Issuu on Google+

W W W. A S E M A N A - A L . C O M . B R >>> IML

Em fim de semana de caos, legistas tiveram prisão decretada / PÁGINA 6

FLEMING SE DESTACA COM DISCURSO DIFERENCIADO

Maceió, segunda-feira, 24 a 30 de setembro de 2012 l Ano III l Nº 123 l R$ 1,00

Candidato do PSOL: ainda longe nas pesquisas, mas com foco em consolidar novo jeito da esquerda fazer campanha / PÁGINAS >>> Leia+

Eleições da Ordem: com edital lançado, agora é para valer PÁGINA 5

Jacinto Silva é atração no palco do teatro, em Maceió

>>> Alexandre Fleming é o quinto colocado, pontuando pela primeira vez

PÁGINA 11


2

24 a 30 de setembro de 2012

O hediondo crime do tráfico de pessoas

A

RENAN CALHEIROS

Senador da República pelo PMDB

ntes do relatório final, alguns dados já chamam a atenção. De acordo com a pesquisa desenvolvida pelos organismos internacionais, em parceria com o governo brasileiro, existem no país 241 rotas de tráfico, sendo que 110 delas estão relacionadas ao tráfico interno e as outras 131 direcionadas ao tráfico internacional de pessoas. O que merece um destaque ainda maior é que um grande número de rotas se encontra nas regiões mais pobres do Brasil. A região Norte concentra 76 rotas, seguida pelo Nordeste com 69, Sudeste com 35, Centro Oeste com 33 e a região Sul com 28 rotas. A Pesquisa sobre Tráfico de Mulheres, Crianças e Adolescentes para Fins de Exploração Sexual realizou um amplo mapeamento das rotas utilizadas pelas redes de tráfico no Brasil. Todas elas têm uma natureza dinâmica e são trocadas ou desativadas a partir do momento em que são detectadas. Elas se concentram em cidades próximas a rodovias, portos e aeroportos, oficiais ou clandestinos, que são pontos de fácil mobilidade. Em relação ao tráfico internacional, o destino das traficadas é um país europeu. Entretanto, há um considerável número de rotas para países da América do Sul, sobretudo Guiana Francesa e Suriname, e para a Ásia. Segundo este estudo, na região Norte, há fortes indícios de que as rotas possuam conexões com o crime organizado, sobretudo com o tráfico de drogas e com a falsificação de documentos. Na região Nordeste, ainda de acordo com a pesquisa, há uma conexão entre o turismo sexual e tráfico de drogas. As capitais que aparecem como os principais locais de origem/destino do tráfico, são também as cidades nordestinas que mais recebem turistas estrangeiros. Quando tive a honra de ocupar o Ministério da Justiça, iniciei um minucioso trabalho de enfrentamento das gangues internacionais que atuavam no Brasil. Fui pessoalmente até Israel para repatriar oito cidadãs brasileiras que, enganadas por falsas promessas, viviam de maneira degradante nas garras das máfias internacionais. Fizemos um grande esforço para combater tais máfias e contei até com o apoio do Juiz espanhol Baltazar Garzón, com quem tive a oportunidade de me encontrar para reuniões de trabalho e que, posteriormente, ficou mundialmente conhecido pelo combate ao crime organizado. Este é um drama mundial, mas o Brasil precisa se antecipar e propor legislações específicas para combater este tipo de crime. Creio que a CPI, ao encerrar seus trabalhos, trará grandes contribuições neste campo que contarão com meu apoio incondicional.

CEI PODE SER BOA CONTRIBUIÇÃO

U

m estudo realizado pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Sobre Direito, Sociedade e Violência do Cesmac vai servir de subsídio para o relatório final da Comissão Especial de Inquérito que investiga as causas da violência em Maceió - a CEI da Violência que foi instalada pela Câmara Municipal ainda no início deste ano. O documento elaborado pelo Cesmac já se encontra com o presidente da CEI da Violência, Ricardo Barbosa (PT) e pode ser o último ponto para o fechamento dos trabalhos da CEI, que pretende entregar o relatório final - que será feito pelo vereador Marcelo Malta (PCdoB) - já na próxima semana. De acordo com Barbosa, além do subsídio, a CEI da Violência irá apontar para adoção de medidas eficazes no combate à violência, com atenção especial para os jovens. O relatório da CEI apresentará ainda uma série de estatísticas envolvendo a capital alagoana e pode - inclusive - ser ponto de partida para projetos de lei. Demorou, mas a CEI da Violência chegou a um ponto final. Resta saber qual será a qualidade deste relatório. Afinal, nunca uma Comissão Especial de Inquérito teve tanta atenção no Poder Legislativo municipal, tendo o debate - inclusive nacionalizado, com a presença de Regina Mikki e do estudioso do Mapa da Violência, Júlio Jacobo. O parlamento-mirim ainda fez questão de pagar um consultor para a CEI da Violência. No caso, o advogado militante dos Direitos Humanos, Pedro Montenegro. Em relação ao estudo entregue pelo Cesmac, Ricardo Barbosa coloca que o levantamento feito representa um importante instrumento de identificação de diversos índices, como

horário de incidência de crimes, drogas mais consumidas na capital alagoana, dentre outros pontos que devem constar no relatório final. “Esse estudo revela números de grande importância para o nosso traba-lho, que poderiam, inclusive, estar à disposição do poder público, que teria subsídios suficientes para encarar de frente o debate acerca da violência e propor soluções”, afirmou Barbosa. A pesquisa foi coordenada pelo professor Luiz Sávio de Almeida. Agora é esperar o relatório final da CEI da Violência, para saber qual diferença de fato a Comissão fará... A data específica ainda não foi agendada - conforme Malta - porque o relatório ainda passa por ajustes. O presidente e o relator - por exemplo - se reuniram ainda no dia de ontem para trabalhar na compilação de dados que devem estar presentes. O vereador do PCdoB classificou o relatório como “substancioso” e disse que o documento trará novidades, não se baseando apenas em estatísticas já pré-existentes e que foram coletadas durante os traba-lhos da CEI da Violência, seja nas audiências públicas que foram realizadas, ou nos estudos que foram recebidos. Desde então, foram quatro audiências públicas e coleta de material. O último estudo anexado à CEI é conside-rado pelos edis um dos mais importantes e foi feito pelo Núcleo de Estudos e Pesquisas Sobre Direito, Sociedade e Violência do Cesmac. Para o presidente Ricardo Barbosa, a CEI irá apontar a adoção de medidas eficazes no combate à violência, com atenção especial para a juventude.

Rua Dr. Antônio Pedro de Mendonça, 73 Jaraguá - Maceió / Alagoas - CEP: 57030-070 Redação e Comercial: (82) 3317-0213 LUIS VILAR

EDITOR-GERAL

LUCIANO ANDRESON DIAGRAMADOR

e-mail: asemana-al@hotmail.com

Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não refletindo necessariamente a opinião deste semanário.


3

24 a 30 de setembro de 2012

FLEMING: UMA NOVA ROUPAGEM PARA UMA TRADICIONAL ESQUERDA

>>> ELEIÇÕES 2012

DA REDAÇÃO

Campanha do PSOL chama atenção em Alagoas por poucos ataques e propostas

Quem acompanha a trajetória de uma tradicional esquerda em Alagoas - que aglutina partidos como PSOL, PSTU e PCB - sabe das dificuldades que estes possuem no jogo eleitoral a cada dois anos. Enfrentam a já conhecida força do poder econômico e são vistos com ressalva por grande parte da população, por conta do discurso tido como radical e pelas imagens associadas a palavras de ordem e velhos bordões de um tipo de campanha eleitoral que cada vez mais tem ficado no passado. Mas, no Estado, o PSOL vem se renovando como liderança de uma nova esquerda que - sem perder as referências ideológicas e o conteúdo programático - encontra uma nova forma de dialogar e, possivelmente, ampliar a frente de diálogo. Foi assim por exemplo - que durante o período pré-eleitoral o PSOL chegou a conversar com um leque bem maior de partidos. É assim que - agora no meio do processo eleitoral - tem apresentado uma campanha diferenciada que está chamando a atenção de muitos eleitores e com resultado efetivo: o crescimento de Alexandre Fleming - o candidato à Prefeitura Municipal nas pesquisas. Fleming iniciou o pleito na condição de ilustre desconhecido. Tinha participado de uma eleição em 2010 pelo

PSOL, disputando uma das vagas da Câmara Federal, quando alcançou a marca de 1.500 votos e - na sequência assumiu o diretório municipal do partido e o desafio da campanha majoritária. Hoje, levando em consideração às margens de erros das pesquisas feitas, o PSOL pode já estar com 3 a 4 pontos percentuais. Ainda distante - evidentemente - de entrar em um jogo, ao menos conforme os números, para um segundo turno, mas com o poder de firmar uma nova aliança e pensar em um futuro. O partido deve reeleger Heloísa Helena (PSOL) para a Câmara Municipal de Maceió e até conquistar mais uma cadeira a depender da votação da legenda, já que tudo foi pensado para estruturar a reeleição de Heloísa Helena. Mas, se engana quem pensa que o horizonte do partido se resume a isto. Nesta nova fase da legenda em Maceió, é possível observar que da forma como está sendo planejada a campanha de Fleming - com propostas palpáveis, discutindo o cenário local, com poucos ataques, mas lembrando que a antiga esquerda - que era representada, por exemplo, por Ronaldo Lessa (PDT) - já não existe - há uma frente de diálogo propositivo sendo construído e quem ganha com isto é a própria sociedade que terá uma oposição mais coerente, consciente de seu papel e pre-

que - na verdade - era uma anti-candidatura, para marcar posição. Foi assim - por exemplo - com Mário Agra em 2010, que hoje é candidato à Câmara Municipal de Maceió. Lá, e tinha toda uma estrutura voltada a eleição de Heloísa Helena ao Senado Federal, o que acabou não ocorrendo. Pode ser que as lições tenham levado ao PSOL a nova roupagem.

>>> Felming acredita em crescimento nas pesquisas

sente.

MUDANÇAS A campanha do PSOL inovou na roupagem. O programa é leve, a campanha é mais participativa e o diálogo sai do “gueto esquerdista” para discutir problemas de Maceió, evidentemente com uma visão de esquerda. O que já faz de Fleming uma preocupação por parte de adversários, como acontece por exemplo tanto do lado tucano, quanto do lado pedetista. Os dois candidatos que polarizam o pleito sabem que a campanha psolista nestes últimos dias pode ser um fato decisivo para que exista ou não um segundo turno. O discurso certeiro de Alexandre Fleming, as frases precisas e o bom aproveita-

mento do tempo de televisão abrem ainda uma expectativa muito grande para como o candidato do PSOL vai se comportar nos debates das grandes emissoras de televisão. O PSOL só teve um destaque tão importante assim em uma majoritária com a campanha de Ricardo Barbosa - que atualmente se encontra no Partido dos Trabalhadores - em 2006, quando ele roubou a cena em um debate da TV Gazeta, colocando os “gigantes” da época para se digladiarem. No caso, Teotonio Vilela Filho (PSDB) e João Lyra (PTB), que disputavam o Governo do Estado de Alagoas. De lá para cá, as campanhas do PSOL tinham cumprido o “script” previsto no processo eleitoral. Uma candidatura

REDES Outros investimentos do PSOL que tem produzido efeitos na opinião pública tem sido o uso das redes sociais para uma campanha de baixo custo, mas com efeito. O canal no Youtube, o perfil do próprio Fleming no twitter, além do Amigos do Fleming (conta criada por assessoria) e outras estratégias que podem muito bem resultar em votos dos que ainda acreditam - como o próprio candidato gosta de frisar - uma mudança possível. Com os debates de véspera, o PSOL tem hoje conforme informações de bastidores - uma perspectiva de conseguir atingir uma quantidade de votos recorde em campanhas majoritárias. Alexandre Fleming ainda é mais ousado. Positivo e crente no bom desafio do partido, ele vislumbra - inclusive - a possibilidade de um segundo turno. Mas, é sabido das dificuldades para que isto ocorra.


4

24 a 30 de setembro de 2012

>>> CÂMARA MUNICIPAL

CANDIDATOS ACREDITAM QUE VOTO DE OPINIÃO PODE SIM FAZER A DIFERENÇA Théo Fortes, Heloísa Helena, José Costa e outros se firmam como posição do voto consciente

DA REDAÇÃO

Com o processo eleitoral em andamento, alguns vereadores podem alcançar êxito - em Maceió - entre os formadores de opinião, ou como é coloca pelos especialistas em política - no voto consciente. Candidatos com este estilo de discurso não faltam, inclsuive alguns nomes já presentes na Câmara Municipal de Maceió, como é o caso da vereadora Heloísa Helena (PSOL) e do vereador Théo Fortes (PTdoB), por exemplo. Ambos ligados a área de saúde. Em partidos completamente diferentes e com programas diferentes, Fortes e Heloísa Helena conseguem dialogar com parcela significativa da sociedade por conta dos discursos e dos serviços prestados no Legislativo municipal. Podem ser candidatos eleitos por este voto formador de opinião. No caso de Théo Fortes, que já ocupou a Secretaria Municipal de Saúde, e sempre foi uma liderança importante neste setor, passou a ocupar o mandato de vereador com a ida da deputada federal Rosinha da Adefal (PTdoB) para a Câmara em Brasília. Desde então, Fortes conseguiu realizar na Casa de Mário Guimarães um trabalho diferenciado, ocupando o papel de corregedor do “parlamentomirim”, de membro da Comissão de Saúde, com projetos de lei de relevância e entre os destaques o relatório da Comissão Especial de Investigação (CEI) dos

Combustíveis. A ação de Fortes mobilizou parceiros importantes como a Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Alagoas, Ministério Público e Procon, com um documento substancioso que - logo no primeiro relatório - impediu o aumento abusivo do preço de combustíveis em Maceió. Este são exemplos de ações que acabaram sendo bem aceitas pela sociedade e que pode servir de base para a recondução ao mandato com base no chamado “voto consciente”. Além dele, na atual composição da Câmara Municipal de Maceió está a vereadora Heloísa Helena (PSOL), que também possui um perfil combativo e discurso duro nas denúncias de irregularidades envolvendo tanto o Executivo municipal, quanto do próprio Legislativo. Heloísa Helena é uma das principais referências da esquerda em todo o país. Na Câmara Municipal, buscou a aprovação de projetos importantes, como por exemplo, o que regulamentar tempo de espera para a marcação de exames, entre outros. Voz combativa no destino de recursos públicos para projetos sociais no orçamento do Executivo municipal, foi uma fiscal da gestão de Almeida, alcançando a simpatia de muitos eleitores. A vereadora psolista se firmou inclusive - como um contraponto na atual composição do Legislativo municipal, já que uma imensa maioria acaba integrando a bancada do prefeito Cícero Almeida (PSD).

>>>Théo Fortes foi destaque na CEI dos Combustíveis

Sem mandato

Outro político que tem este perfil de conseguir êxito entre o eleitor do voto de opinião, ainda que sem mandato é o exdeputado federal José Costa (PPS). Em 2010, Costa disputou uma das vagas do Senado Federal. Fez uma campanha que chamou a atenção de formadores de opinião, com uma razoável quantidade de votos, apesar da derrota para os eleitos Benedito de Lira (PP) e Renan Calheiros (PMDB). Agora, Costa - que já esteve em ninho peemedebista - volta a ser uma das importantes apostas do PPS neste pleito. O partido já possui uma vereadora na Casa de Mário Guimarães que é Silvânia Barbosa (PPS), que também vem fazendo um trabalho atuante no campo da

oposição apresentando diversas cobranças. O partido busca ampliar esta bancada com pelo menos dois nomes. Na lista de possíveis eleitos pelo PPS está José Costa. No campo da juventude, outros candidatos também buscam o diálogo com a parcela “consciente” da sociedade. No PCdoB, por exemplo, dois nomes traçam esta estratégia. O atual vereador Marcelo Malta na busca pela reeleição e a candidata Cláudia Petuba, que disputou uma das vagas da Câmara Federal, em 2010. No PTN, as atenções são voltadas ao candidato José Marques de Vasconcelos, na campanha Juventude de Maceió. Marques é o candidato

>>> Heloísa Helena

do deputado estadual João Henrique Caldas (PTN), que tem alcançado elogios pelo desempenho na Assembleia Legislativa. O PTN quer ampliar seus espaços, com nomes que simbolizem - como coloca João Henrique Caldas - uma nova forma de fazer política.


>>> ADVOCACIA

24 a 30 de setembro de 2012

5

CANDIDATOS À OAB/AL TÊM ATÉ 16 DE OUTUBRO PARA REGISTRAR CHAPA

Eleições, composição de chapa, prazos recursais e impugnação, comissão eleitoral, registro das chapas, propaganda eleitoral e pleito eleitoral. São esses os sete capítulos do edital publicado pela Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Alagoas, na edição da segunda-feira (17) do Diário Oficial do Estado. Na publicação, a OAB/AL oficializa o dia 23 de novembro para realização da votação

que irá eleger a nova composição da diretoria da seccional. Na mesma data, também serão eleitos os diretores das cinco subseções, além dos representantes dos advogados no Conselho Federal e na Diretoria da Caixa de Assistência. O edital divulga ainda os nomes dos advogados Edvilson Ferreira Neri, Antônio Noya Rocha, Grimoaldo José Costa Lins, Rita de Cássia Vieira Malta e Cleto Carneiro

de Araújo Costa como integrantes da Comissão Eleitoral. Composição que, diferente da última eleição, realizada em 2009, não contou com indicação dos pré-candidatos. De acordo com o advogado Marcelo Brabo, integrante do Movimento OAB que Queremos e um dos cinco pré-candidatos à presidência da OAB, a medida foi encarada com surpresa. "Neste ano, temos ótimos nomes, desejosos de bem representar a categoria.

Pensando nisso, protocolamos um requerimento, na última semana, sugerindo que a presidência adotasse a mesma medida altruísta do pleito anterior. Uma forma de democratizar ainda mais a escolha do candidato que melhor represente a OAB que Queremos" afirma. Os grupos interessados em disputar a eleição na seccional já podem solicitar o registro de chapas até o dia 16 de outubro. Na oportunidade, devem in-

dicar 80 nomes, entre titulares e suplentes. Nas subseções, são 5 (cinco) indicações além dos advogados que deverão ocupar o Conselho Subseccional, quando houver. Segundo o Estatuto da OAB/AL, o voto é obrigatório para todos os advogados regularmente inscritos e deverá ser realizado mediante cédula eleitoral. Em Maceió, as eleições acontecem na sede do Clube da OAB, em Jacarecica.


6

24 a 30 de setembro de 2012

IML VIVENCIA CAOS NO FIM DE SEMANA POR CONTA DA GREVE DE MÉDICOS

>>> DESRESPEITO

Justiça determina prisão dos legistas e governador classifica situação como lamentável

Uma liminar concedida pelo juiz plantonista e assessor da Presidência do Tribunal de Justiça de Alagoas, Diógenes Tenório determinou que os médicos-legistas que estiverem no plantão e se negarem ao trabalho serão presos, assim como o presidente do Sindicato dos Médicos de Alagoas, Wellington Galvão. O fato se deu diante do caos instalado no Instituto Médico Legal Estácio de Lima (IML) neste fim de semana, após o acúmulo de vários corpos que aguardavam a necropsia para serem liberados para serem sepultados. No local, era possível encontrar familiares que aguardavam a liberação dos corpos desde a quinta-feira passada. Conforme informações colhidas pelo A Semana, sem espaço para colocar todos os cadáveres, alguns estavam sendo postos no chão em cima das bandejas. A situação chegou ao limite do insuportável, o que fez com que o próprio juiz Maurício Brêda comparecesse ao IML para verificar se os legislativas estavam trabalhando, já que havia decisão judicial para que eles realizassem a necropsia. O caso revoltou familiares e o próprio Governo do Estado que endureceu nas negociações com os legistas e só reabrem o diálogo se eles retornarem os 30% dos serviços. Em relação a decisão judicial que foi tomada no

sábado, se deu baseada no conceito de que os médicoslegistas prestam serviço essencial e não poderiam paralisar os serviços. A decisão de Diógenes acontece após outra, do presidente do TJ, Sebastião Costa Filho, que permitiu a liberação de corpos sem necropsia, no sábado o Cadaminuto mostrou que parentes e amigos estavam desesperados sem saber como liberar os mais de 20 corpos que estavam nos IML’s de Maceió e Arapiraca. Durante um evento oficial do Estado, na tarde de sábado

(22), o secretário de Defesa Social, Dário César, lamentou o sofrimento das famílias e classificou como falácias as solicitações dos legistas. “Nós colocamos à disposição da categoria, oferecemos uma bolsa no valor de R$ 2 mil, além de um reajuste em janeiro no valor de R$ 1mil. No entanto, eles não aceitaram. Essa postura de deixar os parentes ao descaso é totalmente inaceitável”, frisou.

PROCURADORIA O secretário destacou que a Procuradoria Geral do Estado (PGE) solicitou, mais uma vez,

a liberação dos corpos sem a necropsia. Ainda segundo ele, esse apelo tem como objetivo a solução parcial do sofrimento das famílias. “O presidente do sindicato dos médicos se manifesta politicamente e, infelizmente, os médicos o seguem. Na liminar, solicitamos que as contas do sindicato sejam bloqueadas e os médicos respondam individualmente. A greve,como todos sabem, é ilegal e deve acabar imediatamente”, colocou. O governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) comentou, durante o mesmo evento ofi-

cial na tarde de sábado, a paralisação dos legistas. “É lamentável que essa situação esteja acontecendo novamente. Estamos trabalhando para encontrar o melhor caminho”, pontuou. O juiz Maurício Brêda, representando o Conselho Estadual de Segurança Pública de Alagoas (Conseg), foi a única autoridade que se deslocou até o IML para comunicar às famílias a real situação do impasse. Aos amigos e familiares, o magistrado avisou que até a manhã de domingo (23) a liminar solicitada pela PGE deve ser concedida. À imprensa, o magistrado adiantou que alguns médicos tiveram a prisão decretada em decorrência da ‘prevaricação’. Segundo informações, agentes da Polícia Civil realizam diligências com objetivo de encontrar os legistas.

PRISÃO Os médicos legistas que estiveram no plantão nos IMLs de Alagoas e se negarem a trabalhar poderão ser presos. Esta é a determinação do presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, desembargador Sebastião Costa Filho. A determinação, proferida na noite de ontem, prevê a liberação dos corpos sem necropsia pela IML, prisão do legista que se negar a trabalhar e ainda multa diária de R$ 10 mil para o Sindicato dos Médicos, uma vez que a greve já havia sido considerada ilegal.


24 a 30 de setembro de 2012

CRIANÇAS PREFEREM O GOOGLE AOS PAIS PARA TIRAR DÚVIDAS

>>> MUNDO VIRTUAL

7

Pesquisa foi realizada com 500 meninos entre 6 e 15 anos de idade

Nem professor nem pai nem mãe nem parente algum. Quando os alunos têm dúvidas, o campeão de audiência e de credibilidade é o Google. A constatação é de uma pesquisa realizada por um instituto britânico que ouviu 500 crianças com idades entre 6 e 15 anos. Do total de entrevistados, 54% preferem consultar o buscador quanto precisam checar alguma informação. E as descobertas não pararam por aí: mais de um terço (34%) das crianças não acredita que seus pais sejam capazes de ajudá-las a fazer o dever de casa; 14% não acham seus pais inteligentes. Isso se deve, além da popularização da internet, a outras duas razões, avalia a psicóloga Natércia Tiba: a menor disponibilidade dos pais e a tendência imediatista das novas gerações. "De modo geral, pai e mãe estão no mercado de trabalho, logo não estão tão à disposição. Soma-se isso ao fato de essas

crianças crescerem num ambiente em que tudo é fornecido muito rápido e está explicada a popularidade do Google. Quem é que vai querer olhar no índice de uma enciclopédia?" De fato, a pesquisa mostrou que, imersos no mundo tecnológico, grande parte desses estudantes também passa bem longe dos materiais impressos de consulta: 19% deles não sabem o que é um dicionário impresso e 45% nunca usaram uma enciclopédia. Aliás, desconhecem até o significado do termo. Numa tentativa de adivinhar o que seria uma enciclopédia, as respostas foram de meios de transporte a instrumento cirúrgico. A pesquisa, como se imagina, não vale só para a Grã-Bretanha. Unanimidade mundial, o site de buscas também é a página inicial de muitas crianças brasileiras. É o caso de Carlos Alberto Koji Kamei Ohara, de 10 anos. Aluno do

5º ano do ensino fundamental no Colégio Santa Maria, há três anos ele usa o Google todos os dias para fazer a tarefa de casa. "Aos 8 anos, eu aprendi a pesquisar. E me ajuda muito, principalmente em por-

tuguês, história e geografia. E não sou só eu que gosto. Todos os meus amigos também usam", diz. Mas sem o truque do "ctrl-C, ctrl-V". O garoto explica que, para cada tema que precisa estudar, lê o

conteúdo de pelo menos dois ou três links e depois reescreve com suas próprias palavras. Mas dá para confiar nas informações? "Quase sempre." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Dilma chega aos EUA e se prepara para abrir encontro da ONU

Dilma Rousseff chegou no domingo na cidade de Nova York, onde fará na terça-feira o discurso de abertura dos debates entre os chefes de Estado na 67ª Assembleia Geral das Nações Unidas. Ainda à espera de confirmações sobre possíveis compromissos bilaterais, a agenda da presidenta permanece ''em construção'', como define a assessoria do

Planalto. Ela deve ficar na cidade até quarta-feira pela manhã. Dilma vem acompanhada da filha e dos ministros Antonio Patriota (Relações Exteriores), Marco Aurélio Garcia (Secretaria Especial de Assuntos Internacionais), Aloizio Mercadante (Educação), Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio), Aguinaldo

Ribeiro (Cidades) e Helena Chagas (Secretaria de Comunicação Social). Segundo o Planalto, grande parte do tempo de Dilma até a terça-feira será dedicada ao discurso, ''um dos mais importantes para a projeção da imagem do Brasil no mundo'', como definiu aqui um de seus assessores. Cumprindo a tradição desde 1947, a chefe

de Estado será a primeira a abrir os debates da Assembleia Geral, logo após as falas do secretário-geral da organização, Ban Ki Moon, e do presidente da Assembleia, o sérvio Vuk Jeremic.

TEMAS Um dos temas que diz respeito ao Brasil e que, espera-se, seja abordado por Dilma é o desenvolvimento

sustentável, um prosseguimento do que foi acordado na Rio+20, em junho. O acordo final estabelece que as próximas metas de desenvolvimento - que substituirão os atuais Objetivos do Milênio a partir de 2015 - incorporem os conceitos de preservação do meio ambiente, redução da pobreza e igualdade de gêneros, por exemplo.


8

24 a 30 de setembro de 2012


24 a 30 de setembro de 2012

9


10

24 a 30 de setembro de 2012

>>> COMPRA ALAGOAS

GOVERNO LANÇA PROGRAMA DE INCENTIVO AOS MICRO E PEQUENOS NEGÓCIOS Evento deve reunir mais de mil empreendedores no próximo dia 25 de setembro

O governador Teotonio Vilela Filho lança, na próxima terçafeira (25), o Programa Compra Alagoas, iniciativa que vai incentivar os micro e pequenos negócios locais a se tornarem fornecedores de produtos e serviços ao Governo do Estado. O lançamento oficial do Compra Alagoas acontece no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, a partir das 10h, e deverá contar com a presença de aproximadamente mil microempresários de diversos municípios alagoanos. O Programa é coordenado pelo Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado do Planejamento e do Desenvolvimento Econômico (Seplande), da Agência de Modernização da Gestão de Processos (Amgesp) e pela Desenvolve - Agência de Fomento de Alagoas, com o apoio técnico do Sebrae/AL. O Compra Alagoas vai orientar os micro e pequenos empresários sobre todos os procedimentos necessários para que eles estejam habilitados para comercializar seus materiais e serviços com as secretarias e órgãos do Exec-

DESTAQUE NACIONAL Foi divulgado recentemente um índice que demonstra o trabalho que o Governo do

O Governo do Estado lançou,domingo (23), a pedra fundamental do Marco Referencial de Maceió, que será construído no local onde funcionava o antigo Alagoinhas, na orla da Ponta Verde. O marco será um espaço de convivência para turistas e alagoanos, que

poderão desfrutar de cultura, gastronomia e lazer, com muitas atrações e atividades. No novo local será montada uma estrutura em aço, num formato de um barco com velas, com muita luminosidade e campo visual. O espaço contará também com um elevador de

utivo. "O Compra Alagoas contempla uma das ações do projeto estruturante de Fortalecimento de Micro e Pequenos Negócios e Promoção do Empreendedorismo do Programa Alagoas Tem Pressa. Temos um grande potencial e é nosso dever estimular e criar ferramentas para o aumento das compras governamentais aos pequenos negócios", destacou o secretário de Estado do Planejamento e do Desenvolvimento Econômico.

AÇÕES PREVISTAS Dentre as ações previstas estão a realização de capacitações e cursos, com um direcionamento especial para a melhoria e excelência da gestão dos empreendimentos, assinaturas de termos de cooperações técnicas entre instituições públicas e privadas, além de cartilhas consultivas com instruções básicas para os empresários.

>>> Vilela, governador do Estado de Alagoas

Estado vem desenvolvendo para alavancar os micro e pequenos negócios. As estatísticas apontam que o Estado é o primeiro colocado no Nordeste no ranking dos municípios que cumprem a legislação em benefícios dos pequenos negócios nos processos de compras públicas. Acumulando, em 2011, um valor total de 12,75% das compras governamentais feitas diretamente dos micro e pequenos negócios, Alagoas fica atrás apenas do Estado do Paraná, com 15,29% em relação ao restante do País. Esses negócios significam um total de R$ 93 milhões negociados. A coordenação do Compra Alagoas conta ainda com instituições parceiras, são elas: Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Alagoas (Fecomércio); Junta Comercial do Estado; Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea); Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Alagoas (Faeal) e da Federação das Associações Comerciais (Federalagoas).

Governo lança pedra fundamental do Marco Referencial de Maceió 30 a 40 metros, que dará uma visão quase que completa da orla, museu de fotografias e esculturas artísticas, aquário, espaço para apresentações artísticas locais, gastronomia e estacionamento. De acordo com Marcos Vieira, um dos arquitetos re-

sponsáveis pelo projeto, o novo espaço terá uma área destinada a shows visando dar maior conforto aos alagoanos e turistas que circulam pelo local. O desenho do projeto, feito em formato de velas, foi criado para representar algo que existisse no mar, já que a água é um dos

símbolos do Estado. O senador Benedito de Lira é o responsável pela emenda que executará o início do projeto. Segundo Danielle Novis, secretária de Estado do Turismo, toda a construção será voltada para visitação.


11

24 a 30 de setembro de 2012

JACINTO SILVA

>>> RECONHECIMENTO

É HOMENAGEADO NO TEATRO

N

Rei do coco alagoano é tema de obra no Quinta no Arena

a próxima quinta (27) o Teatro de Arena Sérgio Cardoso (anexo ao Deodoro) receberá no projeto Quinta no Arena um espetáculo em homenagem ao Rei do coco, o alagoano, de Palmeira dos índios, Jacinto Silva, um dos maiores nomes do coco no Brasil. “Sincopando Jacinto Silva” de Andréa Laís é um espetáculo que reúne a poesia músico-popular, em especial, o sincopado Coco junto ao Jazz e o Rock and Roll, dentre leituras e releituras das composições de Jacinto Silva, tudo isso unido as participações especiais de Chau do Pife e Wilson Santos. O show terá início às 19h, com ingressos a R$ 5,00 e R$ 10,00 à venda na bilheteria do Teatro Deodoro. Um espetáculo com duração de 70min acompanhado por músicos que atuam na cena local – Tony Augusto (guitarra), Van Silva (baixo), Jarlandson Araújo (bateria) – e da cantora Andréa Lais, que é uma pernambucana com alma alagoana. Sua formação musical iniciou-se cantando no coral da Igreja Batista. Influenciada pelos grandes nomes da música popular brasileira como: Djavan, Caetano Veloso, Oswaldo Montenegro, Ana Carolina, Luiz Gonzaga, Marisa Monte, Antônio Nóbrega – ajudou a aumentar seu amor pelo canto. Em 2009, aos 16 anos, Andréa Laís participa do Projeto Quartas Musicais produzido pelo SESC Alagoas, oportunizando sua inserção na cena musical

alagoana e seu reconhecimento em participações especiais nos shows de Basílio Sé, Millane Hora e Júnior Almeida. Hoje Andréa traz consigo o espetáculo “Sincopando Jacinto Silva” em uma singela homenagem ao cantor, compositor e mestre de coco, o alagoano Sebastião Jacinto da Silva.

JACINTO SILVA Nasceu em 1933 em Palmeira de Índios (AL) e falecido em 2001, em Caruaru (PE). Discípulo de Jackson do Pandeiro, iniciou a carreira em 1942. Seu trabalho serviu de inspiração para bandas pernambucanas como a Cascabulho. Em 1962 gravou na Mocambo seu primeiro disco com o baião "Justiça divina", de Onildo Almeida e a moda de roda "Bambuê bambuá", de Joaquim Augusto e Luiz Plácido. No mesmo ano, teve o rojão "Moça de hoje", parceria com Ari Lobo gravado na RCA Victor pelo próprio Ari Lobo. Em 1963, na mesma gravadora gravou de sua autoria o coco "Coco trocado" e de Onildo Almeida, a moda de roda "Chora bananeira". No mesmo período, registrou de Genival Lacerda e Antônio Clemente, o rojão "Carreiro novo". Em 1964 gravou dois dos últimos 78 rotações da série 15.000 da Mocambo com a moda de roda "Aquela rosa", de sua autoria e o coco "Na base do tamanco", parceria com José Maurício. Na ocasião, os

discos foram divididos com Toinho da sanfona, que gravou no lado B. Em 1966 lançou o LP "Cantando", pela gravadora CBS. Em 1973 participou do disco "Forró na palhoça" lançado pela CBS no qual interpretou "Tarrabufado", de sua autoria e Isabel Biluca e "Flor de croatá", de João Silva e Raimundo Evangelista. Em 1974 lançou pelo selo Tropicana-Cantagalo o LP "Eu chego lá", que na época recebeu calorosa crítica do jornalista José Ramos Tinhorão. Ao longo da carreira gravou 24 LPs e dois CDs. Em 2001 recebeu um tributo do cantor e compositor Silvério Pessoa, ex líder do grupo Cascabulho, no CD "Bate o mancá", com músicas de Jacinto Silva, que aparece em algumas vinhetas ao longo do disco. Foram selecionadas 14 músicas do compositor e cantor alagoano, entre as mais de 200 de sua autoria. SERVIÇO: Quinta no Arena – VIII Edição Show “Sincopando Jacinto Silva” Andréa Laís Dia 20 de setembro (quinta-feira) Horário: 19h Ingressos na bilheteria do Teatro Deodoro: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia) Informações: (82) 3315-5665 / 5656 Fonte: Ascom Diteal


12

24 a 30 de setembro de 2012


24 a 30 de setembro de 2012

13


14

24 a 30 de setembro de 2012

PINTADO DIZ QUE CRB PRECISA SER MAIS INCISIVO NA HORA DE MARCAR

>>> SÉRIE B

FRANCISCO CARDOSO Gazetaweb

Apesar de derrota para o São Caetano com três gols de bola parada, o treinador Pintado disse que a sua equipe precisa ser mais incisiva na hora de marcar. Mas, apesar de novo tropeço no campeonato, ele ressaltou que o CRB mostrou evolução. - A nossa equipe passou a também driblar com velocidade e o Jucemar Gaúcho foi muito bem neste quesito. Aponto esta a evolução de nossa equipe. Quero também destacar as atuações do Gleidson e do Ronaldo. Infelizmente o jogo já estava no fim e não houve mais tempo para tentarmos o empate – comentou Pintado. “Infelizmente sofremos gols de bola parada, mas o time não se entregou, tanto que lutou até o fim”, prosseguiu, reconhecendo ainda mérito do adversário em acertar as bolas em direção ao gol. O meia Ronaldo mostrouse satisfeito com sua estreia: “Consegui fazer um gol e sofri o pênalti. Porém, o resultado não veio e isso nos deixa chateado”. O atacante Ricardinho, que converteu o pênalti, saiu de campo lamentando a chance desperdiçada com a bola rolando. “Se tivesse marcado sairíamos de campo com o empate. Mas agora é seguir em frente”. Agora o CRB vai enfrentar o Criciúma na sexta-feira da próxima semana, às 21h, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. O Galo praiano não vence há

Galo praiano só volta a campo na sexta-feira da próxima semana para enfrentar o Criciúma, no Rei Pelé quatro rodadas e ainda assim se mantém em 16º lugar, com 28 pontos, beneficiado pela derrota do Guaratinguetá para o Avaí (2x0). O time paulista é o primeiro incluído na zona do rebaixamento, com apenas três pontos atrás do alvirrubro alagoano. Já o Criciúma, que neste sábado venceu o Ipatinga por 3x2, mantém-se na vice-liderança da Série B 2012, com 52 pontos.

O JOGO O São Caetano não teve problemas para conquistar mais uma importante vitória na Série B do Campeonato

Brasileiro e consolidar-se na zona de acesso para a elite nacional de 2013. Em casa, a equipe do ABC paulista derrotou o CRB por 3 a 2, seguiu na quarta posição da tabela e deixou o rival alagoano ainda ameaçado de rebaixamento para a terceira divisão nesta 26ª rodada. O time comandado por Emerson Leão não demorou para sair na frente no marcador, e Somália fez 1 a 0 logo aos 6min de bola rolando no Estádio Anacleto Campanella. O São Caetano ampliou ainda na etapa inicial, com Gabriel, nos acréscimos. Éder anotou o

terceiro a 1min da etapa decisiva e fez 3 a 0, enquanto o CRB só descontou no final do jogo: primeiro com Ronaldo, aos 41min, e depois com Ricardinho, de pênalti, aos 48min. O resultado deixou o São Caetano com 49 pontos, agora três a mais que o Atlético-PR, quinto da tabela e primeira equipe fora do G-4. Além disso, os paulistas reduziram a diferença para o Goiás, terceiro colocado, que foi derrotado por 2 a 1 pelo Vitória e permaneceu com 49 pontos. O CRB, por sua vez, seguiu em situação incômoda na

tabela. Os alagoanos, que permaneceram na 16ª posição do campeonato, continuaram estacionados nos 28 pontos três a mais que o Guaratinguetá, 17º e que encabeça a zona de rebaixamento. As duas equipes voltam a campo na próxima sexta-feira, dia 28. O São Caetano vai ao Sul do País enfrentar o Paraná às 19h30 (de Brasília), na Vila Capanema, enquanto o CRB recebe mais tarde, às 21h, o Criciúma no Estádio Rei Pelé, em Maceió.


É

OPINIÃO COM

MARLON ARAÚJO / majormarlon@hotmail.com

NADA MUDOU

verdade que o time do CRB teve bons momentos na partida diante do São Caetano. Mas não observei uma evolução na equipe regatiana. O time mostrou os mesmos erros de posicionamento, as mesmas dificuldades de criar e de articular jogadas. Ainda é preciso muito para o CRB melhorar.

24 a 30 de setembro de 2012

>>> SÉRIE B

15

Cheio de problemas, ASA encara América-RN em Arapiraca

GAZETAWEB

BOM MAS PRECISA ESPERAR Acho que Ronaldo é um bom jogador e que suas características não são encontradas no time do CRB. Mas ele não pode ser colocado a um patamar de resolver todos os problemas do CRB. Ainda terá que mostrar consistência.

NÃO MUDOU..AGORA FICA Entendo que o técnico Pintado precisa permanecer no comando técnico do CRB. Tenho questionado algumas mudanças feitas, no meu ver equivocadas, não tenho visto jogadas ensaiadas, triangulações e outras coisas. Mas se era para mudar o técnico, que tivesse mudado depois do jogo contra o ABC ou após o jogo diante do Azulão. Agora mudar é um erro. É preciso levar ele até o final. HORA DE FAZER JUSTIÇA Há um movimento, que encontra apoio em parte da imprensa, de defenestrar a atual diretoria do CSA. Tenho restrições e tive problemas com Jorge VI, mas ele não pode ser injustiçado. VI assumiu o CSA quando ninguém quis e agora joga-lo aos leões é no mínimo insano. Ele pode até deixar a presidência, mas precisa fazer parte do processo.

HORA DE FAZER JUSTIÇA (1) Outro aspecto é que se ele for afastado pela justificativa de prestação de contas será um absurdo. Raimundo Tavares, Euclides Mello, Rafael Tenório e Cicero Cavalcante saíram sem prestação de contas. Por este motivo, forçar Jorge VI a deixar a presidência é na verdade aproveitar-se do momento.

FALTOU FORÇA O ASA tentou, criou chances, perdeu oportunidades e parou na inspiração do goleiro do América-RN e na ausência do matador Lucio Maranhão. Sem ele em campo, o ASA perde força, vira um time comum. PARABÉNS Semana diferenciada para CRB e ASA. O CRB completou 100 anos com uma bela festa. Já para o ASA a festa é relativa aos 60 anos de glórias e paixão pelo alvinegro. Parabéns a dois dos maiores e mais importantes time do Estado.

O ASA recebe o América-RN neste sábado, às 21 horas, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, buscando a reabilitação. Os donos da casa querem a vitória para se distanciar do Z4 e se isso acontecer, o Mecão veria o G4 mais longe. Com 29 pontos, o Alvinegro está próximo da zona de rebaixamento e pode ver a distância diminuir ainda mais se perder e acontecer resultados contrários no complemento da rodada. Por outro lado, o time potiguar joga todas suas fichas para manter vivo o sonho do acesso. O time potiguar está na zona intermediária, com 36 pontos, dez a mais que o São Caetano.

XAVIER COM PROBLEMAS Com muitos problemas, dois deles surgidos de última hora, o treinador Nedo Xavier deixou para só definir o time momentos antes da partida. Ele depende do departamento médico. Em termos de quantidade, os problemas se concentram na defesa, porque Fabiano, Edson Veneno e Walisson ainda não foram liberados. Em relação a este setor, a informação mais triste é que o lateral Gabriel rompeu os ligamentos do joelho esquerdo e não atua mais este ano. Ele vai se submeter a uma cirurgia na próxima segunda-feira e o prazo de recuperação é de quatro a cinco meses. Ausente do time desde o jogo contra o

>>> Nedo Xavier deixou para só definir o time momentos antes da partida

Boa Esporte, Gabriel havia retornado aos treinos nesta semana e estava nos planos para ficar no banco de reservas. Outro detalhe é que o prazo para contratações se encerrou nessa sexta-feira. No meio de campo, Lucas voltou a sentir a parte posterior da coxa esquerda, que o tirou da partida contra o Criciúma, e retornou para o departamento médico. Porém, ainda não está de todo afastado desta partida pois o atleta ainda vai se submeter a um teste final pouco antes de ela começar. O mesmo vai se dar com Edson Veneno. Já no ataque, face a suspensão de Lúcio Maranhão, com três cartões amarelos, Nedo Xavier decidiu fazer mistério sobre o companheiro de Rogério Maranhão porque vêm sendo testados os três atacantes que restam no elenco: Henry, Alexsandro e Roberto Jacaré. Pode voltar ao 3-5-2 Apesar de inúmeros problemas, principalmente na defesa,

o técnico alvinegro pode manter o esquema com três zagueiros (3-5-2). Neste caso as novidades seriam Irineu e Sílvio. A provável formação do ASA é com Gilson; Audálio, Irineu e Sílvio (Edson Veneno); Osmar, Cal, Valdívia (Lucas), Didira e Chiquinho Baiano; Rogério Maranhão e Henry (Alexsandro ou Roberto Jacaré). Se Xavier optar pelo 4-4-2, sai um dos zagueiros para a efetivação de Davi Ceará.

INGRESSOS A vendagem de ingressos para a partida contra o América-RN retornou às 9h desta sexta-feira, em Arapiraca. No estilo casadinha, que dá direito a ingresso extra na compra do primeiro, o bilhete para a arquibancada alta custa R$ 20 e a baixa sai por R$ 10. Além disso, mulher acompanhada vai ver esta partida de graça. Tudo isso em homenagem aos 60 anos do clube, a transcorrer na terçafeira da próxima semana.


16

24 a 30 de setembro de 2012

TUDO QUE HÁ! ANA MONTEIRO

anamonteiro@maceio40graus.com.br www.tudoqueha.com.br

O QUE HÁ!

BEIJOS DA ANINHA!

BEACH SOCCER! O executivo e também superintendente da seleção alagoana de Beach Soccer, Fabiano Siqueira da + soluções criativas, recebeu a imprensa na sextafeira, (22) para jantar de apresentação da seleção, que irá disputar o Brasileiro em novembro. Assessorando: Leonardo Moraes AP 401 VERÃO´ 13! Lucas Barros e a Família Mammoth convidam para um dia memorável. Na comemoração de um ano repleto de sucesso e lança nova coleção em clima de festa na Mammoth Store, dia,( 27). Informando e convidando: Lis Nunes... Merci!

>>> HOTELEIRO ! Depois de assumir grandes grifes da hotelaria catarinense como o Majestic Palace Hotel, Treze Tílias Park Hotel e o Praiatur. O respeitado Rodrigo Miranda é o novo geral do Hotel Internacional Gravatal

>>>QUERIDOS POR TODOS!A empresária e socialite Katherine Albuquerque, (Sêda Pura-Karakola) e seu amigo o famoso arquiteto Rodrigo Fagá

>>> BALADEIROS!A veterinária e empresária Amanda Leite, (Baru) e seu amado Rafael, (aniversariante do mês) em clima de copa do mundo no Recife. Adorooo os 2

>>> AMIGOS PARA SEMPRE! Um casal que adoroo, Manuilson Andrade e Eulália Moraes

MANEKA! Já tem data de lançamento do seu verão'13. Na próxima quinta-feira, (27), as empresárias e hermanas, Laís e Lara Amorim, recebem as lulu da seara. Merci pelo convite.

>>> VERT ROUGE VERÃO´13 ! Kelyana Soares veste modelito estampado de seda, coleção primavera- verão de sua griff de Aluguel, VERT et ROUGE

>>> PLANETA FASHION! André Fon comemorou em dobro o aniversário de seu programa e seu aniversário, semana que passou, sempre ao lado de seu fiél amigo e diretor, o Publisher Daniel Lessa

>>> Um dos mais novo Engenheiro Civil Carlos Eugênio, comemorou sua formatura ao lado dos primos Luciano, Lucio, Gunga (irmão) e Júnior. Parabéns!


A SEMANA