Page 67

É noite. Os cachorros que durante o dia dormiram pelos cantos da casa, agora vasculham o quintal iluminado pela lua quase cheia. Fachada da casa pintada de cor rosa com barrado inferior de cor branca. Varanda da frente com seis colunas. Quatro janelas laterais e a porta de entrada para a sala com acabamento em arco, madeira pintada de marrom. Porta larga em duas folhas se abre para fora no pequeno alpendre entre a varanda e a sala. À noite, o lustre de vidro azul torna lilás a parede do alpendre. Junto à porta de entrada, imagens entalhadas na madeira, São Benedito à esquerda e São Francisco à direita. Passeio pela alameda de palmeiras, e do portão dois olhos ficam me fitando. Choveu o dia todo. Mais de um dia. A árvore sagrada, a figueira de Hilda, banhada pela chuva e pela luz dourada do final de tarde, ameniza a tristeza. É ainda bem cedo, o sol acabou de entrar no Portão da Casa do Sol. A luz entra pela janela da frente e ilumina a fotografia de Hilda Hilst com a legenda "poeta da memória, da paixão e do escárnio" exposta na parede da sala. Coloquei flores para ela. Estranhamente me veio ao pensamento: esta casa não é mais de Hilda. Sua memória se apagando entre os pelos dos cachorros caídos no chão. Fantasmas avistados no jardim. Luz dourada no final da tarde passa pela janela, atravessa a sala rosada esquentando o ambiente e iluminando o canto esquerdo da lareira. Portada solene e mística. No alto um sol com face, olhos, nariz e boca que sorri discretamente, tem Cabelos como chamas. O sol humanizado reina superiormente. O portão foi comprado por Hilda Hilst em um antiquário; é de ferro batido em estilo eclético, possui as iniciais HH e data de 1890. Em breve será emparedado e perderá a luz dos primeiros raios de solares. Onde estará Hilda quando o portão de sua casa não puder mais se abrir para receber os poetas? divino sobral

Profile for Ateliê Aberto

Poemas aos homens do nosso tempo - Hilda Hilst em diálogo  

O projeto Poemas aos homens do nosso tempo de curadoria de Ana Luisa Lima, Ateliê Aberto e Jurandy Valença, partiu de um programa de residên...

Poemas aos homens do nosso tempo - Hilda Hilst em diálogo  

O projeto Poemas aos homens do nosso tempo de curadoria de Ana Luisa Lima, Ateliê Aberto e Jurandy Valença, partiu de um programa de residên...