Page 1

“Pois o próprio Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos.” Marcos 10.45 Este texto revela que quando Jesus se interessou em explicar a razão de sua vinda para o nosso meio, fez isso de forma simples e direta: servir e dar. Jesus disse que não veio ser servido. Não veio para ser famoso, nem conquistar a atenção do mundo, nem se tornar conhecido, importante, popular, nem ser um ídolo. Na verdade, esse tipo de desejo o repugnava. E porque Jesus enfatiza a idéia do servo? No primeiro século, foi enorme o número de gente assim. Indivíduos autoritários, os cézares, os Herodes, os governadores e outros figurões pomposos. Gente como os fariseus, saduceus e escribas, com os quais Jesus “cruzou lanças” algumas vezes. Essa gente chegava ao ponto de se utilizar da religião como instrumento opressor, para controlar a vida dos outros. Mas e essa história de servo ensinada por Jesus? O que é ser um servo autêntico, que se dedique ao serviço de outros, sem se preocupar com a questão de quem iria receber os louros? ⇒ Que conexões podemos fazer entre o ambiente de Jesus e o nosso atual contexto?____________________________________________________________________________ ⇒ Honestamente, você já parou para pensar sobre o que é ser um servo genuíno em nossos dias? Já desejou ser apenas um servo dos outros? Se você entender que biblicamente este é o desejo de Deus para nós, está disposto a assumir este estilo de vida para sempre?____________________________________________________________________________ Para muitas pessoas a idéia de ser servo pode soar como algo temível e estranho. No entanto, ao estudarmos com maior profundidade o que Jesus ensinou em diversos textos das escrituras, vamos entender como essa é a idéia essencial de Jesus no seu ensino aos discípulos e como essa idéia de ser servo pode se tornar em algo desafiador e maravilhoso em nossa caminhada cristã. Por isso o primeiro desafio no início de nossa caminhada neste curso é: APLIQUE ESTE CURSO EM SUA VIDA. É lindo pensarmos no que é ser servo porque não é preciso ser brilhante, super inteligente ou super capaz e talentoso para que esses conceitos sejam aplicados. Basta estar disposto. Basta querer. Então, ao estudarmos as lições na igreja e nas devocionais diárias, procure aplicar em sua vida o que aprender, isso fará com que você se torne em alguém mais semelhante a Cristo e você aprenderá a ser servo de forma suave, leve e a vida de Jesus fluirá da sua vida de forma plena. Antes de iniciarmos nosso estudo, oremos pedindo a Deus que nos ajude a estudar e aplicar diariamente o que ele ensinou ais seus discípulos sobre ser Servo. EU, UM SERVO? VOCÊ ESTÁ BRINCANDO? Lição 01: Autenticidade, humildade, sinceridade. Introdução: Inicialmente devemos entender que existe uma negação natural em nós para a idéia do servo. Nosso conceito pode estar errado. O servo pode gerar em nós uma idéia de ignorância, humilhação, maus tratos. Coisas que o cristianismo se opõe. Ser servo não é perder a vontade própria ou identidade pessoal. Não é ser alguém sem objetivos e metas claras para sua vida. Ilustração: o experimento com os camundongos. Nossa gaiola está super lotada, o que fazer? ___________________________________________________________________________________ Vivemos em um mundo lotado, mas vivemos sozinhos, isolados. Ocupamos espaços comuns, mas não temos nada em comum. Embora seja penoso para nós ter de admitir isso, estamos perdendo contato uns com os outros. Nossos impulsos de auxiliar, incentivar, servir ao próximo estão-se desvanecendo. Leia Romanos 8: 28 e 29: “Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.” Este é um dos muitos textos onde a bíblia nos afirma que Deus tem apenas um grande objetivo para a vida de todo o seu povo: conformar-nos à imagem de seu Filho. Mas afinal de contas, O QUE É A IMAGEM O SEU FILHO? Se Jesus disse que veio para servir e dar, é óbvio que essa é a imagem que Deus quer que re-criemos. Depois de haver-nos feito membros de sua família, por meio da fé em seu Filho, Deus pretende formar em nós a mesma qualidade de vida que tornou Jesus diferente de todos os outros homens de seus dias. Ele está empenhado em formar no seu povo a mesma disposição de servir e dar, que caracterizava o seu Filho, Jesus. A história do Coronel James B. Irwin, astronauta do grupo de pessoas a pisarem na lua. A experiência de James nos leva a refletir: qual o objetivo básico da vida para nós?_________________ Será que os discípulos de Jesus compreenderam inicialmente essa idéia tão simples? “Então se chegou a ele a mulher de Zebedeu, com seus filhos e, adorando-o, pediu-lhe um favor.


Perguntou-lhe ele: Que queres? Ela respondeu: Manda que, no teu reino, estes meus dois filhos se assentem, um à tua direita, e o outro à tua esquerda.” (Mt 20:20-21). Obviamente a intenção dessa mãe era muito boa. Ela sabia que Jesus era o principal, mas pede que seus filhos ocupassem a posição direta ao lado de Jesus. Olhe o verso 24 a veja a reação dos discípulos ao pedido da mãe:______________________________ Os discípulos não queriam ceder às posições de honra. Ficaram irritados ao pensar na possibilidade de Tiago e João receberem a glória que eles desejavam e de que eles tivessem que servi-los. Leia o verso 22 e veja o que Jesus disse aquela mãe:________________________________________ Leia os versos de 25 a 28 e responda: Qual era a diferença gritante entre o movimento de Jesus e a filosofia daquele mundo em que eles viviam? ___________________________________________________________________________________ O conceito de autoridade era outro para Jesus. Mesmo em nossa atividade cristã, nossa tendência é nos deixar envolver nessa corrida para o sucesso e para posições melhores, e assim perdemos de vista nossa condição básica de seguidores de Cristo. NA IGREJA SÓ EXISTEM DUAS POSIÇÕES: A CABEÇA E O CORPO. “O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação; Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele. E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele. E ele é a cabeça do corpo, da igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência.” (Cl 1:15-18). A história de Diótrefes – III João 9. Como trabalhamos biblicamente a liderança na igreja local? Deve ser uma liderança com espírito de servir a todos. Não interessa que tipo de governo eclesiástico a igreja adota, desde que seja um em que todos os que se acham envolvidos no ministério (sejam eles líderes ou não) se vejam como pessoas que servem, que dão. O que realmente importa é a atitude. O exemplo Paulino: Paulo era um apóstolo, chamado diretamente por Jesus no caminho de Damasco, mas se designava como servo de todos. Vejamos os princípios Paulinos para sermos servos de Deus. 1 – AUTENTICIDADE: Leia I Coríntios 2:1-3. Faça um resumo do que Paulo diz no texto: ___________________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________________ Leia II Coríntios 10:10_________________________________________________________________ Paulo reconheceu abertamente que era fraco, temeroso, e até tremera quando estivera diante deles. Se você acha que Paulo era um super crente, um ser “sobre humano”, leia o que ele escreveu em Romanos 7: 21-25. Paulo nunca disfarçou suas fraquezas humanas. Ele sempre expôs abertamente sua verdadeira condição. Um servo é assim. 2 – HUMILDADE GENUÍNA: Leia I Coríntios 2:4-5 e responda: de onde vinha a capacidade de pregação de Paulo?______________________________________________________________________________ Certamente quem convivia com Paulo iam ficando cada vez menos impressionados com a pessoa dele, e mais admirados com o Cristo vivo. Isso quer dizer que quando as pessoas seguem líderes que têm coração de servo, o exaltado é Deus porque esses homens falam da pessoa de Deus, de seu poder, de sua obra, de seu nome, de sua palavra. Tudo para a glória de Deus. 3 – SINCERIDADE ABSOLUTA: Leia II Coríntios 4:1-2 e I Tessalonicenses 2:3-4 e responda: quais eram as intenções de Paulo com sua mensagem? Nada de intuitos ocultos. Uma total ausência de hipocrisia, de ambiguidade, de jogadas políticas e de superficialidade verbal. Quando nossa vida é caracterizada pela sinceridade, não há necessidade de manipulação. Se cultivarmos um verdadeiro gosto pelo que é genuíno, chegamos um momento em que os valores que substituem o que é real não nos atrairão mais. Ilustração do coelho de pelúcia. Conclusão: Você enfrentará conflitos na tentativa de ajustar-se ao padrão da bíblia. Não é fácil ser um servo autêntico, humilde e sincero. A própria igreja nos pune por sermos autênticos, sinceros e humildes. Mas pense na possibilidade de ser um servo a partir do que aprendeu hoje e busque com todas as suas forças aplicar isso em sua vida.

eu-um-servo  

EU, UM SERVO? VOCÊ ESTÁ BRINCANDO? Lição 01: Autenticidade, humildade, sinceridade. Conclusão: Você enfrentará conflitos na tentativa de aju...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you