Page 1

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO

NOVEMBRO 2009

PREPARAMOS UM VERÃO REPLETO DE ATRAÇÕES. CONFIRA!


AVENIDA TÊNIS CLUBE

SUMÁRIO

EDITORIAL

EDITORIAL VOCÊ CONHECE? Agostinho Coelho

3

DICAS DAS RAINHAS Giulia Gabriela Pereira Mulinari

3

SOCIAL Dia da Criança Novos representantes do DTG/ATC são empossados Semana Farroupilha está pujante no ATC ESPORTE Equipes da casa se destacam na Copa ATC Empolgação e novidade na Maratona Fitness ATC na Estrada Street Dance no ATC Judô ATC Etapas do Simples de Tênis definem finalistas Lançamento do Extreme 55

10 11 12 14 16 18 18

ATC CRESCE Vem aí, o grande investimento Centro Poliesportivo

19 20

4 5 6

CENTROPOLIESPORTIVO

PARA QUEM VIVE DE BEM COM A VIDA Caro Associado. Cada vez mais podemos dizer que nosso Clube se prepara para receber você. E com certeza, com muito que fazer e sempre buscando que você encontre aqui aquilo que o faz recarregar as energias gastas no dia-a-dia. Novamente tivemos meses de muitas programações, mas isto a Revista ATC procura atualizá-lo daquilo que tivemos de destaque dentro das nossas atividades. Sempre fazendo com que cada um de vocês sinta-se tentado a fazer parte cada vez mais intensamente desta grande família. Todos os nossos departamentos prepararam um pacote de eventos que iniciam em novembro e encerram-se em março. É o verão 2010 do ATC que está chegando. E como nunca tivemos antes, com uma programação de uma centena de eventos prontos para que você se programe e curta ao máximo o seu clube. Todos os eventos privilegiando o alto astral e a diversão para todos os gostos. Tudo por que queremos encontrá-lo aqui. Neste clube em que você é especial. Alem destes eventos, certamente ainda muitas surpresas estarão reservadas. Nossa diretoria e equipe do ATC já estão programando o Reveillon e o Carnaval 2010. Festas tradicionais do nosso Clube e referencia na cidade. Teremos a inauguração de mais um salão de festas que abrigará o Departamento de Tradições Gaúchas e certamente será um dos principais pontos de encontro no nosso clube, valorizando ainda mais a área do parque aquático ATC.

Com ele teremos inúmeras novas atividades que vão desde os esportes de quadra como voleibol, basquetebol, futebol de salão, handebol entre outros. Teremos natação, modalidade em que já tivemos conquistas e reconhecimento estadual, hidroginástica e inúmeras outras opções que proporcionam uma piscina térmica. Teremos também saunas exclusivas masculina e feminina. Para que tudo isto ocorra estamos licitando um projeto arquitetônico e aprovamos a forma de captação de recursos para execução, no conselho deliberativo e em assembléia geral, com 98% de aceitação dos presentes. Para tal, e para esclarecimento de todos realizamos duas “audiências públicas de associados” em que todos tiveram a oportunidade de conhecer o projeto e seu custo, podendo também sugerir necessidades sentidas. Esta iniciativa inédita nos dá segurança da adesão de todos a esta nova e importante obra. Assim, esperamos vocês para participar deste desse grande evento que será nosso Verão 2010, tendo a certeza que acima do investimento no seu clube você estará investindo na sua qualidade de vida. Abraço a todos e até breve. Leomyr Girondi Presidente

Mas não é somente para a temporada que preparamos o clube. Estamos entrando em um processo que dará continuidade a série de melhorias e instalações que temos visto na nossa sede. Falo do Centro Poliesportivo do ATC. Complexo que abrigará as piscinas térmicas, as novas saunas, o ginásio poliesportivo e nova área de convivência. Mais do que um antigo sonho ateceano, uma necessidade.

APROVEITE! GRANDE OPORTUNIDADE PARA SE TORNAR SÓCIO!

TÍTULOS LIMITADOS!

EXPEDIENTE A REVISTA ATC é uma publicação bimestral do Avenida Tênis Clube • Av. Dois de Novembro, 1920 • Fone/Fax: (55) 3221 6433 • CEP: 97020-230 • Santa Maria - RS Site: www.atc.esp.br • E-mail: social@atc.esp.br

Conselho Executivo Presidente: Leomyr de Castro Girondi 1º Vice-Presidente: Cleber Winckler da Silva 2º Vice-Presidente: Cesar Augusto Cademartori Danesi

Vice-Presidente Patrimônio: Angela Paulina Grandeaux Pisani Vice-Presidente Esportes: Juarez Morbini Lopes Vice-Presid. Recreação: Cesar Augusto Cademartori Danesi

Assessoria de Comunicação Assessor de Comunicação: Eduardo Figueirôa Jornalistas Responsáveis: Adriana Garcia - MTb/RS 14.368 Jaiana Garcia - MTb/RS 13.739

Vice-Presidente Secretaria: Miguel Napoleão Teixeira Vice-Presidente Jurídico: Juliano Soares da Silva Vice-Presidente Social: Maria Rita Beck Moura Vice-Presidente Divulgação: Fabiana Pereira

Projeto Gráfico: PACTAcom Tiragem: 2.600 exemplares Distribuição gratuita e dirigida aos associados


3

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

VOCÊ CONHECE? foto: Carlos Sanchotene

Agostinho Coelho

DICAS DAS RAINHAS Temos que aproveitar a vida e é o que eu faço. Eu não fico olhando para o teto!

Ele é aposentado da Viação Férrea, mas já ganhou alguns “extras”, trabalhando no ATC como ecônomo e como garçom, há muito tempo, quando o Clube estava se instalando na Avenida Dois de Novembro. O santa-mariense, que tem três filhos e oito netos, acompanhou o desenvolvimento da cidade e tem orgulho em dizer que conhece bem a história da sua terra natal. A rotina ativa de Seu Agostinho, como é conhecido, só iniciou depois que teve problemas de saúde. Mas hoje, ele reconhece que se não tivesse tomado uma atitude de vida saudável, talvez não estivesse nesse mundo.

ENTREVISTA Quais são as suas principais atividades no Clube? É lazer em primeiro lugar. Eu sempre participo das festividades do Carnaval, do DTG e frequento assiduamente a Academia. Quando fizeram essa academia (atual sede) eu comecei a me exercitar, pois o médico recomendou porque eu estava com 110 quilos. Depois de um tempo fazendo musculação, intercalada com caminhadas na pista do Centro Desportivo Municipal, eu passei a pesar 70 quilos. Agora eu mantenho esse peso fazendo exercícios físicos e me divertindo também.

Eu não fico olhando para o teto! Aonde tem uma festinha eu estou. Reconheço que às vezes eu até abuso. Vou nos jantares do DTG, do Departamento de Tênis, da Academia. No carnaval, já fui eleito o melhor folião, em 2003.

Qual é o benefício para a sua vida, tendo atividades físicas regulares? Se não fosse essa academia, esse exercício diário que eu pratico, eu não estaria mais pertencendo a esta terra. O conselho que eu dou para o pessoal é que façam exercícios físicos, se alimentem bem e tenham momentos de lazer. O importante é não se preocupar com as coisas ruins que acontecem na nossa vida. Quando os problemas aparecem, a gente deve pensar que eles irão passar. Temos que aproveitar a vida e é o que eu faço.

Que exemplo que o senhor dá para as pessoas? O exemplo de cuidar da saúde e da alimentação, além de ter bastante amigos. Dar valor para os momentos de lazer. Hoje em dia a gurizada não sabe aproveitar a diversão que é a vida.

E a sua saúde mental? O que o senhor faz para manter o bem-estar psicológico? Eu prezo muito as amizades e não costumo me preocupar com os problemas. Eu brinco com todo mundo também, procuro me dar bem com as pessoas.

Existe alguma coisa que o senhor ainda não tenha feito na vida e queira fazer? Eu agradeço muito a Deus por estar vivo e com saúde. Esse é o meu maior desejo.

Giulia Gabriela Pereira Mulinari 1º Prenda Juvenil DTG/ATC A afinidade com o meio tradicionalista fez Giulia Gabriela Pereira Mulinari ingressar na Invernada Mirim, assim que seus pais, Rosalva e Solon Mulinari se associaram no Clube, há seis anos. Hoje, aos 13 anos, ela é representante do DTG/ATC como a 1ª Prenda Juvenil e tem muitos objetivos a serem alcançados neste posto. A estudante da 7ª série do Colégio Franciscano Sant' Anna, que gosta de cantar e ouvir música como passatempo, diz que sente orgulho de carregar a sua faixa e que o ambiente da cultura gaúcha só acrescenta coisas boas na sua vida.

Como surgiu o convite para ser prenda do DTG/ATC? Quando me associei no ATC já dançava no grupo de danças gaúchas da minha escola. Como no Clube tinha a Invernada Mirim, resolvi participar, pois tenho muito amor às tradições do meu Estado. Logo fui convidada para ser a 2ª Prenda Mirim do DTG/ATC que me deu muita honra de representá-lo. E no ano seguinte, fui empossada como 1ª Prenda Mirim. No outro ano, 2ª Prenda Juvenil. Atualmente sou a 1ª Prenda Juvenil, com muito orgulho. Qual foi a sua preparação para representar a entidade tradicionalista? Aprendi muitas coisas, como por exemplo, ter a postura de uma prenda, a qual envolve bom comportamento, respeito e solidariedade. O que eu mais gosto de fazer que é estar pilchada, dançar um belo chamamé e cantar. Você está se aperfeiçoando para representar o DTG/ATC em um concurso regional? Quais são os seus planos para o futuro no tradicionalismo? Sim. Estou estudando e fazendo os projetos que

são requisitos para o concurso. E sempre buscando um aprendizado sobre nossos costumes e nossas tradições. Também ensino o que sei e aprendi para a comunidade escolar, através de projetos. Está nos meus planos ser a 1ª Prenda Juvenil da 13ª Região Tradicionalista (RT) e depois 1ª Prenda Juvenil do Estado. Estou me esforçando para estas conquistas. O que você está aprendendo com essa experiência? Estou aprendendo como é importante participar de Centros ou Departamentos de Tradições Gaúchas. A valorizar a nossa cultura. Eu me sinto muito bem neste ambiente tão saudável e que só acrescenta coisas boas na minha personalidade e no meu caráter. que significa para você cultuar as tradições gaúchas? É vivenciar estas tradições, como dançar, vestir a pilcha, tomar um bom chimarrão com os amigos. E mostrar a todos como o povo gaúcho é hospitaleiro. Procuro sempre dividir com as pessoas que me rodeiam esses conhecimentos.


AVENIDA TÊNIS CLUBE

SOCIAL Dia da Criança Uma data comemorada à altura O dia dos pequenos foi antecipado no ATC. Na tarde de domingo, 4 de outubro, cerca de 200 crianças desfrutaram do espaço montado especialmente para elas. O playground teve direito a cama elástica, piscina de bolinhas, tobogã, oficina de mini-tênis, além de muitas guloseimas para comer. O público apreciou apresentações dos alunos do Baby-Judô, das meninas do Axé, da Rainha do Carnaval Infantil, Giullia Almeida Ercolani, dos grupos de street dance da Companhia de Dança Infanto-Juvenil ATC e do Instituto Olavo Bilac. Além

disso, teve a encenação da peça teatral “Os desafios de Zigo e Zago”, da UNIART. Todas as atrações despertaram a atenção dos pais e filhos que foram ao Clube passar uma tarde agradável e divertida. Para completar a alegria da criançada, no final, muitos brindes foram sorteados.

Muitos brindes foram sorteados à criançada

As meninas do Axé do ATC encantaram o público

Rainha de Festas Infantil, Gabriela Almeida Becker, se divertiu no tobogã inflável

Companhia de Dança Infanto-Juvenil ATC esbanjou charme no street dance


5

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

SOCIAL Novos representantes do DTG/ATC são empossados O DTG/ATC comemorou o sétimo aniversário no dia 20 de agosto. Nessa data também foram empossadas as novas prendas e o Piazito Farroupilha que representarão o Departamento na gestão 2009/2010. O jantar preparado para a ocasião reuniu cerca de 150 pessoas que foram recepcionadas pela Patronagem no Salão de Festas. O clima tradicionalista contagiou os presentes e os novos membros. São eles: 1º Prenda Juvenil

Giulia Gabriela Pereira Mulinari

1ª Prenda Mirim

Rafaela Anversa Schraeiner

2ª Prenda Mirim

Vitória Bopp Zini

3ª Prenda Mirim

Katiane da Silva Neves

1ª Prenda Pré-Mirim

Bárbara Stieler Bohrer

Prendinha Dente de Leite

Isabelli Lencina Lopes

Piazito Farroupilha

Luís Sérgio Vasques Miotti Filho

Departamento Jovem

Sophia Sonza Diefembach

16 SF

Luiza Goerl (Academia Tomás Warth, Gravataí) X Bruna Brilmann (GNU)

Grupo infantil do Instituto Olavo Bilac apresentou a coreografia de dança de rua que lhe rendeu o bicampeonato no Santa Maria em Dança

Os desafios de Zigo e Zago foi uma das atrações culturais da tarde

Escolinha de Judô demonstrou alguns aprendizados no tatame

Origem do DTG/ATC A data oficial de fundação do DTG/ATC é 17 de agosto de 2002, marcada pelo Baile da Noite Gaúcha. O departamento concretizou-se graças a um grupo de sócios que juntamente à Diretoria do Clube, participaram do Curso de Dança de Fandango. A partir desse dia, os ateceanos que se identificam com o tradicionalismo gaúcho começaram a desenvolver várias atividades que valorizam os costumes e a cultura sul-rio-grandense.

Parque de diversões montado especialmente para a comemoração teve a presença de cerca de 200 crianças

Lema: "No coração do Rio Grande, pulsa amor e emoção pela nossa tradição".


AVENIDA TÊNIS CLUBE

SOCIAL Semana Farroupilha está pujante no ATC União entre os sócios é a marca do reconhecimento

O DTG/ATC realizou, de 13 a 20 de setembro, o acontecimento qualificado pelo presidente do Conselho Executivo, Leomyr Girondi, como a atividade modelo de congregação para os demais departamentos do Clube. A magnitude alcançada pela Semana Farroupilha, nesses seis anos de atuação, foi gradual. “É uma atividade que se supera a cada ano e está pujante no Clube”, avalia Leomyr Girondi. De acordo com Isolde Theisen Fischer, patroa do DTG/ATC, toda a equipe está de parabéns, patronagem, prendas e peões, associados e funcionários. “Cada um desem-

Uma programação repleta de orgulho pela tradição fotos: Adriana Garcia

O mês de setembro foi cheio de emoções para os ateceanos que participaram da Semana Farroupilha. As comemorações foram intensas e honraram o lema do DTG/ATC “No coração do Rio Grande pulsa amor e emoção pela nossa tradição”. O resultado do empenho de toda a equipe do ATC rendeu prêmios à entidade tradicionalista. penhou bem a sua função, com entrosamento e união. Esse foi o grande diferencial que resultou em sucesso”, comemora a patroa. Ela ressalta que durante todo o ano espera-se a presença dos associados nos eventos do DTG, pois os valores éticos e morais, com a participação efetiva da família, são primordiais para uma sociedade futura. A Semana Farroupilha, além de relembrar os feitos históricos dos nossos heróis, da musicalidade e culinária gaúcha, também faz reviver em cada cidadão, a consciência dos valores e o senso de patriotismo.

Reconhecimento Um trabalho feito com seriedade e dedicação merece ser gratificado. Por esse motivo que o DTG/ATC ganhou destaque entre as 42 entidades tradicionalistas que desfilaram na Avenida Nossa Senhora Medianeira. Os ateceanos receberam da 13ª Região Tradicionalista (RT) o Troféu Sentinela da Cultura, consagrando-se campeão do Desfile de 20 de setembro. Além dessa premiação, foi destinado ao Departamento o vice-campeonato de Melhor Quadro Cultural, como também recebeu uma Menção Honrosa da Câmara Municipal de Vereadores de Santa Maria. A Patroa do DTG/ATC o objetivo principal desta gestão é a integração de todos os departamentos, como uma forma de complementar as atividades do Clube. “O resultado do desfile concretizou a meta de união, pois conseguimos a participação de um grande número de associados em todas as atividades”. Segundo Isolde, o grande orgulho do desfile foi ter na Avenida mais de uma centena de ateceanos, incluindo muitas crianças.

Bolicho de Campanha foi uma das novidades de 2009

A marca da Semana Farroupilha no ATC foi o envolvimento de um grande número de sócios, de diversos departamentos e de integrantes da diretoria. Nos oito dias de programação, o local de destaque foi o Galpão de Estância, montado especialmente para receber os associados e tradicionalistas do Clube. Nesse espaço, foram realizados jantares com cardápios típicos campeiros, preparados pela equipe do cozinheiro Almeida, apresentações artísticas, tertúlias livres, torneios de truco e canastra e fandangos. Uma das novi-

dades desse ano foi o Bolicho de Campanha, idealizado para vender quitutes e produtos caseiros. Segundo o presidente do Conselho Deliberativo, Luís Sérgio Vasques Miotti, esse evento se consagrou como um grande acontecimento do Clube. Para ele, o sucesso decorre do empenho de todos os envolvidos, de ideias recebidas e acatadas, além de responsabilidades bem definidas e distribuídas. “É uma festa que veio para se eternizar no Clube”, avalia Luís Sérgio Vasques Miotti.

Os artistas do DTG/ATC Os 60 dias que o artista plástico Délcio Saldanha da Silva levou para criar as esculturas dos carros temáticos valeram a pena. Pois o trabalho original e ecologicamente correto foi agraciado por todos e contribuiu para que o DTG/ATC recebesse a aprovação e a premiação máxima pela 13ª Região Tradicionalista. A cuia e a bomba de chimarrão que mantiveram acesa a Chama Crioula foram criadas pelo artista plástico Juan Amoretti. As obras de arte chamaram a atenção pela riqueza em detalhes. Os trabalhos dos artífices ateceanos foram fundamentais para a consagração da Semana Farroupilha.


7

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

13/09

14/09

No primeiro dia de atividades, 13 de setembro, à tarde, houve a abertura oficial da Semana Farroupilha, com a chegada da Chama Crioula. Nessa data, aconteceu a Mateada e também o Torneio de Truco, que teve como vencedores o trio Renata Miotti, Bruno Souza e Rodrigo Jardin. No Torneio de Canastra as vencedoras foram Claudia Giovanna Barszcz Vasques Miotti e Sílvia Bortoluzzi.

15/09

O Jantar da Integração aconteceu no dia 15 de setembro, teve a apresentação do Coral Gaúcho do CTG Sentinela da Querência e a presença especial dos integrantes do Rotary Clube Nordeste, convidados pelo integrante local da entidade, Walmor Rios. O público total foi de aproximadamente 200 pessoas.

16/09 O Festival da Linguiça & Baile de Campanha foi a atração do dia 16 de setembro. O destaque ficou por conta do cardápio genuinamente campeiro, com variedades de linguiças, além de fortaia e massas. Os mais de 140 participantes depois de se deliciarem com o jantar, fandanguearam ao som de Paulinho e Grupo Festança

Na noite do dia 14 de setembro foi realizado o Jantar Fandango com a atração musical de Alex Casanova e Airton. Cerca de 150 pessoas estiveram presentes.

17/09

Durante a comemoração, teve apresentação de coral e de boleadores de fogo

A noite do dia 17 de setembro teve novidade: a parceria entre as Lojas Maçônicas de Santa Maria e o Clube ATC na realização do Jantar Comemorativo à Epopeia Farroupilha. A solenidade é realizada pela Maçonaria Unida há quatro anos e busca resgatar e valorizar a história do povo gaúcho. Nesse ano, ela aconteceu pela primeira vez no Clube ATC e reuniu cerca de 500 pessoas, entre sócios e convidados, no Salão Nobre. De acordo com Edemar Fischer, integrante do DTG/ATC e conselheiro do Movimento Tradicionalista Gaúcho

Após, foi servido o jantar com cardápio campeiro e o fandango ficou por conta do Grupo Mate Novo.

(MTG), esse acontecimento tem como objetivo ressaltar os valores históricos e a importância do Tratado de Paz entre os republicanos e imperiais. “A importante presença da maçonaria na nossa Semana Farroupilha fortalece a parceria com o Clube, que já existe através do consagrado Baile Preto & Branco”, destaca Edemar Fischer, que junto à esposa, a Patroa do DTG, Isolde, foram os motivadores desse grande evento. A celebração teve a presença de autoridades do Executivo e do Legislativo Municipal, do Judiciário, além de milita-

res, civis e tradicionalistas representantes da sociedade santa-mariense. Junto a eles, compuseram a mesa os dois grãomestres das Grandes Lojas Maçônicas e do Grande Oriente do Brasil, Gilberto Mussi e (? Edemar vai ver o nome). Além deles, participaram da cerimônia o coordenador da 13ª RT, Erival Bertolini, o conselheiro da Junta Fiscal do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), Olmiro Pereira Bastos, entre tantos outros ilustres convidados, incluindo representantes dos Conselhos Executivo e Deliberativo do ATC e integrantes do DTG/ATC.

fotos: Luciele Kegler

SOCIAL


AVENIDA TÊNIS CLUBE

SOCIAL Semana Farroupilha 2009

No jantar do dia 18 de setembro cerca de 120 pessoas estiveram no Galpão de Estância do DTG/ATC, inclusive tradicionalistas de outras entidades. Como foi o caso do grupo “Os Carijós” que surgiu nas comemorações farroupilhas de 2008, no próprio ATC. O trio formado pelo peão farroupilha da 13º RT, Guilherme Monte, pelo diretor do Departamento Jovem da 13º RT, Bernardo Varone e pelo gaiteiro do Piquete Solidário Terra Santa, Gabriel Gonçalves Pereira, se apresentou na tertúlia livre. Entre as músicas tocadas e cantadas, teve uma paródia, criada especialmente para a ocasião, contando o episódio de surgimento do grupo.

fotos: Adriana Garcia

18/09

fotos: Adriana Garcia

19/09

O dia 19 e setembro ficou marcado pelo almoço especial: “Porco no rolete”. Os integrantes do DTG/ATC se revezavam entre degustar o tão esperado prato e organizar o desfile. De acordo com Claudia Giovanna Barszcz Vasques Miotti, esposa do Presidente do Conselho Deliberativo é preciso “abraçar a causa” e todos estavam dispostos a desempenhar um bom trabalho para representar o Clube na Avenida. Já Irene Düvelius Barros, agregada das falas, conta que participar desse momento é uma forma de reviver as experiências com o tradicionalismo que teve na infância e juventude. Para ela, esse sentimento se fortalece pelo motivo do DTG ter sido fundado no dia de seu aniversário.

Extinção da Chama Crioula encerrou as festividades


9

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

SOCIAL

20/09 fotos: Luciele Kegler

O GRANDE DIA

O desfile do DTG/ATC na Avenida Nossa Senhora Medianeira, no 20 de setembro, foi o somatório do engajamento de todos nesses dias de comemorações. Para a patroa Isolde Theisen Fischer, o momento ficará guardado na memória de muitos. Ela explica que foi tudo pensado com antecedência. “Fiz um estudo aprofundado sobre o tema do desfile, que tratava das façanhas dos farroupilhas, sempre pensando em preparar um proje-

to criativo, mas com custo baixo”, conta. Para que isso fosse viável, nos cinco carros temáticos, as esculturas foram confeccionadas com material reciclável, como jornais, papelão, arames e restos de madeiras. Quando o DTG/ATC entrou na Avenida já era meiodia, mas isso não foi empecilho para a demonstração de alegria e orgulho dos integrantes, que representaram a trajetória histórica e heroica do povo gaúcho. A grande

retribuição foram os aplausos do público. Depois do ápice na Avenida, foi a vez de reunir toda a família ateceana no Clube e celebrar com um saboroso churrasco. As comemorações foram encerradas com a extinção da Chama Crioula, as palavras de agradecimento da patronagem e dos representantes dos conselhos Executivo e Deliberativo do ATC.


AVENIDA TÊNIS CLUBE

ESPORTE

A Copa ATC de Tênis aconteceu de 5 a 7 de setembro e reuniu 170 tenistas de todo o Rio Grande do Sul, que concorreram em 16 categorias femininas e masculinas, de faixas etárias dos 10 aos 55 anos. A competição validou pontos para o Grupo 2 do Ranking da Federação Gaúcha de Tênis (FGT) e para o Grupo 4 do Ranking Nacional da Confederação Brasileira de Tênis (CBT). O ATC, anfitrião da tradicional disputa, abriu as portas ao público em geral e,

fotos: Rodrigo Simões

Equipes da casa se destacam na Copa ATC no torneio, foi representado por cerca de 60 tenistas. Os ateceanos fizeram bonito na quadra: foram vencedores em oito e finalistas em nove categorias (veja tabela). Além de marcarem pontos no ranking, os campeões e vices-campeões receberam troféus e algumas categorias foram premiadas em dinheiro, com um total de R$ 5 mil. A Copa ATC teve o apoio da Empresa Securisystem.

CATEGORIA

CAMPEÃO

FINALISTA

12M

Eduardo Ribeiro (ATC)

Lucas Severo (GNU)

14M

Bernardo Pegas (BTC)

Édes Cavalheiro (ATC)

16M

Gabriel Friedrich (ATC)

Ramon Simonetti (PF)

12F

Milena Bortoluzzi (ATC)

Marina Attalah (ATC)

16F

Carmene Goulart (ATC)

Ana Paula Quadros (ATC)

35 A

Miguel Kelbert (AVA)

Fulvio Fagundes (AVA)

35 B

Gilson Bortoluzzi (ATC)

Luciano Bopp (GNU)

35 C

Glaucio Zimmermann (CA)

Dilcir Cortina (ATC)

45 B

Egon Schnistler (PAN)

Antonio Mortari (ATC)

50 A

Wilson Bertei (ALJ)

Oswaldo Souza (ATC)

LIVRE A

Fabrício Neis (IGT)

Yuri Radomsky (DTZ)

LIVRE B

Renato Brum (ATC)

Anderson Haygert (SB)

LIVRE C

Gustavo Santos (SRI)

Rafael Ferrazza (ATC)

LIVRE FEMININO

Carmene Goulart (ATC)

Raissa Dias (ATC)

45 A

Pedro Felice (SOG)

Wilson Bertei (ALJ)

55 A

José Pithan (ATC)

Juan Amoretti (ATC)

Primeiro Torneio de Duplas agrada aos competidores A novidade da Copa ATC desse ano foi a realização paralela do Torneio de Duplas. De acordo com o coordenador da Secretaria de Esportes, João Paulo Pissinin, essa inovação abrilhantou ainda mais o evento e foi aprovado por todos os tenistas. Os jogos de duplas foram realizados no dia 6 de setembro, com a participação de 62 atletas nas categorias Livre A, Livre B, Veteranos e Juvenil.

Categoria Livre A R. Jardim / A. Luz (ATC)

Campeão

R. Brum / M. Portella (ATC)

Vice

Categoria Livre B G. Zimmermann / M. Baptista (Cruz Alta)

Campeão

F. Wacker / E. Munhoz (Rosário)

Vice

Categoria Veteranos A. Mortari / E. Silva (ATC)

Campeão

A. Sachs / Beto (Dores)

Vice

Categoria Juvenil B. Pegas / L. Leite (Bagé)

Campeão

E. Ribeiro / L. Della Méa (ATC)

Vice

apoio


11

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

ESPORTE Empolgação e novidade na Maratona Fitness

fotos: Adriana Garcia

Extreme 55, Jump e Axé foram as modalidades praticadas na Maratona Fitness, ocorrida na tarde do dia 12 de setembro, no Salão de Festas. Essa atividade já é tradicional no ATC, pois acontece de duas a três vezes ao ano, reunindo um grande número de sócios frequentadores da Academia e convidados para praticarem sequências intensas de exercícios. Nessa edição, os cerca de 90 participantes experimentaram a novidade, antes mesmo dela ter sido inaugurada: o Extreme 55. A tarde foi embalada pela animação dos participantes que precisaram de muita energia para acompanhar os professores.

EXTREME 55

JUMP

AXÉ Campeões marcaram pontos no ranking estadual e nacional

Prática de diferentes modalidades é a característica da Maratona


AVENIDA TÊNIS CLUBE

ESPORTE ATC na Estrada caminhada de integração e contemplação

Cerca de 65 pessoas participaram do exercício-passeio

O domingo de sol do dia 30 de agosto foi um belo cenário para a caminhada na estrada do Perau, realizada pela Academia do ATC. Cerca de 65 pessoas participaram do exercício-passeio que teve o objetivo de integrar os frequentadores do Clube. Pela manhã, o grupo chegou de ônibus fretado ao início da estrada. Eles percorreram 8 km, em níveis moderado a difícil, até a Sociedade Concórdia Caça e Pesca (SOCEPE), onde almoçaram. Durante o percurso, o cansaço foi amenizado pelas belas paisagens, pela parada para o lanche de frutas e para as fotografias. Preocupados com o bem-estar dos caminhantes, os organizadores do evento providenciaram uma ambulância e carros

de apoio, para dar suporte durante a trilha. A coordenadora da Academia, Mara Hoffmann Balk, explica que por se tratar de um público heterogêneo, composto de pessoas ativas fisicamente e outras sedentárias, era preciso ter essas precauções. “Mas correu tudo bem e não utilizamos os serviços de resgate”, conta. Ainda de acordo com Mara, a Caminhada foi uma iniciativa que deu certo desde a primeira atividade realizada no Distrito de São Valentim. “Se tivesse mais lugares teríamos mais participantes. A perspectiva é continuar fazendo esse tipo de atividade”, avalia a coordenadora.

Caminhantes enfrentaram 8 km de estrada em níveis moderado a difícil


13

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

ESPORTE

Para recuperar a energia, frutas foram distribuídas

Nos mirantes, todos paravam para apreciar a paisagem e registrar o momento

Para amenizar o cansaço, a natureza recepcionou os visitantes

Alongamento e conversa no final da caminhada


AVENIDA TÊNIS CLUBE

ESPORTE Street Dance no ATC Você gosta de dançar? Quer fazer parte de uma companhia artística e se apresentar em festivais e competições? O ATC oferece ao associado aulas de Street Dance em nível iniciante e profissional. A Companhia (Cia) Infanto-Juvenil ATC tem 12 integrantes, ensaia há apenas seis meses, mas os resultados da dedicação já começam a aparecer. Ela conquistou o 3º lugar na categoria Dança de Rua Infanto-Juvenil, no último Santa Maria em Dança, ocorrido em setembro. Em outubro, a equipe foi a campeã, na categoria Estilo Livre Adulto, do Cruz Alta em Dança 2009. É nesse ritmo que o grupo fará mais duas apresentações até o final deste ano.

Como iniciar Para começar a praticar Street Dance, em nível iniciante, basta ir até o local de aulas no dia e horário (ver quadro). De acordo com o professor e coreógrafo das aulas no ATC, Fernando Serpa, para ingressar na Cia de Dança profissional é preciso ensaiar durante três meses. No entanto, a prática pode servir como uma forma de exercício físico para manter o corpo e a mente saudável. O professor conta que será aberta uma turma infantil com aulas aos sábados e quem tiver interesse já pode entrar em contato com a Secretaria do Clube.

Aulas na Sala dos Espelhos INICIANTE segunda e sexta-feira 19h e 15min às 20h e 30min PROFISSIONAL quarta-feira 18h às 19h sábado a partir das 15h Cia do ATC conquistou o 3º lugar na categoria Dança de Rua Infanto-Juvenil, no 15º Santa Maria em Dança

Mais informações na Secretaria do ATC, pelo telefone (55) 3221.6433


ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

15

ESPORTE

Por que dançar? Os benefícios da dança vão além do bem-estar físico. Quem pratica Street Dance regularmente aumenta a disposição física, a concentração, melhora o humor, a percepção corporal - em relação ao seu próprio corpo e ao do outro. Também há grandes possibilidades de diminuir a timidez e aprimorar a coordenação motora. Isso tudo em decorrência do convívio social e da auto-estima elevada pelo entusiasmo que a musicalidade e o movimento corporal proporcionam. De acordo com o professor Fernando Serpa, que tem mais 10 anos de experiência na modalidade e atua principalmente com crianças e jovens, as mudanças são visíveis e comentadas por pais e professores: “Além de controlar o peso, os alunos melhoram a postura física e o rendimento escolar”, afirma.

Saiba mais sobre Street Dance A tradução correta é “Danças de Rua”. A modalidade se consolidou nos Estados Unidos, nos anos 60, e no Brasil, anos depois, incorporou novos elementos, formando uma mistura de ritmos como popping, hip hop dance, house dance, entre outros. As aulas de Street Dance no ATC, comandada por Fernando Serpa, insere também estilos como funk de raiz. Uma característica forte dessa dança é a inovação e a liberdade de criação, pois ela aceita a mescla de estilos musicais, com batidas marcantes e movimentos vigorosos, executados pelos braços e pernas, em acrobacias e saltos.


AVENIDA TÊNIS CLUBE

ESPORTE Judô ATC Faça parte desta equipe O ATC começou a ensinar o Judô em 1991. Desde essa data, a equipe cresceu e se destacou no cenário esportivo, ocupando os primeiros lugares do Ranking Estadual de Clubes, juntamente às potências do Judô do Brasil. Além disso, os atletas do Clube estão em praticamente em todas as seleções gaúchas. Hoje os judocas do ATC contam com uma nova estrutura para a prática da modalidade. Essa foi uma forma de reconhecimento do Clube, proporcionando maior espaço e qualidade do local de treinamento. O professor Márcio Fagundes Goethel, faixa preta 2º DAN de Judô, explica que o tempo de treino para um judoca estar preparado para competir é muito individual. No entanto, o Judô também pode ser praticado como atividade física para a saúde, como um hobby, para socialização e para finalidades disciplinadoras. O ateceano que sente afinidade com o esporte e quiser fazer parte dessa grande equipe que hoje possui cerca de 75 integrantes, pode procurar a turma mais adequada e começar a praticar. Para Márcio Fagundes Goethel, os frutos de toda a dedicação e empenho são colhidos a cada dia. “Nos orgulha muito defender as cores do ATC e os resultados que estamos obtendo. Mas temos consciência que tudo isso Responsabilidade social é fruto de muito esforço, por parte do grupo de trabalho e O ATC mantém o Projeto Judoca Cidatambém do apoio incondicional dão, que iniciou em 2005, atende cerca da Direção do ATC”, declara o de 160 crianças por ano e já forma professor. campeões.


17

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

ESPORTE

Entre tantos, os atletas destaques do Judô do ATC: PEDRO GENRO ALVES

Campeão Estadual; Seleção Gaúcha Júnior; Seleção Gaúcha Sub-23.

HENRIQUIÉLI ELIZANDRA PIRES DOS SANTOS

Integrante do Projeto Judoca Cidadão; Campeã Estadual; Campeã Sul-Brasileira; 3ª colocada no Brasileiro; Seleção Gaúcha Infanto-juvenil.

JULIANE ROCHA

Campeã Estadual; Seleção Gaúcha Pré-juvenil

GABRIEL GENRO ALVES

Vice-campeão Estadual; Seleção Gaúcha Infanto-juvenil

MATEUS BRASIL MELLO

Seleção Gaúcha Pré-juvenil, com vários títulos em nível Estadual; 3º colocado no Nacional Argentino

Além desses, os atletas Juvenis que brilham no tatame em classes superiores, como júnior e sênior: Paulo Ricardo Oliveira Junior

Luis Henrique de Lima dos Santos Filho

Bernardo de Borba Razera

Matheus Almeida Peres

Emanuel Broll da Silva

Pablo Xavier Cezar

Edinaldo da Silva Santos

Matheus Machado Hirtz

Professores Quem pratica judô no ATC tem o privilégio de ser ensinado por profissionais qualificados e experientes. Saiba quem são eles: PROFESSOR MÁRCIO FAGUNDES GOETHEL

INSTRUTOR EVERTON DA ROSA SIMÕES

faixa preta 2º DAN de Judô e faixa preta de Jiu-jitsu. Formado em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Maria, especialista em Treinamento Desportivo e especialista em Fisiologia do Exercício faixa preta 1º DAN de Judô

TURMAS E HORÁRIOS Baby Judô (3 a 7 anos)

Terças e quintas-feiras das 18h às 19h

Escolinha (7 a 14 anos)

Segundas, quartas e sextas-feiras das 18h às 19h

Pré-equipe (7 a 14 anos, competidores)

Segundas às sextas-feiras das 19h às 21h

Equipe e Adulto (mais de 15 anos)

Segundas às sextas-feiras das 19h às 21h

Um exercício disciplinador do corpo e da mente De acordo com o professor Márcio Fagundes Goethel, o Judô é bastante difundido no Brasil. É uma arte marcial que desenvolve com muita eficiência o condicionamento físico como um todo, além de moldar aspectos psicológicos como autoestima, autoconfiança, segurança ao enfrentar dificuldades e desafios. Esses benefícios todos tornam o praticante um indivíduo melhor preparado para o dia-a-dia. “Em crianças vemos

grandes contribuições no equilíbrio físico, na segurança, pois ao aprenderem a cair corretamente, quando acontecem os acidentes típicos desta faixa etária, elas tendem a não se machucar”, explica Márcio. Um aspecto ressaltado pelo professor é sobre a disciplina que a filosofia do Judô passa aos pequenos praticantes. Pois, os ensinamentos servem como suporte à educação familiar e contribuem para a formação de cidadãos e pessoas de bem.


AVENIDA TÊNIS CLUBE

ESPORTE Etapas do Simples de Tênis definem finalistas O nome dos oito principais tenistas de cada categoria que participarão do Master de Tênis do ATC, nos dias 27, 28 e 29 de novembro, foram conhecidos depois do fim das disputas da 3ª e 4ª etapas do Ranking Simples. Desde a primeira etapa, os tenistas somam pontos para chegar à final. Cerca de 270 atletas participaram das duas últimas seletivas, que aconteceram nos dias 14, 15 e 16 de agosto e 2, 3 e 4 de outubro, respectivamente. Confira os vencedores da 3ª e 4ª etapas: RESULTADOS III ETAPA RANKING SIMPLES 2009 Categoria Adulto Campeão

Daniel Kothe

Vice-Campeão

Mauro Sturmer

Lançamento do Extreme 55 A aula inaugural do Extreme 55 ocorreu no dia 18 de setembro. Antes disso, todos os professores da Academia ATC realizaram o curso de capacitação, em Porto Alegre. A nova modalidade é uma combinação de movimentos que, como o nome diz, busca chegar ao extremo da capacidade de treinamento. O uso de steps caracteriza essa aula que tem duração de 55 minutos de exercícios coreografados, estimulados por músicas empolgantes e que trabalham os músculos das pernas, glúteos, membros superiores, abdome, além de alongamento. O resultado é um corpo tonificado e com formas mais definidas. A coordenadora da Academia, Mara Hoffmann Balk, classifica como uma “aula forte” e diz que com esses exercícios é possível explorar todo o potencial físico dos praticantes. Os professores de Extreme 55 são Alexsandro Finamor Garcez, Cristina Dellinghausen, Laura Carpes da Rosa e Luana Annes Tessis.

Categoria Iniciantes Adulto Campeão

Marçal Sulzbach

Vice-Campeão

Fernando Barreiro Categoria 14 anos

Campeão

Milena Bortoluzzi

Vice-Campeão Categoria 12 anos Campeã

Marcos Wendlant

Vice-Campeão

Gilson Bortoluzzi Categoria Senior B

Campeão

Eduardo Ribeiro

Vice-Campeão

Leonardo Della Mea

RESULTADOS IV ETAPA RANKING SIMPLES 2009 Categoria Livre A Campeão

Rodrigo Jardim

Vice-Campeão

André Luz Categoria Livre B

Campeão

Carmene Dotto

Vice-Campeão

Pedro Barcellos Categoria Livre C

Campeão

Leonardo Medeiros

Vice-Campeão

Victor Drago Categoria Senior A

Campeão

Marcos Wendlant

Vice-Campeão

Gilson Bortoluzzi Categoria Senior B

Campeão

Augusto Lampert

Vice-Campeão

Carlos Tonetto Categoria 50 anos

Campeão

Juan Amoretti

Vice-Campeão

Paulo Brum Categoria Adulto

Campeão

Daniel Kothe

Vice-Campeão

Daniel Zambarda Categoria Iniciante Adulto

Campeão

Matheus Savian

Vice-Campeão

Andrey Lamberty Categoria 12 anos

Campeã

Fernando Girondi

Vice-Campeão

Rafael Ferraza

O Extreme 55 explora todo o potencial físico do praticante


19

ANO 2 • 6ª EDIÇÃO • NOVEMBRO 2009

ATC CRESCE Vem aí, o grande investimento ATC terá Centro Poliesportivo Pensando em oferecer melhores serviços e instalações aos associados, a gestão 2009/2011 lançou, em audiência pública, realizada no mês de outubro, uma proposta ousada: o Projeto do Centro Poliesportivo ATC. O intento visa a construção de uma estrutura em que no térreo terá piscina térmica semi-olímpica e infantil, sauna masculina e feminina, além da área de convivência e lancheria. Já no pavimento superior será o espaço do gi-

násio poliesportivo que oferecerá várias modalidades de esportes e recreação. Esse empreendimento atenderá os objetivos de aumentar as alternativas de atividades e proporcionar oportunidades de integração através de eventos. Com esses propósitos, a Diretoria busca valorizar e modernizar o Clube, com um plano que revolucionará o conceito do ATC, em relação à cidade e demais opções sociais, esportivas e de lazer.

CENTRO POLIESPORTIVO

Viabilidade Para concretizar o Projeto do Centro Poliesportivo ATC, foi instituído um Plano de Captação de Recursos que será viabilizado por meio da venda de títulos patrimoniais, da cobrança aos associados de uma contribuição mensal de melhoria, da venda de títulos remidos e de recursos ordinários. Além disso, complementar a essas ações, serão implementados projetos de mídia interna e externa, haverá a colaboração dos conselhos do Clube e será criada uma estrutura própria de vendas. A partir dessa projeção (ver quadro), o objetivo é fazer um investimento originado dos conselhos Executivo, Deliberativo e Fiscal, e de todos os associados do ATC. Para isso, é importante a adesão de todos os envolvidos para a realização desta grande obra. PLANO DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS METAS

VALOR A ARRECADAR

1ª) Venda de 300 novos títulos patrimoniais no prazo de 6 meses

R$ 414.000,00 (em 6 parcelas)

2ª) Contribuição de melhoria, por parte do associado, no valor de R$ 20,00 durante 12 meses

R$ 408.000,00 (cálculo sobre 1.700 sócios ativos)

3ª) Venda de 40 títulos de sócio remido

R$ 608.000,00 (em 16 meses)

4ª) Recursos ordinários Captação total

R$ 180.000,00 (em 12 meses) R$ 1.508.000,00 (em 16 meses)

Foi dada a largada! Construção mobilizará conselhos Executivo, Deliberativo, Fiscal e associados do ATC

Visão de futuro: novas opções do ATC Além do espaço para a prática de diversos esportes (ver página seguinte), as saunas serão revitalizadas e separadas para homens e mulheres: • Maior quantidade de horários para a frequência da sauna; • Instalações mais modernas e econômicas em relação à sauna existente; • Possibilidade de mais horários na sauna feminina, aumentando a frequência atual; • Sauna integrada à piscina térmica, como complemento de atividade; • Melhores condições de higiene e limpeza;


AVENIDA TÊNIS CLUBE

ATC CRESCE

CENTROPOLIESPORTIVO CONFIRA AS ATIVIDADES QUE VOCÊ IRÁ APROVEITAR

O que faz o Avenida Tênis Clube tão diferente é que nele você tem atenção especial. No ATC você não é mais um frequentador, mas verdadeiramente um associado, um parceiro, parte de um grupo - e como tal pode usufruir de todas as regalias que esta posição lhe proporciona. Uma das razões disto ser possível é que nossas estruturas comportam o número exato de pessoas que são capazes de atender. Isso evita filas e outros incômodos que podem fazer do seu verão dos sonhos um pesadelo.

PISCINA INFANTIL PISCINA TÉRMICA SEMI-OLÍMPICA

GINÁSIO POLIESPORTIVO

• Futsal infantil e escolinhas

• Natação de Competição - 3º Esporte Olímpico

• Voleibol infantil e escolinhas

• Hidro-ginástica

• Basquetebol

• Aulas de Natação para adultos e crianças

• Handebol

• Natação Recreativa

• Esportes de ginásio de recreação.

• Natação Fisioterápica

• Locação para eventos (formaturas, shows...)

• Locação de horários para público externo

SAUNA MASCULINA SAUNA FEMININA ÁREA DE CONVIVÊNCIA

ESTRUTURA PLANEJADA. ASSOCIADO RESPEITADO.

Entretanto, o ATC quer que mais pessoas possam fazer parte desta família. Por isso, nossa próxima meta é a construção de um Centro Poliesportivo que nos dará a capacidade de atender ainda mais sócios. Se você quer investir em qualidade de vida, segurança, conforto e respeito pelo seu bem estar e de sua família, o ATC está lhe oferecendo esta oportunidade.

SÓCIO PROPRIETÁRIO

SÓCIO REMIDO

Título Patrimonial

R$ 12.650,00 em até 12X

R$ 1.380,00 em até 12X Entre em contato conosco e saiba mais sobre este investimento em sua vida.

Para quem vive de bem com a vida!

Sócio proprietário com dependente: Mensalidade: R$ 115,00 Sócio proprietário sem dependente: Mensalidade: R$ 86,00

ENTRE EM CONTATO AGORA MESMO E GARANTA SEU ESPAÇO.

* Taxa anual de contribuição no valor de 01 mensalidade

AS ATIVIDADES DO CLUBE POSSUEM CUSTO ZERO E E! IDAD O! T I ! VE UN CI RO ORT R SÓ OS P A OP NA AD E TOR T D I AN E IM L GR RA S PA OS

L

U TÍT

Revista ATC  

Outubro 2009

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you