Issuu on Google+

TRIBUNA Bancária Sindicato dos Bancários de Niterói e Região

www.bancariosnit.org.br

Ano LI – Nº 344 – 15 de dezembro de 2010

Fotos: Marcio Maturana

Jorge e Fabiano recebem placa

O salão da AABB ficou lotado

Darby, Nelma, Nilton e Rodrigo

Banda de Mauro Costa Jr animou

Bancários brindaram conquistas

Jorge Antônio passou para Fabiano o crachá da direção do Sindicato

Os dançarinos mostraram talento

2011: ano de renovação

Nova diretoria do Sindicato toma posse para gestão até 2014. Fabiano Júnior é presidente Música e entusiasmo para novas conquistas marcaram a posse da nova diretoria do Sindicato. A solenidade aconteceu dia 10, na Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB) de São Francisco e teve a presença de bancários com suas famílias, parlamentares, diretores de outros sindicatos bancários, sindicalistas de outras categorias e funcionários. O mandato da nova diretoria vai até dezembro de 2014. O novo presidente, Fabiano Júnior, recebeu a carteira de diretoria do Sin-

A nova diretoria se reúniu para registrar em foto o momento da posse

dicato de Jorge Antônio, que concluiu sua gestão. Ele já presidiu o Sindicato entre julho de 1999 e maio de 2003, quando deixou o

cargo para ocupar a presidência da Federação dos Bancários dos Estados do Rio e Espírito Santo. Como foi reeleito na Federa-

ção em julho, vai acumular as duas funções. O sindicalista Rubens Branquinho foi o mestre de cerimônias e representou a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (ContrafCUT). A mesa foi composta por Darby Igayara (presidente da CUT-RJ), Nilton Damião Esperança (vicepresidente da Federação RJ-ES), Nelma Tavares (superintendente regional da Caixa Econômica) e Rodrigo Neves (deputado estadual do PT), além de Fabiano e Jorge.


Bancária 2 TRIBUNA SA S A ldo médio

Sindicato dos Bancários de Niterói e Região Foto: Arquivo BancariosNit

Bancário já ganha no Carnaval O samba de enredo da Escola de Samba Porto da Pedra para o Carnaval 2011, composição do diretor do Sindicato Jorge Antônio Porkinho, foi escolhido o melhor do ano pelo júri portal Galeria do Samba, o maior do gênero no país. A composição pode ser ouvida no site do Sindicato (www.bancariosnit.org.br). A letra também está lá. O samba “O sonho sempre vem pra quem sonhar”, parceria de Jor-

ge Antônio com Bira, Diego Ferreira e Robinho, homenageia a consagrada autora de teatro Maria Clara Machado. É a segunda vez consecutiva que um samba de Jorge Antônio é cantado pela Porto da Pedra na Sapucaí. Ano passado, na sua primeira participação como compositor, o sindicalista venceu a acirrada disputa com o enredo “Com que roupa eu vou pro samba que você me convidou?”.

Dentista

Direitos

em férias

A dentista do Sindicato, Margareth de Oliveira, entrou em merecidas férias. Ela volta ao trabalho no dia 3 de janeiro, quando bancários sindicalizados e seus dependentes poderão voltar a usar o atendimento odontológico do Sindicato. O atendimento é feito no consultório da Sede Social (Rua Maestro Felício de Toledo, 495 sobreloja, Centro), das 8h às 11h40, de segunda a quarta-feira, e das 13h às 15h40, às quintas-feiras. Não é preciso agendar consulta. O departamento odontológico do Sindicato faz todos os serviços básicos por preços simbólicos. O Sindicato luta para que todos os bancos ofereçam atendimento odontológico em seus planos de saúde.

TRIBUNA Bancária

humanos

Dia 10 de dezembro, comemorou-se o Dia Internacional dos Direitos Humanos. A data marca o 62º aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, o primeiro documento a reconhecer, no âmbito internacional, direitos fundamentais aplicáveis a todas e todos, independentemente de raça, etnia, gênero, origem, religião, idade, situação civil, condição de saúde, ou qualquer outra forma de diferenciação.

Facilidade

online

Agora a tela inicial do site do Sindicato traz uma caixa com numeração, no rodapé, para acesso rápido às notícias anteriores, facilitando a navegação. Confira a novidade.

Sindicato dos Bancários de Niterói e Regiões

Sede: Rua Maestro Felício Toledo, 495 - sl. - Centro – Niterói CEP 24.030-105 - Tel/fax: (21) 2717-2157 Subsede: R. Casimiro de Abreu, 62/205 - Centro - Cabo Frio CEP 28905-360 - Tel/fax: (22) 2643-4317 e-mail: sindicato@bancariosnit.org.br Redação, edição, diagramação e projeto gráfico: Marcio Maturana (MTb 17625). Impressão: Gráfica Porciúncula (3 mil exemplares)

Moisés e Altair fecharam as portas do Itaú em Itaipu, devido a riscos à saúde

Paralisações no Itaú e no Santander Falta de condições de trabalho — com riscos à saúde e à segurança — foi a razão de paralisações de 24 horas recentes em duas agências em Niterói: Itaú Itaipu, dia 30 de novembro, e Santander Gavião Peixoto, dia 3 de dezembro. A primeira paralisação aconteceu porque obras no Itaú deixaram forte cheiro de produtos químicos, que foram sentidos quando os sindicalistas Altair Ramos e Moisés Pereira foram à agência distribuir o jornal Tribuna Bancária. Heber

Mathias também participou da paralisação. “Fatos assim devem ser denunciados imediatamente ao Sindicato”, afirmou Altair. A paralisação no Santander de Icaraí aconteceu devido à falta de arcondicionado. Novamente Moisés participou da paralisação, desta vez acompanhado dos sindicalistas Júlio Pessoa e Paulo Celso. A agência só voltou a funcionar três dias depois, quando os sindicalistas se certificaram das boas condições de trabalho.

bA ncariosnit.org.br

Slide

de fotos da festa de posse No site do Sindicato, a caras-pintadas que pereportagem sobre a posse diam o impeachment de da nova diretoria do Sindi- Fernando Collor. cato revela curiosidades A reportagem no site da festa, como quando o traz também um slide com deputado Rodrigo Neves 128 fotos da solenidade (PT) lembrou a época em e a relação completa dos que era líder estudantil e novos diretores, com seus o Sindicato emprestava respectivos cargos. Para carro de som para pro- conferir, basta acessar testos dos estudantes www.bancariosnit.org.br


TRIBUNA Bancária

Sindicato dos Bancários de Niterói e Região

3

Com a palavra, os presidentes Os bancários já conhecem bem o novo presidente, Fabiano Júnior, e o presidente que conclui sua gestão, Jorge Antônio.

Durante quatro anos, Fabiano presidiu a entidade, já era diretor antes e desde 2003 continuou em contato, como presidente

Fabiano Júnior, presidente 2011-2014

‘O Sindicato evoluiu’ 1.

Quais

lar a nova função com os

as

perspectivas de

compromissos de presiden-

conquistas

te da

sua gestão?

na

Avançar na Convenção Coletiva nos aspectos sociais e econômicos, como piso, saúde, segurança e condições de trabalho, intensificando o combate ao assédio moral.

Federação dos BanEstados do Rio e Espírito Santo? Gestão colegiada não passa só pelo presidente, mas por toda a diretoria. É difícil, mas com dedicação é possível. cários dos

4. O

que mudou no

Sindi-

cato desde que você foi

dificulta a luta?

Federação? O Sindicato evoluiu, está mais dinâmico, os dirigentes estão mais maduros, houve uma renovação significativa. Há mais organização na luta de classe.

3. Como

5. O que ainda vai mudar? Uma ação mais incisiva na área de formação, na qualificação dos bancários e dos sindicalistas.

2. Você assume como presidente do Sindicato no mesmo momento em que

Dilma assume como presiRepública. Ela

dente da não

vem

do

sindical, como

movimento

Lula. Isso

Não interfere em nada, pois o movimento sindical é sempre independente e autônomo. você vai acumu-

para a

da Federação RJ-ES. Jorge Antônio ficou sete anos à frente do Sindicato e agora continua na diretoria, com outro cargo.

Jorge Antônio,

Mas as entrevistas abaixo revelam melhor como eles avaliam o momento atual e as perspectivas para a nova gestão.

presidente

2003-2010

‘Ampliar as conquistas’ 1.

Quais

principais

as

con-

quistas na sua gestão?

Reposição da inflação, garantia da Convenção Coletiva, a filiação à Federação RJES, à Contraf e à CUT. 2. E no Sindicato? Praticamente dobrou o índice de sindicalizados. Reduzimos mensalidade e devolvemos o imposto sindical há cinco anos. Informatizamos a secretaria, a imprensa e o jurídico, que foi reestruturado com nova equipe de advogados. Reformamos as salas e renovamos a frota. Para os funcionários, garantimos o mesmo piso dos bancários, tíquete-alimentação e plano de saúde.

3. O

que ainda pode ser

melhorado?

A transferência da sede social para o novo prédio que adquirimos ao lado do Liceu Nilo Peçanha. 4. Sua

gestão

presidente

Lula. A

saída

dele muda a conjuntura?

Dilma não veio do movimento sindical, mas também tem história de luta pela democracia e ao lado dos trabalhadores. Vai manter o projeto. 5. Quais

suas perspecti-

vas para a nova gestão?

Foi Fabiano que passou a presidência para mim, em 2003, e agora passo para ele com muito orgulho. Continuo na diretoria para, ao lado dele, ampliar nossas conquistas.

Um novo tempo está nascendo

Feliz 2011! É tempo de consolidar e ampliar conquistas não só para os bancários de Niterói e Região, mas para todo o Brasil

coincidiu

com os dois mandatos do


4

TRIBUNA Bancária

Sindicato dos Bancários de Niterói e Região

Feliz Natal é isso aí Confraternização de fim de ano dos bancários reforçou a união da categoria para o novo ano

Papai Noel desceu do helicóptero na Sede Campestre do Sindicato com a ajuda dos sindicalistas Marise, Jorge Antônio, Cristina e Moisés. Foi o ponto alto da festa que durante um dia inteiro divertiu as famílias bancárias com brincadeiras, música, churrasco, bebidas e solidariedade na doação de alimentos Fotos: Marcio Maturana

A

festa de Natal dos bancários de Niterói e Região, dia 4, na Sede Campestre do Sindicato, teve todas as características típicas do bom Natal: crianças sorrindo, presentes, confraternização e solidariedade (doação de alimentos). Ah, claro, teve também Papai Noel de helicóptero! Um vídeo da festa pode ser visto no canal do Sindicato no Youtube. No site www.bancariosnit.org.br, há também um slide com todas as fotos. Houve distribuição de cerveja, refrigerante, churrasco, pizza, picolé, hambúrguer e pipoca, além de sorteio de brindes. A música ficou por conta da dupla Felipe Ramos (violão) e Leonardo Leite (bateria).

Na chegada, os bancários doaram alimentos e curtiram música ao vivo enquanto saboreavam o churrasco

A garotada se divertiu nos brinquedos, na animação e nas improvisações, como o saudável chuveirinho

O Bom Velhinho chegou de helicóptero, distribuiu presentes e tirou fotos com crianças de todas as idades


Tribuna Bancária nº 344