Page 1

Metabolismo:Como ele afeta o ganho de peso?

www.editoratopsul.com.br | edição nº 3 - agosto/setembro

Tabagismo

E as consequências para a saúde

Varizes Um mal para evitar

Alzheimer Modifica o cotidiano de famílias

Gestão:

Vitamina B6:

Profissionais e empresas que fazem a diferença no mercado da saúde.

Combate ao mau humor R e v i s t a To p S a ú d e

1


2

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

3


Carta ao leitor

Caro leitor, é com alegria e satisfação que escrevemos para você, pois a Top Saúde tem conquistado de uma forma singular, um grande público que como você, que gosta de estar sempre bem informado e se preocupa com sua saúde e bem estar. Através de estudos e pesquisas, trazemos em cada edição matérias que contribuam para melhoria da sua qualidade de vida, matérias que nos ajudam a entender um pouco mais sobre a máquina mais importante do mundo, “ Nosso Corpo “ e muito além disso, saber como e quem são os profissionais envolvidos e comprometidos com o cuidado desta maravilhosa e extraordinária máquina. Informações importantes da área da saúde. Este é nosso compromisso, pois acreditamos que nossa região está a cada dia mais estruturada, tanto tecnologicamente como profissinalmente, pois com ótima formação e expêriencias , nossos profissionais tem se destacado em suas atuações, vindo sempre de encontro as necessidades de cada cliente. Nas matérias desta terceira edição, você poderá comprovar o profundo respeito que a Revista Top Saúde tem por você.

4

R e v i s t a To p S a ú d e

A terçeira edição da revista Top Saúde chega com o mesmo compromisso e credibilidade.


R e v i s t a To p S a ú d e

5


#26 Automedicação

Índice #08 • Informação: Topnews #10 • Alerta: Alimentação infantil #12 • Prevenção: Mastalgia #14 • Saúde: Metabolismo

#14 Tabagismo

#16 • Saúde: Má alimentação #18 • Nutrição: Chás #20 • Informação: Topnews informa #21 • Informação: Responsabilidade Social

#30 Varizes

#22 • Prevenção: Vitamina B6 #36 • Estética: Shiatsu #38 • Prevenção: Cuidados com a pele #40 • Informação: Neurofeedback

#24 Alzheimer

#44 • Dicas de viagem: New York #46 • Receitas: Camarão na Moranga #47 • Gestão: TopProfissionais

6

R e v i s t a To p S a ú d e


#03 Agosto 2012

Revista Top Saúde é uma publicação da editora Top Sul.

Direção executivo Fernanda Pacheco editoratopsul@gmail.com 48 9992.8655 Supervisão Editorial Daniel Baptista

Criação e design Estúdio Benvenutto www.israelbenvenutto.com.br Gestão de Negocios Duoquality Gestão em Saúde Chandrus E. Silva

Jornalista responsável Felipe Godoy Costa Pinto MTB/SC – 5402152

Fotografia Israel Benvenutto 5.000 exemplares Distribuição gratuíta

Para informações sobre: Anunciantes e Médicos, entre em contato pelo telefone: 48 9992.8655 • 48 3045.6613 Revista Top Saúde edição 03 Agosto de 2012 - Todos os direitos reservados, fica expressamente proibida a reprodução total ou parcial sem prévia do conteúdo editorial. Os artigos assinados são de exclusiva responsabilidade dos autores.

R e v i s t a To p S a ú d e

7


TOPNEWS

S A Ú D E

CURSO DE GESTANTES NO HOSPITAL DA UNIMED

LABORATÓRIO CONQUISTA CERTIFICADO DE QUALIDADE Assim como as indústrias e empresas de diferentes segmentos, o setor de laboratório de análises clínicas também ganhou um conceito para a satisfação do cliente e paciente, qualidade total e gestão pela qualidade pela adoção da Organização Internacional para Normalização (IS0 em inglês).

Em Criciúma,

depois de seis meses de adequação e intenso treinamento o Laboratório Pasteur conquistou a ISO 9001 através da entidade certificadora BRTUV. A conquista traz mais confiança ao paciente que tem a garantia de qualidade do seu exame. Para o laboratório, a ISO melhorou todo nosso trabalho interno desde o atendimento ao Marketing e agregou um

diferencial

competitivo

para

os

convênios

empresariais”, enumera o gerente administrativo do Laboratório Pasteur, Leandro Machado.

O curso de gestante é um projeto realizado mensalmente, com três dias de encontro, que unem teoria e prática. Para dar apoio a esses casais à espera do bebê, geralmente o primeiro filho, que o Hospital Unimed Criciúma criou o seu curso de gestante. Sentados em frente a um kit que inclui o boneco, fraldas, banheira e outros itens de puericultura, pais, mães, avós observam atentamente as informações passadas pela enfermeira Patricia Dias Gualtieri. Dar banho, amamentar, fazer arrotar, as temíveis cólicas, enfim, todas as angústias para os pais de primeira viagem são detalhados e demonstrados passo a passo. O resultado são mães mais tranquilas e pais mais experientes, antes mesmo do nascimento. As inscrições são feitas no Hospital Unimed Criciúma.

SANTA CATARINA GANHA PRIMEIRO EQUIPAMENTO HÍBRIDO DE SPECT/CT PARA DIAGNÓSTICOS POR IMAGEM Criciúma desponta mais uma vez no campo médico com a instalação do primeiro equipamento híbrido multipropósito do estado que fornece informações funcionais e anatômicas dos órgãos do corpo humano ao mesmo tempo (“exame dois em um”). O exame é realizado no SPECT/CT, aparelho que chegou ao Brasil há poucos anos e permite avaliar as patologias em áreas como Oncologia, Cardiologia, Nefrologia, Endocrinologia, Traumatologia e outras, utilizando radio-traçadores (elementos com pequenas doses de radiação) com afinidades específicas para o órgão que se quer estudar. A nova máquina, instalada na clínica Nuclearmed, já atende às carências de exames que hoje só são disponíveis ao sul em Porto Alegre e ao norte em São Paulo.

8

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

9


alerta

Dra. Renata Rabelo Nutricionista CRN/SC – 1798

A IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO INFANTIL

10

R e v i s t a To p S a ú d e


alerta

Todas as mulheres sabem que o aleitamento materno exclusivo até os seis meses de idade é o melhor e mais completo alimento a ser oferecido ao recém nascido. Vários estudos comprovam esta verdade e muitas campanhas mostram os benefícios trazidos pela amamentação, tanto para a criança quanto para a mãe. Mas muitas optam por mamadeiras e fórmula pronta por não querer ou não poder amamentar e, por achar que somente seu leite não é o suficiente. Os benefícios da amamentação tanto para o bebê e a mãe já foram comprovados, então aproveite este momento para estreitar os laços afetivos com o seu pequeno. O recomendado para a introdução de novos alimentos ao bebê é após os seis meses de idade. Mas, nada impede a mãe de continuar amamentando e, ao mesmo tempo, experimentar alternativas para a criança. “É nessa nova fase de descobertas que se observa a importância de colocar no prato os alimentos nutritivos e coloridos para estimular o consumo saudável. Pois é desde pequeno que será formado os hábitos alimentares da criança. Uma alimentação inadequada na infância, aumenta a probabilidade de acarretar doenças associadas”, orienta a nutricionista Renata Rabelo. Atualmente a publicidade, principalmente em anúncios na TV, mostra inúmeros tipos de alimentos (geralmente pobre em nutrientes), mas que são divertidos e coloridos, para alegria da criançada. “A população vem caminhando em contramão da linha do saudável, pois a primeira alternativa da grande maioria das famílias é optar por refeições rápidas, geralmente prontas. E nos lares, quem comanda o preparo das refeições quase sempre são as mamães que colocam a mesa e ensinam seus filhos a fazerem as primeiras refeições sozinhos”, aponta Renata. Como estudos sobre nutrição infantil demonstram que o comportamento alimentar na infância é determinado pelos hábitos que a família possui, há a necessidade do uso da criatividade para estimular a criança a ingerir o novo alimento oferecido a ela. A alimentação das crianças precisa ser composta por alimentos básicos, devem ser evitados os produtos industrializados nos primeiros anos de vida, privilegiando os naturais e menos refinados. “Proporcionar o consumo de vários tipos de alimentos, evitando a monotonia e garantir seu equilíbrio em quantidade e qualidade, auxilia o alcance de uma nutrição apropriada para cada fase da vida. A criança alimentada com excesso de produtos artificiais não tem

um crescimento e desenvolvimento adequado e, ainda tornam-se mais suscetíveis a doenças quando chegarem à vida adulta”, recomenda. “Uma nutrição balanceada e colorida na infância servirá como fator protetor a doenças e irá garantir o desenvolvimento e crescimento completo da criança”, complementa Renata. QUADRO DICAS IMPORTANTES 1 Estimule o consumo de frutas e saladas; 2 Monte pratos coloridos e divertidos, com carinhas e bonequinhos, e a criança pode ajudar a montar o prato; 3 Incentive o consumo de sucos naturais e a importância da água, evitando os refrigerantes; 4 Evite guloseimas e estipule horários e quantidades sem fazer chantagens.

IDEIAS PARA MONTAR PRATOS DIVERTIDOS: 1

2

3

R e v i s t a To p S a ú d e

11


Prevenção

Dra. Beatriz S. Althoff Rocha Mastologista CRM/SC - 11419

Mastalgia: o sintoma de maior incidência nas mamas

As mamas  responsáveis pela produção de  leite  para os bebês em seus primeiros meses de vida podem sofrer uma variedade de doenças e mudanças durante o ciclo menstrual. Entre as alterações relacionadas ao ciclo menstrual, a principal delas é a mastalgia, ou dor nas mamas. Há uma forma de mastalgia que todas as mulheres experimentam ao longo da vida, denominada de cíclica: refere-se àquele desconforto nos dois a três dias que antecedem a menstruação. Quase a metade das mulheres sente este sintoma de forma exacerbada. A anomalia acomete de 10 a 15% das mulheres. “Essas pacientes apresentam uma mastalgia grave, com duração maior que uma semana, com prejuízo na qualidade de vida e em atividades do dia a dia como alterações do sono, dificuldade de concentração no trabalho, alterações do humor”, enumera a médica mastologista, Beatriz Althoff. São diversas hipóteses explicativas para este problema, porém nenhuma delas é conclusiva. Em geral a conduta é tranqüilizar o paciente, orientar, medicar e excluir o câncer de mama. A mastalgia pode ser classificada como cíclica, acíclica ou de origem extra-mamária: • Mastalgia Cíclica Definida quando há relação com o ciclo menstrual. É uma das manifestações clínicas das alterações funcionais benignas da mama (AFBM), condição clínica caracterizada por dor e/ou nodularidade mamária que acontece no período pré-menstrual. • Mastalgia Acíclica Quando não tem relação com o ciclo menstrual, podendo ser constante ou intermitente e é mais freqüente na pósmenopausa. • Origem Extra-Mamária A dor extra-mamária é aquela que tem origem na parede torácica, mas é referida pela paciente como tendo origem na mama.

12

R e v i s t a To p S a ú d e

Diagnóstico e Tratamento O diagnóstico é clínico, devendo-se lançar mão de exames complementares quando há necessidade de excluir processo neoplásico (crescimento exagerado das células), principalmente em faixa etária de risco. O paciente deve sempre estar orientado no sentido de que a dor na mama raramente está relacionada com alguma doença. “O tratamento é feito com orientação e, se houver necessidade, usa-se alguma medicação com o uso de analgésicos ou antiinflamatórios não esteróides”, complementa a mastologista Beatriz Althoff.. Cuidados com a mama • Consultar ginecologista: toda mulher, a partir do primeiro ciclo menstrual, deve consultar seu ginecologista e, durante esta consulta terá suas mamas examinadas. • A mamografia deve ser realizada a partir dos 40 anos e feita anualmente. • Para pacientes com risco aumentado para câncer de mama, ou seja, aquelas com histórico familiar para câncer de mama, este rastreamento deverá começar antes, conforme recomendado pelo seu médico assistente.


R e v i s t a To p S a ú d e

13


Saúde

Dra. Jordana Bernardi Daltrozo Endocrinologista CRM/ SC - 12564

De acordo com o estudo recente divulgado pelo Ministério da Saúde, a proporção de pessoas acima do peso no Brasil avançou de 43%, em 2006, para 49%, em 2011. No mesmo período, o percentual de obesos subiu de 11% para 15%. Há sete anos, 47% dos homens estavam acima do peso ideal. Agora são 52%. Já entre as mulheres a proporção subiu de 39% para 45% Um dos fatores que influenciam no ganho de peso é a taxa metabólica ou metabolismo, que é a quantidade de energia gasta pelo organismo durante um determinado período de tempo. Envolve a energia gasta em repouso, durante uma atividade física e com a digestão dos alimentos. O metabolismo vária de pessoa para pessoa podendo ser diferente em indivíduos do mesmo sexo, idade, peso e altura. O principal componente do metabolismo é a taxa metabólica basal (ou taxa metabólica de repouso ou metabolismo basal). Representa aproximadamente 70% do gasto energético total e se refere às calorias gastas pelo corpo para manutenção das funções básicas no repouso, como, por exemplo os batimentos cardíacos, respiração, controle da temperatura corporal, etc. O restante da taxa metabólica provém das calorias gastas para digerir os alimentos (cerca de 10%) e com a realização de exercícios físicos.

Como o metabolismo afeta o

GANHO DE PESO? 14

R e v i s t a To p S a ú d e


COMO FUNCIONA O METABOLISMO? O metabolismo é um processo bioquímico complexo representado por várias reações que acontecem no corpo humano e resulta em um gasto energético ou calórico, o chamado gasto calórico total. Ele funciona ora produzindo compostos e substâncias a partir de componentes menores (estado anabólico), ora degradando substâncias em componentes menores (estado catabólico). A energia necessária para o organismo é obtida a partir de carboidratos, lipídios e proteínas, provenientes da ingestão de alimentos. Para que o peso corporal permaneça estável, torna-se fundamental manter um equilíbrio entre a quantidade de energia consumida, ou seja, a ingestão calórica e a necessidade energética total. Quando a ingestão calórica é maior que o gasto energético total, o ganho de peso é favorecido. Inúmeros fatores genéticos, ambientais e comportamentais influenciam o equilíbrio energético e o ganho de peso. ““A elevada ingesta calórica e os baixos níveis de atividade física estão intimamente relacionados com a elevada prevalência da obesidade. Porém, mesmo estando expostos a um mesmo ambiente, alguns indivíduos são muito mais propensos a ganhar peso do que outros. Isso ocorre, dentre outras coisas, por diferenças genéticas envolvidas em diversos aspectos do balanço energético”, analisa a médica endocrinologista, Jordana Daltrozo. IDADE O avanço da idade faz com que o organismo fique mais lento, passando a gastar menos energia. “Entre as justificativas possíveis para isso estão na composição corporal, como redução da massa magra (massa muscular), di-

10

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

1. Esqueça as dietas da moda ou radicais. Dê preferência à reeducação alimentar com substituição de calorias vazias por alimentos ricos em nutrientes. Dietas super restritivas vão contribuir ainda mais para lentificar o metabolismo. Procure o nutricionista para adequar e introduzir alimentos termogênicos e funcionais. 2. Faça atividade física apenas com autorização médica para haver certeza de melhora no perfil metabólico. 3. Durma bem, o sono produtivo e diminuição de estresse contribui para o não acúmulo de gordura abdominal e visceral, modulando seu metabolismo. 4. Prefira alimentos crus e naturais que garantem nutrientes e ajudam na melhora do metabolismo; 5. Hidrate-se ao longo do dia. Prefira água e evite o refrigerante 6. Faça no mínimo cinco refeições por dia e não fique mais de três horas sem se alimentar. Invista na variedade de alimentos e consuma com moderação. 7. Não saia de casa sem o café da manhã! Ele é importante para iniciar o ciclo de melhora metabólica. 8. Reduza o consumo de pão, arroz e macarrão de farinha branca.Mais nutrientes e fibras aceleradoras do metabolismo, sempre em refeições diferentes. 9. Moderação, diversidade e bom humor em uma dieta variada e colorida, vão resgatar anos de seu metabolismo. Procure o nutricionista para iniciar o ciclo virtuoso da saúde e bem-estar. 10. Coma quatro a cinco porções de frutas ao longo do dia sempre em refeições diferentes.

minuição da atividade física e a maior incidência de disfunções na glândula tireóide”, explica Jordana. HOMENS X MULHERES Homens tendem a ter um metabolismo mais acelerado do que as mulheres já que apresentam maior quantidade de massa magra. Os hormônios masculinos agem de uma forma mais rápida e estimulam mais o metabolismo quando comparados aos femininos.

R e v i s t a To p S a ú d e

15


Saúde

SEDENTARISMO E ATIVIDADE FÍSICA É consenso que o sedentarismo e a carência de atividade física têm relação direta com aumento de peso e exercem grande influência no gasto energético total. Baixos níveis de atividade física podem ser tanto causa como consequência da obesidade. Segundo dados do Ministério da Saúde, 30% dos brasileiros não realizam nenhuma atividade física. “A realização de exercício físico pode ser uma maneira natural de acelerar o metabolismo, evitando ganho de peso, além de trazer benefícios bem conhecidos para a saúde, como proteção cardiovascular e prevenção de diabetes”, instrui Jordana. Considerando-se que múltiplos fatores estão envolvidos no metabolismo de cada indivíduo e que os fatores genéticos não podem ser modificados, a melhor maneira de manter o equilíbrio energético, visando o controle do peso, é através de ingesta alimentar adequada e atividade física regular. ALIMENTAÇÃO Com relação ao gasto energético envolvido na mastigação, digestão, absorção dos nutrientes, ressalta-se que alimentos crus e integrais, por conterem maior quantidade de fibras, têm um custo energético maior, ou seja, ajudam a acelerar o metabolismo.

PRINCIPAIS FATORES QUE INFLUENCIAM O METABOLISMO

Idade Sexo Massa Magra Sedentarismo Alimentação

16

R e v i s t a To p S a ú d e


ExclusividadE quE só uma boutiquE imobiliária podE proporcionar. 2b imóvEis, naturalmente inspirada em você.

Rua Marcelino Champagnat, 18 - Sala 01 - Pio Corrêa (48) 3443 3411 - www.2bimoveis.com.br

R e v i s t a To p S a ú d e

17


Nutrição

Vai um chazinho aí? Quem munca tomou um chazinho! De acordo com uma lenda chinesa, o hábito de tomar chá surgiu há quase 5 mil anos, quando o imperador Shen Nung, um estudioso das ervas medicinais, estava cozinhando em seu jardim e algumas folhas de uma árvore selvagem de chá caíram na panela de água fervendo. Shen Nung decidiu experimentar a infusão e achou-a saborosa e revitalizante. A partir daí, o chá teria começado a ser consumido em larga escala pelos chineses. Mas as primeiras referências comprovadas à beberagem datam do século 3 a.c.,quando o chá era consumido na China principalmente para fins medicinais. Atualmente o chá é conhecido nos quatro cantos do mundo e cada vez mais é pesquisado seus beneficios.

18

R e v i s t a To p S a ú d e


Nutrição

O chá é a segunda bebida mais popular por uma razão. Uma pesquisa recente mostrou que o chá tem propriedades de combate ao câncer. Os produtos químicos no chá chamados polifenóis são antioxidantes. Eles são conhecidos para ajudar a proteger as células do stress de oxidação. O oxigênio é necessário para a vida, mas pode ter alguns efeitos negativos. O oxigênio é incorporado substâncias reativas, chamadas radicais livres, que podem danificar células e, eventualmente, levar a doenças cardíacas e câncer ao longo do tempo. Estes antioxidantes também ajudar a prevenir a coagulação do sangue, os níveis de colesterol, neutralizar enzimas auxiliando no crescimento de tumores, desativar promotores do cancro, e estimular o sistema imunitário. Chá também teve flúor, que ajuda a construir dentes fortes. Chá também contém uma variedade de ingredientes, tais como teanina (um aminoácido), vitaminas, minerais, e metilxantinas. Estes ajudam a lutar contra os agentes mutagênicos, retardar o envelhecimento, pressão arterial alta, a luta contra a infecção viral e bacteriana, e melhorar as funções do sistema digestivo e excretor. Para aproveitar estas vantagens, é recomendado que você beba pelo menos 2 a 4 xícaras de chá por dia.

Bardana Chá: Efeito calmante sobre a pele e trato gastrintestinal, melhora o apetite e a digestão, ajuda a reduzir os danos do fígado, reduz levemente o açúcar no sangue, purifica o sangue, combate os efeitos reumatismo, trata distúrbios renais, e ajuda a tosse brônquica balcão e outras irritações do trato pulmonar. Chá de hortelã: Trata síndrome do intestino irritável, facilita a náuseas e vômitos, flatulência e controla doenças diverticular, melhora a digestão, reduz a azia, cálculos biliares se dissolve, diminuindo a gravidade dos surtos de herpes, combate o mau hálito, controla dores musculares e dor crônica, elimina a congestão e tosse, controla leve asma, e reduz o estresse. Chá de sálvia: Ajuda a corrigir delírio da febre, excitação nervosa do cérebro e doenças nervosas, e febre tifóide, considerado um agente na luta contra o fígado e problemas nos rins, combate hemorhage nos pulmões e estômago, combate a garganta, afta, amigdalite, e sarampo, reduz a dor nas articulações, e ajudar a reduzir a transpiração excessiva. Chá de hibisco: Reduz a pressão arterial, reduz o nível de colesterol e fortalece o sistema imunológico de seu alto nível de vitamina C. Além desses benefícios, este chá ajuda a eliminar alguns quilinhos!!! Chá de Canela É bom para as vias respiratórias em períodos de gripes e resfriados. O chá de canela ajuda as funções digestivas. Entretanto, não deve ser usado com muita frequência ou em concentração muito alta. Chá de canela é antidepressivo e ajuda a controlar a compulsão por doces. Chá de Anis É indicado para eliminação de gases estomacais e intestinais, cólicas intestinais em recém-nascidos. Digestivo e anti-espasmódico. O chá de anis estrelado é indicado para gripes, cólicas, gastrites, enterites, gases, espasmos gastrintestinais, tosses, bronquite, calmante, expectorante. Excelente para melhorar a imunidade. Vale apena salientar que os chás tem propriedades medicinais, devemos saber dosar suas quantidades!

R e v i s t a To p S a ú d e

19


TOPNEWS

I n f o r m a

O Ministério da Saúde (MS) vai incorporar o trastuzumabe, um dos mais eficientes medicamentos de combate ao câncer de mama, no Sistema Único de Saúde (SUS). A iniciativa faz parte do Plano Nacional de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer de Colo do Útero e de Mama, estratégia para expandir a assistência oncológica no País, lançado pela presidente Dilma Rousseff no ano passado. O ministério investirá R$130 milhões/ano para disponibilizar o medicamento.

O câncer de mama é o segundo mais comum no mundo e o mais frequente entre as mulheres. No Brasil, estimam-se 52.680 novos casos em 2012 e o mesmo número para 2013. “A expectativa é que o trastuzumabe beneficie 20% das mulheres com câncer de mama em estágio inicial e avançado”, afirmou o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Fonte: http://www2.inca.gov.br

O Cartão Nacional de Saúde (CNS) é um documento que possibilitará a identificação do cidadão brasileiro ao utilizar o serviço de saúde publica ou privada. Os dados ficarão disponíveis em prontuário eletrônico, criando um histórico de atendimento médico de cada cidadão. E seu objetivo é beneficiar à gestão do sistema de saúde do país, contribuindo para o planejamento das ações e acompanhamento dos resultados obtidos. O cadastramento será feito no ato do atendimento em instituição pública e para quem possui plano de saúde a operadora fará o cadastramento no portal da ANS (Agência Nacional de Saúde). Fonte: www.ans.gov.br

Porque é importante consumir tanto fibras solúveis como insolúveis? As fibras insolúveis não se dissolvem em água, elas se unem à água e com elas arrastam alguns compostos do processo digestivo através do intestino. As fibras solúveis se dissolvem em água para se transformar em uma substância gelatinosa ou viscosa. O consumo combinado de ambas traz benefícios ao sistema digestivo, do estômago ao intestino. Fontes de Fibras Solúveis e Insolúveis: Solúveis está presente na aveia, cevada, frutas, leguminosas, como feijão entre outras. Insolúveis são encontradas no farelo de trigo, folhas verdes, flocos de aveis, arroz integral entre outros alimentos.

20

R e v i s t a To p S a ú d e


Informação

A Responsabilidade social envolve uma gestão empresarial mais transparente e ética e a inserção de preocupações sociais e ambientais nas decisões e resultados das empresas.

O mote é preservar recursos ambientais

e culturais para as gerações futuras, respeitando a diversidade e promovendo a redução das desigualdades. No campo da saúde, instituições também perceberam que o desenvolvimento sustentável é fundamental. Hospitais já foram premiados por criarem projetos voltados à preservação do meio ambiente e por iniciativas específicas. Uma clínica de Cachoeira do Sul/RS é um bom exemplo.

SEGMENTO DA SAÚDE CONTRIBUI COM RESPONSABILIDADE SOCIAL

A Reviclin, por cinco anos consecutivos, ganhou o prêmio “Responsabilidade Social” da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul. Desde a construção da clínica em 1999 foram adotadas medidas de preservação do meio ambiente, como sistema de iluminação com alta eficiência energética e programa de redução da emissão de CO2; a rede de esgoto possui um sistema de decantação, sendo limpo antes de ser lançado na rede pública. Todo o lixo das salas de HD é recolhido - em recipientes específicos - é tratado e incinerado com devida comprovação. O lixo reciclável, como papelão e plásticos são vendidos para empresas autorizadas e o dinheiro é revertido à Associação dos pacientes para compra de medicamentos e para suprir suas necessidades básicas. De acordo com a administradora da Reviclin, Tânia Alves, o comprometimento dos funcionários e pacientes é total e essas ações só têm resultados positivos. “Estamos muito felizes, pois além de sermos comprometidos com o tratamento renal dos pacientes, contribuímos com a preservação do meio ambiente e com a criação de uma sociedade mais justa”, declara. A Unimed de Criciúma também coopera socialmente com a comunidade onde atua através de ações e programas que melhoram a saúde e qualidade de vida das pessoas. Projetos como “Unimed na Praça” e “Reciclagem de Lixo” são adotados pela empresa. No Hospital São José, colaboradores trabalham para desenvolver atividades aos pequenos internados para tratamentos de saúde. E seu consultório, clínica ou complexo de saúde como pode auxiliar no desenvolvimento social?

R e v i s t a To p S a ú d e

21


Prevenção

VITAMINA B6 contra a depressão e para o bom humor

As vitaminas são nutrientes importantes para o nosso organismo. São de extrema importância para o seu bom funcionamento, principalmente porque ajudam a evitar muitas doenças.

OS PRINCIPAIS SINTOMAS DA FALTA DE VITAMINA B6 (PIRIDOXINA) NO ORGANISMO SÃO: • Vômitos • Fraqueza

Conheça agora um pouco mais sobre a importância da vitamina B6 em nosso organismo.

• Depressão

A principal função da vitamina B6 (piridoxina) no organismo é auxiliar no metabolismo das proteínas e gorduras e na formação da hemoglobina. É uma vitamina que promove o bom funcionamento do sistema nervoso e uma pele saudável.A depressão pode estar relacionada com a deficiência de vitamina B6 (piridoxina) no organismo, fazendo com que o indivíduo desenvolva sintomas como irritabilidade, sensação de tristeza, fadiga e falta de energia.

• Irritabilidade

A vitamina B6 (piridoxina) é fundamental para o sistema neurológico, pois está envolvida na síntese de neurotransmissores. A carência dessa vitamina causa queda nos níveis de serotonina, resultando em problemas de humor e depressão. Lembrando que as vitaminas devem ser ingeridas nas quantidades corretas, pois se a deficiência causa danos e excesso também poderá causar sintomas.

• Dores de cabeça • Inflamação da língua • Cãibras • Retardo Mental grave • Convulsões • Confusão Mental • Sensação de formigamentos nas mãos e pés OS PRINCIPAIS BENEFÍCIOS DA VITAMINA B6 (PIRIDOXINA) SÃO: • Prevenção de doenças cardíacas; • Diminuição da pressão sanguínea; • Diminuição do colesterol; • Auxilio no metabolismo de proteínas e gorduras; • Formação da hemoglobina; • Redução da retenção de líquidos; • Prevenção de reumatismo ALIMENTOS RICOS EM VITAMINA B6 • Levedo; • Arroz integral; • Germe de trigo; • Leite; • Carne de porco (bem passada); • Aves; • Fígado; • Ovos; • Legumes; • Lentilha; • Bananas; • Pimenta; • Aveia; • Batatas.

22

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

23


Saúde

MODIFICA COTIDIANO DE FAMÍLIAS A Doença de Alzheimer (DA) é responsável por cerca de 4 milhões de casos e atinge 50% da população com acima de 85 anos. São 7,7 casos para cada 1000 habitantes por ano. Famosos como o ex-pugilista Maguila e o ex-presidente norte-americano Ronald Reagan sofrem ou sofreram da enfermidade. Os primeiros sintomas da DA são sutis e a progressão da doença é insidiosa. “Tudo começa com perda de memória recente. Muitos pacientes passam a esquecer palavras e nomes, e precisam confiar em listas, calendários e familiares para se lembrar das coisas. Um fato comum é a desorganização de agendas, contas e medicamentos. Parentes próximos observam maior repetitividade: fazem a mesma pergunta ou reproduzem uma conversa semelhante minutos após ela ter acabado”, considera o médico neurologista Celso Gobbato. O diagnóstico é facilitado quando o paciente apresenta evidência na perda de memória e alteração de comportamento. Mas para uma análise precisa deve se submeter a uma sequência de exames. “O exame neurológico é insuficiente. Torna-se essencial um exame bem feito de memória, orientação, linguagem e outras funções mentais”, afirma Gobbato. A família de Jaqueline Fernandes enfrenta o Mal de Alzheimer há dez anos. O desespero pela descoberta da anomalia no pai e ex-jogador de futebol Carlos Alberto dos Santos foi grande no início. “Pensamos que o pai iria esquecer a família. Ele era um homem muito ativo. Mas nos unimos, evoluirmos e a terapia do amor foi a principal virtude para amenizar os problemas”, rememora Jaqueline. Em avaliação anatomopatológica, o cérebro de pacientes com DA encontra-se atrofiado difusamente, de modo mais acentuado nas regiões temporais, frontais e parietais. Ao exame microscópico, observa-se a perda de neurônios e degeneração sináptica cortical. Além disso, podem ser encontrados dois tipos de lesões características da DA: as

24

R e v i s t a To p S a ú d e

Dr. Celso Zuther Gobatto Neurologista CRM/SC - 10124


Saúde

placas senis (extracelulares) e os “novelos” neurofibrilares (intracelulares). Essas alterações histológicas parecem estar relacionadas com o declínio cognitivo observado na DA e com os demais sintomas que surgem no curso clínico da doença. A Doença de Alzheimer, a exemplo das outras formas de doença degenerativa progressiva, pode ser dividida em fases ou estágios conforme evolui. Aproximadamente 70% dos pacientes com DA encontram-se nas fases moderada e moderadamente grave. Com a progressão da doença, os processos de aprendizagem ficam comprometidos, com diminuição na aquisição e resgate de novas informações. “Ademais os pacientes deixam de perceber sua deterioração que compromete os hábitos de higiene, de se vestir, de tempo e de espaço, do ciclo vigília sono, do reconhecimento de seus familiares e alterações de comportamento”, enumera o médico. Na família de Jaqueline, o Mal de Alzhheimer que acometeu o pai modificou a vida de todos. Devido ao estágio da doença, o pai Carlos Alberto não reconhece as pessoas e tampouco consegue andar. “Passamos a ter um filho de quatro anos de idade. Sabemos que a solidão e o abandono só pioram ainda mais o seu estágio. Por isso, cuidamos de sua saúde com paciência e fizemos suas vontades. Ele gosta de bolo, de brincar e ainda damos boas risadas pela falta de memória dele”, pondera Jaqueline. O médico e sua equipe multiprofissional, em conjunto com os cuidadores/familiares, devem promover o bemestar emocional e social do paciente, reconhecendo sua individualidade, mostrando respeito e desenvolvendo sua confiança. Assim como fez a família de Jaqueline, o neurologista Gobbato ressalta outras características de tratamento. “Os cuidadores devem criar uma rotina diária para o paciente com programação para refeições, cochilos, higiene pessoal, atividade física e interação social. O portador do Mal de Alzheimer necessita executar tarefas

simples, tais como dobrar roupas, arrumar pratos, tentando evitar atividades mais complexas, que podem deixá-lo agitado”, recomenda. Programas educacionais e treinamento melhoram os níveis de estresse, distúrbios de comportamento do paciente e reação do cuidador dos mesmos. Educação e suporte retardam a institucionalização, principalmente com programas educacionais, sociais, suporte psicológico, auxílio aos serviços de saúde, encaminhamentos.

CUIDADOS

• O ambiente deve ser seguro, • Com iluminação adequada • Barras de apoio (corrimão) • Tapetes com fixação antiderrapante • Ausência de obstáculos no sentido de evitar quedas.

R e v i s t a To p S a ú d e

25


Informação

Dr. Luiz Vidal Alves de Miranda Nefrologista CRM SC 2545

OS RISCOS DA AUTOMEDICAÇÃO “Não há nada na natureza que não seja venenoso e a diferença entre remédio e veneno está na dose de prescrição”. Para Celso, um renomado cientista suíço do passado, deixou uma frase interessante sobre medicamentos. Atualmente a automedicação, conhecida como a prática de utilizar medicamentos por conta própria, sem prescrição médica, causa a morte de aproximadamente 20 mil pessoas ao ano no país. Conforme estudos específicos, de 10% a 20% das internações hospitalares nos Estados Unidos são por efeitos adversos de medicamentos. No Brasil, as mulheres praticam mais frequentemente a automedicação do que os homens: 59% contra 41%. “Um dado relevante apontado ainda foi que metade das crianças e adolescentes entrevistados já haviam usado medicações sem prescrição médica”, opina o médico nefrologista Luiz Alves de Miranda. Tratar da saúde por conta própria é uma decisão arriscada e pode ser fatal, afirmam especialistas. Entre os perigos da automedicação, a OMS aponta desde uma alergia ao agravamento da doença (veja quadro).

26

R e v i s t a To p S a ú d e

O rim é o principal responsável por filtrar e eliminar substâncias tóxicas do sangue. Porém, o órgão pode sofrer efeitos adversos de algumas destas substâncias. Vários medicamentos usados frequentemente na prática médica podem causar lesão nos rins se forem usados de modo inapropriado. São drogas nefrotóxicas todas que apresentam potencial risco de causar lesão nos rins. Além da lesão direta de certas substâncias nos rins, existe também um grupo de drogas que são seguras em pessoas sadias, mas se tornam perigosas em pacientes que já apresentam doença prévia nos rins, fazendo com que haja piora da doença renal. “Há uma preocupação ainda maior com as pessoas idosas. Temos que atentar para as alterações da massa corporal, diminuição das taxas de excreção renal e do metabolismo hepático naturais já que nesta faixa etária há uma tendência a aumentar as concentrações plasmáticas dos medicamentos e com isso incrementando as taxas de efeitos tóxico”, esclarece Miranda. O grande vilão dos rins são os anti-inflamatórios não esteróides (AINES). O principal efeito é a redução da capacidade dos rins em filtrar o sangue. Pessoas sadias


toleram essa alteração sem maiores complicações. O problema ocorre naqueles que tem insuficiência renal e portanto, já apresentam a filtração renal diminuída. Esse grupo apresenta grande risco de insuficiência renal aguda e, muitas vezes, necessitando de hemodialise . O risco cresce a partir do terceiro dia de uso. O anti-inflamatório é uma droga contra-indicada em pacientes com insuficiência renal. Outra lesão relacionada aos anti-inflamatórios é a nefrite intersticial, uma espécie de reação alérgica localizada no rim. A nefrite intersticial pode ser causada por várias drogas além dos anti-inflamatórios e se apresenta principalmente como uma insuficiência renal aguda, com rápida elevação da creatinina . “A nefrite intersticial não é uma alteração comum, principalmente se levarmos em conta a quantidade de pessoas que tomam anti-inflamatórios no mundo. O AAS (aspirina) também é um anti-inflamatório e deve ser usado com cautela em pacientes com doenças renais”, adverte. Os antibióticos também são causa de nefrite intersticial, principalmente as penicilinas, rifampicina, ciprofloxacino e trimetoprim/sulfametoxazol Alguns antibióticos são nefrotóxicos por natureza e devem ser evitados em doente renais como os aminoglicosídeos e entre eles a Gentamicina, Tobramicina e a Amicacina. Até a década de 80, a doença da lesão renal pelo uso prolongado de analgésicos era bastante frequente, mas caiu vertiginosamente após a retirada da Fenacetina do mercado. Hoje, as lesões relacionadas aos analgésicos são causados pelo uso diário e prolongado do Paracetamol (acetaminofeno), principalmente se associado ao ácido acetilsalicílico (AAS). Também são lesões raras, mas que existem. Doentes com insuficiência renal em qualquer nível devem evitar exames radiológicos contrastados sempre que possível. Caso o exame seja imprescindível, devese realizar uma preparação do paciente para minimizar os efeitos como hidratação abundante e algumas medicações. Os principais exames que usam contrastes nefrotóxicos são: Tomografia computadorizada - Cateterismo cardíaco Urografia excretora – Angiografia - Ressonância magnética (principalmente esta quando há algum nível de insuficiência renal).

Poucos são os procedimentos médicos isentos de riscos. A automedicação é perigosa e é importante conhecer os principais efeitos colaterais para poder detectá-los precocemente. “Apesar de dispensarem indicação médica, os remédios de venda livre devem ser usados com cautela, principalmente quando o indivíduo já foi diagnosticado por outras doenças, como as que acometem os rins. Para não se expor a riscos desnecessários e causar danos até mesmo irreversíveis para sua saúde, evite a automedicação e procure um médico ou o sistema de saúde sempre que apresentar algum sintoma ou mal estar”, recomenda Miranda.

RISCOS DA AUTOMEDICAÇÃO

• Diagnosticar a doença incorretamente; • Escolher uma terapia inadequada; • Mascarar sintomas e assim retardar o reconhecimento da doença, podendo agravá-la; • Usar uma dosagem insuficiente ou excessiva; • Utilizar o medicamento por período curto ou prolongado demais; • Tornar-se dependente do medicamento; • Combinar fármacos que não podem ser misturados; • Desenvolver alergias. Dr. Luiz Vidal Alves de Miranda Nefrologista CRM SC 2545

Encontram-se cada vez mais casos de lesão renal induzidas pelas chamadas ervas chinesas tradicionais. Já são mais de 150 enfermidades relatadas de pessoas que usavam essas ervas para emagrecer e desenvolveram insuficiência renal aguda com necessidade de hemodiálise.

R e v i s t a To p S a ú d e

27


Informação

INTERNET COMO FERRAMENTA DE AUTOMEDICAÇÃO Você já ouviu falar em Dr. Google? Pois é esta “concorrência” que muitos médicos inclusive no sul de Santa Catarina enfrentam quando pacientes os questionam sobre determinada doença e tratamento a partir de informações disponibilizadas na internet. E com o avanço dos smartphones e dispositivos móveis o acesso aos dados sobre saúde estão mais frequentes. Neste sentido, pesquisas trazem preocupação para a classe médica. Uma análise foi realizada pelo Bupa Health Pulse com 12 mil pessoas na Austrália, Brasil, GrãBretanha, China, França, Alemanha, Índia, Itália, México, Rússia, Espanha e Estados Unidos. Descobriu-se que 81% das pessoas com acesso à rede acabam obtendo orientações sobre remédios (automedicação), sobre saúde em geral ou condições que requerem cuidados médicos. Os russos são os campeões segundo o levantamento. Chineses, indianos, mexicanos e os brasileiros também registraram altos índices. Há uma preocupação dos autores do estudo com os resultados obtidos. “As novas tecnologias estão ajudando mais pessoas em todo o mundo a saber mais sobre sua saúde e tomar decisões mais bem fundamentadas. No entanto, todos precisam se certificar de que a informação que encontram as ajudará a melhorar, e não a piorar”, disse o pesquisador sênior David McDaid, da LSE. Só na Gra-Bretanha 73% dos internautas britânicos utiliza a internet para conseguir dicas sobre remédios e realizar um diagnosticar próprio. Mas somente um quarto das pessoas diz checar a origem da orientação on line. Em outro trabalho detalhado pelo instituto Ipso MORI, particularidades interessantes foram reveladas. 41% dos entrevistados querem conhecer na internet experiências de outros pacientes com o mesmo problema de saúde A automedicação traz grandes prejuízos ao paciente “Confiar em informação enganosa pode facilmente levar as pessoas a assumir riscos com tratamentos e exames inadequados, desperdiçar dinheiro e ter problemas desnecessários”, afirmou Annabel Bentley, diretora médica da Bupa. “Além disso, as pessoas podem fazer uma checagem on line e desconsiderar sintomas graves, em vez de buscar orientação com um médico”, complementa.

28

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

29


estética

VA RI ZE S UM MAL

Dr. Levi Grandi Cirurgião Vascular CRM/SC – 5245

PARA EVITAR

Considerada uma das doenças mais antigas e comuns

anticoncepcional podem determinar ou provocar um

da humanidade e que acomete com maior frequência

mau funcionamento destas válvulas e assim favorecer ao

mulheres principalmente após as gestações, as varizes são

aparecimento de varizes.

dilatações e tortuosidades das veias que as tornam mais salientes.

A queixa principal é a estética, mas outros sinais e sintomas podem estar presentes. “Os pacientes chegam ao

As varizes ocorrem com maior frequência nas pernas e

consultório com uma sensação de peso e queimação nas

nos pés. “Estas regiões apresentam uma pressão relevante

pernas, cãibras, inchaço, especialmente nos tornozelos ao

causada pela postura em pé e durante o ato de andar”,

final do dia, prurido ou coceira”, conta Grandi.

afirma o médico angiologista Levi Grandi.

DIAGNÓSTICO

As veias das pernas têm como objetivo impulsionar o sangue ao coração e contam com participação dos músculos das pernas, que, ao se contraírem funcionam como “bombas” para impulsionar o sangue contra a gravidade. A presença de válvulas no interior das veias

O diagnóstico, geralmente, é através do exame físico. E nos casos mais avançados, o mapeamento dos segmentos varicosos pode também ser feito com a ajuda de uma ultrassonografia venosa com Doppler.

impede que o sangue reflua, garantindo que o mesmo siga

Quando não tratadas, as varizes podem progredir e

em um único sentido. As varizes se formam quando há uma

desenvolver

perda da elasticidade das veias e o sistema de válvulas

dermatite, flebite, pigmentação e escurecimento da pele,

enfraquecido causa refluxo do sangue que deveria ser

hemorragia e/ou úlcera.

impulsionado, além de aumento da pressão sobre as veias

A medicação complementa o conjunto de medidas

repercutindo na sua dilatação.

complicações

severas

como

eczema,

profiláticas. Jamais uma medicação oral fará desaparecer

Em algumas pessoas fatores como idade, obesidade,

vasos varicosos. Atualmente, recursos tecnológicos de

sedentarismo,

ponta permitem que os procedimentos sejam mais rápidos

hereditariedade,

gravidez,

pílula

e eficientes do que no passado.

30

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

31


estética

A modalidade conservadora mais comum do tratamento CLÍNICO é a utilização de meias elásticas.“Todavia, determinadas mudanças no estilo de vida podem ajudar a controlar alguns dos sintomas dolorosos ou incômodos associados as varizes. Medicamentos são usados como coadjuvantes no tratamento conservador, porém jamais uma medicação oral fará desaparecer vasos varicosos”,

O uso constante de salto alto pode acelerar o aparecimento das varizes.

diz. TRATAMENTOS Escleroterapia química: injeção de esclerosantes em forma de líquido ou de espuma; Este agente esclerosante atua nas paredes da veia, fazendo com que esta desapareça. O número de sessões necessárias para o tratamento vária de paciente para paciente, considerando o número de veias a serem tratadas e o nível estético desejado. Safenectomia e mini-cirurgia de varizes: retirada cirúrgica “tradicional”; COMO PREVINIR? Evite permanecer parado no mesmo local por muito tempo, em pé ou sempre sentado. Tente caminhar de um lado para o outro já que assim vai ajudar o sangue a circular pelas vias circulatórias. Se passa muito tempo em pé ou sentado, faça um intervalo de hora a hora, se possível, fazendo flexões com os pés. Coloque-se em bicos de pés e volte a baixá-los, de forma a trabalhar os músculos da barriga das pernas, ajudando assim a comprimir as veias e a fazer subir o sangue em direção ao coração. Se estiver sentado evite cruzar as pernas, já que isto irá causar pressão sobre as suas veias, bloqueando a passagem do sangue de volta ao coração. Tente fazer 20 minutos de exercício aeróbico três vezes por semana, andando a pé, por exemplo. Como deverá saber, peso em excesso faz mais pressão sobre as pernas e consequentemente sobre as veias, impedindo a melhor circulação do sangue. Faça massagens sobre as pernas, exercendo pressão com os polegares sobre os músculos (nunca sobre as veias), deslizando os dedos de baixo para cima, em direção ao coração.

32

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

33


Dr. Celso Tadeu Menezes Pneumologista CRM/SC 2277

Alerta

Tabagismo e as consequências para a Saúde

O tabagismo é um dos principais problemas de saúde pública. A Organização Mundial de Saúde afirma que o tabagismo deve ser considerado uma pandemia já que, atualmente, morrem cerca de cinco milhões de pessoas por ano em consequência das doenças provocadas pelo tabaco. O tabagismo é a principal causa previsível de morte nos países desenvolvidos, registrando cerca de seis óbitos a cada segundo. Isso vale para todas as formas de uso do tabaco, sejam cigarros comuns, cachimbos, charutos e mesmo o fumo mascado. Também as pessoas não tabagistas, mas em contato frequente com a fumaça do cigarro, chamados tabagistas passivos, estão em risco aumentado de sofrerem das mesmas consequências. O câncer de pulmão é o tumor maligno com maior taxa de mortalidade no Brasil e no mundo e cerca de 90% a 95% dos

casos

estão

diretamente

34

R e v i s t a To p S a ú d e


Alerta

relacionados com o tabagismo. “O risco de câncer de pulmão é proporcional ao tempo que a pessoa fuma e a quantidade de cigarros fumada por dia. O risco de morrer por câncer de pulmão é 20 vezes maior em fumantes do que nos não fumantes. Esse risco começa a diminuir quando a pessoa para de fumar e, após 15 a 20 anos sem cigarro, volta a ser o mesmo de uma pessoa não fumante”, avalia o médico pneumologista Ricardo Tadeu Menezes. FUMAÇA DO CIGARRO A fumaça do cigarro possui milhares de substâncias químicas diferentes e muitas delas contribuem para as doenças humanas. O tabagismo é importante fator de risco para úlceras pépticas ( estômago e duodeno), osteoporose, distúrbios de reprodução e lesões relacionadas ao fogo. “O cigarro altera a estrutura dos pulmões e diminui a imunidade local. Mais de 80% das doenças pulmonares obstrutivas crônicas, mistura de bronquite crônica com enfisema pulmonar, são atribuídas ao tabagismo”, aponta o médico Menezes. Infecções respiratórias como pneumonia e viroses respiratórias são mais frequentes em fumantes. Isso acontece porque há doenças pulmonares associadas ao tabagismo como a fibrose pulmonar idiopática e outras anomalias menos comuns. Pessoas com doenças respiratórias alérgicas como asma e rinite podem piorar dessas enfermidades se forem tabagistas ou se tiverem contato frequente com fumantes, seja em casa ou no trabalho. CONSCIENTIZAÇÃO A educação da comunidade sobre os danos à saúde causados pelo tabagismo, em especial as crianças e adolescentes vulneráveis as influências externas, é

6 óbitos a cada segundo provocado pelo fumo no mundo Câncer de pulmão: maior taxa de mortalidade por tumor maligno Tabagismo causa mais de 80% das doenças pulmonares obstrutivas crônicas

fundamental. “Independente de quanto tempo a pessoa já fuma, sempre existe benefício em parar de fumar. Atualmente, contamos com tratamentos específicos para abandonar o tabagismo, com medicamentos, reposição de nicotina ou métodos de grupo, semelhantes aos que ocorrem com os alcoólatras anônimos”, conclui Menezes.

R e v i s t a To p S a ú d e

35


bem-estar

Juliano Silveira Personal Trainer G/SC – 013408

SHIATSU O significado do shiatsu é um método terapêutico originado no Japão entre o final do século XIX e início do século XX, tendo-se criado desde o princípio diferentes técnicas, ramos e estilos, que seguiram modificando-se quando o Shiatsu encontrou-se com outras culturas de cura por todo o mundo o Shiatsu usa-se além dos dedos os cotovelos, joelhos, sobre os pontos de acupuntura, para desfazer bloqueios nos canais de energia do corpo (meridianos) equilíbrios e energia do organismo. O nosso corpo possui mais de 2.000 pontos de acupuntura (pelos quais se absorve energia vital). Muitos deles encontram-se ao longo de canais de energia (ou Meridianos) e sua função é transportar a energia absorvida até os órgãos e vísceras que governam. Por eles circula a energia vital tal como o sangue corre pelos vasos sanguíneos. Assim, há o Meridiano do Coração, o Meridiano do Rim, etc Quando os pontos ficam bloqueados (devido aos traumas emocionais, fumo, álcool, drogas, pensamentos desarmoniosos, etc) a energia vital chega com maior dificuldade aos órgãos, prejudicando-os, sendo o início da doença. Um sintoma que denuncia estarem bloqueados é a dor sentida quando pressionados. Durante o Shiatsu, a cada pressão sobre eles, o bloqueio bem como a dor vão gradualmente se dissolvendo. Com isto, o Shiatsuterapeuta dissolve a doença (bloqueio) ainda no nível de energia, impedindo que ela chegue ao corpo físico. O Shiatsu tem objetivo de tratar o problema e não apenas o

36

R e v i s t a To p S a ú d e


bem-estar

problema em si. Acreditamos na força “Ki” que circula nos

BENIFÍCIOS DO SHIATSU

meridianos “tsubos” aplicando o shiatsu, desbloqueamos

• Diminuir a tensão física e emocional

os meridiamos e trazemos o ‘ki’ novamente ao equilíbrio circulando novamente no corpo. Acreditamos que toda doença, é causado pelo excesso ou pelo deficiência do “ki” no organismo. A técnica do shiatsu não utiliza óleo, nem equipamentos especial. Com o estudo neurofisiológico da acupuntura e do Shistsu, a ciência moderna já reconhece que a técnica proporciona a homeostasia (equilíbrio) do organismo, liberando algumas substâncias tais como: endorfinas, serotonina e ácido gama amino butírico (GABA) etc:

Endorfina - Substância semelhante à morfina (beta endorfina, encefalina e dinorfina), encontrado no cérebro e medula espinal e, dentre outras funções, modula a entrada da sensação dolorosa, principalmente a dinorfina. Serotonina - Encontrada no Sistema Nervoso Central, tem a ação sobre a atenção e o estado emocional (a produção inadequada de serotonina pode ser responsável pela depressão crônica). GABA - Ácido Gama Amino Butírico: geralmente tem efeito inibitório (é um redutor da ansiedade).

• Dores de cabeça • Esgotamento físico e mental • Sensação de falta de energia • Dores musculares e postural • Problemas digestivos • Estados emotivos • Insônia • Mal estar físico ou psicológico sem causa aparente CUIDADOS PARA APLICAÇÃO DO SHIATSU • Cuidado em aplicar o shiatsu em mulheres grávidas • Em caso de câncer recomenda-se a refexologia “massagem nos pés • Não pode ser aplicado sobre edemas, varizes e fraturas.

R e v i s t a To p S a ú d e

37


Drª Karla Ceretta Dermatologista CRM/SC 6571

Prevenção

INVERNO REMETE MAIS CUIDADOS COM A PELE A pele é o maior órgão do corpo humano e reflete nosso interior. Na verdade, ela é uma radiografia do estado geral de nossa saúde. Se a pessoa é saudável, a pele é tonificada, lisa e brilhante. Como vivemos em uma sociedade onde a aparência é fundamental, sobretudo para os profissionais, a pele bem tratada garante mais sucesso e satisfação interior. Seu pior inimigo é o sol em excesso, pois causa ressecamento, manchas e envelhecimento precoce. Com o frio e a baixa umidade do ar a pele precisa de cuidados ainda mais especiais. “Com as temperaturas amenas e clima seco há uma tendência forte para a pele ressecada, couro cabeludo descascado, unhas quebradiças”,explica a dermatologista Dra Karla Ceretta. Se no corpo é suficiente a utilização de hidratante uma vez ao dia, nas partes mais expostas ao frio e ao vento é necessário um cuidado maior. No rosto é aconselhável passar um hidratante com filtro solar pela manhã e reforçar na hora do almoço.

CONFIRA MAIS DICAS ESPECIAIS DA DERMATOLOGISTA KARLA CERETTA: EVITE A PELE SECA Banhos quentes e pele saudável não combinam. A água na temperatura alta retira o manto protetor da pele, causando o ressecamento e a coceira, principalmente nos pés, joelhos, cotovelos e pernas. A saída é tomar um banho mais rápido e evitar o uso excessivo de sabonete. Após o banho é essencial usar hidratante. LÁBIOS RACHADOS Os lábios são mais sensíveis ao frio e ao vento. Beba bastante líquido e mantenha os lábios protegidos usando batom hidratante (com cera ou manteiga na fórmula) CUIDADOS COM AS UNHAS QUEBRADIÇAS A unha e a cutícula desidratam quando a temperatura abaixa resultando em descamação e até quebra. Passe hidratante nas mãos dando atenção especial as unhas e substitua a acetona por removedor de esmalte. DERMATITE SEBORRÉICA Os banhos quentes e prolongados estimulam as glândulas sebáceas do couro cabeludo a produzirem oleosidade em excesso (a caspa). Na presença de um fungo, o Pityrosporum ovale, esse processo leva à inflamação, à coceira e à descamação da camada mais superficial da região. É agravado pelo clima seco e frio. Procure lavar os cabelos com água morna e retire totalmente o shampoo e o creme. Use produtos específicos para combater a dermatite seborréica e caspa, pois trazem agentes antifúngicos na fórmula.

38

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

39


Dilani Mota Psicóloga CRP-12/03339 Informação

Moramei Espindula de Moraes Psicóloga CRP-12/01509

NEUROFEEDBACK

A u xilia nas dific ulda de s me n ta is e n o d e s e n v o lv ime n to p r o fis s ional

Desde 1990, ligado com: “A Década do Cérebro” e a revolução em computação, o chamado NeuroFeedback (NF) vem sendo utilizado por milhares de treinadores nos EUA, Europa, Canadá, Austrália. Atualmente está crescendo rapidamente nos países asiáticos e no Brasil. Há no mercado mais de dez sistemas de aparelhos e software para treinar e avaliar os padrões de EEG individual digitalmente. “A técnica tem ficado mais abrangente nos últimos anos com demonstrações publicadas sobre os efeitos de treinamento nas áreas de transtornos de humor, de aprendizagem, de vícios/obsessões/compulsões, problemas de atenção/motivação/memória, enxaqueca/dor crônica entre outros” Neurofeedback , por meio de músicas, vídeos, jogos e gráficos para que o nível de atividade elétrica cerebral. O cérebro de um paciente com transtorno de ansiedade, pode estar dominado por frequências rápidas mesmo em estado de descanso. O treinador guia o usuário num processo de “resculptar” o cérebro energético, podendo ficar mais eficiente, equilibrado, eficaz, positivo e controlado. Pesquisas identificaram padrões nas frequências do cérebro associados à ansiedade, depressão, TOC, TDAH, problemas de sono conhecidos como digital cerebral. Ansiedade, raiva e hiperatividade frequentemente resultam em um cérebro com o hemisfério direito mais ativado do

40

R e v i s t a To p S a ú d e

que o hemisfério esquerdo. “Uma avaliação digital dos padrões de EEG de um paciente ajuda identificar níveis relacionados com os objetivos, guiando o treinamento em termos de áreas do cérebro e frequências”, analisa.O treinamento para profissionais de “alto desempenho”: artistas, músicos e dançarinos, executivos, jogadores de golfe, tênis e a seleção de Itália que ganhou a Copa do Mundo, praticou NF. FUNCIONAMENTO O Neurofeedback atua de forma a normalizar as ondas cerebrais indesejadas do córtex cerebral. A base da comunicação entre os neurônios se dá através de descargas elétricas. Estas podem ser amplificadas e decodificadas por aparelhos de EEG-eletroencefalografia. O EEG mede a atividade elétrica cerebral diretamente do córtex. A partir de sensores dispostos no couro cabeludo podese ver na tela do computador toda a atividade elétrica do cérebro em tempo real e estabelecer o que precisa ser treinado, em quais regiões do cérebro e como as informações serão dadas de volta (feedback) para o cérebro. Os sinais elétricos emitidos são interpretados e examinados por softwares específicos, que respondem com sinais sonoros e visuais, gerando uma retro alimentação (feedback), sendo possível a realização de um treinamento para reprogramação do cérebro.


R e v i s t a To p S a ú d e

41


Informação

NEUROFEEDBACK NO SUL DE SANTA CATARINA As psicólogas Dilani Mota e Moramei de Moraes já estão aplicando a NF em Criciúma e região através de um plano de treinamento customizado e proporcionando resultados animadores. “Não só no campo profissional, mas na área pessoal, observamos o quão necessário é o processo em atendimentos realizados na AMREC pela Duo Quality e na região de Araranguá ”, orienta Dilani. COMO É FEITO O NEUROFEEDBAK? Primeiramente é feita uma avaliação, medindo-se a atividade elétrica do cérebro do paciente através de um eletroencefalograma espectral. Ao paciente, são solicitadas

algumas

tarefas,

um

exercício

cerebral,

cálculos, leituras, memorizações. Enquanto este paciente realiza tarefas, que ativam áreas diferentes do seu cérebro, as atividades cerebrais estão sendo gravadas, GNB –

QUADRO INDICAÇÕES O Neurofeedback obtem resultados eficazes para: • Déficit de Atenção e Hiperatividade – TDAH/DDA; • Dislexia (dificuldades de ler palavras e dificuldades de reconhecer palavras); • Discalculia (distúrbio neurológico que afeta a habilidade com números);

Gravação Normativa de Base- fundamentada no Sistema

• Disgrafia (dificuldade na escrita está associada à dislexia);

Internacional 10-20, que é a base para elaboração do

• Demais perturbações da aprendizagem;

plano diferenciado para cada paciente. De posse desta

• Perturbações do desenvolvimento;

avaliação inicial é possível detectar quais áreas cerebrais estão com desempenho comprometido e que precisam ser

• Controle de crises convulsivas na epilepsia; • Prevenção de cefaleias de tensão e enxaquecas; • Depressão e outras perturbações do humor;

treinadas para trabalhar de maneira mais funcional.

• Perturbações do sono; como insônia e hipervigilância;

Os eletrodos anteriormente colocados sobre o couro

• Treino de otimização da Performance Mental (Mente de Alta Performance);

cabeludo, para a captação das emissões elétricas dos

• Otimização da Performance Profissional;

neurônios, são recolocados a cada sessão para alteração

• Aprendizado rápido (desempenho acadêmico e concursos;

das ondas cerebrais. Tais ondas cerebrais são classificadas por frequência em cinco tipos: gama, beta, alfa, teta e delta.

• Estresse; • Ansiedade e pânico e fobias;

A duração do tratamento depende de cada caso. Não é

• Melhora da concentração;

recomendado encerrar antes de 30 sessões, em alguns

• Maior poder de decisão;

casos, são necessárias 40 sessões, para garantir que os efeitos sejam duradouros. As sessões podem variar de duas

• Alta performance em atletas e desportistas; • Aumento de QI (quoeficiente intelectual); • Controle de fadiga, dor/fibromialgia;

a três vezes por semana, ou até diariamente. Em alguns

• TOC – Transtorno Obsessivo Compulsivo;

casos observa-se resultados já nos primeiros meses mas

• Depressão e outras perturbações do humor ;

a alta performance é evidenciada no final do treinamento.

• Habilidades musicais.

42

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

43


Dicas de viagem

A cidade mais polulosa dos Estados Unidos, Nova York, exerce grande influência mundial no comércio, finanças, arte, moda, tecnologia, educação e entretenimento. Nova York, é a cidade que tem maior diversidade linguística do mundo, com cerca de 800 idiomas falados em seu território. Localizada em um dos maiores portos naturais do mundo, a metrópoli é composta por cinco distritos: Bronx, Brooklyn, Manhattan, Queens e Staten Island. Muitos deste distritos e pontos turísticos se tornaram conhecidos graças aos seus quase 50 milhões de visitantes anuais. A cidade abriga algumas das pontes, arranha-céus e parques de maior renome do mundo. A Times Square, batizada de Encruzilhada do Mundo, é do globo. Além de ser o local onde se concentram os famosos teatros da Broadway, importante centro da industria do entretenimento mundial.

44

R e v i s t a To p S a ú d e

Manhattan é o distrito financeiro de New York, nele encontrase Wall Street, um dos polos financeiros do mundo, pois hospeda a maior Bolsa de Valores. Entre outros o mercado imobiliário mais valorizado do planeta. A grandeza da cidade também abriga três universidades classificadas entre as 100 melhores do mundo, tais como Universidade de Colúmbia, Universidade de New York e a Universidade Rockefeller. ALGUMAS DICAS PARA VISITAR A BIG APLLE DA MELHOR MANEIRA POSSÍVEL. Locomoção: para se locomover em New York, você poderá usar os famosos táxis amarelos, eles estão disponiveis 24 horas e todos aceitam dinheiro e cartão. Outro meio é o sistema de metrô que foi projetado para fornecer serviço 24 horas.


Dicas de viagem

Gorjetas: Uma prática apreciada e comum nos Estados Unidos é dar gorjeta por servisos prestados. Compras: Sem dúvida nenhuma, New York é definitivamente o destino de compras mais apreciados do mundo. Descubra as mercadorias artesanais das ruas de Greenwich Village e do Soho, saboreie deliciosas iguarias italianas na Arthur Avenue ou explorar as boutiques do Queens e Brooklyn.

líder mundial de informação dirigida de serviços e soluções. Reúne líderes influentes em farmácia e biotecnologia, juntamente com fornecedores através de uma combinação de conferências, exposições, workshops, oportunidades de parcerias e eventos de networking. Para maiores informações, visite: www.interphex.com

Gastronomia: New York é a metrópoli onde pode se encontrar todo tipo de comida, para todos os gostos e bolsos. NÃO DEIXE DE VISITAR

Ponte do Brooklyn

Ponte do Brooklyn: A mais antiga e famosa ponte de New York, vale a pena fazer a travessia a pé para ver Manhattan a partir do Brooklyn e o acesso é gratuito.

Central Park

Central Park: Um dos parques mais famosos do mundo possui inumeras atrações e áreas de recreação, além de ser locados para filmes. Bhrysler Building: Um dos prédios mais belos de New York, possui 319 metros de altura. Estátua da Liberdade: Presente dos franceses, a Estátua da Liberdade é o símbolo da cidade e do país. Para visitala é preciso reversar com antecedência, já que o acesso é limitado para apenas 30 pessoas por hora. Metropolitan Museum Of Art: É um dos maiores e mais importantes museu do mundo, que recebe cinco milhões de visitas por ano. Possui mais de dois milhões de obras de arte que abrangem cinco mil anos de história. Rockefeller Center: Famosa pela sua pista de patinação no inverno, tradicional árvore de Natal e estátuas de Prometheus e Atlas. Também comporta uma área de lojas e restaurantes.

Estátua da Liberdade

Times Square: Conhecida pelos seus painéis luminosos e pela tradicional contagem regressiva na festa de Ano Novo. É repleta de teatros, restaurantes e lojas. INTERPHEX A Interphex apresenta tecnologia de ponta, educação e abastecimentode produtos e serviços que melhoram a produção e desemvolvimento da cadeia de fornecimento de produtos farmacêuticos, biológicos, genéricos e provedoresde serviços profissionais. O evento, que acontece anualmente, é produzido pela Reed Exhibitions, que é membro da Reed Elsevier Group, uma fornecedora

Times Square

R e v i s t a To p S a ú d e

45


Receitas

INGREDIENTES

Camarão na Moranga Modo de preparo Corte uma tampa na superfície superior da moranga e reserve. Retire as sementes com o auxílio de uma colher. Cubra a moranga com papel-alumínio e coloque em uma assadeira com a cavidade voltada para baixo. Leve ao forno pré-aquecido a 180 graus até que a moranga esteja macia. Reserve em uma panela aqueça o azeite e refogue a cebola picada e o alho picado. Acrescente o molho de tomates camarões (já temperados com sal e pimenta), a farinha de trigo dissolvida no leite, o sal e a pimenta. Tampe e deixe ferver por 5 minutos. Retire do fogo e misture o requeijão já misturado com o creme de leite sem soro. Faça a correção do sal e da pimenta, se necessário. Recheie a moranga com este creme e leve ao forno pré-aquecido a 180 graus por aproximadamente 25 minutos. Polvilhe com o cheiro verde e decore a superfície com camarões grandes cozidos em água e sal.

46

R e v i s t a To p S a ú d e

1 moranga 2 colheres (sopa) de azeite 1 de cebola picada 2 dentes de alho picados 1 xícara (chá) de molho de tomate 1 kg de camarão limpo 2 colheres (sopa) de farinha de trigo 1/4 xícara (chá) de leite 250 gr de requeijão 1/2 lata de creme de leite sem soro sal, pimenta-do-reino branca e cheiro verde à gosto

Cobre: é um metal de transição e importante para formação do sangue e dos ossos. Esta presente também no cabelo e na pele. Esta presente no fígado, chocolate, gérmen de trigo, cereais, lentilha e frutos do mar.


Nas próximas paginas, informações para área médica.

R e v i s t a To p S a ú d e

47


Top Profissionais

EVENTO UNICRED REÚNE MAIS DE 600 PESSOAS EM CRICIÚMA

Um evento especial para congregar profissionais da saúde

O crescimento da saúde como um todo, a chegada

foi realizado, em Criciúma, no dia 21 de julho (sábado).

de novos profissionais oriundos das universidades e a

A Feijoada e o Salão do Automóvel da Unicred Sul

migração de especialistas para a região fizeram com

Catarinense reuniram mais de 600 pessoas oportunizando

que a Duoquality lançasse um novo serviço específico

informações aos cooperados sobre a atualidade da instituição e possibilidade de fechamento de negócios.

para colaborar na administração de clínicas, complexos hospitalares e consultórios.

Três revendas de veículos, uma imobiliária e uma gestora

A Duoquality também participou da Feijoada da Unicred

em saúde estiveram no evento.

lançando um portfólio de serviços específicos para a área

As taxas promocionais para aquisição de veículos são oferecidas anualmente pela cooperativa nos meses

da saúde. “Oportunizamos uma administração completa em negócios do segmento da saúde, criando um diferencial competitivo e reunindo especialistas em áreas cada vez

de junho e julho. O auge da campanha é o evento. “A

mais importantes para o desenvolvimento do negócio”,

concessão de IOF Zero proporciona uma grande diferença

explica o CEO Chandrus Eugênio Silva.

nos financiamentos de veículos, pois tem agregado taxas que já são inferiores às do mercado tradicional”, explica

Estabelecida em Criciúma, a Duoquality traz os serviços de Assessoria Jurídica, Assessoria de Imprensa, Consultoria

Lima. Outra grande vantagem, de acordo com ele, é o

Administrativa específica, Arquitetura, Redes Sociais e

prazo de pagamento de até 60 meses.

Desenvolvimento de Sites.

NOVA EMPRESA LANÇADA PARA O MERCADO

48

R e v i s t a To p S a ú d e


Top Profissionais

UMA NOVA FERRAMENTA Várias áreas técnicas, tem sua evolução acelerada pelas necessidades do mercado e com a administração não tem sido diferente, pois novas Ferramentas de Gestão vem sendo criadas para atender esta demanda. O BMG (Busisness Model Geregation ) é uma ferramenta inovadora, criada por Alexander Osterwalder e co-autoria de 470 consultores de Negócios Modelo de 45 países, que chegou ao Brasil a dois anos, e que trata-se de uma metodologia denominada Canvas, onde distribui graficamente 09 componentes que abrangem as quatro principais áreas de um negócio que são : Clientes, Oferta, Infra Estrutura e Viabilidade Financeira. O BMG é uma ferramenta estratégica, para alavancar o negócio, criar novos produtos, ou ainda podendo gerar um novos negócios.

do negócio, que serão, no segundo estágio, utilizadas para criarmos o perfil do nosso cliente ideal (Persona), com suas qualidades e ansiedades. No terceiro estágio aplicamos o Canvas, onde conseguiremos em conjunto criar a proposta

A metodologia de aplicação do BMG é muito simples, pois

de valor da instituição e definir ações que como satisfazer

é com a participação dos integrantes, da empresa, em

as necessidades deste cliente, através de relacionamento,

encontros “descontraídos “ onde não existe a preocupação

canais de comunicação, parcerias e estrutura. Uma das

com a formação técnica dos participantes mas sim, as suas

vantagens do BMG é a aplicação de ações práticas de

visões em relação aos clientes, mercado e o que acontece

baixo custo, agregando valor para obtenção de recursos

no dia a dia da empresa. Portanto, no caso de uma clínica

para ações de demandem um investimento maior.

por exemplo, participam o gestor, o médico, recepção, faturamento, etc.

A Duoquality tem aplicado com sucesso esta ferramenta com seus clientes, pois com o BMG a análise e

Em um primeiro estágio, fazemos o que chamamos de

direcionamento das ações feitas em conjunto tem gerado

explosão de ideias direcionadas a um assunto específico

ótimos resultados.

R e v i s t a To p S a ú d e

49


Dr. Romulo C. Pizzolatti – CREMESC 186 Delegado do CREMESC

Top Profissionais

CONSIDERAÇÕES SOBRE O ATESTADO MÉDICO Atestar é afirmar ou provar em caráter oficial.

Existem várias modalidades de atestado médico, de

O CREMESC nos orienta então, que prestemos atenção

acordo com a sua finalidade: atestado de doença, atestado

neste pormenor.

de saúde, atestado de vacina, atestado de óbito, atestado judicial e atestado administrativo.

Quando o paciente relata que a sua empresa, ou o médico da empresa, exige o código da CID e/ou o diagnóstico no

O atestado médico é um documento oficioso, podendo ser

atestado fornecido, sempre devemos explicar que esta é

contestado por outro médico que subjetivamente atesta sua

uma exigência impertinente, pois conforme nosso CEM

opinião sobre o estado de saúde do paciente, a qual pode,

só é permitida a exposição do mesmo após autorização

às vezes, não ser a mesma opinião do primeiro médico.

expressa do paciente. Esta autorização deve ser feita

Quando isto acontece, o reexame do estado mórbido

no anverso da folha do atestado e em lugar privilegiado,

firmado, deve ser feito por uma junta médica, não visando

para que na possibilidade de cópia, alguém não tenha

a contestação do documento em si.

a possibilidade de excluí-la. Após a autorização escrita,

O atestado médico é parte integrante do ato médico, sendo um direito do paciente a solicitação do seu fornecimento, não resultando em majoração de honorários. O Código de Ética Médica (CEM), em seu Capítulo IX, Art. 73, reza que “ é vedado ao médico revelar fato que tenha conhecimento em virtude do exercício de sua profissão, salvo por justa causa, dever legal ou autorização expressa do paciente”. A revelação do sigilo médico por justa

o paciente deve assinar abaixo ou ao lado, assumindo então, a partir desse momento, a responsabilidade sobre a possível divulgação da sua doença a pessoas ou órgãos. Se porventura, após a exposição da necessidade da autorização, o nosso paciente não aceitar em assinar, não devemos de modo algum fornecer o código da CID e/ou o diagnóstico, pois estaremos agindo eticamente conforme orientação do CREMESC.

causa se caracteriza quando a doença do paciente pode

Por último, devemos lembrar o Art. 11 do CEM: é vedado

provocar/resultar em dano à coletividade, enquanto que

ao médico receitar, atestar ou emitir laudos de forma

por dever legal se configura, compulsoriamente, por força

secreta ou ilegível, sem a devida identificação de seu

da lei. Hoje vamos nos reportar sobre a última condição: a

número de registro no Conselho Regional de Medicina

autorização expressa.

da sua jurisdição, bem como assinar em branco folhas

É comum depararmo-nos com atestados contendo o código da Classificação Internacional de Doenças - CID-10

de receituários, atestados, laudos ou quaisquer outros documentos médicos.

- e/ou o diagnóstico do paciente por escrito , sem ter uma

A Resolução CFM no.1851/2008 estabelece as normas do

justa causa, um dever legal ou a autorização expressa do

atestado para fins previdenciários.

paciente. Fontes: Fontes Código de Ética Médica e Manual de Orientação Ética e Disciplinar

50

R e v i s t a To p S a ú d e


R e v i s t a To p S a ú d e

51


É muito bom ter todos os serviços de uma instituição financeira com os benefícios de uma cooperativa.

www.unicred-sul.com.br

Cooperatva dos Médicos, Profissionais da Saúde, Contabilistas, Professores e Empresários.

52

R e v i s t a To p S a ú d e

Revista Top Saude 03  

Revista da area de saude do extremo sul catarinense

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you