Page 41

“Meu anjo.” Como uma gatinha sonolenta, Eva piscou para mim quando saí do banheiro do escritório. “Hã?” Sorri ao vê-la ainda na minha cadeira. “Imagino que esteja bem.” “Nunca estive melhor.” Ela ergueu uma das mãos e passou pelos cabelos. “Ainda estou desnorteada depois de tanto foder, mas de resto estou muito bem, obrigada.” “De nada.” Fui até ela levando uma toalha de mão com água quente. “Está tentando bater o recorde de orgasmos em um único dia?” “É uma proposta interessante. Estou disposto a tentar.” Ela estendeu a mão como se fosse me empurrar. “Já chega, seu maníaco. Se me comer de novo, vou acabar entrando em estado vegetativo.” “Se mudar de ideia é só me avisar.” Eu me ajoelhei diante dela e abri suas pernas. Bem depilada e rosadinha, sua boceta era linda. Perfeita. Ela me observou enquanto a limpava, passando as mãos pelos meus cabelos. “Vê se não trabalha demais no fim de semana.” “Como se eu tivesse alguma coisa interessante para fazer sem você”, murmurei. “Dorme até mais tarde. Lê um livro. Planeja a festa.” Abri um sorrisinho. “Não me esqueci disso. Vou convidar o pessoal hoje à noite.” “Ah, é?” A tranquilidade abandonou seus olhos. “Que pessoal?” “O que você quer conhecer.” “Você vai ligar pro pessoal?” Fiquei de pé. “A gente vai se encontrar.” “Para fazer o quê?” “Beber. Conversar.” Fui até o banheiro, joguei a toalha no cesto de roupas sujas e lavei as mãos. Eva foi atrás de mim. “Em um bar?” “Não sei. Acho que não.” Ela encostou no batente da porta e cruzou os braços. “Algum deles é casado?” “Sim.” Pendurei a toalha de novo na argola. “Eu.” “Só você? Arnoldo vai estar lá?” “Talvez. Provavelmente.”

Profile for Atâna Araújo

Livro 4 somente sua sylvia day  

Gideon me chama de anjo, mas ele é o milagre em minha vida. Meu lindo, guerreiro ferido, tão determinado a matar meus demônios enquanto se r...

Livro 4 somente sua sylvia day  

Gideon me chama de anjo, mas ele é o milagre em minha vida. Meu lindo, guerreiro ferido, tão determinado a matar meus demônios enquanto se r...