Page 1

Ano 1 | Edição nº 1 | Março 2013 | Publicação Mensal Preço 3E Este exemplar é gratuito

Motortec 2013

As novidades do maior salão iberico do pós-venda automóvel

Fabricante Autoeuropa - sucesso em português

Pesados

Entrevista

Frotas

Equipamento

Motorbus Excelência aos 18 anos

Sika no topo da pirâmide

Peugeot Partner lidera vendas

LaFerrari com Delphi


2

Revista Automotive

Marรงo 2013


Março 2013

Revista Automotive

Editorial

A

Revista Automotive é uma publicação impressa de carácter nacional com uma periodicidade mensal, que visa oferecer informação do sector automóvel nacional e internacional. Respeita os direitos e deveres constitucionais da Liberdade de Expressão e de Informação. Compromete-se a respeitar o sigilo das suas fontes de informação, quando tal for solicitado; assim como os princípios deontológicos e éticos indispensáveis a uma conduta assertiva e honesta. A Revista Automotive distingue, criteriosamente, as notícias do conteúdo opinativo, reservando-se o direito de ordenar, interpretar e relacionar os factos e acontecimentos. Os destinatários da revista são todas as pessoas envolvidas e interessadas no sector automotivo: responsáveis das principais empresas, organismos da administração pública, associações sectoriais e o público em geral que queira saber mais. A Revista Automotive pretende promover o diálogo positivo e profícuo, onde todos possam acrescentar valor à sua iniciativa e produtividade. Pretende ser um auxiliar no dia-a-dia da vida dos profissionais assim como das empresas e serviços.

3

Índice Capa - Motortec Descubra em detalhe todas as novidades do maior salão ibérico do pós-venda automóvel

Fabricante - Autoeuropa

LaFerrari com Delphi

Um veículo deve ser visto como um todo, em que uma parte só poderá ter um desempenho excelente se as demais estiverem aptas para o fazerem. É um conjunto completo, que não pode mais ser “cortado às postas” ou arranjado aos bocadinhos. Conhecer cada parte é relevante, mas a compreensão do conjunto permite maior rentabilidade geral e explorar ao máximo todas as potencialidades da máquina.

Frotas - Peugeot Partner

Proprietário/editor: Prosa Serena Unipessoal, Lda.; Nif: 509890326 Diretor da revista: Eduardo Gaspar egaspar@automotivept.com Nº registo na ERC: 126335 Depóstio Legal: 357202/13 Sede Redação: Pq. Indust. Alto da Bela Vista, Sulim Park, Pav. 50. 2735340 Cacém; Telf: +351 21 917 10 88. Tiragem: 5000 exemplares Preço: 3C

Periodicidade: Mensal Gráfica: Mx3 Artes Gráficas; Parque Industrial Alto da Bela Vista, Sulim Park, Pav. 50. 2735-340 Cacém

22

A Delphi desenvolveu uma das partes mais importantes do modelo LaFerrari

Pós-Venda - Filinto Mota

Ficha técnica

20

O diretor geral da maior empresa exportadora em Portugal apresenta as razões do sucesso e também as novidades para os próximos anos

O público há muito pedia este tipo de resposta, que conjugasse grandes temas com pequenas e rápidas soluções, que aliasse à novidade a sua aplicação prática, vantagens e desvantagens de forma simples clara, mas bem fundamentada.

Acreditamos que a melhor forma de zelar pelo património é cuidar dele e para bem cuidar é importante saber, assim pretendemos através do tratamento privilegiado da imagem, do texto, da entrevista e da reportagem, dar-lhe as ferramentas indispensáveis para isso. Acompanhe-nos nesta aventura bem equipado e cercado de parceiros bem informados e motivados.

04

29

Uma nova loja de peças no centro do Porto é exemplo da dinâmica deste grupo

33

Peugeot faz “o pleno” nos comerciais ligeiros, com o modelo Partner

Pesados - Motorbus

41

Investigámos se a distinção PME Excelêcia foi apenas uma prenda dos 18 anos da empresa

Pneus - Bompiso

46

A força de um independente na área dos pneus e não só

Paginação: Daniel Sobral Crédito das Fotos: Pablo Mesegar (Motortec Automechanika Ibérica); Fotos divulgação. E-mail: press@automotivept.com Publicidade e outros assuntos comerciais: comercial@automotivept.com

© Copyright: nos termos legais em vigor é totalmente interdita a utilização ou a reprodução desta publicação, no seu todo ou em parte, sem a autorização prévia e por escrito do proprietário e editor da Revista Automotive.

Entrevista - Sika Entrevistámos Pedro Lopes, Diretor Unidade de Negócio Indústria da Sika Portugal

51


4

Revista Automotive

Março 2013

Motortec em contínuo crescimento

Visitámos a Motortec Automechanika Ibérica e apresentamos em destaque as novidades da feira. Acompanhe-nos nesta viagem pelo mundo automotivo, onde a presença de expositores é cada vez maior e a de visitantes também. Iniciamos este percurso com o seu responsável máximo. De Pessoas, para Pessoas, no mundo automóvel

R

aúl Calleja – Managing Director da Motortec Automechnika Ibérica explica-nos o sucesso da feira.

Este é a segunda edição da parceria entre a IFEMA e a Messe Frankfurt para fazer a Motortec Automechanika Ibérica, onde este ano contamos com quase 500 expositores do pós-venda automóvel, o que representa um incremento de 10% face à edição anterior. Comprovadamente a feira é cada vez mais uma ferramenta comercial para que empresas em pouco tempo possam reunir-se com muitos profissionais e muitos potenciais clientes de todo o mundo.

A afluência nem sempre é sinónimo de bons negócios, por isso gostaria de destacar os esforços de todos os envolvidos na organização da feira que trabalharam para garantir visitantes qualificados, com potencial de crescimento e investimento. Pessoas com vontade de fazer mais e melhor, empresas que pretendem dinamizar e expandir as suas atividades, profissionais que pretendem aprimorar

a sua performance, são os ingredientes que fazem esta iniciativa fervilhar e dar bons resultados. Cada expositor tem a possibilidade de convidar um número específico e exclusivo de clientes com alojamento e viagem oferecidas por nós para que venham participar na feira, e nestes moldes vieram este ano mais de 1200 convidados de 52 países diferentes. Internacionalizar, de modo geral leva-nos a pensar em ir para fora, mas uma das vantagens que o salão de Madrid oferece, é a oportunidade de fazer negócios internacionais dentro da Península Ibérica porque temos uma abrangência e um mercado estratégico como: o Norte de África, o arco Euro-mediterrâneo e toda a América Latina. Investimos também muito em formação/ação, é importante demonstrar como funcionam os produtos, como podem ser utilizados nas oficinas de forma eficiente, como gerir melhor o “negócio oficinas” de forma cada vez mais especializada. As empresas têm assim a oportunidade de apresentar a cerca de 40.000 visitantes profissionais, as suas novidades de forma presencial e com possibilidade de demonstrações ao vivo das caracterís-

ticas desses produtos. Seria muito mais oneroso para uma empresa visitar todas as oficinas de Portugal e Espanha a demonstrar o seu novo produto, ou somente através do canal de distribuição. A parte das novidades é muito importante e por isso premiamos a inovação e o desenvolvimento de produtos. Para o visitante é fundamental conhecer estes produtos pois todos eles têm na sua base não só inovação tecnológica, como também uma redução de custos, maior preocupação ambiental, hipóteses de reutilização, reciclagem, reaproveitamento, tempo de vida e modernidade. Lançar um produto na Motortec tem um impacto muito maior do que lançá-lo sozinho no mercado. É um campo aberto para a interação produto/profissional/mercado, abre-se automaticamente um diálogo entre peritos, cria-se um clima de competitividade pela positiva, desafia-se para a mudança, para o investimento e para novas respostas às velhas questões. Por isso organizamos “O Dia do Pneu”, “A Olimpíada de Reparação de Lâmpadas”, entre outros eventos. Costuma-se dizer que tendencialmente os automóveis serão computadores com rodas, mas no fim quem os constrói e


Março 2013

Revista Automotive

5

Motortec

Sistemas de escape - as empresas aproveitam para exibirem modelos reais dos seus produtos

quem os repara são pessoas. As máquinas podem ajudar a identificar os problemas mas serão sempre as pessoas que terão de ser capazes de solucioná-los e temos a certeza que durante muitos mais anos será assim. Raúl Calleja – Managing Director da Motortec

Bosch - divisão integrada A Bosch voltou a marcar presença na Motortec com um mega stand, aqui organizado de acordo com as principais áreas do Pós-venda. Mantendo a sua postura global, como principal fornecedora independente de componentes para a indústria automóvel a nível mundial, não deixou de dar destaque às suas divisões, criando quase que um micro clima para cada uma, mas ao mesmo tempo integrando-as na resposta ao cliente, peças, equipamentos e serviços. “Oferecemos uma solução global às oficinas para que através de uma estratégia combinada fundamentem o seu conceito de oficina geral, abrangente, segura, limpa e económica”. Esta estratégia tem sido utilizada em todos os sítios onde estamos, seja Frankfurt, seja na Motortec, afirmou em conferência de imprensa Sinfoniano Gallo, responsável pelo marketing da empresa. Fora do stand, recriaram duas oficinas, uma Bosch Car Service e uma Bosch Diesel, tanto na imagem exterior como no equipamento e imagem interior. Aproveitaram para aí divulgar e introduzir produtos há pouco tempo no portfolio. Ampliaram a gama de equipa-

mentos para oficinas, como as alinhadoras e desmontadoras, e apresentaram uma nova linha de ar condicionado, fruto da aquisição de uma empresa americana. Paralelamente realizaram os eventos: BDT Bosch Diesel Team que é um evento específico de equipamentos para oficinas; e encontro de Distribuidores, para a apresentação da nova Diretora Geral Maria Juño a sua visão, objetivos, perspetivas e projeções. A gestora de comunicação e marketing Espanha e Portugal, Nines de la Fuente, explicou-nos em detalhe as quatro frentes que a Bosch apresentou na Motortec 2013. Sistemas de injeção - nessa área trouxeram os sistemas a injeção direta de gasolina GDI, de segunda geração que fazem a gestão da combustão mais eficiente e com menos dispêndio de combustível. Foi o vencedor do prémio Inovação no Pós-venda Motortec 2013. Veículos híbridos e elétricos - Na zona dedicada aos veículos híbridos e elétricos a Bosch proporcionou uma exposição de equipamentos e peças com destaque para as baterias e motores de arranque Start/Stop. Divulgaram o sistema Axle Split o primeiro motor diesel hibrido do mundo.


6

Revista Automotive

Março 2013

Conceitos oficinais - fizemo-lo de forma bastante acessível para quem queira pertencer a uma das nossas redes, saber no que consiste cada rede, que requisitos deve cumprir, que vantagens tem, etc. Destacámos as mais-valias desta integração a uma marca tão sólida e com tanto prestígio no mercado. Disponibilizamos uma vasta informação sobre as suas redes oficinais como o Bosch Car Service, Bosch Diesel Service, o Bosch Diesel Center e, ainda, o novo conceito AutoCrew, já apresentado em Portugal e que chega agora à Espanha. Equipamentos para veículos pesados - No espaço dedicado aos veículos industriais (camiões), a Bosch apresentou o analisador de sistemas KTS 800 Truck, o sistema Trucklight para camiões, bem como filtros, motores de arranque, alternadores e outros equipamentos para oficinas que atuam neste segmento de mercado.

Inovação e parcerias A empresa espanhola FAE, uma das lideres na fabricação de componentes elétricos para automóveis, apresentou na Motortec mais de 3000 referências de produtos (254 referências novas), que vão desde sensores a sondas, de captadores de impulsos a termostatos. Da sua produção, 75% estão destinados para distribuição em cerca de 80 países, cuja expansão consolidou-se nos 60 anos de existência. Esta empresa que participa na grande maioria dos eventos internacionais para promoção e divulgação dos seus produtos, trabalha em parceria com a Universidade de Barcelona, tanto no campo da investigação, como na absorção de mão-de-obra especializada. A investigação ao mais alto nível está agora focalizada para o desenvolvimento de sensores cerâmicos, que são muito mais resistentes às altas temperaturas e permitem leituras mais precisas. Desenvolvem também a tecnologia LTCC (Low temperature co-fired ceramic) usada já em alguns produtos como indutores, resistências e condensadores. Também em parceria com a Universidade estão a desenvolver tecnologia que envolva as nanofibras de carbono. A sede tem cerca de 135 profissionais, mas a rede internacional gera empregos e sinergias que multiplicam a dimensão de sua atuação. Na feira ficou patente a curiosidade dos profissionais na procura de formação e informação nesta área, que tem-se revelado muito ativa e inovadora.

Sinfoniano Gallo apresenta à imprensa as inovações trazidas pela Bosch.

CIMAT Depois da presença na Automechanika de Frankfurt no ano passado, a CIMAT, distribuída pela MFPINTO na Península Ibérica, apresentou-se em Madrid com mais uma novidade, o ACTUTEST 4000. Uma máquina para testar vávulas electrónicas e pneumáticas (wastegate). O ActuTest 4000 foi desenvolvido para teste e calibração de válvulas eletrónicas e hidráulicas para turbocompressores, tanto em pressão como em vácuo Em termos de base de dados, o equipamento já possui uma base própria, e a CIMAT faz regularmente a atualização das bases de dados, disponibilizando-as aos clientes. Para aqueles modelos de turbos que não estejam abrangidos pela base de dados, o cliente, ao testar as válvulas, pode introduzir manualmente os novos parâmetros, ou então pode retirar os dados de um turbo novo. A máquina recolhe os dados de um turbo novo e insere-os diretamente na base de dados. O Actu Test 4000 está equipado com uma bateria que permite múltiplas horas de

funcionamento sem recorrer a uma fonte de alimentação externa. Como resultado, o dispositivo pode ser usado ao lado do veículo com um turbo recondicionado e instalado pelo cliente. Para maior comodidade, o dispositivo apresenta não só uma memória interna, mas também uma porta USB para permitir a gravação de dados em uma pendrive ou outro dispositivo de armazenamento de informação. O ActuTest 4000 está preparado para conectar-se com um PC e trabalha diversas marcas de válvulas eletrónicas. Em termos de feedback relativo ao lançamento do equipamento na Motortec, “os profissionais têm-se mostrado muito interessados no equipamento e além de quererem vêr uma demonstração de como funciona o equipamento, fazem imediatamente pedidos de cotação” referiu Paulo Rodrigues, Gestor de Produto. Paulo Rodrigues adiantou também que “irá começar a campanha de apresentação da máquina em Portugal durante a semana de 25 de Março através da MFPinto, campanha essa que se iniciará pelo norte e percorrerá todo o país durante três semanas.

ActuTest 4000, apresentado pela CIMAT


Março 2013

Revista Automotive

7

Os camiões do Tenneco On Tour que transportam todo o material de formação da Tenneco.

Tenneco na senda dos prémios A válvula eléctrica AFM da Tenneco foi a vencedora do prémio Componentes Mecânicos Motortec 2013. Acaba também de ganhar o prémio John Deere atribuído a um seleto grupo de fornecedores que demonstraram inovação num produto ou serviço prestado. Assim se comprova que em diferentes áreas de negócio conseguem manter a mesma qualidade. Digna de parabéns, não só pelo investimento que faz em tecnologia, formação e inovação; agora também pela premiação. Fabio Fazio – Senior Sales & Marketing Director Central & Southern Europe Aftermarket falou-nos a respeito do grande investimento a nível de pesquisa, que em consequência todos os anos lança para o mercado vários produtos que as oficinas têm de saber lidar e saber vender. A tecnologia avança mais rápido do que o conhecimento das oficinas. “Tentamos formar as oficinas antes da tecnologia chegar ao pós-venda. Se vamos formar para o que está para vir, as oficinas terão uma vantagem competitiva face a outras que não receberam formação. A formação também não é tudo. Se um mecânico faz a reparação de um veículo muito bem e instala um catalisador não homologado, todo o investimento em formação não serviu de nada pois esse catalisador irá afetar negativamente todo o sistema de escape, resultando num custo maior para o cliente final. O programa de treino Tenneco Train the Trainner visa formar os nossos clientes para que eles esclareçam os seus clientes. Nós sabemos antecipadamente que tipo de tecnologia chegará às oficinas e damos a possibilidade de treinarem em equipamentos que só chegarão mais tarde ao aftermarket. O objetivo é dar suporte aos nossos parceiros a nível de formação, material

de comunicação e tudo o que possa potenciar as vendas ao cliente final. Por exemplo os nossos vídeos estão na web acessível a todos, sem ter que pagar. Temos o que existe de mais avançado no mercado, sejam vídeos, modelos 3D, hologramas, entre outros. Ressalvo, que para nós, um curso de formação tem no mínimo 6 horas; não consideramos como formação cursos de hora e meia. Para esta edição da Motortec optámos por aproveitar o conceito Tenneco OnTour e colocá-lo em prática na própria feira, ou seja o equipamento original, que agora está a ser montado em viaturas novas; essas viaturas dentro de algum tempo chegarão às oficinas e estas devem estar preparadas para trabalhar com estes novos equipamentos. Uma das grandes vantagens de termos equipamento original, é que podemos com antecipação formar as oficinas e dar-lhes as ferramentas necessárias para lidar com os desafios futuros. Queremos chegar ao maior número de profissionais e só aproveitando uma afluência como a da Motortec é possível maximizar esta estratégia”.

Precisão e segurança A marca de tacógrafos mundialmente conhecida VDO, esteve presente na Motortec com um stand espaçoso, pessoal disponível e qualificado, com boa visibilidade dos seus produtos e com uma disposição de mobiliário que

permitia o acesso fácil às informações e aos produtos. Inovadora e dinâmica, esta marca tem uma forma de comunicação jovem e criativa, mas uma grande maturidade no mercado e uma grande responsabilidade social, na medida em que a segurança rodoviária passa inevitavelmente pelas suas mãos. Na conferência de imprensa, a responsável pela comunicação Silvia Cano “abriu a cortina” para o protagonista: o tacógrafo digital versão DTCO 2.00, além do controlo dos períodos de condução, incorpora a tecnologia inteligente transportation sistems, que permite controlar o tacógrafo através do smartphone ou tablet. Assim, permite várias soluções para o mercado da gestão de frotas, porque fornece informações tanto para o condutor, como para o gestor, de modo fácil, intuitivo e seguro.

VDO em Portugal - Krautli José Pires, Diretor Geral/CEO da Krautli Portugal, disse à Automotive que a Krautli passou a ser representante exclusivo VDO em todas as áreas para Portugal. “A VDO tem em primeiro equipamento 80% de quota de mercado, e é um mercado muito importante pois estamos a falar da área profissional dos pesados. Dentro da telemática há uma série de soluções muito importantes, aproveitando a sinergia entre os tacógrafos e os sistemas de gestão de frotas com a flexibilidade de ser o mesmo fabricante a fazer isso, com sistema de descarga e visualização de dados muito flexíveis usando as tecnologias WiFi e GPRS. Temos um produto muito evoluído e adequado às necessidades dos utilizadores profissionais, e acredito numa larga aceitação do mercado, pois dá resposta às necessidades de precisão na gestão, celeridade no fornecimento das informações e segurança.”


8

Revista Automotive

Março 2013 tos. Incorporámos fornecedores como Drester, IRT e DeVilbiss, porque são valores a acrescentar aos nossos produtos e parceiros nos diversos mercados.

A equipe da Krautli Portugal, liderada por José Pires (ao centro) no stand da Synkra

Synkra A Krautli trouxe para a Motortec a marca Synkra com um stand próprio e José Pires esclarece porquê: “A Synkra tem uma gama de produtos com excelente relação preço/qualidade, a maioria dos quais não cativos. Por exemplo, flexíveis para escapes, cabos de baterias, boosters, auto-rádios, GPS portáteis. Esta marca é excelente como complemento de gama, ou seja, ela qualifica o material que ela acompanha, acrescentando valor ao negócio dos nossos parceiros. Estamos aqui na feira na vertente de exportação. Nós trabalhamos a marca em Portugal, e o que queremos aqui é dar visibilidade à marca a nível internacional. Já é o segundo evento em que participamos, estivemos há dois anos na Autopromotech em Bolonha com um stand e o resultado foi francamente positivo. Ao mesmo tempo, aproveitamos este espaço para servir de ponto de encontro com os nossos clientes Portugueses e fornecedores. No que diz respeito à exportação, concentramo-nos em gamas de produtos como por exemplo ferramentas, fusíveis, baterias, escovas limpa-vidros, iluminação (kits de xénon). É uma gama abrangente em termos de referências que nos permite cobrir grande parte do mercado. Com a Synkra proporcionamos aos nossos parceiros em outros países a possibilidade de distribuírem uma gama que é “só deles”, que lhes permite fazer algo adicional.”

Car Repair System – presença valorizada Conversámos com Joaquín Pérez Moya, Managing Director Espanha, que nos desvendou mais pormenores sobre a pre-

sença da Car Repair System na Motortec: Somos um grupo que nasce em Portugal, em 2001 e expande-se internacionalmente em virtude da grande abrangência dos seus produtos e aceitação rápida pelo mercado. Especializada na manufatura e distribuição de produtos para a preparação, manutenção e reparação de carrocerias; tem-se mantido na vanguarda quer em termos de atualização dos seus produtos, quer na tecnologia para a sua aplicação.

A marca Car Repair System está presente na União Europeia, Médio Oriente, Europa de Leste Austrália, Uruguai e todo o Norte de Africa. É nossa política divulgar os nossos produtos e estarmos presentes nos grandes eventos tais como a Motortec, EquipAuto em Paris, Estivemos presentes nas edições anteriores da Motortec e a nossa filial francesa na EquipAuto em Paris, Automechanika em Frankfurt, e no Dubai. A nossa presença nesses eventos do mais alto nível, permite-nos contatar com os nossos clientes (atuais e futuros), com a midia, com os fornecedores, assim como divulgar os nossos produtos, dar conta da nossa posição no mercado, comparar produtos e preços, encontrar pontos de investimento, fazer parcerias e demarcar o nosso espaço já conquistado. Estamos presentes na Motortec mais uma vez, especialmente por ser um

O stand da Car Repair System além do design moderno, despertava a curiosidade dos visitantes pelas inovações apresentadas

Em consequência dessa dinâmica, trouxe consigo também o desenvolvimento de equipamentos de proteção, de aumento da eficiência e da garantia de durabilidade. Na Motortec estamos a apresentar a imagem corporativa do grupo que está em Espanha, França, Portugal e, há dois meses, em Marrocos. Trouxemos uma nova gama de produtos dos quais destaco um verniz de última geração rápido-express e uma pintura especial para cromados. Em termos de equipamento, como temos a representação exclusiva para Espanha e Portugal da linha de pistolas para pintar Drester, infravermelhos IRT e das pistolas DeVilbiss, trouxemos para a feira toda a gama disponível e que indicamos para a utilização com os nossos produ-

evento ibérico e assim nos aproximar de uma só vez, em um só local de todos os nossos clientes; no entanto, mantemos o trabalho diário de acompanhamento e parceria contínua a ser feito pela nossa rede, procurando ajustar a nossa resposta às necessidades dos nossos clientes.

Respostas para tudo, ou quase tudo... A Diesel Technic fornece peças independentes a cerca de 140 países em todo o mundo, em 24 horas e com 24 meses de garantia. A empresa existe há 41 anos, a sede é na Alemanha, tem filiais na França, Holanda e Espanha, com novas instalações em Madrid onde duplicaram a capacidade de armazenamento e a rapidez na distribuição.


Março 2013

Revista Automotive

9 O stand da Diesel Technic na Motortec foi projetado para faciltar as reuniões com clientes

Segundo Carlos Gomes, responsável pelo desenvolvimento de negócios, a presença na Motortec serviu especialmente para “uma maior aproximação aos clientes Portugueses, para informarmos sobre a nossa estratégia para o futuro e para apresentarmos a nossa nova colega Liliana Batista que fala muito bem português”. Uma das estratégias é assumirem os custos de armazenar os produtos em Madrid para que os distribuidores em Portugal não tenham que ter custos com stock, permitindo-lhes maior liquidez financeira que por sua vez pode ser utilizada para investir na introdução de novos produtos no mercado nacional. Têm cerca de 13.000 referências em stock em Espanha que cobre a maior parte das necessidades do mercado, mas se necessário podem sempre recorrer à sede com de 30.000 referências disponíveis. Consideram-se assim parceiros de negócios, aproveitando o facto de que na península Ibérica é onde a logística funciona melhor de toda a Europa, está mui-

colocamos no mercado cinco novas referência por dia, por isso, em termos de desenvolvimento de produto, temos bastante dinâmica.” Dirk Mahlstaedt, Executive Manager Marketing avança com mais números: “para as sete principais marcas de camiões (Scania, Volvo, DAF, Renault, Mercedes-Benz, MAN e Iveco) temos As novas instalações da Diesel Technic em Madrid

to bem organizada, o que “nos permite oferecer um serviço 24Horas a um preço competitivo. Se os nossos parceiros estão bem, nós também estamos bem, o nosso objetivo principal é crescer juntamente com os nossos parceiros”. Carlos Gomes avança com mais informações: “Temos uma filial no Dubai que terá uma capacidade de armazenamento maior do que a nossa sede, para que possamos fornecer os mercados da Ásia, Médio Oriente e parte de África os mesmos recursos, como se estivessem na Europa. Temos uma joint-venture com uma empresa no Brasil e um escritório de representação em Shangai. Em média

20 catálogos, ou seja, para cada marca temos mais de um catálogo. Isto porque faz sentido dentro de cada marca, termos catálogos por famílias de produtos. O cliente quer um serviço completo e centralizado num único fornecedor, e isso conseguimos oferecer de forma abrangente, desde bombas de água, juntas, para-choques, travões, iluminação, entre outras 30.000 referências como já referi. O cliente consegue com um contacto solucionar a sua necessidade, tendo vantagens a nível financeiro como sendo os gastos de transporte, onde a partir de determinados volumes de compras o custo de transporte é assumido por nós.

Estamos também a introduzir no mercado catálogos especialmente para autocarros, pois queremos repassar essa diferenciação aos nossos clientes para que eles consigam ter a capacidade de oferecer produtos também às empresas que gerem frotas de autocarros. Já temos três catálogos, dois para Volvo e um para MAN e vamos continuar a alargar para outras marcas ao longo deste ano. Fazemos visitas conjuntas com os nossos distribuidores aos clientes finais, para que possam colocar as suas dúvidas e para que possam conhecer melhor como operamos. O facto de estarmos há muito tempo no mercado faz com sejamos amplamente conhecidos, mas nem por isso deixamos de fazer essas visitas pois é sempre bom estarmos presentes no terreno. Procuramos dar o máximo de formação aos nossos distribuidores para que eles possam por sua vez, formar os seus clientes. Somos uma empresa que no aftermarket damos, e somos muito conhecidos pela força da nossa imagem, quer seja nas embalagens, na internet, os stands nas feiras. Temos uma plataforma via online para identificação de peças, disponibilidade de stocks, acesso a preços, etc. Damos formação relativamente a novas peças que introduzimos no mercado e estamos representados na TecDoc, com vídeos no YouTube, entre outros. O facto de sermos produtores permite-nos ter o máximo de controlo na cadeia de produção e distribuição. Para dar dois anos de garantia temos que ter confiança naquilo que distribuímos. Onde já estamos mais avançados é o tema do autocarro, pois existem sinergias em termos de peças que são iguais tanto nos autocarros como nos camiões, por


10 exemplo em termos de chassis. Naquelas peças em que não exista essa similaridade, também temos produtos específicos para autocarros. Temos assim catálogos para MAN e Volvo, e estamos já a finalizar os catálogos para as outras marcas. Os reboques foram uma aposta recente da Diesel Technic e é uma área onde vamos maturar a nossa presença, pois existe muito espaço para crescermos”.

Garantia de quatro anos Nasceu pelas mãos de Wulf Gaertner em 1958 com sede em Hamburgo e foi expandindo as suas vendas, sendo que nos anos 90 já detinha uma rede de vendas que abarcava cerca de 100 países. Lançou-se para a Asia: em Singapura, Malásia e Tailândia abriu oficinas próprias com representações de fabricantes europeus de renome. A aquisição da marca MEYLE, permitiu-lhe desenvolver e fabricar os seus produtos. Nesta sequência de bons resultados tiveram que não só mudar e ampliar as instalações, agora em Merkurring (Hamburg-Rahlstedt); mas também aumentar a denominação: Wulf Gaertner Autoparts AG.

A força da comunicação da Meyle

Revista Automotive

Em 2005 abriu a MEYCAR uma representação exclusiva da marca MEYLE em território espanhol, em sociedade com um empresário espanhol que acompanha de perto toda a dinâmica de vendas das cerca de 17.000 referências para automóveis. O crescimento tem sido sólido, compassado com o mercado e acompanhado de uma melhoria não só na qualidade dos produtos, como também no atendimento ao cliente. Para a Motortec 2013 trouxeram uma estrutura e uma história consolidada, com presença nos cinco continentes, cerca de 120 países, que gera perto de 1200 postos de trabalho em conjunto com as suas subsidiárias e empresas associadas. Aproveitou para publicar o seu novo catálogo MEYLE de material de direção e suspensão em dois volumes. Compilado com minucia e detalhe, com fotografias que complementam a informação, a sua extensão e complexidade, permite encontrar várias opções e respostas adaptadas a cada situação. Para os automóveis da linha asiática reconfiguraram o braço de suspensão MEYLE-HD para o Honda Civic VIII, em exibição em Madrid: basicamente aumentaram a esfera da rótula

Março 2013 tornando-a mais forte e onde a tensão é distribuída de forma mais uniforme, utilizaram também uma borracha rugosa que permite maior flexibilidade, durabilidade e precisão. Wulf Gaertner Autoparts AG tenciona nos próximos dois anos ter uma resposta a 100% em termos de peças sobressalentes para todas as marcas e modelos asiáticos a circular na Europa. Para a Motortec trouxeram outro braço MEYLE-HD desenhado para três aplicações da BMW Séries 5, 6 e 7; a rótula pode ser substituída, os casquilhos podem ser substituídos em separado, têm um revestimento anti corrosão e o encaixe é feito num material plástico anti-abrasivo que lhe dá maior resistência ao desgaste e ao impacto. Na Feira, a MEYCAR deu destaque para as peças MEYLE-HD de terceira geração como por exemplo os casquilhos para modelos VW, Audi, Seat e Skoda. Segundo afirma Lars Peters, Sales Manager, da Wulf Gaertner Autoparts AG, que “é baseada na segurança dos seus produtos e fiabilidade dos materiais utilizados que a empresa, para todas as peças da gama MEYLE-HD, dá quatro anos de garantia”.


Março 2013

Revista Automotive

Davasa sem limites

mesmo produto.

A Davasa começou as suas atividades em Espanha pelas mãos da Bosch, e durante muitos anos foi conhecida como distribuidora Bosch, mas depois foi crescendo e abrangendo outras gamas de produtos. Atualmente têm uma rede de oficinas integradas com formação, equipamento, produtos e marcas de primeira qualidade, a preços justos e com uma boa imagem no mercado. É isso que oferecem aos clientes, a globalidade dos nossos serviços e a proximidade da relação e das soluções. Encontrar tudo num mesmo local e com o mesmo nível de atendimento, garantia e confiança.

Aliada a uma formação intensiva em Múrcia, com cerca de 20 maquetes de motor, inclusive de um veículo hibrido, a Davasa tem um sortido largo e diversificado de oferta, que deixa o cliente fidelizado a todas as suas valências.

A Tec Auto, equipamento oficinal da Davasa , e que responde pelos sistemas de diagnóstico, ar condicionado, eletrónica, ferramentas, lubrificantes, entre outros, trouxe para a Motortec o SYNCRO, uma máquina de limpeza para os sistemas de refrigeração do automóvel, um “verdadeiro faz tudo” que em menos de uma hora deixa o veículo operacional e pronto. A Tec Auto substituições, tem um “menú” completo de todos os produtos químicos necessários, acompanhados dos respetivos acessórios para o seu bom funcionamento e trouxe para a feira a bateria Start/Stop. Esta gama de baterias resiste aos frequentes arranques dos veículos, sempre com a mesma resposta em termos de qualidade o que seria impossível para uma bateria tradicional.

11

A Davasa esteve sempre presente na Motortec onde “aproveitamos a feira para mostrar as novidades das nossas marcas próprias”, diz Claudia Oliveira, diretora de Marketing, que não se esgotava a enumerar os produtos e serviços.

Rufre investe em “sala branca” A Rufre tem homologação para fazer qualquer processo de construção e reparação sempre com peças originais. Para a homologação não basta ter profissionais qualificados é necessário que todo processo seja acompanhado dos respetivos requisitos. Por exemplo, as instalações da empresa devem ter uma Sala Branca - é uma sala com atmosfera controlada para que minimize o risco de contaminação dos injetores, seja para reconstrução ou montagem. Este requisito faz toda a diferença, pois permite a garantia da qualidade e durabilidade do equipamento. Só mediante essa e outras condições é possível manter as garantias das marcas/ fabricantes.

Davasa é distribuidora oficial exclusiva da Blaupunkt na península ibérica; não só a linha de som e colunas e altifalantes mas também lança-se nos Tablets de 10 e 8 polegadas, sistemas de navegação travel pilot com varias versões até para veículos pesados e também uma linha de auriculares e headphones para DJs profissionais. Em relação à marca Parrots, reconhecida no mercado pelos seus kits de mãos livres, apresenta na Motortec uma aposta num produto diferente de que é o tradicional. A novidade é assim o sistema Asteroid que engloba sistemas de navegação e kit mãos-livres integrado no

O stand da Rufre além do design moderno, despertava a curiosidade dos visitantes pelas inovações apresentadas

Com a qualidade e durabilidade asseguradas é indispensável termos preços ajustados às capacidades de investimento dos nossos clientes, assim o preço tem que ser convidativo e compensador, afirma Susana Rúbies, diretora de marketing. Esclarece ainda que a Rufre, em termos de soluções para injetores oferece “dois em um”, ou seja: vende produtos novos, quando essa é a melhor solução para o cliente e também fazemos a reparação/ reconstrução, quando essa é a melhor solução apontada. É a primeira vez que estamos na Motortec e a afluência ao stand tem sido constante. Faz toda a diferença a nossa presença na feira, não só porque tem potenciado bastante os negócios e ajudado a consolidar a nossa imagem junto dos clientes, mas porque nos aproxima dos profissionais. São eles que reconhecem valor ao nosso produto, porque também conhecem o nosso trabalho. Estar aqui é estar em contato com todos, numa relação de proximidade, franca e aberta, que potencia a adesão de novos clientes. Como novidade na Motortec estamos a apresentar a gama Bosch Diesel Center Premium, que são bombas injetoras e injetores, com gestão de intercâmbio reconstruídas nos nossos laboratórios diesel, superando o exigente protocolo de qualidade Bosch. Com a VDO (onde somos dos poucos em Espanha que pode reconstruir os injetores e bombas de forma a manter a garantia da marca), apresentamos na feira algumas referências novas, e neste momento já disponibilizamos 12 referências de injetores e bombas


12

Revista Automotive

Março 2013

A Schaeffler apostou num espaço dedicado à formação

injetoras VDO, sendo que ao longo deste ano iremos continuar a ampliar a gama. Quanto à marca Denso, somos em Espanha os únicos que podemos reconstruí-los e por isso temos tido muita procura. Estamos homologados para reconstruir injetores common rail Denso para uma grande variedade de marcas tais como Toyota, Citroën, Peugeot, Ford, Land Rover e Fiat.

entre outros produtos, a sua gama de equipamentos de secagem por infravermelhos de onda curta.

Estamos a ter uma boa aceitação em Espanha, o mercado português é um dos nossos objetivos, embora também outros sejam “apetecíveis”. Portugal tem um mercado com muito potencial, temos tido muitos contactos com empresas portuguesas na feira. A continuar assim, temos a expetativa de muito em breve estar a operar em Portugal.

As principais vantagens destes equipamentos caarQ de secagem por infravermelhos de onda curta são a redução do tempo de secagem nas pinturas de base solvente e base água; garantir a qualidade nos acabamentos; economia de energia pois elimina a necessidade de pré-aquecimento e facilidade no manuseamento.

caarQ com novidades na repintura automóvel

Concebido para repinturas pontuais, a gama de secagem por onda curta da caarQ consta de cinco modelos, todos eles equipados com um regulador de altura para trabalhar sobre diferentes peças e partes dos veículos

Marca de referência no mercado da repintura automóvel e comercializada pelas empresas do Grupo Autoflex, a caarQ esteve na Motortec onde apresentou,

Segundo os responsáveis da caarQ, uma das características destes equipamentos é emitir radiações do espetro eletromagnético no processo de secagem na repintura automóvel, convertendo ondas curtas infravermelhas em calor, de forma mais rápida e eficaz.

A caarQ é uma marca da empresa Refinish Caar S.L que conta com uma gama de produtos de mais de 3.500 referências em 12 famílias de produtos dedicados a sistemas de pintura e consumíveis de pintura, máquinas e ferramentas para os profissionais de carroçaria e repintura, com uma ampla oferta própria para oficinas de carroçaria e repintura automóvel.

Schaeffler proporcionou Fórum Tecnológico O grupo multinacional Schaeffler avança em três divisões: industria, automotive e aeroespacial. Dentro da divisão automotive, o nosso mercado é o do pós-venda ibérico. Comercializamos três marcas, Luk, INA e FAG. Em termos de enfoque para a Motortec estamos a apresentar o Luk27 que é a embraiagem dupla, e este ano o objetivo é de dotar as oficinas de informação e formação. Por isso criamos o Fórum Technology Life, espaço de formação para os profissionais das oficinas, com demonstração de montagens e desmontagens de peças que já estão a chegar às oficinas e outras que vão começar a aparecer. Com a evolução tecnológica tornou-se mais complexo mudar uma embraiagem e os profissionais precisam conhecer e manusear os produtos, ter familiaridade com os equipamentos para garantir um trabalho seguro e correto. Lançamos uma campanha de comunicação nos últimos meses, antes da feira, para divulgar a página web às oficinas interessadas em se registarem para as nossas formações. Foi um sucesso porque e obtivemos uma comparência de cerca de 80% dos registados, a adesão veio tanto de oficinas portuguesas como espanholas. Nestes quatro dias de feira através deste programa, abarcamos as cerca de 1.550 oficinas que fizeram o pré-registo. As formações abrangem as três marcas e


Março 2013

Revista Automotive

13

Marta Alejos - Schaeffler

O stand da Ryme com diversos equipamentos

incidem sobre: mudança da embraiagem dupla em seco, a mudança da polia livre do alternador (importância, procedimentos e prevenção), e também a montagem/desmontagem do conjunto de embraiagem autoajustável em um Audi A4 com caixa de velocidades manual de manuseamento complexo e ferramentas específicas. De acrescentar que o Campus Technology Life vai para além da Motortec, e doravante todas as formações do Grupo Schaeffler incluirão também alunos no seu último ano de curso acadêmico. A página web que criamos, www.technologylife.info tem informação técnica gratuita para que as oficinas tenham ferramentas online para complementar as formações. Em Portugal temos cerca de 3.500 oficinas registadas e 15.000 em Espanha, com as quais estamos em permanente contacto. As nossas formações são tanto em Português como em Castelhano.

Ryme - onde o tempo conta Com grande impacto visual, a Ryme apresentou na Motortec a gama de elevadores de coluna, alinhadores 3D e convencionais. Compacto e bem concebido o novo modelo da linha de tez M12 monobloco, frenómetro e banco de suspensão no mesmo bloco, foi uma novidade em termos de aproveitamento do espaço e redução de custos. De destacar também este ano, foi o frenómetro com sistema de elevação, onde o camião entra e o frenómetro ao levantar simula a carga. Estiveram na galeria de finalistas de produtos da Motortec com dois pro-

dutos – o verificador de tarifas de táxi mediante GPS; e também com a nova linha de inspeção Tandem. O centro de inspeção onde desenvolvem os novos produtos nas Astúrias é provavelmente o mais avançado em arquitetura do espaço, de materiais de construção e de maquinário na Europa. Todo ele está equipado com equipamentos Ryme. O objetivo principal é fazer com que o tempo de inspeção seja o mais reduzido, mantendo a qualidade das verificações. Os centros de inspeção estão a ser avaliados também pelo tempo de inspeção, ou seja, todos os minutos contam, quer em termos do custo de mão-de-obra, quer em termos de rapidez na inspeção dos veículos. Estas soluções visam dar resposta a este tipo de necessidade. Em cidades de média dimensão, que por estarem longe dos grandes centros populacionais acabam por ficar à margem, no que diz respeito a inspeções a motociclos, temos à disposição dos nossos clientes frenómetros e velocímetros portáteis que em conjunto com um simples computador portátil criam uma unidade móvel que possibilita fazer inspeções. Isto porque existe uma grande quantidade de motociclos de baixa cilindrada que não têm capacidade de fazer 100 ou 150Km até ao centro de inspeção mais próximo. Com esta solução conseguimos chegar a mais locais, aumentando assim o raio de abrangência do centro de inspeção. Um dos nossos objetivos para estarmos presentes nesta feira, é para dar aos nossos clientes, a possibilidade de partilharem a suas impressões, experiências e resultados. Para nós é importante que sejam os nossos clientes a salientar as funcionalidades e vantagens dos nossos

equipamentos. Ao ouvirmos ativamente as opiniões e sugestões aumentamos o conhecimento dentro da nossa rede de clientes, pois são eles que no dia-a-dia lidam com a realidade prática e podem assim transmitir esse conhecimento inclusive a potenciais clientes. O testemunho de um cliente atrai novos clientes, abre novas portas. Além dos nossos centros tecnológicos e das colaborações com universidades, também temos procurado utilizar e aplicar o conhecimento que nos é transmitido pelos clientes, de forma a melhorar os nossos equipamentos e o serviço prestado. Afinal de contas, o cliente é a parte mais importante da nossa empresa.

Auto Comercial Monedero ACM, empresa dedicada à reconstrução e distribuição de motores, caixas de velocidades, diferenciais e todo o tipo de peças para camiões e autocarros, mostrou a sua satisfação pelos resultados obtidos na Motortec. O aumento de visitas ao stand da Auto Comercial Monedero e o incremento de visitantes estrangeiros que se interessaram pelos produtos são os factos que destacou Daniel Monedero, diretor gerente da empresa, que qualificou como “muito positiva” a sua


14 participação no salão. “Isto demonstra que o plano de internacionalização que a empresa começou a desenvolver há alguns anos tem dado os seus frutos. Além do interesse que os visitantes demonstraram pelos nossos produtos reconstruidos e originais, apresentámos a nossa nova gama de peças para motores” comentou Daniel Monedero.

Até as impurezas da crise são filtradas. “O sector do pós-venda tem passado por dificuldades, especialmente durante o ano de 2012”, revelou Javier Sanz, o novo diretor geral da Mann+Hummel Ibérica, empresa responsável pela marca Mann-Filter. Na sua primeira apresentação oficial aos jornalistas, o diretor geral apresentou dados económicos da empresa relativos ao ano de 2012, onde a Mann+Hummel Ibérica conseguiu manter as vendas similares ao ano de 2011, mesmo quando grande parte do mercado esteve em queda. Estes números baseiam-se nos bons resultados da empresa no mercado de primeiro equipamento. A Mann+Hummel Ibérica continua o processo de consolidação dos investimentos feitos na fábrica de Zaragoza

Revista Automotive

no ano de 2012, das iniciativas que vem tomado no sentido de melhorar o processo logístico da distribuição dos seus produtos, e na continuação do desenvolvimento de novos produtos. Em termos mundiais, em 2012 houve um crescimento de 4% na faturação e um aumento no número de trabalhadores na área da produção, atingindo já cerca de 15.000 trabalhadores em todo o mundo. O objetivo será atingir os 21.000 trabalhadores até 2018, e uma faturação de 3,4 mil milhões de euros. Para tal acontecer, já se está a preparar aquisições empresariais de forma a aproveitar ao máximo o potencial de crescimento dos mercados americanos e asiáticos. Esta edição da Motortec é uma clara aposta da empresa no setor dos pós-venda, e Jorge Sala, diretor comercial da Mann+Hummel Ibérica, explica-nos que com a participação na feira “quisemos reforçar a nossa presença no pós-venda, setor onde investimos no curto, médio e longo prazo. Estamos muito dinâmicos, tanto internamente com novas contratações, como no mercado com várias inovações que apresentamos, nomeadamente filtros”. Javier Bellmut, diretor de marketing, revelou-nos que os produtos lançados

Março 2013 na Motortec foram muitos. Destaca “os filtros de ar com cobertura em nanofibra para veiculos comerciais, o novo módulo de gestão de óleo totalmente integrado, e o filtro de combustível Multigrade FHE++” A preocupação com o meio ambiente não foi deixada de parte e o novo filtro de ar para o Mercedes Benz Actros é um exemplo disso. O uso mais responsável da energia e dos recursos fazem-se notar ainda no processo produtivo, onde poupam-se quase dois quilos de plástico e menores emissões de dióxido de carbono para a atmosfera. De realçar também a apresentação de um conceito de filtros que se caracterizam por ter apenas três partes: carcaça, tampa e elemento filtrante. Assim torna-se mais prático a abertura da carcaça, fazendo com que a tarefa de substituir um filtro seja mais rápida e limpa.

Magneti Marelli com equipamento de diagnóstico A Magneti Marelli apresentou na Motortec várias novidades, das quais é de destacar o equipamento de diagnóstico Tester Flex, que concentra em um único equipamento várias possibilidades de diagnóstico. O Tester Flex dispõe de uma

O stand da Mann-Filter foi dos mais animados


Março 2013 grande facilidade em termos de visualização dos dados, pois tem um instrumento de visualização autónomo, e a simplicidade de poder conectar-se com um PC. Assim, através de um computador, o utilizador consegue ter acesso a todos os dados importantes para um diagnóstico de qualidade, e inclusivamente tem a capacidade de fazer ativações no veículo. Os equipamentos de diagnóstico Magneti Marelli têm agora à disposição um novo software, em que a aposta num grafismo diferente permite uma utilização mais intuitiva e rápida dos equipamentos.

Hella renova imagem corporativa e apresenta novidades HELLA KGaA Hueck & Co é um grupo há muito conhecido e reconhecido no mercado, com três divisões (iluminação, eletrónica e pós-venda) que se entreajudam e potenciam o negócio, foi e será um suporte para qualquer feira, não só pelos parceiros que agrega, mas pelo público profissionais que a procuram. Fornecedor global da indústria automóvel, a Hella marcou presença na Motortec deste ano com muitas novidades, no âmbito do seu 50º aniversário em Espanha. Melanie Malheiro - Coordenadora de Desenvolvimento Corporativo e Marketing de Portugal “Procuramos ser um fornecedor global que oferece ao cliente vários produtos e várias soluções com um portfólio extenso. Fornecemos equipamento original, produtos, serviços e equipamentos para o aftermaket diretamente ou através de parcerias ou joint-ventures com empresas de primeiro nível. A filosofia da empresa é essa, orientada para a qualidade, pois só assim os clientes que comercializam produtos Hella têm a certeza de que todos os produtos são de elevada qualidade. Temos uma trajetória clara. O produto premium irá sempre existir e trabalhamos no sentido em que seja sempre um produto Hella.” Sendo a Motortec um evento ibérico, a Hella consagrou ainda uma especial atenção aos visitantes do mercado português, visto que há cerca de um ano inaugurou uma delegação em Lisboa, visando impulsionar as suas vendas no mercado

Revista Automotive

15

independente. Sob o lema “Acelere seu Negócio” o objetivo da marca foi consolidar o seu papel de fornecedor global e aliado das oficinas e dos distribuidores de peças, procurando fomentar as suas atividades no mercado do pós-venda. Novidade também foi o lançamento do primeiro farol em led para camiões, veículos comerciais e industriais, consolidando a sua presença como especialista em iluminação e tecnologia LED em todos os segmentos de veículos. Com um design inovador e de alta resistência à vibração, proporciona uma poupança de até 49 watts em comparação com os faróis convencionais.

Nova gama de bombas de água A Hella aproveitou ainda a sua presença na Motortec para lançar a sua nova gama de bombas de água e dar a conhecer a sua próxima Temporada Clima 2013, ação de vendas que teve início neste mês de março.

Hella Pagid – Nova gama de produtos para travões O grupo Hella apresentou a sua nova gama de produtos para travões denominada Hella Pagid, uma das muitas novidades da empresa alemã durante a sua presença no Motortec .A nova marca de travões vem no seguimento do acordo de distribuição formalizado com o fabricante TMD Friction. As pastilhas e discos de travões da gama Hella Pagid oferecerem uma cobertura de 98% do parque automóvel europeu de

viatura de turismo. No caso das pastilhas de travões, a linha é composta por mais de 1400 referências.

Hella Gutmann Solutions - Recebe premio inovação O equipamento de diagnósticos mega macs 42 SE da Hella Gutmann Solutions foi uma das grandes estrelas da companhia alemã, distinguido com o prémio Inovação da Motortec 2013. Este equipamento oferece às oficinas automóveis, a tão desejada fiabilidade no diagnóstico de avarias e agilidade nos trabalhos de manutenção; faz a leitura de todas as centralinas e sistemas da sua base, a mais de 35.000 modelos de veículos. É compatível com a tecnologia PassThru que permite descarregar diretamente os dados do fabricante de veículos e ampliar os serviços que pode oferecer às oficinas multimarcas, nomeadamente reprogramação das centralinas ou a codificação de chaves. Prático, leve, sem fios e sem complicações.

GT Motive premiada na galeria de inovação GT Motive, a Mitchell Partner Company, é uma companhia espanhola dedicada ao desenvolvimento de soluções de gestão de sinistros, manutenção e avarias para o sector automóvel. As suas soluções fornecem a tecnologia que permite obter os melhores resultados e restaurar a normalidade no dia‐a‐dia após um acidente ou uma avaria no veículo. Antonio Osuna, director geral da Gt Motive Ibéria refere que a presença na Motortec foi um sucesso, e “para reforçar a nossa satisfação recebemos o prémio concedido à versão online do Gt Esti-

O stand da GT Motive na Motortec


16 mate no âmbito do concurso Galeria da Inovação organizado pela Motortec. O prémio, enquadrado na secção Profissional de Reparação, foi o culminar de uma semana em que a Gt Motive foi uma das grandes animadoras da Feira”. Durante a feira, no stand da Gt Motive todos os visitantes puderam conhecer a aplicação que acabou por ser premiada e também interagir com a empresa através de sorteios e concursos promovidos no stand, onde foram distribuídos milhares de prémios aos participantes. O GtEstimate.com é a solução online que se adapta às novas necessidades de informação e avaliação de avarias, manutenção e sinistros automóveis, de oficinas, peritos e companhias seguradoras, de renting e garantias mecânicas. A solução encontra‐se totalmente actualizada em cada sessão e pode ser utilizada a partir de qualquer dispositivo móvel com acesso à Internet, partilhando informação entre utilizadores em tempo real. Uma moderna e inovadora aplicação na chamada “nuvem” (alojamento de informação na internet cloud), que oferece toda a informação necessária para fazer um orçamento ou avaliação exacta e precisa. Nos sinistros automóveis, no que se refere a preços de peças, tempos das operações de pintura, as informações são baseadas nos fabricantes, no Centro Zaragoza e no Cesvimap. Esta solução permite apresentar ao utilizador final um orçamento detalhado com o qual se consegue ganhar em transparência e satisfação por parte do utilizador, e permite à oficina gerar venda cruzada de produtos e novos serviços, seguindo as manutenções oficiais dos construtores e podendo

CAT 401 foi uma das atrações

Revista Automotive

carimbar o livro de manutenção oficial e manter a garantia. O GT Estimate versão online diferencia as peças de plástico, vidro, metal, alumínio e aço de alta resistência, com o que se facilita o trabalho dos profissionais ao diferenciar a procedência dos diferentes materiais que compõem o automóvel e aplicar a tecnologia de reparação adequada para cada tipo de material.

40 Anos em caixas de velocidades Ao completar este ano 40 anos de especialização internacional na reconstrução de caixas de velocidade, a firma Sparkes & Sparkes esteve na Motortec para dar a conhecer ao mercado espanhol alguns dos seus serviços no mercado do pós venda, onde detém um pioneirismo em Portugal na reconstrução de caixas de velocidades manuais para carros e comerciais ligeiros. Com sede nacional em Santo Tirso, e ligada à casa mãe (Gear Sparkes) em Inglaterra, a Sparkes & Sparkes é especialista na reconstrução de caixas de velocidade e, ao longo dos anos, conquistou uma elevada reputação no setor dos pós venda graças à sua política de substituição dos componentes danificados por peças novas, de acordo com as normas das diversas marcas automóveis. David Sparkes, filho dos fundadores da Sparkes & Sparkes, e na empresa há 30 anos, também esteve na Motortec a promover, juntamente com a sua equipa de técnicos, os vários serviços e soluções quer na reparação, quer na troca de caixas de velocidade já reconstruída e com garantia. Para além de um variado stock de peças (com mais de 600 tipos de rola-

Março 2013 mentos), e com atendimento ao público, a Sparkes & Sparkes também dispõe de entregas rápidas para todo país.

Launch investe em informação, formação e ferramentas Launch Ibérica é uma ‘Joint Venture’ entre Launch e o Grupo Circuit desde 2004, começaram como fabricantes de equipamentos para diagnóstico e agora já comercializam elevadores, equilibradoras, cabinas de pintura, equipamentos de manutenção e limpeza, entre outros. São mais de 400 distribuidores em 60 países onde se pode encontrar equipamentos de diagnóstico como o X431 Diagun. Não basta fazer o diagnóstico é preciso propor soluções e oferecer os respetivos serviços e produtos; por isso investem no sector do Pós-venda. Para a Motortec trouxeram todas as suas novidades, das quais destacam o alinhador de direção 3D X-712; alinhador com camara de amplo raio que capta o eixo dianteiro e o traseiro com um raio de medida alto, que possibilita subir e baixar o elevador sem que o foco da camara se perca. O painel é tricolor: se os números aparecem a verde, é sinal que os valores estão bem; vermelho, mal; e na cor laranja são neutros. Segundo a marca, este alinhador de direcção,tem uma relação qualidade/preço muito boa. Os holofotes foram também para o CAT 401, que é um equipamento destinado à mudança de óleo nas caixas automáticas. Parece um tema simples, mas não é, pois a maior parte das avarias de uma caixa automática tem a ver com a lubrificação: o excesso ou escassez causam problemas. Não se pode substituir totalmente e é aí

Muitas novidades no stand da Launch Ibérica


Março 2013

Revista Automotive

que surgem os problemas, o que faz com que as oficinas tenham muito receio e acabam por não “mexer” nelas. Passados 60.000km é inevitável, tem-se mesmo que realizar a troca. Esta máquina permite fazê-la em vinte minutos, automaticamente, garantido o ajuste e adequando as quantidades. É mais um trabalho que as oficinas podem fazer, a baixo custo evitando uma ida desnecessária ao concessionário. A oficina proporciona assim um serviço rápido para o cliente final, com pouca intervenção de mão-de-obra, seguro e com garantia dos resultados.

suave, o motor sofre menos e, assim, temos um cliente satisfeito. Para além dos cerca de 300 engenheiros que trabalham com a nossa empresa, contamos com mais de 2.000 funcionários que diariamente preocupam-se em manter os níveis de qualidade e as respostas mais ajustadas aos nosso clientes”.

Inevitável foi trazer para a Motortec a tecnologia do diagnóstico, e assim trouxeram os seus quatro modelos: DBScar, X431 Diagun 3, X423 IV e o X 4031 PAD. Ferramenta indispensável em qualquer oficina, estes equipamentos fornecem toda a informação para se poder trabalhar de forma profissional e eficiente. “Se não dispomos de um equipamento de diagnóstico que nos conecte com o veículo e que faça com que o veiculo se comunique connosco é muito difícil, quase impossível saber em detalhe o que ele tem.” Foi o que nos afirmou Carlos López, responsável de vendas da Launch Ibérica por entre centenas de pormenores valorizáveis a nível de diagnóstico, fornecidos por estes equipamentos. Ele também afirmou que “ o CAT 401 é um equipamento multimarca, que já vem com adaptadores para vários tipos e marcas de veículos, e trabalha-se com vários tipos e marcas de óleos. Uma caixa automática com óleo novo o cliente final consegue notar facilmente a diferença, a direção fica mais fina, mais

17

ORPAV e EMMETEC Referência em componentes e equipamentos para revisão de caixas de direção, apresentou duas grandes novidades na Motrotec. A primeira é Vinci, teste de bancada que pode diagnosticar o EPS (direção assistida), encontrar o problema e resolvê-lo rapidamente. A segunda é um banco de teste Orpav que permite o diagnóstico e o reparo da direção hidráulica. Estes equipamentos simples e avançados, são ferramentas ideais que visam garantir a exclusividade de um novo negócio e com a certeza do sucesso. Não só para prestar um bom serviço em Portugal mas também para Angola e Moçambique. Claro, além de bancos de teste, Orpav também fornece cursos para manuseamento e habituação ao equipamento, mas também de atualizações, assistência técnica e todas as peças necessárias para executar o trabalho com perfeição. Emmetec uma empresa de referência no campo dos amortecedores, expôs a Mangusta, uma máquina revolucionária que automaticamente analisa todos os tipos de amortecedores e tubulações. O Precisa, o banco de teste mais prevalente na Europa e o catálogo de peças de reposição para a revisão de amortecedores, também estiveram expostos na feira.

Motortec: fazer negócios internacionais dentro da Península Ibérica

Sousa Radiadores, aprovou e voltou A Motortec foi sem sombra de dúvida a grande montra para todos os produtos automotivos. O mercado ibérico mostrou que ainda tem condições de investir e de dar resposta a todas as necessidades dos seus clientes, com preços ajustados e ofertas bastante diversificadas. Portugal esteve também representado pela empresa Sousa Radiadores, que fez questão de mais uma vez contatar com os seus clientes e potenciais clientes de Espanha e não só. Ivo Sousa responsável pela área de comunicação da empresa, faz parte da terceira geração de gestores, que conta não só com o mercado interno português, mas pretende expandir de forma consistente para toda a península Ibérica. Para Ivo Sousa, a importância de participar de um evento com esta envergadura, está na notoriedade que a marca adquire, no alargamento do seu portfólio de clientes, no grau de competitividade que é necessário ter, na observação do comportamento da concorrência, assim como num momento muito importante e focado na mídia, que depois no intervalo “entre feiras” divulga os seus produtos, as suas parcerias e novos negócios. Para a Motortec trouxeram a sua gama de “respostas” no âmbito da reparação, fabrico e comercialização de todo o tipo de radiadores e outros componentes para automóveis e demais equipamentos. Já contam com o mercado interno português, consolidado há cerca de 50 anos, pretendem agora expandir para novos desafios, em parceria ou não, sempre objetivando acrescentar valor aos seus produtos e divulgar mais e melhor a sua marca.


18

Revista Automotive

Março 2013

Motortec - notícias Motortec premiou a inovação no pós-venda Estimular os conhecimentos e as tecnologias desenvolvidas no âmbito do pós venda automóvel. Este é o grande objetivo do prémio Galeria de Inovação que foi outorgado na Motortec as empresas que se distinguiram em dez categorias, através dos seus produtos ou serviços apresentados durante o salão deste ano. Assim, como vencedores deste ano foram distinguidas as empresas Ecomatrícula, na categoria Acessórios; a Hella Gut-

mann na categoria Soluções e Diagnósticos, graças ao seu equipamento mega macs PC; a Istobal na categoria Lavagem, a Mann+Hummel Ibérica com o elemento de filtro GST e a Retrocar Express na categoria Carroceria e Pinturas.

proporcionou à GT Motive o premio na categoria Serviços e Plataformas de Gestão.

Na categoria Componentes Mecânicos, a distinção coube a Tenneco com a sua válvula elétrica AFM; sendo que a Bosch foi distinguida na categoria componentes Elétricos e Eletrónicos. A empresa Xenum NV foi distinguida na categoria Equipamentos e Ferramentas para oficinas e o sistema GT Estimate

Westlake com novos modelos de pneus Hangzhou Zhongce Rubber Company (ZC Rubber), fabricante da marca de pneus Westlake, tornou-se recentemente no maior fabricante de pneus da China. Sua produção planeada para o ano de 2013 fará a empresa consolidar-se na lista dos 10 maiores fabricantes de pneus em todo o mundo. A par deste rápido crescimento, a gama de pneus da marca Westlake também tem-se expandido, especialmente desde que a direção do grupo tomou a decisão de tornar esta marca a bandeira do fabricante ZC Rubber a nível mundial. No ámbito desta política de crescimento mundial, a marca Westlake está

comprometida com a manutenção e melhoria dos padrões de qualidade no fabrico dos seus productos, ao incorporar os mais recentes avanços tecnólogicos em todos os seus modelos. Aproveitando a realização da Motortec 2013, a marca apresentou as suas novas gamas de pneus desenvolvidos para o mercado europeu, onde se destaca o modelo RP28, pneu premium de elevadas prestações e com reduzida resistência ao rolamento, sendo desenhado para veículos do segmento compacto e médio. O novo RP28 já se encontra disponível em todos os mercados europeus oferecendo uma gama que vai das

Autopromotech A 25ª edição da mais especializada feira internacional de equipamentos oficinais e pós-venda, será no período de 22 a 26 de maio, em Bolonha, no Quartiere Fieristico. A Autopromotech tem acompanhado o crescimento tecnológico e profissional do setor automotivo e hoje repre-

14” até as 16 polegadas. Também foram destaques no stand da marca Westlake os pneus SV 308 de elevadas prestações, atualmente disponível em 33 medidas., um pneu de grande rendimento e que incorpora uma mistura a base de silica, com excelente comportamento quer em piso seco quer em piso molhado. O pneu Westlake SV308 é comercializado através de uma ampla gama de medidas incluindo as jantes de 20”, 22” e 24”. Este ano, a marca se espera vir incorporar à sua gama, também as medidas de 18” e 19 polegadas.

senta o ponto alto, no encontro direto entre construtores e compradores internacionais. O evento é reconhecido a nível internacional como uma plataforma de tecnologia avançada, inovação e novidade de produtos. Oferece uma oportunidade concreta de negócio e ampliação da rede de contactos, graças às iniciativas especiais propostas.


Marรงo 2013

Revista Automotive

19


20

Revista Automotive

Março 2013

“Quem faz o sucesso da Autoeuropa são os portugueses” Engenheiro António Pires, diretor geral da Volkswagen Autoeuropa

A base de fornecedores nacionais aumentou e as compras da Autoeuropa também. Em 2012, o total de compras a fornecedores nacionais ascendeu aos 839 milhões de euros.

A

direção da Volkswagen Autoeuropa apresentou no dia 20 de Março, em conferência de imprensa, os principais resultados da atividade do Grupo Volkswagen no ano de 2012 e os números divulgados são bastante animadores face à complexa conjuntura económica na Europa e no mercado automóvel como um todo. Ocupando a terceira posição no ranking das vendas da indústria automóvel mundial (logo a seguir à Toyota e GM), o Grupo Volkswagen registou vendas totais de 9,280 milhões de unidades com um crescimento de 12,2% face ao ano de 2011, muito acima do desempenho do mercado automóvel mundial que cresceu 7,2%. Contribuindo para este bom resultado global do Grupo Volkswagen, a unidade da Autoeuropa Portugal registou vendas de 112.550 viaturas em 2012, 99% destinadas à exportação: Alemanha 30% e China 19%, todas as viaturas produzidas na fábrica portuguesa. A contribuir para estes bons números, existe um fator essencial para o sucesso da Volkswagen Autoeuropa nos últimos anos: os portugueses. A performance dos funcionários da Autoeuropa é

excelente, em 2012 a fábrica portuguesa conquistou o 1.º lugar no ranking de assiduidade dentre as fábricas europeias do Grupo Volkswagen. “Os profissionais que ingressam na Autoeuropa Portugal são formados pelas nossas Universidades, recebem formação interna contínua por professores/técnicos portugueses e desenvolvem todo o seu trabalho utilizando componentes e peças produzidas em território nacional. Portanto, a mais-valia desta empresa, não está só nos números que apresenta, mas também naqueles que fomenta”, ressaltou António Pires, diretor geral da Autoeuropa, e acresentou. “A metodologia e organização da nossa empresa permite que as pessoas possam contribuir com o seu empenho e brio profissional. Há espaço para valorizar a postura, o desempenho, as relações humanas, as aspirações profissionais o crescimento e desenvolvimento individual e coletivo”. “O nosso modelo de gestão laboral assenta na profissionalização, com qualificação e formação contínua dos trabalhadores. Trabalhar na nossa empresa é enriquecer o currículo, em qualquer área ou especialidade, inclusive nos serviços gerais”.

Volume de compras a fornecedores portugueses Indicador da boa performance da Volkswagen Autoeuropa é o seu volume de aquisição nacional, que no ano passado situou-se nos 62%. Este indicador tem crescido de forma sustentada ano após ano, em 2010 era de 58%. A base de fornecedores nacionais aumentou e as compras da Autoeuropa também. Assim, em 2012, o total de compras a fornecedores nacionais ascendeu aos 839 milhões de euros. António Pires surpreende pela positiva, quando afirmou que “esta é uma vertente que particularmente gosto de destacar: ao comprar a um fornecedor nacional é respeitar e estimular a produção interna, a sua gestão, a sua organização; enfim, é sem sombra de dúvida uma alavancagem no seu negócio.” Outra área em crescimento na Autoeuropa é a unidade de cunhos e cortantes encarregue de produção de ferramentas para o Grupo Volkswagen que registou uma produção de ferramentas de 16,4 milhões de euros, um aumento de 21%; empregando agora 153 colaboradores mais 13% do que em 2011. António Pires explicou que “com o objetivo de garantir


Março 2013

Revista Automotive

o desenvolvimento desta unidade de negócio, investimos só no ano passado cerca de 4 milhões em novos equipamentos, como é o caso de duas novas prensas e uma máquina fresadora de proporções industriais”.

No tocante ao fornecimento de peças para outras unidades Volkswagen, o aumento de 178% registado na unidade de Palmela tem sido muito diferente do que é registado nas outras unidades na Europa. Conseguiram assim provar que é possível produzir as peças aqui e transportá-las a um custo mais baixo do que são produzidas no centro da Europa, vencendo inclusive a forte concorrência asiática.

Exemplo de sucesso no mercado europeu Com um índice de compras a fornecedores nacionais acima dos 60% a unidade da Autoeuropa de Palmela acaba por estar em contraciclo com a crise registada em outros setores de atividade nacionais, sendo assim um bom exemplo para muitas fábricas do Grupo Volkswagen. Esta decisão de optar por produtos nacionais, não só dinamiza o mercado interno, seja na movimentação de mercadorias, de bens e de consumos; mas também estimula a criatividade, qualidade e volume de negócios. Aproveitamos a conferência de imprensa e entrevistamos António Pires, que falou à Revista Automotive, sobre os resultados dos fornecedores nacionais: “este resultado faz parte de uma estratégia de sustentabilidade que temos vindo a traçar nos últimos anos, visando reduzir o nosso custo logístico. Se comprarmos em Portugal, não temos que pagar o custo de transporte. É uma estratégia que tem sido bem-sucedida e penso que ainda exista bastante potencial para aumentar a nossa quota de compras locais nos próximos anos”.

21

Em 2013, um milhão de Siroccos e dois milhões de viaturas produzidas Para além de começar 2013 com um novo diretor de Recursos Humanos, Xavier Ros, que pretende dar continuidade à filosofia e abordagem da empresa no âmbito da formação contínua e aprimoramento das qualificações; e com um novo diretor financeiro, sob o comando de Steffen Schudt-Pialat, a Volkswagen Autoeuropa prepara-se assim, para celebrar dois acontecimentos históricos: a produção de 1.000.000 de Siroccos (a unidade comemorativa será produzida em Palmela!) e ainda, a produção acumulada de 2.000.000 de viaturas desde que foi inaugurada em 1995. “É um facto que nos primeiros dois meses de 2013 registou-se uma redução na produção automóvel em toda a Europa. Por isso, continuaremos com uma navegação a vista. No atual cenário, iremos manter uma produção diária de 460 unidades, pelo menos até o final deste ano.

Linha de montagem da Autoeuropa do modelo Scirocco

Por isso, não há nenhuma razão para redução da nossa força laboral”, destacou o diretor geral. “A Volkswagen Autoeuropa está em constante expansão e a breve prazo a empresa deverá entrar em mais dois novos mercados. O investimento anual na fábrica é da ordem de 60 a 70 milhões de euros e irá continuar, mesmo sem o lançamento de novos modelos. Embora não haja uma decisão final, tomada centralmente, se iremos produzir novos modelos. Estamos em concorrência com outras fábricas da Volkswagen na Europa, pelo que nada está decidido”, finalizou António Pires.

António Pires na conferência de imprensa


22

Revista Automotive

Março 2013

O modelo LaFerrari apresentado no Salão de Genebra deste ano

Ferrari mais sofisticada com Delphi A Delphi desenvolveu uma das partes mais importantes da LaFerrari, o modelo mais avançado e potente da história da marca italiana.

A

Ferrari quando começou a desenvolver este seu novo modelo, recorreu à ajuda da Delphi Automotive para desenvolver dois sistemas chave para aumentar o rendimento e ao mesmo tempo reduzir as suas emissões de CO2. Assim, os cabos elétricos utilizados nos sistemas de alta e baixa voltagem da arquitetura elétrica/eletrónica, foram desenvolvidos pela Delphi, utilizando um sofisticado software conhecido como Delphi Velocity Tool Suite, que utilizam ferramentas integradas de desenho, análise e simulação. Quando aplicado ao híbrido da Ferrari, equipado com motor a gasolina e elétrico, os cabos elétricos de alta voltagem da Delphi permitem aumentar o impulso energético e ao mesmo tempo reduzir as emissões de CO2. Os cabos de alta voltagem são utilizados para fornecer energia da bateria para o inversor e para os motores. Adicionalmente, a Delphi trabalhou em estreita colaboração com os engenheiros da Ferrari para desenvolver um sistema de ar condicionado completo para o modelo LaFerrari. Um dos objetivos desta colaboração era proporcionar o desejado

conforto para todos os passageiros e, ao mesmo tempo, oferecer a refrigeração necessária para manter a temperatura ideal das baterias de alta voltagem.

ração adicional de 3,5 kW para o sistema híbrido. Para os passageiros, isto significa menos consumo de combustível sem sacrificar o conforto básico no habitáculo.

O sistema de ar condicionado da Delphi utiliza um compressor elétrico e satisfaz as necessidades tanto da condução híbrida como da elétrica, proporciona níveis mais elevados de rendimento do combustível, disponibilidade de potência do motor e controlo da refrigeração da bateria híbrida. Neste sistema também se utiliza um transformador de calor (refrigerador) recentemente desenvolvido pela marca e que refrigera a bateria para garantir a sua segurança e durabilidade.

A Ferrari também solicitou a participação da Delphi na área de recarga para conseguir uma solução personalizada onde se aproveitasse a grande experiência com que a Delphi conta em sistemas de recarga desenvolvidos para cumprir as várias normas existentes em todo o mundo.

O sistema de aquecimento, ventilação e ar condicionado (HVAC) da Delphi para o LaFerrari permite uma potência de refrige-

Desde o início de 1990 que a Delphi tem colaborado conjuntamente com os técnicos italianos no design e no desenvolvimento de sistemas elétricos/eletrónicos e controlo de climatização visando satisfazer as elevadas exigências em termos de rendimento e qualidade dos modelos da marca Ferrari.

Esquema do sistema Delphi montado no LaFerrari


Março 2013

Revista Automotive

23

Nissan anuncia plano para aumentar a utilização de AHSS

A

Nissan desenvolveu em parceria com a Nippon Steel & Sumitomo Metal Corporation e Kobe Steel, um aço de ultra resistência à tração e com elevada formabilidade e vai aplicá-lo já no novo Infiniti Q50, que será colocado à venda na América do Norte em 2013. Antes do desenvolvimento deste aço de ultra elevada resistência à tração era difícil utilizar aços de elevada resistência à tração em peças de veículos com formatos complexos, dada a dificuldade em adaptá-lo às formas desses moldes. Há um plano para aumentar a utilização do Advanced High Strength Steel (AHSS), o que reduzirá em cerca de 25% do peso bruto das peças dos seus novos modelos de produção normal.

XII Prémios Personagens do Pós-venda A reparação e manutenção automóvel já significam mais de 50.000 oficinas em toda Espanha e, segundo dados de mercado, é um negócio que contribuí decisivamente para a dinâmica e desenvolvimento do sector automóvel, através de áreas tão diversas como o transporte, design ou financiamento, empregando ao todo cerca de 8,7% da população activa de Espanha, com 9,5% de participação no PIB anual.

Em combinação com a conceção de moldes de alta precisão e um processo de soldagem adequado o AHSS pode ser aplicado num maior número de peças. Além disso, permite a utilização de uma menor quantidade de materiais por veículo produzido e as linhas de produção existentes podem ser utilizadas sem alterações significativas. Isto resulta numa redução do custo total por unidade. Ao abrigo do Nissan Green Program 2016, o plano ambiental a médio prazo da Nissan, o objetivo é melhorar em 35% a economia de combustível, em comparação com a média da construtora em 2005, para todos os veículos Nissan até ao fim de 2016. Com esse objetivo irá contribuir para a redução do peso dos veículos e para uma maior economia de combustível.

Um dos marcos da Motortec/Automechanika Ibérica 2013 foi a entrega dos Prémios Personagens do setor de pós-venda automóvel em Espanha, que já vai na sua 12ª edição, sendo promovido pela revista “Talleres en Comunicación”. Este ano, os prémios foram entregues a Joan Ribó, profissional da região da Catalunha; Juan Miguel Sucunza, da região de Navarra e proprietário de Icer Brakes; Juan Tamarit, fundador de “Recambios Colón”; Ceferino Menéndez, retalhista de Madrid; Juan Menéndez, industrial da zona de Vizcaya

e, finalmente, ao SEPRONA, entidade responsável pela proteção da natureza da Guarda Civíl espanhola, em reconhecimento ao trabalho de seu combate às oficinas ilegais.


24

Revista Automotive

Marรงo 2013


Marรงo 2013

Revista Automotive

25


26

Revista Automotive

Março 2013

Pós-venda notícias DDS Acessórios Automóveis e a NK GERMANY alargam parceria Agora no mercado nacional, bombites de travão marca NK. A DDS aposta na qualidade da marca NK GERMANY e aumenta o seu portfólio produtos da marca com a linha de bombites de travão. A DDS já tinha uma larga oferta de produtos de travagem NK, para automóveis europeus e asiáticos, com um stock completo e permanente, assim, disponibiliza para os seus clientes: discos, pastilhas, maxilas e tambores, para travões, e agora também bombites.

Campanha 1º aniversário AZ Auto - Bosch AZ Auto - Acessórios para Automóveis, empresa especializada na distribuição de peças e oferta de serviços técnicos e comerciais, completa este mês um ano de parceria com a Bosch. E quem ganha a prenda é o cliente: entre os dias 15 de Março e 15 de Abril de 2013, deve consultá-los. Na compra de material BOSCH ganha 10% de desconto em: Discos; Pastilhas; Filtros; Motores de Arranque, Alternadores, Escovas Limpa-vidros; Medidores de Massa de Ar e Velas (Ignição e Incandescência). Esta ação comercial está em vigor exclusivamente na AZ Auto. Sugerimos que aproveite esta oportunidade, porque associa o desconto à qualidade. É um investimento que faz agora, mas garante-lhe segurança, bons níveis de stock, qualidade e segurança. Assim, só podemos desejar que expandam o negócio e que comemorem mais parcerias, para virem mais prendas! Sediada em Lisboa a AZ Auto - Acessórios para Automóveis, tem uma plataforma logística na região norte do país, que garante a cobertura para todo o território.

Muitas novidades no novo catálogo da RPL Clima Empresa dedicada à importação e distribuição de peças para climatização automóvel desde o ano de 2000, a RPL Clima acaba de lançar o seu catálogo para o ano de 2013, com múltiplas novidades de produtos para o mercado nacional. Primando por oferecer, desde a sua fundação, um serviço personalizado aos seus clientes, com apurada qualidade e rigor na entrega dos seus produtos, a RPL Clima pretende com este seu novo catálogo diversificar e implementar outros produtos que não são específicos só em ar condicionado automóvel. A diversificada gama de produtos presente neste novo catálogo é uma

mais-valia para os clientes da RPL Clima, que agora podem aproveitar o leque de ofertas para adquirirem uma vasta linha de artigos a bom preço e com excelente nível de qualidade. Na qualidade de distribuidores oficiais de peças de primeiro equipamento das marcas DENSO, SANDEN e DELPHI em Portugal, estando sediada na zona industrial de Vilamoura, a RPL Clima desfruta de modernas instalações equipadas e informatizadas para um rápido atendimento ao cliente, com fornecimento eficaz, visto dispor de uma completa gama de produtos em stock.

Autodata online adiciona novos modelos à base de dados Acompanhando a constante evolução técnica dos automóveis, a Autodata Online atualizou à sua base de dados ao acrescentar 49 novos modelos de diversas marcas, tornando-a ainda mais completa, disponibilizando agora mais de 50 esquemas elétricos, com destaque para os seis circuitos de sistemas separados para os modelos Peugeot 407 e 407 Coupé. Conscientes da necessidade de disponibilizar aos utilizadores da sua base de dados online uma informação atual e completa, os especialistas da Autodata acrescentaram ainda à secção “Soluções de problemas e informação de reparação” novos dados técnicos das mais prestigiadas marcas automóveis, com especial enfoque

para quatro grandes temas: facilidade de condução, parte elétrica, gestão do motor, arranque e carga. O serviço AUTODATA Online disponibiliza aos seus utilizadores atualizações mensais, permitindo aos profissionais do setor oficinal acesso às informações técnicas quer dos últimos modelos recentemente lançados pelos fabricantes automóvel, quer das múltiplas alterações ocorridas nos modelos em circulação. Para estar a par das últimas alterações efetuadas à sua base de dados, os profissionais do setor poderão consultar o site da empresa em www.autodata.pt


Março 2013

Revista Automotive

27

O grupo Stanley Black & Decker nº 1 em ferramentas ganha vantagens A divisão Facom apresenta as primeiras chaves Torx A Facom tem concebido, produzido, fabricado e comercializado ferramentas destinadas à reparação automóvel e manutenção industrial. Com cerca de 8.000 produtos entre armazenagem, ferramentas standard e especializadas, é uma empresa conhecida no mercado pelo menos há 90 anos. A Facom ao longo da sua história tem contribuído de forma excecional para a redução do esforço, e da força, aumento da segurança, conforto e simplicidade. É com esse objetivo que inova com a gama 464TX de chaves com roquete E Torx. Quer as chaves de fendas quer as chaves macho Torx (E Torx) são, hoje em dia, utilizadas habitualmente nos veículos. As chaves de pontas sextavadas proporcionam um aperto e aderência

superior quando comparadas com as chaves convencionais e reduzem o risco de danos na cabeça do parafuso. Alison Howard, Marketing Manager da Facom explica que “esta nova gama fornece vantagens relativamente às chaves convencionais, porque o perfil reduzido da cabeça e o eixo fino facilitam o acesso a locais difíceis. A chave pode ficar sobre o parafuso com índices de retoma extremamente reduzidos (apenas cinco graus), assim o trabalho pode ser concluído rapidamente.”

A Nederman fez a revitalização da Filterbox, A Filterbox é feita para limpar a zona de trabalho de poluentes do ar como fumos e poeiras decorrentes das mais variadas atividades. À venda na versão fixa ou móvel; com a instalação fixa pode ser potenciada ao ficar ligada a uma série de pontos de extração. Como versão móvel, pode circular por toda a estrutura, podendo ser utilizada em vários locais distintos. Os poluentes são capturados através do braço articulado, fácil de posicionar e ficam retidos no filtro com limpeza automática que os deposita no contentor para serem despejados ou reciclados. Em qualquer altura pode ser adicionado um filtro absoluto HEPA para requisitos de filtragem

mais exigentes. O seu funcionamento é regulado por um controlador electrónico com contador de horas de serviço, avisador de filtro cheio, PLC integrado com painel LCD, parametrizável, com várias funções de monitorização e controle. Disponível uma porta USB para monitorização e controle remoto. Inclui também tomadas onde podem ser ligadas ferramentas pneumáticas e elétricas que podem acionar a Filterbox automaticamente. Tem silenciador integrado de origem, que contribui para um ambiente mais amigo do profissional e visualmente menos agressivo. Mantem os postos de trabalho limpos e seguros e aumenta a eficiência da produção.

Ld Auto inaugura oficina Bosch Car Service em Leiria Dando seguimento à sua estratégia de expansão da marca LD Auto o grupo empresarial Leiridiesel inaugurou, no começo deste mês, as instalações da sua oficina Bosch Car Service na cidade de Leiria, ampliando para sete unidades a sua rede de oficinas (com seis unidades em Portugal e uma em Moçambique). Segundo Margarida Barreiros, responsável pela área de comunicação do grupo Leiridiesel, “esta nova oficina LD Auto em Leiria, à semelhança das nossas demais oficinas Bosch Car Service, disponibiliza um atendimento multimarca estando modernamente equipada e apta a oferecer uma completa manutenção e reparação automóvel aos mais variados modelos de veículos equipados com motores a gasolina ou diesel”. “Para além de ser uma oficina multimarca e dada a nossa especialização, os clientes desta nova unidade Bosch Car Service poderão contar com serviços de reparação de bombas injetoras, injetores, unidades injetoras, venda e reparação de turbos, caixas de velocidade e compressores de ar condicionado”, especificou Margarida Barreiros, frisando ainda que o investimento do Grupo Leiridiesel nesta unidade foi de 300 mil euros, o que proporcionou a criação de 6 novos postos de trabalho. Face à sua excelente localização, esta nova oficina Bosch Car Service, vem oferecer um serviço oficinal com maior proximidade aos clientes particulares e empresariais do Centro da Cidade de Leiria e da Marinha Grande.


28

Revista Automotive

Março 2013

Convenção Bosch Car Service A força de uma rede no mercado dos pós venda mundial. Um dos muitos pontos altos da edição deste ano da Motortec foi a realização da convenção Ibérica da Bosch Car Service, que teve como palco a Passarela Cibeles, o mesmo espaço dedicado a semana da moda de Madrid.

mercado que procuram produtos de preços médio e baixo, quer à complexidade dos atuais veículos que incorporam cada vez mais componentes eletrónicos e que

Neste ambiente de grande estilo, Marian Luño a nova responsável da Bosch Automotive Aftermarket para Espanha e Portugal apresentou alguns dos números que comprovam a liderança da marca Bosch no mercado dos pós venda, como por exemplo, o facto de oferecerem uma cobertura de peças e serviços na ordem dos 23% junto à rede oficinal. Mesmo reconhecendo ser este um ano difícil para todo o setor do automóvel, Marian Lunõ destacou que o mercado dos pós venda ao nível mundial está em crescimento, sobretudo devido ao envelhecimento do parque de viaturas circulante o que beneficia de, forma direta, a reposição de peças novas. Num cenário de dificuldades económicas e de pressão acrescidas, “ a marca Bosch está atenta quer à questão do preço, face à constante necessidade se encontrar soluções alternativas aos segmentos de

serviço oficinal multimarcas; o seu standard de qualidade internacional e a sua ampla cobertura geográfica, com mais de 12.000 oficinas na rede (50% dos quais na Europa), fazem da Bosch Car Service uma rede oficinal com maior número de contactos diários com os clientes (cerca de 240 milhões) em todo o mundo”. Frotas: oportunidade e novos clientes Tendo em conta que a procura pelo cliente particular é uma constante em todas as redes oficinais, o mercado das frotas passou a ser encarado como uma oportunidade para a conquista de novos clientes, visto que cerca de 150 milhões de viaturas que circulam na Europa não estão nas mãos de clientes particulares.

requerem uma gestão oficinal cada vez mais profissional”. Por sua vez, Maria Dolores Vicedo, responsável mundial das redes de oficinas da Bosch acrescentou que “associado ao selo de qualidade da marca alemã; o seu

Segundo as responsáveis da marca, para conquistar este mercado de frotas, a Bosch apresenta-se muito bem posicionada. Atualmente, a rede Bosch Car Service dispõe de mais de 31.300 centros, com importante crescimento de faturação em mercados como Ásia, América Latina e Estados Unidos. Apesar desta expressiva cobertura, a marca tem como objetivo chegar aos 50.000 centros em todo mundo até o ano de 2019, representando um quarto da faturação de todo o Grupo Bosch.

Lusilectra comemora 30 anos de atvidade A empresa iniciou as suas atividades em março de 1983 com a comercialização de acessórios auto e bombas injetoras da NIPPONDENSO, hoje designada por DENSO. Logo a partir de 1984, passou a representar os equipamentos de diagnóstico para veículos automóveis da SUN ELECTRIC e no mesmo ano obteve a representação de tacógrafos e limitadores de velocidade VEEDER-ROOT. A expansão continuou, atingindo momentos altos com os acordos de representação exclusiva de equipamentos de testes dinâmicos MAHA, Máquinas de alinhamento e equilíbrio de rodas BEISSBARTH e baterias de arranque FIAMM. Nos anos 90, assinou contrato de representação exclusiva das embarcações MAXUM, dos elevadores STERTIL e com a BLACKHAWK avançou para os bancos esticadores e sistemas de controlo/verificação da geometria de carroçarias. Em 1995, com o objetivo de diversificar a oferta dos serviços comerciais, Pré

-venda e Pós-venda, formaliza um acordo de exclusividade com as máquinas de movimentação de cargas da DAEWOO, hoje designada por DOOSAN, e as máquinas de retificar discos de travões MAD. E antes de acabar a década, estabeleceu um acordo de representação com a FUTURE para sistemas de extração de gases de escape e com a NUSSBAUM para elevadores oficinais. Entrou no novo milénio aumentando o seu portfólio de marcas representadas, com a MIDTRONICS para equipamentos de teste e diagnóstico de baterias. No âmbito dos veículos automóveis, investiu na marca indiana TATA, e na respetiva rede oficinal para prestação da assistência a esses automóveis. Em 2001, iniciou a reparação em Portugal, de bombas injetoras Denso de controlo eletrónico, atividade de elevado índice tecnológico que nos anos seguintes se alargou também à reparação dos

sistemas diesel “common-rail”. Nessa senda obteve certificação segundo as normas NP EN ISO 9001:2008 com o seu Sistema de Gestão da Qualidade. No decorrer desses anos, foi abrindo e ampliando as suas instalações, com áreas de exposição, armazém, oficina, centro de formação de apoio dedicado a todos os produtos comercializados e assistidos pela Lusilectra. Atualmente tem a representação da JONNESWAY - Ferramentas Profissionais para o mercado Ibérico e passou a ser importador das máquinas de movimentação de cargas DOOSAN, com a mesma abrangência. Ao alcançar os 30 anos de existência, a Lusilectra tem mantido um crescimento sustentado, graças a uma política de rigor e a uma escolha de produtos de qualidade que a empresa distribui, assegurando o binómio Qualidade/Profissionalismo na prestação dos Serviços Comerciais, apoio Pré e Pós venda.


Março 2013

Revista Automotive

29

Crise? Já ultrapassámos uma guerra e uma revolução!

Sede da Filinto Mota, em Braga

É com este discurso positivo, otimista e desafiador que se inicia o diálogo no Grupo Filinto Mota. A equipa é motivada, desde o mais novo colaborador ao mais antigo, todos trabalham com o mesmo espírito e afinco.

S

e não fosse assim, a concessão Citroën, na Avenida dos Aliados no Porto em 1934 não tinha singrado. Pois é, atravessaram a Segunda Guerra Mundial e apesar dos impedimentos na importação de automóveis e peças durante esse período, que restringiu as possibilidades da empresa, seguiu-se um período de grande crescimento. A revolução do 25 de Abril em Portugal volta a condicionar os negócios pois a limitação das importações e a proibição da importação de carros de passageiros foi uma realidade, revertida em 1988. Já lá vão duas (guerra e revolução), mas atualmente contam com 9 stands e 15 agentes, cobrindo em termos geográficos grande parte do norte do país. Recentemente com a abertura de mais um ponto de venda com loja e armazém de peças BOSCH o grupo Filinto Mota aumentou a oferta em termos de maior

proximidade dos clientes e maior diversidade em produtos disponibilizados comenta Patrício Martins, um dos novos colaboradores deste novo ponto de venda. A localização na rua Pinto Bessa na Campanhã, Porto, é uma vantagem “em termos de captação de novos clientes e o facto de pertencermos à rede BOSCH permite-nos aumentar a notoriedade e confiança dentro do sector das peças” conclui Carlos Borges, outro dos novos colaboradores. Mário Pedreira, Diretor de Unidade refere que esta abertura resulta da estratégia do grupo em consolidar e fortalecer a área do pós-venda e aftermarket, para favorecer a acessibilidade aos nossos clientes e estarmos em pontos de confluência de interesses. Adianta ainda que a oferta em termos de serviços pretende ser mais abrangente e qualificada. Além do serviço pós-venda da Citroën e da Honda, onde utiliza-se mão-de-obra formada pelas

marcas e peças originais, o grupo Filinto Mota dispõe ainda de oficinas Bosch Car Service e laboratório Bosch Diesel Service, de forma a abranger todas as soluções para todas as marcas e modelos de viaturas. Com a oficina Bosch Car Service conseguimos abarcar um leque muito diversificado de clientes bem como disponibilizar o apoio necessário às maiores frotas, sempre com a garantia de um serviço de qualidade prestado por técnicos altamente qualificados. André Rocha, Coordenador responsável pela venda de peças e conceitos oficinais BOSCH, salienta que o grupo sabe o momento certo para redimensionar áreas de negócio e tem a competência para crescer de forma sustentada. O pós-venda apresenta-se assim como uma aposta credível, e os dois call center (Porto e Braga) dão o apoio necessário a nível de encomendas para os balcões de peças.


30

Revista Automotive

Março 2013

A logística de transportes dos balcões BOSCH, CITROËN e HONDA têm a capacidade para garantir entregas bi-diárias em todos os concelhos a norte de Coimbra até Valença e do litoral ao interior. A operar como distribuidor oficial BOSCH e representante das marcas Citroën e Honda, em termos de dinâmica na gestão das oficinas, o grupo vai mais além. Mário Pedreira menciona que “o facto de termos técnicos qualificados Citroën e Honda permite-nos aproveitar a capacidade instalada e oferecer serviços de reparação low-cost a viaturas mais antigas como sendo os modelos AX ou Saxo”. Deste modo a área de pós-venda do grupo Filinto Mota consegue abranger todo o parque circulante Citroën e Honda, utilizando o investimento feito em equipamento e mão-de-obra para prestar um serviço de excelência a preços bastante competitivos. A nível de comunicação, André Rocha finaliza afirmando que “as nossas diversas campanhas de comunicação têm funcionado muito bem, e marcamos presença tanto na internet como nas redes sociais, pois a repercussão e os resultados fazem-se sentir de forma quase imediata”. PUB

Loja e armazém de peças Bosch

Laboratório Bosch Diesel


Março 2013

Revista Automotive

31

Hyundai ix35 Fuel Cell com emissões-zero A Hyundai aumentou a sua quota no mercado europeu para 3,8% em Fevereiro, de acordo com dados divulgados pela ACEA - Associação Europeia de Construtores Automóvel. A sede europeia da empresa encontra-se igualmente em fase de expansão, com um novo centro de testes, mesmo ao lado da famosa pista de Nürburgring. A empresa através do centro de testes conseguirá uma significativa melhoria em termos de qualidade, desempenho e comportamento dinâmico dos novos veículos Hyundai, projetados para o mercado europeu. A Hyundai Motor foi premiada com o primeiro contrato de leasing para um veículo a pilha de combustível a hidrogénio pela Fuel Cells and Hydrogen Joint Undertaking (FCHJU), em Outubro de 2011.

sentissem o comportamento, conforto e segurança do automóvel de pilha de combustível com emissões-zero.

Ao longo de 2012, o ix35 Fuel Cell foi apresentado aos decisores, investidores e ao público em geral. O impacto desta iniciativa, foi positivo, porque permitiu aos futuros utilizadores que

A primeira produção de veículos de pilha de combustível Hyundai ix35 Fuel Cell com emissões-zero, será disponibilizada ao longo de 2013.

IMA Ibérica obteve a marca de qualidade A nova certificação inclui-se dentro do plano estratégico da companhia A IMA Ibérica é uma das sociedades do Grupo Inter Mutuelles Assistance, que acaba de receber a certificação de qualidade ISO 9001:2008. Esta certificação veio reconhecer o esforço e o trabalho realizado no processo de implantação do seu Sistema de Gestão de Qualidade. Um projecto que estava incluído no plano estratégico da companhia, especializada na prestação de serviços de assistência a pessoas e veículos. Com uma clientela muito diversificada constituída por sociedades de seguros, corretoras, seguros de saúde, entre outras. É uma

companhia de assistência a clientes nacionais e internacionais, do próprio Grupo e não só, quando os seus beneficiários se deslocam para Portugal e Espanha. “A consecução da certificação supõe entrar numa dinâmica de melhoria contínua da nossa organização e uma aposta da filial espanhola do Grupo IMA por uma gestão eficaz, sistemática e visível de todos os processos”, assegura David Pino, diretor geral da IMA Ibérica Assistência. Destacando que a obtenção deste certificado supõe o reconhecimento da política de qualidade que desde sempre é um pilar fundamental da companhia “uma organização implicada na máxima qualidade e satisfação do cliente”, destacou David Pino. Os seus profissionais têm uma formação trilíngue: português-francês-espanhol, o que facilita a comunicação e a compreensão dos problemas dos seus clientes. No campo jurídico propõem soluções quer em regime de prestação de serviços quer em regime básico da atividade seguradora. A sua metodologia de trabalho é baseada nas premissas de Planear, Executar, Conferir e Agir.

Luís Simões amplia operação com a Reckitt Benckiser Grupo ganha processos logísticos da marca no mercado espanhol

explica Vitor Enes, diretor geral de logística ibérica da Luís Simões.

O grupo Luís Simões aumentou o leque dos serviços prestados à Reckitt & Benckiser (R&B), multinacional de referência na área da saúde e higiene, com o alargamento das operações logísticas, realizadas em Portugal desde 2008, ao mercado da Catalunha, a partir deste ano.

O operador logístico é, assim, responsável pela receção e armazenamento de produto, bem como pelas operações de picking e co-packing. O acordo com a R&B inclui também a distribuição a partir dos centros de operações logísticas do Luís Simões para o mercado ibérico.

“Em Portugal detemos 100% das atividades logísticas da R&B e o início desta operação no mercado espanhol permite-nos continuar a crescer. A R&B é um cliente estratégico pelo setor de atividade e pelo volume de negócio, que nos oferece novas oportunidades enquanto parceiro de referência”

Do portefólio de produtos da R&B fazem parte marcas de referência para os consumidores, como Calgon, Vanish, Dr. School e Strepsils. Em 2012, as operações contratualizadas à Luís Simões representaram mais de 3 milhões de euros na faturação do grupo logístico.


32

Revista Automotive

Março 2013

Aplicação MAN TeleMatics distinguida com iF Award para melhor design de comunicação A aplicação para smartphones MAN TeleMatics foi distinguida com o prémio “iF Communication Design Award 2013” na categoria “Aplicação Móvel”, em Munique. Com este prémio, o júri distingue produtos que apresentam o melhor design de comunicação.

gestores de frota podem determinar se os veículos necessitam de assistência e se os condutores necessitam de formação.

A aplicação MAN TeleMatics para iPhone e iPad fornece às transportadoras todos os dados necessários para gerir frotas de forma eficiente. A aplicação mostra o local exato onde cada veículo se encontra, permitindo que o operador saiba em qualquer lugar, quais os veículos disponíveis para encomendas. Permite reduzir o consumo de combustível porque é possível colher informações de todos os camiões sobre o respetivo consumo, tempos de inatividade, utilização de retardador e controlo de velocidade de cruzeiro, utilização recorrente de manobras de ultrapassagem, entre outras. A nova aplicação expande o sistema MAN TeleMatics através da adição de acesso móvel os utilizadores têm sempre acesso a um resumo que lhes permite saber se os veículos estão em boas condições técnicas e se estão a ser conduzidos de forma económica, de modo a colocar menos tensão na carga. Assim, os

Adicionalmente a aplicação possibilita o acesso a relatórios com gráficos de barras coloridos que mostram rapidamente o nível de eficiência com que os veículos estão a ser conduzidos. A aplicação MAN TeleMatics também disponibiliza funções de comunicações: condutores e expedidores podem enviar e-mails diretamente da aplicação. Além disso, a aplicação para iPhone dispõe também de uma função telefónica integrada, que permite fazer chamadas diretamente para o telemóvel do condutor. Para que possa ficar a saber tudo sobre as versáteis funções da aplicação, esta inclui um modo de demonstração com uma frota simulada.

NEC recebe Prémio Europeu de Inovação para Comunicações entre Veículos A NEC Europe recebeu da Frost & Sullivan o Prémio Europeu de Inovação em Novos Produtos para Comunicações entre Veículos, de 2012, pelos seus sistemas de comunicação entre veículos. O prémio reconhece as empresas que demonstram as melhores práticas no seu setor, enaltecendo a diligência, o compromisso e as estratégias de negócio inovadoras necessárias para evoluir no mercado global. O prémio reconhece a liderança da NEC neste mercado ao longo dos últimos quatro anos e o seu potencial para introdução de produtos no mercado. De salientar o sistema de comunicações entre veículos da NEC, que inclui a plataforma de comunicação LinkBird-MX e o kit de desenvolvimento de software C2X da NEC. Este sistema tem sido empregue em projetos de cooperação e testes com fabricantes de automóveis em toda a Europa desde 2008. Foi otimizado ao longo dos anos para aumentar a interoperabilidade e a conformidade com as normas, bem como para melhorar as suas funcionalidades com base nos

resultados de testes. Recentemente, o sistema foi melhorado para suportar aplicações de condução energeticamente eficientes, no projeto europeu eCoMove, e está também a ser utilizado atualmente no teste europeu em larga escala, DriveC2X. A plataforma LinkBird-MX pode ser implementada como uma Unidade de Bordo (OBU) ou Unidade de Estrada (RSU) e alcançou reconhecimento na indústria europeia de sistemas inteligentes de transporte, com clientes que vão desde os principais fabricantes de automóveis até aos integradores de equipamentos rodoviários. Segundo a análise da Frost & Sullivan, o sistema de comunicações entre veículos da NEC superou os seus concorrentes nos cinco critérios de aferição adotados na matriz de suporte à decisão: elementos inovadores do produto, incorporação de tecnologias de ponta no produto, características/benefícios com valor acrescentado, aumento do retorno sobre o investimento dos clientes e potencial de aquisição de clientes.


Março 2013

Revista Automotive

33

Peugeot Partner lidera vendas de Comerciais Ligeiros

A marca Peugeot “fez o pleno” no mercado nacional no passado mês de Fevereiro: o modelo Partner liderou as vendas de Comerciais Ligeiros com 135 unidades vendidas, e o modelo 208 foi nº 1 entre os Veículos de Passageiros.

A

s vendas do modelo Partner no segmento dos Veículos Comerciais Ligeiros (VCL) merece particular destaque tendo em conta que é um dos modelos fabricados no Centro de Produção de Mangualde, e as suas vendas se refletem num incremento direto no produto interno bruto nacional.

e uma lista com os estados das funções. Garantia de qualidade e conforto a bordo, é o Pack Visibilidade: limpa-vidros automático e acendimento automático dos faróis (opção consoante a versão), o sistema de ajuda ao estacionamento traseiro e o ar condicionado manual tornam a condução prazerosa e confortável.

Portuguesa com certeza, pois adapta-se a diferentes condições e responde às necessidades específicas de cada empresa, porque cada uma, tem a sua individualidade. A gama Patner apresenta múltiplas opções, por exemplo: o tamanho da carroceria, número de portas, chapeadas ou de vidro, de batente ou de correr. O banco traseiro é modulável de 3 lugares e permite variar as possibilidades de utilização do espaço interior, do volume de carga e do habitáculo.

Também para frotas, a gama Business Line 508 da Peugeot disponibiliza viaturas com um forte impacto visual, discreto e pujante, com motorização eficiente em

O computador de bordo em opção consoante a versão fornece, informações sobre as distâncias e o consumo, uma lista comos alertas

termos de consumo, o que favorece os custos de utilização. Com jantes em liga leve e pneus de grande durabilidade, faz com que os custos de manutenção sejam baixos. A pensar na estética, apresentação e segurança, oferece de série: sensores de estacionamento, de chuva e de luminosidade; cruise control, kit de mãos livres e Bluetooth. Graças à durabilidade e longa vida dos veículos, o valor residual de toda a gama é um dos mais elevados da categoria. De acordo com Alfredo Amaral, Diretor-geral da Peugeot Portugal, “esta performance comercial, que nos enche de orgulho, é fruto de um trabalho continuado sobre a nossa gama de produtos, cada vez mais competitiva e adequada à procura nacional, quer por parte de clientes particulares quer por parte de profissionais. Por outro lado, trata-se de um trabalho de equipa entre a Peugeot Portugal e a rede de concessionários Peugeot, que no terreno é a face da marca junto do cliente”.


34

Revista Automotive

Março 2013

Novo Mercedes-Benz A 45 AMG

É já no próximo mês de Abril que se inicia a comercialização do A 45 AMG. Pela primeira vez na sua história, a Mercedes-Benz lança um modelo compacto de características desportivas.

O

A 45 AMG simboliza a estratégia para o futuro: AMG Performance 50. Está em marcha até à comemoração dos 50 anos da Mercedes-AMG GmbH que será em 2017. Com uma potência máxima de 360 cv (265 kW) e até 450 Nm de binário, o motor AMG 2.0 turbo é um propulsor de quatro cilindros produzido em série que cumpre as exigências da norma EU6 de controlo de emissões de gases nocivos. O A 45 AMG acelera dos 0 aos 100 km/h em 4.6 segundos e atinge uma velocidade máxima de 250 km/h . Tem um consumo combinado de 6,9 litros por cada 100 km, segundo a norma NEDC; trata-se de mais um membro da família de motores BlueDIRECT, que

brevemente vão circular nas estradas.

Modo “Momentary M” garante ainda mais dinamismo e prazer de condução Outra característica especialmente concebida para reforçar o desempenho dinâmico e o prazer de condução. O condutor desfruta de todo o dinamismo e performance das passagens de caixa manuais em todos os programas automáticos da transmissão, sem a “intromissão” de desmultiplicações ou reduções automáticas. Isto permite ao condutor concentrar totalmente a sua atenção no elevado desempenho do veículo. No modo “C” (Controlled Efficiency),

sobressaem as características mais suaves do motor e da transmissão, em linha com um estilo de condução orientado para os baixos consumos e para o conforto. A função ECO start/stop mantém-se ativa no modo “C”. O sistema de tração integral AMG 4MATIC, concebido os modelos com maior performance, define novos padrões no segmento do A 45 AMG. Se é aficionado por números e pormenores técnicos recomendamos que visite um concessionário Mercedes-Benz, o pessoal especializado saberá responder ao leitor com todo o pormenor e clareza, que só um especialista o poderá fazer. E por falar em especialista...


Março 2013

Revista Automotive

35

tradicional da AMG de “um homem, um motor”. Para o efeito, foi criada uma linha de montagem para o novo motor AMG na fábrica Mercedes-Benz de Kölleda, onde são produzidos todos os propulsores BlueDIRECT.

Motor construído à mão, segundo uma tradição de excelência

Uma das particularidades do processo de produção “um homem, um motor” consiste na placa aplicada no motor AMG com a assinatura do responsável pela montagem do mesmo. Além de constituir uma tradição da qualidade de produção da AMG, se adquiri um, vai saber realmente o nome do especialista que o montou. É com este detalhe, precisão, zelo, pormenor e atenção que é montado.

O novo motor de quatro cilindros é produzido manualmente segundo a filosofia

Design com linhas desportivas e dinâmicas

O design específico conferido pela Mercedes-AMG ao novo Classe A coloca um maior ênfase nos pormenores que tornam o modelo mais desportivo e dinâmico. Com base numa linha exterior com requintes estéticos asseguram ao A 45 AMG uma aparência digna de um modelo de elevado desempenho – um genuíno AMG em todos os sentidos. Os bancos desportivos fabricados manualmente em ARTIC, com costuras contrastantes em vermelho, o volante multifunções com patilhas de seleção da caixa de velocidades, e o sistema AMG DRIVE UNIT, constituem novos padrões tanto em termos estéticos como em termos de qualidade que fazem deste modelo um veículo exclusivo no seu segmento.


36

Revista Automotive

Março 2013

Renault R-Link, o tablet multimédia do automóvel Graças à sua conectividade, este tablet multimédia integrado faz a ligação entre o automóvel e o mundo exterior, agrupando todo o conjunto de funcionalidades multimédia: navegação, rádio, telefone com bluetooth e áudio streaming; ligação a leitores de música portáteis, e um vasto catálogo de aplicações que poderão ser carregadas a partir dele. Estas funcionalidades são controladas através de um grande ecrã táctil de 7 polegadas (18 cm), com uma ergonomia simples e intuitiva. Esta ligação entre o automóvel e o mundo exterior, insere no automóvel uma gama de novos serviços e aplicações especialmente desenvolvidas que irão transformar e dinamizar o universo dos utilizadores. O Renault R-Link, pelas suas performances e ergonomia, irá também seduzir todos aqueles que se interessam

pelas novas tecnologias. Disponível como equipamento opcional nas novas versões do Clio, do SportTourer, Captur e do Kangoo, o R-Link vem como equipamento de série no Renault ZOE. Através do R-Link Store. O utilizador tem acesso a mais de 50 aplicações de acordo com o país, que podem ser carregadas diretamente no automóvel. O R-Link foi criado para assegurar ao condutor uma utilização fácil, prática e segura, responde também ao comando de voz. A Renault oferece entre outras vantagens, um acesso gratuito durante três meses ao TomTom LIVE, para acompanhar os utilizadores nos primeiros

passos e sentirem as vantagens da sua utilização. A oferta de serviços disponíveis aos utilizadores do Renault R-Link permite, entre outras facilidades, o acesso a uma série de pacotes de assinatura constituídos para fazerem face às diferentes necessidades. O pack Discovery, por exemplo, fornece uma introdução ao mundo R-Link e pode ser carregado diretamente no carro ou num computador.

Seat novo modelo chegará aos concessionários em Maio O Leon SC modelo compacto pela primeira vez disponível em mais do que uma carroçaria e versão três portas, alargará a oferta e a cobertura da SEAT no segmento Europeu. Esta versão irá satisfazer as necessidades dos clientes que desejam um automóvel desportivo com funcionalidade de topo. Antes do final deste ano a SEAT lançará ainda uma versão familiar: uma carrinha. Tal como na versão de cinco portas, o Leon SC está equipado com uma gama de motores desde os 86 CV até aos 184 CV de potência. O Leon 1.6 TDI CR de 105 CV com o sistema Start/Stop apresenta emissões de apenas 99 g/km de CO2. O vice-presidente financeiro da Seat Holger Kintscher sublinhou que “em 2012 a Seat demostrou a sua capacidade para gerar maiores entradas de capital, otimizar os custos e incrementar o cash-flow. A inversão da tendência para a rentabilidade é evidente.” Em nome do departamento do meio ambiente e ordenação do território de Madrid, o secretário Ramón Paredes, recebeu simbolicamente, na Torre de Cristal, sede da companhia em Madrid, um veículo 100% elétrico das mãos do vice-presidente de relações governamentais e institucionais da Seat e do grupo Volkswagen em Espanha, Borja Sarasola.

Esta entrega formal e simbólica, demonstra claramente o apoio do governo e da comunidade de Madrid, não só porque este automóvel é amigo do ambiente; mas também porque o desenvolvimento de um veículo deste tipo tem implicações em todo o parque tecnológico do país. Os trabalhadores da Câmara de Madrid aderiram voluntariamente ao programa de utilização desses veículos durante três meses. Suas opiniões e sensações ao volante do carro elétrico foram registadas, criando assim um ficheiro de informações e de dados, como por exemplo o estado da bateria, hábitos de recarga, velocidade e aceleração. Através desse estudo exaustivo foi possível fundamentar e justificar a aquisição e incorporação desse carro na frota espanhola.


Marรงo 2013

Revista Automotive

37


38

Revista Automotive

Março 2013

Siemens apresenta respostas integradas para gestão do tráfego das cidades A má gestão do tráfego, das vias, da sinalética, das infraestruturas, consomem a maior parte dos recursos económicos, com fortes impactos ambientais e sociais. Os desafios das cidades adiciona-se ainda a falta de lugares de estacionamento. A desorganização consome grande parte dos recursos económicos no que respeita, quer ao gasto em combustíveis, quer à ligação direta com a produtividade das populações urbanas e tem grande influência no bem-estar e qualidade de vida das populações. Para responder a estes problemas e garantir o bom funcionamento dos fluxos de tráfego gerados no centro das cidades, a Siemens desenvolveu soluções de mobilidade integrada com benefícios muito concretos visíveis em várias metrópoles europeias. “A mobilidade é um aspeto fundamental quando se fala na competitividade das cidades, e por isso exige respostas integradas, nas quais a gestão de estacionamento desempenha um papel estruturante”, referiu Frederico Rauter, responsável pela área de Road and City Mobility da Siemens, durante a 1ª Conferência de Mobilidade e Estacionamento promovida pela ANEPE Associação Nacional das Empresas de Parques Estacionamento que decorreu no dia 1 de Março. A mobilidade é um dos principais fatores de competitividade das cidades uma vez que acessibilidades bem equipadas e geridas atraem pessoas e empresas. A procura de lugar de

estacionamento é apontada como responsável por até 34% dos congestionamentos em grandes cidades. Soluções diferenciadas de estacionamento para bancos e hotéis, sistemas mais complexos para aeroportos, centros de eventos ou centros comerciais ou soluções integradas para operadores profissionais de estacionamento – e que se encontram um pouco por todo o mundo, permitem às cidades respostas de mobilidade integrada, e consequentemente competitividade. Solução Siemens reduziu cerca de 20% do tráfego em Londres em 10 anos A mobilidade de Londres traduz o resultado da adoção de abordagens integradas. Medidas como a otimização das ligações por comboio entre áreas suburbanas e o centro da cidade, a adoção de uma frota de autocarros que inclui agora, pela primeira vez, veículos de tecnologia híbrida (fornecidos, também, pela Siemens), um sistema de indicação precisa da localização de veículo e informação aos passageiros em tempo real. A implementação de um sistema de controlo de acessos ao centro da cidade, resultou na menor circulação de veículos e foi uma das medidas com maior impacto. Todas estas alterações conduziram à melhoria da qualidade do ar, à redução de cerca de 20% no tráfego no centro da cidade, menos 150 mil toneladas de emissões de CO2, aumento de 37% na fluidez de tráfego.

Próxima geração de automóveis Mercedes-Benz com tecnologia TomTom HD Traffic. Tecnologia HD Traffic otimizará o tempo a todos os condutores da marca germânica com informação de trânsito em tempo real. Com este equipamento os condutores chegarão ao seu destino de forma mais rápida e com redução de consumos. “Oferecemos informação de trânsito de elevada qualidade, precisão e detalhe,” referiu Charles Cautley, Managing Director da TomTom Automotive. “O sistema TomTom HD Traffic vai ao encontro dos padrões de excelência da Mercedes-Benz, que visa oferecer a melhor experiência de navegação aos seus condutores e que lhes permita planear da melhor forma os seus percursos.” A tecnologia de informação de trânsito da TomTom permite aos condutores reduzirem o tempo de viagem semanal em cerca de 50 minutos ou quase 40 horas por ano. Assim, os clientes Mercedes-Benz irão potencialmente recuperar uma semana inteira de trabalho por ano, ao utilizarem a tecnologia TomTom HD Traffic. A informação de trânsito TomTom HD Traffic estará disponível em Portugal, Luxemburgo, Alemanha, Reino Unido, França, Itália, Bélgica, Espanha, Holanda, Suíça, Áustria e Dinamarca.

Avis sempre a somar António Mendonça vai acumular com a direção geral da AVIS Portugal a direção geral da Avis Espanha. Esta decisão surge no âmbito do projeto de restruturação geográfica que a Avis Budget Group está a desenvolver a nível europeu e que englobará Portugal, Espanha e Itália num cluster regional do Sul da Europa. De acordo com António Mendonça, “esta nomeação representa o reconhecimento da equipa portuguesa pelos resultados alcançados e, para mim, um estimulante desafio profissional. Trata-se também de uma excelente oportunidade para promover a otimi-

zação de sinergias em mercados tão competitivos.” A Avis Car Rental é uma das marcas de aluguer de viaturas com maior reconhecimento mundial, com aproximadamente 5.200 agências em mais de 165 países. Este ramo de negócio tem vindo a aumentar, principalmente porque está presente no sítio certo e na hora certa. Tem facilitado a vida daqueles que pretendem uma deslocação rápida, segura, flexível e facilitadora nas viagens; a trabalho ou em férias, é uma opção com grandes vantagens que cada vez mais os clientes utilizam.


Março 2013

Revista Automotive

39

Dunlop apresentou o pneu de competição do futuro

Os novos pneus de competição Sport BluResponse foram desenvolvidos para o GreenGT H2, o primeiro automóvel em Le Mans a pilhas de hidrogénio

A

Dunlop celebra este ano o seu 125º aniversário e, segundo os responsáveis da marca, não só fará uma retrospetiva da sua tradição em competição e estrada, como fará também uma perspetiva daquilo que quer alcançar nos próximos 125 anos. Desta forma anuncia que redirecionou o foco de trabalho para favorecer a diminuição do consumo de combustível e o uso de fontes alternativas de energia nas pistas de corrida. Embora durante muitos anos a Dunlop tenha vindo a desenvolver tecnologias para automóveis híbridos - elétricos e de combustíveis alternativos. Recentemente o centro técnico de desporto automóvel deu um novo impulso à atividade quando anunciou, que os pneus Sport BluResponse equipam o GreenGT H2, o primeiro automóvel a pilhas de hidrogénio. Com este envolvimento a Dunlop compromete-se com um programa de

desenvolvimento específico, arrojado e desafiador, para responder às futuras exigências tecnológicas da alta competição automóvel.

Das pistas diretamente para o seu carro Baseado nos testes já realizados e nos resultados obtidos a Dunlop migrou esse desenvolvimento para o novo pneu de estrada: o Sport BluResponse. Os princípios de construção da resistência ao rolamento mais baixa, através dos compostos de produção de calor mais baixo e das formas otimizadas da carcaça do pneu são os mesmos. O GreenGT H2, que vai competir nas 24 Horas de Le Mans em 2013, é o primeiro automóvel de competição no mundo que é propulsionado por pilhas de hidrogénio e que apresenta tecnologia motopropulsora elétrica. As pilhas de hidrogénio

e de combustível possuem um grande potencial para servirem de fonte de energia ao futuro desporto automóvel e, a fim de aumentar a eficiência da energia e aderência do automóvel, o pneu tem que ser especificamente construído para essa configuração. Os futuros automóveis de competição propulsionados por combustíveis alternativos vão depender grandemente da Tecnologia de Vectorização de Binário (TVB), que tem um peso significativo na construção do pneu. Enquanto o controlo de distribuição do binário lateral distribui de forma desigual o binário do motor para as rodas direita e esquerda, a TVB apresenta o diferencial com capacidade para fazer variar a quantidade de energia enviada a cada roda. A suspensão pode, portanto, ser utilizada para controlar a resposta do veículo enquanto a vectorização de binário se concentra na estabilidade.


40

Revista Automotive

Março 2013

BP Portugal e Pingo Doce lançam cartão PoupaMais A BP Portugal e o Pingo Doce lançaram o Cartão Poupa Mais com desconto direto e imediato em combustível. O cartão aposta numa solução de poupança efetiva, e pretende reforçar o relacionamento de proximidade e de confiança com os clientes das duas marcas. O cartão Poupa Mais já está disponível nas lojas Pingo Doce e permite aos consumidores de ambas as marcas economizar nas despesas de combustíveis, de uma forma sistemática e planeada. Durante a campanha de lançamento, por cada 30€ em compras no Pingo Doce, o cliente acumula no cartão 2€ de desconto em combustível. “Mais rápido a poupar, mais simples de usar” é o claim do programa que dá nome ao cartão Poupa Mais. Facilitando as operações, o montante acumulado no cartão ficará disponível de imediato. Poderá ser descontado em abastecimentos de toda a gama de combustíveis BP nos postos aderentes, sendo obrigatório um abastecimento mínimo, variável consoante a promoção em vigor à data.

Esta parceria com a BP permite-nos alargar a oferta a outros bens de consumo que têm um peso significativo no orçamento familiar, como é o caso do combustível.”, afirmou Vanessa Silva, Diretora de Marketing do Pingo Doce. Desenvolvida pela agência Ogilvy One, a campanha abrange todos os postos de combustível BP e lojas Pingo Doce do território nacional e Ilha da Madeira. Para continuar a usufruir dos benefícios, os clientes deverão registar a partir de 1 Junho 2013, os seus cartões no site www. poupamais.pt, ou através da linha de apoio ao cliente, 808 500 068. Os clientes que já possuem um cartão BP Premierplus, poderão ainda associar os dois cartões, acumulando vantagens na gestão dos descontos.

“Este projeto resulta do esforço conjunto da BP Portugal e do Pingo Doce para o estabelecimento de uma parceria que permita dar resposta às necessidades de maior poupança das famílias portuguesas. Nesse sentido, foi fundamental o investimento numa estratégia baseada em parcerias diferenciadoras com marcas de elevada notoriedade.”, refere Anabela Silva, Diretora de Marketing da BP Portugal. “No Pingo Doce, temos vindo a oferecer oportunidades de poupança real e imediata aos nossos clientes, nos mais diversos produtos e em especial nos bens essenciais.

Sage na Fórmula 1 com a equipa Marussia A Sage anunciou que irá manter a parceria com a equipa de Formula 1 Marussia, num acordo global de patrocínio para 2013. A equipa é já cliente Sage de longa data, tendo este ano feito um investimento adicional nos produtos de RH. O Sage ERP X3 oferece a confiança, agilidade e inovação necessários no rápido e altamente competitivo ambiente da F1. A Sage acredita na dedicação da Marussia F1 Team e na sua ambição para atingir os seus objetivos e progresso na sua posição na F1. Esta parceria da Sage com a Marussia F1 Team justifica-se pelas semelhanças que existem entre a Equipa, a F1 e a solução Sage ERP X3 e visa fortalecer a visão comum entre as duas organizações. Christophe Letellier, CEO Mid-Market Europe e CEO Sage ERP X3 Worldwide, comentou: “Tanto a Marussia, como a Sage, são empresas sedeadas no Reino Unido, empresas com clientes globais, operações internacionais e com um forte foco na experiência de utilizador. Em 2011, pela primeira vez, a Marussia F1 Team colocou o Sage ERP X3 * no centro das suas operações, ligando cada parte do seu negócio. Estamos satisfeitos por anunciar que a Sage será parceiro e patrocinador da

Marussia F1 Team para 2013.” Segundo Rui Nogueira, Business Unit Manager de Médias e Grandes Empresas da Sage Portugal, “Acreditamos que este alinhamento demonstra a nossa dedicação para apoiar as empresas com a confiança, agilidade e inovação necessárias para crescerem e terem sucesso, especialmente num ambiente altamente competitivo”.


Março 2013

Revista Automotive

41

Dezoito anos...com prenda

A grande expectativa é saber o que vamos ganhar quando atingirmos a maioridade. Claro, todos pensamos: um carro! Nos negócios as coisas também podem ser parecidas. É o caso da Motorbus, dedicada à comercialização de peças para veículos pesados, que ganhou um premio aquando dos seus dezoito anos de existência: o prémio PME Excelência. Quisemos verificar se realmente mereciam, ou se era apenas uma prenda. Fingimos ser um cliente e logo no atendimento ficámos surpreendidos com a juventude, agilidade e postura dos profissionais. Rapidez de raciocínio, pronta ajuda para encontrar a melhor solução, interesse pelo nosso problema, proposta diversificada de soluções com o elenco das vantagens e desvantagens detalhado e bem fundamentado. Por fim, confessámos a nossa intenção. Aceitaram a nossa justificação com bom humor e puseram-nos a falar com Luís Pedroso, responsável pelo marketing e comunicação da empresa.

atingirmos este nível de exigência. Este reconhecimento alcançado, evidencia o rigor com que a Motorbus aborda o mercado, o respeito que tem com os seus clientes, colaboradores, fornecedores e restantes parceiros e implica um acréscimo de responsabilidade e uma melhoria contínua em todos os sectores da nossa empresa, visto que a nossa auto-exigência é muito elevada. A nossa filosofia é que todas as distinções, todos os prémios alcançados sirvam também, como uma alavanca para um reinvestimento no crescimento sustentado da Motorbus. A nossa linha estratégica não mudou em nada e a busca incessante do melhor produto para o cliente ao melhor preço mantêm-se, este caminho árduo prossegue e a exigência também.

Considera que mereceram o premio PME Excelência, ou foi uma prenda de aniversário?

Como se consegue sobreviver 18 anos neste mercado?

Esta distinção só foi possível em face do esforço da nossa equipa, dos nossos colaboradores, sem eles não seria possível

Começamos em 1995, foi uma caminhada dura, num terreno movediço, sempre com a sombra da crise mundial a querer

ofuscar a nossa rota. Temos registado um crescimento constante e sustentado o que nos permite dizer que estamos sólidos e bem cimentados apesar de todo o panorama que nos rodeia. Atingimos a nossa maioridade com a comemoração do nosso 18º aniversário em 2013. Para nós é mesmo uma grande felicidade, ter superado todos os problemas da “infância e adolescência” e realmente estamos seguros e confiantes. Foi um desafio de peso e de valor, este mercado é bastante exigente, rigoroso, muito amplo e com grande diversidade.

Conquistam clientela com facilidade? Para nós, o cliente está acima de tudo é o nosso maior valor, sem ele não faz sentido ter as portas abertas. Quando entra um cliente sabemos que ele precisa de nós, logo é uma relação vantajosa para ambos. Quanto mais e melhor percebemos o problema que o traz cá, mais eficiente será nossa resposta. Os nossos


42

Revista Automotive

Março 2013

Tiago Alves, um dos vários exmplos de jovialidade e dinamismo da Motorbus

profissionais esforçam-se por fornecer a melhor solução, não é só vender a peça; é perceber e ajudar com soluções atualizadas, ajustadas e todo o acompanhamento e o apoio posterior à venda. Um cliente satisfeito recomenda porque confia e volta porque sabe que não o iremos dececionar.

Avançamos para números: com que ordem de grandeza estão a lidar? Trabalhamos com todo o tipo de peças para pesados. Vendemos para redes oficinais, oficinas independentes, empresas de transportes públicos e empresas transportadoras de carga em geral. A distribuição no norte, centro e ilhas é centralizada na nossa sede em Vila Nova de Gaia. Nos últimos 7 anos passamos de 6 para 16 colaboradores. Somos distribuidores das principais marcas de aftermarket: Sachs, Mann Filter, Knorr Bremse, Wabco, KS, Diesel Technic, Febi, Demironen, entre outras

O “clima negativo” que contaminou Portugal, afetou-vos? O ano de 2012 foi positivo apesar de uma certa quebra no último trimestre em face da instabilidade do sector, com o acentuar das insolvências e dos planos de recuperação. Estes factos criaram algum

receio e houve necessidade de uma melhor gestão principalmente a nível da concessão de crédito. No entanto estamos convictos de que a pior fase já passou e que o sector terá alguma tendência a estabilizar. Este ano será importante para clarificar algumas situações e movimentações que se irão registar no aftermarket de pesados.

Fale-nos então de 2013. Pensando no ano de 2013, não podemos deixar de referir o facto de termos sido distinguidos com o estatuto PME Excelência, distinção que premeia o nosso esforço, dedicação, rigor na gestão,

preocupação com o cumprimento das nossas obrigações, responsabilidades e fundamentalmente o trabalho sério e honesto. Para o ano de 2013, apesar de todos os condicionalismos inerentes, ambicionámos manter o nosso ritmo de crescimento, visto que verificamos que existe margem para crescer. Paralelamente, a busca permanente de novos fornecedores/parceiros é uma exigência cada vez mais intensa, visto que actualmente queremos contar com os melhores, com as marcas premium, sempre com a clara intenção de melhor servir o cliente. A Motorbus é a distribuidora das principais marcas do Aftermarket


Março 2013

Revista Automotive

43

O novo Volvo FM no mês de Abril no Salão de Birmingham

Novo modelo tem estreia prevista para o próximo mês de Abril no Salão de Birmingham. A Auto Sueco representante Volvo Trucks em Portugal, revelou os primeiros dados do novo camião

O

novo Volvo FM, consegue reunir num mesmo modelo flexibilidade e eficiência, conceitos que identificam este camião como um produto que vem responder às necessidades da maioria dos clientes deste segmento de mercado. Estará disponível para o mercado europeu em Setembro de 2013.

A pensar no motorista Entre as novas características, este modelo apresenta uma cabina melhorada e um inovador sistema de direção dinâmica

O ambiente a bordo do novo Volvo FM

Volvo, que visa melhorar as características de condução do motorista. Claes Nilsson, presidente da Volvo Trucks, acrescentando ainda que “a direção dinâmica Volvo é uma inovação técnica de classe mundial. Beneficia o motorista em todas as condições de operação ao criar um ambiente de trabalho mais seguro, confortável e agradável na sua condução diária”. A baixas velocidades o motorista pode permanecer numa posição descontraída

e conduzir sem ter de esforçar os músculos dos ombros e dos braços. O sistema compensa automaticamente em caso de estradas muito inclinadas e ventos laterais, permitindo ao motorista conduzir em linha reta. Outra novidade é a possibilidade de transferir a nova aplicação “My Truck”, permitindo ao motorista controlar e monitorizar remotamente algumas das funções do camião. A elevada qualidade de um produto polivalente e inovador, combinada com uma das mais avançadas

Claes Nilsson, presidente da Volvo Trucks


44 opções de telemática para monitorizar uma série de componentes fazem do novo Volvo FM, um dos melhores camiões de sempre da sua classe e da própria Volvo Trucks.

Boa experiência de condução A suspensão melhorada é outra atualização que contribui para o excelente comportamento em estrada. “O novo Volvo FM beneficia da maioria das nossas mais recentes inovações. O progresso na estrada é mais garan-

Revista Automotive

tido, com uma melhor estabilidade de circulação. Para melhorar a eficiência de combustível, e reduzir o consumo de diesel em até cinco por cento, o novo Volvo FM conta com o sistema I-See, “, destacou Claes Nilsson. “O novo Volvo FM é muito fácil de personalizar, de acordo com as necessidades individuais de cada condutor. Para utilizar uma linguagem futebolística, o Volvo FM é como um jogador polivalente que faz um trabalho brilhante onde quer que seja necessário atuar”, exemplificou Claes Nilsson.

Março 2013 Flexível e eficiente As novas configurações de eixos, a maior flexibilidade do chassi, os interfaces claros, e o peso bruto mais reduzido, fazem deste modelo da Volvo Trucks um equipamento perfeito para um trabalho ainda mais produtivo e económico, oferecendo ao motorista um ambiente de trabalho completamente novo. Proporciona uma estabilidade direcional excecional quer seja em autoestrada quer seja numa condução a baixa velocidade.

Reta oferece óleo para motor de frio A Reta vai oferecer durantes os meses de março e abril, aos operadores de transporte refrigerado de mercadorias, o óleo na revisão de motor de frio, nos centros de assistência técnica do Carregado e Perafita (Matosinhos). Esta campanha, válida para revisões com marcação prévia, tem como objetivo antecipar as necessidades dos clientes, alertando-os para a importância da revisão regular do motor de frio. Pelas suas características técnicas, estes motores exigem um cuidado específico, de forma a prevenir danos nos veículos de transporte e, por conseguinte, nas mercadorias refrigeradas. “A paragem de um motor de frio durante uma viagem pode comportar elevados custos para os operadores de transporte refrigerado. Este tipo de campanhas PUB

serve precisamente para antecipar as necessidades dos nossos clientes”, explica Paulo Caires, Diretor de Marketing e Vendas. A atividade da Reta – Serviços Técnicos e Rent-a-Cargo S.A, compreende a manutenção e reparação, venda e aluguer de semirreboques e aluguer de curta duração de tratores. A empresa conta com uma rede de Centros de Assistência Técnica, estrategicamente localizados e com boas acessibilidades. Convidamos os leitores para aprofundarem a informação e alargarem os seus contatos, através do site que foi todo atualizado em Janeiro é dinâmico, fácil de consultar, tem toda a informação relevante, bem organizado e rápido.


Março 2013

Revista Automotive

45

Só fazendo para saber fazer Construção, funcionamento e diagnóstico de Caixas de Velocidades ZF foi o tema da primeira ação de formação em 2013 na Rede ON TRUCK rede de oficinas multimarca para pesados, da Civiparts. Como isco, a rede ON TRUCK disponibilizou uma caixa de velocidades completa com o respetivo Intarder para que durante o primeiro dia fosse possível desmontar os vários componentes e analisá-los independentemente. Funcionou em pleno, quem resiste a desmontar, abrir e verificar com as “próprias mãos” todo este equipamento? A resposta está na foto! É indubitável a mais-valia de ter o componente em estudo à nossa frente e poder manuseá-lo. Durante a desmontagem o Formador António Piñeiro chamou a atenção para pormenores específicos e importantes que, no final fazem a diferença entre ter uma caixa de velocidades com máxima fiabilidade

ou ter um componente que durará apenas uma fração da sua vida útil. O segundo dia da formação foi dedicado ao estudo mais pormenorizado dos sistemas de comando destas Caixas de Velocidades, com destaque para o sistema SERVO-SHIFT e HGS (Hydraulic Gear Shift), válvulas de controlo e segurança, esquemas elétricos e hidráulicos, entre outros. Houve ainda um enfoque importante sobre os métodos de diagnóstico mais eficientes para deteção de avarias no Intarder. Os participantes sublinharam a importância da parte prática neste tipo de formação e apontaram algumas situações que, até esta ação de forma-

ção não valorizavam, mas que passarão a fazê-lo doravante tanto na desmontagem, como na montagem destes componentes. É com este espirito de formação e ação, em simultâneo, manuseando o equipamento com orientação e acompanhamento que A ON TRUCK atualiza os profissionais da sua rede e também dos seus principais clientes.

Camiões vão mais longe com qualidade MEYLE-HD A Wulf Gaertner Autoparts AG apresenta as suas primeiras peças de qualidade reforçada para camiões – Quatro anos de garantia em terminais de direcção para DAF, Iveco, MAN, Mercedes-Benz, RVI e Scania – O redimensionamento destes componentes de direcção oferece maior durabilidade sob maiores esforços.

Os problemas em componentes de direcção e suspensão não são incomuns em camiões e os terminais de direcção são particularmente vulneráveis às tensões causadas por más condições da estrada. Uma falha prematura de uma extremidade da barra de direcção pode ter um efeito adverso sobre a direcção. Para

Os tempos de inactividade de uma frota custam dinheiro aos clientes e empresas de transporte, mas o que dói mesmo é quando um camião está fora da estrada logo depois de ser reparado. Para ajudar as oficinas a pôr os veículos de volta à estrada por mais tempo a Wulf Gaertner Autoparts AG desenvolveu a sua primeira peça redesenhada para. Os engenheiros da Wulf Gaertner Autoparts AG projectaram um terminal mais robusto para os camiões DAF, Iveco, MAN, Mercedes-Benz, RVI e Scania, que terá uma vida útil mais longa do que o seu equivalente OE. O terminal HD pode ser usado numa ampla gama de diferentes veículos produzidos por estes seis fabricantes, tornando as coisas muito mais simples na oficina.

reduzir o desgaste e evitar a falha prematura, a Wulf Gaertner Autoparts AG já desenvolveu o seu primeiro terminal de direcção HD para camiões. Não só melhorou a qualidade, como também foi projectado para ser instalado em diferentes camiões construídos pela DAF, Iveco, MAN, Mercedes-Benz, RVI e Scania, tornando mais fácil às oficinas responder à procura de terminais de direcção de

uma forma simples e flexível, sem exigir grande capacidade de armazenamento. A principal melhoria é o aumento do diâmetro da esfera de 40mm a 45mm. A maior área de contacto melhora a capacidade de transporte da carga em 25%. A peça também tem um encaixe de plástico resistente ao desgaste, concebido pelo nosso parceiro alemão em tecnologia, a Igus®, para resistir a forças e temperaturas elevadas. Esta combinação de materiais é cuidadosamente feita para proporcionar uma resistência extra ao desgaste. A superfície finamente polida do pino da esfera mantém o coeficiente de fricção extremamente baixo. O revestimento de zinco do invólucro assegura um elevado grau de protecção contra a corrosão e a manga optimizada em borracha para vedação a longo prazo, contribui para a fiabilidade da extremidade da barra de acoplamento. A Wulf Gaertner Autoparts AG também utiliza um lubrificante de elevado desempenho especialmente adaptado aos requisitos específicos deste sistema tribológico. Isto contribui enormemente para reduzir o desgaste e, graças à película lubrificante altamente estável e resistente a altas temperaturas, também protege contra falhas relacionadas com a corrosão.


46

Revista Automotive

Março 2013

Portugal segue com BOMPISO Fundada por Joaquim Santos em 1994 em Vila Nova de Gaia, a BOMPISO, iniciou a sua atividade na comercialização de pneus e respetivos serviços associados. A sua carteira de clientes foi crescendo e galgou fronteiras. Em 2009 a Michelin confere à equipa um reforço de peso, qualidade e garantia. Com o passaporte de ingresso na rede Via Líder e com certificação da empresa como centro de qualidade, recebido através das mãos da Michelin, teve assim todos os ingredientes para crescer e fomentar negócios. A premiação em 2011 como PME Líder, veio corroborar o impacto que já se fazia sentir em termos de investimento, ex-

para assim dar uma resposta mais rápida e eficaz às diversas necessidades dos mais de 7.000 clientes ativos, estes equipamentos permitem uma maior flexibilização das tarefas, fluidez e agilidade nos procedimentos, o que resulta em poupança de tempo. Os 5.000m2 permitem um conceito 360 graus, com uma concentração de vários serviços no mesmo espaço, e desse modo aproveitar sinergias em termos de mão-de-obra e de equipamento, e transferindo essa vantagem para os clientes. Por exemplo, para clientes

A empresa foi distinguida como PME Excelência

pansão e conquista de novos mercados. A aquisição de participações na sociedade Offipeças em Benguela, Angola, destinada ao negócio de pneus e peças para máquinas industriais e de construção, foi uma das provas disso. 2013 para a BOMPISO começou muito bem, com a distinção como PME Excelência, que veio consolidar o prestígio e reconhecimento da empresa no setor do pós-venda automóvel. Com as novas instalações, o leque de serviços foi ampliado, em termos de oferta para serviços como a lavagem auto, a mecânica rápida para ligeiros e pesados, e também uma loja de peças. Os equipamentos são também novos

empresariais com frotas mistas (ligeiros e pesados) é possível oferecer serviços desde a mudança de pneus dos veículos pesados (quer sejam tratores ou reboques) até à mecânica rápida para os seus automóveis ligeiros. Outro exemplo é o serviço SOS Pneu 24h. Com 2.500m2 dedicados a stock, principalmente de pneus, respondem a toda a Zona do Grande Porto, 24h por dia, 7 dias por

Tiago Barbosa, um dos funcionários da Bompiso

semana, a assistência em estrada ou nas instalações dos nossos clientes, a todas as necessidades que abrangem pneus e jantes. Apostam na relação cliente-profissional, porque a pessoa entra com um problema, à procura de uma solução. Assim, o cliente ganha um serviço de qualidade e a empresa ganha um cliente confiante e seguro. Também fazem campanhas publicitárias que divulgam os seus serviços, a oportunidade de fazer um bom negócio, de antecipar e resolver um problema atempadamente e sem pressões, o melhor preço, a rapidez da execução e assim por diante. Planos para 2013: manter o nível de qualidade garantir o que já foi conquistado, com seriedade. Continuar o esforço em manter os postos de trabalho, e já conseguimos aumentar 20% face a 2012.

Equipamentos oficinais modernos


Marรงo 2013

Revista Automotive

47


48

Revista Automotive

Março 2013

Trelleborg e New Holland com soluções sustentáveis no SIMA 2013 Fabricante e fornecedor mundial de rodas completas para a indústria agrícola a Trelleborg deu mais um passo em frente no sentido de promover uma agricultura mais sustentável, como ficou demonstrado na SIMA 2013, um dos maiores eventos dedicados ao agro-negocio em todo o mundo, através da ampliação do seu acordo de colaboração com o fabricante de tratores New Holland. Neste evento, que decorreu em Paris, esteve exposto o novo New Holland T9 4WD pela primeira vez equipado com uma roda completa gigante Trelleborg IF 750/75R46 TM1000 High Power, de 2,3 metros de altura. Por sua vez, o New Holland T9 4 WD apresentou a sua avançada tecnología SCR ECOBlue, que proporciona ao trator uma maior potência e melhor produtividade com redução do impacto ambiental. “Nossa aliança estratégica com a marca New Holland tem proporcionado uma ajuda mais directa aos profissionais da agricultura, ao conseguir uma combinação perfeita entre as soluções de rodas completas e a tecnología de

vanguarda do tractor procurando, desta forma, assegurar um futuro agrícola sustentável”, destacou Paolo Pompei, presidente da unidade de negocios de pneus agrícolas e florestas da Trelleborg Wheel Systems

Bridgestone Adrenalin Lançamento europeu do pneu “urbano desportivo” Depois de ter iniciado a sua comercialização em Portugal e Espanha, a Bridgestone alarga ao resto da Europa o Potenza RE002 Adrenalin, um pneu desportivo premium. Fiel ao seu nome, o Adrenalin é um pneu urbano desportivo, oferecendo aos entusiastas uma resposta de direcção afiada e um manuseamento emocionante.

Em contraste, o Potenza RE002 Adrenalin é um puro desportivo para o mercado de substituição e disponível a um preço mais competitivo, em comparação com o S001.

José-Enrique Gonzalez, Director Consumer Marketing & Sales Support of Bridgestone Europe, explica: “Com o Potenza RE002 Adrenalin oferecemos sensações desportivas a novos consumidores da Bridgestone. O nosso objetivo são os entusiastas de veículos que gostam de um ambiente desportivo e que desejam uma alternativa diária interessante relativamente aos pneus de turismo. “ Desportivo Urbano Na linha premium de desporto, o Potenza S001 continua a ser o principal produto para veículos de alto desempenho e luxo. Projetado para equipamento original e mercado de reposição, o S001 tem um equilíbrio perfeito ao nível do desempenho orientado para o molhado.

Segurança no piso molhado De modo a garantir uma condução divertida com o piso seco, o design de piso possui blocos exteriores grandes e rígidos com uma conexão 3D entre o ombro e a costela adjacente, garantindo uma resposta imediata e emocionante em curvas. A aderência à estrada e as manobras desportivas, acompanhadas por uma sensação de manuseamento directo são reforçadas pelo design das costelas largas. O Adrenalin vai fornecer aos condutores toda a segurança que necessitam para as condições climatéricas europeias, resultado de um “impulso” nas ranhuras e na nova tecnologia no deflector: rompe a película de água mais rapidamente na frente e desvia-a para fora, evitando que se acumule debaixo do pneu, aumentando a resistência à aquaplanagem.

“O Adrenalin pretende marcar uma posição: se o condutor possui um citadino, um roadster de dois lugares ou veículo familiar, o Adrenalin promete uma sensação de condução diária com uma resposta imediata e manuseamento fácil no circuito urbano”, refere José Enrique Gonzalez.

O piso assimétrico do Adrenalin também chama a atenção dos entusiastas, com a alta visibilidade do relevo lateral a realçar o carácter desportivo. O Potenza RE002 Adrenalin estará progressivamente disponível em toda a Europa a partir nas seguintes medidas: 15 a 18 polegadas e séries entre 60 a 40.


Março 2013

Revista Automotive

49

Goodyear Dunlop Ibéria com mudança A Goodyear Dunlop Ibéria tem um novo Diretor Geral. José Sedano assumiu, a 20 de Março, o comando ibérico. Irá liderar um dos cinco mercados mais importantes da companhia na região EMEA. Afirma que pretende dar continuidade ao planeamento, operacionalizando as principais metas traçadas. Está confiante em poder alcançar os objetivos da marca num mercado competitivo dos pneumáticos, conta com a sua equipa para dinamizar e cumprir as metas propostas.

A gama de pneus da Goodyear Dunlop Europa para veículos comerciais e autocarros inclui mais de 400 pneus. Os principais produtores mundiais de veículos comerciais utilizam pneus Goodyear de raiz, incluindo a DAF, Iveco, MAN, Mercedes-Benz, Renault Trucks, Scania e Volvo. A Goodyear também fornece os principais fabricantes de reboques. Com a Fleet First, que inclui a rede de serviços TruckForce, ServiceLine 24h de assistência na estrada, sistema de gestão FleetOnlineSolutions Internet e Goodyear Retread

Technologies, a Goodyear fornece uma das gamas mais alargadas de serviços especializados na indústria.

EfficientGrip Performance - Novo pneu de verão Lançado no Salão Automóvel de Genebra, o novo pneu de Verão da marca Goodyear para automóveis de passageiros cumpre com a visão de liderança da empresa apresentando a etiqueta de classificação BA. Disponível em 90 tamanhos, apresenta algumas das mais altas classificações europeias de etiquetas atualmente à venda no mercado, com a classificação A para aderência em piso molhado e classificação B para resistência ao rolamento. O ruído, o terceiro critério avaliado pela etiqueta, também vem apresentado nesta gama de pneus, indicando os mais baixos valores em decibéis no mercado.

O novo pneu de verão da Goodyear completa a vasta gama de produtos da família do EfficientGrip que atualmente serve o amplo espectro do mercado automóvel, desde os pequenos veículos urbanos com o EfficientGrip Compact até o mercado dos todo-o-terreno com o EfficientGrip SUV. “O EfficientGrip Performance assume-se como um dos nossos principais produtos nos próximos anos. Para além de cobrir um amplo espetro de pneus no segmento de veículos médios e de luxo, é o resultado da aposta na inovação tecnológica que sempre caracterizou a Goodyear”, afirma Hugues Despres, Diretor da marca Goodyear da Europa,

Médio Oriente e África. “Acreditamos que a etiqueta de pneus é um agente de mudança e que terá impacto na forma como os consumidores virão a escolher os seus pneus no futuro. O lançamento do EfficientGrip Performance demonstra que a Goodyear, ambicionando oferecer os produtos com maior qualidade do mercado, já estava preparada para conseguir uma melhor classificação na nova rotulagem”, ressaltou Hugues Despres. Disponível para jantes de 14 a 18 polegadas, o novo Goodyear EfficientGrip Performance será fornecido em 90 tamanhos por toda a Europa, Médio Oriente e África.

Goodyear apresenta tecnologia AMT em Genebra Os visitantes do Salão Internacional Automóvel de Genebra deste ano puderam ver como é possível manter a pressão correta dos pneus, sem ser necessário utilizar bombas externas, eletrónicas ou ter a intervenção do condutor, resultando numa redução do consumo de combustível e das emissões de CO2, bem como numa melhoria considerável nos níveis de segurança do veículo. Para além da tecnologia AMT, que a marca espera lançar brevemente no mercado, ajudar a assegurar a pressão correta dos pneus, o resultado pode representar uma poupança significativa na bomba de combustível, já que os pneus com baixa pressão traduzem uma economia de combustível entre os 2,5 e os 3,3

valores percentuais, de acordo com a investigação governamental do setor. Esta tecnologia permite manter a pressão correta dos pneus sem ser necessário recorrer a bombas externas. Verificar a pressão dos pneus pode ser uma tarefa do passado graças à tecnologia inovadora da Goodyear, que foi apresentada pela primeira vez no Salão Internacional Automóvel de Genebra em 2012. Desde então, a marca tem vindo a ser várias vezes premiada e, inclusive, obteve o reconhecimento da Revista TIME como uma das melhores criações tecnológicas de 2012.

A investigação europeia conduzida pela Goodyear mostra que os consumidores não se preocupam com a correta pressão dos pneus. Metade dos inquiridos não sabia quando verificar a pressão dos pneus e, um em cada três condutores admitia que era pouco provável verificar a pressão dos pneus, mesmo antes de iniciar uma viagem de longo percurso. A pressão correta dos pneus é necessária para garantir o desempenho do veículo a níveis ótimos. Joe Zekoski, Vice-Presidente de Desenvolvimento Global de Produtos e Operações do Centro Técnico da Goodyear, explicou que: “Os consumidores tendem a não dar importância à manutenção da correta pressão dos pneus. A Tecnologia AMT melhora o desempenho da condução, e exerce um impacto positivo em muitas áreas, incluindo melhor eficiência de consumo de combustível, mais longa duração do pneu e baixas emissões.


50

Revista Automotive

Março 2013

Bridgestone equipa em exclusivo 370Z Nismo Os Bridgestone Potenza S001 foram escolhidos como pneus de origem para o Nissan 370Z Nismo, de modo a responder ao elevado manuseamento, capacidade de curvar e força bruta deste coupé equipado com motor V6 com e 344 cavalos de potência. O composto do pneu foi desenvolvido propositadamente para este veículo, estando disponível apenas nas medidas 245/40R19 na frente e 285/35R19 na traseira. Já comercializado nos EUA e no Japão, a Nissan desenvolveu uma especificação única do 370Z Nismo para responder às condições das estradas europeias e do estilo de condução dos europeus, tendo recebido, diversas melhorias ao nível da engenharia. Os pneus mais largos desta versão “feita à medida” proporcionam

uma maior área de contacto, para aumentar a aderência e melhorar a distribuição de pesos do Nismo, ajudando a controlar o calor dos pneus causados pela condução desportiva nos limites. Os Bridgestone S001 garantem um equilíbrio entre segurança e um elevado desempenho, proporcionando a tracção em piso seco necessária para um veículo que acelera dos 0 a 100 km/h em 5,2 segundos, juntamente com um grau “C” na aderência em piso molhado (“A” mais alta e “G” mais baixa) na nova etiqueta europeia. A Nismo, abreviatura da Nissan Motorsport, é a linha de modelos desportivos de elevadas prestações da Nissan. O 370Z é o mais recente modelo de uma longa linha de carros desportivos “Z” fabricados desde o final da década de 1960.

Assine a Revista Automotive!

Entre todos os meses no mundo Automotive através de uma assinatura semestral ou anual da nossa revista. Preencha os dados e envie-nos por correio, ou se preferir, escreva-nos com os seus dados para press@automotivept.com e solicite a modalidade de assintura. Assinale com um X a modalidade pretendida: Assinatura Semestral (6 exemplares): 18,00€ com IVA e portes de envio incluídos.

___________

Assinatura Anual (12 exemplares): 36,00€ com IVA e portes de envio incluídos.

___________

Empresa (se aplicável): ________________________________________________________________________________________________________________________________ Nome: ____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ Morada: ________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ Código postal:____________________________ Localidade: _________________________________________________________________________________________ Nº de contribuinte: _______________________________________________________________________________________________________________________________________ Telefone de contato:_____________________________________________________________________________________________________________________________________ e-mail:____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ Modalidades de pagamento: cheque à ordem de Prosa Serena Unipessoal, Lda. ou transferência bancária para o NIB 0035.0550.0000.1395.030.9 Morada de envio por correio: Revista Automotive, Parque Industrial Alto da Bela Vista, Sulim Park, Pavilhão 50. 2735-340 Cacém


Março 2013

Revista Automotive

51

Sika - no topo da pirâmide Entrevistamos Pedro Lopes, Diretor Unidade de Negócio Indústria da Sika Portugal, que nos apresenta uma interessante visão do mercado - ouvimos e vimos a Sika.

A

Sika é uma empresa centenária, não só em termos de idade mas também em termos de instalações fabris e comerciais, assim como de produtos. Com origem na Suiça, está presente em diversos países do mundo. A Sika Portugal, S.A. subsidiária do Grupo Sika, surgiu há 56 anos atualmente está presente em três frentes distintas: a sede em Vila Nova de Gaia, os serviços técnico-comerciais em Lisboa e a unidade produtiva e logística em Ovar. A Sika opera na área das especialidades químicas, dividindo a sua atividade em duas grandes áreas de negócio: a construção e a indústria. A área da indústria engloba várias divisões; uma delas é a divisão de veículos, onde a Sika fornece equipamento original (Original Equipment Manufacturer OEM), para os mais importantes fabricantes de automóveis. Outra divisão é o mercado de pós venda automóvel, em que

a Sika disponibiliza produtos e serviços no sector da substituição e reparação de vidro automóvel (Automotive Glass Replacement - AGR) e para oficinas e centros de colisão (Crash Body Repair - CBR). Entrevistamos Pedro Lopes, Diretor Unidade de Negócio Indústria da Sika Portugal.

Como se posiciona a Sika no mercado do pós-venda? Posicionamo-nos como produtos premium de elevada tecnologia, onde estamos bastante seguros porque somos produtores. A nossa produção leva em consideração não só as pequenas especificidades, mas também as grandes identidades; ou seja, a tecnologia que permite vedar compartimentos de um navio cargueiro é a mesma que utilizamos por exemplo na selagem de um vidro automóvel. Colocamos o mesmo empenhamento e seriedade em todos os nossos produtos, independentemente da dimensão da sua

aplicação. Assim, permite-nos disponibilizar os mesmos produtos tanto para o mercado OEM como para o mercado do pós-venda, é logo uma garantia da nossa qualidade.

A qualidade é um termo vasto. O que significa qualidade para a Sika? Para a Sika, qualidade é satisfação completa das necessidades do cliente final. Queremos garantir que quem trabalha com os nossos produtos transmita-a ao cliente final e que não seja apenas percebida no momento da reparação, mas sim durante toda a vida útil do automóvel. Para nós, qualidade é termos um produto que ao ser indicado para uma determinada aplicação, seja utilizado de acordo com as recomendações e que funcione na plenitude. Os nossos clientes são clientes a longo prazo, a fidelização é uma aposta forte da Sika. Temos uma relação de


52 confiança e de fidelidade, pelo que diante de alguma problemática, preferimos fazer um levantamento exaustivo e completo, aproveitando a oportunidade para aprender e melhorar a nossa performance. Quando temos uma reclamação de um produto vamos ao cliente saber o que se passou, ouvir, verificar, partilhar e acima de tudo aproveitar a experiência desse nosso parceiro. No entanto, a problemática da qualidade, por exemplo, é saber se um serviço de substituição ou reparação de vidro foi feita corretamente: isso só se consegue através de um teste, com destruição do vidro!

Revista Automotive

selagens, principalmente na aplicação. O vidro é um elemento estrutural de um veículo e os problemas só aparecem muitas vezes quando há acidente e o vidro não desempenhou a sua função. Estamos a falar de vidas humanas e as colagens são um fator crítico na qualidade da reparação. Essa é uma das grandes responsabilidades na substituição de um vidro. Por outro lado, no setor CBR, sentimos uma necessidade de maior formação na

Quais são as tendências do mercado pós-venda, na área em que atuam? A tendência é passarmos da física (rebites, soldas, etc.) para a química (colagens, selagens, etc.) para isso é necessário apostar mais na formação, adaptação e especialmente na confiança e experiência dos profissionais em trabalhar com estes produtos. Na área química é preciso ser conhecedor, sensível e minucioso. Por exemplo, utilização conjunta de produtos primários, ativadores e adesivos; não é recomendável misturar produtos de diversas marcas e fabricantes, porque o resultado final não terá o mesmo nível de qualidade. Os compostos muitas vezes não são similares, equivalentes ou compatíveis. Na sequência deste conhecimento e desta capacidade em manusear os produtos que oferecemos ao mercado, é sem sombra de dúvida a tendência em enfatizar a responsabilidade.

Realça portanto a formação e responsabilidade? Sim. Por um lado, no setor AGR, é necessário enfatizar a responsabilidade nas

área de chapa. Os profissionais fazem o mesmo há 20 anos porque nunca tiveram problemas. E será que quando houveram problemas este profissional soube? No entanto, os chapeiros não têm toda a culpa, existem profissionais nas hierarquias das empresas que têm maior responsabilidade neste processo. É necessário formá-los. Antigamente o chapeiro trabalhava isolado, mas hoje é preciso lidar com os clientes e gerir expectativas. Por exemplo, algo que assusta é a corrosão generalizada porque é bastante visível. Em termos estruturais não constitui um problema grave, e existem soluções simples no mercado e o cliente fica satisfeito. O problema são as corrosões galvânicas.

Março 2013 Sendo menos visíveis são muito perigosas para a estrutura do veículo e se não tivermos conhecimento do selante correto que penetre na corrosão e de como aplica-lo, não estamos a solucionar o problema. E isto tem consequências graves para a segurança de um veículo. A formação e a responsabilidade estão interligadas.

A área de repintura automóvel também faz parte da vossa estratégia? Sim. A pintura tem de ficar homogénea tanto na chapa como na área de selagem, e isso exige uma combinação entre a elasticidade das tintas e dos produtos de selagem. Os produtos de selagens e colagens podem facilmente estragar a pintura se não forem bem aplicados. Na área da repintura as empresas que operam no mercado estão muito bem implementadas e são altamente profissionais. Temos vindo a apostar nesse sector em crescimento e a trazer novas soluções, como por exemplo numa gama de selagem que adapta-se às novas tintas de base de água.

Que projetos futuros, além do desenvolvimento de produtos, a Sika estará envolvida? São vários, dos quais destaco dois: a nível europeu a Sika está no grupo de trabalho da Comissão Europeia para que as inspeções de nível B sejam legisladas de forma homogénea na Europa. Em termos ibéricos, a Sika em Espanha fez parte do grupo de trabalho que elaborou a certificação dos profissionais que fazem colagens estruturais, algo que em breve deverá acontecer em Portugal. Sicaflex 3 - uma das várias gamas da Sika para o mercado do pós-venda automóvel


Março 2013

Revista Automotive

53

Processo HP – Pinte mais carros, use menos energia O HP Process com tecnologia da Sherwin-Williams Automotive Finishes combina a pintura automóvel com tecnologia inovadora. Este processo seca a tinta à temperatura ambiente, ou seja, entre 20 e 25 graus Celsius. Isto reduz, a necessidade energética ao eliminar os ciclos de cozedura a altas temperaturas para a secagem. O HP Process está patenteado e certificado, utiliza os melhores primários, tintas de primeira demão e verniz de uretano para produzir um acabamento, preparado para lixar e polir em menos de uma. Este tempo de secagem permite celeridade no trabalho e maior quantidade de superfície pintada por hora, dispensando assim, o equipamento UV, fornos de convecção e utilização de combustíveis fósseis.

Os resultados são a flexibilidade, rapidez e economia, aproveitando todos os recursos já existentes e de valor, com a durabilidade, qualidade e garantia que o cliente merece. Amigo do ambiente e mobilizando todos os conhecimentos e recursos que ao longo dos anos vem sendo utilizado o HP Process, tem impacto positivo nos resultados finais: pinta mais com menos, com ganhos na qualidade, no serviço prestado e no resultado final. O Verniz utilizado apenas necessita de temperatura ambiente para chegar a um tempo de secagem de 15-20 minutos, reduz o tempo de paralisação associado com a eleva-

ção gradual ou diminuição de temperatura, de zonas escuras e resíduos associados à secagem UV. O HP Process utiliza todo o equipamento convencional, dando-lhe uma revitalização e aumento da eficiência. Simples, seguro, eficaz e “clean”, permite alcançar resultados inovadores, dispensa a aquisição de equipamento e “monos” que entopem a área de trabalho, consegue no entanto aumentar a capacidade e velocidade de resposta.

Produtos da gama Sherwin-Williams para repintura automóvel

O Grupo Carlyle completou a aquisição da DuPont Performance Coatings Axalta Coating Systems é o novo nome da empresa Grupo Carlyle completou a sua aquisição da DuPont Performance Coatings, a empresa será designada por Axalta Coating Systems., o novo nome será formalmente lançado no segundo trimestre de 2013. O diretor do Grupo Carlyle Martin Sumner afirma que “Estamos muito animados para investir em Axalta Coating Systems e acreditamos que sua forte posição de mercado e presença global permitirá à empresa aproveitar rapidamente as oportunidades nos mercados emergentes, como China e Brasil. Como investidores experientes nos sectores industriais e de transporte, o One Carlyle rede global pode ajudar Axalta Coating Systems a crescer e criar valor.” A Axalta vai acrescentar valor a uma base de mais de 120.000 clientes, em 130 países, com uma gama completa de sistemas de repintura, que já tem 90 anos de experiência na indústria de

revestimentos. A empresa desenvolve, fabrica e vende material de aplicação de pintura e ferramentas a oficinas e fabricantes de marca, no mercado automóvel e de veículos pesados. Investem na otimização e dinamização já a terceira geração de sistemas de pintura à base de água desenvolvidos para responder ao aprimoramento das respostas aos clientes para uma maior produtividade e processos de pintura ambientalmente amigáveis. “Além de desempenho e excelência, uma das nossas maiores forças é a nossa abordagem na relação com os nossos clientes. Junto com a repintura e sistemas industriais, podemos oferecer uma gama completa de ferramentas e serviços para ajudá-los a usar os nossos produtos de forma eficaz. Oferecemos oportunidades práticas para aprender como usar esses produtos e ferramentas nos nossos 42 centros de treino em todo o mundo” declarou John G. McCool, presidente da Axalta.


54

Revista Automotive

Março 2013

Motorclássico de 5 a 7 de Abril na FIL São muitas as novidades da 9ª edição do maior evento português relacionado com a temática dos Clássicos e da História Automóvel. O Motorclássico – Salão Internacional de Automóveis e Motociclos Clássicos, regressa à FIL – Feira Internacional de Lisboa, nos dias 5, 6 e 7 de Abril, e terá atividades para todos os gostos e públicos. O Leilão de Veículos Clássicos & Automobilia será um ponto alto, e uma oportunidade única em Portugal para assistir ou comprar num leilão especializado. Aberto a visitantes e investidores, é realizado em parceria com a Leilocar Old Times e decorre no dia 6 de Abril, a partir das 17h00. Qualquer pessoa pode participar, como vendedor ou comprador. O catálogo do leilão está disponível em www.leilao-motorclassico.com, onde podem ser vistas peças muito especiais, como um Capacete igual ao de Ayrton Senna, numerado e assinado pelo próprio, posters originais dos anos 50, tanto de marcas de automóveis como de filmes de cinema ligados à temática das corridas, placas publicitárias em metal dos anos 30 de marcas como a Shell ou a Kodak, até miniaturas de automóveis assinados pelos pilotos que correram neles, tais como Michael Schumacher, Alain

Prost, Nigel Mansell, Rubens Barrichello ou Jean Alesi, entre muitos outros. Este ano, destaca-se a Exposição Temática do Rally de Portugal, com os grandes clássicos que fizeram história no rally; a Exposição de Bicicletas Antigas, com modelos produzidos até 1900, e a Exposição de Motos Portuguesas, um espaço dedicado às motos fabricadas em Portugal e às marcas nacionais. Para além destas novidades, não vão faltar os habituais passeios de clássicos, que reúnem centenas de participantes como o Passeio ACP Clássicos e o Passeios de Motos Antigas. O Motorclássico é também o palco de lançamento do livro “Sado/550 – O Microcarro Português”, o que motiva uma concentração de viaturas deste modelo. O evento é no dia 6 de Abril às 15h30 e este livro é sobre o primeiro automóvel de conceção portuguesa de produção em série. A 1ª edição é especial, com tiragem numerada de 272 exemplares, o mesmo número de Sados produzidos.Será também apresentado neste evento o Seguro Clássicos Museu do Caramulo, um seguro desenhado a pensar nos clássicos e disponibilizado pela Hiscox, a seguradora de Arte líder na Europa. Trata-se de uma apólice especializada para veículos e coleções, numa solução desenhada à

medida das necessidades e com condições extraordinariamente competitivas, em que o cliente apenas paga consoante os quilómetros que o veículo circula. Este seguro inclui inúmeras vantagens e descontos, entre os quais no serviço de Certificações de Veículos Clássicos do Museu do Caramulo. Paralelamente ao Salão Motorclássico irão ocorrer dois eventos, o Lisboa Moto Show e o Motor Racing. Esta é a 1ª edição do Lisboa Moto Show, um salão de motos com a participação das marcas do mercado nacional e espaço para apresentação de novos modelos de motos, equipamentos e acessórios. O salão irá ter muitas atividades ao ar livre, incluindo test drives, passeios, ações com scooters e a Academia Lisboa Motoshow. O Motor Racing dá visibilidade ao mundo da competição e onde se pode saber tudo acerca dos campeonatos, provas nacionais e internacionais, troféus de várias classes e categorias, profissionais do sector, pilotos, patrocinadores, organizadores, marcas, preparadores, entre outros. O Motorclássico – Salão Internacional de Automóveis e Motociclos Clássicos, é organizado pelo Museu do Caramulo (Fundação Abel e João de Lacerda), em parceria com a FIL – Feira Internacional de Lisboa.


Marรงo 2013

Revista Automotive

55


56

Revista Automotive

Março 2013

8ª Edição do Caramulo Motorfestival apresentada na Bolsa de Turismo de Lisboa A 8ª edição do Caramulo Motorfestival - Festival Internacional de Veículos Clássicos e Desportivos que irá decorrer nos dias 6 a 8 de Setembro de 2013, foi apresentada na Bolsa de Turismo de Lisboa, numa conferência de imprensa organizada pelo Turismo do Centro de

Portugal, ACERT, Museu do Caramulo e Câmara Municipal de Tondela. O Caramulo Motorfestival, junta uma grande variedade de eventos em simultâ-

neo, oferecendo uma vasta oferta para diferentes públicos com atividades para toda a família. Ao longo dos 3 dias de evento, será possível ver mais de 800 de veículos, desde automóveis de competição, clássicos, Super Desportivos, NASCAR, Fórmulas, entre outros, passando pelas motos clássicas e de competição, bicicletas antigas, veículos todo-o-terreno e militares, até a um avião acrobata. Para além de animação e divertimento ligado aos automóveis e motociclos, o Caramulo Motorfestival integra ainda um conjunto de ações lúdicas e turísticas, como exposições temáticas, parques infantis, gastronomia e restauração, zonas

chill out, atividades radicais e música ao vivo. O Caramulo Motorfestival tem crescido todos os anos em número de visitantes e participantes, tendo recebido na última edição mais de 30 mil pessoas. Esta edição, com tanta oferta e tantos participantes será ainda melhor. Visite, aproveite e divirta-se. PUB


Março 2013

Revista Automotive

57

Nova Gama BP Vanellus Max Eco Desenvolvidos com o objetivo de responder a constante evolução dos motores de camiões, máquinas industriais, construção civil e agricultura, a marca BP desenvolveu a nova gama BP Vanellus Max Eco com tecnologia CleanGuard, que proporciona maior limpeza no motor e uma redução de até 25% da fuligem. Os lubrificantes BP Vanellus Max Eco são

especialmente formulados para compatibilidade com as mais recentes tecnologias de controlo de emissões de escape e oferecem mais eficiência no consumo de combustível, permitindo ainda maiores intervalos entre as manutenções, reduzindo, assim, os custos. Os novos lubrificantes BP Vanellus com tecnologia CleanGuard mantém

os motores de camiões e de máquinas industriais mais limpos, por mais tempo, o que permite uma economia nos custos das empresas envolvidas em gestão de frotas, na construção ou na agricultura. Os lubrificantes BP Vanellus com tecnologia CleanGuard já se encontram à venda no mercado nacional.

MAPFRE com novos seguros para Stand e Oficinas A MAPFRE Seguros iniciou o ano de 2013 com o lançamento de três novos seguros, procurando ir de encontro às necessidades do mercado e das empresas do ramo automóvel em geral. Num mundo profissional globalizado onde trabalhar no exterior é uma realidade, a MAPFRE Seguros lançou o AP Mobilidade Profissional, um seguro de acidentes pessoais para trabalhadores deslocados no estrangeiro. Os outros dois seguros lançados pela MAPFRE são destinados à Organização de Eventos e aos Stand e Oficinas automóveis, ambos destinados às empresas que

procuram garantir a máxima proteção dos seus negócios. O AP Mobilidade Profissional surge como uma solução direcionada para as empresas com trabalhadores temporariamente deslocados no estrangeiro ou para trabalhadores por conta própria que se encontrem na mesma situação. Para poderem usufruir desta solução, os trabalhadores devem ter entre 18 e 65 anos e uma apólice de Acidentes de Trabalho vigente na MAPFRE. Por sua vez, o seguro destinado à Organização de Eventos abrange seguros de

acidentes pessoais, seguros de acidentes pessoais em eventos desportivos, seguros de responsabilidade civil em eventos e seguros de transportes. Já o seguro destinado aos Stands e Oficinas automóveis, disponibiliza cobertura multirriscos, seguros automóveis, seguros de responsabilidade civil, seguros de responsabilidade ambiental, seguros de garagista (seguro obrigatório para profissionais do sector), seguros de acidentes de trabalho e seguros de vida. Para mais informações consulte a rede MAPFRE ou o seu mediador de seguros. PUB


58

Revista Automotive

Março 2013

Agenda Automotive - tome nota

De 4 a 13 de Abril – Australian Auto Aftermarket EXPO – Sydnei

De 25 a 26 de Abril – International Vienna Motor Symposium – Viena

Feira Internacional de Equipamentos e Serviços do Aftermarket Automóvel. Mais informações: www.aftermarketexpo.com.au

Simpósio Internacional sobre Motores. Equipamentos e Legislação Automóvel. Mais informações: www.övk.at

De 5 a 7 de Abril – Motorclássico – Lisboa

Salão Internacional de Automóveis e Motociclos Clássicos. Mais informações: www.motorclassico.com De 11 a 14 de Abril – Automechanika - Istambul

Salão Internacional do Equipamento Oficinal e Aftermarket Automóvel. Mais informações: www.automechanika-istanbul-tr. messefrankfurt.com De 16 a 20 de Abril – Automec – São Paulo

Feira Internacional de Autopeças, Equipamento e Serviços Automóvel. Mais informações: www.automecfeira.com.br

De 22 a 26 de Maio – Autopromotec – Bolonha

25 ª Bienal Internacional do Equipamento Oficinal Automóvel. Mais informações: www.autopromotec.it De 4 a 6 de Junho - VehicleDynamicsExpo Estugarda

Exposição Internacional de veículos equipados com tecnologia dinâmica. Mais informações: www.vehicledynamics-expo.com De 16 a 20 de Outubro - EquipAuto – Paris

Salão do Equipamento Automóvel. Parque de Exposições de Paris. Mais informações: www.equipauto.com


Marรงo 2013

Revista Automotive

59


60

Revista Automotive

Marรงo 2013

Profile for Eduardo Gaspar

Revista Automotive  

Portuguese Magazine dedicated to fleet management, and aftermarket decision-makers.

Revista Automotive  

Portuguese Magazine dedicated to fleet management, and aftermarket decision-makers.

Advertisement