Page 1

nome

Auracebio de Souza Pereira profissão DESIGNER GRÁFICO + ILUSTRADOR + JORNALISTA nascimento 11.11.1968 endereço Luiz de Camões, 859/404 Porto Alegre RS email print24h@gmail.com 51 98179.0074

TERRAMAR DESIGNER GRÁFICO E ILUSTRADOR AUTÔNOMO

revistavirtual24h

Edição de arte da revista bimensal Bá. Edição de arte da

linkedin.com/in/auracebio

revista VipLet, do Bourbon Shopping. Edição de arte da revista

formação

Mais, da construtora CFL. Design, foto, edição e tratamento de

especialização Comunicação e

imagens da RevistaVirtual. Edição e design da revista Grafia,

Política | unisc | 2006 —

sobre artes gráficas. Criação de conteúdo para redes sociais.

curso superior Comunicação

Criação de HQs e lustração editorial | 2014 — em andamento

Social / Jornalismo | pucrs | 1992 —1995

TELESSAÚDE RS CONSULTOR EM COMUNICAÇÃO / DESIGNER

curso superior inconcluso Artes

Cobertura jornalística de eventos da Atenção Básica em

Plásticas | ufrgs | 1989 —1991

Saúde da Secretaria de Saúde do RS e do Telessaúde RS. Desenvolvimento de website. Criação e produção de conteúdo

domínio de softwares

de fanpage do programa Mais Médicos no RS no Facebook.

Pacote Adobe CC

Identidade visual, edição e design de boletim informativo | abril

InDesign | Photoshop | Illustrator

— dezembro/2014

+ Acrobat + Office + QuarkXpress aperfeiçoamento | cursos

Cor Digital Quanta Academia de Artes — novembro/2011

Aquarela Quanta Academia de Artes — outubro/2011

História em Quadrinhos Quanta Academia de Artes — março/2010

Desenho Quanta Academia de Artes — novembro/2009

Javascript Senac RS — novembro/2000

Desenvolvimento de Home Page html Senac RS — setembro/1999

Web Design | Flash+FreeHand FireWorks+DreamWeaver Conex — março/1999

Tecnologia Gráfica para Designers APDesign — novembro/1998

Inglês Avançado Berlitz Centro de Idiomas | 1996 — 2000

Desenho Atelier Livre do Centro Municipal de Cultura — 1990

Desenho Básico Senac RS — 1983 prêmio

Bronze em Design Editorial na 3ª Mostra de Design e Artes Gráficas da América Latina, com o livro Gastronomia – Sabores Contemporâneos, da RBS Publicações — 2007

JORNAL DO COMÉRCIO ILUSTRADOR INFOGRAFISTA Criação de infográficos e ilustrações editoriais. Projeto gráfico e diagramação de cadernos especiais | 2012 — 2014

PRINTMAKER DESIGNER AUTÔNOMO Comunicação gráfica e visual. Projeto gráfico de revistas e livros para RBS Publicações. Fotografia e tratamento de imagens. Roteiro, arte e letreiramento de HQs. Gerenciamento de conteúdo para redes sociais. Criação de logotipos, type design e identidade visual | 2007 — 2014

PREFEITURA DE CACHOEIRINHA COORDENADOR DE COMUNICAÇÃO Produção diária de textos e imagens jornalísticas sobre administração da cidade para site da prefeitura, boletim informativo e assessoria de imprensa | janeiro — julho/2006

JORNAL ZERO HORA DIAGRAMADOR Diagramação do jornal Zero Hora, projeto editorial e gráfico do caderno Vestibular | 1996 — 2005

BABEL DESIGNER AUTÔNOMO Editoração de jornais e boletins | 1994 — 1995

E2P DESIGNER AUTÔNOMO Editoração de jornais, boletins e panfletos, criação de logotipos | 1992 — 1994

JORNAL ZERO HORA ARTE-FINALISTA Arte-finalização do jornal Zero Hora | 1988 — 1991 PORTO ALEGRE, 17 ABRIL DE 2018


Sou designer gráfico e ilustrador. Meu desafio diário é transformar informação em algo visualmente interessante. Pode ser um rosto, uma paisagem, um infográfico. A história que a página digital ou impressa quer contar tem de ser a mais legal, precisa conquistar audiência em meio a outros tantos apelos visuais. Faço diagramação, projeto gráfico para livros, revistas, jornais, relatórios, tratamento de imagem. Crio histórias em quadrinhos, ilustração editorial, logotipos e estampas. Entre os clientes, destaco a RBS Publicações, para quem desenvolvi dezenas de projetos gráficos de livros. Também fiz parte da equipe de diagramação do Jornal Zero Hora por dez anos. Trabalho em regime de home-office, com empresa registrada. Tenho nível de inglês avançado e domínio do pacote CS da Adobe, que inclui Photoshop, Illustrator e InDesign, além de grande experiência em fechamento de arquivos PDF para impressão ou publicação digital.

nome Auracebio de Souza Pereira profissão Artista Gráfico formação Jornalista whatsapp (51) 98179.0074 email print24h@gmail.com facebook facebook.com/auracebio behance behance.net/auracebio


DESIGNpremiado

Bronze na categoria Design Editorial na 3ª Mostra de Design e Artes Gráficas da América Latina Gastronomia – Sabores Contemporâneos | RBS Publicações | 2007


re t íc ul a

e s t o c á s t ic a

c ré di t o s

p e n s ata + f o t o g r a f i a

e x p e die n t e

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16

foto p/b impressa em 1 cor

impressão e design editorial # 02

GRAFIA

h o m e n a g e m

ImpRessão e desIGn edItoRIAl poRto AleGee bR AsIl

12

grafia

#02 2008

S

er dono de uma das mais antigas gráficas na ativa de Porto Alegre não garante luxos à vida de Salomão Sibemberg, 79 anos (nada evidentes). Garante sentido. E relíquias também. São máquinas de 40, 50 anos atrás – as mais novas. Entre as mais antigas, uma prensa inglesa do século 19 e uma impressora manual de braço do início do século passado (“Isso é um mimo”, diz o dono, orgulhoso da surpresa nos olhos dos visitantes). Sentido, relíquias e admiração entre os apaixonados pelos processos de impressão. Salomão é tipógrafo, e a tipografia é a essência da produção gráfica, por mais digital e virtual que seja hoje. “Eu não evoluí para as quatro cores. Sou inimigo do offset. Para mim, eram as letras de Gutenberg. Naquele tempo,

tínhamos artistas. Eu sou tipógrafo. Administrativamente, eu falhei. Mas como trabalhador, operário... (pausa) é o meu trabalho”, sintetiza, com semblante satisfeito. Salomão está sentado atrás da escrivaninha, no escritório de onde se espera que o dono do negócio administre. Não é caso de Salomão. Não é ali que passa a maior parte do seu tempo. A sala é simples, parece improvisada na pequena peça que antecede o galpão onde o maquinário está acomodado (ou espremido). Ao lado, sobre uma outra mesa, um computador é o único item que nos joga para a contemporaneidade. “O que hoje se faz ali (Salomão aponta para o computador), se fazia na mão”, adverte, como se aos visitantes fosse suficiente para entender o tamanho de seu conhecimento no ramo.

grafia

13


í n d i c e

n av e g ue

f o t o g r a f i a

im a g e m de t r ata me n t o

bl o g

orig in a l

l u z de me s a

p ro va

+

d a d o s

17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32

foto p/b convertida para cor e impressa em 4 cores

r e t í c u l a

e s t o c á s t i c a reprodução

o ponto que faz diferença a u r a c e b i o

p e r e i r a

A heroína de histórias em quadrinhos parece chamar quem pára diante da banca de revistas. Um rapaz estende a mão em direção ao desenho, meio incrédulo, meio enbevecido. Kelsyn reage ao gesto e literalmente sai do cartaz para a vida real. Eles vão dar uma volta, entram num parque de diversões, ela experimenta algodão-doce. O clima romântico é quebrado quando começa a chover. Uma gota cai no colo dela, outra no rosto, que, sendo de papel, começa a perder tinta. Eles correm para o carro, voltam para a banca, ela entra no cartaz, ele vai embora. Fim dos 60 segundos de um dos filmes usado em 2007 para divulgar o Fiat Punto no Brasil. Bom demais! O pessoal da produção foi tão detalhista que usou a retícula que forma as imagens impressas como recurso visual da personagem animada. Assim, mais do que um desenho contracenando com gente real, Kelsyn é um “ser impresso” que sai do papel e vai dar uma voltinha de carro. O uso do ponto impresso como recurso na criação do visual da personagem 16

grafia

sobrepostas, criam outras milhares de cores. Mudando o tamanho dos pontos, altera-se a sobreposição entre eles e, assim, cria-se uma nova cor. Na retícula estocástica, os tons são gerados pela variação do número e da localização dos pontos, e não somente pela mudança no tamanho dos pontos em posições fixas, como na reticulagem convencional. O resultado é uma fidelidade muito maior na reprodução de imagens. Desaparecem as rosetas, e o diâmetro de cada ponto é infinitamente menor. A retícula estocástica pode ser equiparada à qualidade da imagem que a TV digital proporciona. Quando comparamos o que já conhecemos na tela da TV analógica com uma imagem melhor, mais facilmente percebemos os defeitos do padrão vigente até então. Mas, diferente da HDTV, que começou a ser transmitida em 2007 em São Paulo e está ainda engatinhando para uma futura estréia no resto do país, a impressão com qualidade superior já é encontrada no Rio Grande do Sul. E o melhor: não custa mais caro. Algumas gráficas locais ainda convivem com os dois sistemas e só usam a estocástica quando o cliente solicita. Como toda tecnologia relativamente nova, só investimento em equipamentos não basta: é preciso qualificação de pessoal, tanto na pré-impressão quanto

os pontos que formam a ilusão das imagens impressas servem até para ajudar a simular personagens que saem do papel. mas, na vida real, a retícula está ficando quase imperceptível reproduções

18

grafia

no trabalho em máquina. O fim do fotolito também foi essencial para que a estocástica ganhasse espaço. Com a trasferência direta da artefinal para a chapa (CTP – Computer to Plate), o monitoramento de todas as etapas foi refinado. A gráfica Odisséia optou por adotar a retícula estocástica como padrão e não usa mais a retícula convencional. Conseguiu, inclusive, aperfeiçoar internamente o processo, ampliando ainda mais a qualidade final, com cores e tons de cinza de alto impacto. Ainda não é capaz de fazer moças bonitas sairem do papel e pularem para a vida real. Mas, mesmo confinado a um ambiente bidimensional, quem aparece em uma foto impressa em estocástica se surpreende com a fidelidade ao original de carne e osso.

link ficou com vontade de ver a Kelsyn saindo do cartaz no comercial de TV do fiat punto? dá para assistir e até baixar em alta resolução no site da produtora Vetor Zero, que fez o filme sob encomenda da agência Leo Burnett. www.vetorzero.com.br coincidência pois não é que estamos aqui falando de ponto de impressão e o carro que inspirou os publicitários a criarem este filme chama-se Punto!?


p R o d u ç ã o   G R á F I c A

A

u

R

A

c

e

b

I

o

p

e

R

e

I

R

A

A ArtMed, consagrada editora de livros da área médica, voltou-se para o mercado das artes gráficas e do design. Para não confundir a cabeça de seu novo público, criou o selo Bookman e trouxe para o Brasil obras atuais e essenciais para quem quer aprender os segredos do processo editorial gráfico. Dentre seus diversos lançamentos, o livro Impressão e Acabamento, que integra a série intitulada Design Básico, chama a atenção não só pela qualidade do conteúdo, com texto direto e fartamente ilustrado, mas também pela variedade de papéis utilizados na impressão, que funcionam como uma amostra palpável do tema abordado. Com o título Print & Finish, a edição original, publicada na Suiça pela Avabooks em 2006, pode ser encontrada por aqui na estante de importados da livraria Cultura. O que possibilitou uma comparação. A edição da Bookman, com textos em português, facilitou a leitura para o público brasileiro. E trouxe embuti28

GRAFIA

editora  gaúcha  trás  para  o  mercado  nacional  obras  importantes e atuais sobre  design  e  produção  gráfica

     aprenda com a 

bookman da uma curiosidade: quem havia conseguido imprimir tantos acabamentos e papéis diferentes, tornando a edição original e a nacional tão parecidas? Arysinha Jacques Affonso, Editora Sênior da Bookman, explica: “Faz parte do nosso acordo com a Avabooks a impressão em grandes tiragens e em vários idiomas ao mesmo tempo em uma gráfica na China.” Desfeita a dúvida: a obra já vem pronto do exterior. A produção gráfica de diversas versões do mesmo livro é feita em um único lugar, o que garante

a padronização de cor e de acabamento. E um preço de capa dentro do padrão do mercado, mesmo com tantas tintas e formas de impressão diferenciadas em suas 176 páginas. Nas imagens que ilustram esta matéria, mostramos um pouco destas semelhanças entre as duas edições. Série design básico A série Design Básico conta ainda com outros cinco títulos: Imagem, Cor, Layout, Grids e Formato, todos escritos pelos ingleses Gavin Ambrose e Paul

GRAFIA

29


PARLAMENTARTRABALHISTA PRESTAÇÃO DE CONTAS DO MANDATO

Emendas beneficiam

Alegrete

Um dos maiores desafios do mandato parlamentar é, sem dúvidas, a indicação das Emendas Parlamentares. O imaginário dos prefeitos e vereadores supervaloriza a indicação pelo deputado. E a exploração do feito dá margem à demagogia e expectativas que muitas vezes são frustradas. É claro que estes recursos devem ser buscados pelas lideranças municipais e os deputados têm a oportunidade de consolidar seus vínculos e contribuir com obras e serviços que possam qualificar a vida das pessoas nas comunidades. É bom registrar, porém, que entre a indicação, o empenho, a liberação do recurso e a execução da obra ou aquisição do equipamento, há um longo caminho a percorrer. Alegrete, onde o nosso vínculo político e social tem a maior relevância, foi beneficiada com R$ 5,5 milhões em Emendas Parlamentares desde o início do mandato

saúde

Ruas e calçadas

Saúde

Pavimentação da rua Alexandre Lisboa.

Sistema de vídeolaparoscopia, máquina unitarizadora de medicamentos, monitor multiparâmetros para Cent, ultrassom diagnóstico – cardio/ex, no break (para servidor), aparelho para densitometria óssea, autoclave hospitalar horizontal, computador (desktop básico), rack de servidor, desfibrilador convencional, impressora laser (comum), computador servidor, aparelho de raio X – Fix. Bens já adquiridos para o Hospital de Alegrete.

● R$ 500 mil Bairro Centro.

● R$ 1 milhão

Obra executada.

● R$ 250 mil Bairro Doutor Romário, rua Rui Barbosa. Obra executada.

● R$ 250 mil Bairro Saint Pastous, rua Joaquim Aurélio. Obra executada.

● R$ 250 mil Bairro Promorar, rua Euclides Brás. Obra executada.

educação

● R$ 250 mil Bairro Macedo, ruas Gaspar Martins e Tancredo Neves. Obra executada.

turismo

● R$ 487.500

car de Souza e Promorar, continuação ● R$ 250 mil Bairro Piola, ruas da rua Euclides Bras. Princesa Isabel e Daniro Antunes. ● R$ 250 mil Bairro Piola, ruas Princesa Isabel e Daniro Antunes.

proteção aos animais ● R$ 400 mil Emenda destinada à

ampliação do Hemocentro de Alegrete.

● R$ 500 mil Emenda destinada

à comunidade, o sentido da representação política e da própria democracia.

ao Hospital Santa Casa de Alegrete. Recurso ainda não liberado.

I N F OR M AT I VO PA R L A M E N TA R D O DE P U TA D O F E DE R A L A F ON S O MO T TA | A G O S T O DE 2 0 17 | C Â M A R A D O S DE P U TA D O S | DESIGN AURACEBIO PEREIRA

MTB

8315

BRASÍLIA CÂMARA DOS DEPUTADOS | GABINETE 711 | ANEXO IV | CEP 70160-900 | FONE 61 3215.5711 | DEP.AFONSOMOTTA@CAMARA.LEG.BR PORTO ALEGRE RUA ANDRADE NEVES, 14 / 1302 | CENTRO HISTÓRICO | CEP 90010-210 | FONE 51 3398.8098

Quadra Poliesportiva no Polo do Caverá. Recurso liberado, em processo licitatório.

● R$ 300 mil

Saúde

infraestrutura MTB 15457

Educação

● R$ 250 mil Bairro BairrosVila Lara, Nova. rua Os-

esporte

CHEFE DE GABINETE LINO FURTADO | JORNALISTA RESPONSÁVEL GABRIELLE VAZ

● R$ 350 mil Emenda

para a saúde municipal. Televisor, longarinas, ar condicionado, computador portátil, computador de mesa, impressora, tela de projeção, câmeras, arquivo, ventilador de teto, geladeira, projetor, mesa ginecológica, eletrocardiógrafo. Bens já adquiridos.

Emendas indicadas em 2015, 2016 e 2017, ainda em processo de execução:

Ruas e calçadas

até o presente momento, agosto de 2017. Os maiores investimentos, como veremos a seguir, foram na infraestrutura, especialmente calçamento e asfaltamento de ruas. Do total de recursos, para a saúde foram destinados expressivos R$ 2,2 milhões. As verbas públicas foram encaminhadas ainda para a área do turismo, educação, esporte, e proteção aos animais. É importante destacar que a destinação dos recursos é resultado da articulação direta entre o mandato parlamentar, os agentes públicos municipais e os espaços da cidadania organizados, canais que dialogam para alcançar as melhorias

A destinação dos recursos é resultado da articulação direta entre o mandato parlamentar, os agentes públicos municipais e os espaços da cidadania organizados.

Emenda destinada ao Instituto Federal Farroupilha. “Agradecemos ao Deputado Federal Afonso Motta pela destinação de importante emenda para o Instituto Federal Farroupilha – Campus Alegrete.” Alexandre Machado – Diretor de Administração do IFF

Esporte

● R$ 100 mil

Proteção aos animais

Emenda destinada à Liga Alegretense de Futebol. Viabilizará a

da destinada à OPAA – Canil Municipal. O recur-

compra de armários, bancos para vestiário, redes para goleiras e trator roçadeira.

Turismo

● R$ 250 mil Emenda destinada para a compra de sinalizações e placas. Em ajustes no projeto efetuado pela Prefeitura. Recurso liberado.

● R$ 109 mil Emenso será utilizado para a compra de armários, mesas, cadeiras e ar condicionado. “A Alegrete ONG OPAA agradece ao Deputado Federal Afonso Motta pelo encaminhamento da Emenda Parlamentar que será aplicada em defesa dos animais.” Nara Leite – Presidente da ONG OPAA

APOIO DECISIVO DAS ADMINISTRAÇÕES ERASMO SILVA E CLENI PAZ PARA OS RESULTADOS OBTIDOS ATÉ O PRESENTE MOMENTO.

W

afonsomotta.com.br

/afonsomottaopina

@afonso_motta

@afonso_motta


INFORME COMERCIAL | 25 de novembro de 2009

INFORME COMERCIAL | 14 de outubro de 2009

Contato imediato

A corrente pelo bem

À primeira vista, para uma criança crescer saudável, basta seguir um “manual”, que em geral é a soma de prover as necessidades básicas e fazer os estímulos adequados. Na prática, um detalhe faz toda a diferença: a qualidade do contato entre quem cuida e quem é cuidado. O quarto dos oito cadernos Unimed Espaço Vida faz uma visita ao universo infantil, a fim de frisar que o mais determinante para um crescimento saudável e feliz é a quantidade de amor que a criança recebe. Carinho faz bem à saúde. A recíproca será verdadeira. Quem cuida de uma criança tem a chance de (re)ver o mundo numa nova perspectiva. Porque volta a brincar. Das atitudes capazes de gerar bem-estar, esta é provavelmente a mais divertida. Entenda por quê.

No segundo dos oito cadernos especiais sobre atitudes que geram bem-estar e mais qualidade de vida, as informações sobre doação de órgãos e tecidos no Brasil servem como um convite para se pensar a prática da generosidade. Mais do que ser capaz de desapegar-se de algo, o exercício dessa virtude requer sensibilidade, a percepção daquilo que o outro está precisando. Mesmo que não se acerte de primeira, a tentativa é catalisadora. Acredite na corrente do bem.

INFORME COMERCIAL | 16 de dezembro de 2009

INFORME COMERCIAL | 23 de setembro de 2009

Éa gota d`água

Este é o primeiro de oito cadernos sobre atitudes que geram bem-estar e mais qualidade de vida. Consciência ambiental não é o primeiro tema à toa. O planeta tem-se ressentido da nossa falta de ação. Por que você não toma uma atitude? Talvez essa seja uma resposta bem particular. Para ajudar na busca dela, conversamos com quem rompeu essa dificuldade de agir e tentamos explicar aqui o que se encontra do lado de lá – o lugar dos que compraram a briga e fazem sua parte, por menor que pareça.

Nos próximos dias, a correria de um ano inteiro pode virar caos. Quando nos damos conta, Natal ou Ano Novo é amanhã, e o tempo ficou curto para cumprir todas as exigências típicas dessas festas. Por isso, nas noites de confraternização pode faltar ânimo para fazer o mais esperado: relaxar. Até aqui, nenhuma novidade. No ano passado, foi a mesma coisa e você jurou que da próxima vez seria diferente. Hoje é dia 16, ainda dá tempo. O quinto caderno da série Atitudes que geram bem-estar cita as ansiedades dessa época para lembrar a importância de confiar. Em nós, nos outros, na vida. Não há nenhuma fórmula milagrosa aqui. Há, sim, duas dicas, uma para o corpo e outra para a alma: acalmese, respirando melhor, e compartilhe afeto com aqueles em quem confia. Assim, nas festas, os sorrisos sairão mais leves. Rir faz bem à saúde; imagine entre aqueles de quem gostamos e em quem confiamos?!

Tempo de acreditar


Relatório de Responsabilidade Social Corporativa 2012

Relatório de Responsabilidade Social Corporativa 2013 Relatório de Administração 2014


Auracebio cv portfolio 04 2018  

Portfólio do ilustrador e designer Aura.

Auracebio cv portfolio 04 2018  

Portfólio do ilustrador e designer Aura.

Advertisement