Page 1

Os padres frei Fernando, Francisco e o pároco frei Cristiano, celebraram a missa da 18ª anunciação em Candeias

PAG. 06

2ª quinzena de maio de 2010

Ano: 07

Nº 42

e-mail: bahianoticia@yahoo.com.br

R$ 1,00 PAG. 10

Prefeita de São Francisco do Conde faz balanço do seu governo e anuncia pacotão de benefícios para o municipio

PAG. 03

Rilza Valentim (PT) foi ovacionada pelo funcionalismo público do município e pela população de São Francisco do Conde ao fazer um comunicado público na sacada do prédio da câmara de vereadores e onde funciona o paço municipal e citou que o maior programa de distribuição de renda do Brasil (PAS) completou um ano no dia 9 de maio, no dia das Mães. Manifestação popular em agradecimento à prefeita

FOTOS: GIL DIGIFILMS

São Sebastião do Passé participa do programa medicamento em casa

PAG. 05

Entrevista bombástica com o ex-vereador Serrinha da Caixa

TCM aciona ministério público contra prefeita de Catu Gilcina Lago Carvalho

Em entrevista exclusiva o ex-vereador e ex-secretário Serrinha da Caixa conta detalhes sobre o período do senta-levanta entre Amiga Jú e Maria Maia, a campanha de 2008, quando pediu votos para Maria, as desilusões, o rompimento e as expectativas para o futuro. PAG. 07

Câmara de Madre de Deus realiza sessão itinerante na Ilha de Maria Guarda PAG. 08

Eleições do Sindicato dos Servidores de Candeias promete muita disputa e fortes emoções

PAG. 08

Os comunicadores da Região Metropolitana PAG. 11 têm dado um show

A UPA e o posto Luiz Viana: Solução PAG. 02 ou preocupação?

Estão programadas para os próximos dias 28 e 29 de junho as eleições para a nova diretoria do Sindicato dos Servidores do Município de Candeias. A disputa eleitoral colocará duas chapas em confronto: uma é liderada pela atual vice-presidente, Srª Maria Bandeira, e a outra pelo combatente Juscelino Vigilante, membro da Associação dos Vigilantes de Candeias. PAG. 08

SITTICAN e trabalhadores da refinaria conseguem mais conquista marcante

Os trabalhadores da construção civil (representados pelo SITICCAN) conseguiram uma A comunidade candeiense está de olho nos diversos comentários a respeito do que grande conquista após a paralisação dos últimos dias. Após 09 dias de greve e muita acontecerá com o Posto Médico Luiz Viana, o maior, mais movimentado e importante do negociação, demonstraram sua força ao arrancar dos patrões um reajuste salarial de 16%. município. Confira no nosso Editorial.

PROQUIGEL implanta oficina de acrílicos e amplia suas ações sociais

PAG. 03

Júnior Magalhães x Jair Cardoso uma aliança possível ou improvável?

A empresa Proquigel Química S/A, integrante do grupo Unigel, uma dos maiores do Uma notícia tomou conta do meio político candeiense nos últimos dias: a possível ramo químico, continua investindo fortemente no social. A empresa, que já qualificou inúmeros soldadores, além de ter construído e manter até hoje o Centro de Educação aliança entre o deputado estadual Júnior Magalhães (DEM) e o ex-vereador e Jair Cardoso (PDT). Confira! Infantil Gisella Tygel, acaba de inaugurar sua Oficina de Acrílicos. PAG. 08 PAG. 06

Candeias ganhará mais um veículo de comunicação Está chegando de Candeias para Bahia mais um destaque na comunicação local. Trata-se de um novo lançamento: uma revista que tratará de temas variados (universos masculino e feminino, educação, esoterismo, mundo do trabalho, ciência e tecnologia, gastronomia, moda, turismo, tendências, cultura, esportes, etc). Será mais uma genuína “filha da terra”, que chegará ainda este semestre, mostrando que é possível fazer chegar à população em geral um produto rico, de alta qualidade, com formato atraente e eficiente. Aguarde...

www.bahianoticia.com.br


EDITORIAL

02

PÁG. 02

EDITORIAL

A UPA E O POSTO LUIZ VIANA: Solução ou preocupação?

Por: Professor Hamilton Ferreira

A comunidade candeiense está de olho nos diversos comentários a respeito do que acontecerá com o Posto Médico Luíz Viana, o maior, mais movimentado e importante do município. Com a construção da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) no bairro do Ouro Negro, a administração municipal, por intermédio da Prefeita Maria Maia e de seus secretários, tem afirmado por diversas vezes que o Posto Luíz Viana passará, a partir da inauguração da UPA, a funcionar como 02 PSF's, não realizando mais atendimentos de urgência e emergência. Estes atendimentos passarão a ser realizados exclusivamente na UPA. A polêmica está criada: de uma lado, os representantes do Poder Executivo defendendo a mudança; de outro, vereadores, candidatos e membros da sociedade civil organizada questionando a decisão. Circula na cidade um abaixo-assinado, organizado por Nery Vendedor, coletando assinaturas daqueles que não concordam com a idéia. Segundo Nery, o documento já conta com mais de 20 mil assinaturas e será encaminhado ao Ministério Público, na tentativa de sensibilizar e mobilizar as autoridades para voltar atrás desta decisão, que ele considera absurda. Ele também critica o local onde a UPA está sendo implantada, defendendo que a obra fosse viabilizada no centro do município. Que a UPA é muito bem vinda não há o que questionar. Quanto à sua localização, quem verificar os pré-requisitos estabelecidos pelo Governo Federal para apresentação dos projetos dos municípios que pleitearam a instalação das unidades verificará que, de fato, eram poucas as áreas disponível que poderiam atender a todos os pré-requisitos. Bem, considero que é melhor uma UPA no Ouro Negro, em frente ao Hospital Municipal, do que nenhuma: que ela venha, e logo! Quanto à questão do Posto Luíz Viana, a história é complicada. Todos são sabedores das enormes dificuldades do

povo candeiense quanto à sua locomoção na hora em que é necessário prestar algum socorro. A maioria depende do transporte alternativo ( que a despeito dos esforços daqueles que o organizam, precisa melhorar imensamente), da solidariedade de vizinhos que possuam automóveis e disponibilidade para fazer os encaminhamentos ou então de ter dinheiro no bolso para pagar um taxi. Se a emergência for à noite, aí é que a coisa fica feia. O transporte alternativo não circula a noite inteira, o que gera um transtorno monumental para aqueles que precisam se deslocar pela cidade. Levando em conta que, no caso dos atendimentos de urgência e emergência serem realizados exclusivamente na UPA, acontecerá o seguinte: boa parte da população que precisará do serviço terá que se deslocar até o centro a fim de pegar uma nova condução para, finalmente, chegar até a UPA. Sabemos que quando se trata de um atendimento de urgência a questão 'tempo” é fundamental: pode ser a diferença entre a vida e a morte. Portanto, acredito ser extremamente necessário repensar essa exclusividade da UPA para realizar atendimentos de urgência e emergência. Se faz necessário, no mínimo, repensar o caótico sistema de transporte urbano do município para, ao menos, tentar amenizar as dificuldades já citadas. Não me arvoro aqui como detentor do saber, das soluções ou da verdade. Apenas busco promover uma reflexão no sentido de fomentar outras pessoas a pensar melhor sobre estas questões: como garantir que toda a população possa contar, sem maiores dificuldades, com um pronto e eficiente atendimento de urgência e emergência? Mais detalhes nas próximas edições... O professor Hamilton F. de Assis é Educador e Cientista Social formado pela UFBA.

A mulher pode, a mulher é capaz! Beleza, moda e saúde da mulher Por: Anna Bispo “Lugar de mulher é na cozinha”. Quem nunca ouviu esta expressão? Contudo está cada vem mais claro que esse tempo já passou. Hoje a mulher tem conquistado seu espaço e todos os dias mostramos que lugar de mulher é na cozinha, nas escolas, liderando empresas, nas prefeituras, plenárias e por que não na presidência? Muitos países já são ou foram administrados por mulheres, a exemplo

do Chile, Nova Zelândia, Moçambique, Filipinas entre outros. De acordo com o Conselho das Mulheres Líderes Mundiais, 53 mulheres já foram eleitas para o cargo máximo de seu país. Contudo não devemos criar a ilusão de que o machismo acabou; ainda há muita discriminação por questão de gênero, e muito a conquistar. Este ano o Brasil está vivendo um marco em sua história com as candidaturas de Dilma e Marina para a presidência da republica. Independente de quem seja eleito ou eleita o mais importante é que estamos mostrando que podemos fazer tudo o que os homens fazem e de salto alto.

EXPEDIENTE Fundado no dia 19 de Fevereiro de 2003, pela Teenbahia Company em Candeias. Hoje circula em todo o território do estado da Bahia. N°RG.364.037 LIVRO 673 FOLHA 197 FBN / CNPJ.06.024.932/0001-50 Jornal Bahia Notícia.

Vanessa Gomes Dir. Executiva Chefe de edição, diagramação

Professor Hamilton Ferreira Editor de texto Antônio Rodrigues Nova Chefe de Revisão e conselheiro

Colunistas:

Marcelo Andrade Souza Anna Bispo Alécio Fonsêca Fabio Mutti Cezar Miranda

José F. Junior Diretor/Editor Fotos e Reportagens DRT-2350/BA

ADVOGADOS E CONSELHEIROS:

Lina Moscoso Jornalista responsável DRT 2647 - BA

Alexsandro Freitas (Dr. Léo) e-mail: bahianoticia@yahoo.com.br

Ícaro George (apoio)

O povo de Candeias quer a prestação de contas da Câmara de Vereadores Nunca foi divulgado, ou pelo menos não temos conhecimento de quando a câmara de vereadores de Candeias, informou sua prestação de contas mensal ao povo, publicando-a nos meios de comunicação de fácil acesso. Nós moradores de Candeias estamos sempre razoando no seguinte: Cadê o (a) vereador (a) que eu confiei meu voto? Estão desempenhando bem suas atribuições? Estes (as) vereadores (as) estão trabalhando de forma honesta? De acordo com o dicionário Aurélio, honesto é: Virtuoso, honrado, bem procedido, e digno de confiança. Portanto, para não sermos injustos com os nossos vereadores, é razoável que devemos nos aproximar cada vez mais deles, e por meio de avaliações concretas que iremos fazer sobre o seu desempenho, haveremos de obter respostas para essas perguntas. Por enquanto, já que não sabemos o que os mesmos fazem na câmara, até por que nenhum veículo de comunicação que dispomos divulga, devemos ficar atentos, mas uma coisa é certa, a cada dia fica mais difícil acreditá-los, o que cremos é que se os mesmos fossem mais presentes e participativos, algo de extraordinário já teria acontecido nesta cidade. Como diz minha amiga Gil, existem algumas perguntas que não querem calar, e as perguntas são: Porque Candeias é uma cidade tão desorganizada e a prefeitura não tem atendido os anseios (básicos) da população? Será que os vereadores não estão fiscalizando? O Ministério Público está recebendo denúncias dos atos de improbidade administrativa, porventura acometida pelo poder executivo (falta de pagamento de muitos empregados, construção sem licenças, etc.)? Sabemos que os vereadores são eleitos pelo povo, sob regime democrático, e uma das suas atribuições é fiscalizar o poder executivo, mas como até aqui os vereadores da nossa cidade ainda não nos deram provas de que estão fiscalizando, devemos de imediato fiscalizá-los. Vejam só como as coisas ficam mais difíceis para nós, agora teremos que fiscalizar os fiscais (vereadores). Algo de positivo há de acontecer ao fiscalizarmos os atos dos vereadores, no mínimo iremos inibi-los na prática de alguns hábitos, forçando-os a agirem com mais responsabilidade e honestidade, mesmo que não queiram. Daí surge outra pergunta: Quando é que nós sofredores eleitores desta cidade, teremos conhecimento de quanto e como se gastam as verbas destinadas à nossa Câmara de Vereadores? É preciso que se esclareçam esses números, não sabemos de nada em relação às finanças da câmara de vereadores. Quais são mesmo as suas receitas e despesas? Qual é o valor repassado do Duodécimo? O que os vereadores fazem com a sobra do Duodécimo (dinheiro que sobra no caixa, após pagarem as despesas)? Há possibilidades dos Vereadores repartirem esta sobra entre si? Já que não temos os números, até porque ainda não nos deram esta oportunidade, ficamos a imaginar que não há como se gastar tanto dinheiro, pois as sessões estão sempre vazias, o povo não prestigia as sessões, e só comparecem em media os assessores dos próprios vereadores, e esses não consomem tantos cafezinhos. Tenho certeza que essas palavras irão incomodar muitos vereadores, mas não deixa de ser um desafio para aquele que se diz mais honesto, em começar a prestar

Por: Dr.Georgem Moreira

contas, tanto do seu mandato, quanto das despesas e receitas da casa legislativa. Sabemos que qualquer número a ser divulgado, sob qualquer forma, deverá bater com as informações constantes no Tribunal de Contas, desde o inicio do seu mandato, caso contrário continuemos cobrando. Não aceitarmos que essas prestações de contas fiquem entre quatro paredes, o dinheiro da câmara é nosso e sendo assim nos interessa sua destinação. Esses números não divulgados para a população são como “pernas de cobra”, dizem que existem, mas não conseguimos ver. Exigimos transparência, nada de obscuridade, acreditamos que não será necessário se mover uma ação popular, portanto, que as respostas dos vereadores não sejam direcionadas à minha pessoa, más a todos desta cidade, fazendo tão somente aquilo que tanto queremos que seja feito, a prestação de contas diretamente ao povo, pois sou apenas um interlocutor desta massa que clama por um representante que atenda seus anseios. É importante que se esclareça uma coisa: A população de Candeias não se importa com vereadores que se comprometem apenas com determinados grupos políticos e ficam reféns dos mesmos, sabemos que para estes só restam o fracasso, é complicado ficar todo o tempo em cima do muro, alem do mais, se o vereador demora em descer deste suposto muro, amanhã este muro poderá cair. Nós eleitores desta cidade estamos mais exigentes e criteriosos na escolha dos nossos representantes políticos, já sabemos o que queremos, a exemplo disso estão os que amargam até hoje, por gastarem tanto dinheiro nas últimas eleições e não conseguiram se eleger, o mesmo está acontecendo com a dinastia que imperava nesta cidade, as famílias poderosas estão ruindo politicamente, e um sonho antigo irá se realizar, esta cidade será governada por todos. Imaginem se um dia algum vereador desonesto se perguntasse: Será que posso ir preso por ratear a sobra do Duodécimo? Respondemos: Esteja preso desde já! Nosso conselho é que devolvam ao cofre público enquanto há tempo. E para os vereadores que se dizem honestos, meu conselho é que torne público as contas da Câmara, e assim fica tudo resolvido. Claro que vale um conselho: Se há sobras do duodécimo, devolva à prefeitura ou façam uma doação a entidades legalmente reconhecidas, porque assim têm procedido alguns municípios Baianos. Todos esses questionamentos surgiram porque nós que somos os patrões dos vereadores, não sabemos quanto nossos empregados vereadores gastam por mês. É lógico que queremos informações concretas, saibam que não estamos jogando palavras ao vento, já deu pra perceber que estamos unidos e quando o povo quer, “um abraço”! Porque será que o candidato a vereador investe tanto na campanha, mesmo sabendo que durante os 04 (quatro) anos de mandato não reembolsam o que gastou? Talvez devemos acreditar que é apenas por amor pela cidade ou quem sabe um sentimento nobre do tipo Robin Hoob ou um coração bondoso como o da Irmã Dulce. Considerações finais: Amigos vereadores venham com as contas e seremos felizes para sempre.


03 GERAL

Rilza faz balanço do governo e anuncia pacotão de benefícios para o funcionalismo público

Rilza faz seu discurso na sacada da câmara.

Rilza Valentim (PT) foi ovacionada pelo funcionalismo público do município de São Francisco do Conde ao fazer um comunicado público na sacada do prédio da câmara de vereadores e onde funciona o paço municipal: Rilza prestou conta de sua

administração de forma bastante objetiva, salientando os grandes benefícios trazidos pela parceria com a Câmara de Vereadores para o povo do município e, especialmente, para o funcionalismo público. A Prefeita citou alguns benefícios, tais

como cirurgias de média complexidade e cirurgias oftalmológicas (como catarata e glaucoma) para cidadãos que comprovarem que resida no município, priorizando os diagnosticados e cadastrados na rede municipal, além de exames de alta complexidade que anteriormente o hospital municipal não realizava: como ressonância, tomografia, densitometria óssea, cirurgias ortopédicas, plástica bariátrica, litotripsia, cirurgia de próstata, etc. A rede municipal também passou a oferecer próteses dentárias e ortodontia para pessoas com identificação do odontólogo da rede municipal, que resida em São Francisco do Conde por no mínimo 02 anos, devidamente comprovados, e que tenham renda per capta inferior a meio salário mínimo, priorizando idosos e adolescente. Na oportunidade, Rilza Valentim anunciou um aumento salarial para o funcionalismo publico (12% para os professores e 7% para os demais servidores públicos) e a antecipação de 50% do décimo terceiro salário para o dia 10/06, além da negociação das dividas junto ao Monte Pio e a criação da Previdência Municipal dos Servidores, através de projeto de lei em tramitação na Câmara

Municipal. Também foi anunciada a municipalização do transito. Rilza salientou o compromisso estabelecido em seu plano de governo, que em um ano e meio de gestão tem mais de 60% de execução das principais metas, beneficiando as famílias sanfranciscanas. Segundo a Prefeita, enquanto Deus lhe der vida e saúde o seu compromisso com o município será sua maior prioridade. Em vários momentos os servidores públicos se manifestava cantando musicas religiosas e dando o gritos como “É verdade!”, ou “olé, olá, Rilza, Rilzaaa”, deixando a prefeita bastante emocionada e satisfeita com os aplauso de todos na praça do município.

Sittican e trabalhadores da refinaria conseguem conquista marcante Os trabalhadores da construção civil (representados pelo SITICCAN) conseguiram uma grande conquista após a paralisação dos últimos dias. Após 09 dias de greve e muita negociação demonstraram sua força ao arrancar dos patrões um reajuste salarial de 16%. Durante a greve foram realizadas intensas mobilizações em toda a base do Sindicato, que compreende os municípios de Candeias, Simões Filho, São Sebastião do Passe, São Francisco do Conde e Madre de Deus. Além do reajuste de 16% para os trabalhadores da construção civil na área Industrial, montagem e manutenção, foram garantidos: a PLR - Participação nos

Lucros e Resultados das empresas; Cesta Básica de R$ 130,00; manutenção dos percentuais das horas extras de 50%, 80% e 150%; e folga de pagamento. Também houve avanços nas cláusulas que tratam da alimentação, saúde ocupacional e fardamentos dos operários. O Aviso Prévio trabalhado continua sendo proibido na base do SITICCAN, assim como os contratos temporários e por obra certa. As empresas também estão obrigadas a decidir se vão ou não admitir os trabalhadores em, no máximo, 4 dias úteis após a realização do exame admissional. Os trabalhadores que prestam serviço em obras de construção civil na área

Madre de Deus e Candeias ganham laboratórios de prótese dentária O Ministério da Saúde credenciou, no início deste mês, laboratórios regionais de prótese dentária (LRPD) e Centros de Especialidades Odontológicas (CEO) nos municípios de Madre de Deus e Candeias, na região metropolitana de Salvador. As ações fazem parte do Programa Brasil Sorridente. Os laboratórios, unidades próprias do município, são credenciados para confeccionar próteses totais, próteses parciais removíveis, prótese coronária ou intrarradiculares e fixas ou adesivas. Para ser atendido, o cidadão deve procurar a rede pública, que encaminha o paciente para os CEO's ou suas demandas para os laboratórios de prótese. Para dispor do serviço, é necessário que o município faça um cadastro do seu LRPD no Sistema do Ministério da Saúde por meio da Portaria n° 870, segundo informações de Julie Eloy, técnica de saúde bucal da Secretaria de Saúde. “O cadastramento de um LRPD depende exclusivamente da iniciativa do gestor municipal” ressalta Eloy. O Ministério da Saúde estima que oito milhões de pessoas precisem de prótese dentária no País, e registra ainda um total de cinco mil adolescentes desdentados, e sem prótese na boca. Ainda segundo o Ministério, a ausência de dentes, paralelo ao câncer de boca, é um dos mais graves problemas da saúde bucal no Brasil. Atualmente 75% dos idosos estão com quantidade insuficiente de dentes, ou

até mesmo sem nenhum deles. Entre os adultos com idade entre 30 e 44 anos, esse índice é de 30%. Em consequência disso, o Programa Brasil Sorridente reúne uma série de ações que vão de uma simples limpeza a tratamentos mais avançados, contemplando os serviços aos cidadãos de todas as idades. O Ministério da Saúde credenciou 203 novos LRPDs em todo o País. Destes, 14 estão localizados na Bahia. O total estimado de investimentos para o ano de 2010 é de R$ 1,12 milhão. Os recursos já aplicados entre 2005 e 2010, até o momento, nesta iniciativa, na Bahia, é de R$ 1,75 milhão, informa a pasta. O paciente deve procurar a rede pública para obter o atendimento. Na capital, mais informações podem ser obtidas com o Núcleo de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde Tel. (71)3186-1059. Candeias e Madre de Deus estão de parabéns pela conquista!

urbana, ou seja, fora da área industrial ou de fábricas, obtiveram um reajuste de 10%, igual ao de Salvador. Já os dias que foram descontados dos trabalhadores, devido à mobilização feita pela comissão nos canteiros antes da campanha salarial, serão devolvidos, bem como a cesta básica. Os próprios os trabalhadores é quem decidirão a forma como esses dias serão compensados. Dos dias de greve, apenas 1/3 será pago pelo trabalhador, sem reflexos sobre DSR, férias e 13º. Os trabalhadores como um todo e a direção do SITICCAN estão de parabéns pela demonstração de força, empenho e

capacidade de mobilização. Merecem aplausos todos aqueles que, direta ou indiretamente, contribuíram para a construção dessa vitória. Não é à toa que a base do SITICCAN é considerada uma das mais combativas do Brasil.


04 PUBLICIDADE


05 CIDADES Reportagem:Vanessa Rodrigues ASCOM

São Francisco do conde

Dia das Mães e um ano de PAS em SFC Prefeitura de São Francisco do Conde divulga mudança de secretários Marivaldo Amaral assume a secretária de Fazenda e Silmar do Carmo assume a Secretária de Governo

O maior programa de transferência de renda do Brasil completou um ano no dia 9 de maio, Dia das Mães. No dia 09 de maio, os sanfranciscanos tiveram duas grandes razões para comemorar: o Dia das Mães e o PAS. A primeira é uma data comemorativa em todo o país, já a segunda, o PAS, é motivo para comemoração em São Francisco do Conde, no Recôncavo Baiano. O programa completou um ano beneficiando as famílias mais carentes do município. O Programa de Acolhimento Social – PAS - atende, hoje, mais de 3.800 famílias e beneficia mais de 16 mil pessoas. Além disso, está associado à diversos outros programas de educação e saúde. O Show no final da tarde de domingo ficou

por conta da atração nacional Jorge Vercilo. A orla da cidade ficou totalmente lotada. A programação do Dia das Mães em São Francisco do Conde foi feita para festejar quem acolhe, ajuda e cuida: a Mãe e o PAS.

Reportagem:Nara Leticia

SÃO SEBASTIÃO DO PASSÉ

ASCOM

CENTROS DIGITAIS DE CIDADANIA

Audiência Pública

O IMA (Instituto de Meio Ambiente) realizou uma Audiência Pública no distrito de São Braz – Santo Amaro para apresentar as novas adequações do projeto Cajaíba Eco Resort. O evento contou com representantes de diversas comunidades,

Sec. Marivaldo e Sec. Silmara

Em reunião hoje no gabinete da prefeitura foi divulgada a mudança de secretários municipais de São Francisco do Conde. Com a saída do Secretário de Fazenda Marcelo Abreu que foi assumir a Secretária de Trabalho, Assistência Social e Direitos do Cidadão (SETAD) de Salvador, a gestão decidiu não perder

tempo e substituiu imediatamente o secretário. “A Secretaria da Fazenda representa o coração da administração e não pode parar”, afirmou a prefeita Rilza. Com a mudança o então secretário de Governo Marivaldo Amaral assume a Secretária de Finanças e a Assessora Especial da prefeita Silmar Carmo assume a secretária de Governo. “È um grande desafio assumir a Secretária de Fazenda, mas estou confiante que essa foi uma decisão acertada da prefeita”, afirmou Marivaldo do Amaral. A nova Secretária de Governo Silmar do Carmo é advogada e tem experiência em administração publica. “Assumir a secretária representa dar continuidade de um trabalho que não é um projeto individual e sim um projeto da gestão Rilza”. Afirmou Silmar Carmo.

autoridades do governo estadual e dos municípios de São Francisco do Conde e Santo Amaro. Todos destacaram a importância do evento dentro da política de gestão participativa. Ficou prevista uma ocupação de 786 unidades residenciais, 1.200 hoteleiras, 76 comerciais, campo de golfe com 18 buracos, um centro esportivo na ilha de Pioca e Marina com capacidade para 100 barcos. O investimento será de aproximadamente R$ 2 bilhões e o número de empregos diretos gerados é de 1.500 à 2.000 na fase de implantação, 2.300 na fase de operação e 4.700 indiretos. Através de parcerias firmadas com prefeituras da região, a empresa vai capacitar mão-deobra local e espera aproveitar o maior número possível desses trabalhadores.

Todos pela Alfabetização em São Francisco do Conde do Mar. O portador de necessidades especiais Ronaldo Conceição diz que com o TOPA São Francisco do Conde amplia o poder da educação no município, garantindo-a também para quem nunca teve oportunidade. Para a educadora Jucelia Barbosa, São Francisco do Conde continuamente surpreende, dando saltos importantes para o desenvolvimento e, principalmente, para educação. Assim se faz o compromisso do A prefeitura de São Francisco do Conde, governo estadual com São Francisco do em parceria com o Governo do Estado, Conde, e de Rilza com o que foi prometido lançou no município o TOPA (Todos pela em sua campanha. Alfabetização). O programa do Governo estadual já alfabetizou milhões de baianos e agora chega ao município para dar educação de qualidade para quem nunca teve essa oportunidade. O Programa TOPA buscará sistemática e permanentemente formular políticas de educação de jovens e adultos com vistas à sua escolarização e inclusão social, seguindo os mesmos princípios que norteiam o Projeto Político-educacional do Estado. Para tanto, serão realizados estudos e pesquisas, formação continuada de professores alfabetizadores, desenvolvimento de instrumentos e mecanismos de acompanhamento e avaliação, produção de material didáticopedagógico, dentre outras ações que assegurem a sua efetividade. A aula inaugural em São Francisco do A professora Jucelia Barbosa ao Conde foi no dia 21 de maio, no clube Filho lado de Narciso Gonçalves

Os Centros Digitais de Cidadania benefícios gratuitos. Em São Sebastião do Passé existem dois (CDC´s) são espaços públicos criados para permitir que pessoas que não CDC´s: o Valdemar Henrique Faria de possuem computadores ou internet Andrade, localizado no Centro de Abastecimento, e o Centro Digital de possam ter acesso à tecnologia. Criados em uma parceria da Prefeitura Cidadania Prof. Adilson José Pereira, com os Governos Estadual e Federal, os situado no Colégio Municipal Dr. João centros possibilitam aos usuários além Paim. Em ambos o acesso é aberto à das pesquisas na internet, emissão de 2ª população em geral. Para ter acesso aos via de contas de luz, água e telefone, computadores, é preciso se cadastrar, digitação e impressão de trabalhos levando os documentos pessoais aos escolares, emissão de fax, entre outros CDC´s e procurando um dos monitores

PROGRAMA MEDICAMENTO EM CASA Entregar medicamentos em domicilio aos pacientes hipertensos e diabéticos. Esta é a proposta do Programa Medicamento em Casa, que está presente no município de São Sebastião do Passé desde 2009 em três unidades de Saúde da Família: Nestor Mendes, Péricles Rodrigues e Teodora Ferreira Correia. O projeto realizado em parceria com o Governo do Estado, beneficia pacientes que são matriculados nestas unidades, além de terem diagnóstico confirmado de Diabetes tipo 2 e/ou hipertensão arterial, independente de idade, sexo ou cor, encontrar-se em fase estável de tratamento, ter assiduidade às consultas médicas e de enfermagem. Pacientes idosos com limitações físicas, como amputação de membros, diminuição de acuidade visual ou cegueira ou com MADRE DE DEUS

distúrbios mentais com aludo médico têm prioridade no programa. As três unidades de saúde da família têm em seus cadastros 160 pessoas, gerando 378 distribuições realizadas pelos Correios. Os pacientes recebem suas medicações em casa, em uma caixa padronizada, tendo sua vida extremamente facilitada. Reportagem:André Malvar ASCOM

Poluição sonora

A Secretaria de Meio Ambiente de Madre de Deus, em parceria com o Ministério Público, realizou uma Audiência Pública sobre poluição sonora, no dia 25/05, no Auditório da Escola de Inteligência com a presença de proprietários de bares e similares no município. No encontro, presidido pela Drª Ana Luzia, da 5ª Promotoria de Meio Ambiente do Ministério Público da Bahia, os donos de bares assinaram um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) se comprometendo a respeitar os limites do nível do som. A fiscalização será feita pela Prefeitura Municipal juntamente com as Policias Civil e Militar.

Posto setorial é realidade em Madre de Deus A Prefeitura Municipal de Madre de Deus, através da Secretaria de Governo, Secretaria de Desenvolvimento Social e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente inaugurou no dia 11 de maio na Câmara de vereadores do município o Posto Setorial do Juizado da Infância e da Juventude. O objetivo da implantação deste posto é de identificar e prestar atendimento à Criança e adolescente em situação de risco social e pessoal. O prédio onde se funciona o posto fica localizado na Rua Guadalajara, 102,

Centro de Madre de Deus, funcionamento das 8 às 18h, funcionará com sistema de ronda e/ou fiscalização, inclusive finais de semana e feriado.

Maiores informações na ASCOM – 3604-3102


06 MUNICIPIOS: CANDEIAS 0

Proquigel implanta oficina de acrílicos e amplia suas ações sociais em Candeias

O Professor orientando a aluna como manusear o acrílico.

A empresa Proquigel Química S/A, integrante do grupo Unigel, uma dos maiores do ramo químico, continua investindo fortemente no social. A empresa, que já qualificou inúmeros soldadores, além de ter construído e manter até hoje o Centro de Educação Infantil Gisella Tygel, acaba de inaugurar sua Oficina de Acrílicos. A oficina é parte de um grande projeto social que a empresa vem tentando viabilizar já a algum tempo. Na verdade, a idéia é implantar uma espécie de Núcleo

de Formação Profissional, no qual a empresa busca fornecer todos os subsídios para que a comunidade do seu entorno (Caroba, Passé, Pasto de Fora, Fazenda Madeira e Caboto) possam adquirir uma qualificação técnica, a fim de que possam ingressar ou se r e p o s i c i o n a r, c o m c a p a c i d a d e competitiva, no mercado de trabalho. Mas não pára por aí, pois a idéia é possibilitar uma formação completa: não apenas no âmbito profissional, mas também enquanto cidadãos e seres humanos. O projeto vem sendo tocado no antigo prédio dos Alcoólicos Anônimos, na Caroba, e coordenado brilhantemente pela assistente social Denise Gusmão. Duas turmas do curso de acrílico já estão a pleno vapor, e outras estão por iniciar (os alunos recebem capacitação para produzir todo tipo de produtos em acrílico, atividade muito requisitada, mas cuja mão-de-obra é extremamente escassa no mercado baiano). Além da formação em acrílico, os alunos recebem uma complementação escolar, com acompanhamento específico em

Igreja Católica de Candeias realiza 18ª ANUNCIAÇÃO

Por: Jorge Alan

encontro católico, tendo como atrações a celebração de louvor, adoração, apresentação teatral da Milícia Mirim, passagem do Santíssimo Sacramento e a Santa Missa. O tema central do evento foi “A Esperança não decepciona. Por que o Amor de Deus foi derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado. (Rm 5,5)”O palestrante foi o Srº Aldemar Rios (Locutor da Nova Salvador FM 92.3, Programa Amigos de Fe, das 05:00 as 06:00 horas), que encontro um No dia 23 de maio, na Casa da Cultura (em público estimado em mais de 2.000 Candeias), aconteceu um dos maiores pessoas, segundo a coordenação do eventos religiosos da Região Metropolitana evento. de Salvador, o XVIII Anunciação, realizado As fotos do XVIII Anunciação podem pela Paróquia Nossa Senhora das Candeias. ser conferidas no site: O evento se constituiu num grande www.santuariodecandeias.com.br

Câmara de Vereadores de Candeias realiza seção especial para abertura da Campanha da Fraternidade

língua portuguesa e em matemática. Em muito pouco tempo também receberão qualificação em informática (dependem apenas da Coelba viabilizar as alterações na rede elétrica), e o planejamento é de que tenham acesso também a atividades como teatro, língua estrangeira, dança e outras. E tudo isso sem qualquer tipo de custo para as comunidades beneficiadas. O projeto é grandioso e, exatamente por isso, busca por parceiros (comerciantes,

empresários, poderes públicos e outras empresas) para viabilizar o mais depressa possível tudo o que está sendo idealizado. Quem dera se ao menos parte das empresas que foram implantadas em Candeias tivessem o mesmo compromisso social que vem sendo demonstrado pela Proquigel. Certamente a realidade de Candeias seria bem diferente! Parabéns à empresa e a todos que tem colaborado com essa iniciativa.

Mototaxistas criam sindicato Foi realizada no último dia 17 a Assembléia Geral de Fundação do Sindicato dos Motociclistas Profissionais, Mototaxistas, Motofretistas e Motoboys do Município de Candeias (SINDIMOCAN). A idéia de unificar a categoria já vinha sendo defendida faz bastante tempo pelo Presidente da Amotaxi, Jeo Abençoado, que foi eleito para presidir o Sindimocan. Depois de muitas discussões e entendimentos, uma parte das inúmeras associações de mototaxistas da cidade resolveram partir para a criação do Sindicato. A partir da instituição do Sindicato, os mototaxistas pretendem partir com tudo na defesa de seus interesses, especialmente a regulamentação da

categoria em nível municipal, uma vez que esta regulamentação é essencial tanto para os mototaxistas como para os munícipes, pois fornece uma maior segurança na realização do serviço. Aliás, esta foi uma das inúmeras promessas de campanha da Prefeita Maria Maia - PMDB

Fundado em Candeias o Instituto Malembá de Cidadania – IMCA

No dia 15 de Maio, foi fundado o Instituto Malembá de Cidadania e Ação Comunitária – IMCA. Uma instituição que declara como objetivo estimular a prática da cidadania e desenvolver ações sociais e comunitárias naquele local, através da solidariedade, buscando a integração e a inclusão. Para presidir o IMCA, foi eleita a professora Maria Márcia, que conta com o resultados das ações do Instituto. A sede está apoio dos diversos segmentos da localizada na rua José Xavier, ao lado da sociedade para a garantia dos bons Escola ACM, no Malembá.

Bingo da solidariedade no Malembá Por indicação do Vereador Serrinha SS, a Câmara Municipal de Candeias realizou uma Sessão Especial no dia 26 de maio para o lançamento da Campanha da Fraternidade. A Sessão Especial contou com a participação do arcebispo da Arquidiocese de Salvador, Dom Josafá Menezes da Silva, e foi bastante emocionante e reflexiva, aumentando significativamente a compreensão não só do tema da Campanha da Fraternidade 2010, mas da própria vida. Ao discorrer sobre o tema, Dom Josafá também apregoou a responsabilidade das instituições e de toda sociedade civil sobre a questão da valorização da vida e do ser

humano: “devemos buscar superar o consumismo que faz o com que o 'ter' seja mais importante do que o 'ser'”, disse ele. Bastante privilegiada, a Sessão contou com a presença dos Vereadores Jarinho (PTB), Bobó (PHS), Preto Magalhães (PR), Profº Val (PHS), Marivalda (PT), do ex-vereador Profº Jair Cardoso (PDT), do pároco do município de Candeias, Frei Cristiano, do padre Edson do município de São Sebastião do Passé, membros das comunidades católicas e da impressa. A sociedade em geral abraçou a idéia que o vereador Serrinha SS diz buscar meios para que se transforme em uma tradição no município.

Mais de 06 horas de lazer e muita animação: este foi o resultado do 2º Bingo Beneficente realizado no Malembá, no último dia 16 de Maio em Homenagem as mães. O evento, que distribuiu 15 prêmios e contou com a participação de um número bastante expressivo de pessoas, arrecadou cerca de 2.890 Kg de alimentos, foi considerado um grande ato de solidariedade e contou com algumas atrações musicais: Helio e Júnior, Ditocar e o pagode No Comando. A organização ficou por conta da vereadora Marivalda (PT), apoiada pelo vice-prefeito Loteba (PT), pela Associação de Moradores do Conjunto Santa Cruz, do Malembá de Baixo, do Instituto Malembá de Cidadania (IMC), de

Carlos de Sr. Vitor e da Revolution Vídeo. Os alimentos arrecadados serão doados as famílias carentes, para igrejas e para entidades filantrópica. Quem participou pôde não apenas se divertir, mas exercer a solidariedade e a cidadania, ajudando o próximo com o seu quilo de alimento e promovendo o trabalho dos trabalhadores autônomos que com suas caixas de isopor puderam levar renda para suas famílias.


07 EXCLUSIVO

ENTREVISTA BOMBÁSTICA COM O EX-VEREADOR SERRINHA DA CAIXA Em entrevista exclusiva o ex-vereador e ex-secretário Serrinha da Caixa conta detalhes sobre o período do senta-levanta entre Amiga Jú e Maria Maia, a campanha de 2008, quando pediu votos para Maria, as desilusões, o rompimento e as expectativas para o futuro.

Ex-vereador Serrinha da Caixa

Bahia Notícia (BN): Durante o período conturbado do “senta-levanta” entre Amiga Jú e Maria Maia, você, ao contrário dos outros vereadores, do posto de vice-presidente da Casa, peitou a administração e fez cumprir a lei dando posse a Maria Maia. O que te levou a tomar essa atitude? Serrinha da Caixa (SC): Eu acho que todo legislador tem por obrigação moral respeitar as leis e fazer cumpri-las. Eu no momento estava exercendo o cargo de vice-presidente da Câmara Municipal de Candeias e no dia o Presidente não se fez presente para dar posse à Prefeita Maria Maia por uma decisão judicial (uma liminar). E eu me fazendo presente na casa eu seria substituto imediato então, não fugindo às minhas obrigações, como nunca fugi, a empossei, mesmo porque além de ser uma determinação judicial era um anseio do grande povo de Candeias. Eu tinha que fazendo isso eu estava cumprindo com as minhas obrigações. BN: Há um “disse-me-disse”, uma celeuma, mesmo não havendo comprovação até hoje, ficou um sentimento na comunidade candeiense de que haveria uma articulação àquela época para protelar a tomada de posse de Maria Maia. Você pode declarar alguma a respeito disso? Houve, de fato, essa articulação para protelar que ela tomasse posse? SC: Na justiça tudo são prazos. A partir do momento que se ganhe prazos, e a parte perdedora ou a parte vencedora ela entra com liminares, com ações, com petições. Se aquela decisão não fosse tomada naquele exato momento, com certeza se conseguiria alguma liminar e o poder não seria transferido para a Prefeita Maria. Então eu, cumpridor de minhas obrigações, quero que fique bem claro que em momento nenhum me arrependi, como legislador, ter dado posse à Prefeita Maria Maia, mesmo porque sou cumpridor da lei. Me arrependo, sim, como todo povo de Candeias, ou a grande maioria, se arrepende porque infelizmente não é essa Candeias que nós queremos. Hoje o povo de Candeias está desesperançoso, a cidade de Candeias está entregue, e não foi isso o que nós pregamos em palanque. BN: Naquele momento, qual foi a imediata reação do grupo da então Prefeita Amiga Jú e da deputada Tonha Magalhães diante do posicionamento do Senhor? SC: Naturalmente de perseguição. Falta de maturidade! Eu acho que o poder ele é feito de diálogos. Eu cumpri com uma lei. Não fiz uma coisa aleatoriamente. Em represália, a deputada, que não tenho nada contra a pessoa, fui até secretário dela, ela simplesmente forçou ou determinou que a pupila dela,Amiga Jú, que eu tenho apreço, não tenho raiva dela, forçou não me darem a legenda. Eu fui para a convenção, eles fizeram uma ata forjada, é bom que fique claro, eu era parte da Executiva do partido, eles fizeram uma ata forjada e me tiraram da executiva. Não me deram vez e voto na convenção. O meu advogado, sabedor de que aquilo foi uma ação premeditada para me prejudicar, eu entrei com uma representação na justiça local, eleitoral. Perdi. Entrei na justiça estadual, ganhei por unanimidade. Eles recorreram para Brasília e perderam por unanimidade. Isso é uma prova que eu agi de acordo com a convicção e a vontade da justiça. BN: Campanha eleitoral pegando fogo, o Senhor passa a subir em palanque e pedir votos para a Prefeita Maria Maia. De que forma se deu essa aliança? Quais foram os interlocutores dessa aliança? Por que motivos o Senhor passou a apoiar a candidatura de Maria Maia? SC: Na verdade eu não trabalhei em momento

nenhum por articulações nem por cargos. A mim foram oferecidas várias vezes secretárias: não aceitei! Mesmo porque uma das secretarias que me foi oferecida ia de encontro, pois era dirigida por um amigo meu, Gil Soares. Eu acho que acima de tudo temos que ser leais às pessoas. BN: E quais foram as outras secretarias oferecidas? SC: foram ventiladas outras secretarias, como a de administração. Não pedi em momento nenhum, eu quero que fique bem claro, mesmo na época do apoio. Mas estou vivendo, estou tranqüilo, acho que quem vai julgar os procedimentos desses políticos não serei eu, e sim o povo. BN: Então o apoio que foi dado pelo Senhor a Maria Maia foi uma iniciativa tua, e não um pedido do grupo da prefeita? SC: Jamais! Jamais! Eu tenho uma amizade com João Soares, que é meu amigo e conversou comigo me pedindo que a apoiasse. Também por fruto dessa amizade eu a apoiei, mas em momento nenhum impus nenhuma condição para ser secretário do governo dela. A minha vontade era a vontade do povo de Candeias, que queria mudança, queria um novo projeto de governo para o município. Perdi eu e todo o povo de Candeias que hoje que está aí vendo essa situação. Eu quero pedir desculpa às pessoas pelo erro cometido, mesmo porque eu não tenho bola de cristal para adivinhar se o governo vai dar certo ou se vai dar errado, mas isso serve de escola, de aprendizagem para a vida da gente. Mas eu desejo que a gestora do município concerte, bata na mesa e concerte, tome pulso, não deixe que a administração do município seja gerida por uns poucos. Enquanto o grande funcionalismo de Candeias, que ganha salário mínimo e está aí, a maioria sem receber, com atraso, você vê aí pessoas ganhando altos salários praticamente sem fazer nada. BN: Então para o senhor há um pequeno grupo que está tomando conta da administração? SC: Com certeza! Não é para mim, não, é para Candeias toda! Quando você vê determinada secretária que é carente de tudo. Você chega hoje na limpeza pública e a cidade está tomada pelo lixo. Você chega nas ruas, estão às escuras. Na saúde não tem um receituário médico. Na educação, está essa questão, nunca se viu na história de Candeias um colégio ficar dois anos sem ser recuperado. Tem colégios aí que estão para desmoronar! BN: O senhor acreditou e apostou na mudança. Tivemos aí o final de 2008 com o discurso da herança maldita, mas ao longo de todo o ano de 2009 não se via nenhum sinal de melhoria. Ainda assim o senhor permaneceu acreditando. Por quê? SC: Por que a esperança é a última que morre. Enquanto há vida, há esperança. Eu sempre acreditei, até que se prove o contrário, eu acho que as pessoas podem se recuperar. Mas chega o momento em que eu não fiz parte do governo em momento nenhum. Não tenho uma pessoa indicada na prefeitura, e você ouve na rua as pessoas dizendo que Serrinha tem 50, tem 100 cargos? Isso é uma coisa que aborrece a gente. É melhor chegar e dizer que não faço parte, nunca fiz e acabou. E cada um toma o seu rumo! BN: Havia diálogo entre o senhor e a prefeita Maria Maia? SC: Não. Ela sempre me tratou com cortesia e respeito, e eu também a ela. BN: Mas havia algum diálogo ou conversa no sentido de orientações ou consultas a respeito da gestão? SC: Não, porque a voz dela é a voz dela. Ela não houve, ou houve pouquíssimos. Eu acho que ela só ouvia quando precisava do voto. Mas respeito a maneira dela agir. Não sou inimigo da pessoa Maria Maia. Sou contra as ações do município que não estão sendo benéficas para o povo de Candeias. BN: Você considera que esse tipo de postura se aproxima de uma postura autoritária? SC: Acho que cada povo tem o governo que merece. Cada povo julga de uma maneira. Acho que em eu sendo governante, você sendo governante, outro sendo governante com certeza a democracia seria mais ampla, mais aberta. Eu acho que haveria mais conversações, mais negociações. Infelizmente tem governos que não aceitam isso, tem outros que aceitam. Então, que julgue o povo.

BN: Me parece que na opinião do senhor esse tipo de conduta do gestor público é ultrapassada, ou pelo menos não é a mais ideal para os dias de hoje... SC: A conduta ideal é aquela de juntar forças, como a do governo Wagner, que está com 42%. Vou pedir voto para ele, porque é uma mudança. Está fazendo uma frente política com pessoas que eram carlistas. BN: Maria Maia não busca juntar forças? SC: Não. Na minha concepção ela deveria unir todo mundo, pessoas com pensamento diferente. Sentar, conversar, ouvir. Um governo é feito com várias cabeças pensantes. Nenhum gestor hoje faz um grande governo sem ouvir seus assessores. Infelizmente existem algumas pessoas que estão blindando a Prefeita para que ela não ouça as verdades. BN: Quem seriam essas pessoas? SC: Infelizmente eu não posso citar, mas se ela ouvisse mais as pessoas, principalmente as que queriam o bem dela... Eu quero o bem da administração! Outra coisa importante: as pessoas detentoras de cargos de valores altos, a grande maioria mora em Salvador. Se essas pessoas morassem em Candeias, sofressem em Candeias, fossem naquela feira todo sábado como eu vou fazer compras, porque aquilo é uma vergonha, é um problema de saúde pública. Se essas pessoas que são detentoras de cargos de diretoria, que não pediram um voto para ela com certeza as ruas que as mesmas morassem não estariam sem energia, esburacadas e intransitáveis. Mas simplesmente eles vem para a prefeitura e da prefeitura eles vão para Salvador. BN: Quem mais tem blindado a Prefeita, os secretários ou os diretores? SC: O diretor, até por uma questão de hierarquia não excede, o diretor tem que se reportar ao secretário. A blindagem tem sido feita por algumas pessoas que, com certeza, são pessoas da confiança dela, de alto escalão. Tem muitas pessoas que são amigos dela. Na política, você não pode ser adversário, inimigo não. Eu converso com Tonha, com Loteba, com todo mundo. Você não pode se enclausurar no poder e achar que o poder é eterno. Quem vota, quem elege e quem tira é o povo! O poder tem que ser democrático, aberto e tem que falar a verdade com o povo. BN: O senhor passou todo esse tempo e, ainda que visualizando algumas pendências, continuou acreditando, até chegar o teu limite. Qual foi a gota d'água para que você rompesse completamente e passasse a declarar que não apóia mais essa administração? SC: Eu duvido que você veja uma pessoa chorando, os filhos passando fome, com cinco meses de salários atrasados e você compactuar e dizer “você está errado, quem está certo é o poder”. Eu não posso compactuar! Isso dói. Eu acho que a prioridade número um de uma gestão chama-se salário. Eu acho também que um governo deve ser um governo enxuto. John Kennedy dizia que o caminho das derrotas é querer agradar todo mundo. BN: O senhor considera que a Prefeitura Municipal de Candeias tem muita “gordura” para queimar? SC: Demais! Tem um absurdo, e tiraram muita gente agora. Mas não posso mensurar números, eu não participei do governo. BN: Quando o senhor era secretário, nas administrações passadas, qual era mais ou menos a quantidade de servidores do município de Candeias? SC: Quando fui secretário de finanças, mesmo com todas as dificuldades buscávamos arrecadar. A grande prova é que fiz um calendário de pagamento e não se atrasou salário. Os últimos 03 meses que Antônia herdou de atraso foi de Maria Maia. Salário para mim era prioridade número 01. Peguei uma receita com quase dois milhões por mês. Chegamos a deixar ela com quase 10 milhões. Na época, e isso se muda muito, pareceme, não tenho certeza que tinham cerca de 5 mil, 5 mil e 300 funcionários públicos. Dizem que agora chegou ao ponto de ter 7 mil e 500, não posso te garantir. Mas acho que tem que administrar com a capacidade de pessoas que possa fazer o trabalho sem inchar a máquina, senão se perde a capacidade de pagar a todos e alguém sobra.

BN: Como cidadão, hoje, você se sente traído? SC: Essa é uma palavra pesada. Sinto que houve uma falta de compreensão. Eu me doei por uma causa, Candeias se doou por uma causa. Pela história política, pelo trabalho que nós fizemos nós seríamos muito úteis ajudando esse governo aí. BN: Podemos dizer que você se sente frustrado? SC: Frustrado, totalmente! Enquanto político não, porque eu fiz a minha obrigação. Se tem alguém que vai botar a cabeça no travesseiro e dizer “eu fui ingrata, não fui leal com A, B ou C” não é Serrinha. Eu quero dizer que durmo hoje, graças à Deus, com minha consciência tranqüila. Agora com certeza tem alguém, algumas pessoas, que dizem “eu não fui leal com Serrinha”. BN: Poderia citar uns dois ou três? SC: Não. Não quero citar nomes porque cria um mal estar e as pessoas poderiam levar para o lado pessoal. BN: Falando em futuro. Você já falou que pedirá votos para Wagner. E o senado, Câmara Federal e Assembléia legislativa? SC: Não me decidi ainda, sabe. Estamos em conversação com algumas pessoas. Só tenho uma decisão formada hoje: meu candidato a governador é Wagner, os candidatos ao senado e todos os outros são ligados à base de Wagner, agora, quem são ainda não posso declarar. BN: 2012, quais são as pretensões de Serrinha? O senhor acalenta algum desejo? SC: Quem diz é o povo. O político não é dono de si. Se o povo achar que eu mereço, tudo bem. Se achar que não, tem tantas pessoas competentes, tantos jovens aí com milhões de quilos de gás, de força de vontade, de coragem, pessoas corretas. Quem sabe é o povo. É Deus quem nos guia, nos dá um rumo, um norte. Até o momento eu não tenho pretensões de ser candidato a vereador. BN: Hoje podemos dizer que o senhor mantém algum diálogo com algum grupo político? Qual seria esse grupo? SC: Tenho. Mas eu gostaria que ficasse restrito. Por uma questão de estratégia política. Tenha certeza de uma coisa: a minha linhagem política hoje é votar com Wagner e as pessoas que fazem parte da base de Wagner. BN: Falando em governo, em termos de legenda, como está Serrinha hoje? SC: Graças à Deus não tenho dificuldades em estar em alguma legenda. Há alguns convites. Tenho certeza de que na legenda que eu estiver, estiver para acrescentar. Já me foi oferecido legendas, mas o mais importante para Candeias é todos nós fazermos uma faxina em Candeias e colocar pessoas que possam até nunca ter sido candidato a nada, mas que tenham acima de tudo caráter, hombridade e honre com os compromissos, porque Candeias está cansada de ser enganada. BN: Última pergunta. Essa faxina é com água e sabão ou álcool e creolina? SC: Aí fica difícil. Eu acho que a faxina quem faz é o povo. O povo é quem tira e coloca. Não se engane, o povo é sábio e inteligente. Não adianta vir agora candidato com blá, blá, blá que o povo sabe o que quer. Tantas pessoas aí. Eu hoje me acho extremamente capacitado a gerir Candeias, porque eu conheço a história de Candeias. Fui secretário de finanças oito anos, com a receita altamente crescente. Deixei de ser secretário 01 ano, por uma questão política, e neste ano a receita caiu. Quando voltei a assumir ela aumentou consideravelmente. Eu tenho uma história em Candeias. Não quero dizer que seja Serrinha. Pode qualquer um, pode ser Serrinha, pode ser Jair, pode ser Bobó, pode ser Loteba, pode ser qualquer um. O que não pode ser são essas pessoas viciadas na política que acham que o poder tem que ser deles e da família, e se perpetuarem no poder. O povo de Candeias está maduro o suficiente para saber que para você gerir o município com caráter, com dignidade, necessariamente você tem que ter, acima de tudo, assessores competentes, leais, e que vivam o dia-a-dia do município. Não adiante querer fazer o governo enchendo de amiginho do passado. Tem que colocar pessoas competentes! Candeias está no caminho de pensar alto, positivo, dizer que quer uma cidade diferente, participativa. Não adianta fazer frente com 10, 12 partidos e na hora que se eleger desprezar todo mundo, e principalmente aqueles que fizeram tudo para lhe colocar no poder.

Por: Prof. Hamilton Ferreira


08 POLITICA

SINDICATO DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE CANDEIAS eleições prometem muita disputa e fortes emoções

Estão programadas para os próximos dias 28 e 29 de junho as eleições para a nova diretoria do Sindicato dos Servidores do Município de Candeias. O Sindicato, fortemente criticado pela Comissão Permanente dos Servidores, é acusado de uma série de omissões e descumprimento do próprio estatuto. Dentre as polêmicas dos últimos dias, está a declaração da Presidente do Sindicato, Cláudia Pimentel, à CPI dizendo que desde de julho de 2009 que a Prefeitura Municipal de Candeias regularizou os salários dos servidores, além de afirmar que o problema da falta dos repasses da Prefeitura ao INSS (contribuição que é retirada do salário dos servidores todos os meses) não é problema do Sindicato. Na última sexta-feira o Sindicato realizou um fórum sobre educação, que tinha como objetivo, segundo a Presidente, discutir o Plano de Cargos e Salários dos servidores da educação. Ao final do evento, e alegando não ter caráter eleitoral, a Presidente anunciou uma parceria com uma Cooperativa Habitacional que implementará um projeto no município visando assegurar aos servidores municipais casas populares cujos valores ficarão em míseros R$ 6.000,00 (seis mil reais), a serem pagos com módicas parcelas de R$ 50,00 (cinqüenta reais). O detalhe é que quem realizará as inscrições e determinará quem será ou não beneficiado é a diretoria do Sindicato, ao menos foi desta maneira que foi anunciado no evento. A disputa eleitoral colocará duas chapas em confronto: uma, com o declarado apoio da atual presidente, é encabeçada pela atual vice-presidente, Srº Maria Bandeira, e contará com a Srª Darci como vice (ao menos foi o que nos declarou a atual presidente, Cláudia Pimentel, em entrevista exclusiva). A outra chapa, que conta com o apoio da Comissão Permanente dos Servidores, é capitaneada por Juscelino Vigilante (que tem se destacado pela defesa dos direitos de sua categoria e pelo apoio dado aos demais servidores), tendo como vice o pastor e Profº Magno, que apresenta um programa diário na Catedral FM (emissora de rádio local).

As articulações tem sido bastante intensas: enquanto a chapa liderada por Maria Bandeira (Chapa 1) tem tentado se aproximar dos servidores promovendo, entre outras coisas, café da manhã para os funcionários da limpeza, a chapa liderada por Juscelino Vigilante (Chapa 2) continua a fazer denúncias contra a atual gestão do Sindicato, conclamando os servidores a fazer com que as coisas mudem. Antes mesmo da homologação das candidaturas, a Chapa 2 (de Juscelino) acusa a atual diretoria (que tem a Srª Maria Bandeira como vice) de não estar cumprindo as determinações do Estatuto no que diz respeito ao processo eleitoral, numa suposta tentativa de se beneficiar, dificultando as coisas para a chapa adversária. Entre as denúncias está a de que a atual diretoria começou a fazer filiações e mais filiações com o intuito de garantir votos para a Chapa 1: “presenciamos a distribuição de fichas de filiação dentro da Prefeitura, sendo passadas discretamente aos funcionários de lá para que se filiassem por conta das eleições. Quando alguém vai ao Sindicato se filiar espontaneamente não encontra nem ficha por lá.” Diz uma das integrantes da Chapa 2. O detalhe é que, segundo o estatuto, só podem votar os associados que foram admitidos a pelo menos 06 (seis) meses. A Chapa 2 também denuncia que a Presidente do Sindicato tem a intenção de colocar membros das chapas para compor a Comissão Eleitoral, coisa proibida pelo Estatuto. Aliás, formar Comissões Eleitorais sem a participação de membros das chapas em disputa costuma ser a prática comum em todas as eleições de Sindicatos e Associações exatamente para evitar as tentativas de fraude: ficamos a nos perguntar por que o Sindicato dos Servidores quer fazer diferente? Muita água ainda deverá passar por debaixo dessa ponte. O certo é que a disputa será quentíssima e que os servidores públicos de Candeias devem estar atentos, afinal de contas, o Sindicato é quem deve (ou deveria) zelar pelos seus direitos. Em tempo: a Chapa 2 (liderada por Juscelino Vigilante e pelo Profº Magno) promete fazer um grande evento para o lançamento de sua campanha na próxima sexta-feira, dia 04 de junho, às 18:00 h, no prédio da antiga Eletrônica Candeias, em frente ao Colégio Margarida Souza, no centro da cidade. Até o fechamento desta edição tentamos contato com a Chapa 1 (liderada por Maria Bandeira), mas não obtivemos qualquer resposta positiva.

TCM aciona ministério público contra prefeita de Catu

lavrado contra a prefeita de Catu , Srª Gilcina Lago de Carvalho (PR), pela saída de numerário de conta específica do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica - FUNDEB, no montante de R$ 125 mil, sem documento de d e s p e s a e m v a l o r correspondente, no mês de dezembro de 2008. A relatoria determinou a formulação de representação ao Ministério Público, ressarcimento aos cofres público do valor de R$ 125 mil e multa de R$ 4 mil a gestora, que pode recorrer da decisão. Mesmo ciente da denúncia, a O Tribunal de Contas dos gestora não apresentou qualquer Municípios, no dia 20/05, julgou justificativa para descaracterizar procedente o termo de ocorrência a irregularidade.

JAIR CARDOSO X JÚNIOR MAGALHÃES Uma aliança possível ou improvável? Uma notícia tomou conta do meio político candeiense nos últimos dias: a possível aliança entre o deputado estadual Júnior Magalhães (DEM) e o ex-vereador e Jair Cardoso (PDT). Júnior Magalhães desistiria de sua reeleição nas eleições deste ano para apoiar o ex-vereador, professor e advogado Jair Cardoso na candidatura deste a deputado estadual. Em troca, receberia do ex-vereador o apoio para a sua candidatura a prefeito de Candeias em 2012. Esse comentário correu os quatro cantos da cidade, sendo a tônica dos bochichos políticos neste final de semana. Procurado pela nossa reportagem, o professor Jair Cardoso confirmou com exclusividade para o Bahia Notícia que foi procurado pelo deputado, mas disse que não aceitou a sua proposta: “O deputado Júnior Magalhães não me pediu segredo sobre o assunto da conversa. É natural que ele esteja articulando, da mesma que eu também estou. O desejo dele é o mesmo meu, ser prefeito de Candeias. Se o povo da nossa cidade quer mesmo uma mudança, não acredito que apostaria no nome do deputado porque ele não representa o projeto novo que precisamos”, disse o professor. Segundo Jair Cardoso, o povo da cidade demonstrou nas últimas eleições o desejo de mudança porque não estava satisfeito com o grupo político do qual o deputado faz parte: “A oportunidade de governar já foi dada ao grupo político da família dele, que governou a cidade por 12 anos e não a planejou para o futuro, pensou mais nos interesses da própria família – elegeu

prefeita 03 vezes, deputada federal 01 vez, deputado estadual 02 vezes, vereador 03 vezes, todos da mesma família. Eles pensaram grande para a família deles e pensaram pequeno para a nossa cidade. Olhe o exemplo do bairro do Santo Antônio, que projetou a mãe do deputado e toda a sua família: o que tem no bairro? Qual a grande obra que fizeram lá? Talvez a própria casa da deputada, que deve ser a maior obra dela no Santo Antônio”. Jair Cardoso disse que o fato de o governo da prefeita Maria Maia estar sendo um desastre, não credencia e nem dá autoridade moral à volta do grupo do deputado Júnior Magalhães e de sua mãe à prefeitura, informando que os censos e estimativas realizados pelo IBGE nos 12 anos do governo deles, Candeias cresceu menos que quase todos os municípios da Região Metropolitana: “Cidades como Simões Filho, São Francisco do Conde, Madre de Deus e São Sebastião do Passé cresceram mais que Candeias, mesmo ser ter sequer um deputado da cidade. É lamentável que a família Magalhães tenha projetado um grande futuro para eles e planos tão pequenos para a nossa cidade,”, concluiu o professor. Procurado pelo Bahia Notícia, o deputado estadual Júnior Magalhães (DEM) afirmou que vai à reeleição em dobradinha com a sua mãe, a deputada federal Tonha Magalhães (PR), e que vem tendo conversas não apenas com o ex-vereador Jair Cardoso (PDT), mas alguns vereadores do município e diversas lideranças políticas, e diz que no momento o seu compromisso é continuar a buscar benefícios para Candeias e para os municípios que o elegeram.

Câmara de Madre de Deus realiza sessão itinerante na ilha de Maria Guarda

Moradores gostaram e prestigiaram a sessão Mais uma vez, a Câmara de Vereadores de Madre de Deus saiu na frente. Pela 1ª vez na história política da cidade, a Câmara mudou temporariamente de sede: foi o lançamento do projeto “Câmara Itinerante”, com a realização da 1ª sessão na Ilha de Maria Guarda. Cabe lembrar que já ocorreram várias Sessões Especiais, a exemplo da que discutiu o Derramamento de Óleo que contou com a participação do Ministério Público, além da que discutiu a situação do abastecimento de água, que contou com a presença da EMBASA. Houve também uma que tratou sobre o Combate à Dengue, promovida em conjunto com a Secretaria de Saúde, além da recente sobre a Segurança Pública em Madre de Deus e Região, que teve a participação do Delegado Chefe da Polícia Civil Dr. Joselito Bispo e do Coronel José Alves, representando o Comandante Geral da Polícia Militar. As Sessões Especiais tem se constituído num espaço aberto para aproximar, questionar e defender ações em prol do

Município de Madre de Deus, tornando a Casa Legislativa um ambiente democrático e propício para novas conquistas e tornando-se mais próxima da Comunidade. Aliás, a comunidade precisa se fazer mais presente! A Ilha de Maria Guarda é o único distrito de Madre de Deus que possui cerca de 1.000 habitantes e 450 eleitores. Estiveram presentes à Sessão Itinerante os vereadores: Rose Queiroz (PT), Vivaldo Fernandes (PSDB), o presidente da câmara, Dailton Filho (DEM) e Antonio Carlos Soró (PSDB). Na abertura da sessão, o presidente ressaltou as peculiaridades do local (o melhor siri catado da Bahia), que considerou ser o cartão postal perfeito para atrair o turismo, haja vista as belíssimas paisagens e a educação de seu povo. A comunidade participou e reivindicou os seus direitos. Alguns secretários e o delegado (que estiveram presentes), além dos vereadores prestaram atendimento e assistência às famílias da ilha, atendendo a pedidos de moradores do local.


09 PARCEIRO


10 COLUNA SOCIAL

1ÂŞ Baladinha de Maria Luiza e Julia

Fotos: Anna Bispo


11 GERAL

Homenagens

No ano em que comemora o seu sétimo aniversário, o Bahia Notícia se dedica a conceder uma singela homenagem às pessoas que, de um jeito ou de outro, contribuíram para o desenvolvimento deste meio de comunicação e sempre acreditaram no potencial do seu editor- jornalista, José Ferreira Júnior (Robocop), e na equipe deste canal de informações. Na edição passada o homenageado foi Georgem Moreira, advogado e contador, proprietário da respeitada GM contábil. Nesta edição, o escolhido é o amigo Cristóvão da Silva Moreira, o popular Cristovinho, um homem simples, de bom caráter, bom amigo e muito companheiro. Nada o impede de ajudar a quem precise nos momentos difíceis. Conquista a admiração de todos por onde passa, porque é dotado de carisma e empatia. Em conversa com a sua esposa, Nai, ela nos confidencia o quanto ele é uma pessoa amorosa e companheira em qualquer momento, sempre sem meias palavras. Nai também nos revelou que Cristovinho tem enorme apreço pela boa leitura, um dos hábitos mais saudáveis que existe. Um dos maiores prazeres de Cristóvão é

Por José Ferreira Júnior (Robocop) estar com a família e os amigos. Ele possui fervoroso apreço pela sua vida profissional, dedicando horas ao Banco do Brasil (agência Candeias) onde graças ao seu empenho vem conquistando um grande número de clientes e mantendo os atuais de forma extremamente positiva. É bem visto por todas as rodas sociais da região e admirado pela comunidade mais carente do município, uma vez que tenta, de todas as maneiras, resolver e facilitar a vida dos candeienses sem prejudicar a instituição e as comunidades, debruçando, para tanto nas fontes do conhecimento. No deleite da informação ele encontra, ou tenta encontrar, explicação para a práxis do mundo. Assim, aglutina vasto domínio no campo filosófico, social e econômico, sendo defensor de um

conhecimento que agregue valor em todos os planos. E é tudo isso que justifica a minha admiração e respeito a esse grande homem. Cristovinho

*DESTAQUES*

Mais uma forma de amor do broder

A comunicação da RMS tem dado um show

J. Brito

RR

Moises Azevedo

Tem se destacado bastante nos últimos tempos o crescimento de dois importantes comunicadores da Região Metropolitana de Salvador: Joseilton Brito, o popular Jota Brito e Ronald do Rosário (RR), ambos possuidores de uma história de causar orgulho por onde passam. Brito, após voltar a atuar como repórter, vive talvez o seu melhor momento, alcançando ainda mais respeito e admiração não apenas dos colegas do meio da comunicação, mas sobretudo junto ao povo dos municípios da região, graças à sua linguagem popular, seu carisma e à forma contundente como não apenas reporta os fatos, mas defende a nossa região. RR, outro grande exemplo da comunicação, principalmente no que diz respeito à publicidade, tem um currículo de chamar atenção de grandes lideres políticos no estado. Radialista de emissoras comunitárias e atual locutor oficial da prefeitura do município de São Francisco do Conde, tem uma expressividade contundente e objetiva, com uma dicção capaz de emocionar a comunidade sanfranciscana sempre que anuncia a Prefeita Rilza Valentim

Roque Santos

nos diversos eventos públicos do município. Também tem merecido destaque o eterno âncora do radio jornalismo baiano, Moisés Azevedo. O professor da comunicação e ídolo dos rádios vem causando alvoroço ao dar voz e vez ao povo, defendendo ardorosamente seus direitos, polemizando e tecendo seus comentários precisos e contundentes, sem meias verdades. Outro destaque tem sido o popular Roque Santos, cujo site, o RMS Notícias (www.rmsnoticias.com.br) vem ganhando cada vez mais acessos e credibilidade, sem contar com a maneira instigante, séria e, ao mesmo tempo, irreverente com que vem conduzindo o programa Jornal da Sucesso, ao meio dia, pela Sucesso Fm, lançando sempre aquela pergunta que não se cala: quem vacila ou quem realiza algum beneficio vira notícia na língua deste repórter ou nas notas em seu site, até mesmo quando ele não está presente, graças à onipotência de seu braço direito, o “Olho Vivo”. Rubens Filho também tem o seu papel importante com o seu mini informativo. É a comunicação dando um banho de qualidade na Região Metropolitana de Salvador!

NOTAS POR: JOSÉ F. JUNIOR

Pesadelo da casa própria

Mais uma vez o “pai coruja” Tonho, empresário do ramo alimentício, homenageia os seus herdeiros com as divulgações das imagens que celebram mais um ano de vida para a princesinha Sabina e o seu novo irmão, João Victor. Dezenas de veículos circulam pelo município de Candeias com fotos e dizeres, expressando publicamente o grande amor que Tonho tem pelos filhos.

Ser gerente tem que ser competente! Vai ficar na lembrança dos clientes de Candeias o bom e especial atendimento do gerente geral do Bradesco de Candeias, Helder Barbuda, transferido para outra agencia no dia 26/04, que em pouco tem soube fazer amizade no município pela sua maneira simples e direta de solucionar pequenos e grandes problemas. Ficamos na torcida (o Bahia Notícia e os seus colegas, amigos e clientes de Candeias) para que a sua transferência traga grandes propósitos e melhorias para outros municípios quanto trouxe para Candeias, e principalmente para que você continue a fazer com que o seu trabalho sirva de lição para outros gerentes.

ÂNCORAS DO ATRASO Parece sina... sempre tem alguém para emperrar o barco: este foi um dos comentários que ouvi ao relatar um certo acontecimento ocorrido no gabinete da Prefeitura Municipal de Candeias. Explico: é que a despeito do esmero e dedicação de alguns funcionários, existem outros que parecem gostar de maltratar as pessoas, que não importa o dia ou o horário, estão sempre a espezinhar e prestar um péssimo atendimento, não apenas pela falta de qualidade técnica, mas também pelo desdém com o qual trata as pessoas. São funcionárias que se comportam como se estivessem num patamar superior, tratando a todos como se estivessem a prestar um favor, esquecendo-se que estão ali a trabalho, recebendo para prestar um atendimento de qualidade e, mais ainda, tendo seus salários custeados pelas pessoas que procuram o atendimento e são recebidas a “patadas”. Uma tremenda contradição. Parecem mais aquelas figuras velhas, encardidas e estereotipadas que de tão “mal amadas” vivem a distribuir grunhidos e mal humor a torta e à direita. Espero que a Prefeita e o seu Secretário de Gabinete consigam, o quanto antes, adestrar essas verdadeiras traças da administração pública... é por essas e outras que as críticas vão se acumulando... (...Essa fica para quem acha que é liderança, perua quebrada, puxa sacos e/ou papagaio de piratas).

O s feirenses alertam: um senhor de nome Lourival Nunes Araújo foi visto em Candeias na última semana em um evento prometendo construir casas a preços populares, mais precisamente 50 reais mensais, numa casa que, segundo ele, daria para ser ampliada devido ao seu tamanho e área. O valor total da casa seria R$ 6.000,00 e o “conjunto” ficaria em Passé. O que o povo de Feira de Santana alerta é que esse Srº, representante da Cooperativa Habitacional Nordestina (entidade que faria o “plano” de financiamento) responde por uma serie de irregularidades em Feira, onde responde processo no Ministério Público Federal por aplicar o “golpe da pirâmide” quando fazia parte de outra cooperativa, a Cooperativa de Crédito Rural do Vale do Subaé. O Banco Central, com apoio do MPF e da Policia Federal, liquidou extra-judicialmente a cooperativa. O BC constatou indícios de manipulação contábil fraudulenta e contratação irregular de operação de crédito. Em suma: foi indiciado por crime contra o sistema financeiro nacional. Quem está acompanhando esse Srº em Candeias deve avalizar a “idoneidade” desse do tal.

O que é e de quem é essa obra?

A famosa obra na entrada da prefeitura de Candeias, que faz ligação com a BA-523, está parada há quase um mês. Sabe-se que existe uma briga pela posse do terreno. A família Saback afirma ser dela e a prefeitura diz ter a titularidade.

Vice-prefeito demitido

Cada vez mais Octavio Mangabeira, ex-governador da Bahia, tem razão. A vereadora do PT de Candeias comentou em seu discurso na tribuna da Câmara que o vice-prefeito Loteba (PT) está há três meses sem receber seus vencimentos de vice. Foi procurar o RH da prefeitura e foi informado que seu nome não constava na folha de pagamento, para espanto do reclamante. Ou seja, após o tal rompimento do PT com a prefeita, o vice foi “demitido” do cargo de vice. Por isso Mangabeira disse: “pense num absurdo, na Bahia tem precedente”.

UPA pra que te quero

Discutiu-se muito, o povo bradou mas a famosa UPA - Unidade de Pronto Atendimento, está sendo tocada lá no Ouro Negro mesmo, longe de tudo e de todos e em frente a outra unidade de emergência, a do Hospital Ouro Negro. Enquanto lá vão ficar duas emergências, uma em frente a outra, no restante da cidade não terá nenhuma, já que a do Posto Médico Luiz Vianna irá fechar e ser transformado em PSF, que tem horário de atendimento até as 16:00 h. Como se já não bastasse a localização, a obra está sendo tocada por uma empreiteira que trouxe todos os trabalhadores de fora, não dando oportunidade a ninguém de Candeias, além de trabalharem em péssimas condições, a exemplo de usarem sandálias, ao invés de botas, e bermudas no lugar do macacão. DRT na empreiteira e povo na rua pra Prefeitura.

Segurança em debate

A Câmara Municipal de Candeias, seguindo o exemplo da Câmara de São Francisco do Conde, realizará na próxima terça feira, dia 1º de junho, uma Sessão Especial para discutir a violência no município. Já não era sem tempo. A violência toma conta da cidade e as autoridades pouco fazem pra enfrentar o problema. As autoridades aí incluem-se os governos municipais, estaduais e o nacional, pois a violência evidencia um grave problema social, e não meramente policial. Tá na hora de cobrarmos dos responsáveis.

CPI da pizza?

As duas Comissões Parlamentares de Inquérito da Câmara de Vereadores que investigam o atraso nos salários dos funcionários da Prefeitura e outra pra averiguar os contratos do Executivo, até agora só conseguiram ouvir o secretário Marcos Vinicius, já que quase uma dezena de convocados (ou será "convidados"?) não compareceram às audiências, prejudicando os trabalhos das comissões. Bradou-se até em usar a "força policial" para intimar os convocados/convidados a depor, haja visto que os membros da CPI se sentem ultrajados, já que a desculpa para não comparecer só aparece poucas horas antes da data marcada para depor. Na verdade, uma orientação jurídica do advogado da prefeitura, mas que evidencia uma manobra política, pois a prefeita sabe do desgaste (e das conseqüências) que uma CPI pode trazer. O tempo tá passando e até agora nenhum "peixe grande" deu nenhuma declaração contundente que apontasse para pegar a prefeita no pulo do gato.


12 PUBLICIDADE


Bahia Notícias  

O número 1 do interior da Bahia.

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you