Issuu on Google+

A fotografia No SĂŠc. XIX


Origem desta Arte Quando a França vivia num período de instabilidade política, no século XIX, consequência da Revolução Francesa e do Império de Napoleão (Napoleônica), surgiu um novo método de arte: A Fotografia. Registos revelam que na época de Aristóteles já se conhecia o fenómeno de produção de imagens pela passagem.

1ª Fotografia A 1826, o químico Francês, Joseph Nicéphore Niépce, fez a primeira imagem fotográfica que sobreviveu, deixando uma placa de estanho polido

Fig.1 - Joseph Nicéphore Niépce

Como Evoluiu Câmara Fig.2 - Câmara obscura

Fig.3 - Louis Daguerre

No século XVII, a câmara obscura era utilizada por muitos pintores na execução das suas obras. Esta possui um orifício no canto, onde a luz de um lugar externo passa por este atingindo uma superfície interna, onde é reproduzida a imagem invertida. A primeira câmara fotográfica foi apresentada por Daguerre a 7 de Janeiro de 1839, em Paris.


Tipos de Fotografia Fotografia a Preto e Branco - A fotografia foi criada a preto e branco, no início do Século XIX. As primeiras formas de fotografar que se popularizaram, como o daguerreótipo (1823) até aos filmes a preto e branco atuais, houve muita evolução técni-

ca e diminuição dos custos.

Figs.4,5,6 - Alguns

exemplos de fotografias a preto e branco

Fotografia Colorida - A fotografia colorida foi explorada durante o Séc. XIX e os experimentações iniciais a cores não puderam fixar-se na fotografia. Durante a metade deste século as fotografias disponíveis ainda não eram totalmente capazes de serem retocadas pela cor verde ou vermelha - a total sensibilidade a cor vermelha só foi obtida com êxito total no começo do Séc.XX. A primeira fotografia colorida foi tirada a 1861 por James Clerk Maxwell.

Fotografia Panorâmica -

A fotografia panorâmica tal como o nome indica (panorama), era uma fotografia que nos possibilitava de termos uma visão ampla e total de uma certa área.

Figs.7,8,9 - Alguns

exemplos de fotografias panorâmicas


Uma Influência Portuguesa no m CARLOS REL Quem foi Carlos Relvas... Esta influência de nome Carlos Augusto Mascarenhas Relvas de Campos, proprietário agrícola ribatejano, este foi cavaleiro, toureiro, entre outros… Casou com D. Margarida Amália Mendes de Azevedo e Vasconcelos. Deste casamento teve quatro filhos.

Fig.10 - Carlos Relvas Fig.11 - Carlos Relvas com a sua

Carlos Relvas recebeu vários prémios: -Viena de Austria, 1873 e 1875- Medalha de Progresso e Medalha de Prata -Madrid, 1873 - Medalha de Prata; -Amsterdão, 1876 - Primeiro prémio na exposição de Amsterdão - Palácio da Industria em Paris - medalha de ouro - Exposição hortícola do Palácio de Cristal do Porto, 1877 - medalha de ouro;


mundo da Fotografia: LVAS OS SEUS TRABALHOS Os seus trabalhos fotográficos tornaram-se bem conhecidos e muito apreciados. Em pouco tempo Carlos Relvas ficou considerado o primeiro fotografo amador do país. Dos inúmeros trabalhos que realizou destaca-se a reprodução dos objetos que figuraram na exposição da arte ornamental realizada em Lisboa no ano de 1882. As suas fotografias distinguiam-se pelo gosto artístico da pose e do ponto de vista, pela escolha da luz e pela nitidez destas. Muitas dessas fotografias foram expostas em várias exposições nacionais e estrangeiras, conquistando em

A CASA - ESTÚDIO Carlos Relvas, apesar dos seus inúmeros trabalhos com a administração da sua casa, lembrou-se um dia, de aproveitar as suas horas vagas, e fez-se artista dedicando-se à fotografia como amador. Correu os principais ateliers fotográficos da Europa, comprou os melhores e mais valiosos aparelhos fotográficos, construiu junto da sua vivenda da Golegã um atelier na parte mais alta Fig.12—A casa - Estúdio


Edição Semanal 5\05\1899

Revista Produzida por: - Beatriz Antão nº 6 - Catarina Ribeiro nº 9 - Bernardo Rodrigues nº 7


Fotografia no Século XIX