

juntamente com desenhos inovadores.

os distribuidores de Belkin no Brasil são ComexSP, Aldo e Superkit. Em entrevista à Distribui-

Quais as expectativas da Belkin

dores & Mercado, Allan Robson, Country Sales

para 2010?

Manager da Belkin, que já foi Retail Manager

Nossa expectativa é ótima, a Belkin acredita

da D-Link, nos contou os planos da empresa

no enorme potencial do Brasil e para isso está

para o próximo ano e como a companhia con-

disposta a aprender sobre as necessidades

seguiu se recuperar após a crise.

do nosso país. Nós acabamos de finalizar um planejamento, onde vamos adotar algumas

A Belkin passou por momentos

estratégias durante 2010, para preparar uma

complicados, qual foi a estratégia

base sustentável para a empresa. Para nós, não

adotada para a empresa se

diferente do que para muita gente, este ano

recuperar?

não foi como era esperado, porém a experi-

Ainda estamos nos recuperando. Creio que a maioria das empresas teve dificuldades du-

ência adquirida nos fortaleceu para um futuro animador e de sucesso.

rante este ano de 2009, para nós, o fato de ser uma operação ainda em fase inicial, talvez

Para concluir o executivo explicou a visão da

tenha sido um pouco mais duro. Tivemos que

empresa, “A Belkin tem como vocação propor-

recuar, rever os números e manter os clientes

cionar a melhor experiência na utilização das

informados do que estávamos fazendo, buscar

tecnologias desde o ponto de vista do usuário

parcerias com novos distribuidores, uma vez

domestico. Este é nosso foco. No Brasil algu-

que perdemos os distribuidores antigos. Erguer

mas tecnologias ainda estão disponíveis para

a cabeça e trabalhar muito. Ainda estamos em

poucos, um exemplo disso é o iPhone e o iPod.

fase de recuperação de clientes, perdemos es-

Porém, acreditamos que isto está mudando e

paço que já tínhamos conquistado, e recuperar

vamos trabalhar para que quando estas tec-

estes espaços é nossa missão agora.

nologias estejam ao alcance da maioria, elas

Allan Robson, Country Sales Manager da Belkin

possam melhorar suas experiências com os

Qual o principal item que foi

produtos Belkin”, finaliza Allan. Em 2009 a

necessário modificar para a empresa

Belkin completa 26 anos, sendo dois anos e seis

retomar o crescimento?

meses no Brasil. Ainda há muito chão para per-

A Principal mudança, além dos distribuidores, foi no portfólio de produtos. Inicialmente foca-

correr e muitos objetivos para conquistar. Para saber mais, acesse: www.belkin.com.

mos quase 70% das nossas vendas em redes sem fios, após este ano difícil, a participação destes produtos está próxima de 40%, desta forma conseguimos participar de mais segmentos onde temos mais vantagens competitivas, exemplo: Acessórios para iPhone e iPod, onde a Belkin é líder mundial.

Como o mercado reagiu as mudanças

PocketTop »

da empresa? O Mercado é muito dinâmico e várias empresas de varejo também sentiram os desafios deste ano. Para nós a maior dificuldade é a retomada de espaço, uma vez que o mercado necessita de reposições rápidas. Como ficamos

« N1 Vision roteador sem fio

Braçadeira esportiva para iPod e iPhone


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 15

Pedidos pelo iPhone abre o apetite de grandes redes de fast food Por Jean Garnier

Com o novo sistema, Pizza Hut estima que as vendas ultrapassem o valor de 1bi até 2012. Sabe quando dá aquela preguiça de cozinhar

é que esse valor ultrapasse U$ 1 bilhão no

e bate a vontade de pedir um lanche? Pois

comércio online até 2012 . Brian Niccol, diretor

bem, agora esse pedido pode ser feito pelo

de marketing da empresa, afirmou que “com

iPhone e celulares do tipo ‘touch screen’. No dia

esse aplicativo, mostramos o valor de oferecer

8 de julho, nos Estados Unidos, a rede de fast-

formas inovadoras”. No Brasil, a assessora do

Inspirado nessa novidade, o McDonald´s

“É mais uma demonstração de como esta-

food Pizza Hut lançou um programa chamado

restaurante Clarissa Perillo responde que “a

também resolveu oferecer mais comodidade e

mos conectados com as necessidades dos con-

“iHut” que possibilita o usuário a interagir com

partir de janeiro de 2010 a rede pretende in-

permitir que seus clientes montem uma refei-

sumidores, que utilizam o serviço para ganhar

um cardápio totalmente interativo, no qual é

vestir R$ 2 milhões para incrementar o canal de

ção tocando na tela. Através da já conhecida

tempo no trabalho ou para aproveitar melhor

possível customizar pizzas e massas, selecionan-

delivery, sendo 30% desse valor em chamadas

McEntrega, a rede lançou a sua versão com

os agradáveis momentos com a família. Com

do ingredientes e combinações personalizadas,

mídias digitais (internet, redes sociais e dispo-

uma tela customizada para o aparelho, que

isso, estamos proporcionando a melhor experi-

tudo simples, apenas arrastando com a ponta

sitivos móveis, principalmente o iPhone)”. Por

proporciona o acesso às mesmas opções que

ência possível para qualquer situação, com rapi-

do dedo, ao gosto do consumidor e sem pre-

enquanto, o usuário pode instalar o iHut, mas

já são disponíveis nos pedidos via Internet ou

dez e eficiência”, afirma Vlamir Anjos, gerente

cisar ligar para a loja. O software ocupa cerca

terá acesso apenas ao cardápio e ao divertido

telefone, a grande diferença em relação ao da

de desenvolvimento de mercado no Brasil. O

de 20 MB e pode ser baixado gratuitamente na

jogo “Hut Racer”, um simples simulador no

Pizza Hut é que o sistema do McDonald´s trata-

Bob´s informou que também pretende usar a

loja virtual da Apple, a APP Store (http://www.

qual é preciso controlar um carro e desviar de

se de um site móbile, ou seja, é só acessar a

tecnologia e adiantou que irá fazer algo nos

itunes.com/appstore/). O sucesso desse pionei-

alguns obstáculos para fazer a entrega o mais

página e não obriga a fazer nenhum download.

moldes do aplicativo da Pizza Hut. As outras

rismo não poderia ser melhor: em três meses

rápido possível, o controle da máquina é feita

Segundo a empresa, o tempo médio de espera

redes de fast-food, Habib´s/Ragazzo, Burger

de uso, as vendas superaram mais de um mi-

apenas virando o celular, com o uso do recurso

é de 30 minutos e o valor da taxa adicional

King e Subway, ainda não têm previsão para a

lhão de dólares e a expectativa da companhia

de acelerômetro.

varia dependendo da cidade.

utilização deste tipo de tecnologia.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 16

Fabricantes e Distribuidores de informática comentam as expectativas para 2010 Por Fernanda Beziaco

Mais um ano está chegando ao fim e surgindo um novo cheio de especulações, que darão o ritmo em 2010. Distribuidores e fabricantes de produtos de informática preparam suas estratégias para garantir que o próximo ano seja bem sucedido, com resultados melhores que 2009 e, que seja também, um ano de superação. Após a recuperação da crise, o Brasil entra

será um ano promissor e que o mercado se

em uma fase boa e próspera. Alguns especia-

consolidará a um patamar de crescimento

listas temiam pelo pior, onde a economia do

satisfatório”, Officer Distribuidora. “Para nós

país estaria sem rumo, porém, isso não acon-

um negócio se torna bom, quando é bom para

teceu. Nessa nova realidade pós crise, fabri-

todos”, MasterFlash.

cantes e distribuidores de informática traçam suas novas estratégias para iniciar o ano em ritmo acelerado.

Victor Baez e Tony Firjam, diretores da Netgear no Brasil.

especificamente no mercado de netbooks/ notebooks, que ainda não estão com suas políticas totalmente consolidadas, ou seja,

Agis Distribuição

pode ser uma oportunidade para o canal de distribuição ou não.

“O Brasil, como todos sabem, não sofreu Muitas novidades estão por vir, as compa-

muito em relação a crise mundial do último

Colocando tudo isso na balança, acredito

nhias devem ficar atentas para não perderem

ano. E, para o ano de 2010, a perspectiva é de

que teremos boas oportunidades de negócios.

oportunidades de negócios durante esse ano.

crescimento do mercado de TI em taxas su-

Basta estarmos ligados no mercado e com um

periores ao crescimento previsto do PIB. Além

planejamento bem feito para nos adaptarmos

2010 promete ser o melhor ano para os Outros fatores que serão de grande influên-

disso, teremos eleições presidenciais, COPA

rapidamente a qualquer alteração de curso do

investidores e, os consumidores, que também

cia para o mercado a partir do ano que vem

2014 e Olimpíadas 2016. Isso tudo e mais o

mercado.

esperam ansiosos as novidades que o ano

são a Copa do Mundo, Eleições e Olimpíadas.

fato de que a crise mundial também já pas-

negócios. Assim esperam os empresários e

novo reserva.

Netgear Todos estão de olho no Brasil, afinal das

sou pelo seu pior momento – restando agora

O cenário anual não é o mesmo de ano para

ajustes dos bancos centrais para que o cresci-

ano, porém os primeiros fatos relatados (Copa

mento recomece com segurança nos principais

e Olimpíada), além, é lógico, da atual situação

contas, o país tem se mostrado um dos melho-

“Estamos otimistas em relação a 2010,

mercados globais –, nos leva a crer que 2010

do país, devem trazer um período de excelen-

res mercados para se investir nos últimos anos.

apesar do nosso mercado ainda ser bastante

será um excelente ano para o Brasil e para o

tes oportunidades para o Brasil nos próximos

vulnerável a flutuações cambiais. O Brasil

mercado de TI no país.

anos.”

Distribuidores e fabricantes estão otimistas

demonstrou que sua economia interna está

com o desempenho do mercado para o próxi-

aquecida o suficiente para ir adiante, mesmo

Apesar desse cenário, isso não garante que

mo ano. Reunimos aqui algumas opiniões, de

que sofrendo o impacto de crises em outros

o ano do canal de distribuição será fácil, muito

quem está no mercado de informática, sobre

mercados.

pelo contrário. Existe uma tendência cada vez

as expectativas para o ano novo.

maior do grande varejo tomar mercado dos

Eduardo Villas Boas, diretor comercial da AGIS Distribuição.

Officer Distribuidora

O segundo semestre de 2009 foi bastante

pequenos integradores e revendedores, além

As opiniões desses profissionais são um

positivo e acreditamos que entraremos emba-

dos fabricantes tentarem (ainda que de forma

espelho para o que podemos aguardar para

lados em 2010, consolidando nossa presença

não muito organizada) atender clientes SMB

mos que 2010 será um ano promissor e que

o próximo ano.

e marca no país, além de continuarmos cres-

através de seus canais de VAR´s.

o mercado se consolidará a um patamar de

cendo. Investiremos em contratações de novos “Acreditamos que entraremos embalados em 2010”, Netgear. “Acreditamos que 2010

Eduardo Villas Boas, Diretor Comercial da AGIS Distribuição

profissionais na área de canais, realizaremos lançamentos de vários produtos”.

Daniela de Paoli, Diretora de Marketing da Officer Distribuidora

“Nós, da Officer Distribuidora, acredita-

crescimento satisfatório e constante no médio Existe também a entrada de grandes players no mercado nacional (como Acer e Asus),

Alejandra Molina, Diretora Geral da Tech Data

prazo. Vamos priorizar o aprimoramento do atendimento aos nossos clientes e, para

Everton de Macedo Correa, Diretor Comercial da MasterFlash


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 17

isso, já estamos colocando em prática ações

negócios, seja através de novas linhas de

vão estar de acordo com a demanda e tudo

que oferecemos. O consumidor esta com mais

especiais como, por exemplo, o ‘Programa de

produtos, ferramentas online, novas formas

estará normalizado. Estamos fechando novas

poder de compra, devido a melhoria da renda

Desenvolvimento de Revenda’ que tem como

de atendimento, eventos de relacionamento e

parcerias que vão incrementar o volume de

e aumento do credito e também mais exigente

principal objetivo oferecer um atendimento

capacitação. Em 2010 teremos ações especiais

faturamento”.

em relação a qualidade dos produtos e servi-

focado e qualificado.

com os canais corporativos”.

ços que ele adquire. Vamos aproveitar junto Fernando Coratella, Diretor Comercial

Alejandra Molina, Diretora Geral da

Para nós é essencial conhecer profundamente a dinâmica do mercado, se antecipar

da Lodisa.

Hoje não é o preço que faz um negocio dar

Tech Data.

certo, mais sim produtos e serviços de qualida-

MaterFlash

às tendências, e oferecer soluções para que o revendedor venda mais e satisfaça as necessi-

com nossos clientes este excelente momento.

de aliados a um relacionamento não só volta-

Lodisa – Grupo Tec Imports

do para venda, mais para o pós venda.

dades do seu cliente”.

“Nossa expectativa para 2010 é de muito “As expectativas para nós são as melhores.

Daniela de Paoli, diretora de marketing da Officer Distribuidora.

trabalho, estamos focados em melhorar cada

Estamos aumentando o número de parcei-

A demanda de produtos está superando a

vez mais a qualidade de nossos produtos e

ros, tanto distribuidores quanto varejistas e

nossa possibilidade de oferta.

serviços.

em 2010 vamos seguir crescendo. Para nós um negócio se torna bom, quando é bom

Tech Data

Com a crise, as fábricas pararam de pro-

“A Tech Data continuará aprimorando soluções para ajudar os seus canais a realizarem

Queremos fazer com que nosso relaciona-

duzir. Porém, agora as vendas no mundo

mento com o cliente seja excelente e que o

começaram a subir e de repente todos ficaram

distribuidor e lojista esteja focado em desen-

sem estoque. Em 2010 os estoques no mundo

volver seu negocio com lucratividade nas linhas

para todos”. Everton de Macedo Correa, Diretor Comercial da MasterFlash.

O que o original pode te oferecer. Todos os produtos originais vem com selo Anatel

Fax

Telefone

Panasonic

sem fio

Tecnologia DECT 6.0 Qualidade de voz superior; Espectro reservado, livre de interferência; Pode ser integrado a sistemas de rede de internet sem fio, sem impacto negativo; Alto padrão de segurança (impedindo que outros aparelhos interfiram em sua linha telefônica); Maior alcance do que os aparelhos 2,4 GHz e 5,8GHz*; Permite a instalação de vários ramais base. adicionais para a mesma bas

KX-TG1381

(ident. chamadas, visor lcd, bateria para 7 hrs)

KX-TG6421LBT

(ident. chamadas, viva voz, secretária, tecl. iluminado)

KX-FT938BR

(fax papel térmico, secretária, id. chamada, viva-voz, corte aut. papel, memória na falta de papel)

KX-TG6412 B

(ident. chamadas, viva voz, tecl. iluminado)

KX-FP207BR

(fax papel plano, id. chamada, multitransmissão até 20 números, ampliação)

Fones Panasonic Distribuidor Oficial Tel.: (55 1 T 12) 3932-0199 vendas@chtech.com.br v vendas@c

www.chtech.com.br

Era o que faltava para o seu ouvido KX-FP207BR

RP-HV21PP APKW


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 18

Natal 2009 deve ser um dos melhores dos últimos 10 anos Por Fernanda Beziaco

Previsão de crescimento de vendas chega a 7% e Mantega afirma que este será o melhor Natal dos brasileiros. O mercado está aquecido e as previsões

crise, este será o termômetro para as vendas do

mais forte, cerca de 30% dos consumidores

som, com display em LCD com backlight,

para este Natal são otimistas. O Ministro da

próximo ano. Estima-se que este Natal terá um

farão compras online, é o que revelou pesquisa

rádio FM, entre outros.

Fazenda, Guido Mantega, promete que este

dos melhores resultados dos últimos 10 anos,

recentemente realizada no país.

será “o melhor natal que o brasileiro já teve”.

ficando atrás apenas das vendas ocorridas na

Sua declaração causou polêmica e expectativas.

mesma época em 2007. Em comparação com

Todos estão apostando que devido ao fim da

2008 o aumento nas vendas deve chegar a 7%.

A Officer preparou promoções de vários faAproveitando a boa fase do mercado, as

bricantes, como Samsung e Intel, incentivando

campanhas natalinas estão em alta. Lançamen-

a revenda. As compras de Intel na Officer valem

tos e promoções são realizados pelas empresas,

pontos. Participando, a revenda vai acumulan-

Para a Associação Brasileira de Lojistas de

incentivando o mercado a comprar e dando

do pontos e depois pode trocar por um vale-

Shopping, Alshop, cada consumidor deve com-

movimento para a economia. A revista Distri-

americanas. E, da Samsung, a cada R$ 100,00

prar em média 25 produtos nestas festas de

buidores & Mercado selecionou com distribui-

em compras de produtos, a revenda também

final de ano. Segundo Nabil Sayoun, Presidente

dores algumas dessas novidades.

ganhará pontos, que acumulados podem ser trocados por prêmios no hot site www.officer.

da Alshop, os produtos mais procurados serão vestu-

A distribuidora Tallard preparou várias suges-

ário, calçados e eletro-

tões para o Natal, como o Gelaskins, que são

eletrônicos.

películas de proteção transadas, com motivos urbanos, assinadas por artistas renomados.

Unidos, onde a crise foi

Para finalizar, a MasterFlash está trabalhando com as seguintes linhas para o Natal, MP4 Player X-Sound! Super Sound 005, MP6 PMP

Outro dado interessante é que nos Estados

com.br/supernoelsamsung.

Outra sugestão é o iMation miniMove Memorex Mi3x, que é um amplificador de

Game-pró, TV Digital Multimídia 3.4 Polegadas e o Pendrive Super Talent Pico A.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 19

Samsung anuncia comercialização de notebooks e netbooks para o Brasil Por Fernanda Beziaco

Fabricação local e utilização de tecnologia 3G devem chegar ao país em 2010. A Samsung, empresa coreana, que ocupa

comercializados no Brasil, três notebooks e

atualmente o quarto lugar em faturamento no

dois netbooks. O modelo mais comentado é o

segmento de informática no mundo, sendo

notebook Q320, que tem as seguintes especi-

líder em vendas de monitores, anunciou que

ficações: processador Intel Pentium Dual Core

a partir do final de novembro de 2009, daria

Processor T4200, 2GHz, 800 Mhz e 1 MB, disco

início a comercialização de notebooks e net-

rígido de 320 GB, memória de 4 GB DDR2, sis-

books no Brasil.

tema operacional Windows 7 Home Premium, tela de 13,4”widescreen 16:9 HD, 1366 por

Segundo Ronaldo Miranda, Diretor da Di-

768. A fabricação local dos produtos está pre-

visão de TI da Samsung, este é o momento

vista para fevereiro de 2010, segundo Ronaldo

ideal para o lançamento. “Há algum tempo a

Mirada e, deve ser dividida entre Campinas,

Samsung acompanha a evolução do mercado

São Paulo e Manaus, Amazonas. “A princípio

de computadores portáteis e posso afirmar

todos os modelos apresentados serão impor-

que este é o momento certo para lançarmos

tados, mas a empresa deve iniciar a fabricação

nossos produtos”, comenta. O lançamento

local dos mesmos no início de 2010”, finaliza.

desses produtos no país ainda não conta com a tecnologia 3G, mas a empresa informou que

Para saber mais sobre esses produtos e

a partir de março de 2010 já deve trabalhar

outros equipamentos comercializados pela

com essa modalidade. Cinco produtos serão

Samsung, acesse: www.samsung.com.br.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 20

Denatran apresenta sistema Siniav para monitorar informações de veículos Por Jean Garnier

Nova implementação será baseada na tecnologia de identificação de rádio freqüência. No último dia 29 de outubro, o Departa-

dos veículos. Na fase inicial de implantação, os

basicamente de antenas leitoras, que poderão

de instalação é competência dos Departamen-

mento Nacional de Trânsito (Denatran) reali-

custos de instalação ficarão por conta da em-

identificar os veículos por meio da Placa de

tos Estaduais de Trânsito (Detrans).

zou um seminário em Brasília com o objetivo

presa que irá operar o sistema”.

Identificação de Veículos Eletrônica neles ins-

de apresentar à sociedade e à comunidade

talados. O sistema abrangerá todos os veículos

Quais os benefícios dessa medida, tanto

em circulação e permitirá, por exemplo, o

para o dono do veículo quanto para os

e a instalação do Sistema Nacional de Identifi-

Detrans regionais irão instalar antenas leitoras

planejamento de ações de combate ao roubo

órgãos responsáveis pelo controle do

cação Automática de Veículos, ou Siniav, que

para registrarem a movimentação dos veículos

e furto de veículos e cargas, a identificação

trânsito?

são chips com informações básicas dos trans-

pelas cidades. A idéia é que com essas etique-

e prevenção da clonagem de veículos e uma

portes, como modelo, cor, número da placa e

tas sirvam para monitorar congestionamentos,

melhor gestão do controle de tráfego. A insta-

mente, a realização de uma gestão do contro-

do chassi. O aparelho é baseado na tecnologia

atraso do pagamento de IPVA e multas ven-

lação das antenas é competência dos Detrans,

le de tráfego melhor, além do planejamento

RFID (Identificação por Rádio Freqüência) e,

cidas, a partir de um sistema de capitação de

a eles cabe a definição de quantas antenas são

de ações de combate ao furto de veículos e

sem intervenção do motorista e de forma

dados, o Siniav será útil para levantamentos

necessárias para cada região.

cargas, a identificação e prevenção da clona-

automática, as informações serão capturadas

estatísticos.

técnica as definições sobre a implementação

Durante o mês de junho de 2011, os

gem de veículos. Quando isso começa a funcionar e qual

e enviadas para uma central de controle onde Em 2005, foram feitos testes com 550 veí-

serão analisadas.

O Siniav permitirá diversas ações, principal-

culos entre a região das avenidas Rebouças e

o prazo final de instalação? De acordo com a Deliberação 84, o processo

Qual a punição para o veículo que não colocar o chip até 30 de junho de 2014? Será considerada infração grave, o condutor

No começo do mesmo mês, o juiz Douglas

Paulista, no qual 24 antenas recebiam infor-

de implantação do Sistema Nacional de Iden-

Camarinha Gonzáles, da 17ª Vara Federal de

mações sobre o trajeto dos carros. O crono-

tificação Automática de Veículos – Siniav terá

será penalizado com sete pontos, receberá

São Paulo, considerou 'ilógica' e 'antieconô-

grama da CET previa a instalação de 2,5 mil

que iniciar, em todo o território Nacional, até

uma multa de R$ 127,69 e terá o veículo reti-

mica' a instalação, e resolveu proibir a norma

antenas em 800 locais e cadastrar a frota de

o dia 30 de junho de 2011 e ser concluído até

do para regularização.

que obrigava os veículos novos a sair de fábri-

aproximadamente seis milhões de veículos da

o dia 30 de junho de 2014.

ca com um sistema de monitoramento insta-

cidade. A assessoria de imprensa do Denatram

lado sem a obrigação do comprador. Algumas

respondeu algumas perguntas para tirar as

Qual o custo que o motorista terá para

concessionárias estipulam que o valor do

principais dúvidas em relação ao sistema:

a instalação desses chips?

Como funciona o sistema (chip) e as ante-

quanto ao custo.

O Denatran ainda não tem informações

rastreador aumentaria em R$ 500 o preço do utilitário.

Em que local no veículo será instalado

nas de capitação, quantas serão instaladas Em São Paulo, a Prefeitura declarou que “a exigência da etiqueta eletrônica não irá acarretar quaisquer ônus para os proprietários

e em todas as cidades Brasileiras? O Sistema Nacional de Identificação Automática de Veículos (Siniav) será composto

esses chips? A Deliberação 84/2009 do Contran estipula: Serem fixadas no lado interno do pára-brisa dianteiro dos veículos, conforme janela de comunicação de dados informada

Haverá postos credenciados para a

pelo fabricante do veiculo; Na ausência desta

instalação?

informação, terão que ser fixadas no lado

A instalação e a definição do procedimento

interno do pára-brisa dianteiro dos veículos, conforme determinações do órgão máximo executivo de transito da União. No caso de veículos que não possuam pára-brisa, a placa de identificação veicula eletrônica terá que ser fixada em local que garanta o seu pleno funcionamento. Algum orgão poderá multar veículos que estejam com situações irregulares, como IPVA não pago, por exemplo? Os órgãos de fiscalização devem autuar os veículos que estiverem em desacordo com disposto no Código de Trânsito Brasileiro. E veículos estrangeiros que estejam transitando a passeio ou férias pelo Brasil, para este caso é necessária a instalação? Não. A colocação das placas eletrônicas é obrigatória apenas para os veículos registrados no Brasil.

Siniav terá informações básicas do veículo como modelo, cor, número de placa e chassi

Para obter outras informações sobre o Denatran, visite: www.denatran.gov.br.


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 21

CA patrocina pesquisa global que revela um alto investimento com segurança em Tecnologia da Informação Entrevista com mais de 400 diretores de Ti mostra que as empresas prevêem um aumento de 42% em seus orçamentos para a segurança. das ameaças internas, estão entre os principais

orçamentos de segurança estão relacionados

Unidos, atualmente, é líder mundial de soft-

motivos que fundamentam este esperado

ao nível de conformidade da empresa. Por

ware para gestão de TI, e investe mais de

aumento nos orçamentos.

exemplo: uma organização altamente regula-

A CA, sediada em Nova York, Estados

mentada, que precisa estar em conformidade

20% de seu faturamento global em Pesquisa e Desenvolvimento, com foco especial para

Atualmente, as empresas já utilizam uma

com 50 regras ou mais, gasta cerca de três

gerenciamento de governança, segurança e

parte significativa de seus orçamentos de se-

vezes e meia mais, em segurança de TI, do

infra estrutura de TI. A empresa patrocinou,

gurança de TI em ações ligadas à conformida-

que outras que sofrem menos impacto de

recentemente, uma pesquisa global que reve-

de regulatória:

regulamentações, tendo que atender a menos

lou informações importantes para o mercado

• Em média, as empresas norte-americanas

de dez delas.

de software de segurança.

gastam 26% de seus orçamentos de segurança de TI em iniciativas de conformidade,

O estudo patrocinado pela CA entrevistou

Segundo a pesquisa, 42% das empresas

enquanto as empresas da região Ásia-Pacífico

mais de 400 diretores de TI de empresas de

estimam um aumento no investimento em

gastam 37%, e as européias e sul-americanas,

médio e grande porte, com sedes na América

segurança de TI, outro 50 % acreditam que o

19 e 17% respectivamente;

do Norte, na Europa, na região Ásia-Pacífico

orçamento deve permanecer estável, dos en-

• Em média, 78% das empresas pesquisadas,

e na América do Sul. A pesquisa incluiu tam-

trevistados, apenas 8% das empresas esperam

no mundo todo, acreditam que novas diretri-

bém, respostas qualitativas de focus groups e

cortes nessa área. A necessidade de atender

zes regulatórias irão demandar um aumento

entrevistas em profundidade com diretores de

a novos requisitos regulatórios e a percepção

nos esforços e nos gastos com TI;

segurança de TI, nos Estados Unidos, no Reino

de que as reestruturações aumentarão o risco

• Os resultados da pesquisa revelam que os

Unido e na Alemanha.

Fernandes, Vice-Presidente da unidade de negócios de Segurança da CA para a América Latina


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 22

All Nations faz Road Show em Vitória e espera receber 200 revendedores Evento comemora chegada no Espírito Santo com a abertura do novo ponto de distribuição. A All Nations, um dos cinco maiores distri-

área de distribuição, a All Nations adota hoje

buidores de produtos de informática do país,

o sistema WMS (Warehouse Management

realiza no dia 8 de dezembro, no Hotel SENAC

System) para gerenciar seu estoque, garantin-

– Ilha do Boi, um Road Show para marcar a

do maior controle e agilidade no recebimento

abertura do novo ponto de Distribuição de

e envio de mercadorias. Somente no ano de

equipamentos de informática e eletroeletrôni-

2008, foi investido R$ 1,5 milhão em obras

cos, localizada no município da Serra, Região

físicas, aquisição de equipamentos e softwares

Metropolitana de Vitória (ES).

e capacitação de mão de obra.

“A abertura da nova filial da All Nations, no Município de Serra em Espírito Santo, vem atender uma antiga necessidade do mercado, que carece de fornecedores locais, com entrega mais rápida e eficiente, dentro dos padrões da empresa“ O evento, que acontece das 9h às 18h,

A distribuidora trabalha com mais de 100

reúne diversos fabricantes internacionais que

fabricantes de produtos de informática e

atuam em parceria com a empresa. Entre eles,

eletroeletrônicos de todo o mundo, com

destacam-se as marcas HP, Intel, LG, Eaton,

destaque para as marcas Intel, LG, HP, AOC,

Phitronics, Gigabyte, Wisecase, AOC, SMS,

Acer, WiseCase, APC/ Microsol, SMS, Sparkle,

APC/ Microsol, Acer e Sparkle.

Phitronics, Gigabyte, Eaton, Western Digital,

Marcos Coimbra, presidente da All Nations- chegada a Vitória faz parte da estratégia de expansão da companhia para Norte e Nordeste

Benq, Epson, Lexmark, dentre muitos outros. Durante todo o dia do evento, a All Nations

Sua estrutura financeira sólida, com baixa taxa

estima receber um público de cerca de 500

de endividamento, permite à empresa oferecer

pessoas, que atuam no ramo, no estado do

as melhores soluções de prazo e custo aos

Espírito Santo, para promover a realização de

clientes.

negócios e oferecer informações sobre o mercado, produtos, facilidades de crédito, entre outros serviços.

O cuidado com a transparência e a confiabilidade do seu trabalho, levou a empresa a contratar a Deloitte Touche Tohmatsu Audito-

“A abertura da nova filial da All Nations, no Município de Serra em Espírito Santo, vem

res Independentes para auditar os Balanços a partir de 2008.

atender uma antiga necessidade do mercado, que carece de fornecedores locais, com entrega mais rápida e eficiente, dentro dos padrões

Para saber mais sobre a empresa, visite: www.allnations.com.br.

Estoque da All Nations ocupa uma área de 8 mil metros quadrados

da empresa“, afirma Marcos Coimbra, presidente da All Nations. Ele acrescenta que a chegada ao Espírito Santo reforça a estratégia da empresa de expandir seus negócios para os mercados do Norte e Nordeste do País. A All Nations é hoje o maior distribuidor de equipamentos de informática do Estado do Rio de Janeiro e está entre os cinco maiores do Brasil, com atuação em todo o território nacional. Com experiência de 16 anos, a empresa dispõe de infraestrutura para atender com qualidade mais de 6 mil clientes ativos. Situada na Zona Norte do Rio, em local estratégico e de fácil acesso, ocupa 33 mil m², sendo 8 mil m² de área de estoque. Com grande expertise na

Equipe qualificada de 200 pessoas atende 6 mil revendedores em todo o país


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 23


SÃO PAULO - BRASIL / DEZEMBRO 2009 / ANO 1 / NÚMERO 10 / PÁGINA 24


Revista Distribuidores & Mercado - Ed 10