Page 1

CRIATIVIDADE de pesquisa, ensino e extensão PALAVRAScongresso HISTÓRIA

EXPERIÊNCIASNOVO

Conhecimento e Riquezas

COMUNICAÇÃO14 a 16 de outubro Câmpus Samambaia - UFG RECOMPENSA Goiânia - GO

INOVAÇÃO

POSSIBILIDADES AVANÇO CULTURA SOCIAL FUTURO IDEIAS PESQUISA

JUNTAR

TRABALHO

OBJETIVOS ESTUDO

GUIA DE SER TRANSFORMAÇÃO CAMINHOS MINICURSOS

CIÊNCIAINFINIDADE PROCURAR

TECNOLOGIATROCA

DOMÍNIO

PROGRESSO

TRANSMISSÃO EXPLORAR

DISCIPLINA MUNDO CONFIANÇA SOCIEDADE SABEDORIA

RESPEITO

REFERÊNCIA NOVIDADE RAZÃO


APRESENTAÇÃO O “Minicursos Conpeex 2013” é mais uma iniciativa da UFG de estreitar suas relações com a sociedade e faz parte das atividades do X CONGRESSO DE PESQUISA, ENSINO E EXTENSÃO – X CONPEEX. A inscrição nos minicursos é gratuita e aberta a toda comunidade. As vagas são prioritariamente destinadas às pessoas sem vínculo com a UFG e serão preenchidas por ordem de inscrição. As vagas não preenchidas pela comunidade externa serão disponibilizadas à comunidade acadêmica da UFG, por ordem de inscrição, até o limite de cada minicurso.

Inscrições exclusivamente pelo site de 12/09 a 30/09/13 A confirmação da inscrição será enviada por e-mail a partir do dia 07/10/2013. Todos os participantes receberão certificado, que será enviado eletronicamente para o e-mail cadastrado no ato da inscrição.

Contatos cursos.conpeex2013@gmail.com (62) 3521-1329 / (62) 3521-1239


LEGENDA EMAC Ginásio FEF ICB III Lab. EA/UFG Sala C

Escola de Música e Artes Cênicas Ginásio da Faculdade de Educação Física Instituto de Ciências Biológicas III Laboratório da Escola de Agronomia/UFG Sala do Centro de Aulas Caraíba

Confira a localização dos locais dos minicursos: www.issuu.com/ascommpp/docs/mapa

EMAC Ginásio FEF ICB III Lab. EA/UFG Sala C

(A1) (E8) (A16) Canto Inferior Esquerdo (D1)


SUMÁRIO Ações Integradas Educativas entre Academia, Serviço e a Comunidade como Estratégia para o Controle da Dengue............................................................................................................. 6 As Contribuições da Leitura para a Vida Prática: a Educação Financeira em Pauta.................... 7 Como Assistir um Filme?................................................................................................................. 8 Conceitos Atuais sobre os Adoçantes............................................................................................ 9 Conhecendo as Festas e Ritos do Candomblé.............................................................................. 10 Corporeidade e Imagem: o Corpo, História e Constituição........................................................ 11 Desenvolvimento de Novos Produtos com Frutos do Cerrado: Produção de Granola com Castanha de Baru e/ou Produção de Palitos Salgados Tipo Stiksy Sabor Pequi e Pimenta..... 12 Elaboração de Atividades para as Aulas de Espanhol: Explorando Aspectos Socioculturais no Âmbito do MERCOSUL..................................................................................... 13 Ensino de Libras (Língua Brasileira de Sinais).............................................................................. 14 Estratégias de Ensino de Português para Surdos........................................................................ 15 Guarda Responsável e Cuidados Básicos com Cães e Gatos....................................................... 16 Insetos Comestíveis – Segurança Alimentar e Conservação da Natureza no Século XXI......... 17 Laboratórios da História: Análise do Movimento e Imagem-Movimento no Estudo de Documentos e de Monumentos de Arte...................................................................................... 18 Leitura Crítica da Mídia................................................................................................................. 19 Matemática e Independência Financeira...................................................................................... 20 Museu Itinerante de Morfologia: Aprendizagem em Espaços Não-Formais de Educação como Fator de Inclusão Social e Alternativa Pedagógica para Discentes e Docentes.............. 21 Noções Estéticas de Fotografia Digital para Iniciantes............................................................... 22 O Desenho Infantil na Educação Escolar...................................................................................... 23 O Ensino Coletivo do Violino pelo Método Suzuki..................................................................... 24 Organização de Trabalho Acadêmico........................................................................................... 25 Primeiros Socorros e Prevenção de Acidentes............................................................................ 26 Sexualidade: Mitos e Verdades..................................................................................................... 27 Tecido Acrobático........................................................................................................................... 28 Vivências em Educação Musical.................................................................................................... 29


Ações Integradas Educativas entre Academia, Serviço e a Comunidade como Estratégia para o Controle da Dengue Prof.ª Ellen Synthia Fernandes de Oliveira Prof.ª Letícia Segurado Côrtes Terça-Feira (15/10) 14h às 18h Sala C-101 40 Vagas O minicurso tem o objetivo de repassar à comunidade informações importantes sobre a dengue, a fim de contribuir para a conscientização permanente quanto ao cuidado com o meio ambiente e a prevenção da doença. Este minicurso está vinculado ao Grupo Integrado de Ações contra Dengue da Universidade Federal de Goiás e conta com as parcerias dos serviços de saúde do Estado e do Município. O cronograma consta de parte teórica, a qual será composta por conceitos, epidemiologia, principais efeitos no organismo, nova classificação e prevenção, e de parte prática, na qual os participantes reconhecerão o vetor Aedes aegypti e as suas larvas e pupas. A expectativa portanto é a de aprendizagem sobre as principais características da dengue; conhecimento sobre como está a situação epidemiológica da doença no Estado de Goiás, sobretudo em Goiânia; e reconhecimento de larvas e do vetor Aedes aegypti.

6


As Contribuições da Leitura para a Vida Prática: a Educação Financeira em Pauta Prof. Leosmar Aparecido da Silva Quarta-Feira (16/10) 14h às 18h Sala C-105 30 Vagas Um dos problema que se originam e se desenvolvem ao longo da existência do ser humano é a (ina)habilidade de as pessoas de se relacionarem com aquilo que muitos consideram como “a mola que move o mundo”: o dinheiro. Partindo do princípio de que a leitura contribui para o desenvolvimento da criticidade, estarão mais bem preparados para as relações financeiras os indivíduos que estiverem munidos dessa criticidade e realmente dispostos a educarem-se financeiramente. Em vista dessas considerações, o objetivo deste minicurso é dar um tratamento específico à leitura, relacionando-a à educação financeira.

7


Como Assistir um Filme? Prof. Nildo Silva Viana Quarta-Feira (16/10) 14h às 18h Sala C-102 40 Vagas

8

Assistir um filme é um processo que muitos realizam mecanicamente ou de forma absorvente, o que impede uma percepção crítica do universo ficcional. Desta forma, compreender as formas de assistir filme e suas determinações é fundamental para que este processo passe a ocorrer de forma diferenciada, passando de uma posição contemplativa para uma posição crítica diante do filme. Isto tem um papel fundamental no sentido da formação do assistente, ou seja, daquele que assiste ao filme, pois permite compreender sua prática cotidiana e lhe alertar para a possibilidade uma outra prática, o que pode contribuir com o enriquecimento e autoformação dos indivíduos. O minicurso tem como objetivo realizar uma discussão sobre a prática de assistir filme, observando suas formas e determinações, para, num segundo momento, apresentar algumas indicações para uma nova forma de assistir filme, fundada numa percepção crítica do universo ficcional que se passa na tela, e apresentando um vídeo para exemplificar o processo de assistência crítica.


Conceitos Atuais sobre os Adoçantes Prof. Sinji Borges Ferreira Tauhata Prof.ª Estelamaris Tronco Monego Terça-Feira (15/10) 14h às 18h Sala C-106 40 Vagas A proposta deste minicurso pretende responder algumas questões básicas ligadas aos adoçantes, como: Qual escolher? Quais são seguros para pessoas diabéticas e quais não são? Todos contém zero calorias? Quais podem ser utilizados na culinária? Mulheres grávidas podem consumir adoçantes? E crianças? Adoçantes causam câncer? Estas e outras são questões frequentes feitas pela populacão em geral, mas que nem sempre são respondidas adequadamente pelos pares, o que pode causar a disseminação de conceitos errôneos. Assim, é importante que integrantes da academia façam essa interação com a comunidade para uma atualização sobre o tema.

9


Conhecendo as Festas e Ritos do Candomblé Prof. Alexandre Costa Prof. Mario Pires de Moraes-Junior Quarta-Feira (16/10) 14h às 18h Sala C-101 30 Vagas

10

O objetivo do minicurso é recobrar pesquisas de núcleos como o Núcleo de Estudos Críticos Aplicados ao Discurso Religioso (NOUS – UFG) e o Centro Interdisciplinar de Estudos África-Américas (CieAA – UEG), para tratar da ritualística do Candomblé Ketu a partir das suas festas públicas. As festas do Candomblé já foram descritas e analisadas por diversos pesquisadores, interessados especialmente na ritualística e na dança sagrada dos orixás. No minicurso será apresentada uma rápida discussão epistemológica referente a origem multidisciplinar desses estudos e, por meio de vídeos, serão analisados de forma coletiva toda a constituição mítico-narrativa, icônica e simbólica constituidoras dessas festas, como práticas religiosas imemoriáveis. Numa segunda fase haverá a presença de sacerdotes da religião (yalorixá, babalorixá) na posição de notórios saberes. Dessa forma pretende-se contribuir para a ressignificação da visão acerca das práticas religiosas de matriz africana, para a ampliação do conhecimento dessas práticas ainda marginalizadas e o despertar do interesse para as pesquisas de orientação étnica em todo seu escopo.


Corporeidade e Imagem: o Corpo, História e Constituição Prof. Roberto Borges Filho Terça-Feira (15/10) 14h às 18h Sala C-104 40 Vagas O minicurso objetiva desenvolver o tema da corporeidade em suas diversas vertentes: evolução e história dos conceitos relativos na idade antiga até a contemporânea; paradigmas e corpo; aspectos psíquicos e somáticos, do estatuto do objeto ao estatuto do sujeito; e diretrizes terapêuticas.

11


Desenvolvimento de Novos Produtos com Frutos do Cerrado: Produção de Granola com Castanha de Baru e/ou Produção de Palitos Salgados Tipo Stiksy Sabor Pequi e Pimenta Prof. Divino Ribeiro Machado Junior Prof.ª Ana Paula Silva Siqueira Terça-Feira (15/10) 14h às 16h Sala C-109 e Quarta-Feira (16/10) 14h às 16h Lab. EA/UFG 10 Vagas

12

O minicurso tem por objetivo proporcionar e desenvolver informações, noções básicas e interesse pela pesquisa, processamento e importância dos frutos do Cerrado. Em princípio, programa-se informar aos participantes o conteúdo de forma teórica apresentando conceitos, metodologias, estudos, pesquisas e tecnologias sobre o processamento de frutos do Cerrado. Em um segundo momento, programa-se colocar em prática o desenvolvimento em laboratório das formulações para produção de granola e/ou palitos salgados com pequi e pimenta.


Elaboração de Atividades para as Aulas de Espanhol: Explorando Aspectos Socioculturais no Âmbito do MERCOSUL Prof.ª Lucielena Mendonça de Lima Prof.ª Cleidimar Aparecida Mendonça e Silva Prof.ª Patrícia Roberta de Almeida Castro Machado Terça-Feira (15/10) 14h às 18h Sala C-103 40 Vagas Entendendo que os pilares que sustentam o MERCOSUL devem estar pautados também nos aspectos social, educativo e cultural que podem ajudar na construção de uma cidadania e de uma identidade sul americanas, neste minicurso serão apresentadas sugestões de conteúdos socioculturais, recursos materiais e estratégias que podem ser trabalhados nas aulas de espanhol; e também será realizada uma sessão de elaboração de atividades destinada a alunos e professores de espanhol explorando vídeos do YouTube e blogs.

13


Ensino de Libras (Língua Brasileira de Sinais) Prof.ª Renata Rodrigues de Oliveira Garcia Prof.ª Thaís Fleury Avelar Terça-Feira (15/10) 14h às 18h Sala C-101 40 Vagas

14

O minicurso tem como objetivo proporcionar aos alunos a prática de aprender em Libras e permitir a melhor interação entre pessoas surdas e ouvintes, nas escolas, entre professores e alunos surdos, e entre estes e seus colegas. Este ensino de Libras se destina a pessoas surdas ou ouvintes interessadas em aprender ou melhorar conhecimentos em Libras. Trata-se de uma proposta de aprendizagem da língua natural dos surdos a partir do conceito de língua como fator de cultura e identidade dos indivíduos; ou seja: o aluno aprende, entendendo os mecanismos de comunicação e interação que acontecem no mundo dos surdos e, por isso, tem uma apreensão maior e mais sólida dessa língua rica e complexa. O minicurso será organizado em conteúdos teóricos, com apresentação à Língua Brasileira de Sinais, quem são os surdos, os mitos sobre os surdos e sua língua, e cultura e literatura surda; e conteúdos práticos: datilologia (alfabeto), saudações, números, família e animais mais conhecidos, verbos básicos, diálogos simples, e expressões não-manuais.


Estratégias de Ensino de Português para Surdos Prof.ª Claudney Maria de Oliveira e Silva Segunda-Feira (14/10) 14h às 18h Sala C-106 20 Vagas A proposta é discutir e mostrar algumas estratégias de ensino de português para surdos baseadas em autores que apresentam estratégias de ensino de línguas que também são aplicáveis ao ensino de línguas para surdos. Utilizando uma metodologia teórico-prática, o minicurso tem como objetivos discutir, por meio de relatos de experiências, algumas questões relacionadas às práticas de ensino de português nas salas de aula e propor, com atividades em grupo, estratégias de ensino por meio de práticas de seleção, elaboração e produção de materiais. Esperando contribuir com a formação de professores que atuam no processo de desenvolvimento linguístico do aluno surdo, esse minicurso destina-se preferencialmente a professores que já trabalham com esse alunado.

15


Guarda Responsável e Cuidados Básicos com Cães e Gatos Prof.ª Kellen de Sousa Oliveira Segunda-Feira (14/10) 14h às 18h Sala C-101 40 Vagas O conceito de guarda responsável ainda é pouco difundido na população goianiense e, com isso, alguns proprietários de cães e gatos não realizam ações básicas que visam à saúde e o bem estar dos seus animais de companhia, como higiene, alimentação adequada, recolhimento de dejetos em vias públicas, controle de natalidade, entre outras ações. O curso tem por objetivo disponibilizar conhecimentos básicos sobre guarda responsável de animais de companhia, além de cuidados básicos para doenças que são facilmente evitadas com ações de sanitárias.

16


Insetos Comestíveis – Segurança Alimentar e Conservação da Natureza no Século XXI Prof.ª Magda Beatriz de Almeida Matteucci Terça-Feira (15/10) 14h às 18h Sala C-107 20 Vagas O consumo de insetos, ou entomofagia, está culturalmente inserido em muitas populações da mundo, estando mais de 1900 espécies relatadas como alimento. Essa prática contribui positivamente para o meio ambiente e para a saúde como ainda na conservação dos recursos naturais. O emprego de insetos na alimentação humana e como ração animal emerge como uma questão especialmente relevante no século XXI, tendo em vista o custo cada vez mais elevado da proteína animal, insegurança alimentar e alimentação, as pressões ambientais, o crescimento populacional e o aumento da demanda por proteínas entre as classes médias do planeta. Assim, soluções alternativas à pecuária convencional e fontes de alimentação precisam urgentemente ser encontradas. É este o contexto que o minicurso irá tratar.

17


Laboratórios da História: Análise do Movimento e Imagem-Movimento no Estudo de Documentos e de Monumentos de Arte Prof. Marcio Pizzarro Noronha Segunda-Feira (14/10) 14h às 18h Sala C-102 30 Vagas O minicurso tem como objeto o estudo de uma documentação visual e audiovisual de objetos culturais artísticos (monumentos de arte). Seu alvo, para o historiador das diferentes artes, é o aprendizado da identificação e da exploração, a partir da análise experimental, de objetos audiovisuais e performáticos, como eventos e espetáculos em artes cênicas (dança, teatro, dentre outros) e a revelação do caráter teórico e histórico destas produções artísticas. O programa do minicurso envolve análise do movimento; leitura visual-audiovisual dos objetos audiovisuais e performáticos; teoria interartes e suas aplicações ao campo de estudos de história plural das artes; e relações interartes no campo das artes cênicas e no estudo da dança.

18


Leitura Crítica da Mídia Prof.ª Gardene Leão de Castro Mendes Segunda-Feira (14/10) 14h às 18h Sala C-104 20 Vagas Tão importante quanto fazer a leitura crítica da mídia é conhecer um pouco mais sobre as condições de sua produção. Assim, podemse identificar as intenções de quem produz uma mensagem veiculada em qualquer tipo de meio de comunicação – revista, jornal, rádio, TV ou Internet. Este minicurso buscará colaborar para a formação de expectadores críticos quanto ao papel social da mídia. Serão analisadas as mensagens dos veículos tradicionais e as propostas de comunicação alternativa: fanzines, blogs, rádios comunitárias etc.

19


Matemática e Independência Financeira Prof. Geci José Pereira da Silva Segunda-Feira (14/10) 14h às 18h Sala C-107 40 Vagas

20

Neste minicurso serão abordados alguns tópicos da matemática financeira, priorizando o poder inacreditável dos juros compostos na busca da independência financeira. O brasileiro em geral não tem o hábito de poupar, segundo pesquisas apenas um em cada três poupa, seja em luz, água ou dinheiro – este último muito menos. Poucas famílias possuem, ao menos, uma reserva de emergência para os imprevistos. E das que possuem, apenas um percentual muito pequeno tem um estratégia de investimentos adequada. A maioria tem um comportamento que é chamado de “imediatista”, o que nos remete apenas às contas do mês. A grande desculpa é “vamos viver o agora”, “o futuro é imprevisível”, “sempre poderemos dar um jeitinho”. Portanto, é importante esclarecer que o ato de poupar sempre deve ter um objetivo, seja de curto, médio ou longo prazo, sendo o maior deles adquirir a nossa independência financeira. É nesse sentido que um bom conhecimento matemático poderá ajudarnos a atingir os objetivos.


Segunda-Feira (14/10) ou Terça-Feira (15/10) 19h às 22h Sala C-108 40 Vagas por turma

Museu Itinerante de Morfologia: Aprendizagem em Espaços Não-Formais de Educação como Fator de Inclusão Social e Alternativa Pedagógica para Discentes e Docentes Prof. Paulo Cesar Moreira, Prof. Júlio Roquete Cardoso, Prof. Edson José Benetti, Prof. Augusto Cesar Ribeiro Figueiredo Profª Pauline Junqueira Silva Andresen Strini

Neste minicurso serão realizadas apresentações multimídia monitoradas e exibição de peças anatômicas pertencentes ao museu do ICB/UFG, explanações sobre o Programa Museu Itinerante e seu atendimento a discentes e docentes, aprendizagem em ambientes museais, preparação de material didático e para coleções biológicas, órgãos e sistemas e suas interações, ressaltando o vocabulário científico. As apresentações serão conduzidas pelos acadêmicos monitores, sob a supervisão de um docente.

21


Noções Estéticas de Fotografia Digital para Iniciantes Prof.ª Marina Muniz Mendes Quarta-Feira (16/10) 14h às 18h Sala C-104 25 Vagas O minicurso tem como objetivo principal sensibilizar e desenvolver o olhar fotográfico para iniciantes. A cada ano são realizados mais de trinta bilhões de registros fotográficos em todo o mundo. Mas qual será a porcentagem de fotografias - tanto as como registros de acontecimento, quanto as para expressar sentimentos - com reflexão composicional antes do clique? Por trás de cada fotografia deve existir um motivo suficiente para justificá-la. O minicurso será iniciado com apresentação dos aspectos teóricos de composição, seguido de momento prático de saída fotográfica pelo Câmpus e posterior análise das fotografias. A intenção é ampliar as referências visuais, bem como apresentar noções estéticas utilizadas por fotógrafos ao longo desses quase dois séculos de escrita com a luz. É necessário aos participantes máquina digital amadora ou telefone celular com câmera e, caso possível, cabo de transferência de imagens.

22


O Desenho Infantil na Educação Escolar Prof.ª Sheila Daniela Medeiros dos Santos Terça-Feira (15/10) 14h às 18h Sala C-102 25 Vagas O minicurso objetiva conferir fundamentação teórica para desvendar as armadilhas de uma interpretação mecânica dos desenhos que faz desaparecer o sujeito que desenha, desconsiderando o seu contexto histórico e cultural, as suas intenções e as suas condições de produção; situar a discussão sobre a importância de conceber a palavra como mediação do desenho, uma vez que não são os traços impressos no papel, abertos a múltiplas interpretações, que possibilitam o conhecimento subjetivo da figuração da criança, mas é a palavra, em sua dimensão sígnica, que expressa as condições concretas de vida da criança e faz com que o desenho se transforme no contexto das relações sociais; circunscrever as bases epistemológicas que discutem o fato da criança atribuir significados às suas produções gráficas e negociar sentidos com o outro, devido as distintas possibilidades de interpretação que suscitam, o que a coloca em uma fecunda situação dialógica, marcando a sua existência no universo da linguagem e no processo de constituição da subjetividade humana face às dinâmicas simbólicas e sociais específicas.

23


O Ensino Coletivo do Violino pelo Método Suzuki Prof.ª Dulce Regina de Oliveira Terça-Feira (15/10) e Quarta-Feira (16/10) 14h às 16h EMAC Sala 28 20 Vagas A intenção do minicurso é de despertar o interesse de pais de alunos, estudantes e profissionais do ensino instrumental de cordas, especificamente violino, para a necessidade de formação no ensino coletivo deste instrumento, uma vez que esta é uma área carente de profissionais treinados em Goiás. Estes profissionais irão exercer um importante papel social de resgate da educação musical/instrumental no nosso Estado. A oferta do curso pela metodologia Suzuki se justifica por este ser um método de ensino coletivo do instrumento, surgido no Japão na década de 1950, adotado com muito sucesso nos EUA e Europa nos anos sessenta e trazido para o Brasil nos anos setenta. O ensino coletivo de música, desenvolvido através da musicalização (alfabetização musical), do ensino do canto e do ensino de instrumentos irá certamente auxiliar no preenchimento da demanda pela formação musical das crianças brasileiras.

24


Organização de Trabalho Acadêmico Prof.ª Luciana Candida da Silva Segunda-Feira (14/10) 14h às 18h Sala C-103 30 Vagas Este minicurso apresentará estilos de organização de trabalhos acadêmicos baseados nas normas definidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), com objetivo de orientar os participantes a estruturarem um trabalho acadêmico, citando e referenciando os autores de forma a preservar os direitos autorais. Para tanto, serão estudadas as normas de elaboração de referências bibliográficas, numeração progressiva de seções de um documento, elaboração de resumos, citações em documentos, artigos científicos e trabalhos acadêmicos.

25


Primeiros Socorros e Prevenção de Acidentes Prof.ª Giulena Rosa Leite Cardoso dos Anjos Quarta-Feira (16/10) 14h às 18h Sala C-103 35 Vagas O minicurso tratará das noções básicas sobre técnicas de primeiros socorros a serem aplicadas às vítimas em situações de emergência no local em que ocorreram ou se manifestaram, utilizando para isso equipamentos disponíveis no meio em que estão inseridos. A metodologia utilizada será teórica, por meio de aulas expositivodialogadas e dinâmicas em grupos que possibilitem uma interrelação reflexive e crítica entre o pensar, sentir e agir para o desenvolvimento de atividades de educação; e prática, com a divisão da turma em grupos, fazendo a simulação de eventos da realidade cotidiana.

26


Sexualidade: Mitos e Verdades Prof.ª Gláucia Maria Cavasin Prof.ª Fernanda Cristina A. Santos Prof.ª Walquiria Arruda Prof.ª Rosana Alves Borges Quarta-Feira (16/10) 14h às 18h ICB III - Sala 36 20 Vagas O minicurso faz parte de um projeto de extensão que já existe há 10 anos na Universidade Federal de Goiás. O objetivo é apresentar o sistema reprodutor feminino/masculino; discutir sobre higiene pessoal necessária à saúde do corpo; discorrer e exemplificar a respeito das mudanças físicas e psicológicas que ocorrem na adolescência; esclarecer mitos e tabus sobre sexualidade; apresentar as principais Doenças Sexualmente Transmissíveis, suas manifestações e consequências para o ser humano; demonstrar os métodos contraceptivos, discutir os mais indicados em cada período ou etapa da vida, pontos positivos e negativos de cada um. Esses são esclarecimentos que contribuem para melhor conhecimento intelectual, proporcionando saúde mental e corporal.

27


Tecido Acrobático Prof.ª Jaciara Oliveira Leite Prof.ª Priscilla de Cesaro Antunes Quarta-Feira (16/10) 14h às 18h Ginásio FEF 20 Vagas Este minicurso visa desenvolver experiências com a prática em tecido acrobático, por meio de apropriação e exploração de técnicas e criação artísticas. O tecido acrobático se constitui como um dos elementos do circo. Assim como as demais manifestações da arte circense - para citar algumas: trapézio, malabares, lira e monociclo – a acrobacia aérea em tecido apresenta uma vasta gama de possibilidades corporais e artísticas se consolidando como um elemento cultural. Neste sentido, o minicurso visa corroborar com a difusão da prática, ainda pouco popularizada, e demonstrar que pode ser realizada por quaisquer pessoas, independente de experiência prévia, idade ou de um padrão de corpo estereotipado. Para isso, a abordagem metodológica a ser desenvolvida mantém seu foco na expressividade, consciência e desafios corporais, buscando respeitar e valorizar as possibilidades de cada um e do grupo.

28


Vivências em Educação Musical Prof.ª Nilcéia Protásio Segunda-Feira (14/10) 14h às 18h Sala C-105 30 Vagas Visando promover vivências em educação musical, este minicurso pretende aproximar as pessoas das experiências musicais, utilizando corpo, voz e outros recursos, de forma que obtenham conhecimentos práticos referentes às metodologias ativas de ensino de música, a partir das abordagens de alguns educadores musicais do século XX, como Dalcroze, Orff, Kodály e Schafer. Como metodologia, o curso exporá um breve panorama focando aspectos básicos da metodologia de alguns educadores musicais, e uma parte prática, com propostas de execução e criação musicais, tendo como recurso algumas publicações da atualidade.

29


Apoio:

Realização:

Guia de Minicursos - X CONPEEX  

Guia de Minicursos - X CONPEEX (Conhecimento e Riquezas)

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you