Page 1


DESCRIÇÃO DOS COMPONENTES

O conjunto do acoplamento unidirecional (7), (8) e (9) transforma o movimento linear da cremalheira (13) em rotação. O acoplamento unidirecional é composto da engrenagem de arraste (7), mola de arraste (8) e anel de acoplamento (9). O sem-fim (4) é apoiado no mancal (6). Este mancal é fabricado em polímero.

O corpo (1) é fundido em ferro nodular com tratamento, para que seja obtido um baixo coeficiente de atrito e uma alta resistência ao desgaste. O corpo é disponível com diversos comprimento, off-set e inclinações. A bucha (2) é feita em aço temperado e pode ser fornecida com dimensões variadas.

O rolamento de agulhas (10), a arruela de apoio (18) e as tampas (11 e 20) retêm a mola de compressão (17). A mola de compressão (17) mantém o sem-fim (4) em contato como anel de acoplamento (9). Os rebites (31) travam as tampas (11 e 20) na posição desejada e permite uma fácil desmontagem

A cremalheira (13) transforma a rotação do disco de controle (21) em movimento linear alternado. A cremalheira é sintetizada em um padrão de alta densidade e dureza. As molas (14 e15) mantêm a cremalheira em contato com o flanco inferior do rebaixo do disco de controle quando o acoplamento cônico (4 e 9) é desengatado. A chapa expansiva (16) fecha o furo de montagem das molas de retorno (14 e 15).

A coroa (3) com o parafuso sem-fim (4) transmite a força do corpo (1) para o eixo de came S. Os dentes da engrenagem são assimétricos e as duas peças são feitas em aço de alta qualidade. Depois do tratamento térmico as duas peças estão passando por um tratamento especial para levantar a resistência. Os anéis O (28) fabricados em borracha nitrílica, garantem a vedação, protegendo as peças internas da água, poeira, etc.

A unidade de controle (12) é que fornece o movimento requerido para ação compensadora do ajustador. A unidade consiste do disco de controle (21) com o anel interno e anel externo, braço de controle (22) e tampa (23). O braço de controle e o disco formam um conjunto solidário e podem girar livremente no corpo. Entre a tampa e o disco é montado um anel O fabricado em borracha nitrílica, que garante a vedação, protegendo as peças internas da água, poeira, etc. O disco de controle tem um rebaixo onde encaixa o ressalto da cremalheira. O disco tem um número marcado, próximo do rebaixo, que significa a abertura do rebaixo. Quanto maior número, maior a folga entre as lonas e o tambor de freio. Este disco é tratado. A junta (27) é montada entre a unidade de controle (12) e o corpo (1). A unidade de controle é fixada através dos parafusos tipo Philips (T20).

01


Ajustador Automático de Freio INFORMAÇÃO GERAL O Ajustador de Freio é um equipamento que corrige automaticamente a folga entre as lonas e o tambor de freio, mantendo-a constante independente do desgaste das lonas. Sua finalidade é garantir uma frenagem equilibrada e segura. O equipamento é composto basicamente de um corpo e uma coroa, que transmitem o esforço de frenagem, um mecanismo interno que faz as correções necessárias e uma unidade de controle (braço de comando), que compara a cada frenagem a folga existente com a folga especificada, enviando ao mecanismo interno a informação de correção necessária. Sendo a folga especificada pré-determinada pelo mecanismo interno, o Ajustador sempre fará a correção para o valor especificado, independente do valor em excesso. Uma perfeita instalação, bem como uma manutenção correta do Ajustador Automático de Freio são fundamentais para a segurança do veículo.

IDENTIFICAÇÃO Número do Ajustador

Número da Unidade de Controle

Ano Semana

513 60954 Número do Ajustador

FREIOS

Made in Brazil 60954 682

N/S 0513687

513 60954

Ano Semana

* Ilustração

Número de Série

Lote

REVISÃO A) LUBRIFICAÇÃO Caso o Ajustador Automático de Freio possua engraxadeira, engraxar com graxa de sabão de lítio tipo EP comum. Caso contrário não há necessidade de engraxar, pois já vem engraxado para sua vida útil. Não utilizar graxas com aditivos como bissulfeto de molibdênio, grafite e outros.

B) CONTROLE DE FUNCIONAMENTO Verificar os cursos do cilindro de freio, observando que os mesmos estão dentro dos limites especificados pela montadora do veículo.

C) TESTE DE TORQUE Com o freio aliviado, e sem retirar o Ajustador do veículo, colocar um torquímetro no sextavado do parafuso sem-fim (NV 12), girar o torquímetro no sentido anti-horário e controlar que o acoplamento cônico interno não solta com um torque inferior a 18Nm(1,8kgm). Ao realizar este teste, deve haver um ruído característico. Repetir esta operação 3 vezes com cada alavanca. Se o acoplamento escapar com um torque inferior deve-se trocar ou recuperar o Ajuste Automático.

02


TROCA DAS LONAS DE FREIO A) Girar o sextavado do sem-fim do Ajustador Automático de Freio no sentido anti-horario até que o came "S" esteja na posição zero. Durante esta operação deverá ouvir-se um ruído característico, o qual é perfeitamente normal. Não é necessário retirar o pino da haste do cilindro e nem soltar o parafuso da fixação do braço de comando. B) Trocar as lonas, montar o tambor e verificar que a folga entre as lonas e o tambor seja maior que o especificado. Girar o sextavado no sentido horário até que as lonas encostem no tambor de freio. Abrir a folga entre as lonas e o tambor, girando novamente o sextavado 3/4 a 1 volta no sentido anti-horário. Este é um pré-ajuste da folga. C) Fazer algumas aplicações de freio antes de liberar o veículo. Nestas aplicações de freio, o Ajustador Automático de Freio fará o ajuste fino da folga para o valor especificado.

RECUPERAÇÃO A recuperação do Ajustador Automático de Freio deverá ser feita de acordo com o folheto técnico de manutenção BALTEC, utilizando o Kit de Ferramentas Especiais BALTEC nº66906 e 66988.

VERIFICAÇÃO DE DEFEITOS CURSO DA HASTE DO CILINDRO EXCESSIVO (FOLGA EXCESSIVA) Verificar que o braço de comando do Ajustador Automático está fixado e não apresenta defeitos. Verificar que a haste do cilindro está voltando para posição inicial e o eixo "S" não está prendendo. Verificar o torque do Ajustador Automático, seguindo as instruções do "TESTE DE TORQUE". Verificar o funcionamento do Ajuste Automático de Freio. Girar o eixo sem-fim no sentido anti-horario ½ volta, aplicar algumas vezes o freio para controlar que o eixo sem-fim gira no sentido horário, no alívio do freio.

FREIO TRAVADO OU CURSO DA HASTE MENOS QUE O ESPECIFICADO Confirmar que o cilindro de freio de estacionamento está aliviado completamente, isto é, contém pressão acima de 6,0 bar durante a operação do veículo. Verificar se as molas das sapatas não estão quebradas ou fracas (usar somente originais). Verificar se o eixo "S" e os pinos das sapatas estão livres. Soltar o parafuso do braço de comando do Ajustador Automático e verificar se o mesmo está montado na posição correta (ver instruções de instalação).

RECOMENDAÇÕES Usar somente molas de retorno das sapatas originais. Molas com mais força poderão danificar o mecanismo do Ajustador Automático de Freio. Molas com menos força poderão prejudicar o retorno das lonas de freio. Não desmontar e nem montar o Ajustador Automático de Freio sem ferramentas especiais e treinamento adequado. O Ajustador Automático de Freio vem com seu mecanismo interno regulado de fábrica. Não é recomendado qualquer verificação ou ajuste da mola de compressão interna. Sempre que houver dúvidas em relação ao Ajustador Automático de Freio, fazer o teste de torque e verificar se o mesmo está instalado corretamente.

03


INSTALAÇÃO VW/ FORD

1

Não forçar com as mãos

2 Furos Alinhados

CERTO

Inicialmente verificar se o freio esta aliviado e se a folga entre as lonas e o tambor de freio é maior que o especificado. Se o veículo estiver equipado com cilindro de freio de estacionamento a mola, o mesmo deve estar pressurizado com o mínimo de 6,0 bar. Verificar as condições do entalho e embuchamento do eixo "S". Retirar a porca de fixação da câmera de freio no lado mais próximo do eixo "S". Instalar o suporte de ancoragem do ponto fixo do ajustador conforme indicado na ilustração, porém ainda deixar solto.

Furos Desalinhados

ERRADO

Montar o Ajustador Automático de Freio no eixo "S" com a flecha do corpo indicando o sentido da aplicação de freio. Girar no sentido horário o sextavado (NV 12) do eixo sem-fim até que o furo do Ajustador coincida com o furo da haste do cilindro (não forçar o Ajustador com a mão ou puxar a haste do cilindro). Montar o pino e cupilha. Fixar o Ajustador no eixo "S". Verificar que o Ajustador tenha um pequeno jogo axial.

3 4

3/4 a 1 volta

Girar o braço de comando, sem bater com qualquer ferramenta, no sentido de rotação da aplicação do freio, até que o mesmo pare. Chegando a esta posição fixar o braço de comando, bem como o suporte de ancoragem do ponto fixo, tomando-se cuidado para não torcê-lo. ATENÇÃO: é muito importante que seja observado o sentido correto de rotação nesta operação.

04

Girar sextavado do eixo sem-fim no sentido horário até que as lonas encostem no tambor. Em seguida, abrir a folga girando o sem-fim no sentido anti-horário 3/4 a 1 volta. Ao fazer este movimento ouve-se um ruído característico, o qual é perfeitamente normal. NOTA: este é um pré-ajuste da folga entre lonas e tambor. Antes de liberar o veículo devem ser feitas algumas aplicações de freio, para que o Ajustador Automático de Freio faça o ajuste fino, corrigindo a folga para o valor especificado.


INSTALAÇÃO MERCEDES-BENZ/ SCANIA/ VOLVO

2

1 Inicialmente verificar se o freio esta aliviado e se a folga entre as lonas e o tambor de freio é maior que o especificado. Se o veículo estiver equipado com cilindro de freio de estacionamento a mola, o mesmo deve estar pressurizado com o mínimo de 6,0 bar.

Montar o Ajustador Automático de Freio no eixo "S" com a flecha do corpo indicando o sentido da aplicação de freio. Girar no sentido horário o sextavado (NV 12) do eixo sem-fim até que o furo do Ajustador coincida com o furo da haste do cilindro (não forçar o Ajustador com a mão ou puxar a haste do cilindro). Montar o pino e cupilha. Fixar o Ajustador no eixo "S". Verificar que o Ajustador tenha um pequeno jogo axial.

3 4

3/4 a 1 volta

Girar o braço de comando, sem bater com qualquer ferramenta, no sentido de rotação da aplicação do freio, até que o mesmo pare. Chegando a esta posição fixar o braço de comando, tomando-se cuidado para não torcê-lo. ATENÇÃO: é muito importante que seja observado o sentido correto de rotação nesta operação.

05

Girar sextavado do eixo semfim no sentido horário até que as lonas encostem no tambor. Em seguida, abrir a folga girando o sem-fim no sentido anti-horário 3/4 a 1 volta. Ao fazer este movimento ouvese um ruído característico, o qual é perfeitamente normal. NOTA: este é um pré-ajuste da folga entre lonas e tambor. Antes de liberar o veículo devem ser feitas algumas aplicações de freio, para que o Ajustador Automático de Freio faça o ajuste fino, corrigindo a folga para o valor especificado.


KIT FERRAMENTAS PARA MANUTENÇÃO Para montar e desmontar a alavanca automática de freio, é necessário o uso das ferramentas especiais listadas abaixo:

500

987

025 493 028 952

953 035

029

Kit Ferramentas para Manutenção/ Maintenance Tools/ Conjunto de Herramientas para Manutención

025 028 029 035 493 500

K66906

Chave de Pinos/ Pin Tool/ Llave de pinos Chave Allen/ Allen Key/ Llave Allen Chave Phillips/ Phillips Key/ Llave Phillips Teste e força da mola (balança)/ Balance for spring test/ Balanza para test del resorte Mandril/ Mandrile/ Mandril

Torquimetro (opcional)/ Torquimeter (optional)/

66025 66035 66493 66500

Torquimeter (opcional)

06

952 953

Chave para coroa/ Worm wheel key/ Llave para corona Conjunto do relogio comparador/ Comparating clock set/

66952 66953

987

Conjunto del reloj comparador Adapatador sextavado/ hex adaptor/ adaptador sextavado

66987


DESMONTAGEM Retirar os seis parafusos, o conjunto do ponto fixo e junta. Retirar a cremalheira. Retirar o tampĂŁo expansivo. Retirar as molas de retorno. Desatarraxar a tampa traseira com a chave sextavada e retirar a mola de compressĂŁo e a arruela de encosto.

Remover a tampa dianteira usando uma chave especial e retirar o rolamento e o conjunto de acoplamento unidirecional.

Utilizando uma morsa, apertar e retirar o parafuso sem-fim e o mancal. Retirar a coroa e os O’rings.

07


LIMPEZA E INSPEÇÃO Lavar cuidadosamente todas as peças e inspecionar. Substituir as peças gastas e danificadas. Inspecionar com atenção as seguintes peças:

Carcaça Controlar para que o desgaste no alojamento da coroa não ultrapasse as tolerâncias. Observar se os canais de graxa estão limpos e desobstruídos.

Coroa Controlar os dentes da engrenagem com atenção para analisar a deformação dos mesmos. Verificar se o desgaste está dentro da tolerância.

Sem-fim Verificar o desgaste, e a deformação da rosca. Observar que os dentes não estão gastos. O limite de desgaste dos dentes é verificado durante a montagem.

Unidade de controle Controlar para que não haja folga axial. Havendo folga o conjunto deve ser substituído pois o anel de vedação interno está danificado. Girar o braço de controle, verificando que o seu movimento está livre e macio.

08


MONTAGEM

Colocar a coroa junto com os o’rings na carcaça observando que o ressalto da coroa deve ficar para cima. Montar o sem-fim na carcaça observando que o mesmo está encostando no ressalto da carcaça.

Montar o mancal no sem-fim e prensar na carcaça com a ferradura especial. NOTA: Certificar se o mancal está topando seu assento na carcaça. Verificar se o sem-fim gira facilmente, girando-o até que a coroa complete 1 volta. Montar o conjunto do acoplamento unidirecional observando se o anel de acoplamento está encostado a engrenagem Montar o O’ring no sem-fim Montar a tampa dianteira com o rolamento axial de agulha Apertar a tampa dianteira com um torque de 5Kgf. O parafuso sem-fim deve girar livremente. Verificar a folga do parafuso do sem-fim com o relógio comparador. A folga não deve exceder a 0,6 mm nem ser inferior a 0,15 mm. Caso a folga não esteja dentro desses limites, trocar o sem-fim e testar novamente.

NOTA: se com um novo sem-fim a folga máxima ainda exceder 0,6 mm o Ajustador Automático de Freio Baltec deve ser substituído. 09


MONTAGEM Comprimir as molas de retorno com a ferramenta especial e montar a cremalheira. A cremalheira deve ser montada no rasgo da carcaça e as molas de retorno devem estar apoiadas no ressalto da cremalheira. Montar um novo tampão expansivo no rebaixo do furo das molas de retorno com a parte convexa e fixa-la com uma pequena pancada no centro. Controlar a altura dos dentes do anel de acoplamento do conjunto do acoplamento unidirecional com ferramentas e uma chave sextavada de 12 mm. Altura mínima de 0,08 mm. Se esta altura estiver abaixo da mínima, o semfim deverá ser substituído. Travar a tampa dianteira com o rebite. Montar a arruela de encosto na carcaça com o ressalto da arruela encostando no sem-fim. Montar a mola de compressão de encontro a arruela de encosto. Atarraxar a tampa traseira girando-a aproximadamente 4 voltas, utilizando a chave sextavada. Montar a ferramenta para lubrificação. Lubrificar o ajustador com graxa a base de sabão lítio. O ajustador deve ser totalmente preenchido com graxa, pois a finalidade desta é também auxiliar como barreira contra entrada de água ou impurezas. Desmontar a ferramenta de lubrificação. Montar uma nova junta na unidade de controle. Montar a unidade de controle na carcaça de modo que o ressalto da cremalheira encaixe no disco de controle. Prender o conjunto do ponto fixo com os parafusos M4 tipo Torx com chave Torx. Ajustar a força da mola com 30 Kgf com uma tolerância de 2 Kgf para mais ou para menos. 10


REGULAGEM DA FORÇA DA MOLA 2

1

Para o bom funcionamento do Ajustador Automático de Freio Baltec, é importante que a força da mola esteja regulada para 30 Kgf com uma tolerância de 2 Kgf para mais ou para menos.

4

0 5

Para ajustar: Colocar o dispositivo numa morsa que abre mais 215 mm.

2

1 4

0 5

Montar a alavanca no dispositivo de forma que o sextavado do adaptador encaixe na tampa traseira e que o sextavado do parafuso sem-fim encaixe na placa de trava do dispositivo.

2

1 4

0 5

11

Apertar a morsa, até que o ponteiro do manômetro fique no meio entre o 0 e 30 Kgf. Girar o braço de controle no sentido horário, fazendo com que a cremalheira se mova completamente no rasgo da carcaça. Retornar o braço de controle, no sentido anti-horário, até que o braço comece a fazer resistência.


REGULAGEM DA FORÇA DA MOLA

2

1 4

0 5

2

1 4

0 5

Apertar a morsa até que o braço de controle mova-se sozinho ou com um pequeno auxílio (no sentido antihorário). No mesmo momento em que o braço de controle mova-se, o ponteiro do manômetro deve estar situado entre 30 Kgf com uma tolerância de 2 Kgf para mais ou para menos.

Caso o movimento de retorno do braço de controle se inicie quando o ponteiro do manômetro estiver fora de 30 Kgf, a força da mola deverá ser ajustada, soltando ou apertando a tampa traseira, com auxílio de uma chave de boca. Aliviar a força da alavanca automática, soltando a morsa. Repetir as operações até a força correta seja obtida em duas medidas. Travar a tampa traseira com o rebite.

12


KITS DE REPARO Reparo Completo

66046

Complete Repair Kit/ Reparo Completo 02

03

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11

16*

15

04

07

12 13 14 15 16 17 18 19 20 21

Tampa Traseira/ Spring Retainer/ Tapa trasera Rolamento Axial Agulha/ Thrust Bearing/ Rodamiento Axial de Agujas Eixo sem fim/ Worm Shaft/ Eje sin fin Anel do Acoplamento Unidirecional/ Cone Clutch/ Anillo del acople unidireccional Arruela de Encosto/ Spring Seat/ Arandela de apoio Mancal / Thrust Bush/ Mancal Tampa Dianteira/ Bearing Retainer/ Tapa Delanteara Oring/ Oring/ Oring Bucha/ Bushing/ Buje Bucha/ Bushing/ Buje

Engrenagem do Acoplamento/ Pinion/ Engranaje del acople unidirecional Mola de retorno Interna/ Spring Return Inner/ Resorte de Retorno Interno Mola de retorno Externa/ Spring Return Outer/ Resorte de Retorno Externo Bucha/ Bushing/ Buje Oring/ Oring/ Oring (x2) Junta/ Gasket/ Empaquetadura Parafuso Philips/ Phillips Screw/ Tornillo Phillips Rebite/ Rivet/ Ribete (x2) Chapa Expansiva/ Welch Plug/ Chapa Expansiva

Mola de Acoplamento Unidirecional/ Clutch Spring/ Resorte del acople direccional Mola de Compressão/ Coil Spring/ Resorte de compresión

Reparo Parcial

66045

Partial Repair Kit/ Reparo Parcial

02 Rolamento/

06

01

03 Eixo sem fim/ Worm Shaft/ Eje sin fin

04 Anel do Acoplamento/ Cone Clutch/ Anillo del acople

05 Arruela de Encosto/

21 05

11

Spring Return Outer/ Resorte de Retorno Externo Oring/ Oring/ Oring Junta/ Gasket/ Empaquetadura

15 16 17 Parafuso/

Phillips Screw/ Tornillo Phillips

Spring Seat/ Arandela de apoio Oring/ Oring/ Oring

18 Rebite/ Rivet/ Ribete (x2) 19 Chapa Expansiva/

Pinion/ Engranaje

20 Mola de Acoplamento/

08 11 Engrenagem/

12 Mola de retorno Interna/ 20*

13 Mola de retorno Externa/

Thrust Bearing/ Rodamiento

Spring Return Inner/ Resorte de Retorno Interno

Welch Plug/ Chapa Expansiva Clutch Spring/ Resorte del acople

21 Mola de Compressão/ Coil Spring/ Resorte de compresión

Semi Reparo

66044

Semi Repair/ Semi Reparo 10

03 Eixo sem fim/

09

17 Parafuso/

Worm Shaft/ Eje sin fin

04 Anel do Acoplamento/ Cone Clutch/ Anillo del acople 14 19*

08 Oring/ Oring/ Oring 12 Mola de retorno Interna/ Spring Return Inner/ Resorte de Retorno Interno

08*

13 Mola de retorno Externa/ Spring Return Outer/ Resorte de Retorno Externo

13

Coil Spring/ Resorte de compresión

B10008

Partial Repair Kit/ Reparo Parcial

18

12

Welch Plug/ Chapa Expansiva

21 Mola de Compressão/

Reparo Parcial

17

13

08 Oring/ Oring/ Oring 15 Oring/ Oring/ Oring 16 Junta/ Gasket/ Empaquetadura

Phillips Screw/ Tornillo Phillips

18 Rebite/ Rivet/ Ribete (x2) 19 Chapa Expansiva/

15 16 18 19

Oring/ Oring/ Oring Junta/ Gasket/ Empaquetadura Rebite/ Rivet/ Ribete (x2) Chapa Expansiva/ Welch Plug/ Chapa Expansiva

20 Mola de Acoplamento/ Clutch Spring/ Resorte del acople


MEDIDAS PARA INSPEÇÃO

Depois de limpas e inspecionadas, todas as peças deverão ser lubrificadas antes da montagem com graxa a base de sabão de lítio. OBS: Anel interno sem tratamento Anel externo com tratamento.

PEÇAS QUE DEVEM SER TROCADAS

O’ring O’ring (2 peças) Conj. de acopl. unidirecional Rolamento axial de agulha Mola de retorno, externo Mola de retorno, interno Sem-fim Buchas (3 peças) Tampão expansivo Arruela de encosto Tampa traseira Tampa dianteira Mancal Parafuso M4 Torx (6 peças) Junta Rebite (2 peças)

14


Manutenção Ajustador 2014 - Baltec Freios  

Catálogo de Manutenção Ajustador Automático de Freio.